Carmilla

Carmilla Sheridan Le Fanu




Resenhas - Carmilla


48 encontrados | exibindo 16 a 31
1 | 2 | 3 | 4


Erika Toretto 08/12/2020

Precursor das Fanfics
Achei um bem gostoso de ler, são só 90 páginas. Termina bem amarradinho e desenhadinho. Legal ver que essa história de vampira vem antes de Dracula, e Stoker fingia que não conhecia rs
comentários(0)comente



clara 22/12/2020

gostei, não fazia ideia que essa foi a primeira história sobre vampiros, e apesar de ser bem antiga é legal
comentários(0)comente



Marcelo 29/10/2020

Um clássico não tão importante
Carmilla trata sobre uma menina que, após receber uma visita desconhecida em casa, passa a sofrer de uma doença que lhe deixa fraca e com pesadelos.
É incrível o quanto Drácula pegou emprestado desse livro, não das regras do vampiro em si, mas da própria história. É sempre bom ler os clássicos e esse estabelece muitos dos traços desse tipo de conto.
Mas o mais importante é que esse livro justificou Stephenie Meyer. Temos aqui um vampiro clássico que pode sair no sol.
comentários(0)comente



atumalaca 03/12/2020

atencao
gente que delicia esta vampira com os dentoes cravados no meu peito
comentários(0)comente



Rafaela B 08/01/2010

Vampiros à moda antiga
Não lia um livro assim desde Drácula! Muito bom, a única coisa ruim é ser muito pequeno (apenas 127). É uma história envolvente e ousada para sua época, com uma vampira linda e sedutora que anda durante o dia, tem a pele rosada e uma queda por sua anfitriã.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Prof. Edivaldo 24/06/2016

Carmilla... mistério
Quando li O Conde Drácula, de Bram Stoker, um amigo me falou do livro Carmilla que, na verdade, foi o precursor das histórias de vampiro. A narrativa de Carmilla é impregnada de cenas de mistérios que, aos poucos vai se tornando óbvias ao leitor atento. É uma história narrada em primeira pessoa, uma jovem que mora em um castelo. Muito bom.
comentários(0)comente



Scariot 16/01/2019

Clássico gótico
Uma das inspirações para Bram Stoker criar Drácula, Carmilla foi escrita 25 anos antes do vampiro mais famoso de todos. Trás uma nova ideia do mito vampiro, que é incorporada até hoje. Trouxe também a figura da vampira que seduz suas presas a noite com sua beleza. Não vou mentir que é meio previsível, mas mais devido a época que estamos hoje e por ter visto muito desse tipo de história, mas é uma obra fascinante. Um grande clássico da literatura gótica e do terror.
comentários(0)comente



Tai/@criptadaleitura 18/11/2018

Devido ser praticamente o primeiro livro de vampiros escrito, como nós os conhecemos (pois foi escrito 25 anos antes de Dracula), não vai trazer nada de novo que nós já não tenhamos visto em vários filmes e livros, mas é interessante a leitura justamente para sabermos como começou essa mitológia. Mesmo sendo uma obra clássica a escrita é simples e fácil de entender, recomendo para todos os fãs do gênero.
comentários(0)comente



Na Literatura Selvagem 31/10/2017

╬† Carmilla, a obra clássica de Sheridan le Fannu ╬†
Lançada em 1872, Carmilla é uma obra escrita por Sheridan le Fanu e através de uma narrativa em primeira pessoa, conhecemos a história da mulher que dá nome ao livro. Laura é uma jovem que habita a Estíria e através do seu relato nos conta como conheceu a misteriosa Carmilla e todos os acontecimentos estranhos que se sucederam após a estadia dela no castelo de seu pai.

Laura não tem muito contato com o mundo pois mora apenas com seu pai e alguns empregados do castelo, sua mãe morreu quando ela era criança e quando a jovem de beleza estonteante surge numa curva da estrada, após um acidente com a carruagem em que viajava com a mãe, ela se sente afortunada por sua nova companhia...

leia mais em

site: https://torporniilista.blogspot.com.br/2017/10/carmilla-obra-classica-de-sheridan-le.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Claylson 14/02/2021

Condessa vampira
Carmilla é uma jovem lésbica, isso não era bem visto no século XIX, então ela é retratada como um vampiro, um ser que faz alusão ao demônio.
Sinceramente, como a Laura não percebeu algo de errado, uma pessoa que já apareceu em um "sonho" onde você é atacada, na sua casa tem uma pintura de uns cem anos igualzinha a ela com o nome Mircalla, já sei vamos ser amigas. Afinal, quem era a mulher que estava cuidando da Carmilla? Ao que tudo indica ela estava ajudando a vampira a muito tempo, por quê?
Finalmente uma explicação sobre a origem dos vampiros. Quando pessoa mais ou menos perversa, comete suicídio em determinadas situações (não é falado quais são), ela vira um vampiro.
comentários(0)comente



Dose Literária 12/12/2013

Antes de Drácula veio... Carmilla
Carmilla do escritor irlandês Joseph Sheridan Le Fanu é um livro daqueles, para se ler numa sentada só. Ele é curto, basicamente um conto longo de terror gótico, mas nem por isso é evasivo ou que deixe a desejar.
Li esse livro há um bom tempo. Na época me interessei muito pela história. Primeiro, porque de acordo com o que eu soube pela net, esse foi um dos livros que serviu de inspiração a Bram Stoker na elaboração do Drácula e em segundo porque aqui temos uma vampira mulher, num livro clássico e isso pra mim foi bem novo já que até então eu só lera histórias de vampiros com protagonistas homens.
A história é narrada por Laura uma jovem que mora com seu pai em um castelo na Estíria. Ela conta acontecimentos que ocorreram a partir do dia em que conheceu uma garota misteriosa chamada Carmilla, que ficou como hóspede em sua casa devido a um acidente com sua carruagem. Por alguma razão Laura recorda da jovem moça desconhecida de algum lugar e só com o decorrer da história ela vai lembrar de onde.... Continue lendo em http://www.doseliteraria.com.br/2013/12/antes-de-dracula-veiocarmilla.html
comentários(0)comente



lordlopes07 12/09/2020

Maravilhoso!
O livro tem uma história muito boa de duas jovens moças uma se chama Laura e a outra Carmilla. Vale apena lê-lo (quem se interessar por literatura gótica e quer conhecer um dos maiores clássicos que deu a origem de Drácula).
comentários(0)comente



Sabão 25/09/2020

A arte da atração te seduz, e domina, embriaga!
"Você tem toda a razão em me perguntar isso, ou qualquer outra coisa. Você não sabe como é querida para mim, ou não acharia que qualquer tipo de confiança seria demais para pedir. Mas estou sob juramento, e não ouso contar minha história ainda, nem mesmo para você. O momento em que você saberá de tudo está muito próximo. Você vai me achar cruel e egoista, mas o amor é sempre egoista; quanto mais ardente, mais egoista. Você não pode fazer ideia de como sou ciumenta. Você deve ficar comigo, me amando, até a morte; ou me odiar e mesmo assim ficar comigo, e me odiar através da morte e além. Não existe uma palavra como "indiferença" na minha natureza apática." Carmilla.
*
Trecho tirado do livro.
comentários(0)comente



48 encontrados | exibindo 16 a 31
1 | 2 | 3 | 4