Doce procura

Doce procura Kevin Alan Milne




Resenhas - Doce Procura


53 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4


Joyce Adrielle 08/09/2020

É hora de seguir em frente
Bata um vez se amigo, duas se inimigo e três para quem é da família.

Quando comecei a ler tive a sensação que a história teria grandes chances de despedarçar meu coração. E eu estava completamente certa.

Às vezes a culpa mata todas as nossas esperanças de felicidade, de amor, de sermos amados. A culpa consome, engole, despedaça todos os sentimentos bons que podemos ter. A culpa é cruel. E a pior forma de culpa é daquele que no final de tudo é inocente.

A história é muito fofa. Super sentimental e me colocou para pensar nas segundas chances que a vida ou o destino ou a Divina Providência coloca no nosso caminho e em diversos momentos estamos confusos demais para entendermos.

Entre o sol e a chuva, existe o arco-íris. É lá que você vai achar o pote de ouro.

Esse livro é sobre sobreviver, segundas chances, recomeços e perdão. É vida é tão breve, não é?
comentários(0)comente



calie 03/10/2020

aquele com biscoitos do azar, muitas coincidências e coisas ruins que evoluem para coisas boas
alerta de: um dos livros mais melodramáticos que já li na vida. e digo mais: gostei muito! leitura incrivelmente fácil e agradável de um livro muito bem escrito e pouquíssimo previsível (pelo menos para mim, que não tenho experiência com as obras no estilo Nicholas Sparks, cada volta que a história deu me deixou boquiaberta e, outras vezes, com lágrimas escorrendo pelas bochechas). entretanto, não há como eu negar alguns pontos que me irritaram, como o quão difícil achei lidar ou gostar com a protagonista por um longo tempo. sendo mais específica, quando Garrett, o ex noivo, reapareceu querendo explicar porque sumiu como um desgovernado e, Sophie, ao invés de ouvir o homem de uma vez, iniciou o tal grande e dramático desafio sobre apenas aceitar o encontro se recebesse 100 respostas ao anúncio de 'procura pela felicidade' no jornal. o que quero dizer é que ela podia até não ser uma pessoa curiosa, DIFERENTE DE MIM, que bufei de impaciência ao ter que aguentar até ENFIM saber a causa da fuga iminente de Garrett. (detalhe: o que o fez romper o noivado não teve nem sentido após o climax e a resolução da história. com que cara eu fiquei?) fora isso, exalto a personalidade tão real que o autor deu ao Alex, cuja aparição me arrancou diversos sorrisos. este foi um livro sobre duas pessoas com vidas entrelaçadas muito antes de se conhecerem, que se culparam por algo que estava fora de seus controles, e sobre o poder de cura do amor e do perdão.
comentários(0)comente



Jess 17/08/2020

A vida de Sophie Jones é marcada por acontecimentos infelizes.

No dia do seu aniversário de 9 anos perdeu toda a sua família em um acidente de carro que ela acredita ter causado.

Depois disso passou por uma sucessão de lares adotivos até ser entregue a uma policial que atendeu a ocorrência no dia da tragédia que a deixou órfã.

Mas a cereja do bolo foi ter sido deixada por seu noivo, por quem era perdidamente apaixonada, dias antes do casamento.

Esse infortúnio mais recente foi a grande inspiração para que Sophie criasse os Biscoitos do Azar, iguaria que acabou se tornando o carro chefe de sua confeitaria graças ao sabor incomum e mensagens pessimistas irreverentes.

Meses após ter terminado com Sophie de forma abrupta, Garret reaparece querendo se explicar. Ele pede que ela a dê uma oportunidade de contar o que aconteceu em um encontro.

Sophie, porém, não está disposta a ouví-lo então impõe uma condição que acredita que ele jamais conseguirá cumprir, Garret deve colocar um anúncio anônimo em um jornal com os seguintes dizeres: Procura-se Felicidade.

Se ele conseguir cem respostas válidas para esse anúncio, Sophie aceitará se encontrar com ele para conversar. Mas o que é felicidade? Existe felicidade duradoura? E como uma mulher que teve sofrimento demais em sua vida vai conseguir identificar o que é ser feliz?



Doce Procura foi uma grata surpresa. Confesso que ao ver a capa e a sinopse não fiquei muito interessada no livro, elas não me chamaram muito atenção. Mas logo de cara, no início da leitura, a trama que se desenhava e a escrita do Kevin me conquistaram. Esse livro mistura romance, drama e pitadas de humor de uma maneira genial. Além de abordar temas profundos e nos trazer uma reflexão muito válida.
Sophie não estava em busca de felicidade quando impôs uma condição absurda à Garret. Não intencionalmente, pelo menos. Ela só queria se livrar dele. Mas será que todos nós não estamos procurando por ela o tempo todo? Buscando motivos para ser feliz a cada dia? E quanta vezes não deixamos a felicidade escorrer por entre os nossos dedos nos agarrando a ressentimentos, culpas e desculpas que nós mesmos inventamos para nos sabotar? Quantas vezes não deixamos de perceber que a felicidade está logo ali, só esperando uma chance de ser notada?
Amei tudo sobre esse livro, desde a escrita, os personagens, a trama...absolutamente tudo! Super recomendo.
comentários(0)comente



Carolina 24/05/2014

Quem não gosta de doces, não é mesmo? Eu com certeza gosto, por isso ler Doce Procura e notar que o mesmo é doce no título e no conteúdo é, na falta de palavra melhor, delicioso.
A protagonista deste livro é Sophie, uma mulher de vinte e nove anos, que sempre teve uma paixão louca por chocolate e dirige uma pequena loja de chocolates, porém na vida tem sido muito infeliz. Ela já tinha ficado órfã com nove anos de idade, quando seus pais morrerem em um acidente e ficou muito deprimida, claro, ao ser abandonada a um passo do altar por Garret, o homem que amou e ainda ama, apesar de não querer admitir.
Garret retorna à vida de Sophie pedindo um encontro para explicar o que aconteceu. Claro que Sophie recusa, pois não quer ver a pessoa que esmagou o resto de confiança e esperança que tinha. A insistência de Garret resulta em uma aposta: se Garret conseguir 100 respostas sobre a felicidade, respostas sérias, que precisam passar pela aprovação de Sophie, ela aceitará ter um encontro com ele e ouvir o seu lado da história.
Os personagens secundários possuem histórias pessoais bem desenvolvidas e emocionantes como Evi e Justin, e a dificuldade de Evi em se ver como mãe. Ou Alex, filho de Jacob Barnes, que mesmo em meio a tantas dificuldades que a vida impôs a ele, consegue viver dia após dia sorrindo e vendo o melhor da vida e das pessoas.
Acho que todos deveriam arriscar essa leitura, existem mensagens sobre formas de encarar dificuldades, perdão, aceitação, afeto, família... E isso sem esquecer de envolver todos os personagens.
Os personagens são humanos, de fácil conexão, com quem a empatia vem naturalmente. A simplicidade vai de encontro ao peso das tragédias, transformando a digestão da história mais impactante emocionalmente. Dá uma sensação de amadurecimento, e isso porque a conjunto da obra envolve de um jeito que, quando os personagens crescem, você também cresce, quando eles amadurecem, o mesmo acontece com você.
comentários(0)comente



Raquel 20/08/2020

Para os romanticos incuráveis...
Sabe aquele livro que aquece o coração depois de ler? Pois é, esse é o livro. Escrita leve e fluída, te faz querer devorar cada página para saber o que acontece no final. Vale a leitura...
comentários(0)comente



Leslie.Valle 11/09/2020

Doce procura é um livro que te cativa mais a cada capítulo, chegando ao momento em que você precisa saber sempre mais sobre a vida dos personagens.
comentários(0)comente



Dani 11/09/2020

Doce
Esse é um livro muito gostoso de ler. Escrita leve e fluída, com história interessante. Um pequeno suspense que nos prende à esse universo doce e amargo ao mesmo tempo.
comentários(0)comente



Gabriela Marques Augusto 03/09/2020

Doce Procura - Kevin Alan Milne
Sophie Jones sofreu um acidente de carro no dia de seu aniversário quando era criança, e acabou perdendo sua família inteira de uma maneira trágica e marcante.
Na fatídica noite do acidente eles voltavam de um restaurante e passaram em frente a loja de chocolate favorita de sua mãe, insistindo ao pai para parar, a batida aconteceu de repente e a menina acabou carregando a culpa com ela, se punindo a vida toda achando que sua insistência para parar na loja foi o que acarretou o acidente.

Ela cresceu em alguns lares adotivos até que finalmente foi morar com a policial que a resgatou na noite do acidente, neste lar ganhou uma irmã de coração e uma mãe carinhosa para amenizar as tristezas de sua vida.

Garrett é o ex-noivo de Sophie, eles estavam com casamento marcado, porém de uma hora pra outra o cara resolve acabar tudo sem deixar explicações.
Sophie ama chocolates e é dona de uma loja de doces em Seattle, e depois de um ano sem dar as caras, seu ex entra na loja e quer conversar para explicar tudo que aconteceu, ela ainda o ama mas não quer dar outra chance e acaba fazendo uma aposta que deverá ser publicada no jornal, se Garrett conseguir 100 respostas dignas de que a felicidade duradoura existe, ela dará uma chance para os dois conversarem.

Sophie é uma mulher que desacredita da felicidade e tem medo de decepções, por isso prefere sempre esperar o pior de tudo. Os personagens secundários tem seus dramas e particularidades, e o autor explora isso muito bem.

Temos algumas descobertas bem interessantes que nos faz realizar conexões e tentar entender o que liga a cada coisa.
O romance é doce no início e marcante e tocante ao decorrer do livro, as descobertas pela felicidade duradoura nos levam a refletir bastante.

Tive contato com o livro pelo @clubedacarina e foi uma linda surpresa, retrata o perdão, o amor, a busca pela felicidade, eu me encantei com o enredo, com os personagens e me prendi ao livro de uma forma que não larguei até acabar.
Quem ainda não conhecia assim como eu, um romance doce como a loja de Sophie.
comentários(0)comente



Sandra.almeida 22/07/2020

Doce e amargo
Amei este livro. Ele veio na caixa da Carina Rissi deste mês e acabei passando na frente de vários outros livros que estavam na fila para leitura e não me arrependi. O autor nos conta a história de Sophie que tem uma loja de chocolates. O que ela mais vende é um biscoito de chocolate muito amargo com mensagens de azar. Ela perdeu toda sua família em um acidente de carro quando tinha 9 anos e se tornou uma mulher amarga e com humor sarcástico. Ela conhece Garriett em um encontro as escuras e tem medo de abrir seu coração em busca da felicidade que parece não querer fazer parte de sua vida. Ameiiii
O que é felicidade para você? Já pensou em responder esta pergunta?
comentários(0)comente



Rafaela Rezende 08/09/2020

Gostei!
Foi uma leitura bem leve, consegiu me tirar de uma ressaca literária pesada. Valeu a pena.
comentários(0)comente



ju 10/11/2020

Gostei muito desse livro. A capa é muito gostosa!! Gostei de Sophie e sua luta para vencer tantas tristezas de sua vida, de seu passado. Nossa chorei e fiquei triste com ela e me surpreendi em muitos trechos da história.
comentários(0)comente



Nana 14/05/2014

Uma doce leitura!!!
Este livro foi uma boa surpresa! Eu esperava só um romance água com açúcar com um final previsível, mas foi bem mais do que isso.
É uma história simples, mas bem escrita e com criatividade. Tem um pouquinho de mistério, uma pitada de humor , um romance nem um pouco meloso e uma história de vida sofrida que deixa ensinamentos.
Simpatizei muito com os personagens: Sophie, Ellen, Ev e Garrett e com todo o ambiente em torno do enredo como o restaurante giratório, o planetário, o correio, a loja de chocolates, foi tudo muito próximo da minha realidade criando uma identificação deliciosa. O final é previsível? Sim é, mas também é lindo e emocionante. Adorei!!
comentários(0)comente



@universoliterariodajuju 13/08/2020

Bem docinho
Eu comecei um pouco travada no livro, achando que ia ser meio chato de ler. Acabei por amar essa surpresa tão doce! Foi um livro super libertador que lida com visões de culpa e desculpas. Amei a leitura e super recomendo.
comentários(0)comente



Sozinha 13/09/2020

Amargo, mas feliz
Quem diria que eu iria gostar desse livro. Se fosse julgar pela capa, nem leria. Por causa do clube e vontade de voltar a participar, eu o li. E que prazer poder ler e que triste terminar na melhor parte.
comentários(0)comente



Mary Dourado 28/09/2014

Esse livro entrou na minha meta de leitura de forma bem inesperada, já que sempre planejo os livros que vou ler no ano de forma antecipada e raramente adiciono um livro sem já ter lido muitas resenhas sobre ele. No mês de dezembro de 2013 recebi um pacote da Editora Record com esse livro dentro, cortesia do Skoob. Nesse período eu não estava acompanhando os resultados dos sorteios, então foi uma surpresa para mim. Apesar de faltar alguns dias para 2014 eu já tinha minha meta de leitura pronta. De início não adicionei esse livro, porque achei que era um daqueles romances chick lit, e em 2014 minha missão literária era ler ao menos 10 livros clássicos ou de autores consagrados do século passado, mas não resisti à curiosidade de conhecer a história de Sophie, até mesmo porque o design da capa combinando um marrom chocolate com o azul piscina somado a um doce em forma de coração chamou muito a atenção desta chocólatra e acabei começando a ler ele, no mesmo período em que estava lendo Memórias do Cárcere que foi uma das minhas leituras mais complicadas até hoje. Como Memórias do Cárcere apesar de ser um bom livro era bem cansativo, e eu só o lia em casa, Doce Procura era aquele livro que não saia da minha bolsa, para o caso de emergências.
E durante a leitura eu vi cair por terra o meu pré-conceito sobre ele, e a classificação adiantada como chick lit (não tenho nada contra, até leio uns de vez em quando, mas não são os meus preferidos). A história de Sophie e Garrett, não é somente um romance era uma vez...e felizes para sempre, ele passa mais tempo em assuntos como perdão, amor, esperança e a busca pela felicidade, é claro que tem o conto de fadas, até mesmo pelo título, mas o autor soube usar esses assuntos de forma harmoniosa.
Enfim, Doce Procura entrou para os meus favoritos e me ajudou a diminuir mais ainda o velho costume de julgar um livro pela capa, nesse caso pelo gênero (chick lit). Recomendo a leitura.
comentários(0)comente



53 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4