Youkai

Youkai Roxane Norris




Resenhas - Youkai


11 encontrados | exibindo 1 a 11


Taby Igrejas 21/06/2013

Simples Leitora - http://simplesleitora.blogspot.com.br/
Anjos, demônios, Deus, Diabo e uma aposta. Heilel é um anjo da guarda de uma jovem chamada Hanya, por quem nutria um carinho especial. Sua função era acompanhar a alma da menina até que a hora dela chegasse. O problema é que ele é escolhido para assumir um importante cargo no Renkai, o plano de julgamento, onde ele teria de abdicar da proteção de Hanya... Durante o período de tempo em que ele se ausenta, Hanya sofre cada vez mais nas mãos de seu pai. Ela acaba extremamente vulnerável sem seu anjo, ela o enxergava como seu salvador, sua esperança... Miguel, o arcanjo, resolve contar-lhe que Heilel a abandonara, diante de tal tristeza e desespero, Hanya acaba cometendo suicídio.
E é aí que a história começa! ^^
Quando me deparei com Youkai pela primeira vez eu logo lembrei do anime InuYasha. (para quem não conhece se trata da história de um hanyou, metade humano e metade youkai, ou seja demônio.) Eu confesso que o título me deixou super curiosa e ao ler logo nas primeiras linhas palavras em japonês, (pois o livro faz algumas referências e tal) eu fiquei bem animada. Afinal, não é todo dia que se lê um livro assim. Como sou apaixonada pela cultura japonesa, principalmente os animes já era de se esperar que eu fosse gostar do livro...
Voltando a história, Heilel não aceita a forma como Hanya havia deixado a Terra, para protegê-la ele se sacrifica tornando-se assim um youkai, servindo ao diabo e sendo chamado agora de Akuma Akahana na Terra. Ainda que tenha entregado sua alma para salvá-la, Deus ainda confia em Akuma e acredita que ele possa fazer a escolha certa.
A princípio, ele vive como um humano e namora Carine, uma jovem que o faz lembrar muito de Hanya. Porém, mal sabe Akuma (ou Heilel) que Deus e diabo fizeram uma aposta envolvendo ele e a alma de Hanya.

Um pouco sobre os personagens:

"Heilel/Akuma — Vive o dilema entre o amor e suas obrigações ao lado de Deus. No mundo humano é o homem mais rico do Japão e um dos dez do mundo, possui vários tipos de investimentos, inclusive uma rede de hotéis e de clínicas de estética. Será obrigado a fazer uma escolha que determinará toda a história.
Miguel — O Miliciano, um anjo apegado aos princípios rígidos da doutrina Celeste. Sempre duvidou da lealdade de Heilel por conhecer suas fraquezas e enxergar seu segredo. Ainda assim, será obrigado a relevar essas circunstâncias que comprometem sua amizade com o Youkai.

Aine - A noiva de Akuma no mundo humano. Uma jovem manipulada por seu pai, um empresário japonês, sem caráter algum, que vê no noivo a única maneira de fugir do domínio do pai. Embora esteja completamente apaixonada pela ideia que faz do futuro marido, irá sofrer uma decepção muito forte.

Carine — Namorada de Akuma que trabalha num dos hotéis da rede do empresário. Possui uma mãe com saúde frágil, o que é o fator determinante para que eles se conheçam. Uma jovem bela, que despertará outras paixões."

Akuma se encontra com Aine, uma jovem menina de dezessete anos que também o faz lembrar de Hanya. Aine também sofre por culpa de seu pai, sendo tratada como um objeto para ser usado em seus negócios. Ela é prometida a Akuma desde seu nascimento e consequentemente sua noiva. Aine acredita que ele pode salvá-la, mas Akuma estabelece que mesmo casados eles teriam direito a se relacionar com outras pessoas, ou seja, o casamento arranjado entre os dois não seria baseado no amor. Akuma iria protegê-la para que ela não fosse usada e a menina poderia levar sua vida tranquilamente. No entanto, Aine se apaixona por Akuma e sofre muito com isso.
Akuma se recusa a se aproximar de Aine que julga apenas ser uma criança. É quando ele se vê diante do problema, Carine ou Aine? Uma delas é a reencarnação de Hanya. Mas qual?! Como fazer a escolha certa? Uma seria a salvação, a outra a perdição...

Leia a resenha completa no link: http://simplesleitora.blogspot.com.br/2013/06/resenha-youkai.html#more
comentários(0)comente



Deise 23/06/2013

Recomendo!
Gostaria primeiramente de definir o livro na seguinte palavra: perfeito!

Youkai conta a estória de Heiliel, um anjo da guarda que tem como missão proteger uma garota chamada Hanya. Mas por força maior, se vê obrigado por Deus a assumir o cargo mais alto de Renkai (mundo espiritual), para isso terá que abandonar as atividades. Decidido seguir a ordem do senhor, volta a Terra para dar o ultimo adeus à garota com que ele tinha criado um vínculo. Só que na sua ausência a pobre garota, comete o ato mais grave do mundo espiritual o suicídio.
Então Heiliel em um ato de desespero por não ter conseguido cumprir a promessa que fez a pobre alma, toma uma decisão de entregar a sua alma ao diabo em troca dela e com isso desceria a Terra como uma Youkai. (É um termo associado principalmente com criaturas folclóricas japonesas e fantasmas, uma criatura sobrenatural que serve os dois mundos)

Heiliel na Terra é conhecido com Akuma, um grande empresário e cirurgião, vive um pouco longe da influência do Diabo, optando por ser demônio, mas ele também agir a mando de Deus, o seu papel é retirar a vida de seres que o Diabo concebia com as humanas.

“O bem e o mal habita todos, cabe a cada um decidir que caminho seguir...’’

Aine é uma menina de dezessete anos, que foi prometida a Akuma desde o seu nascimento. Tem um temperamento forte, suporta agressões físicas e psicologias do seu genitor com a única desculpa de que tudo é para o bem da família.

