Harry Potter e o Cálice de Fogo

Harry Potter e o Cálice de Fogo J.K. Rowling




Resenhas - Harry Potter e o Cálice De Fogo


555 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Helô 17/06/2010

Motivos para amar Harry Potter
Harry Potter e o Cálice de Fogo foi o livro da saga que eu li mais vezes (21 vezes pra ser mais específica). Muitas pessoas me perguntam o motivo para eu gostar tanto de algo que já passou da "modinha". Pois bem, acho que o principal motivo é que a J.K. inventou algo totalmente novo e diferente do que estamos acostumados, se você parar pra pensar ela é provávelmente a pessoas mais criativa do mundo, afinal como se não bastasse criar uma história, ela também criou um mundo mágico.
Cresci lendo e assistindo Harry Potter e fui muito feliz com isso, na verdade sou até hoje. Pra mim nunca foi uma modinha, e sim uma lenda. Na minha opinião acho que nunca terão a capacidade de criar algo tão único novamente.
Ádila 13/02/2012minha estante
Esse negócio de pensar "ah, mas a moda já passou" é bobagem! O livro não vai mudar só pq deixou de ser uma novidade...


Ádila 13/02/2012minha estante
Só agora depois que passou a modinha, é que eu fiquei mesmo com vontade de ler os livros (já assisti até o filme da Ordem da Fênix, mas não lembro mtu bem dele), já li os três primeiros e adorei, agora vou começar a ler este Do Cálice de Fogo - dos filmes de HP que já vi, é o meu preferido.


Helô 14/02/2012minha estante
É verdade... Mas é uma pena que você tenha visto os filmes primeiro, é bem mais legal primeiro ler os livros, mas tá valendo, você vai ver um monte de coisa que não teve no filme, principalmente nesse e no Enígma do Príncipe que, na minha opinião foram os mais cortados... Espero que goste xD


Fernanda 21/09/2012minha estante
Adorei o livro e não o vejo como "modinha" também. Vejo como uma história fictícia que me agrada, como várias outras. A J.K é sim muito criativa, mas não é a única, já que o Tolkien, escritor de Senhor dos Anéis, criou personagens novos, deu uma visão nova para alguns que já existiam, criou um mundo diferente, criou uma lenda e, como se não bastasse, criou um idioma, que é hoje o idioma fictício mais falado no mundo. Se você já se aventurou bastante por Harry Potter, devia buscar fazer a leitura do Senhor dos Anéis, pode te agradar. :)


Helô 21/09/2012minha estante
Ja li toda a coleção do Senhor dos Anéis, Fernanda, gosto muito. Mas Harry Potter, pra mim, sempre será o nº 1.


Marina 13/10/2012minha estante
não é modinha pra quem é fã de verdade.
Amo esse livro - pena que o filme do CdF foi dos piores.


J. G. Lima 13/11/2012minha estante
Harry Potter é o clássico da nossa época, assim como Senhor dos Anéis é para nós tantos anos apos, assim como Crônicas de Nárnia, um novo universo que se abre através da leitura. Obrigado por existir...

J.K.Rowling
J.R.R.Tolkien
C.S.Lewis


LeeSantos 25/07/2013minha estante
um dos melhores livros da saga, porém muito mal adaptado. Infelizmente primeiro vi o filme e depois de muitos anos vim ler o livro, achei que me decepcionaria com o livro como me decepcionei com o filme, mas não foi um dos melhores,


Jaque Ribeiro 26/01/2014minha estante
Gosto da saga Harry Potter. Gostei logo que comecei a ler. Mas ainda que J.K.Rowling tenha criado um mundo à parte, poucas foram as criaturas que ela criou de fato. A maioria, pelo que vi, já existia. É um mérito e tanto o dela de organizar tudo em algo atrativo para todas as idades e que faça sentido, mas é só. Ela é fantástica, mas é uma blasfêmia dizer que é a pessoa mais criativa do mundo. Escritores de ficção científica fazem isso a todo momento e nem por isso são considerados os mais criativos... É necessário ver também que lidar com a realidade exige uma dose tão grande ou até maior de criatividade para sair do comum, do rotineiro e batido.


Juu 04/07/2016minha estante
Para mim, é o melhor livro da saga


WANESSA (@birdsreaders) 17/08/2016minha estante
Gostei bastante do que você disse. Essa coisa de "modinha" não funciona com livros. Você pode viver e reviver aquilo quantas vezes quiser sempre que pegar ele da estante e ler. Ainda mais tratando-se de Harry Potter.


