Easy

Easy Tammara Webber




Resenhas - Easy


240 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Juliana Failli 28/08/2019

Achando que seu namoro era perfeito e duraria para sempre, Jacqueline resolve abandonar os seus planos e seguir seu namorado para a faculdade que ele escolheu. Após um tempo, Kennedy resolve curtir a faculdade e as vantagens que tem em ser da fraternidade, dando um pé na bunda de Jacqueline. Ela se vê sozinha e perdida, até que Erin, sua melhor amiga e colega de quarto, resolve levar ela até uma festa da fraternidade. Lá algo horrível quase acontece com ela - se não fosse pelo moço misterioso que a salva.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Quando ela retorna para a faculdade, descobre que Lucas, o garoto misterioso, estuda na mesma sala em que ela. Apesar de não prestar atenção, ele é um bad boy, tem várias tatuagens, é interessante, além de gostoso... e, pra complicar, tem o Landon, seu tutor de economia, com quem troca e-mails, é inteligente e faz mais o tipo de Jacqueline, porém ela nunca o viu (mas está interessada).
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Apesar do livro parecer clichê, ele aborda assuntos importantes. O romance e a aproximação demoram um pouco para acontecer, mas ficamos flutuando com cada cena e aproximação - é impossível não torcer pelo casal! A protagonista não ficou o tempo todo se fazendo de coitadinha e nem lamentando pelo término, ela seguiu em frente - e eu amei! E depois do que quase aconteceu, ela se tornou ainda mais forte e não se deixou abater, tentando superar o acontecido. Lucas é maravilhoso, fofo e protetor.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Leitura aprovada e indicada!
comentários(0)comente



@caixa.postal 27/08/2019

Aprovado e indicado!
Achando que seu namoro era perfeito e duraria para sempre, Jacqueline resolve abandonar os seus planos e seguir seu namorado para a faculdade que ele escolheu. Após um tempo, Kennedy resolve curtir a faculdade e as vantagens que tem em ser da fraternidade, dando um pé na bunda de Jacqueline. Ela se vê sozinha e perdida, até que Erin, sua melhor amiga e colega de quarto, resolve levar ela até uma festa da fraternidade. Lá algo horrível quase acontece com ela - se não fosse pelo moço misterioso que a salva.

Quando ela retorna para a faculdade, descobre que Lucas, o garoto misterioso, estuda na mesma sala em que ela. Apesar de não prestar atenção, ele é um bad boy, tem várias tatuagens, é interessante, além de gostoso... e, pra complicar, tem o Landon, seu tutor de economia, com quem troca e-mails, é inteligente e faz mais tipo de Jacqueline, porém ela nunca o viu (mas está interessada).

Apesar do livro parecer clichê, ele aborda assuntos importantes. O romance e a aproximação demoram um pouco para acontecer, mas ficamos flutuando com cada cena e aproximação - é impossível não torcer pelo casal! A protagonista não ficou o tempo todo se fazendo de coitadinha e nem lamentando pelo término, ela seguiu em frente - e eu amei! E depois do que quase aconteceu, ela se tornou ainda mais forte e não se deixou abater, tentando superar o acontecido. Lucas é maravilhoso, fofo e protetor.

Leitura aprovada e indicada!

site: https://www.instagram.com/caixa.postal/
comentários(0)comente



Carla Amante 22/08/2019

INDUÇÃO À PROMISCUIDADE
(Não me recordava que havia lido este livro até me deparar com um vídeo no Youtube que comentava a obra. O li há mais de 5 anos, mas seria melhor nunca tê-lo feito!)


A autora buscou tratar um assunto extremamente complexo, o estupro, de forma rotineira e um tanto fantasiosa.

O enredo começa com a personagem principal sofrendo um ataque no estacionamento, o estuprador é impedido de cometer o ato, pois um belo rapaz surge e soca a cara do criminoso. Aqui surge a idéia clichê da garota se apaixonar pelo seu “super-herói”.

Após o ocorrido, eles iniciam uma espécie de “uso-pessoal-mútuo”, duas pessoas seguindo seus instintos como se fossem animais.

Há uma personagem, amiga de quarto da protagonista, que se relaciona com rapazes como se fossem peças de roupa.

Ridículo uma obra que busca tratar sobre o estupro defender e induzir a promiscuidade de tal forma, pois o primeiro fator pode ser induzido pelo segundo, ou seja, uma vida guiada por instintos consequentemente pode engendrar um “endeusamento instintivo”, na qual o indivíduo torna-se um libertino ou até um criminoso!

NÃO RECOMENDO A LEITURA!
comentários(0)comente



Shirley 18/08/2019

Maravilhoso
Eu amei o livro do início ao fim...

Lucas é um lindo ?
.

.
Escolher ficar ao seu lado não é uma decisão difícil, Jacqueline ? ele sussurrou, afastando-se uma última vez para olhar nos meus olhos. ? É fácil. Incrivelmente fácil.
comentários(0)comente



Mile 13/08/2019

Apaixonada!!!
Que delícia de livro... Estava eu procurando um livro leve para ler após um dark pesado e me deparei com esse casal maravilhoso, uma leitura despretenciosa que acabou me surpreendendo.

A mocinha acabou sendo uma personagem forte que apesar de levar um pé na bunda do namorado por quem era apaixona e estava a 3 anos, ela não ficou o livro todo se lamentando ou se fazendo de coitadinha. O mocinho apesar de abalado emocionalmente é um fofo e apaixonante.

O relacionamento demora um pouco a acontecer, mas, a aproximação lenta e os instintos protetor de Lucas é cativante. O tema estrupo e agressão foi bem desenvolvido, trazendo uma mocinha forte que não se deixou abater por todas as adversidades.

Eu me apaixonei pelo casal e pela amiga de Jacqueline por estar sempre ao lado dela. Estou ansiosa para ler o próximo livro narrado pelo ponto de vista do Lucas. Beijos de luz.
comentários(0)comente



Elaine - @narealidadedasletras 12/08/2019

Da série porque não li antes.
"Às vezes o amor não é nada fácil..."

Jacqueline, após seguir seu namorado de longa data para a faculdade que ele escolheu, não esperava que no segundo ano do curso iria levar um fora do mesmo. Depois de duas semanas em estado de choque,ela desperta para sua nova realidade:está solteira, frequentando uma universidade que nunca quis,ignorada por seu antigo círculo de amigos e prestes a repetir em uma matéria pela primeira vez na vida.
Jacqueline tentar seguir em frente e ao sair de uma festa sozinha é atacada por um colega de seu ex. Salva por um cara lindo e misterioso, que estava justamente no lugar certo, na hora certa.Ela só quer esquecer aquela noite fatídica, mas Lucas o cara que a ajudou agora parece estar em todos os lugares.
A atração e a química entre eles é intensa.
Lucas,esconde,alguns segredos que ameaçam separá-los, eles terão que descobrir que somente juntos podem lutar contra a culpa e a dor e enfrentando a verdade para poder encontrar o poder inesperado do amor.

"Amor não é a ausência de lógica
mas a lógica examinada e recalculada
aquecida e encurvada para se encaixar
dentro dos contornos do coração. "

Esse livro foi um dos escolhidos para o projeto #1encalhadopormês e eu não poderia ter escolhido melhor.
Estou completamente apaixonada por essa história, que não é um simples romance com uma carga dramática, trata-se de um lembrete aos jovens de que o respeito e o companheirismo pelos outros ou por si é uma das característica mais bela que existe,que pode ser a peça fundamental para um relacionamento.

Vale lembrar, que ao mesmo tempo em que a autora fala sobre as mudanças da vida como algo positivo, mostra também que devemos seguir nossos desejos e vontades, não fazer ou seguir as vontades alheias.

Tammara Webber, escreveu uma história intensa,tocante com um tema sério ,mas o fez de maneira leve,que faz o leitor adentrar a mente e o coração dos personagens.

Um livro sensual, divertido,misterioso com uma pitada de drama e romance e com fortes emoções.
Super recomendo.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Alana 05/05/2019

Preciso confessar que eu sou daquelas pessoas que julga sim um livro pela capa, mas acabo dando mais valor para uma boa sinopse e foi o que aconteceu nesse caso, já que a capa não me ganhou em aspecto nenhum, mas a sinopse me convenceu a dar uma chance.