Carine é uma camareira de um dos hotéis de Akuma. Quando ele a vê pela primeira vez reconhece nela a Hanya. Uma mulher simples, não entende o que seu chefe quer, em pouco tempo acaba se apaixonando por esse ser enigmático.

Miguel também é um arcanjo, nunca acreditou na lealdade de Heiliel a Deus. Irá a Terra como professor substituto de história na escola de Aine, com o objetivo de se aproximar dela.

Akuma assume o casamento com Aine, sente que o seu papel é proteger ela do pai (um ser que só pensa em tirar vantagem de tudo), propõe uma única cláusula no casamento, eles não irão ter relações sexuais o casamento seria só no papel.

“Era intenso, era único. Era somente ele que a fazia sentir assim. Ela já estava perdida mesmo porque não, um pouco mais?”

Ele passa por altos e baixos momentos com o decorrer da estória, fazendo refletir em quem pode confiar e onde está a sua fé, se vê perdido entre a razão e sentimento humano. Sabe o que sente por Aine é completamente diferente do que sente por Carine, mas para ele Aine é só uma menina.

Em vários momentos tive acesso de raiva, principalmente pelas escolhas erradas de Akuma ou pela falta de atenção nas pistas que eram deixadas.

Apesar de muitos leitores afirmarem que livros sobre anjos está saturado, Youkai é uma exceção. O livro vai muito além sobre anjos, demônio e Deus, é uma trama de amor impossível entre seres que não deveriam manter contato, um amor que contagia. Para quem gosta de livros sobre anjos e demônios eu indico!

Uma leitura gostosa do inicio ao fim, impossível de largar, com uma pitada de erotismo nada clichê e sim instigante. A narrativa é maravilhosa, simples e fluida! Os diálogos e as cenas não são fracos. A estória contém cenas de romance, sofrimento, paixão, ação e drama. E o que dizer do final surpreendente? Pode ser lido por todas as idades!

Percebesse com a escritora estudou e pesquisou sobre a mitologia japonesa, tomou cuidado em não deixar a narrativa superficial, teve a preocupação em muitos momentos em citar e explicar algumas cenas. Umas das coisas que mais chamou atenção é que Roxane não deixou nenhuma ponta solta na estória.

Posso dizer que Youkai faz parte da pequena categoria que com certeza terei o prazer de reler. Recomendo a leitura e digo mais, que não ler estará perdendo a oportunidade de apreciar uma grande obra. Conheça os segredos de Akuma e se apaixone por ele também!

Roxane arrasou em mais uma das suas obras! Uma excelente escritora sem sombra de dúvida! Youkai merece cinco estrelas sem questionamento!
comentários(0)comente



Diana Canaverde 28/02/2014

Youkai é uma entidade japonesa geralmente representada por animais, demoníaca, e que atua junto aos seres humanos.

Pela sinopse já dá para perceber que o livro já seria tenso, imagine só Deus e Lúcifer envolvidos numa aposta, por causa de um Youkai, com certeza ele deve ser muito importante para que os dois estejam tão envolvidos nessa barganha e foi exatamente por isso que me interessei pela história.

-Aconteceu o que tinha que acontecer - sentenciou Deus em sua voz calma e quente. - o bem e o mal habita todos, cabe a cada um decidir que caminho seguir. No caso de Akuma, essa sentença é mais do que uma mera questão de espírito. Lúcifer apostou alto no rapaz - houve uma pausa breve e Deus completou: E eu também.

Esse livro conta a história de Heiliel um anjo que é escolhido por Deus para assumir um cargo de alta confiança, porém ele está em dúvida se deve aceitar esse alto escalão ou proteger uma humana de alma suicida na terra a qual ele adquiriu uma afeição mais forte. Logo se vê que Heiliel toma a sua decisão entregando a sua alma no lugar de Hanya, um amor que ele teve na terra, tudo para salvá-la.

Após sua alma ser entregue a Lúcifer, Heiliel desse a terra a serviço dele em um cargo de extrema confiança, mas com o nome de Akuma, um homem sério, honesto e de coração bom. Akuma passa anos e anos a serviço de Lúcifer. Após a alma de Hanya ser salva ela reencarna na terra e desde então Akuma a procura a fim de encontrá-la e viver a sua história de amor.

Antes de assumir um compromisso de casamento Akuma conhece Carine, uma mulher de olhos esverdeados que chama a sua atenção na hora. Akuma reconhece um pouco de Hanya nela e tenta se aproximar de todas as formas com aquele seu jeito sério e sedutor. Eles meio que se envolvem, pois Akuma busca encontrar Hanya cada vez mais na personalidade de Carine, que é uma mulher simples, com uma mãe adoentada e que trabalha em uma das redes de hotéis dele, isso mesmo ele é o chefe dela.

Os dedos dele enterrados em seus cabelos, a bandeja que foi ao chão espatifando louças, seus braços ao redor do corpo dele ainda fresco e nada mais fazia sentido em sua mente. Entregou-se ao calor do beijo, a exigência da língua masculina.... Ao domínio que ele tinha sobre si.

Mesmo com esse "relacionamento" com Carine Akuma viaja para assumir seu compromisso de casamento com Aine, uma menina temperamental, sofredora e de personalidade forte. Quando Akuma a conhece fica meio intrigado, mas esse compromisso que ele assume é para tirá-la das mãos do pai dela um tiramo que a usa para finalizar bons negócios (se é que vocês me entendem). Aine se sente apaixonada por ele, pois o esperou desde que se entende por gente. Depositou toda a sua liberdade daquela vida infeliz com esse casamento e no final das contas descobriu que tudo não era como ela imaginara. Akuma tinha um contrato onde dizia que seriam casados somente no papel, mas que não teriam nenhum contato físico e aquilo despedaçou o coração da menina.

Akuma estava com seu "relacionamento" com Carine cada vez mais intenso, ele sempre encontrava Hanya nos olhos dela. Seus sentimentos estavam crescendo porque ele considerava que a alma de sua amada estava com Carine. Só que ele não sabia que a partir do momento que seu rival Miguel começa a rondar Aine algo desperta dentro dele e os olhos chocolate de Aine começa a povoar o seu pensamento com mais frequência.

Ela deitou em sua cama, fitando o teto. Revivendo as cenas do jantar, o gosto dele...Revirando-se no lençol sem conseguir dormir.

Essa história tem de tudo, desde amor, ódio, fraquezas, ciúmes, cobiça, mentira, sensualidade e uma mistura de sentimentos e sensações. Lúcifer tenta a todo custo trazer Akuma para o inferno para toda eternidade e sempre arma algumas armadilhas para pegá-lo. Em contrapartida Deus está de olho e de certa forma tenta não deixar que Akuma caia dessa forma.

O que eu posso falar desse livro? Foi tudo de bom lê-lo. Eu adorei a forma de escrita de Roxane autora parceira aqui do blog, com detalhes bons sem exageros. Personagens bem construídos. Uma fórmula sem explicação de me prender de uma forma nessa leitura que simplesmente eu não conseguia parar. Como ela conseguiu isso? Eu não sei. O que eu sei que foi uma história de anjos e demônios diferente de tudo que já li. Acho que a mistura que ela utilizou da mitologia japonesa foi o ingrediente necessário para fazer a minha mente viajar e imaginar todo o cenário proposto por ela. com requinte e simplicidade.

Eu favoritei esse livro no skoob porque realmente é um livro que mexeu comigo e como eu o li através de um book tour, pretendo comprá-lo ainda, porque simplesmente quero ele junto com os meus outros bebês. Eu me apaixonei pelo o Akuma é um personagem de coração bom, honesto, cheio de marra, sério e complicado, tudo que gosto e um pouco mais. Ele é envolvente e nos prende em querer saber mais da história só para saber mais e muito mais. Eu gostei de Aine. Ela é uma menina que sofre desde de muito cedo, porque seu pai a usa para fins comerciais, na verdade abusa dela com os seus sócios e aquilo me corta o coração ainda mais porque Akuma a trata como se fosse uma filha e uma menina mimada, sem saber que por ele, ela tem um sentimento de mulher.

Eu recomendo para quem gosta de histórias de anjos e demônios. Eu recomendo para quem gosta de uma escrita peculiar e saborosa de ler. Eu super recomendo a leitura de Youkai. Eu quero agradecer a Roxane por ceder esse livro no book tour e por escrever essa obra maravilhosa.

Eu gostei da capa, o rosto de Akuma (acredito que seja dele) é bem retratado e confesso que imaginei ele várias vezes durante a minha leitura hihihi. A diagramação é bem feita, tão bem feita que confesso que sentir dificuldade de manejar o livro para leitura. As vezes era difícil até abrir, mas posso dizer que nada disso foi empecilho para a leitura que amei demais. Esse foi o motivo de ter dado nota 4 no skoob, porque no momento da resenha temos que classificar ao todo pelo menos eu sou assim. As folhas são amareladas e o tamanho da fonte adequada para a leitura.

-Isso quer dizer que está aqui resolvendo um assunto sem ajuda dele - era um escárnio arrastado. - Nunca pensei que você burlasse as regras, Miguel.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



"Ana Paula" 28/10/2013

Em Youkai, conhecemos Heilel / Akuma, que antes de tudo, é um anjo. Heilel é o anjo da guarda de Hanya, uma humana por quem ele nutre mais do que sentimentos de proteção, Heilel se apaixonou, mas foi obrigado a deixá-la sob os cuidados do Arcanjo Miguel, pois Heilel foi promovido a um importante cargo no Renkai, o plano de julgamento. Nesta sua ausência, Hanya sofre muito com seu pai e acredita que foi abandonada pelo anjo que ama, assim, o destino de Hanya foi traçado, ela se mata, desejando o fim de sua dor.

"Um anjho não deve se envolver emocionalmente com mortais... Humanos não devem ver anjos ou demônios. Entretanto, as correntes do destino se movem independentes da vontade de ambos..."

Mas Heilel faz o possível para continuar progendo essa alma. Ele abre mão do seu posto de anjo para poder dar paz à alma de Hanya, agora Heilel é Akuma, um *Youkai, um demônio, braço direito do Diabo. Milênios se passam, e Akuma está na terra, trabalhando contra e a favor do Diabo (vcs vão entender quando lerem o livro!), mas algo acontece! Uma aposta entre Deus e o Diabo, coloca Hanya novamente em seu caminho. Uma reencarnação que pode trazer a redenção a ambos, ou o inferno na terra.... Quem vencerá essa aposta?

"O corpo do oitavo envolvido por asas pretas, corrompido pelo ar quente e ocre do inferno. Inferno ao qual um anjo se remetera... Os chocolates em sua mente, ele cerrou os azuis. Quando voltasse a abri-los, veria o mundo com os olhos de um demônio."

Sinceramente? Eu li 4 resenhas deste livro antes de fazer a minha. Todas, sem exeção, acharam o livro maravilhoso. Mas eu não consigo entender porque eu não gostei tanto assim! A premissa do livro é ótima! Uma história onde Deus e o Diabo fazem um pacto e no centro disso tudo, um anjo e uma humana.... A cultura japonesa misturada ao enredo do livro também captou minha atenção, mas não rolou, faltou química sabe? Algumas partes da história eu não consegui entender, as vezes tinha que voltar um pouco a leitura pois me perdia facilmente. A descrição dos personagens pela cor dos olhos também não ajudou muito, Akuma e Miguel tem os mesmos olhos azuis, só que um é moreno e o outro loiro, ambos tem papel fundamental na história e as vezes eu não conseguia distinguir um do outro.