RAVENNAH 05/11/2017minha estante
Concordo, ela é a pessoa mais criativa do mundo mesmo. Algo totalmente inovador.


bruna_ss 23/11/2017minha estante
2017 (quase 2018) e seu comentário ainda é verdade


Aleksandra UtriniC 18/06/2018minha estante
Se já passou a moda e você ainda continua amando é por que o amor é verdadeiro, costumo pensar assim. Comecei a ler agora a saga e assisti todos os filmes pela primeira vez ano passado, e é completamente admirável, pra uma pessoa que esta conhecendo esse mundo magico agora, o quanto de vezes que você já leu, imagino que agora deva ser muito mais, né!




Mateus 16/02/2011

A melhor coisa de acompanhar uma série, além, é claro, do prazer da leitura, é presenciar o crescimento do autor e o amadurecimento de seus personagens, sua história e sua escrita. Se nos três primeiros livros da série Harry Potter J. K. Rowling escreve tudo de maneira magistral, em O Cálice de Fogo ela chega em seu ápice. Os detalhes são abundantes, a história se mostra incrivelmente bem feita e os personagens, mais do que nunca, estão otimamente bem construídos. Tudo isso, e outras coisas mais, tornaram este livro um dos meus preferidos de toda a série.

Se alguém me perguntasse qual palavra melhor define O Cálice de Fogo, sem qualquer dúvida diria a palavra "intenso". A intensidade, presente em todas as páginas e capítulos, é a característica que mais o diferencia dos outras da série. Cada um tem um ponto especial, mas O Cálice tem algo a mais e estimulante. Você se sente jogado de um lado para o outro, e não como um leitor, mas sim como outro personagem.

Harry cresceu. Não é mais um garoto, e começa a entrar na adolescência. Se antes já era destemido e corajoso, estas se tornam suas qualidades mais pronunciadas agora. Forças das trevas, que se encontravam adormecidas, estão ressurgindo e prontas para acabar com tudo que estiver à frente. Na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, um torneio tem início: o Torneio Tribruxo. Inicialmente Harry não poderia participar, mas alguém o inscreveu apesar de tudo. E a pergunta que não quer calar: por qual motivo? O que irá acontecer a Harry?

O Torneio Tribruxo... ah, que torneio fantástico! Melhor acontecimento ocorrido em Hogwarts em todos os livros, me levou a considerar seriamente a frase de que livros nos deixam sem fôlego. Durante a primeira tarefa do Torneio, no qual Harry deve passar por um dragão para resgatar um ovo de ouro, eu literalmente parei de respirar. Durante a segunda, no qual Harry entra dentro do lago para resgatar seu bem mais precioso, eu comecei a roer as unhas (e olha que não faço isso nunca). E na terceira e última tarefa, nem preciso fazer comentários. Estava tão ansioso que tive de sentar um pouco e me acalmar. Vale lembrar que esta é a quarta vez que leio o livro, e meus sentimentos se repetiram durante todas as vezes.

Considero Harry Potter e o Cálice de Fogo o livro com a história mais bem formulada de toda a série. Em todos os livros há um mistério oculto que nos deixa super intrigados e curiosos para saber o que irá acontecer. Mas neste não tem apenas um mistério, mas vários. Você não irá interromper a leitura enquanto não encontrar respostas. E isso torna o livro mais estimulante do que nunca.

Com mais do que velhos personagens o livro sobrevive. Há um grande desfile de figuras notáveis e de algumas não tão notáveis assim. O famoso Vitor Krum, a delicada Fleur Delacour, o popular Cedrico Digorry, os diretores Madame Máxime e Karkaroff, a elfa Winky, Bartô Crouch, Ludo Bagman, dentre vários outros. E os acontecimentos são melhores do que nunca. Além do Torneio Tribruxo, vemos a grande final da Copa Mundial de Quadribol, a volta dos Comensais da Morte e... é melhor não dizer mais. Se está curioso, venha presenciar o renascimento de um ser maligno. É ler para crer.
Milena Karla - Mika 15/06/2012minha estante
Perfeito. Esse Livro é realmente perfeito. Me lembro de tudo com extremo carinho. Realmente me senti uma personagem. E quer saber? Eu sou mesmo! hahaha Em todos os Livros bons eu sou uma personagem! E suas resenhas, como sempre, descrevem certinho tudo que eu penso :)


Mateus 16/06/2012minha estante
E todos nós não somos personagens, Mika? Depois de passar tanto tempo ao lado deles, é impossível não nos imaginarmos percorrendo os corredores de Hogwarts ^^


