Tipo Destino

Tipo Destino Susane Colasanti




Resenhas - Tipo Destino


120 encontrados | exibindo 31 a 46
1 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8


Beka 09/01/2015

E se sua alma gêmea fosse o namorado da sua "melhor amiga"?
Tipo destino
Susane Colasanti
Novo Conceito
270 págs


Nunca havia lindo nada da autora, mas como o livro estava de promoção em um estande na bienal da minha cidade, resolvi comprar. Comecei a ler achando que seria um livro leve típico do verão. É acertei. A autora escreve com simplicidade e sem rodeios. Os capítulos são curtos, deixando assim o fluxo de leitura mais rápido.
Apesar de ter lido o livro em três dias, a história não me convenceu. Acho que falto algo. A personagem principal as vezes me dava nós nervos. Lani e Erin são melhores amigas, apesar de serem muito diferentes. Enquanto Lani gosta de se isolar, ler livros e abraçar as arvores, Erin e a típica garota perfeita que está no círculo de ouro do colégio, participa de várias atividades extracurriculares e a instrutora de alguns alunos do ensino fundamental. Erin ama ser o centro das atenções. Egocêntrica? Talvez, um pouco. E a típica adolescente vazia, pelo menos e assim que eu a vejo de dentro da cabeça da Lani.
Depois de um “acidente” ,Lani passa a dever a própria vida para Erin. –E esse e um dos motivos que me deixa mais irritada com as atitudes da Lani.
Erin começa a namorar Jason ,que e um garoto que sempre esteve incluso na vida das duas, mais Lani nunca o havia dado atenção. Até que Erin o apresenta para amiga como sendo seu namorado.

“Sera que o destino nós uniu,usando Erin como ponto de ligação?Ou teríamos nós encontrado de qualquer modo?”-pag. 103

Desculpa, mas eu não consigo ver Lani como a mocinha da história. Ela trai a confiança da melhor amiga por um garoto que ela acabou de conhecer, e além disso ela culpa o“destino”. Ela repeti isso milhares de vezes: “Talvez o destino já esteja traçado”. Fanática por horoscopo, tarô e coisas do gênero. Lani e irritante.
Meus personagens favoritos do livro foram os secundários. Blake o amigo gay enrustido que toda garota precisa ter e o Connor,um canadense super fofo que sempre escondeu uma paixonite pela Lani.(Não sei o que essa garota tem!)
Apesar das coisas que Arin faz, eu achei pouco. A resolução dos problemas no final do livro e decepcionante. A autora parece pegar o caminho mais fácil e o menos provável se isso acontecesse na vida real.
Ele e um livro bem voltado para atingir um público especifico. Então não esperem muito, apesar de ser uma leitura fluida e fácil esse livro não vai mudar sua vida. A autora e muito boa com a narrativa, mesmo a história sendo bem bobinha. Vale a pena ler !

“Às vezes, as coisas precisam piorar antes de poderem melhorar. Mas jamais imaginei que pudessem ficar tão piores”

“Encarar a realidade pode ser muito chato.”

“Nunca tive a intenção de que acontecesse daquela maneira.
Mas, se tivesse a oportunidade, não voltaria atrás de jeito nenhum.”







comentários(0)comente



Ju 07/01/2015

[ Resenha ]: Tipo destino {Susane Colasanti}
Lani e Erin são melhores amigas, embora não tenham muito a ver uma com a outra. Lani é uma taurina tranquila e Erin é a impetuosa leonina. Uma adora Astrologia (e outras artes adivinhatórias também) e ficar em casa; a outra gosta de pessoas e baladas. Suas preferências — incluindo pizzas e meninos — são bastante diferentes, ou eram, até que Erin começou a namorar Jason…

Assim que Lani conheceu o namorado de Erin, sentiu uma enorme conexão com ele. Uma sensação de que já se conheciam a vida toda. E, apesar de acreditar que ele sentia o mesmo, ela sempre soube que Jason estava fora de cogitação, afinal, ele era quem ele era!

Ela decidiu ignorar seus sentimentos. Não importava o quanto quisesse ficar perto de Jason, nada a demoveria da ideia de se manter distante dele.

Então, Erin viajou durante todo o verão…

Confesso que a primeira vez que vi esse livro, não dei nada por ele. Esperava um tema clichê e imaginava um cenário bem diferente. Mas depois que li, fiquei surpresa e encantada. Li algumas resenhas a respeito do livro e vi que alguns leitores não curtiram, mas não costumo me basear nisso e na maioria das vezes, gosto de tirar as minhas próprias conclusões sobre a história.

Tipo Destino, escrito por Marina Colasanti e publicado pela Editora Novo Conceito conta a história de Lani e Erin, duas amigas inseparáveis e completamente diferentes. Enquanto Lani se interessa por meio ambiente e ciência, Erin curte baladas, shopping e só pensa em garotos. Apesar de viverem em polos diferentes, a amizade continua, as duas convivem harmoniosamente e são apaixonadas por astrologia. Até que um dia, surge Jason, um garoto por quem Erin se apaixona e decide correr atrás. O problema é que Lani sentiu uma empatia muito grande por ele, coisa que nunca tinha acontecido antes e tudo indica que Jason sentiu a mesma coisa. A partir dai, as coisas descem a ladeira abaixo.

Apesar do assunto ser pra lá de clichê - melhor amiga que se apaixona pelo namorado da amiga - o livro é muito bem escrito e me despertou diversas reflexões. A narrativa de TD é fluída e muito gostosa. É o tipo de livro que começamos a ler e perdemos a noção das horas. Em alguns momentos, fiquei com raiva da Lani, porque como ela se permitia sentir aquilo pelo namorado da amiga? É claro que me coloquei no lugar de Erin e imaginei como a situação que viveu devia ser difícil. Mas quem leu, sabe como as coisas entre Erin e Jason desenrolam e compreende que Erin também teve culpa. Na minha opinião, o que ficou evidente é a falta de atitude de Jason. Se ele tivesse deixado as coisas mais claras entre Lani e Erin talvez nada disso teria acontecido. Jason é um "mocinho" irritante que não me despertou simpatia.

A situação toda se desenrola e você fica imaginando o que vai acontecer. E caramba, o livro me despertou muitos sentimentos. Raiva, alegria e etc. Acho que mais do que uma história de amor, Tipo Destino é uma história sobre amizade, escolhas e crescer.

É claro que Erin descobre e a situação complica. Toda a confusão e o conflito são o ápice do livro. Observei que para Erin e todos da escola a grande culpada é Lani (da parte da Erin dá até pra entender, mas e do restante? O que eles tem a ver com isso?). Lani sofre bullying no colégio, inclusive da sua ex- melhor amiga e só Justin, seu melhor amigo gay continua ao seu lado. Aliás, ele é o meu personagem favorito da história.

Durante a leitura, fiquei com raiva da autora. Porque colocavam Lani como culpada e não Jason? Já que a culpa deveria ser dele também. E foi aí que notei a grande sacada da autora. Susane na verdade, através da história, denuncia uma situação que todo mundo já presenciou. Sempre que isso acontece, a garota que está errada. Nunca o homem. Foi aí que passei a ler o livro com outros olhos, até falei sobre isso no meu blog pessoal e Susane me ganhou como leitora. Favoritei o livro e decidi ler todas as outras obras da autora. Posso não ter mais 17 anos, mas como autora, adoro a forma como Escritores abordam o universo juvenil, seus questionamentos e problemas.

É claro que a amizade entre Lani e Erin nunca mais vai ser a mesma coisa, mas a sensação que o livro deixa é que agora ambas precisam continuar o seu caminho. O carinho e as boas lembranças vão continuar, mas o futuro reserva novas pessoas. E existe algo mais atual do que isso? Quantos amigos você tinha com 17 anos e atualmente não tem mais contato?

Tipo Destino deixou um gostinho de quero mais e arrebatou o meu coração. Para os leitores que curtem uma comédia romântica e juvenil, é super indicado.

★★★★★

site: http://novosescritores.com/profiles/blogs/resenha-tipo-destino-susane-colasanti
Mia Serafim 07/01/2015minha estante
Só depois de ler sua resenha , Ju , é que fiquei com vontade de ler o livro , porque só então eu entendi a crítica que a obra faz . A gente vê isso todo dia , as amigas brigam por causa do namorado , mas o cara sai sempre na boa , ele não perde nada . Aliás , o que não falta nesse mundo é rapazes sem atitude - e de quem é a culpa ?




Lanna Victoria 24/12/2014

Por que dei 4 estrelas
Confesso que depois de ver essa capa e o tema clichê do livro, eu achei que iria ser um completo desastre, mas ainda bem que minha amiga me fez ler esse livro, pois ele me surpreendeu. Eu já tinha ouvido falar de Suzane Colasanti, mas nunca tinha lido nenhum livro dela, esse foi o primeiro, e eu gostei muito da maneira rápida, fácil e fluída como ela escreve. Apesar de ser um livro meio forçado e superficial quando põe em foco essas coisas de destino, coincidencias, etc... é também um livro que o leitor pode se identificar em várias partes, e sem ser um livro cansativo. Eu li em 2 dias, e gostaria de ler mais dessa autora.
comentários(0)comente



JV 16/12/2014

Enredo bem limitado, sem grandes surpresas, o ponto positivo é a fácil leitura.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Juulices 20/10/2014

Decepcionante...
*APENAS MINHA OPNIÃO*
Uma história que todo mundo já ouviu falar ou que já passou pela mesma situação: se apaixonar pelo namorado da amiguinha... Assunto muito manjado, escrita infantil, problemas infantis e soluções surpreendentemente previsíveis.
Li em apenas um dia, com sufoco.
Sem ofensas Susane Colasanti, mas seu livro foi desnecessário.
O tédio me faz ler cada coisa...

site: insta: @juulices
comentários(0)comente



Julielton 25/09/2014

Lani é uma garota complexa, interessada em astrologia e coisas do tipo, acredita que o destino lhe reserva grandes surpresas, mas que as mesmas podem ser descobertas via cartas de tarot, leituras de mão, horóscopos, etc.
Também é a típica garota americana engajada em salvar o planeta, como presidente do clube da escola ela planeja conscientizar amigos e colegas da importância da reciclagem e preservação. Seu pior defeito é detestar que a ignorem ou tirem sarro de seus ideais.
Além do defeito já citado, Lani pode ser considerada uma garota prepotente, pois, abandonou os amigos de longa data, simplesmente por possuírem pensamentos divergentes aos seus. O Círculo de Ouro o grupo de alunos populares não é o exemplo de pessoas preocupadas com o meio ambiente ou que possuam muitas ambições, porém era deste grupo que Lani participava, e, é o grupo à qual pertence sua melhor amiga Erin.
Erin é a típica garota popular, bonita, inteligente e engraçada. Não possui muitos defeitos, e está sempre ligada a Lani, as duas nutrem uma amizade de infância, marcada por um grande desastre que as uniu ainda mais.
No restante do livro outros personagens são mencionados, mas ninguém com grande importância. Exceto talvez por outros dois personagens.
O primeiro seria Blake o amigo gay das duas garotas, mas que possui mais afinidade com Lani. Ele é um garoto descolado, bonito e inteligente de quem ninguém desconfia, mas que esconde esse segredo, o fato de ser gay.
O outro personagem é Jason, membro do Círculo de Ouro, Salva Vidas, e o garoto que desenha círculos perfeitos. É o namorado de Erin. Os dois sempre se conheceram, mas somente depois de muito tempo perceberam que possuíam afinidades o suficiente para engatar um relacionamento.
A história possui vários capítulos estressantes que nada dizem, apenas estão ali para dar volume no livro, e isso se repete por quase todo o livro, onde a autora intercala esses capítulos maçantes com os devaneios de Lani, lutando contra a paixão que começa a nutrir por Jason, já no primeiro encontro do grupo.
Lani se sente atraída de imediato pelo belo Jason, e Erin acaba por aproximar a amiga do namorado, ao pedir que Lani faça companhia a Jason na hora do almoço, com a intenção de saber o que o garoto pensa a respeito dela.
Porém durante todas as conversas, Lani esquece-se da amiga e começa a notar as semelhanças que possui com o garoto. E deduz que os dois são almas gêmeas.
Neste meio tempo, Erin viaja durante as férias de verão para um acampamento, e Lani se aproxima ainda mais do namorado da amiga. Somente a partir deste ponto o livro pega um ritmo bom, a leitura se torna mais densa e emocionante, e parece caminhar para um desfecho já imaginado.
Porém grandes reviravoltas acontecem nos capítulos seguintes: a volta de Erin, a saída forçada do armário, o fim de namoro, o rompimento de laços, bullying, armações, relações abaladas, promessas impossíveis, dor, tristeza, choro, raiva, tudo em apenas doze capítulos, lembrando que o livro possui quarenta e três capítulos, isso mesmo, apenas nos últimos capítulos é que a história toma um rumo definido. As duas partes iniciais do livro, apenas trazem como já disse enrolação e situações dispensáveis.
Mas o que me perturbou ainda mais, foi o final inesperado da trama, quando você está a algumas páginas do fim, você imagina que finalmente a garota vai resolver todos os problemas, enfrentar o pessoal malvado da escola, fazer as pazes com a amiga, reatar com o namorado, mas não acontece exatamente como imaginava, e simplesmente o livro acaba deixando um desejo de quero mais.


site: http://dialeticaproposital.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



camila 16/08/2014

Tipo destino - Susane Colasanti
Lani e Erin são melhores amigas, embora não tenham muito a ver uma com a outra. Lani é uma taurina tranquila e Erin é a impetuosa leonina. Uma adora Astrologia (e outras artes adivinhatórias também) e ficar em casa; a outra gosta de pessoas e baladas. Suas preferências — incluindo pizzas e meninos — são bastante diferentes, ou eram, até que Erin começou a namorar Jason...
Assim que Lani conheceu o namorado de Erin, sentiu uma enorme conexão com ele. Uma sensação de que já se conheciam a vida toda. E, apesar de acreditar que ele sentia o mesmo, ela sempre soube que Jason estava fora de cogitação, afinal, ele era quem ele era!
Ela decidiu ignorar seus sentimentos. Não importava o quanto quisesse ficar perto de Jason, nada a demoveria da ideia de se manter distante dele.
Então, Erin viajou durante todo o verão...
comentários(0)comente



Luiz Carrilho 27/07/2014

Tipo Destino - E Se Sua Alma Gêmea Fosse o Namorado de Sua Melhor Amiga?

Título: Tipo Destino
Autor: Susane Colasanti
Editora: Novo Conceito
Edição: 1/2013
Páginas: 288


Lani, um jovem vidrada no destino. Fazia parte de um grupo conhecido como "circulo de fogo", porém a um tempo vem se afastando mantendo como seus amigos de verdade Erin e Blake.
Erin se apaixona por Jason, um amigo de curso, mas teme que Lani e Blake não gostem dele.
Erin começa a se encontra com Jason, que um dia resolve se encontrarem com Lani e Blake na pizzaria.
Diante da carona que Lani ganha de Jason, conversa vai e vem, ela percebe que eles tem tudo a ver. Jason é sua alma gêmea.
Lani e Jason ficam cada vez mais próximos, ate que ele se declara.
Lani, com medo de magoar Erin, resolve se afastar de Jason um pouco.
Nas férias de verão, Erin vai para um acampamento de férias deixando Lani e Jason sozinhos um com o outro.
Jason termina o namoro com Erin por carta para que possa viver seu romance com Lani, que no começo resiste mas acaba cedendo.
Lani e Jason se encontram várias vezes escondidos, até que decidem contar a verdade para Erin assim que ela voltasse do acampamento.
Como Erin está com ódio de Jason, não quer escutá-lo, portanto, como único jeito de Jason contar a verdade a Erin é mandar-lhe um e-mail.
Ao descobrir tudo, Erin encaminha o e-mail para o restante da escola, porém o texto todo modificado pela mesma. A escola se volta contra Lani tornando sua vida um inferno.

Será que vale apena acabar com uma amizade para viver uma história de amor?

" A questão é: será que podemos ser amigo de uma alma gêmea quando queremos muito mais?"
"QUANDO VOCÊ ENCONTRA SUA ALMA GÊMEA, ACONTECE UMA CONEXÃO IMEDIATA. UMA COISA QUE VOCÊ NÃO VAI CONSEGUIR EXPLICAR...MAS QUE TAMBÉM NÃO VAI CONSEGUIR NEGAR."


"O ESPERADO É APENAS O COMEÇO
O INESPERADO É O QUE MUDA A NOSSA VIDA"
MEREDITH GREY.

site: http://resenhandoosromances.blogspot.com/2014/04/tipo-destino-susana-colasanti.html
comentários(0)comente



Fabi Brandes 16/07/2014

Costumo dizer que não sou muito fã de livros para adolescentes, e com esse, posso afirmar. Comecei a ler Tipo Destino, da editora Novo Conceito, com muito ânimo. Gosto de ler coisas que me desafiam, entretanto, me decepcionei.

A narrativa é muito morna. O vocabulário poderia ser um pouco mais criativo, e as linhas que tratam da paixão de Lani pelo namorado da melhor amiga poderiam ser mais reais.
Ora, uma autora que já viveu a adolescência, falando do amor e das descobertas. Achei que as passagens tinham de ser mais intensas, visto que a autora deve ter passado por isso já antes na vida.

Falando de aspectos bons, gostei da formatação do livro e gostei também da capa. Muitos dirão que já ficaram chateadas com Lani pela traição na capa, já que aparece Lani de mãos dadas com o namorado DA MELHOR AMIGA.
De fato, a capa é intrigante.

Porém, achei que Erin deveria ter sido mais incisiva. De todo, não acho que é um livro que acrescentará na vida do leitor, principalmente se esse for um adolescente.

Cabe dizer também, que o livro lida com certos aspectos esotéricos, isso sim, pra mim, foi o que deu o encantamento na medida certa para a história.

site: www.amoreselivros.blogspot.com
comentários(0)comente



Arca Literária 08/07/2014

Decepção
Por: Caroline TEixeira

Música tema da resenha: Sandy & Júnior - Quando você passa (turu-turu).

Música citada no livro: Death Cab - Transatlanticism

Quando comecei a ler o livro só me veio essa música acima que citei! Não teve jeito! Por isso essa foi a escolhida como música tema da resenha. E assumo, adoro essa música! Fofíssima! Achei a cara do triângulo amoroso! Kkkkkkk...E a música citada no livro eu amei, não conhecia!

Lani é uma garota de 16 anos. Morena, magra, com uma aparência bonita, mas ela não reconhece isso. Ela possui um amor incondicional pela natureza e a todo tempo se dedica à atividades de conscientização, principalmente no colégio que estuda.

Ela possui uma amiga inseparável, a Erin. São amigas há muito tempo e após um acidente, as duas se uniram ainda mais. Como se tornassem "unha e carne". Ambas são apaixonadas por astrologia e suas vidas são totalmente influenciadas pelas previsões astrológicas.

Elas não possuem gostos semelhantes para escolher os seus parceiros amorosos, porém o destino decide aprontar e se por no meio dessa amizade e testar até que ponto uma amizade pode sobreviver à uma provação dessa, quando o assunto é o Coração.

Minhas impressões:

Inicialmente, confesso que tinha grande expectativa sobre esse livro. A capa é bem sugestiva e gostei bastante, considerei apropriada. Infelizmente, me decepcionei. A história não prende muito, eu ficava olhando direto o número de páginas que faltava para terminar.

Até gostei da forma que nasceu e foi retratada a relação entre Lani e Jason; muito fofa a afinidade. O amor quando nasce sempre é muito bonito independente da idade. Mas achei que faltou algo mais. O "código" foi o que mais gostei.

A amizade de Erin e Lani não me convenceu, e soou como se a relação entre as suas se restringisse ao acidente e à astrologia. E uma reação que a Erin teve por se sentir traída desencadeia uma atitude muito maldosa e humilhante. E, ainda depois, a Lani ( que foi vitimada pelo ataque de fúria da primeira) ainda querer abrir mão da sua felicidade foi demais para mim.

A temática do livro é realmente adolescente. Gosto dos livros que envolvem jovens, mas aprecio mesmo quando eles são mais maduros e conscientes. Por isso, foi meio chata a leitura.

Para mim, faltou intensidade e mais enredo. Achei pobre a história. Sinceramente, não tenho vontade de ler outro livro da Susane. Esse foi o primeiro e o último.

Se você gosta da Susane, é provável então que goste desse. Pelo que li nas sinopses dos demais livros dela, esse não foge do universo adolescente.

No skoob ele está sendo muito bem avaliado.

Para aqueles que irão ler, desejo uma Boa Leitura. E depois que lerem, não deixem de compartilhar sua opinião por aqui.

Beijokas.

Citação que mais gostei:

" O amor não tem lógica, e nem se quer é uma escolha nossa. O amor nos escolhe".

site: blogandolinhas.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Julia 18/05/2014

Acabei de ler o livro "tipo o destino", e sim eu AMEIIIII como eu tbm amei varios... Mas vamos ao que enteressa. Este livro fala de Lani, uma garota que acredita no 'destino', e que ele pode mudar sua vida de uma hora para a outra, e ela tem uma melhor amiga que se chama Erin, juntas desde dos 10 anos, todos em sua volta consideram elas 'irmãs de alma'-explicaçao no livro- sao unidas, tipo, ate a morte. mas -como a foto do livro ja deduz- uma garoto entra na vida de Erin chamado Jason, na qual Lani se apaixona logo em seguida que o conhece melhor, e os dois percebem que o amor é reciproco, e acontece um monte de rolos ai que se eu contar acaba com a graça de ler a historia,o legal deste livro e que o final fica nas entre linhas. é lindo o livro eu super recomendo para quem gosta de romance, e um suspense romantico. ele ensina que o 'destino' existe, e que ele nao só existe para momentos feliz, mas para todos os momentos, e uma hora o outra o próprio vai estar mudando sua vida a cada segundo, pois uma hora você esta sorrindo, e na outra está chorando,no livro percebe-se que sozinhos em um mundo tao grande, nao modemos confiar em ninguem, as coisas se tornam diferentes
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Gil 07/05/2014

Desde crianças, após um acidente Lani e Erin são melhores amigas. Erin é a garota popular, namoradeira, Lani é mais tímida. Erin apresenta seu novo namorado Jason, para seu amigos Lani e Blake e meio que ficou evidente como eles (Lani e Jason) se deram muito bem.Lani loo percebeu que estava apaixonadapelo namorado de sua melhor amiga e ai ela passa a tentar evitá-lo, mas Erin curiosa como é, pede pra Lani se aproximar dele para saber o que ele realmente sente e isso acaba aproximando ainda mais os dois. E mais uma vez Lani está pronta pra se afastar dele, sua amiga resolve viajar por 3 meses e ai já viu né.

A narrativa é simples e rápida. Muitas vezes critiquei a Lani, já que ela se deixou levar pelos sentimentos e poxa mesmo eles não terem ficado quando ainda ele tava com a Erin, ainda sim, terminar do jeito que foi, nossa, tenha dó né. O jason é um fofo, apesar dos pesares, a autora o construiu para nos cativar, pois ao mesmo tempo que o crucificamos, também torcemos por ele ou melhor pela Lani, mas eu torci também pelo fato de ver como era Erin. Claro que é errado ficar com o namorado da melhor amiga, mas a Lani poderia ter escolhido jeito melhor para conduzir isso. O personagem que eu adorei foi o Blake, divertido e decidido, sempre em sua própria batalha. O enredo é algo bem normal e comum, mas é uma boa leitura para uma tarde.
comentários(0)comente



120 encontrados | exibindo 31 a 46
1 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8