A narrativa é em terceira pessoa, e eu achei isso maravilhoso pois podemos acompanhar todos os personagens, seus pensamentos e atitudes. A diagramação é simples, com um bom espaçamento que nos permite ler por mais tempo sem cansar a vista. As folhas amarelas também ajudam muito! A capa é linda, identifica bem o conteúdo do livro. Mas os erros de revisão estavam ali para acabar com a festa. Palavras cortadas, sem espaçamento, frases sem sentido... Nada muito sério, mas que também prejudicam um pouco a história. A autora criou um cenário memorável. Usou de todas as pesquisas e definições possíveis para criar os personagens e os lugares onde os mesmos habitam. Devo confessar que amei mesmo a ideia do livro!

"-Algumas vezes, as palavras e os desígnios divinos não nos ficam muito claros - ponderou Gabriel. - Todavia, os erros que cometemos no passado não devem ser repetidos no futuro, devemos encontrar cura e aprendizado."

Este é o primeiro livro que leio da autora, a Gessica já resenhou Volkodlák aqui no blog e gostou muito. Foi isso o que me incentivou a entrar para o book tour de Youkai, mas não consegui me apegar à história. Ainda estou tentando achar um sentido que me fizesse gostar um pouco mais do livro, porque eu sou do contra heim? rsrsrsrsrsrsrsr
Minhas opniões a parte, leia você e tire suas próprias conclusões. A história é muito boa, fiquei viajando nos diálogos com Deus e o Diabo, imaginem a cena! Incrível mesmo! Também sofri muito com esse romance entre Akuma e Hanya.... poderia um amor impossível tornar-se possível? Descubra lendo Youkai!


* É um termo associado principalmente com criaturas folclóricas japonesas e fantasmas. O termo também pode aplicar amplamente a qualquer ser sobrenatural ou lenda, de qualquer cultura. No caso de Akuma, ele é uma criatura sobrenatural que serve a dois mundos, gosta do convívio com os humanos e vive muito tempo. Nem sempre é bom, tampouco mal. Essa duplicidade interferiu na escolha desse nome para o título. - Nota da autora.

site: www.livrosdeelite.blogspot.com
comentários(0)comente



Luiza Cintra 03/06/2013

Vocês vão amar!!!! (Compre este livro em promoção clicando aqui: http://tinyurl.com/l974awd - por tempo limitado!)
Resenha Postada em: http://www.everylittlebook.com.br/2013/05/resenha-youkai-roxane-norris.html

Youkai, segundo romance da nossa diva Roxane Norris, conta a história de Heiliel, um anjo da guarda que têm uma escolha difícil em suas mãos. Pelas armadilhas do destino (ou não) ele se vê obrigado a escolher entre assumir o mais alto cargo do Renkai (mundo espiritual - o plano do julgamento) e abandonar o seu trabalho na Terra, ou ir contra a vontade de Deus e proteger a alma de uma jovem humana suicida, a quem ele tinha a incumbência de proteger e acabou criando um forte vínculo. Com isso, ele entregaria a sua alma ao Diabo (em troca da dela) e desceria à Terra como um Youkai.

A escolha de Heiliel é obvia e ele passa a viver na Terra chamando-se Akuma.

Através dos séculos, Akuma vive a serviço do Diabo, em seu mais alto cargo de confiança, mas o seu coração é bom e puro e, por isso, ambos, Diabo e Deus, sabem o valor que ele tem.

A aposta entre os dois surge quando a alma de Hanya, a humana por quem Akuma (Heiliel) se sacrificou, reencarna. Ela é e sempre foi o seu grande amor, e o anjo não vê a hora de encontrá-la para, enfim, viver essa paixão. Porém, duas jovens cruzam o seu caminho e Heiliel não sabe qual das duas é verdadeiramente Hanya.

É aí que está a grande jogada. Uma o levará ao céu e a outra ao inferno. A aposta entre Deus e Diabo e quem decidirá quem vence é o nosso anjo, ao fazer a sua escolha.

Carine é uma camareira, de um dos hotéis de Akuma (que com o tempo tornou-se um riquíssimo empresário) e, logo que a vê pela primeira vez, ele reconhece nela muito de Hanya. Fica encantado pela menina, e, ao conhecê-la melhor, se encanta ainda mais.

Certo de que Carine é Hanya, ele acaba se envolvendo mais e mais, até que chega o dia em que deve honrar o compromisso que esteve firmado há anos. Assim, conhece Aine, uma linda moça a quem está prometido em casamento desde o seu nascimento, compromisso este que é importante para manter a sua identidade como um mortal e membro da sociedade japonesa.

Aine é uma adorável menina, que rapidamente desperta a sua compaixão. Mesmo estando prometida a Akuma desde seu nascimento, seu pai não perde a oportunidade de usá-la em seus negócios, forçando a menina a "agradar" seus sócios e enfatizando o tempo todo que é obrigação dela ajudar nos negócios da família. Pobre garota. De tanto sofrer, depositou em seu prometido todas as esperanças de se libertar de tal tirania, porém, tamanha foi a sua decepção ao conhecer seu noivo.

A principal cláusula no seu contrato de casamento é que ele jamais a tocaria, seria um casamento apenas no papel.

Mas Aine mexe com o coração de nosso anjo e, mesmo achando que Carine é Hanya, ele não consegue tirar sua noiva do pensamento. E não sabe o quê fazer. Principalmente quando esbarra com um certo anjo, seu rival desde os tempos divinos. Akuma não sabe por que ele está na no plano terrestre e sente que algo está errado quando descobre que seu rival está rondando Aine...
Uma história de amor, ódio, perdão, anjos, demônios, uma escolha que pode mudar tudo. Céu, inferno, Terra. E um anjo pelo qual é impossível não se apaixonar...


Não é surpresa para ninguém a minha admiração pela Roxane (Roxy). Comecei ler Youkai com muita expectativa. E, fico feliz em dizer que, mais uma vez nossa ídola não nos decepcionou.

Nunca tinha lido nada sobre mitologia japonesa, e achei tudo tão mágico. A descrição dos anjos, os nomes, a língua, tudo. Fui atrás e pesquisei mais sobre os termos, deuses, lendas, e me encantei ainda mais. Pensei logo: como eu nunca tinha lido nada desse tema? É tão, mas tão legal!

Mesmo com estruturas menos complexas do que seus outros romances, não espere algo simples dessa autora. O requinte pode ser visto em cada parte de sua escrita, com descrições impecáveis e personagens excelentemente construídos. Sem falar na narrativa completamente envolvente. Quando você percebe, já leu dezenas de páginas. Certamente é um livro muito fácil de ser lido e, num piscar de olhos, já está se deixando levar por esse lindo romance...

"A corda dourada da túnica do anjo brilhou fortemente tomando a forma de uma lança.
– Eu não sou algo que possa ser derrotado ou ignorado. Meus desígnios estão acima dos seus... – desdenhou o anjo caído ao se voltar para os turquesas. – Afinal, sem negação, não há no que se acreditar. Eu sou a antítese, para que se faça a tese. Eu sou a escuridão para que a luz possa iluminar o caminho... Se o mal não existir, não pode haver o bem. "

Heiliel/Akuma é daqueles personagens encantadores. Dá a sua alma em troca de seu grande amor e passa a servir ao Diabo, mesmo tendo Deus em seu coração... Não há como não se encantar. Um Youkai, habitante do plano terrestre, que possui um coração puro e com muito amor para dar. Turrão, teimoso e um pouco orgulhoso? Sim. Mas, hey, nem os anjos são perfeitos...

Carine é uma moça simples, que se vê completamente apaixonada pelo seu chefe, bem mais velho que ela. Mesmo não conseguindo ficar longe de Akuma, ela sente em seu coração que ele não está completo. E, pela grande diferença de classes sociais, teme pelo futuro desse amor. Encantadora, adorável, e, para mim, uma das personagens mais enigmáticas da história.

"– Você é eficiente – brincou quando ela se sentou ao seu lado.
– Só quando tenho interesse. – Fechou a porta e ele arrancou com a Ferrari. – Como adivinhou que amo praia?
– Você trabalha para mim, esqueceu-se? – Os azuis registraram cada parte do corpo dela por trás das lentes escuras. Estava perfeita.
– Não – ela retrucou firme. – E isso está me assustando...
– O quê? – Voltou os azuis para a estrada. – O fato de que por isso, eu sei quase tudo sobre você, ou de estar saindo comigo? – Ela riu. – Você é sempre direto assim? – Ele segurou o volante com uma das mãos e baixou os óculos, encarando-a sério: – Não, só quando tenho interesse. "

Aine. Impossível não se apaixonar por essa menina. Uma jovem frágil, usada e abusada pelo seu pai, que a utiliza em seus negócios e que se apaixona por Akuma antes mesmo de conhecê-lo. Ela sofre, como sofre essa garota! Senti muita pena, e a cada vez que nosso anjo a magoava, eu tinha vontade de jogar o meu tablet na parede gritando "seu idiotaaaaaaa!!!Não faz isso com a menina!!!". Nossa torci por ela como há muito tempo não torcia por um personagem.

Roxy como sempre você arrasou! Diferentemente dos seus outros romances, este não é de época, porém em nenhum momento deixou de transparecer a sua escrita peculiar. Muito bem desenvolvido, esta história está aí para mostrar que um livro young adult não precisa ser clichê e pode sim surpreender desde o começo!

"Era a primeira vez que sentia os toques dele sobre sua pele. Os carinhos dos beijos, a quentura do corpo, o amor. Seus dedos dedilhavam sobre seus músculos, caminhos. Redemoinhos de luxúria. Subia e descia sobre o corpo dele, rebolava lasciva, gemia seu nome baixo. Sussurrando prazer em seu ouvido. Amava-o como nunca amaria ninguém. O cheiro de polo em tudo, embolando-se com o dela, tornando-se um só. Permitia-se dominar e ser dominada. Era santa e pura... Era o demônio em forma de gente. Os azuis ardiam sob seus chocolates entregues. Arranhava-lhe o peito; ele a sorvia no bico dos seios túrgidos. Preenchia-a de si, saboreava a presença dele como a do ar, para alguém enfermo que o tragava com dificuldade. Jamais outro homem a tivera sim, tão sua. Jamais outra alma aprisionara a sua com a dela. Estava plena e feliz. Era completamente dela. "

Youkai é um livro que te prende do início ao fim. Quando começa a ler, você não consegue parar. Uma história mágica, repleta de muito amor, sofrimento e paixão.

Apenas se deixe levar... E você vai se apaixonar.

"Deus não era físico, nunca fora. Deus era alma. Deus era a essência de tudo que existia na Terra. Bom ou mal, e Miguel tinha consciência disso, sempre tivera. Se ele criara o mundo, criara os males, os defeitos... A bondade, a harmonia... O desejo e luxúria. Deus era o início, o meio e o fim. "

Entrevista com a Roxane Norris sobre Youkai: http://www.everylittlebook.com.br/2013/06/entrevista-roxane-norris.html
comentários(0)comente



Lala 05/08/2013

Amor Eterno por Youkai <3
Quando li a sinopse já fiquei pensando ‘uma aposta entre Deus e o Diabo, isso vai ser incrível’... normalmente eu odeio ler livros onde já começo com uma expectativa lá em cima, mas com a Roxane eu não tive esse receio, eu sabia que seria bom e que iria ser surpreendida de qualquer forma. E mais uma vez ela não me decepcionou, o livro tem uma quantidade absurda de detalhes e uma trama que é impossível não se apaixonar.

Heilel/Akuma é um anjo da guarda, que recebe a incumbência de cuidar da Hanya, uma pobre mortal que sofre nas mãos do pai, mas então ele recebe um outro serviço no céu, assume o mais alto cargo no Reikai (mundo espiritual japonês) e deixa Hanya aos cuidados de Miguel, quando Heilei percebe, Hanya já está se suicidando. E ele se sente culpado, não quer que a alma de sua protegida vá para as mãos do diabo, então oferece sua própria alma para salvar Hanya, desiste de ser anjo, de habitar o Reikai, e vai para o inferno, trabalhar para o diabo. Tudo isso aconteceu na era Yamato, que é considerado no Japão a época entre os anos 300 e 710.

Então passamos para os dias atuais, onde acompanhamos Akuma, que se tornou proprietário de vários centros de estética e hotéis, um homem rico e poderoso, que trabalha para o diabo mas ainda carrega no coração a pureza dos céus, Akuma prometeu se casar com Aine, como um compromisso entre as famílias anos atrás, para ele seria apenas mais um compromisso que teve ao longos de tantos anos vivendo como humano, mas com Aine é diferente. Ao mesmo tempo Akuma conhece Carine, camareira de um dos seus hotéis, que imediatamente o encanta e começam a se relacionar.

No meio dessa confusão toda aparece Miguel, complicando tudo ainda mais, Akuma sabe que a alma de Hanya reencarnou, mas em quem? As duas o lembram Hanya, e Akuma deve decidir qual das duas escolherá, uma delas é o seu caminho para o céu, a outra para o inferno. E agora Akuma?

Entendem como é impossível não se apaixonar pela trama? Adoro mitologia, mas nunca tinha lido nenhum livro de mitologia japonesa, fiquei fascinada.

Os personagens são sem duvida o ponto forte do livro, para mim um personagem precisa ser real, sabe quando você lê sobre um personagem e consegue pensar nele como alguém real? Ele não é perfeito, tem defeitos, tem um passado, tem uma razão para a sua forma de ser, eu fecho os olhos e consigo ver Akuma na minha frente, consigo ver Miguel, Aine e Carine. Quantos livros você já leu e conseguiu isso? Eu posso afirmar que eu consegui poucas vezes...


"Um anjo não deve ser envolver emocionalmente com mortais... Humanos não devem ver anjos ou demônios. Entretanto, as correntes do destino se movem independentes da vontade de ambos..."


Akuma é um Youkai, um anjo caído que trabalha para o diabo, mas o diabo não dominou o seu coração, o coração de Akuma ainda é puro e fiel a Deus, por isso o seu alto valor para ambos, Deus e diabo. O Akuma para mim é encantador, charmoso, um anjo com pegada badboy, eu não resisto. Ele tem uma personalidade bem complexas, com atitudes que pendem tanto para o céu como pra o inferno. Mas quem não tem?

Carine é uma boa moça, trabalhadora, vive para cuidar de sua mãe doente, e logo se apaixona pelo seu chefe, um homem anos mais velho (ela nem faz ideia do quão mais velho ele é!) e muito mais rico que ela, uma relação sem duvida complicada, mas que para Carine vale a pena o risco, apesar dela não se sentir completa ainda. Carine talvez seja a personagem menos ‘real’ para mim.

Já Aine é um encanto. Uma menina que deveria ser inocente, mas que pela maldade do seu pai termina acreditando que ninguém é capaz de ama-la, que todos irão abandona-la um dia. Isso não a impede de se apaixonar pelo Akuma antes mesmo de conhece-lo, para ela Akuma é a sua tabua de salvação, é quem vai salva-la das mãos do pai. Me apaixonei pela Aine, mesmo quando ela fazia besteiras eu ainda assim a defendia, e assim como a Luiza mencionou na resenha dela, parava a leitura para querer bater no Akuma por ser um idiota com ela.

Outro personagem que me encantou foi o Miguel. Morri de rir com o anjo, também morri de raiva dele varias vezes. O anjo é um idiota. Maaaas lá pelo final também acabei me apaixonando por ele. Sem duvidas ele é um charmoso e lindo. E não nego que tenho uma paixão nada secreta por badboys, como não se apaixonar pelo Miguel? Com aquele sorrisinho convencido que na minha cabeça ele sempre tem no rosto.


“Os lábios dela abriram-se levemente, o ar quente de sua respiração batia contra seu rosto claro, contudo, toda expressão do louro estava centrada em seus olhos. Os chocolates que seduziam, sentara na cama e encaixara-se em seu colo, deliciando-se de seu feito. O grande guerreiro de Deus rendia-se aos seus caprichos. Beijava-lhe o pescoço, erguendo seus cabelos pretos enquanto retirava-lhe a blusa, desvendando o tórax em músculos definidos aos seus olhos vorazes. Olhos pretos de luxúria.”


As vezes eu imagino como seria entrar na cabeça da Roxy, gente, como ela consegue? Quando li Immortales há quase um ano atrás, virei fã incondicional da autora e ainda assim ela me surpreende com a sua escrita bem desenvolvida e cativante, a pesquisa por trás do livro não existe igual! Da pra notar a atenção com os detalhes e o carinho com o leitor, isso por si só já me conquista.

Além disso Youkai é um romance young adult que foge do convencional, surpreende e cativa. Quando peguei para ler só larguei quando acabei. O livro te prende de um jeito característico da autora.

Mais uma vez parabéns pelo livro incrível. Merece continuação né? Sei que você já disse que não, mas não custa falar que se você escrever eu irei ler!

Indico para todos! Se você gosta de romance, ação, suspense, momentos hot, mitologia, você irá gostar de Youkai!


“– Esse é apenas o começo do jogo.– E você está trapaceando – Sorriu-lhe Deus. 
Ele ergueu uma taça e rubra em sua direção e brindou.
– Sempre...”


site: http://www.everylittlebook.com.br/2013/06/resenha-youkai-roxane-norris.html
comentários(0)comente



Way to Happines 11/03/2014

[Resenha] Youkai - Roxane Norris (por Lígia Colares)
O que eu posso dizer? Esse livro me dificultou a vida! Haha!
Para os poucos que acompanham minhas resenhas e meus desabafos no twitter, sabem que eu não gosto muito nem de livros de romance, e muito menos com triângulos amorosos... Além disso, tenho minhas ressalvas com anjos e demônios... Então, o que faço de mim quando começo a ler Youkai, a junção entre esses temas? Haha!

Eu fiquei preocupada, tentei ler o livro da forma mais profissional possível, esquecer todos os meus preconceitos... E de toda essa concentração sai uma leitora satisfeita, pois Roxane soube abordar anjos e demônios de uma forma diferente, porque eu demorei muito para descobrir com quem Akuma devia ficar... E porque Deus e o Diabo são os melhores personagens secundários! Haha!

Heilel é um anjo da guarda que acaba se apegando por sua protegida, uma alma suicida... Por conta de assuntos a resolver no céu, se ausenta da terra, e acaba se culpando com os acontecimentos que se sucederam com ela... A culpa, e os sentimentos que o envolviam, acabam fazendo-o tomar uma decisão difícil, para se redimir do erro que achava ter cometido... Muitos anos depois, agora conhecido como Akuma e vivendo na terra como um Youkai, se vê envolvido em uma aposta entre o Deus e o Diabo que envolve não só ele, mas também a alma que tanto quis proteger e seu irmão Miguel.

A história ocorre de forma rápida! A dúvida do Akuma envolve o leitor, o jogo de Deus e Diabo está em todos os lugares, mas nunca se sabe aonde ele vai levar! Roxane adiciona a cultura japonesa - incluindo o título - em conceitos ocidentais, e aproveita todas as ferramentas que tem para escrever uma história envolvente!

E tenho que dizer que Roxane tem uma particularidade na escrita muito interessante! Mesmo descrevendo todos os personagens fisicamente, os sentimentos são definidos pelos olhos deles, ou seja, são chocolates molhados (olhos morenos chorando) ou azuis curiosos... De início, pela falta de hábito, me confundi toda, mas quando entendi como funcionava achei fantástico! Demonstramos tanto pelos olhos, porque os personagens também não poderiam? Tanto é que o Akuma é todo lindo, mas o que eu mais lembro são de seus lindos olhos azuis, que escureciam quando estava com raiva!

Eu indico a leitura, não só para quem gosta do estilo, mas para todos que tiverem a oportunidade de ler! A visão de Roxane sobre anjos e demônios, e suas concepções de Deus e Diabo podem te levar a reflexões!

site: http://way-2happiness.blogspot.com.br/2013/07/resenha-youkai-roxane-norris.html
comentários(0)comente



Arca Literária 26/08/2014

Por Tábata Igrejas Machado resenhista do site Simples Leitora

Anjos, demônios, Deus, Diabo e uma aposta. Heilel é um anjo da guarda de uma jovem chamada Hanya, por quem nutria um carinho especial. Sua função era acompanhar a alma da menina até que a hora dela chegasse. O problema é que ele é escolhido para assumir um importante cargo no Renkai, o plano de julgamento, onde ele teria de abdicar da proteção de Hanya… Durante o período de tempo em que ele se ausenta, Hanya sofre cada vez mais nas mãos de seu pai. Ela acaba extremamente vulnerável sem seu anjo, ela o enxergava como seu salvador, sua esperança… Miguel, o arcanjo, resolve contar-lhe que Heilel a abandonara, diante de tal tristeza e desespero, Hanya acaba cometendo suicídio.

E é aí que a história começa! ^^

Quando me deparei com Youkai pela primeira vez eu logo lembrei do anime InuYasha. (para quem não conhece se trata da história de umhanyou, metade humano e metade youkai, ou seja demônio.) Eu confesso que o título me deixou super curiosa e ao ler logo nas primeiras linhas palavras em japonês, (pois o livro faz algumas referências e tal) eu fiquei bem animada. Afinal, não é todo dia que se lê um livro assim. Como sou apaixonada pela cultura japonesa, principalmente os animes já era de se esperar que eu fosse gostar do livro…

Voltando a história, Heilel não aceita a forma como Hanya havia deixado a Terra, para protegê-la ele se sacrifica tornando-se assim um youkai, servindo ao diabo e sendo chamado agora de Akuma Akahana na Terra. Ainda que tenha entregado sua alma para salvá-la, Deus ainda confia em Akuma e acredita que ele possa fazer a escolha certa.

A princípio, ele vive como um humano e namora Carine, uma jovem que o faz lembrar muito de Hanya. Porém, mal sabe Akuma (ou Heilel) que Deus e diabo fizeram uma aposta envolvendo ele e a alma de Hanya.

Um pouco sobre os personagens:

“Heilel/Akuma — Vive o dilema entre o amor e suas obrigações ao lado de Deus. No mundo humano é o homem mais rico do Japão e um dos dez do mundo, possui vários tipos de investimentos, inclusive uma rede de hotéis e de clínicas de estética. Será obrigado a fazer uma escolha que determinará toda a história.

Miguel — O Miliciano, um anjo apegado aos princípios rígidos da doutrina Celeste. Sempre duvidou da lealdade de Heilel por conhecer suas fraquezas e enxergar seu segredo. Ainda assim, será obrigado a relevar essas circunstâncias que comprometem sua amizade com o Youkai.

Aine – A noiva de Akuma no mundo humano. Uma jovem manipulada por seu pai, um empresário japonês, sem caráter algum, que vê no noivo a única maneira de fugir do domínio do pai. Embora esteja completamente apaixonada pela ideia que faz do futuro marido, irá sofrer uma decepção muito forte.

Carine — Namorada de Akuma que trabalha num dos hotéis da rede do empresário. Possui uma mãe com saúde frágil, o que é o fator determinante para que eles se conheçam. Uma jovem bela, que despertará outras paixões.”

Akuma se encontra com Aine, uma jovem menina de dezessete anos que também o faz lembrar de Hanya. Aine também sofre por culpa de seu pai, sendo tratada como um objeto para ser usado em seus negócios. Ela é prometida a Akuma desde seu nascimento e consequentemente sua noiva. Aine acredita que ele pode salvá-la, mas Akuma estabelece que mesmo casados eles teriam direito a se relacionar com outras pessoas, ou seja, o casamento arranjado entre os dois não seria baseado no amor. Akuma iria protegê-la para que ela não fosse usada e a menina poderia levar sua vida tranquilamente. No entanto, Aine se apaixona por Akuma e sofre muito com isso.

Akuma se recusa a se aproximar de Aine que julga apenas ser uma criança. É quando ele se vê diante do problema, Carine ou Aine? Uma delas é a reencarnação de Hanya. Mas qual?! Como fazer a escolha certa? Uma seria a salvação, a outra a perdição…

Ele se recusa a aceitar qualquer sentimento que tenha por Aine. Mas como evitar, quando ela lembra tanto Hanya? Eu fiquei extremamente irritada com o triângulo amoroso: Akuma, Carine e Aine. Eu me irrito muito com essas coisas, pois acho impossível alguém amar igualmente duas pessoas… Se você amasse de verdade a primeira, não teria uma segunda opção, certo? Ou, você gosta apenas de uma… Ou, na verdade, não gosta de nenhuma.

E aí eu queria socar Akuma e gritar com ele! Visto que tal coisa é impossível, eu ficava extremamente irritada! Sabe aquela coisa de torcer para um dos lados? (Igual em crepúsculo, quando as fãs se dividiam Team Edward e Team Jacob) Bem, eu levantei a bandeirinha Aine desde o começo. Carine não me cativou, achei ela simples, não via nada de especial nela… Aine, era uma personagem complexa com vários problemas, e o que ao meu ver, era muito mais interessante… É nesse ponto do livro, com Akuma indeciso que eu fiquei com muita raiva. Eu só pensava: Dá pra largar essa Carine logo de uma vez por todas?! Dane-se que a Aine tem dezessete anos de idade!!! Pelo amor de Deus!

(Ufa! Desabafei aqui!!! >.

site: www.arcaliteraria.com.br
comentários(0)comente



ELB 18/05/2014

Every Little Book
“– Esse é apenas o começo do jogo.– E você está trapaceando – Sorriu-lhe Deus. 
Ele ergueu uma taça e rubra em sua direção e brindou.
– Sempre...”

Como um dos nossos livros favoritos, temos duas resenhas no blog.

Postada pela Luiza:
http://www.everylittlebook.com.br/2013/05/resenha-youkai-roxane-norris.html

Postada pela Lala:
http://www.everylittlebook.com.br/2013/06/resenha-youkai-roxane-norris.html

site: http://www.everylittlebook.com.br
comentários(0)comente



Lígia Colares 30/01/2017

Resenha de Youkai
O que eu posso dizer? Esse livro me dificultou a vida! Haha!
Para os poucos que acompanham minhas resenhas e meus desabafos no twitter, sabem que eu não gosto muito nem de livros de romance, e muito menos com triângulos amorosos… Além disso, tenho minhas ressalvas com anjos e demônios… Então, o que faço de mim quando começo a ler Youkai, a junção entre esses temas? Haha!

Eu fiquei preocupada, tentei ler o livro da forma mais profissional possível, esquecer todos os meus preconceitos… E de toda essa concentração sai uma leitora satisfeita, pois Roxane soube abordar anjos e demônios de uma forma diferente, porque eu demorei muito para descobrir com quem Akuma devia ficar… E porque Deus e o Diabo são os melhores personagens secundários! Haha!

Heilel é um anjo da guarda que acaba se apegando por sua protegida, uma alma suicida… Por conta de assuntos a resolver no céu, se ausenta da terra, e acaba se culpando com os acontecimentos que se sucederam com ela… A culpa, e os sentimentos que o envolviam, acabam fazendo-o tomar uma decisão difícil, para se redimir do erro que achava ter cometido… Muitos anos depois, agora conhecido como Akuma e vivendo na terra como um Youkai, se vê envolvido em uma aposta entre o Deus e o Diabo que envolve não só ele, mas também a alma que tanto quis proteger e seu irmão Miguel.

A história ocorre de forma rápida! A dúvida do Akuma envolve o leitor, o jogo de Deus e Diabo está em todos os lugares, mas nunca se sabe aonde ele vai levar! Roxane adiciona a cultura japonesa – incluindo o título – em conceitos ocidentais, e aproveita todas as ferramentas que tem para escrever uma história envolvente!

E tenho que dizer que Roxane tem uma particularidade na escrita muito interessante! Mesmo descrevendo todos os personagens fisicamente, os sentimentos são definidos pelos olhos deles, ou seja, são chocolates molhados (olhos morenos chorando) ou azuis curiosos… De início, pela falta de hábito, me confundi toda, mas quando entendi como funcionava achei fantástico! Demonstramos tanto pelos olhos, porque os personagens também não poderiam? Tanto é que o Akuma é todo lindo, mas o que eu mais lembro são de seus lindos olhos azuis, que escureciam quando estava com raiva!

Eu indico a leitura, não só para quem gosta do estilo, mas para todos que tiverem a oportunidade de ler! A visão de Roxane sobre anjos e demônios, e suas concepções de Deus e Diabo podem te levar a reflexões!
comentários(0)comente



11 encontrados | exibindo 1 a 11