Easy traz a história de Jacqueline, que focada em seu relacionamento escolhe a mesma faculdade que seu namorado, mas depois de ser abandonada por motivos (muito) idiotas, Jacqueline percebe o erro que cometeu. Duas semanas após o término, voltando de uma festa sozinha, Jacqueline sofre uma tentativa de estupro, que só não foi adiante porque um garoto desconhecido apareceu e conseguiu tira-la dessa situação. O tal garoto que até então nunca tinha sido notado por ela, começou a estar mais próximo do que imaginava.

O envolvimento dos personagens é lento na medida certa, eu estou bem acostumada com romance estilo bad boy x mocinha, mas esse fugiu um pouco do que estava esperando e me surpreendeu positivamente! Nesse caso podemos perceber que apesar da fachada Lucas se mostra um cara vulnerável e reservado e quando entendemos o motivo, vemos como o apoio de Jacqueline é essencial.

O livro traz algumas cenas de estupro a quais eu não recomendo para quem tenha algum gatilho emocional, mas achei incrível a maneira com a autora tratou o assunto de forma séria e mostrando a importância da união e apoio de outras mulheres nesse momento.

Pra quem está procurando um livro com fortes emoções, Easy pode agradar. Apesar de uma trama com assuntos pesados, a leitura é fácil e de poucas horas. De todos os livros que li recentemente, posso dizer que esse traz o casal com o relacionamento mais ?saudável? e racional, que estão ali para apoiar e confiar um no outro, sem os dramas de relacionamento que estamos acostumados, esse traz um pouco mais da vida real.
comentários(0)comente



Rai 29/04/2019

Muito fácil se apaixonar!
Confesso que é a segunda vez que leio e esse é um dos meus livros favoritos!!! Eu amo demais essa história, amo os personagens. O livro trás uma grande lição de coragem, sem falar nesse amor maravilhoso de Jaqueline e Lucas!
comentários(0)comente



Kênia Cândido 18/04/2019

Interessante!
Adoro livros com personagens complicados, com histórias misteriosas e que me deixa totalmente sem reação. Peguei o Easy para ler sem muita empolgação, pois não sabia praticamente nada sobre o livro, como não achei a capa bonita e não sou de ler comentários antes de ter conhecido a historia do livro para não estragar a emoção da leitura, imaginava um romance comum, mas fui pega de surpresa.

Já nas primeiras páginas, a Webber mostra assuntos importantes que foram abordados de forma simples mas muito bem descritos, que deixou a história excelente e a narrativa empolgante.

A historia gira em torno de Jacqueline, uma universitária que recentemente foi largada pelo namorado por que ele achava que tinha que conhecer outras mulheres enquanto ainda não tinha se formado. Durante duas semanas Jacqueline entra em estado de choque pós-Kennedy. Mesmo arrasada, ela acorda para realidade se vê solteira, estudando numa universidade escolhida pelo ex - namorado, ignorada pela maioria dos amigos e quase sendo reprovada em uma matéria.

Para dificultar a situação Jacqueline, passa por uma situação aterrorizante, que só não piora por que ela é salva por um rapaz que nunca tinha visto na sua vida, porém depois desde fato ela começa perceber que Lucas sempre esteve por perto e que nunca tinha notado sua presença.

Os personagens foram me conquistando aos poucos, gostei muito da Jacqueline, em nenhum momento ela fútil, chata, mimada, como algumas personagens que já conheci. Ela não se faz de coitada e eu achei isso muito bom nela. O seu jeito simples de lidar com a situação, crescendo, tornando-se forte, fez com que eu ficasse na torcida por ela e vibrava com cada conquista dela.

Já Lucas foi um personagem perfeito, além de ter o estilo de bad boy, ele também era protetor, inteligente, trabalhador e precavido. Com seu jeito calado como se não importasse com nada ao seu redor, Lucas já tinha conseguido toda minha atenção. Cheguei pensar que ele estava perfeito demais para um bad boy até descobrir que ele escondia segredos sobre seu passado, simplesmente dei conta de como estava envolvida com a leitura e não queria largar o livro.

Fiquei satisfeita com o romance entre Lucas e Jacqueline que não foi algo rápido, foi bem construído com detalhes riquíssimos e como lidaram com seus traumas. Sem falar no desfecho da historia que foi emocionante e vibrei com final do vilão.

Realmente foi uma ótima leitura!

site: https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/2015/09/resenha-easy-tammara-webber.html
comentários(0)comente



Jaque 14/03/2019

Amei!
Um New Adult com cenário universitário, as festas das fraternidades, e temas fortes, como agressão física e o estupro. Um romance com personagens cativantes, Jacqueline, uma mocinha sem mimimi, que vai atrás do que quer, sem rodeios; e o Lucas, um homem que sabe controlar seus sentimentos, não é explosivo, nem possessivo, não faz do relacionamento algo abusivo, tornando a história melhor que a maioria desse gênero. E é desses que você lê rapidinho de tão fluído!
comentários(0)comente



Yza 19/02/2019

Easy conta a história de Jacqueline, uma menina politicamente correta, estudiosa e dedicada, a narrativa já começa com a protagonista levando um belo pé na bunda do namorado “perfeito”. Com o tempo ela vai se tornando independente de Kennedy (o ex embuste) e percebemos claramente que até então Jacqueline era uma menina passiva e um tanto chata, que vivia cercada por uma bolha de perfeição e com o término percebe que sempre foi a namorada e nunca uma pessoa individual, o mundo dela girava em torno dele, os amigos eram dele, ela escolheu a faculdade baseada no que ele queria etc… E quando a essa bolha estoura ela se vê quase completamente sozinha, quase sem uma identidade e daí por diante vai tento se encontrar e reconstruir a vida, para isso ela conta com a ajuda da melhor amiga Erin e com um novo amor ou dois.

A narrativa é realizada toda em primeira pessoa e isso foi fundamental para que eu me conectasse com a personagem e entendesse seus dilemas, além de “sentir” o trauma da vida de uma forma muito mais intensa do que seria se tudo fosse narrado em terceira pessoa. Foi possível ver a evolução da personagem em todos os sentidos de sua vida, ela se tornou mais forte, menos crítica e muito mais leve ao longo da narrativa e isso foi fundamental para a trama.

“Amor não é a ausência de lógica, mas a lógica examinada e recalculada aquecida e curvada para caber dentro dos contornos do coração.”

Eu amo um bom New Adult e Easy é fácil o meu preferido da vida, fazendo uma comparação rápida com Belo Desastre que também é um dos meus preferidos e eu defendo com unhas e dentes, dá para perceber que aqui encontramos uma história mais madura, com uma problemática interessante e não repetitiva, o foco não é 100% no casal e sim na protagonista, o romance é leve e ao mesmo tempo tem seus problemas e altos e baixos típicos, mas o ponto alto desse livro é a responsabilidade social que traz em suas páginas, Easy é de fato um livro completo e que merece o posto de preferido.

“As pessoas raramente diziam o que pensavam, ou revelavam como se sentiam. Ninguém era honesto.”


Tammara Webber soube dosar as cenas picantes típicas do gênero com um mistério e muita expectativa. Mesmo que o tal mistério seja um pouco previsível deixa uma tensão para o momento da descoberta e isso me fez comer esse livro com farinha. A relação do casal Lucas e Jacqueline me agradou de mais, como eu já disse é um relacionamento bem maduro e trabalhado, mesmo com os joguinhos bobos do início fica claro o potencial que o casal tem no nível físico e emocional. O terceiro elemento do triangulo amoroso é interessante e completa a história com maestria, teve humor, ironia e complemento, não se tornando assim algo forçado e desnecessário como na maioria dos casos.

A narrativa é muito fluida e mesmo nos momentos de calmaria existe alguma coisa que instiga o leitor a continuar, o livro já começa eletrizante e trazendo um assunto bem pertinente e o evento inicial dita muito do que acontece ao longo do livro o que foi algo bem positivo, pois geralmente nesse tipo de livro o problema vira plano de fundo quando o casal começa a se envolver e aqui as coisas se entrelaçam formando uma história bem harmoniosa. Sem falar na mensagem de amizade e sororidade, algo que nem estava tão em alta no momento da publicação e mesmo assim está repleto dessa mensagem de apoio, Erin é um elemento importantíssimo para a narrativa e para evolução da Jacqueline.

“A maneira como ele me beijou parecia uma marca. Como se ele estivesse tatuando-se sob a minha pele.”

Preferi focar na Jacqueline que brilhou muito nesse livro e fez por merecer sua narração em primeira pessoa, pois o lado masculino dessa história terá sua própria resenha quando eu contar para vocês o que eu achei de Breakable o livro visto do outro ponto de vista.

Além da mensagem de apoio feminino esse livro me passou que não podemos viver em função do outro e que viver no comodismo é a pior forma de seguir, não podemos abrir mãos dos nossos sonhos porque queremos ficar com alguém, pois nem sempre essa pessoa quer ficar com agente da mesma forma e viver a vida de outra pessoa não é viver, precisamos seguir com nossas próprias pernas e nunca deixar nossa vida em segundo plano até porque não sabemos o que se passa na cabeça e no coração do outro e estra com alguém não tem que ser um sacrífico, amar tem que ser fácil.

Sigam o conselho de uma amiga e leiam esse livro para ontem.
comentários(0)comente



Cássia 23/01/2019

Easy
Simplesmente apaixonada por cada página lida!
Uma leitura simples, cativante, convidativa, que te prende até o fim!
Leiam ?
comentários(0)comente



Jéss 07/01/2019

DE FÁCIL, ESSA LEITURA NÃO TEVE NADA.
De quantas maneiras o amor pode nos salvar? Jacqueline e Lucas me provaram o quão importante é o amor quando o deixamos entrar. #Easy (da autora #TamnaraWebber e publicado no Brasil pela #EditoraVerus) foi um livro rápido de ler mas, isso não significa que tenha sido uma leitura leve. Já nas primeiras páginas nossa protagonista está perdida após o término de um namoro de muitos anos, é noite de Halloween e o que deveria ser uma noite leve e descontraída transforma-se num verdadeiro pesadelo.
.
Além de perceber que seu ex está super bem e animado com o fim do relacionamento dos dois, um "amigo" de Jacqueline decide que é uma boa ideia abusar da garota. Encurralada dentro de um carro, no escuro de um estacionamento gritar e lutar não resolve o problema. E aí que nosso protagonista aparece. Distribuindo socos e chutes Lucas livra Jacqueline do abusador e a leva pra casa.
.
Jacqueline nunca tinha notado Lucas, até vê-lo em todo lugar: atendendo na cafeteria onde ela sempre vai, nas aulas de uma matéria que ela estava indo muito mal, como instrutor das aulas de defesa pessoal que ela decidiu fazer e sabe Deus onde mais...
.
Lucas também tem seus mistérios e entra em um jogo intenso e perigoso com Jacqueline
que não sabe se está se apaixonando ou odiando essa história. E assim nosso casal vai vencendo obstáculos, quebrando barreiras do passado, vencendo traumas e enfrentando de frente as provas que a vida trouxe para cada um.
.
Easy é um livro que você precisa ler pra entender, é um livro cheio de dor, Jacqueline e Lucas foram devastados e encontram um no outro a força que precisavam pra superar o medo e cicatrizar um pouco as feridas. A construção desse casal é intensa e fácil de amar, foi uma experiência única que me lembrou que amor pode sim te salvar do escuro.
comentários(0)comente



Thata 20/12/2018

Não é tudo isso...
Leitura arrastada... Livro lento, achei a escrita esquisita. Foi me dando nervoso a demora das coisas nesse livro. After é melhor, amores improváveis é melhor...
Ingrid.Oliveira 13/03/2019minha estante
After é um lixo, com dois protagonistas insuportáveis e dementes. O Hardin deveria ter umas aulas com o Lucas Landon de como ser um ser humano decente e como se tratar uma mulher.




240 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |