True

True Hilary Duff




Resenhas - True: A Verdade


21 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Luana Moraes 04/05/2019

True
Terminar uma trilogia é sempre difícil, abandonar os personagens que já conhecemos causa um misto de alegria e tristeza.

Hilary Duff me conquistou com seu primeiro livro Elixir, passei nervoso, raiva, e fiquei mais apaixonada ainda em devoção. Demorei alguns anos para me despedir, sabia que o final de Sage e Clea não séria nada fácil, um amor que sobreviveu a tantas vidas, ficou ameaçado com o final de devoção.

True começou muito mais lento do que imaginei e cheguei a duvidar que a autora conseguiria me entregar um final digno. Foi muito mais simples do que imaginei, em alguns momentos, eu queria mais detalhes, mais diálogos e mais explicações, mas Hilary, não é essa autora que enrola para te contar uma história o que é bom, mas quando se constrói um enredo com vidas passadas, viagens misteriosas e tudo mais, o leitor fica ansiosa.

Então, você pode estar se perguntando, porque essa maluca deu 5 estrelas? Apesar de algumas coisas, a autora conseguiu entregar um final interessante, instigante e convincente para quem acompanhou a aventura de Clea e Sage. Analisei de forma geral, tudo o que tinha acontecido ao longo dos volumes anteriores e foi um final que eu até esperava, mas a autora soube contar.

Ela conseguiu finalizar bem.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Cady 25/09/2018

Péssimo! Não perca seu tempo.
Essa com certeza foi uma das piores séries de livros que já lí, o primeiro foi chato, o segundo até que foi tolerável (o que me surpreendeu) e o terceiro só confirmou o quanto essa história é ruim. A pergunta que não paro de pensar é: como uma editora concordou em lançar isso? Só pode ser pela fama da Hilary, não tem outro motivo. O casal NÃO tem química nenhuma! Em nenhum momento eu creditei neles. E no suposto grande amor dos dois! A amiga da protagonista é uma cabeça oca que não pensa em mais nada além de garotos. Aliás, tanto a protagonista quando a amiga ficam planejando seus respectivos casamentos com 17 anos? Sério? Nada contra, mas e as outras partes da vida como fica? Nada faz sentido aqui, Nada! As atitudes tomadas dos personagens não tem lógica nenhuma, as soluções milagrosas surgem do nada para resolver a situação....são muitos furos na história. Um cara que supostamente morreu anda pela casa toda e ninguém questiona nada? É uma mansão, deve ter milhares de empregados. Me poupe! E cadê o pai da protagonista? Cadê o fim para Ele? Não tem nexo nenhum. E o final foi o pior de todos! Acabaram com o único personagem legal da trilogia com aquele final. Quando 2 livros de uma trilogia são ruins, não tem salvação. Espero me livrar deles o mais rápido possível! Não indico jamais. Aliás, só dei "meia estrela" pois a narrativa foi bem rápida, o que eu adorei porque lí bem rápido esse livro chato.
Carolina Pires 25/09/2018minha estante
Hahahah vou passar longe!


Cady 26/09/2018minha estante
Passe mesmo! Kkkkk




Debora novais 24/08/2017

True a verdade - Hilary Duff
A leitura é rápida, porém esse último livro achei um pouco decepcionante, a autora não soube encerrar uma trilogia que começou tão bem, deixou muito a desejar.
comentários(0)comente



Claris Ribeiro 07/06/2017

*Esse é o terceiro livro da série, e está resenha pode conter spoilers dos primeiros livros!

Chegamos então ao final da trilogia Elixir, que conta a saga de amor eterno entre Clea e Sage. O terceiro livro inicia com Clea, Ben e Sage, agora vivendo no corpo de Nico, voltando para casa.