Isaías 20/09/2013minha estante
Nossa Matheus esse é o meu livro favorito da saga, e na minha opnião foi o mais bem escrito pela tia Jô. São tantos mistérios e reviravoltas que é de deixar o leitor com vertigens rsrs. Mas os últimos capítulos (principalmente "carne, osso e sangue") são os mais bem escritos de todas as mais de 3000 páginas da série, a narrativa é de dar inveja a qualquer roteirista de cinema...rsrs




Khêder Henrique 17/10/2010

Harry Potter e o Cálise de Fogo
O quarto livro é o melhor da série. É o que penso. Ele é épico, inteligente e sustenta-se por si só. É uma obra literária completa. Há drama, aventura, romance (garotos de 14 anos não vêem mais as garotas apenas como “garotas”), política (acredite... política no mundo da fantasia), ação e até terror. Isso tudo com direito a cerimônias macabras em cemitérios, combate a dragões e traições inesperadas.

Durante as férias de verão, Harry Potter escapa da casa dos tios chatos para assistir a final da Copa Mundial de Quadribol. Tudo ia bem até que a Marca Negra é conjurada nos céus. A tal marca era o símbolo que Voldemort utilizava para avisar que estava prestes a atacar. Mas o vilão não tinha morrido? Parece que não...

Quando as aulas na escola de magia de Hogwarts reiniciam, os alunos descobrem que o lugar será palco de um grandioso evento: o Torneio Tribruxo. Alunos representantes de três diferentes escolas de magia competirão entre si por uma taça. Ela será conquistada por aquele que provar possuir coragem, perspicácia, astúcia e uma infinidade de qualidades maiores que as dos rivais.

Harry acaba envolvido no torneio mesmo sem poder participar (apenas bruxos maiores de idade podem fazê-lo e o rapaz está com 14 anos), o que lhe rende muitas dores de cabeça: várias pessoas, inclusive seu melhor amigo, pensam que ele entrou no torneio para aparecer, uma jornalista sensacionalista não larga de seu pé e ele corre risco de vida, pois as provas da competição não são nada fáceis.

Esse tomo da série possui um importante diferencial com os demais: ele não reúne todos os grandes acontecimentos apenas para o clímax da aventura. As provas do Torneiro garantem doses homeopáticas de adrenalina que preparam o leitor para o final. O romance também marca presença já que os personagens atingem a adolescência e seus hormônios os impelem a flertar, se apaixonar e convidar a garota certa para um baile de inverno.

O que mais marca a obra é o crescimento que ela traz para a série. Neste episódio, pela primeira vez, a morte está mais presente do que nunca. O que garante um final preto de luto ao invés de um colorido final feliz. A magia revela-se perigosíssima em mãos erradas quando ela é utilizada para controlar a vontade dos outros, causar dor ou tirar a vida de um semelhante.

E na mais épicas das passagens, um confronto entre Harry e Voldemort (o vilão que finalmente surge com grandeza para ocupar o cargo ao qual sempre esteve destinado) mostra-se tão intenso quanto ao duelo de Luke Skywlaker e Darth Vader no final de O Império contra-ataca.

O fim do livro joga um manto negro sobre essa história toda. Afinal, a princípio esperávamos apenas que Harry freqüentasse Hogwarts até os 17 anos e ganhasse seu diploma de bruxo. Agora esse futuro é incerto e a segurança de todos os personagens está em jogo. E, se o vilão desta saga é capaz de voltar da morte, quem e o que pode fazer frente a ele?
Isaías 20/09/2013minha estante
Cara excente resenha! A melhor que li até agora do Cálice de Fogo. Esse sem dúvidas é o melhor e mais bem escrito de toda a saga...




Jezreela Kemilly 21/12/2009

Começo de uma era
Foi essa obra a responsável por desencadear em mim tal fascinio a literatura que não consigo mais para sou "obrigada" a ler obra após obra uma atrás da outra.
Ruth 22/09/2010minha estante
adoroo a série muito boa...




Lucas Geraldo 08/07/2010

AAAAAAAAAAHH *-*
DEMAIS! nooossa, não consegui parar de ler um minuto! super empolgante, não te deixa desgrudar até acabar! Série Harry Potter (livros) me encantando cada vez mais
comentários(0)comente



Paty 22/12/2009

Harry já é grandinho!!
Sim! É neste livro que Harry Potter aparece estar aflorando para a adolescência, a começar pelo Baile e pelos diálogos mais intuitivos. Já se passaram 3 anos de escola e isso reflete no comportamento bruxo do garoto.
É um ótimo livro, vale a pena ler e reler sempre!!! E enfim, adoro o torneio.

comentários(0)comente



Coruja 10/05/2016

A primeira vez que li esse quatro volume da série, não posso dizer que tenha ficado extremamente satisfeita com a história. Na releitura, contudo, embora eu ainda ache que haja alguns problemas de ritmo, tenho de concordar que nada do que a Rowling coloca aqui é desnecessário.

O Cálice de Fogo tem um enredo complexo, um espetacular plot twist e muitas outras revelações interessantes - o que descobrimos ou confirmamos sobre Neville, Hagrid e Snape, em especial - e, claro, há a entrada definitiva dos personagens na adolescência, marcada por rixas, muita angústia e a descoberta da existência do sexo oposto.

Deixamos para trás o país da infância… e Rowling sabe escrever, de forma muito crível, muito real, o crescimento de seus personagens. Por mais que possamos resmungar que Harry comece a se tornar um chato nesse livro… bem, todo adolescente passa por essa fase de angústia e ‘o mundo inteiro está contra mim’ (embora no caso do Harry isso seja mais verdadeiro do que com a maioria das pessoas).

A questão dos elfos domésticos, que nos foi apresentada em A Câmara Secreta é explorada pelo ponto de vista da Hermione. É extremamente interessante que ela, como uma nascida trouxa, enxerga em contraste com Ron, que foi criado numa sociedade bruxa, com seus costumes e preconceitos e que assim, aceita como natural o desprezo com que são tratados não apenas os elfos, mas criaturas não humanas de uma forma geral.

O Cálice de Fogo amplia nossa percepção do mundo mágico: começamos a enxergar não apenas Hogwarts e as aventuras do trio, mas um mundo feito de política e intrigas, de manipulação e mentiras. Esse mundo parece cada vez mais instável - dando margem ao clímax da história, quando Voldemort retorna e duela com Harry.

site: http://owlsroof.blogspot.com.br/2016/05/lumos-parte-i-o-resumo-da-opera.html
comentários(0)comente



Neilton 17/07/2015

Harry Potter e o Cálice de Fogo
O livro Harry Potter e o Cálice de Fogo é o 4° volume da série Harry Potter que narra os acontecimentos da vida de Harry Potter no seu quarto ano em Hogwarts, escrito por J.K Rowling ilustre e renomada escritora britânica, famosa também por escrever "Morte Súbita" e outros pequenos livros também relacionados a série Harry Potter.

Neste 4° livro,o nosso bruxinho favorito, Harry,agora no quarto ano da escola de magia e bruxaria de Hogwarts, tem um novo desafio pela frente, competir no Torneio Tribruxo, um torneio feito a cada 100 anos e que tem como objetivo aproximar as relações das escolas de magia e bruxaria pelo mundo, e que agora será disputado em Hogwarts. E também lidar com as especulações de que " Aquele-Que-Não-Deve-Ser-Nomeado", ou seja, Lorde Voldemort estaria ficando mais forte e viesse a ressurgir e reunir novamente o seu exército das trevas.

Nesta edição do torneio, algumas regras foram mudadas para garantir a segurança dos participantes. Alunos com menos de 17 anos de idade não poderiam participar, impedindo assim que Harry fosse escolhido com um dos campeões de Hogwarts. Mas durante o sorteio dos campeões das três escolas participantes, de forma mágica e inesperada o cálice de fogo "cospe" o nome de Harry levantando a suspeita de que alguém o inscreveu de propósito esperando que ele morresse em uma das provas do torneio. Assim, Harry se junta a Vítor Krum (campeão de Durmstrang), Fleur Delacour (campeã de Beauxbatons) e a Cedrico Diggory o outro campeão de Hogwarts e arquirrival de Harry por que afinal de contas Cedrico venceu o time da Grifinória em uma partida de Quadribol e também tem uma relação muito "afetuosa" com Cho, uma menina por quem Harry "sente um frio na barriga" desde o segundo ano.

O livro também traz alguns fatos interessantes como as origens de Hagrid e detalhes sobre a sua família, bem como a sua paixonite por Madame Maxime, a diretora da Beauxbatons que assim como ele compartilha de um mesmo ancestral em comum. Outro fato interessante é a "Frente de Libertação dos Elfos Domésticos" criada por Hermione para garantir o fim da escravização dos elfos domésticos e também direitos a salário e melhores condições de trabalho. É interessante por que tudo isso não deu em nada e a Hermione conseguiu nada mais do que a venda de dois botons do F.A.L.E (nome da sua organização a favor dos elfos), que por sinal foram para Harry e Rony. Também neste livro surgem os primeiros "sintomas" do sentimento entre Rony e Hermione, depois que a menina aceitou ir ao baile com Vítor Krum, rival de Harry no torneio.

O livro tem uma História fantástica com elementos que se ligam do começo ao fim em suas 553 páginas. A autora consegue entreter o leitor com uma história cheia de suspense e aventuras e com uma riqueza de detalhes que só os fãs de Harry Potter já conhecem. Com uma linguagem bastante jovial e de fácil compreensão o leitor não sente uma leitura cansativa, mas sim instigante e cheias de surpresas principalmente na segunda metade do livro. O livro é simplesmente considerado por muitos o melhor livro da série e vale a pena conferir.
comentários(0)comente



Alana Homrich 05/01/2011

Indescritível.
Porque nem a palavra 'perfeição' pode ser atribuida a esse livro...
comentários(0)comente



Hel 27/06/2010

De longe um dos melhores livros da série, antes da história ficar demasiadamente sombria. Adorei o campeonato de quadribol, as mentiras da repórter e os explosivins, coisas deliciosas que foram praticamente excluídas do filme.
comentários(0)comente



George Facundo 06/08/2012

Cheguei ao quarto livro da série de sete livros do bruxinho mais famoso do mundo e, o que eu tenho a comentar basicamente é:

- Nossa, que série massa!

Sempre tive desejo de ler Harry Potter, tanto que até evitei (bravamente!) a ver os filmes. Pra dizer que não vi nenhum, eu cheguei a ver o primeiro e o último. O primeiro achei legal, o último não entendo muita coisa por conta de não conhecer boa parte dos personagens. Enfim, comecei a maratona e aqui cheguei.

Você sente, a cada livro, que à medida que Harry vai crescendo, a própria história vai, aos poucos, tomando uma atmosfera sombria e dramática. Ao que parece, Rowling respeita o público que vai saindo da infância para a adolescência aprofundando as questões na medida que o Harry vai deixando de ser criança e passa a ir para a adolescência.

Este livro, particularmente, foi o que eu mais gostei até agora. Tenho medo de tecer comentários sobre alguma coisa que possa entregar algo importante do livro. Mas posso dizer que dois eventos importantes acontecem: A copa mundial de quadribol, e o torneio tribuxo, que é uma espécie de competição entre escolas de magia, com um escolhido de cada casa. Quem escolhe quem vai representar cada casa é o cálice de fogo. E parei por aqui.

Com uma narrativa que te leva a um desfecho surpreendente, parece que o livro em si tem um feitiço, do tipo "prazerus leituruns vicius", pois você começa a ler e não consegue parar. Seu olho desliza com facilidade em cada linha e quando menos percebe, lá se vão cem páginas.

Enfim, leitura mais que recomendada e, até ouso dizer, quase que obrigatória. Sem dúvida é um clássico moderno, que será lido e relido por várias gerações.

E é maravilhoso chegar ao final deste livro, perceber que a autora te leva a conclusões nada óbvias, e pensar:

- Caramba! Fui deliciosamente enganado!

Vamos ao próximo livro então...

E boa leitura!
Naná 07/08/2012minha estante
"- Caramba! Fui deliciosamente enganado!"
Desse jeito!!! Muito bom mesmo!!!


Isaías 20/09/2013minha estante
Feitiço "prazerus leituruns vicius", adorei! kkkkkkk Concordo com vc os livros de JK enfetiçam os leitores, é algo extraordinário...


George Facundo 01/10/2015minha estante
Valew pessoal!




30/04/2010

o filme que eu mais vi, o livro que eu mais gostei *-* tem mta ação, o Torneio Tribruxo e as tarefas, os personagens que entram sao mto importantes mais pra frente, e um ano inteiro em que Harry soube que tinha alguem a quem recorrer, alguem com quem contar.
comentários(0)comente



Niii 12/08/2009

Adorei esse livro da saga... adoro o Harry e os seus amigos, até mesmo o Malfoy...rsrs
Aline 03/04/2015minha estante
Ironia né. Se adorou porque deu apenas duas estrelas?




Gerdson 23/12/2009

Magnifico . ..
Percebi neste livro a maturidade da Obra de Harry Potter! pude contemplar varios fatores que a nossa querida J.K.Rowling, deixou "escapar", para que esta maturidade se tornasse visível; sem esqueçer o nosso querido trio que realmente enraizou-se por uma amizade que pode ser observada por qualquer um que ler a obra!! Muito Bom o Livro!!
comentários(0)comente



Lara B. 14/12/2009

Harry Potter é Harry Potter. Sempre ótimo. :3
comentários(0)comente



555 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |