O Poder

O Poder L. J. Smith




Resenhas - O Poder


16 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Matheus 29/06/2013

Eu gostei muito desse livro, pra quem me conhece,sabe que eu gosto muito dessa série e foi incrivel quando eu vi ele na livraria,logo eu não esperei por comprar e ler ele o quanto antes,
O que eu tenho pra falar sobre o livro é que ele é bom,a unica critica em relação a estória é sobre o desfecho do livro,eu achei um desfecho muito cru para ser exato,a L J Smith poderia ter escrito algo melhor e mais emocionante,
A historia retorna no exato fim do segundo livro,com a faey contando tudo para a diana sobre o relacionamento de cassie e adam,todo o livro se passa em torno da volta dos mortos de Black Jhon e os integrantes do coven em busca de algo de poder tão grande que possa derrotar black jhon e manda lo de volta ao mundo dos mortos,
Uma outro coisa que eu to gostando bastante nos livros dessa série,é que eles não estão sendo tão arrastado quanto outros livros que ja li dessa escritora,tendo como exemplo a série diarios do vampiro da qual eu também gosto bastante,
Outro ponto positivo,em especial neste terceiro volume,é que a escritora deu um tempinho nesse romance entre o Adam e a Cassie,nesse livro ela explora o lado romantico e sentimental do nick em relação a cassie,apesar dela continuar se sentido "ligada" ao Adam,
Quatro estrelas é a minha nota,justamente pela falta de um final digno a esse livro e para aqueles que tiverem alguma noticia sobre o quarto livro me avisem,ja estou ancioso para ler o há de acontecer em New Salem.
Igor 31/07/2013minha estante
saudades da série!!!!


Duds 05/09/2013minha estante
Se eu não me engano, essa trilogia tem uma outra trilogia como continuação (ela está escrevendo o 3º livro da mesma), mas ninguém sabe se vai ser lançado no Brasil.
Deve ter sido por isso esse final "cru".


Humb 03/10/2013minha estante
O Poder é o final oficial. A "continuação" da série foi escrita por um escritor-fantasma, já que a Lisa perdeu os direitos autorais sobre a série Círculo Secreto.
Segue a mesma linha da série Diários do Vampiro: O Retorno.




Dri 24/10/2013

Me pareceu um típico final de novela...
Essas e outras resenhas no blog: http://livrosleituraseleitores.blogspot.com.br

Nesta resenha contem observações dos livros anteriores: Círculo Secreto – A Iniciação e Círculo Secreto – A Prisioneira.


No final de "A Prisioneira", Cassie chantageada por Faye, ajudou que a mesma fosse a líder do Coven. E com esta liderança Faye está mais do que nunca, pronta para fazer tudo que quiser.

Faye que não liga para os sentimentos de ninguém, acaba tentando destruir tudo, contando para Diana que Cassie e Adam a traíram, mas isso, é contado na frente de todos e agora o coven inteiro sabe o que aconteceu.
Apesar da bagunça que Faye causou, o grupo se uni mais, exceto por ela mesma. Faye ao contrário de todos está mais distante do que nunca. E isso não é bom.


"Mas pelo andar da carruagem, todos podemos estar mortos antes que a hora perfeita chegue."


A avó de Cassie, disse antes de morrer, que para derrotar a força maligna, todos teriam que ficar juntos.

Agora, não há apenas uma força maligna, John está em uma forma humana, o que pode dificultar muito mais a situação do coven.


"Com sua visão interior, Cassie viu que o circulo fazia parte de algo maior, como uma espiral que tudo continha, eterna, tocando as estrelas."


Eu terminei o segundo livro, muito curiosa para ler o terceiro, apesar de já imaginar o que poderia acontecer, queria me surpreender com algum fato inusitado, mas isso não aconteceu.

O que posso dizer, é que o fechamento desta trilogia, me pareceu um típico final de novela.


"Ela sentiu que ele ficou assustado, e de imediato sentiu a surpresa sendo substituída por algo mais profundo e mais doce. Ela o sentiu retribuir o beijo."


A forma como Diana aceita a traição de Adam e Cassie, é muito simples, para não dizer.

Eu esperava algo mais, uma final melhor, detalhando mais cada um do coven, o livro é bom, e o final é o que deve ser, mas considerando o final do segundo livro, poderia ser melhor.
comentários(0)comente

Humb 08/11/2013minha estante
Acho que foi pior que final de novelas. O último episódio delas tem muito mais ação que o final desse livro.

