Beleza Perdida

Beleza Perdida Amy Harmon




Resenhas - Making Faces


571 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Kat 18/01/2021

Emocionante
Eu amo esse livro de uma forma que nem sei explicar.

Primeiro que a história é baseada no conto de A Bela e Fera, o que já me conquistou de início. Segundo que não é apenas um clichê do cara super popular e da garota nerd, esse livro também fala sobre luto, amizade, descobertas, violência doméstica, deficiência, entre outras temas importantes.

Acredito que a coisa que mais me deixou emocionada com esse livro, foi ver o quanto uma amizade pode salvar uma pessoa. A autora soube desenvolver muito bem, não deixou o foco apenas no romance. Fora que o desenvolvimento dos personagens é incrível.

Teve momentos em que eu quis entrar dentro do livro pra descer a porrada e um determinado personagem, claro que sempre tem um babacão fedido e maldito.

Eu terminei a leitura com vontade de virar amiga da Fern, Bailey e do Ambrose. Meu trio de ouro.
Teve momentos que eu chorei tanto, que até pensei que minha cabeça ia explodir. Principalmente no final.

É um livro que não é recomendando para uma pessoa que está sensível ou passando por algum momento difícil.

Enfim, acho que é uma ótima leitura!
comentários(0)comente



cswashiya 16/01/2021

Muito, mais muito bom
Nunca tinha lido nada da autora, mais já tinha ouvido muito sobre esse livro. Já faz um tempo que queria ler Beleza Perdida e me arrependo de não ter lido antes.
Esse livro é muito, mais muito bom mesmo.
Recomendo.
comentários(0)comente



Biah Oliveira 15/01/2021

Beleza Perdida - Amy Harmon
Em beleza perdida acompanhamos a história de três adolescentes Ambrose, Fern e Bailey.
Fern é uma garota nerd, ruiva e sardenta, considerada feia se comparada a outras garotas de sua escola. Ela é prima de Bailey, que tem distrofia muscular por isso usa cadeira de rodas, e apaixonada desde criança por Ambrose Young, o campeão de luta livre da escola.
Bailey é um adolescente muito extrovertido, e apesar da sua doença ama a vida e vive ela a cada segundo, com certeza é o personagem central dessa história pra mim. Ele é filho do treinador de Ambrose e consequentemente é muito amigo dele.
Ambrose Young é um cara durão, lindo e cobiçado pelas garotas de sua escola. Por ser muito bom em luta livre, os moradores de Hanna Lake esperam muito dele, mas Ambrose na verdade não quer ir para a faculdade ainda. Ele e seus amigos mais próximos vão para o exército, porém essa decisão trás consequências terríveis para todos na pequena cidade?
Esse livro é uma lição de vida, Bailey nos ensina que ter dificuldades não é desculpa para realizar sonhos, Fern nos mostra que uma amizade vale muito mais que tudo, e Ambrose é um exemplo perfeito de que beleza não é tudo.
Rafa 15/01/2021minha estante
Eu amei esse livro, comecei sem muitas esperanças, já pensando em ler e passar pra frente e me surpreendi.




Thalita 14/01/2021

"Porque coisas terríveis acontecem com as pessoas tão boas? Porque coisas terríveis acontecem com todo mundo, Brosey. Ficamos tão violados voltados para os nossos problemas que não vemos a toda merda em que as pessoas estão chafurdando."

Um livro que mostra que o amor, está além da beleza. Deus ensina na Bíblia que o amor está além das aparências físicas e o que importa mesmo, é o que você tem dentro do seu coração. Seu passado, suas ações, suas mágoas e dores, não definem quem você é, mas podem lhe tornar mais fortes, caso você permita.
comentários(0)comente



Madu.Borba 12/01/2021

Eu esperava mais
A proposta em si é boa, tem muitas problemáticas pertinentes e me fez chorar viu. Destaque pra Bailey que é o meu personagem preferido e que sua história esmagou meu coraçãozinho, só não dei mais estrelas pq apesar de ser boa não me prendeu.
comentários(0)comente



Aline.Melo 11/01/2021

Um livro mais que necessário
Uma história que fala de tantas coisas importantes que a gente só dá valor quando perde. Uma história sobre lidar com o luto, com a impotência, com a dor e tirar beleza e aprendizado acima de tudo. É descobrir que existe vida além dos problemas e das perdas.
Um livro incrível que todo mundo deveria ler pelo menos uma vez na vida.
comentários(0)comente



Alanne.Maia 11/01/2021

apaixonante!
Amo a Amy harmon e com certeza está entre as minhas autoras preferidas! E este livro só veio para confirmar mais uma vez o quanto ela é perspicaz e envolvente em cada uma de suas histórias.
Com personagens fortes e cativantes que ganharam meu coração
comentários(0)comente



Bia 08/01/2021

Delicado
Foi uma leitura maravilhosa, esse livro é leve, fofo, e trás muitos assuntos interessantes que nos fazem refletir muitoooo sobre a vida, a morte, a fé, a importância de ter quem amamos e quem nos ama por perto, sobre valorizar, cuidar, e ser mais sensível e empático. Eu amei o Bailey, um menino com um coração enorme S2. Termino agora esse livro com uma sensação muito boa, e com um quentinho no coração, se eu posso dizer algo sobre esse livro é: Por favor, leiam! Vocês não vão se arrepender.
comentários(0)comente



Maria Beatriz 03/01/2021

Esse foi um livro que me surpreendeu, estava esperando uma história quase que clichê, mas não foi nada disso ,a história contada trata de varios assuntos importantes, que em alguns momentos me emocionaram e me fizeram pensar.
Mila 03/01/2021minha estante
Eu amo esse livro ?


Juu 03/01/2021minha estante
Acho esse livro perfeito ?




priscila.wenzel 03/01/2021

Amei!

Ambrose Yong é um lutador famoso no colégio, popular, cercado de garotas e amigos.

Fern Taylor é uma garota ruiva e tímida, segundo opiniões não muito bonita, que desde os 11 anos é apaixonada por Ambrose Yong. A única coisa que ela sabe sobre romances é através dos livros que lê e dos próprios romances que escreve.

Ambrose tem 4 melhores amigos também lutadores, mas que são meio babacas. Eles zombam de Fern por ela não ser a garota de 17 anos mais linda e gostosa do colégio. E talvez por imaturidade ou pra não ficar mal visto no grupo, ele acaba rejeitando Fern.

Quando se forma, Ambrose decide servir na guerra, após o ataque de 11 de Setembro e convence seus amigos a irem com ele. Na noite de despedida deles, após uma brincadeira idiota por parte de seus amigos, Brosey e Fern se beijam pela primeira vez e a partir dai parece que nosso mocinho começa a expressar sentimentos por Fern, que já pareciam estar brotando dentro dele.

Dois anos se passam e quando estavam prestes a retornar para casa, Ambrose e seus amigos sofrem uma embosta e apenas ele retorna para a pequena cidade. Mas Brosey não é mais o mesmo. Com cicatrizes internas e externas, de luto e revoltado com o que aconteceu, ele se isola de todos na cidade.

E justamente Fern é a única que de início, consegue se aproximar de Ambrose e aos poucos penetrar a fortaleza que ele criou em torno de si.

Fern também mudou nos últimos dois anos. Tirou o aparelho, ganhou corpo e curvas, seu cabelo está mais longo e menos indomável, mas ela ainda é a garota doce e apaixonada por
Ambrose, a única na cidade que parece enxergá-lo de verdade, quem ele sempre foi. Não o garoto lindo e popular, nem o garoto perdido, cicatrizado e marcado pela guerra. Apenas o garoto que ela sempre amou e que conheceu através de algumas cartas.

E ai vemos a situação se inverter, pois, se antes era Fern que não era muito bonita, que parecia não estar à altura de Ambrose, agora é ele que se sente inferior a ela.

Como os capítulos são narrados em terceira pessoa, a gente sabe o que todos os personagens estão sentindo, pensando, ficando mais fácil entender porque agem de tal forma.

Preciso fazer um adendo aqui ao Baley que ainda não mencionei.

Baley é primo de Fern, filho do treinador de Ambrose. O garoto tem síndrome de Duchenne, uma doença que causa atrofia muscular e por isso nunca pôde lutar, mas ele sempre foi um verdadeiro guerreiro e sempre foi muito mais que um amigo e primo para Fern.

E quando Ambrose volta, Baley também tem um papel importante na vida dele. É ele quem coloca juíza na cabeça do nosso mocinho, que o ajuda a enxergar que ele ainda tem valor, que está vivo, que tem uma vida pela frente, que deve lutar e que não pode deixar sua aparência e o que aconteceu com ele definir quem ele é. Que ele não pode desistir de viver.

A história é linda. Fala de luto, de superação, de amor e me fez rir e me emocionar inúmeras vezes.

Fiquei triste pelos amigos do Ambrose. Pelo bulling que a Fern sofria no começo, mesmo sendo uma garota tão doce e pura, com um coração de ouro. Chorei com o destino do Baley, por ele não poder realizar seus sonhos como ser um lutador.

A autora me conquistou com essa história, entrou pra minha lista de favoritas e seu livro se tornou um dos meus queridinhos. É uma história doce, linda e tocante, que com certeza vai ficar na minha estante pra sempre e um dia vou reler e me emocionar de novo.

Super recomendo!!! :)
comentários(0)comente



Irlana 31/12/2020

Melhor do ano!
Fica registrado que para mim, esse foi a melhor leitura do ano!
Esse livro foi diferente, ele chegou como quem não queria nada e aos poucos foi se acentuando no meu coraçãozinho e me ganhando. Os personagens aqui são simplismente incríveis. E a mensagem do livro e comovente e algo muito atual, que muitas pessoas ainda precisão ouvir. E ela é passada de forma clara e objetiva, mas de uma forma especial.
Cada página e cada linha que eram lidas, se tornavam muito preciosas a medida do progresso na leitura, mas eu poderia dizer muito e ainda não diria nada, em tão, apenas leia :)

E Feliz Ano Novo!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



thaismag 22/12/2020

Demorei um pouco pra me concentrar no livro por ser em 3 pessoa. Mas ao decorrer do livro entendi, que não poderia ser de outra forma.
Estava ansiosa pra ler esse livro e ele me emocionou de tantas formas.
Fico encantada com a beleza dessas histórias e pensando que existem pessoas sim, como Bailey e como me sinto tão pequena perante elas.
Esse tipo de livro que aquece o coração e nos dão um tapa na cara por muitas vezes não sabermos apreciarmos as pequenas coisas da vida!
comentários(0)comente



Alana 20/12/2020

"A verdadeira beleza, aquela que não se desvanece ou se esvai, precisa de tempo, de pressão, precisa de uma resistência incrível."
“Beleza perdida” foi uma leitura bacana e é o tipo ideal para a lista de livros rapidinhos.
Bem, aqui os personagens são legais, o romance vai mais para o lado fofo do que do hot, os secundários são interessantes e a narrativa é bem confortável. Não há nada de muito criativo na trama, já que a mesma é baseada em “A bela e a fera”, mas isso é o esperado para quem for embarcar na leitura, então está tudo certo.
Sinceramente não tenho muito mais o que dizer. Para quem gosta de releituras de obras clássicas, esse livro vai ser uma agradável companhia. É isso.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



571 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |