O Aprendiz do Ladrão de Túmulos

O Aprendiz do Ladrão de Túmulos Allan Stratton




Resenhas - O Aprendiz do Ladrão de Túmulos


4 encontrados | exibindo 1 a 4


spoiler visualizar
comentários(0)comente



Flávia Charlene 13/09/2013

O aprendiz do ladrão de túmulos – Allan Stratton
“Tenho negócios a tratar com o Necromante. É melhor me deixar em paz ou nos veremos diante dos portões do inferno”
O aprendiz do ladrão de túmulos – Allan Stratton
Raramente leio literatura jovem, lembro que último lido foi da autora Talita Rebouças, um livro interessante, diga-se de passagem, emprestado por minha mais velha e melhor amiga. Não importa a classificação do livro, sempre se aprende algo com ele, seja ele romance ou terror, adulto ou infantil. Sempre se aprende, nos livros infanto juvenis quando se é adolescente, nossa imaginação que está tendo uma vida própria ganha elementos melhores, quando somos crianças e alguém lê estes livros para nós, ganhamos um poder para brincadeiras insuperáveis, acredito que seja este o fato, porque sempre tive brincadeiras estranhas e divertidas – não, ninguém dedicou um tempo lendo para está que vós escreve - porém estes livros que tanto nos aguçam nossa imaginação estiveram ao meu alcance.
Em O aprendiz do ladrão de túmulos, os personagens são instigantes, corajosos, espertos, fortes e dedicados. A história é imprevisível, menos o final, porém o que seria de um bom final sem um meio fantástico?
E o que Allan Stratton nos proporciona diante de seu magnífico livro, é encantador, linguagem fácil e encantadora a descrição dos personagens é clássica, a imaginação toma conta, é o necessário quando entramos neste mundo cheio de fantasias e desafios.
Uma família de arquiduque, um rei usurpador de trono além de assassino, um eremita, um Necromante, um rei lobo e a gangue dos malvados fazem com que um jovem casal – ela pequena condessa e ele um pobre ladrão - enfrentem problemas que a imaginação deles mesmos desconhece. É um livro instigador para qualquer mente, da primeira linha até o penúltimo parágrafo.
Receio que uma mera resenha seja difícil de mostrar a qualidade do livro.
“O passado é um cemitério de segredos, onde verdades se transformam em lendas”
O aprendiz do ladrão de túmulos – Allan Stratton



site: http://flaviacharlene.wordpress.com/
comentários(0)comente



AndyinhA 14/07/2013

Trecho de resenha do blog MON PETIT POISON

Mais um livro infanto-juvenil e infelizmente mais um livro que não atendeu as minhas expectativas. Talvez eu tenha esperado demais ou talvez a história não tenha funcionado desde o começo e só percebi quando se tornou tarde demais. Mas ‘O Aprendiz do Ladrão de Túmulos’ nem chega perto de ser daqueles que nadam, nadam e morrem na praia, acho que esse morreu assim que caiu no mar.

A história se passa em um reino distante e já tem toda aquela vibe de aventura na Idade Média; princesas, reis, conspirações e traições por causa da coroa. Como não se empolgar? Todo mundo adora uma boa intriga, mas aqui tudo que poderia despertar o leitor para ficar vidrado do início ao fim, simplesmente assume algo para ler e deixar para lá.

A história não emplaca, os personagens não ganham destaque e até as conspirações são mornas, foi uma leitura arrastada e difícil, a toda hora o sentimento de ‘deixa isso para lá’ crescia. Tudo parece uma grande colcha de retalhos. Pegue todas as informações e jogue em um caldeirão e vai sair algo – que na maioria das vezes não devemos ler, mas teremos algo – e isso é o que temos aqui. Um monte de tudo e ao mesmo tempo nada que individualmente nos agrade.

Para saber mais, acesse:

site: http://www.monpetitpoison.com/2013/04/poison-books-o-aprendiz-do-ladrao-de.html
comentários(0)comente



naniedias 06/04/2013

[Review in Portuguese]


O Aprendiz do Ladrão de Túmulos, de Allan Stratton
Planeta - 300 páginas
João e Ângela Gabriela vivem uma aventura sem igual - com direito a muito perigo e recompensas impagáveis.


Título: O Aprendiz do Ladrão de Túmulos
Título Original: The Grave Robber's Apprentice
Autor: Allan Stratton
Tradutora: Lívia Almedary
Editora: Planeta
ISBN: 978-85-422-0077-5
Ano da Edição: 2013
Ano Original de Lançamento: 2012
Nº de Páginas: 300
Comprar Online:
Inglês: Amazon / Book Depository
Português: Cultura / Saraiva



Sinopse:
Knobbe era um ladrão de túmulos - esse era o jeito não-tão-honesto pelo qual ganhava a vida. Um dia, logo após uma grande tempestade - ele foi verificar se encontrava algum corpo na costa do qual pudesse roubar objetos preciosos. Mas a única coisa que ele encontrou foi um baú - que estava recheado com um bebê!
A princípio, o ladrão de túmulos pensa em deixar a criança para trás, mas depois percebe que seria uma boa ideia criá-la.
O menino recebe o nome de João e é criado por Knobbe.

Quando já tem treze anos, João se vê envolvido com Ângela Gabriela em uma aventura cujo objetivo é salvar os pais da menina. Eles só não imaginavam a quantidade de problemas que ganhariam com isso e nem poderiam sonhar com todas as recompensas que viriam depois.


O que eu achei do livro:
Fraco.

Sou uma grande fã de infanto-juvenis, mas nem sempre os livros voltados para esse público conseguem me cativar. Infelizmente, esse foi o caso de O Aprendiz do Ladrão de Túmulos.

A narrativa de Allan Stratton é estranha e bastante confusa. Eu não consegui acompanhar muito bem a evolução da história contada pelo autor - achei tudo um tanto desconexo.
Os personagens são interessantes, mas pouco caracterizados - havia tanto a se falar de cada um deles.
Mesmo sabendo que o livro é voltado para um público mais jovem e, portanto, precisa mesmo de poucas descrições e mais ação, acho que o autor deveria ter explorado um pouco mais não apenas seus protagonistas mas também o universo no qual eles estavam inseridos.

Por outro lado, fica evidente o quanto Stratton é criativo. Embora o autor não se aprofunde - o que realmente me deixou insatisfeita - ele mostra que a imaginação é o seu forte. Durante a trama há situações engraçadas, de dar medo e até mesmo de tirar o fôlego com cenas de ações bem empolgantes.

De maneira geral, o livro é divertido e certamente irá encantar as crianças. Todavia, os adultos que se aventurarem nas linhas escritas por Allan Stratton irão sentir falta daquele algo a mais que faz com que livros infanto-juvenis encantem pessoas de todas as idades.


Nota: 4



Leia mais resenhas no blog Nanie's World: www.naniesworld.com
comentários(0)comente



4 encontrados | exibindo 1 a 4