O que me deixou mais frustrado foi como o vilão foi derrotado. A autora construiu um Black Jhon poderoso, capaz de destruir alguns membros do coven anterior e é derrotado por um grupo de adolescentes com apenas um golpe? #FailFailFail

Fora a explicação para as mortes. Contradiz o primeiro livro! Será que só eu percebi isso?




CooltureNews 15/08/2013

Coolture News
A série de televisão terminou faz algum tempo, mas não ficamos órfãos dessa história, afinal a Galera Record está fazendo um ótimo trabalho ao trazer os livros de Circulo Secreto ao Brasil. E com essa leitura percebi que finalmente estou conseguindo me desvencilhar da história narrada pela série daquela dos livros, e olha que têm muita diferença, e se no inicio achei que a série era até melhor, hoje dou o braço a torcer e digo que os livros estão ótimos.

Em O Poder temos uma história mais madura e graças a Deus a autora conseguiu deixar de lado as questões adolescentes que permearam os primeiros livros e focou na história, apresentando um vilão vindo de fora do circulo e respostas para muitas perguntas dos primeiros volumes.

A narrativa continua rápido e fácil, mas acho que seria melhor se fosse em primeira pessoa. Os personagens secundários tiveram um pouco mais de destaque, o que é difícil afinal são 12 membros do circulo ou clube. Mas achei que tudo foi contado de forma um pouco rápida, e acho que isso é um problema que tenho com os livros da autora, já disse em uma das resenhas que fiz, não me recordo qual, que não gosto da forma como os livros terminam e começam a sequencia por ser simplesmente em um momento que poderia ser um ápice ou o término de um capítulo. Mas apesar deste se iniciar desta forma, o final foi realmente bom e encerrou de forma satisfatória, agora estou em dúvidas se essa série é somente uma trilogia ou se posso considerar esses três volumes como uma primeira parte da história, gostaria de pensar que a resposta seja a segunda opção.

Enfim, é um dos melhores livros da série e aconselho a leitura para quem gosta de romances sobrenaturais mesmo que isso não tenha grande destaque, e para todos que já iniciaram a leitura da série.

site: www.coolturenews.com.br
comentários(0)comente



spoiler visualizar
Humb 03/10/2013minha estante
Concordo.
No geral, o livro foi razoável e o final, fraco.
Eu esperava mais ação e mais magia, ainda mais com o aparecimento de Portia e seus irmãos.
A tal batalha contra Black Jhon foi muito "Super Xuxa contra o Baixo Astral".


Carolina Durães 03/10/2013minha estante
Oi Humb. Pois é, foi fraco demais. O chato é que fiquei na expectativa e quando o livro foi lançado me decepcionei mesmo.




Jéssica 05/07/2013

Black John está mais perto do que nunca. Depois de ter sua energia libertada do crânio de cristal e de retornar do mundo dos mortos, tudo que mais deseja é reunir o coven de bruxos e bruxas que há muitas décadas lhe foi prometido. Para isso, tomou a forma humana e prepara-se para lutar e vencer. Seja matando as pessoas ou subjugando os mais fracos graças ao seu poder. Para impedi-lo, o círculo precisa encontrar uma fonte de poder tão grandiosa quanto à de seu inimigo. Talvez a própria Cassie seja a solução.
comentários(0)comente



Humb 19/06/2013

Esperava mais
As chantagens de Faye chegam ao fim logo no início. O Círculo, antes claramente dividido, agora está mais unido, exceto Faye, que parece atraída pelo poder de Black John. Devido ao evento no cemitério, o vilão pôde assumir a forma humana, retornando dos mortos.

Enquanto os jovens tentam descobrir um meio de derrotar Black John, Portia e seus irmãos chegam a New Salem, e existe a suspeita de que sejam caçadores de bruxos.

Cassie e o coven decidem pedir ajuda às avós de alguns dos jovens, e apesar da aparente relutância, elas mostram um caminho para derrotar Black Jhon: as Chaves Mestras.

Minha opinião

Após as revelações do volume anterior, eu esperava mais ação, magia e suspense neste livro. Entretanto, achei o enredo morno, e o desfecho, pouco satisfatório.

Confesso que ainda não tirei da cabeça o seriado The Secret Circle, e isso pode ter influenciado minha opinião sobre o livro.
Apesar disso, não gostei muito do enredo. A aparição dos caçadores não tem influência significativa no livro. A explicação para as mortes é confusa e contraditória com a explicação dos volumes anteriores (não vou revelar muito, mas fiquem atento à questão da hematita de Cassie e tirem suas conclusões).

O desfecho é extremamente simplório e pouco criativo. Os momentos de suspense são raros. Talvez dois ou três.

Enfim, para quem já leu "A Iniciação" e "A Prisioneira", só resta ler este último e concluir a série. Mas não criem grandes expectativas nem tentem comparar com a série (CW/Warner Bros jamais será perdoada por cancelar The Secret Circle).
comentários(0)comente



Edinaldo 18/11/2013

Ótimo
Antes de ler, vi algumas resenhas em uns blogs e quase todos diziam que o livro era fraco. Fiquei com o pé atrás... Mas quando comecei a ler, não consegui parar e quando vi, o livro estava no fim. As cenas finais do circulo contra Black John são muito emocionantes...
comentários(0)comente



jessy 06/06/2017

bom pra ser franca achei a historia um pouco fraca e previsível, o comportamento de Diana diante da traição da melhor amiga achei muito forçado
comentários(0)comente



AndyinhA 16/10/2014

Trecho de resenha do blog MON PETIT POISON

Antes de tudo a gente precisa se lembrar de que o livro foi escrito lá para bandas dos anos 90, então já começa que as coisas são muito, muito diferentes de hoje em dia e pode parecer bobeira falar isso, mas tantas coisas que hoje são comuns nas séries de livros ainda não existiam na época e uma delas é o celular, além do comportamento dos personagens.

Aqui a gente começa com a situação sendo toda jogada no ventilador, as coisas boas e ruins traições, maquinações e o quem fica com quem. Afinal em um grupo tão grande de adolescentes (13), isso não é algo impossível e logico que rende bastante pano para manga.

Já o caso com o Crânio e Black John estão no seu auge e todos precisam tomar decisões, e algumas delas tem a ver com revisitar o que aconteceu na cidade há 16 anos. São poucos momentos de ação/aventura, o livro ficou focado muito em sentimentos e como podemos ser melhores amigos, do que na história em si. Isso deu um pouquinho de raiva, porque apesar da explicação simples, ela era logica e fazia sentido dentro do contexto já apresentado, mas foi pouco explorado. Vemos momentos aqui e acolá do assunto, mas talvez apenas 1 ou 2 capítulos de fato se dedicaram a isso.

Para saber mais, acesse:

site: http://www.monpetitpoison.com/2014/10/poison-books-o-poder-l-j-smith.html
comentários(0)comente



Debora.Avila 28/03/2016

Melhor Livro da Série
Pra mim, este é o melhor livro da série. Mais ação, mais romance e adorei o desfecho de toda saga. Só acho que o final poderia ter ido mais devagar, a impressão que eu tive é que a autora "correu" nas últimas páginas.
As diferenças entre a adaptação pra TV e a obra original são gigantes, fato que me fez gostar ainda mais dos livros.
Estou ansiosa para ler "A Ruptura".
comentários(0)comente



Rafael 05/05/2017

Quem controla o verdadeiro Poder?
O Poder continua tão bom quanto os dois anteriores, A Iniciação e A Prisioneira. A escrita de L.J. Smith continua nos viciando na leitura e mesmo que o livro não possua grandes momentos de suspense, passamos as páginas sem perceber.

Os personagens continuam bem desenvolvidos como nos anteriores, mas sem dúvidas, Cassie é a que mais cresce na história, que está bem melhor do que no livro passado. Sem dúvidas, foi extremamente chato todo o "sou uma má pessoa" que ela nutriu quase o livro todo e, felizmente, isso não existe aqui. Seu foco está totalmente em deter Black John antes que ele tome New Salen para si. Faye, que é minha personagem favorita, ganha uma nova "missão" aqui e foi até interessante, pois esse acontecimento não ocorreu na série. Black John também mantém um ar misterioso e sua ligação com o Crânio de Cristal, quando vem à tona, faz todo o sentido.

L.J. também consegue nos envolver nos rituais do Círculo com elementos, principalmente em um que é feito só pelas meninas. É quase possível sentir o cheiro que cada vela possui, além de uma sensação de calma tomar conta do ar. A autora também soube dosar o romance sem perder o foco do livro, que é o Círculo contra Black John - sem contar que o novo casal também não possui a química de Cassie e Adam, então foi mais do que acertado esse destaque bem menor.