Clea agora precisa contar para sua melhor amiga que o namorado dela morreu, e quem ela vê no corpo de Nico é Sage, e, como se não fosse complicado o bastante, ao chegar em casa, Rayna, a melhor amiga, briga com ela quando descobre que Nico faleceu, sem deixar Clea contar o que aconteceu. Rayna fica completamente irritada e diz que tudo gira em torno de Clea, e vamos combinar, gira mesmo, e esse é um dos pontos fracos da trilogia.

True é narrado por Clea e Rayna, alternando em cada capítulo, e o foco principal agora são os problemas que Sage está tendo em seu novo corpo. Sua alma está rejeitando o corpo de Nico, o tornando um homem muito agressivo, capaz de machucar quem estiver pela frente, inclusive Clea.

Ben, que sofre por ter tirado a vida de Nico, e Clea, que quer o seu amado bem e ao seu lado para enfim viverem juntos, começam a pesquisar como resolver o novo problema de Sage.

Depois de um tempo de aceitação, Rayna volta a conversar com Clea para entender o que realmente aconteceu com Nico, e ao perceber como Sage estava, a garota, muito esperançosa, acredita que Nico ainda esteja dentro de seu corpo e que ele procura paz. Rayna então resolve ajudar seus amigos, pensando em como ajudar o seu amor.

O final da série foi um completo desastre, toda a ação e todos os mistérios criados no segundo livro foram completamente esquecidos. Clea voltou a ser uma personagem sem graça e o romance continua patético, posso dizer aqui que foi ainda pior nesse livro, já que Clea sofria com as crises de Sage e continuava como se nada tivesse acontecido.

Como se não bastasse a falha na continuação e o retrocesso dos personagens, ainda tivemos que engolir a história de que ninguém viu ou reconheceu Nico, antigo funcionário da casa que faleceu e teve até uma homenagem após sua morte, ou, que ninguém percebeu ou achou estranho o fato de Clea agora namorar o noivo de sua melhor amiga Rayna, que tinha morrido.

Eu poderia até falar aqui que não valeu a leitura, já que o segundo livro teve uma história melhor e que poderia até ter acabado ali mesmo sem dar mais explicações, até porque o terceiro livro também não deu essas explicações, mas para mim valeu só porque consegui comprar o box por R$20, então foi uma leitura rápida que compensou no meu bolso.

site: http://www.plasticodelic.com/2017/06/resenha-true.html
comentários(0)comente



Rafael 26/05/2017

É possível encontrar o amor perdido?
Depois do grande plot twist deixado em Devoted, estava mais do que ansioso para ler esse terceiro volume, tanto que comecei logo após concluir o segundo. Inicialmente, mesmo antes de ler o livro já havia ficado receoso pela quantidade de páginas - 264 -, já que é a conclusão da trilogia mas, ainda assim, o menor livro. E infelizmente, meu medo se confirmou e a trilogia terminou da pior maneira possível.

Todos os mistérios iniciados nos livros anteriores, incluindo o que moveu o início da história, foram simplesmente esquecidos. Não há a menor explicação para eles, parece até que nunca estiveram na história. Ao invés disso, True foca-se nos problemas que o novo corpo de Sage traz para seu relacionamento com Clea e a primeira parte até chega a ser interessante, com os surtor agressivos do personagem, mas até esse plot se perde na segunda metade do livro e é concluído da forma mais apressada e sem sentido. SPOILER (pule para o próximo parágrafo caso não queira saber): Sério que nenhum familiar de Clea estranhou ela estar "namorando" com o ex da amiga, que teoricamente morreu (!)?

Os personagens também sofrem um retrocesso enorme. Clea, outrora uma personagem forte e motivada a achar o pai, esquece tudo e todos para focar-se apenas em Sage. Tudo bem que ela deveria mesmo se preocupar com o namorado, mas em nenhum outro momento ela se questiona sobre o pai ou a família de Amélia. Ben também foi bem mal aproveitado e seu destaque é apenas no fim da história, mas tudo é feito tão apressadamente, que o impacto se perde nas páginas seguintes. Apenas Sage prende nossa atenção, com os seus já mencionados surtos de agressão; e Rayna, que foi, sem dúvidas, a melhor personagem nesse volume, por isso a narração intercalada entre Clea e ela se mostrou um acerto.

Mas, no geral, True foi uma decepção. Não só como livro, mas como fechamento de uma trilogia, pois Hilary e Elise tinham tudo para finalizar a história com chave de ouro mas entregou uma história sem o menor sentido e que não respondeu o que nos deixou curiosos por tanto tempo. Caso Hilary pense em voltar a escrever alguma história futuramente, espero que a experiência - e a conclusão - seja mais satisfatória que a trilogia Elixir.

site: http://crushforbooks.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Lari. 22/03/2017

ai vc compra este livro numa Feira de Livros e apos chegar na metade descobre que tem 2 antes dele pra ler kk, enfim li assim mesmo e o que dizer do livro ? QUE PORCARIA DE FINAL FOI ESSE ???? tanta coisa no livro todo pra chegar no final e me matar desse jeito, deu uma vontade de arremessar o livro longe... estava lendo durante minha aula q decepçao...
comentários(0)comente



Karina 02/01/2017

TRUE - VERDADE - Hilary Duff
Mais uma trilogia fascinante que chega ao fim.
Hilary Duff surpreendeu , nos mostrando mais um de seus talentos.
Personagens inesquecíveis, atrelados à uma história de tirar o fôlego.
Quem não se lembra do encantador casal, Sage e Clea?
Tantas aventuras e terror esse amor superou. Foi exatamente em um período de um ano que Clea viu sua vida virar de cabeça para baixo.
A história nos foi apresentada a partir de Elixir. Clea sempre foi uma garota determinada e que lutava pelos seus sonhos.
Apaixonada por fotografia, clicava tudo o que via em sua frente.
Foi quando percebeu que um homem misterioso estava sempre presente, lhe admirando e protegendo nas fotos.
Esse rapaz era Sage. Sua alma gêmea de todas as vidas.
Em Elixir e Devoted, já resenhado pelo Blog Casa de Livro, fomos testemunhas de todo o esforço que fizeram para ficarem juntos.
Não tiveram medo de enfrentar as forças obscuras e lutar por esse amor.
Porém "True" nos trás ainda mais revelações sobre o passado desse casal.
Quando Sage foi capturado pela maléfica Magda, Clea só pensava em uma alternativa de salvá-lo.
Sabia que Magda iria matá-lo e drenar todo o Elixir da vida que existia em seu corpo.
Mas quando Clea chegou no local, acompanhada de Nico e Ben, a briga foi ainda mais assustadora.
Magda conseguiu realmente fazer o que desejava, Sage estava morto.
Ela só não esperava que por Nico ser um corpo hospedeiro, a alma de sua vítima tivesse uma chance de sobreviver.
Clea ficou totalmente perturbada.
O homem de sua vida estava vivo. Mas respirava no corpo do namorado de sua melhor amiga, Rayna.
A garota não sabia como contar para Rayna.
Ben sentia-se culpado com o que aconteceu, mas também não tinha ideia de como consertar as coisas.
Porém esse era o menor de seus problemas.
O corpo de Nico estava rejeitando a alma de Sage.
Sage não conseguia se controlar.
Estava ficando agressivo. Perigoso. Era uma questão de tempo até que uma tragédia acontecesse.
Clea, Rayna e Ben uniram-se para tentar encontrar uma solução.
Mas cada um tinha um motivo distinto.
Clea quer salvar o amor de sua vida.
Rayna só deseja que a alma de Nico tenha paz.
E Ben, seus motivos são um pouco obscuros.
Começa então uma corrida contra o tempo para descobrir a verdade sobre os sintomas de Sage.
A agressividade do rapaz colocou a vida de todos em risco.
Mas Clea precisará ser forte e enfrentar tudo o que ainda está por vir.
A verdade será revelada?
Ben deseja ajudar ou é mais uma de suas vinganças.
Sage sobreviverá?
Um final eletrizante em uma trilogia encantadora.
Casa de Livro Recomenda.

