Deslumbrante

Deslumbrante Madeline Hunter




Resenhas - Deslumbrante


30 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Laura A.M 27/08/2019

Deslumbrante é o primeiro livro da série As Flores Mais Raras da autora Madeleine Hunter trazido ao Brasil pela editora Leya.
Esse romance de época conta a história de Audrianna, uma mulher que viu todo seu mundo sendo virado de cabeça pra baixo depois que a lealdade de seu pai, com a Inglaterra durante as guerras Napoleônicas, é questionada e seu posterior suicídio. Depois desses eventos nossa mocinha se vê obrigada a se isolar da sociedade Londrina em uma casa de campo onde vivem somente mulheres, um tanto quanto excêntricas. Nessa casa ela vai aprender diversas coisas, como, manejar uma arma, a ser independente e a não ligar tanto para a opinião dos outros. Com essas novas lições aprendidas ela decide que pode limpar o nome de seu pai sozinha descobrindo quem estava envolvido na traição ao governo.
Esse novo objetivo a leva de encontro com Lord Sebastian, homem que liderou as investigações ao seu pai, em uma situação comprometedora que vai acabar manchando mais sua reputação e de sua família.
Esse livro tem diversas cenas divertidas, principalmente com a nossa mocinha que vai ir em lugares, fazer e dizer coisas que não eram aceitas bem na época para encontrar justiça para seu pai. Além disso uma coisa que eu achei interessante foi o modo que a autora trabalhou o desenvolvimento das relações entre Audrianna e Sebastian, que embora tenham tido uma atração física desde o início, foram ter emoções mais profundas no decorrer da narrativa.
Esse é o segundo livro que eu leio da autora e novamente o final termina de uma maneira abrupta e enquanto se está lendo parece que ainda teremos pelo menos mais um capítulo, características essa que me incomodou muitoooo.
comentários(0)comente



Regiane.Braga 29/07/2019

Preferido da série..
O legal dessa série é que os amigos se apaixonam pelas amigas, mais o meu livro preferido é o primeiro da série, adoro as mocinhas da Madeline elas são sempre determinadas, não ligam pra as convenções, correm atrás dos seus objetivos, e nem sempre é homem e casamento.. porquê na minha opinião o amor é maravilhoso.. mais isso não precisa o ser necessariamente o único objetivo de uma vida.. nesse livro Audriana vai tentar descobrir o que levou o seu pai ao suicídio e dai entra o Sebastian, que também investiga o mesmo crime, e aí eles se apaixonam e lutam contra o sentimento, e tem desavenças de família, e o mocinho e a mocinha são muito legais, gostei dos dois..
comentários(0)comente



Amanda Caldeira 04/05/2019

Um amor deslumbrante
Eu vinha numa vibe de romances bem características: um mocinho tudo de bom, mas meio bronco + uma mocinha fogo na roupa + uma paixão avassaladora em todos os sentidos. Com isso, me desacostusmei a esse estilo mais parado e no começo me senti até meio perdida e confusa, mas sinceramente... Que livro mais fofo!
Madeline Hunter trata com bastante sensibilidade um tema que envolve vingança e justiça na mesma medida, mas mais do que isso, envolve fé no próximo e altruísmo para com pessoas que amamos de verdade.
Aqui temos Audrienne, filha de um funcionário do Ministério de Guerra inglês que foi acusado de ter participado de um esquema para trocar pólvora a fim de lucrar umas libras com contrabando. Desmerecido pela sociedade e sofrendo de depressão, seu pai se mata e deixa a família numa situação desconfortável. Ela não acredita que o pai foi envolvido nisso e, mesmo conformada com seu destino, tenta da maneira que pode limpar o nome de seu pai. Ela é forte e decidida e quando encontra um recado para seu pai no jornal, resolve seguir as pistas em nome dele.
Lorde Sebastian Summerhays foi o maior investigador do caso. Membro da Câmara dos comuns e irmão de um marquês que ficou inválido na guerra, ele vê em casos como esse, a chance de fazer justiça e de manter seu irmão interessado em algo que não na desgraça que se abateu sobre ele. Apesar de convencido do envolvimento do pai de Audrienne, ele acredita que há outras pessoas envolvidas e resolve seguir com a investigação por conta própria. Quando percebe num jornal uma chamada suspeita, ele resolve comparecer ao encontro e dá de cara com a filha do homem que ele praticamente perseguiu, querendo limpar o nome do pai.
Numa breve confusão, eles acabam enrascados, pois ele foi alvejado no braço com a arma que Audrienne levou e o homem que foi encontrar com eles, fugiu. Logo, o nome dos dois se vê envolvido em um escândalo que só um casamento pode restaurar. Daí eles entram em um acordo que pode beneficiar os dois, mas deixando claro suas posições no que defendem. O que não esperavam era que a química entre os dois poderia se desenvolver numa paixão avassaladora.
Achei o livro lindo, o desenvolvimento foi devagar e convincente, e adorei o final com o altruísmo e amor que pode solucionar todo o caso. Madeline Hunter tem o dom de transformar o corriqueiro em algo deslumbrante ao nosso olhar, afinal, apesar de toda intriga, o livro apresenta um amor puro e crescente que pode acontecer com qualquer um através da convivência, admiração e respeito mútuo. Realmente gostei e estou super curiosa para os próximos volumes (principalmente o último).
comentários(0)comente



Valdirene.Silva 04/02/2019

SINOPSE
Numa época em que a reputação de uma mulher é o seu bem mais precioso, Audrianna desafia todas as convenções. Ela é uma jovem determinada, independente… e disposta a tudo para aniquilar o seu adversário, o convencido Lord Sebastian Sommerhayes. Entre os dois está a história de um homem: o pai de Audrianna, que morreu envolto nas tramas de uma conspiração. Para ela, essa tragédia significou o fim da sua inocência. Para Sebastian, que liderou a investigação, foi apenas uma morte merecida. Audrianna jurou limpar o nome do pai, mas nunca esperou sentir um desejo tão avassalador pelo homem que o arrasou. A busca pela verdade vai levá-la longe demais numa sociedade que é implacável perante a ousadia feminina...

Baixe o Livro grátis no Link abaixo:

site: http://livrosonlineaqui.com/2019/02/04/deslumbrante-madeline-hunter/
comentários(0)comente



Lili 19/09/2018

Trama lenta (3,5)

O pai de Audrianna Kelmsleight viu seu nome envolvido em uma investigação sobre a morte de soldados no campo de batalha após serem massacrados por terem pólvora estragada pra se defender na batalha. Ele não aguenta a pressão da investigação e acaba deixando mulher e filhas envolvidas em um escândalo.

Sendo uma das poucas pessoas que acredita na inocência do pai, Audrianna vai a um encontro com um misterioso homem que parece ter informações que podem ajudar a limpar a memória dele.

Dominó, o homem misterioso, colocou uma mensagem no jornal para encontrar o pai de Audrianna. Mas, a mensagem também foi vista por Lord Sebastian, um dos responsáveis pela investigação que resultou no falecimento de Horatio Kelmsleight.

Pensando haver mais pessoas envolvidas na tragédia, Sebastian continua a investigação mesmo após a morte do culpado.

Sebastian e Audrianna acabam se encontrando na estalagem onde a reunião com Dominó havia sido marcada. Esse encontro resulta num escândalo, que afeta a reputação de ambos, e Audrianna vê-se envolvida com o maior perseguidor de seu pai.

Audrianna é uma personagem forte que teve sua vida completamente modificada quando o pai virou suspeito de uma investigação. Tanto ela, como a mãe e a irmã, vira-se manchadas pelo escândalo e perderam apoio de parentes e amigos.

Após perder o noivo em meio ao caos que se tornou sua vida, Audrianna é enviada pela mãe para viver com uma prima, que costuma acolher em sua casa mulheres que precisam de ajuda.

Sebastian é um ex-libertino, o irmão perdeu os movimentos das pernas na guerra e ele teve que assumir as responsabilidades dele. Preza o respeito que vem conseguindo com seu trabalho e assim, faz de tudo para não ter seu nome manchado pelo escândalo. É honesto, de personalidade forte e sensual.

O romance é pouco romântico, há ressentimento da parte dela e a história envolvendo o pai e a investigação pairando entre eles, mas é sensual, sem exageros.

Gostei que os protagonistas são bem francos um com o outro, não há joguinhos de vingança escondidos. Eles lidam com os acontecimentos a medida que vão surgindo de forma madura e as claras.

A minha relação com a autora, parece ser 8 ou 80, as vezes gosto muito e as vezes nem tanto. Infelizmente “Deslumbrante” não me encantou tanto.

A trama é lenta e Madeline bem descritiva nessa história. A investigação carece de um pouco de ação, o romance de um pouco de química, e a história de um epílogo (todo livro deveria ter epílogo). Contudo, a escrita da autora é boa e pretendo continuar a série, pois, como eu disse, a minha relação com Madeline muda de história para história.

#DESAFIOHISTORICOSEEU3 (Que o título seja apenas uma palavra)
comentários(0)comente



Patrícia 18/07/2017

4.5 estrelas
comentários(0)comente



Ana Luiza 06/05/2017

Decepcionante
É com livros como Deslumbrante em que percebemos como a tradução pode mudar complemente uma obra. No caso, a adaptação do texto para o português ficou terrível, cometendo erros absurdos e deixando o livro confuso e chato de ler. A narrativa da autora perdeu seu brilho com a tradução mal-executada, que se somou a um romance chato entre os protagonistas, uma mocinha que muda completamente quando se apaixona e uma história que, apesar de boas pitadas de mistério e ação, acabou, no geral, sendo uma leitura ruim. Infelizmente, não gostei em nada de Deslumbrante, apesar de que não só o livro, como a série, tinha bastante potencial para serem bons romances de época. Talvez eu dê uma chance ao segundo volume da saga Flores Mais Raras, mas pegaria o próximo livro sem qualquer expectativa.

LEIA A RESENHA COMPLETA E VEJA FOTOS DO LIVRO NO BLOG:

site: http://www.mademoisellelovesbooks.com/2017/05/resenha-deslumbrante-madeline-hunter.html
comentários(0)comente



Layssa Costa (@mermaidsandbooks_) 28/08/2016

Gostei
É um livro muito interessante, você não consegue parar de ler pra saber o que realmente aconteceu. O casal é muito bonitinho, eles demoram pra se entender pois, ficam guardando seus sentimentos e tirando conclusões sem averiguar, mas eles superam juntos várias provações é assim nasce um amor muito bonito.
comentários(0)comente



Juliane Meira 27/08/2016

Deslumbrante - Madeline Hunter
Vou dizer a verdade, comprei o livro apenas porque eu amei muito muito muito a capa. Ficou um tempo guardado na estante ate que finalmente resolvi ler ele. Resultado? AMEIIIIIIIIIIIIII, Madeline tem um jeito incrível de contar a historia, e faz você querer muito saber o final. Sabe quando o livro ta tudo indo bem, e PAH, acontece uma coisa e revira a historia toda. E depois que os segredos de Audrianna começa a se revelar, você quer automaticamente saber das outras.

Mas tem um lado horrível. Apenas o primeiro e o segundo livro da serie, tem no brasil. Os outros dois apenas em portugal. Eu aproveitei e li os dois físicos e dei um jeito de ler os dois últimos em português de portugal, e não me arrependi nem um pouco. A serie e otima.
comentários(0)comente



Lele_costa 01/04/2015

Deslumbrante é o livro de abertura da serie "As flores mais raras" aqui no BRA ou "Flores Preciosas" em PT (eu acho), e o primeiro que leio da Madeleine Hunter depois de muito tempo rsrsrs Minha últtima leitura dela foi "Jogos do Prazer" da série Rothwells e confesso que Deslumbrante não deixou a desejar não.

Essa série conta as histórias de 4 mulheres que vivem sozinhas e independentes na Inglaterra pós-guerras napoleônicas. A "dona" do livro de abertura da série é Audrianna (não sei porque reclamam dele, é bonito, forte e combinou com a prota rs), moça de vinte e poucos (23 eu chuto) que viu sua família ir pra bancarrota depois que um escândalo caiu sobre eles e causar o suicídio do patriarca. Ela saiu de casa e foi morar em outra onde o sustento se dava a partir da criação e venda de flores no campo, perto de Londres. Audrianna dava aulas de musica pra se sustentar junto com o trabalho no jardim. Paralelamente, ela investigava por conta própria o escândalo que manchou o nome da família. Ela queria sangue hehehehe brinks ela queria a todo custo limpar o nome da família. Essa saga a levou para Brighton atrás de um informante. Sebastian também estava atrás do mesmo informante, confundindo um ao outro começaram um jogo de sedução que resultaria em um escandalo, e mais tarde em casamento.

Como eu falei, Deslumbrante tem o selo Madeleine Hunter de qualidade. Seus livros de aberturas sempre são muito bons. Sem contar o núcleo do Flores Preciosas, 4 mulheres fortes, com passado misterioso, em parte encoberto por uma regra imposta pela dona da casa. Duante o livro o passado de uma das mulheres é desvendado. O mistério foi bom e seu desfecho não decepcionou como em Lições do desejo. Sebastian e Audrianna tem uma química incrível eu achei e a história deles foi bem desenvolvida. A sogra é uma entojada tamanho pepino que Drianna tem que aguentar pelo resto da vida rsrsrs Tbm, tem seus motivos pra ser azeda. E Morgan, é um amor de pessoa, adorei ele. Só tenho uma ressalva com ele: Não gostei que depois do casamento Sebastian simplesmente exclui Audrianna das investigações e ela que vira um "anjo do lar", talvez seja sua criação. E faltou um final para os verdadeiros culpados. Tirando isso é um livro muito bom.
comentários(0)comente



Vivi Martins 04/01/2015

Audrianna Kelmsleigh é uma jovem forte, decidida e determinada e ela acredita na inocência de seu pai que foi acusado injustamente e terminou se matando. A fim de provar a inocência do pai, Audrianna fará o que for necessário em sua investigação, inclusive ir sozinha a um encontro com um homem que ela acredita possuir uma informação que a ajudará a provar seu argumento.
Lorde Sebastian Sommerhayes está empenhado em desvendar toda a conspiração que envolveu Horatio Kelmsleigh e se dirige ao mesmo local que Audrianna e seu encontro com ela termina não apenas fazendo com que ambos percam a informação que buscavam, como gerando um grande escândalo. E quando a honra o leva a adotar a postura cabível a um cavalheiro, tanto Sebastian como Audrianna se verão envolvidos em um destino que nenhum dos dois queria, mas com o qual terão que aprender a conviver e se possível, tornar suportável!
comentários(0)comente



Eri Guimarães 22/11/2014

Deslumbrante
Olá Galera BLA!

Como vocês puderam perceber, esse mês foi mega recheado de livros de Romance Histórico, afinal estamos no inicio de férias paras muitos e nada melhor do que conhecer bons livros para relaxar e entreter. Madeline Hunter é um dos ícones do gênero e dessa vez venho apresentar para vocês a série As Flores Mais raras.
Audrianna mora com sua prima Daphne, e duas outras moças, Lizzie e Célia, e trabalham no cultivo de flores, o Flores Preciosas. Mas, não pensem que tudo é felicidade, Audrianna acredita que seu pai foi envolvido em uma conspiração que acabou por levá-lo a morte e será capaz de tudo para provar sua inocência.
Do outro lado está Lord Sebastian Sommerhayes, o homem que investigou o pai de Audrianna e chegou à conclusão que ele havia facilitado um esquema que teve terríveis consequências para o exército britânico. E ele está disposto a conseguir os nomes dos outros envolvidos. Depois de um encontro inesperado, os dois se viram envolvidos de uma forma que jamais imaginaram estar.
Bom, eu amo o estilo da Madeline Hunter e essa história de espionagem muito me empolgou com a leitura. Essa leitura me deixou tão envolvida na trama que eu não queria que o livro chegasse ao fim.
Audrianna é bem decidida para a época em que vive e o fato de morar em uma casa de mulheres solteiras e sozinhas por si só já é inovador. Ela não se deixa intimidar, e mesmo que seja uma jovem doce e recatada é super corajosa.
Sebastian por sua vez, por amor à família, em especial ao seu irmão Morgan, é capaz até mesmo de anular algumas de suas vontades. Desde que seu irmão voltou ferido da guerra ele está na direção dos negócios. Ele tem caráter, é corajoso, acredita em seus ideais, e ainda é muito bonito.
Podemos notar que quando nossos protagonistas se conhecem há algumas faíscas. A Audrianna quase que me deixou orgulhosa, eu digo quase porque achei que ela cedeu bem rapidamente em uma questão do livro. Gosto de personagens femininas que batem o pé e não cedem tão rapidamente, mesmo que isso possa prejudicá-las um pouco, ela já havia pensado em outra alternativa! E também quando eu achava que as coisas iam ficar mais quentes, os personagens ficavam pisando em ovos, cheios de dedos um com o outro. E isso realmente pode ser irritante.
Mas, o livro tem uns mistérios que envolvem outros personagens, que são bem tramados e nos deixam meio embasbacados por não pensarmos no que realmente seria. Alguns personagens secundários serão protagonistas nos próximos livros da série, eu fico imaginando se eles me parecerão diferentes de como os vi em “Deslumbrante”.
E como não podia deixar de ser em um livro assinado por Madeline Hunter, os personagens, tanto protagonistas como secundários tem muito carisma e participações importantes. E tenho que falar: Hawkesell, amigo de Sebastian, me pareceu patético em algumas situações. Torço para que se ele chegar a ser protagonista de algum livro da serie, que melhore esse lado.
Tirando o romance dos protagonistas que achei meio tranquilo demais, as partes de investigação foram bem legais, achei que Audrianna ia ousar mais, mas parece que isso ficou a cargo de Sebastian, e o moço sabe ser bem persuasivo, como ele provou naquela parte que eu pensava que Audrianna não devia ceder!
Como eu falei antes, esse livro faz parte da série As Flores Mais Raras em alusão as moças que trabalham no Flores Preciosas. O próximo livro é o “Provocante”, e já estou louca para compra-lo. Quem sabe ele não será meu primeiro Romance Histórico de 2015?


site: http://literalmenteamigas.hol.es/
comentários(0)comente



Bruna 18/10/2014

Deslumbrante, um romance de época super fofo de Madeline Hunter, é o primeiro livro da série As Flores Mais Raras, e se passa na Inglaterra pós-guerra napoleônica.

Durante a guerra, houve um sério problema envolvendo pólvora adulterada, que levou a morte de vários soldados. As investigações foram conduzidas pela Câmara dos Lordes, e teve como figura central e determinante, o Lorde Sebastian Sommerhayes, que foi implacável em sua busca por justiça e pela verdade. No final das investigações, foi determinado que o problema foi caudado por negligência por parte de Mr. Kelmsleigh, funcionário do Gabinete do Material de Guerra, e este ao ver seu nome e honra jogados na lama, acabou por cometer suicídio.

Audrianna é filha de Mr. Kelmsleigh, e acredita firmemente na inocência do pai, e prometeu limpar seu nome. Ao ver um anúncio no jornal, no qual um tal Dominó solicita a um encontro com seu pai, ela não exita em comparecer ao local marcado, mesmo que isso comprometa sua reputação e o que resta de seu nome. Porém, Sebastian também viu o anúncio, e acreditando que o problema com a pólvora decorreu de uma grande conspiração, e não pura e simples negligência, também vai ao encontro, visando descobrir quem seriam os comparsas do falecido Kelmsleigh. Bom, vamos apenas dizer que o encontro não vai nada bem, e a noite termina com Sebastian e Audrianna envolvidos em muita confusão e grande escândalo.

... ele tinha fome de culpados como ela tinha de justiça.


Audrianna é uma jovem corajosa e leal. Após a morte do pai, ela sai de casa, para poupar despesas para mãe e irmã mais nova, e vai morar com a prima Daphne, em sua propriedade rural conhecida como Flores Preciosas. Lá, a anfitriã divide a casa e as tarefas de subsistência com Audrianna e outras duas jovens: Célia e Lizzie. Ela ensina as três jovens a serem "mulheres independentes" e sobrevivem da comercialização das flores ali produzidas.

Já Sebastian, é o irmão mais novo do Marques de Wittonbury, Morgan. É um homem honrado e determinado, com um passado marcado pela fama de libertino e mulherengo. Após a trágica participação de Morgan na guerra, que o deixou inválido e com a saúde frágil, Sebastian se vê na posição de assumir as funções públicas do irmão.

O escândalo envolvendo Sebastian e Audrianne afeta negativamente os dois. Adorei isso, pois na minha experiência com romances de época, as mulheres são sempre as únicas a se verem afetadas por qualquer escândalo. Mas a posição controversa de Sebastian, como o principal acusador do pai de Audrianna colocam suas atitudes em dúvida, e ele se vê negativamente afetado pelo escândalo, tanto ou mais que ela. E quem tem o hábito de ler romances de época, como eu, já sabe que a única maneira de abafar um escândalo assim, é o casamento, *.*

Eu simplesmente adorei a construção do relacionamento dos dois, que foi evoluindo aos poucos e gradativamente. A forte atração inicial foi se transformando em carinho, até se tornar amor. Tudo de forma bem sutil.

Ele era para ela novo e estranho, antigo e familiar, ao mesmo tempo, em que corpo e espírito e em todo o resto.


E o livro ainda traz um ar de mistério, na figura do Domino e das informações que esse guarda. Gostei muito dessa parte, pois a verdade por trás da história da pólvora adulterada conseguiu me surpreender, ou pelo menos os envolvidos nessa história me surpreenderam.

Deslumbrante é um delicioso romance de época, narrado em terceira pessoa, e com as características que me fazem amar o gênero: um ar de inocência, cenas divertidas, sensualidade e romance. O livro tem cenas hots, nada exagerado ou vulgar, mas mesmo assim, não recomendaria para menores.

Sobre a diagramação, não tenho muito o que falar, pois li o livro em ebook, porém a revisão está muito bem feita, e percebi a presença de poucos erros que não comprometem em nada a trama. E a capa é linda, realmente deslumbrante.

Recomendo a leitura para todos que curtem um romance leve e despretensioso, destes que nos encantam e nos fazem suspirar.

- Nós não nos chamamos Flores Preciosas, sabe. Só o negócio tem esse nome.
- Vocês são todas flores preciosas e eu fiquei com a mais preciosa de todas.




site: http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/2014/09/resenha-deslumbrante-madeline-hunter.html
comentários(0)comente



Adriana 28/09/2014

Deslumbrante de Madeline Hunter
Eu realmente começo a ver a autora Madeline Hunter com outros olhos, a serie anterior (Os Rothwells) foi uma das mais fraquinhas que li nos últimos tempos, porem esta serie atual, é de longe uma das minhas preferidas. Este é o primeiro livro da serie As Flores Mais Raras que é composto por quatro livros onde as protagonistas se entrosam durante o decorrer das historias, pois todas moram em uma casa onde cultivam flores e cada uma guarda um segredo.
" - Nós não nos chamamos Flores Preciosas, sabe. Só o negócio tem esse nome.
- Vocês são todas flores preciosas e eu fiquei com a mais preciosa de todas. "
Eu comecei pelo segundo livro, já que são livros individuais, e como gostei acabei pegando o primeiro para ler e adorei. A autora fez uma historia bem legal com direito a mistério, e uma pitada de drama e acontecimentos inusitados. Tem cenas picantes, porem de um modo bem leve e sutil, e muito menos vulgar e detalhista que na outra serie. Não é um livro sensacional, é simplesmente mais do mesmo, e já que gosto do tema, eu achei que historia valeu a pena.
"Audrianna ficou lendo as palavras. Por mais vagas que fossem, tinha certeza que se referiam a Lord Sebastian e ela mesma. Mas era uma mentira estúpida. Não houvera repressão e decididamente nenhuma travessura, apenas um mal-entendido ridículo....Não só Daphne descobriria. Todo mundo descobriria."
O livro começa com a jovem Audriana que tenta a todo custo limpar o nome do pai, que ela julga ter sido vitima de uma grande injustiça, onde veio a cometer suicídio em decorrência dos fatos. E após ler um anuncio suspeito no jornal, ela julga que poderá obter as respostas que tanto necessita com este informante. Porem o Lord Sebastian Sommerhayes, que trabalha para o governo também lê o anuncio e vai ao tal encontro em busca de outras respostas.
Lord Sebastian é um "ex-libertino" que busca incessantemente informações para averiguar uma fraude, a compra de pólvora adulterada, que fora enviada para a guerra, onde vários soldados inocentes perderam a vida. Então quando ele chega a estalagem de Duas Espadas e é encaminhado aos aposentos do tal informante, se surpreende ao se deparar com uma linda mulher, e tenta usar todo o seu charme para adquirir as informações que deseja.
"Ele era para ela novo e estranho, antigo e familiar, ao mesmo tempo, em que corpo e espírito e em todo o resto."
Infelizmente tudo se transforma numa grande confusão. Audriana estava armada com uma pistola, e se vê encurralada pelos galanteios do Lord Sebastian, o verdadeiro informante chega num determinado momento entrando em uma luta corporal, e consequentemente a arma de Audriana dispara.
A reputação de Audriana já não era das melhores depois do suicido do pai e do esquema da investigação, e depois que corre o boato de que ela atirou em Lord Sebastian ficou ainda pior. Ele por sua vez tentou abafar o caso como pode, mas não vendo outra solução a pede em casamento para limpar o nome de ambos.
Audriana terá um grande aliado, o Marques Morgan Wittonbury, irmão de Sebastian que ficou impossibilitado de andar depois que chegou da guerra, porem também terá uma sogra bem carne de pescoço. Mas o principal é: será que Audriana será capaz de conviver tão intimamente com o grande responsável pela caçada ao seu pai, e perdoa-lo por tudo que ela e a família passaram desde então.

site: http://meupassatempoblablabla.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Rafaela Regis 21/08/2014

Deslumbrante - Madeline Hunter
Deslubrante de Madeline Hunter é o primeiro volume da série As Flores Mais Raras, lançado pela Leya. Acho que todo mundo já está cansado de saber que eu sou louca por romances históricos, né!! Já havia lido várias resenhas dele e me interessei bastante, até porque tem um segredo a ser desvendado e é claro mocinha que não queria mocinho e só isso já dava para apimentar a história.

No entanto quando comecei a ler o livro, não sei se era eu que não estava no clima ou foi a história mesmo que não me atraiu. Sério mesmo! Pensei em largar a leitura várias vezes mas me mantinha firme e continuava a ler esperando que o clímax chegasse e espantasse toda a minha falta de empolgação com o livro.

O que infelizmente não aconteceu, pois eu não gostei dos personagens e não gostei do rumo que a autora dava a história, mesmo tendo um romance fofo. Claro que eu levei em conta que é um histórico e que a mentalidade é outra, mas mesmo assim não me atraiu.

Audriana (acho que era para ser Adriana, mas enfim) é uma moça que viu sua família ser destruída, seu pai se suicidou por causa de vários rumores e ela jurou limpar o nome dele a qualquer custo e por isso vai atrás de uma pista e acaba encontrando Sebastian, o homem que perseguiu seu pai.

Sebastian é um homem que depois que seu irmão voltou da guerra inválido teve que assumir o titulo e todas as responsabilidades que ele traz, e e claro tentar descobrir o que foi que aconteceu no campo de guerra e quem está por trás da conspiração.

O livro começa com Audriana cheando na estalagem procurando um tal de Dominó e Sebastian acaba encontrando ela lá e se passa pelo "tal" informante, sem esperar que o verdadeiro apareça e acaba prejudicando ainda mais a reputação da jovem e a solução encontrada é o casamento.

Deslumbrante é um livro morno e sem grandes exaltações, o que me deixou um tanto frustrada pois esperava muito mais, até mesmo a tal conspiração se revelou uma coisa tão pequena que me deixou chateada. Mas eu não desisto da Madeline Hunter, até porque todo mundo fala bem dela, vai ver foi eu que não tive sorte.

site: http://dlivros.blogspot.com.br/2014/08/deslumbrante-madeline-hunter.html
comentários(0)comente



30 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2