Apenas dois pontos me incomodaram: a luta final do Círculo contra o vilão, que apesar de satisfatória, poderia ter sido maior; e a forma como Diana aceitou facilmente a traição de Cassie e Adam, parecendo até que não foi nada demais. Mas apesar disso, o livro é excelente e consegue finalizar a trilogia inicial com chave de ouro, dando respostas à todos os mistérios levantados desde o primeiro livro. Se você gostou dos anteriores, é certo que vai adorar esse também.

site: http://crushforbooks.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



miny 30/08/2016

livro ótimo!
comentários(0)comente



Lucas 25/07/2014

Bom, mas é só bom.
A série "Circulo Secreto" ao meu ver nunca teve nada de especial, comecei a ler porque acompanhava a série e, percebendo as notáveis diferenças, resolvi continuar pra ver como era.

Achei que o terceiro e último livro é muito legal, tem bastante ação e fecha todas as pontas soltas abertas nos outros livros, mas também não agrega nada para tornar a série inesquecível ou algo do tipo. Acaba que o terceiro livro é um reflexo da série inteira, nada mais e do que apenas bom.

Ps: A protagonista é muito chata, a gente acha que vai melhorar e continua a mesma sem graça desde o primeiro livro, as secundárias Diana e Faye são muito mais interessantes.
comentários(0)comente



Edwiges 08/01/2015

Círculo Secreto
O melhor dos três livros, O poder revela todos os mistérios da trilogia. Quem já é fã, vai se surpreender. Muito bom!! Recomendo :3
comentários(0)comente



Nanda 08/04/2016

Eu tenho um problema sério com a L.J. Smith que poder ser resumido como os extremos de amor e ódio. Eu sempre começo seus livros ou amando a história e termino querendo jogar na fogueira, ou o contrário. Foi assim com TVD, é assim com TSC.

Eu demorei dois anos depois que o livro foi lançado para criar coragem de ler o que deveria ser o final da trilogia. E eu me decepcionei. Os personagens continuam com a mesma personalidade de sempre, mas Diana e Cassie se superaram nesse.

A narrativa tenta induzir o leitor a um clima de mistério que simplesmente não existe. É uma tentativa extremamente falha de prender a atenção. Faltou foco para a autora, faltou algo para dar liga, até mesmo Black John foi uma decepção.

Apesar de tudo isso, L.J. possui algo na escrita dela que torna impossível largar a história antes do ponto final. Mesmo odiando cada parte, mesmo querendo jogar longe e ir ler outra coisa, eu simplesmente não conseguia. Foi uma tortura chegar ao fim, mas consegui.

Uma parte onde a autora tentou mudar o foco do romance me incomodou demais. Não pelo casal em si, mas pela forma como foi feita. Ficou forçado, ficou tosco, foi sacanagem com todos os envolvidos. Felizmente, a autora parece que recobrou o juízo e acabou com a palhaçada.

Um dos pontos positivos do livro é ver como, apesar de todos os mimimis, Cassie cresceu e aprendeu a lidar com a sua magia. Mesmo tendo que lidar com a perda da sua avó e a doença da mãe, ela se mostrou forte e disposta a enfrentar Black John.

Por eu já ter visto a série, imaginava qual seria a revelação do segredo que ele escondia. Porém, mesmo se não tivesse visto, dava pra sacar logo de cara. A forma como a autora introduziu o assunto não deixou abertura para criar teorias, foi tudo muito jogado e bem óbvio.

O final do livro cumpre ao que foi prometido, mesmo não tendo sido o melhor. A intenção de LJ era encerrar por aqui, mesmo deixando algumas pontas soltas. Porém, existem continuações (escritas por uma ghostwriter) e eu espero que sejam melhores que a narrativa deste.

O Poder tinha tudo para ser um livro no mínimo bom, mas as escorregadas que a autora cometeu durante a narrativa foram enormes. Apesar da fluidez, foi uma leitura maçante. Mas, se você gosta da história e ficou curioso, recomendo que leia.

site: http://www.entrelinhascasuais.com/2015/12/resenha-o-poder-lj-smith.html
Xizpitah 23/05/2017minha estante
Tenho o livro a anos, resolvi ler agora e quando terminei pensei "podia ter deixado na prateleira". Que merda foi essa que ela fez com o final do livro? Hahahahaha
Como assim a Cassie ficou com o Adam? E o Nick? E a Diana?
Como assim AS TRÊS são líderes do coven??? Ah pelamor né.
Bem simples: ela não sabia como terminar o livro é simplesmente jogou tudo hahahah péssimo.
Adoro a história, mas essas coisas cagaram o livro.




16 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2