- As coisas vão mudar. Mas eu não estou preocupada. Sabe por quê?
- Por quê?
- Porque as coisas mais importantes da vida...são eternas.

Titulo: True - A Verdade
Titulo Original: True
Autora: Hilary Duff
Ano: 2013
Páginas: 264
Editora: Modera ID

Boa Leitura
Casa de Livro
Karina Belo

Gritos. Gritos altos e estridentes. Uma menininha... torturada! E a alma, dilacerada... Era horrível, e não terminava nunca! Meu Deus, quando é que isso ia parar? Aquilo tinha que parar!

Senti que ele estava no limite. Eu não ia dizer a verdade e colocar mais peso sobre os ombros dele. O problema não era ele encontrar Rayna ou Wanda, mas sim ter um lapso de memória e fugir, sem saber como voltar para mim. Ou ter um acesso de raiva e acabar fazendo algo imprevisível. Era mais seguro ficar por ali, pois mesmo que ele tentasse fugir, o sistema de alarme me avisaria.

Eu estava com medo; de quê, eu não sabia mais. Talvez de mim mesma e dos meus próprios pensamentos. Eu não podia permitir que a alma de Nico sofresse. Ele não merecia. E Sage já tinha vivido um tempão.
Quem sabe a alma dele também precisasse descansar?

As lágrimas transbordavam dos meus olhos com mais força do que nunca, mas era um choro de alívio. Agora só nos restava esperar por Ben. E torcer para que, quando Sage acordasse, sua alma ainda estivesse ali, pronta para ser salva.

site: www.casadelivro.com.br
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Viviane 16/11/2016

Uma trilogia boa.
Só memorizei esse trecho. Estou lendo esses dias todos os livros que não li em 2015.

- Então o passado ficou para trás ? ele repetiu. - Tudo o que temos é o agora.
- Não é isso o que todo mundo tem?
comentários(0)comente



Carol 03/07/2016

True (Elixir, livro 3)
Na minha resenha de Elixir, escrevi o quanto a saga tinha todos os elementos de uma história de sucesso. Apesar de ser atriz e cantora, Hilary Duff conseguiu dar um banho em muitas escritoras profissionais por aí, e conseguiu criar uma história inteligente, cheia de mistério e romance. No entanto, uma saga que tinha tudo para dar certo foi encerrada de maneira totalmente descuidada.

A saga Elixir tem apenas 3 livros, e acho que pela quantidade de perguntas a serem respondidas, daria pra escrever pelo menos mais um. Ou então, ela poderia responder todas nesse último. Mas não foi o que aconteceu. Hilary terminou a história de Clea e Sage com pressa, pulou várias questões importantes e fechei o livro após ter lido o último capítulo com muita raiva dela. Não vou dizer aqui quais perguntas ficaram sem respostas para não dar spoiler, mas quem leu os 3 livros com certeza vai perceber.

Outra coisa que me incomodou muito, foi ver como a personagem principal foi enfraquecendo em vez de evoluir. Escrevi na resenha de Elixir o quanto a personagem Clea Raymond era uma protagonista forte, tanto física quanto psicologicamente, e no segundo e no terceiro livro isso vai se esvaindo; ela não perde a personalidade forte, decidida, de querer lutar por seu amor, mas vai virando uma tremenda chorona, principalmente neste último livro. Já Rayna teve um desenvolvimento muito interessante; adorei que este livro, assim como Devoted, teve uma narrativa alternada, ora por Clea, ora por ela.

Outro personagem que retrocedeu foi Ben. Achei o final bem esperado, considerando o histórico dele, mas me deixou triste ver como um personagem com tanto potencial terminou. Mas sem dúvida, o que mais me decepcionou mesmo foram as pontas soltas. História linda, mas mal concluída, infelizmente.
Ellen Fidelis - @geekerela_ 17/09/2016minha estante
Penso o mesmo




Victor Monteiro 14/06/2016

Um pouco decepcionado?
O que falar sobre essa sensação de decepção e tristeza que estou sentindo após o término dessa trilogia? Mesmo tendo demorado anos, literalmente, para encerrar esse ciclo, minha expectativa sempre foi altíssima em relação ao ponto final de Sage e Clea. No entanto, caros amigos, a decepção foi grande! Páginas e mais páginas de uma exposição insuportável dos pensamentos da Rayna e até mesmo da Clea no início da história. A reação da Rayna frente a tudo o que aconteceu parecia a de uma menina de 10 anos de idade com seu primeiro amor utópico. O pior é que em algumas páginas ela simplesmente passa a aceitar tudo que aconteceu. O final sim, esse foi surpreendente para mim, mas também poderia ter sido melhor trabalhado. O ápice durou pouquíssimas páginas! Enfim, a leitura valeu a pena, pois os volume um e dois me agradou bastante.
comentários(0)comente



Bia 02/04/2015

Resenha - True
A primeira resenha de 2015 que escolhi foi o desfecho da trilogia que tanto amo. Infelizmente o ultimo livro (buuaa) de uma trilogia incrível em minha opinião.

As paginas são amareladas, a fonte é ótima, o livro é narrado tanto por Clea quanto por Rayna. Achei a capa super linda apesar de não ser a minha preferida da trilogia. Novamente senti falta da flor (Íris) que tinha nas margens de cada capitulo. A foto da autora está na orelho do livro (diferente da do primeiro livro que veio com a foto na parte de trás).

Clea conseguiu Sage de volta... Ou quase. A alma de Sage agora esta em um novo corpo, no corpo de Nico que infelizmente é o namorado da sua melhor amiga, Rayna. Se isso já não bastasse, algo está muito errado com Sage. Ele não está conseguindo se adaptar ao novo corpo, sua alma parece esta em guerra, mas ninguém sabe o porque.
Mais uma vez, Clea e Ben metem as caras nos livros e internet para saber o que exatamente está acontecendo. Quando Sage começa a ter ataques estranhos, primeiro vem o esquecimento do seu passado com as almas de Clea, e agora ele também esta esquecendo fatos que está ocorrendo no presente.
E isso só vai piorando, Sage começa a ter ataques de fúrias incontroláveis. Agredindo qualquer um que esteja na sua frente na hora errada sem ter noção de seus atos, atacando até mesmo Clea.
Clea sabe que quanto mais o tempo passa pior ficará, e de acordo com as pesquisas de Ben, Clea pode acabar perdendo Sage para sempre. Ben e Clea correm contra o tempo para tentar salvar Sage novamente, mas sempre há complicações durante o caminho. E também alguém traidor.

Uau! Eu nem acredito que acabei a trilogia Elixir. Os dois primeiros livros foram incríveis, e esse ultimo livro foi super legal... Mas eu esperava mais. Teve pouco mistério comparado aos dois livros anteriores, e eu senti falta da ação. Parece que a autora estava querendo acabar logo com o livro, como se ela estivesse escrito tudo rápido demais pra poder acabar logo. A narração continua ótima, e os personagens incríveis.
Não consegui imaginar Sage no corpo de outra pessoa, sempre na minha mente aparecia o Sage de verdade. A personagem Rayna foi bem destacada nesse livro, tanto é que ela chegou a narra muitas vezes.
O livro não foi ruim, mas esperava muito mais dele. Mesmo assim a Trilogia Elixir continua sendo uma das minhas trilogias preferidas. Vale a pena ler, a história é muito perfeita!


site: http://mysecretsbooks.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Izabel Wagner 09/03/2015

Resenha no Estante Diagonal
Acesse o link para conferir a resenha postada no blog literário Estante Diagonal !!!

site: http://www.estantediagonal.com.br/2015/03/resenha-true-verdade.html
comentários(0)comente



21 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2