A Intimação

A Intimação John Grisham




Resenhas - A Intimação


30 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Simone de Cássia 14/02/2019

Gendedeus, que isso?? Esse livro deve ter sido escrito na época em que o autor era estagiário, só pode! Não tem nada de interessante: nem personagens, nem mistério, nem bandido, nem solução de mistério... e o final, absurdo! Besta demais! Tem partes tão maçantes que a sensação é a de estar escutando palestra depois do almoço num auditório escuro... Gostei não!
Janaina 14/02/2019minha estante
"Sensação de assistir palestra depois do almoço " foi a melhor definição de chatice que eu já li! kkkkkkk


Gleidson 14/02/2019minha estante
kkkkkkkkkkk muito boa sua comparação!!! Estava atrás desse livro, mas já desisti. rs


Riva 14/02/2019minha estante
Rindo horrores!!!!!!! Acho que foi o único livro que li dele e até que gostei, mas não animei a ler mais nada!


Simone de Cássia 15/02/2019minha estante
Verdade, gente, é puro tédio!! rs rs
Riva, por isso vc não animou a ler mais nada: começou pelo pior...rs rs




Biblioteca Álvaro Guerra 15/01/2019

Autor de sucessos como 'Tempo de Matar', 'A Firma', 'O Dossiê Pelicano', 'O homem que fazia chover', entre outros, John Grisham traz neste livro uma intrigante história onde um testamento é o centro de todo o enredo. Investigações, descobertas surpreendentes, chantagem e muito mistério, com todo o estilo característico de John Grisham, um dos escritores norte-americanos mais lidos do mundo.

Livro disponível para empréstimo nas Bibliotecas Municipais de São Paulo. De graça!

site: http://bibliotecacircula.prefeitura.sp.gov.br/pesquisa/isbn/9788532514356
comentários(0)comente



Roberta 14/03/2018

Fraco por ser livro do John Grisham
Meu 2º livro deste autor. Custei para terminar de ler, leitura arrastada, que poderia ser reduzida em 1/4 sem alterações no enredo. A ideia é boa e tinha tudo para ser um bom livro, mas achei o final fraco. Alguns capítulos são empolgantes, outros desanimam. Eu esperava mais por ser livro do John Grisham. Talvez a falta de tribunal, que é o forte do autor, tenha impacto na minha opinião. Vale a pena ler, mas não espere muito! Resumo: John não sendo John.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



reyder 10/07/2015

Mais extenso que o necessário, porém coeso e agradável
Ray Atlee volta a sua cidade natal para encontrar o pai doente e tratar de seu testamento para encontrá-lo morto. Na casa, 3 milhões em espécie, escondidos em caixas. O mistério então passa a ser descobrir a origem do dinheiro e o que fazer com ele enquanto tenta fugir de uma figura misteriosa que também sabe da existência do dinheiro e o persegue.

O livro é bem coeso, com personagens bem construídos. Algumas vezes me pareceu desnecessariamente prolongado em algumas cenas. No entanto, achei o final bem coerente e bem construído. Não é o melhor livro de John Grisham, mas não foge a seu estilo. É satisfatório e recomendável para um fim de semana chuvoso em casa ou pra ler no busão enquanto vai pro trabalho.

comentários(0)comente



Otlevire 20/08/2014

Razoável
O livro é razoável. Não mais que isso. Em alguns momentos a leitura é massante. Em outros a trama até que envolve um pouco mais o leitor, mas não passa de pequenos lampejos de empolgação. O dinheiro (ou a forma como ele nos transforma) é o tema central. Tudo gira em torno da fortuna e a forma como ela mexe com os personagens. Vale a leitura, mas que não se espere a melhor obra de Grisham. Não é. Está longe de ser.
comentários(0)comente



Gustavo 07/06/2014

Dinheiro...
Dinheiro, e mais dinheiro. Coisas que o dinheiro nos proporciona, coisas que o dinheiro nos tira... Enfim, Dinheiro e suas verdades.
comentários(0)comente



Teo 07/06/2014

'A Intimação' demora a envolver, mas quando o faz mantém o leitor curioso para com sua resolução. Não se tratando de uma "obra de tribunal" (como a maioria das obras de John Grisham adaptadas para o cinema), percebe-se uma conotação mais pessoal neste 'A Intimação' e isto é um diferencial positivo. O desfecho pode até soar simplista, mas a jornada de leitura faz os possíveis equívocos da obra valerem a pena. Por fim, este foi um bom primeiro contato com a literatura de Grisham.
comentários(0)comente



M. Scheibler 28/05/2014

Terceiro livro que leio desse autor e posso considerá-lo o mais fraco. A trama até segue de uma forma coesa, mas o final é vazio. A sinopse nos faz achar que uma grande coisa fez com que o pai do personagem principal tivesse milhões de dólares guardados em casa, mas fica um pouco obscura a resolução do mistério.

A maneira como John Grisham mostra os bastidores do mundo jurídico continua sendo o ponto forte de seus livros, mas nessa obra o trabalho ficou abaixo da expectativa.

Os personagens não empolgam e isso tira o embalo do livro. Quando se imagina que o final pode salvar, eis que surge uma indefinição ou falta de clareza.
Roberta 14/03/2018minha estante
Exatamente a minha opinião!




Andreas 29/03/2014

podia ser melhor!
um livro com incrível potencial, mas não tão bem desenvolvido, pois mescla um bom suspense com uma monotonia admiravelmente não percebida por seu autor, se mostrando mais um passatempo do que uma boa leitura.
Os personagens são bem descritos, o cenário também, mas a ação do livro tarda a aparecer e tem sua espinha dorsal num assusto que fica repetitivo com o decorrer da história e faz do livro regular.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Fernanda 26/09/2013

A intimação - John Grisham
Inicialmente o enredo é fascinante, é envolvente e desperta curiosidade. Oque você faria se encontrasse 3 milhões de dólares do aparador da velha casa de seu pai, que acabara de falecer? Bom a história se desenrola a partir deste ponto. O motivo pelo qual classifiquei o livro com 3 estrelas, foi pelo fato que como uma brilhante história o livro desperta muitas incertezas e fatos pequenos podem despertar certo poder investigativo em nossas mentes. Mas não se mostrou tão surpreendente no decorrer da história, se tornando um pouco monótono. O final me surpreendeu, achei bem interessante a inversão que ocorre. John Grisham escreve com certo manuseio e isso faz com que nos viciamos.
comentários(0)comente



T 28/08/2013

o tema central do livro não conseguiu despertar tanto minha curiosidade. assim, ele parece se arrastar para chegar a um final.

o final, porém, é ótimo, pois nos faz pensar.
comentários(0)comente



Margarida 11/08/2013

Ambição em família
A história envolve o espólio de uma juiz aposentado. Uma família reduzida a dois herdeiros: um filho mais velho - Ray Atlee - advogado, professor de uma universidade conceituada, divorciado, sem filhos, com bom salário e, o filho caçula - Forrest Atlee - sem profissão, viciado, levou a vida entre clinicas de recuperação e recaídas, casado com obesa de 150 Kg.

Ray encontra seu pai morte de uma forma deprimente, considerando a casa suja, sem qualquer tipo de manutenção, morto em seu escritório, ligado a morfina, certamente para reduzir suas dores de um câncer descoberto menos de seis meses.

Ali Ray encontra seu testamento nomeando-o como inventariante e, para sua maior surpresa, escondido em seu escritório em caixas de papelões ele vê em notas de USD 100, importância vultuosa, que o assusta, considerando a vida que seu pai se levou de honestidade, ética e doando tudo que recebia para os menos afortunados.

Antes que qualquer outra pessoa possa chegar, sabendo que seu irmão Forrest logo chegaria, afinal estava ali por um chamado do pai para uma reunião familiar, esconde as 27 caixas na área de serviço.

Ray não conta a ninguém, nem mesmo a seu irmão, sobre o achado e, resolve investigar para descobrir a origem de todo aquele dinheiro, começa a duvidar da honestidade do pai, questionar-se se incluiria ou não no espólio, sabedor da incidência dos impostos.

Outra dúvida assolava Rey, ora se dividisse com seu irmão, tinha a certeza, que este se mataria em meios as drogas que sempre o fizeram a inúmeras recaídas.

O sossego de Ray acabara exatamente na noite da morte do pai, pois começara a ser perseguido não se sabe por quem, mas com certeza era em função dos milhões encontrados.

Ao longo da investigação as respostas são dadas e, Ray passa a ter a certeza da ética, honestidade e vida digna que seu pai vivera e, por outro lado a descobrir as mazelas que sempre envolve o Poder Judiciário, no entanto, a maior descoberta será quem está por trás da perseguição implacável que sofre durante todo tempo.

Uma história envolvente que nos leva analisar as questões profissionais, familiares, de amizade, e, principalmente como proceder durante nossa existência para com os nossos entes queridos.
Margarida 11/08/2013minha estante
Gostei, considerando as questões envolvidas, como velhice, morte, espólio, questões de divisão de bens e, conflitos pessoais. Além, é claro, de falar das questões de bastidores de julgamentos de causas indenizatórias.


Denis Silva 19/12/2013minha estante
Margarida, sobre bastidores de julgamentos de causas indenizatórias, recomendo outro livro de John Grisham chamado "Os Litigantes". Livro Sensacional. Fui!!




spoiler visualizar
comentários(0)comente



30 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2