O último homem do mundo

O último homem do mundo Tais Cortez




Resenhas - O último homem do mundo


153 encontrados | exibindo 31 a 46
3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 |


Luana Moraes 29/09/2015

O ultimo Homem do Mundo
Engraçado, leve e romântico, muito romântico é assim que é “O Último Homem do Mundo”.
Sabe aquelas comédias americanas?? Então assim é esse livro, ele é leve e, sem dúvidas, vai te proporcionar momentos de risadas e de vergonha alheia também, nas encrencas em que Amanda se mete.
“O Último Homem do Mundo” conta de forma divertida a história de Amanda, a típica garota problemática, ela já foi expulsa de três colégios, porém já nas primeiras páginas você nota que tudo o que nossa protagonista faz é para chamar a atenção de sua mãe, a bela atriz de fama nacional Patricia Oliveira, que gasta seu tempo livre atrás de um novo amor.
Em uma tentativa de fazer a filha se comportar, Patrícia matrícula Amanda no Colégio de Educação Elite, um colégio interno frequentado apenas pelos filhos da alta sociedade. Porém Amanda está determinada a ser expulsa desse também e não medirá esforços para conseguir, já em seu primeiro dia ela se mete em confusão com Mariana, a filha do diretor, e automaticamente elas se tornam inimigas.
Ricardo o garoto mais popular e mulherengo do Colégio está disposto a comprar a briga de sua namorada, Mariana, e é ai que um milhão de confusões acontece.
Entretanto Amanda e Ricardo são atraídos um pelo outro, mas eles não mediram esforços para atrapalhar um ao outro, porém um projeto os uni e algo mais também, assim Amanda e Ricardo vão se conhecer a fundo, saber quais são os dramas, sonhos e frustrações um do outro e vão tentar se ajudar e parar de negar a atração que sentem.

"Ricardo era o último homem do mundo que minha consciência escolheria"

Não tem como não se divertir e rir com esse livro, o leitor ficará apaixonado a cada página, vai rir ao ver esses dois orgulhosos lutando contra o maior sentimento de todos: o amor.

"No fundo, eu sabia que seu sentimento era verdadeiro, porque o seu amor foi demonstrado com atitudes, antes mesmo de ser expresso em palavras.”.

Taís aborda de forma leve os dramas e conflitos adolescentes, a confiança em quem se ama, mesmo quando tudo aponta o contrario, a rebeldia da personagem e a vida corrida que muitos pais levam. Todos os personagens são bem construídos, a vilã, não é tão vilã assim, me proporcionou momentos de diversão, como toda vilã de comédia romântica ela faz o livro acontecer.
Amanda amadurece muito ao longo do livro, o crescimento dela acontece a cada página e você vai crescendo junto com a personagem, eu ri com ela, vivi seus dramas e anseios e também me apaixonei por Ricardo, apesar de querer esganar ele em vários momentos.
As companheiras de quarto, Maíra e Paulina, são maravilhosas, elas são amigas de verdade e levam a palavra amizade ao pé da letra, ajudando em vários momentos nos planos malucos de Amanda.
A capa do livro é um luxo a parte, eu li o livro em dois dias e assim que acabei eu só ficava olhando e olhando, o capista está de parabéns ele capturou a essência do livro e colocou na capa, a diagramação da Ler é maravilhosa, adorei que no canto esquerdo das páginas tinha o nome do capítulo que fazem jus a cada parte da história. As folhas amareladas são as minhas preferidas, o tamanho da letra é adequado.
Taís Cortez demonstrou mais uma vez que consegue capturar o leitor do início ao fim, com sua escrita impecável e diálogos inteligentes, o enredo foi super bem conduzido do inicio ao fim e deixa o leitor com gostinho de quero mais.
Será que o amor vai vencer o orgulho de Amanda e Ricardo?

"O amor é um risco e, se você não está disposta a se arriscar, então não é digna desse amor. A questão é: o amor de vocês vale esse risco?"


Se apaixonar por esse livro vale o risco da ressaca depois, então o que você está esperando para ler??

site: http://blogduasmentesliterarias.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



rebeca.xavier.1 25/09/2015

Tipo de romance que eu AMO
Sabe aqueles romances adolescentes? Clichês? Que já sabemos o final, mas mesmo assim quando estamos dentro da história parece que aquele final feliz nunca vai chegar e que você vai chorar no final (Seja porque não termina do jeito que você quer ou simplesmente porque o livro terminou kkkkk)???? Bom, assim é o segundo livro escrito por Tais Cortez!!!
O livro me fez lembrar o filme “Garota Mimada”, pelo simples fato de que ambas as protagonistas serem garotas rebeldes que os pais não suportam mais e que são mandadas a um colégio interno, mas a semelhança acaba ai, porque no livro, Amanda (a personagem principal), é daquelas rebeldes que se vestem toda de preto, maquiagem forte, cabelo colorido (nem um pouco patricinha como a do filme)... Tudo pra irritar e chamar a atenção da mãe, que é uma atriz famosa, que não dá atenção para Amanda desde que o pai de sua filha morreu e ela ficou famosa.
Depois de ser expulsa de 3 colégios (até agora me pergunto como ela fez isso kkkkk) a mãe de Amanda, Patrícia Oliveira, decide colocar a filha na Escola de Elite, um colégio interno onde só estudam os filhos dos Todos Poderosos kkkkkk. Amanda entra na escola decida a ser expulsa, por isso já se mete em confusão nos primeiros minutos que chega à escola... E JUSTO com a filha do diretor, Alexandre (que é um ex-namorado de sua mãe). Porém o que Amanda não espera é encontrar um diretor que pode ser considerado um amigo e que é MUITO paciente... E o que nunca passou pela cabeça dela foi...fazer amigas...
Como o esperado, Amanda, logo que chega ao colégio, já passa a ser odiada pelos “populares”, Mariana (filha do diretor), seu namorado, Ricardo, e seu grupinho de ricos esnobes kkkkkkkk. Amanda tenta unir o útil ao agradável ao beijar Ricardo... ISSO MESMO SENHORAS E SENHORES, Amanda beija seu “inimigo”, tudo para se vingar de Mariana e para tentar ser expulsa, já que uma das principais regras da escola é: “Proibido relacionamentos amorosos em ambiente escolar”... O que se vocês podem perceber não impediu a própria filha do diretor descumprir essa regra.
Em meio a tantas tentativas de sair da escola Amanda é obrigada a se juntar a Ricardo pra juntos fazerem o bem. Como assim? Não posso contar então leiam o livro kkkkkk.
Bom, vou parar por aqui senão não paro mais e dou spoiler kkkkkk
Tais discorre muito bem sobre a vida de alunos em uma escola interna, os conflitos de caráter, os problemas familiares, a hierarquia presente nas escolas (devemos admitir kkkkk), as crises amorosas, o problemas de alguns alunos com álcool, entre outros temas.
É um livro que depois que acaba você ainda fica pensando nele por dias. Um livro que te prende do começo ao fim com as encrencas de Amanda, Ricardo e os esnobes kkkkkkk.

site: http://blogduasmentesliterarias.blogspot.com.br/
Tais Cortez 26/09/2015minha estante
Rebecaaaaa
Obrigada pela resenha!
Adoreiiiii...
Fico muito feliz q tenha gostado e q ele tenha ficado na sua cabeça mesmo depois de terminar a leitura! rs
Bjsss e sucesso ao blog!




Babi @blogmyselfhere 19/09/2015

Blog Myself Here
Amanda é uma garota que tem muitos conflitos internos, e o motivo era sua mãe, que era uma renomada atriz Patrícia Oliveira. Tudo começou a se conturbar na vida de Amanda quando a fama de sua mãe "subiu à cabeça".
Com a ausência de sua mãe, ela se tornou uma menina rebelde e fria. Não aceitava de maneira nenhuma ter que ficar na escola enquanto sua mãe se "divertia" rodando o país, e até o mundo. E por isso, já tinha sido expulsa de outras escolas três vezes, até que sua mãe decidiu colocá-la na melhor escola do país a Educação Elite, onde Amanda passaria a morar lá e só iria para casa aos finais de semana. Era uma escola de doutrina, onde tinham milhares de regras para serem seguidas, e regras era uma coisa que não combinava nada com Amanda.

Como tinha sido fácil receber a expulsão de suas outras escola, ela achava que nessa escola não seria diferente.
A partir daí eu comecei achar a história um tanto quanto parecida com novelas mexicanas, mas ao decorrer da leitura, essa minha concepção foi mudando, pois percebi que a Tais tem um jeito único de desenvolver suas histórias.
Em seu primeiro dia de aula Amanda já fez inimizade com Ricardo e com sua namorada Mariana, que por incrível coincidência era filha do diretor. Porém, nem se importou em fazer inimizades ou até mesmo amigos, pois em sua mente não iria ficar por muito tempo ali naquela escola.

Ela dividia o quarto com mais duas meninas a Maíra e a Paulina. Duas meninas, aliás três meninas completamente diferentes uma das outras, mas que sem querer dar spoilers, eram as melhores amigas que Amanda poderia ter.

Quando Amanda percebe que seus planos de ser expulsa estavam indo por aguá abaixo, ela acaba desistindo e percebe que ter que ficar naquela colégio não é tão ruim quanto imaginava.

Esse livro me surpreendeu em muitas partes, primeiro porque antes de lê-lo eu não sabia se essa história iria me cativar ao ponto de conseguir lê-lo em menos de quatro dias, isso mesmo, eu fiquei surpresa comigo mesma.
Eu espero que assim como eu, vocês também morram de amores pelo Ricardo, que acreditem nele até o final, e que coloquem todas as suas esperanças e positividades ao decorrer do livro (risos).

Umas das coisas que eu mais gostei desse livro, é que apesar de ser uma leitura super rápida, com uma escrita super leve da Tais, as coisas vão acontecendo naturalmente, como que se tivessem que realmente que acontecer, não me pareceu nada fantasioso.

No final das contas, podemos perceber que toda aquela rebeldia e frieza de Amanda, era apenas uma armadura para ela poder "escapar" de seus problemas. Amanda me pareceu uma menina bem amável, caridosa, e que eu escolheria de todas as formas para ser minha amiga.

Então é isso, se vocês tiverem a oportunidade, leiam esse livro, super indico para quem quer sair de uma ressaca literária e precisa de uma leitura leve e agradável.

site: http://myself-here1.blogspot.com.br/2015/09/resenha-o-ultimo-homem-do-mundo-tais.html
Tais Cortez 21/09/2015minha estante
Bárbaraaaaa...
Ameiiii sua resenhaaaaa!
Obrigada :)
Fiquei super feliz em ver o quanto foi surpreendida e se apaixonou pela história!
Que bommmm que sua primeira impressão com meu trabalho foi tão positiva!
Espero que GET tb consiga conquistar seu coração!
Bjssss
e sucesso ao blog!




Mari Martelote 11/09/2015

Ah, esse Ricardo!
Não venho aqui dizer que este é um dos típicos livros que vemos de uma adoslescente que é deixada de lado pela mãe sem tempo para nada além do trabalho. Amanda, é bem mais que uma adolescente rebelde. Na verdade, a rebeldia não chega nem perto dos típicos acessos de "chamar atenção" que a menina cria. Essa história vai nos mostrar o poder da, antes de tudo, comunicação.

Me peguei numa história típica de uma adolescente rebelde típica que faz de tudo para chamar a atenção de uma mãe atriz encantada e vidrada com a vida de estrela que tem e por dar a filha aquilo que não teve e que batalhou muito para conseguir. Porém parei diversas vezes para pensar nos conceitos que encontrei no livro.

Amanda é matriculada pela mãe em um colégio interno e, é claro, que a menina não gosta nada disso. Não que Patrícia, atríz renomada, tivesse escolha já que a filha foi expulsa de tantas escolas em tão pouco tempo. Mais uma vez Amanda vai fazer de tudo para ser expulsa mais uma vez.

Para piorar a situação, logo nos primeiros dias de escola Amanha conhece Mariana, filha do diretor da escola, e Ricardo, o garoto mais bonito e charmoso da escola. Desde o princípio esse trio começou a se estranhar e logo no primeiro Amanda já arruma confusão com Mariana para claro, colocar em ação seu plano.

Depois de muitos desencontros e tramoias e todo aquela situação corriqueira de briguinhas escolares, a autora conseguiu me pegar na parte que eu pensei que nunca conseguiria. Não curti a personagem principal. Amanda não é o tipo de garota que me identifico e, na maioria das vezes, não consegui entende-la. Claro que isso é algo particular meu, dá para ver desde as primeiras folhas. Mas senti Amanda um tanto dúbia. Ela é alguém forte, mas ao mesmo tempo tão fraca.

Porém, com personagens secudários eu amei interagir. Além da parte tchan do livro que fez com que eu o devorasse em apenas 2 dias. Fiquei encantada como a autora conseguiu mostrar para nós de onde veio toda a interação entre os dois protagonistas e de como o amor entre eles foi crecesdo proporcionalmente. Fiquei com muito interesse de escutar essa história pelo ponto de vista de Ricardo.

Adorei o livro, por mais que a personagem principal não tenha me agradado muito. O livro é excêpicional, de uma escrita leve e simples. Faz com que entremos completamente na história e descobrir a cada capitulo o que vem a seguir. Isso para mim já é um grande pró!

site: http://maravilhosasdescobertas.blogspot.com.br/2015/09/o-ultimo-homem-do-mundo-de-tais-cortez.html
Tais Cortez 12/09/2015minha estante

Oii, Mariii
Obrigada pela resenha!!!
Fico muito feliz que vc tenha gostado, mesmo com a Amanda nao t agradando tanto rss Que bom q os outros personagens e o enredo compensaram!
Tb achei otimo qnd vc disse que se sentiu dentro da historia, pq esse tipo de sentimento eh maravilhoso quando estamos lendo.
Bjsss
e sucesso ao blog!




Vi 06/09/2015

Mais um livro apaixonante da Tais...
Amanda não entende o porquê da mãe insistir em querer mandar na sua vida, sem ter autoridade e respeito algum para isso. Desde que Patrícia tornou-se uma atriz de sucesso, ela esqueceu totalmente da sua filha, tonando o relacionamento das duas extremamente insuportável. Com uma lista repleta de relacionamentos que não deram certos, esse é um dos motivos que faz Amanda sentir mais raiva de tudo isso. Sua mãe ter mais tempo para viver romance, do que tentar melhorar a convivência com ela.

"Ela me feria incessantemente com sua ausência, com sua agenda ocupada e com sua necessidade em ter um companheiro."

Depois de ser expulsa de três colégios, a ultima tentativa da mãe em tornar Amanda sociável, é matricula-la no colégio Educação de Elite. Contudo, Amanda já tem tudo planejado, e sabe que se conseguiu ser expulsa em três, mais um não vai ser tão difícil. Seu plano já entra em ação nas primeiras horas no colégio, procurando briga com Mariana, que por uma coincidência da vida, é filha do diretor (E bota coincidência viu? Elas ainda vão se ‘’bater’’ várias vezes). Ela não consegue uma expulsão, e sim, duas amigas, Maíra e Paulina não entendem o porquê de Amanda querer sair do melhor colégio do país, mas elas ajudam a amiga nesse plano mirabolante. Insatisfeita com o fracasso do primeiro Round, ela ainda descumpre todas as regras do colégio, como não usar o uniforme da escola, não frequentar as aulas, fumar e pior... Beijar nos departamentos da escola.

"Eu estava acostumada a afastar as pessoas, temendo que elas me deixassem, como minha mãe sempre fazia."

Uma das vitimas da Amanda é o Ricardo, que por outra coincidência do destino (só que não), é namorado da Mariana. Ele é o menino popular, que também namora uma menina popular, mas que por trás do namoro bonitinho, existe um mulherengo ao extremo, no qual Amanda não quer nem pensar em ser uma de suas vitimas. Ele é O último Homem do Mundo que ela iria querer ter alguma coisa. Infelizmente, ou felizmente, não somos nós que escolhemos o nosso destino, e isso não seria diferente com Amanda. Ela acaba se unindo ao Ricardo por uma causa nobre, e aos poucos, acaba descobrindo o outro lado dele. E ela também começa até mesmo esquecer o fato de querer sair do colégio, e coloca as suas energias em algo bem mais produtivo. É claro, que no meio disso tudo, eles ficam mais unidos do que nunca. Não dizem que os opostos se atraem porque eles se completam? Então, é isso ai... Entretanto, um romance entre os dois não seria tao fácil assim. Entre mentiras, intrigas e mal entendido, Amanda e Ricardo vão ter que superar o orgulho, e ouvir o coração para poderem ficar juntos.

"- Minha cabeça diz que ele é o último homem do mundo com quem eu quero me envolver - admiti. - E o seu coração? - perguntou Paulina. - Diz que é tarde demais... "

O Ultimo Homem do Mundo é mais um sucesso da Tais Cortes, uma autora nacional que eu amo, e que adoro fazer parte de todos os projetos que envolva seus livros. Escrita envolvente e impecável, personagens apaixonantes e um bom enredo. Odiei e amei as atitudes do Ricardo em alguns momentos, fiquei com vontade de colocar a Amanda no colo. O diretor Alexandre, que amor é aquele gente? Nem parece que a Mariana é filha dele. E até a mãe dela, a Patrícia, eu criei um laço com ela. Apesar de todos os problemas que ela que ela teve com a filha, quando conhecemos o lado dela, entendemos e ficamos com um pouquinho menos de raiva.

O trabalho gráfico está muito bonito, a capa tem todas as semelhanças dos personagens. Livro mais que recomendado,

site: Minha Velha Estante
Tais Cortez 06/09/2015minha estante
Viiiiiiii
Ameiiii sua resenha!!!!!
Obrigada!
Foi com ctz uma das mais completas q eu já li!!!
Adorei saber tb suas emoções enquanto lia...acho que eh sempre a parte mais interessante da resenha!
Fiquei muito feliz por mais um livro meu ter conquistado seu coração e estou ansiosa para saber sua opinião sobre Acima de Nós!!!
Obrigada pelo carinho q tem por mim e meus bbs!!!
Bjsss e sucesso ao blog!




Kelly 01/09/2015

Apaixonante!!!!!
lá Pessoal!!!
É se é pra se jogar no Book Tour porque não participar logo de todos? Kkkkkkkkkkk Esse é meu segundo e consequentemente o segundo livro da Tais que vou apresentar pra vocês!!


Sabe quando mãe fala, não cospe pra cima que pode cair na testa? Então, nossa protagonista Amanda cuspiu e ele voltou com força total, vamos conferir?


"O amor é um risco e, se você não está disposta a se arriscar, então não é digna desse amor..."

Amanda é a tipica adolescente rebelde, com 16 anos, ela é filha de uma atriz famosa que passa tempo demais fora de casa, fazendo assim com que Amanda se sinta sozinha e rejeitada, e claro que na sua cabecinha de adolescente, qualquer coisa que sua mãe faça é para mante-la longe.

Vamos começar a história com Amanda começando em novo colégio de Elite, mas ela se recusa a ficar lá, na verdade ela se recusa a fazer qualquer coisa que possa agradar sua, sendo assim, ela entrará no colégio com a missão de ser expulsa desse também, já que já foi expulsa de quatro colégios diferentes.

O colégio é cheio de riquinhos frescos e logo de cara, ela arranjará encrenca com Ricardo, o mauricinho esnobe e sua namorada Mariana, que ela descobrirá logo mais, ser a filha do diretor do colégio.

Entre idas e vindas e guerra de poder, Amanda e Ricardo acabarão virando amigos, e entre tapas e beijos, aquele que ela considerava o "Último Homem do Mundo", vai acabar se tornando essencial.


"Ricardo era o último homem do mundo que eu escolheria."

Ela também conhecerá Mayra e Paulina, duas moças que poderão fazer com que ela veja o mundo de outra forma, e se dê uma chance de ser feliz. Mas as coisas não param por aí, e quando tudo parecer calmo e tranquilo, pode ser que venha tempestade por ai...

O livro é super fofo, e a história é daquelas bem levinhas, mas ao mesmo tempo encantadoras e viciantes, como todos já sabem, amo romances leves e adolescentes, então sou a pessoa mais suspeita do mundo para avaliar mais esse exemplar da Tais, e como já estava conquistada desde o anterior, fico feliz em dizer que ela não me decepcionou, pelo contrário me encantou mais ainda, já que ela conseguiu criar duas histórias totalmente distintas e mesmo assim maravilhosas.

Amanda é rebelde, mas fica bem claro já no começo do livro, que sua rebeldia nada mais é do que carência, saudades da época em que ela e sua mãe eram pobres, mas unidas, agora com a riqueza, elas mal se viam ou se quer se falavam, e sendo assim cada tentativa de Patricia de dar um bom futuro pra Amanda, acaba sendo visto pela mesma como uma forma de se livrar dela.

Ela já foi expulsa de 4 colégios, e esse seria só mais um em sua lista, se ela não tivesse conhecido pessoas incríveis como suas amigas, ou antipáticas como Mariana e Ricardo.E apesar de sua rebeldia e sua aparência assustadora, com um toque de emoção, Tais vai nos apresentar um lado da protagonista que desconhecemos, o lado humano que pode ser doce e encantador.


" Senti um nó se formar na minha garganta, enquanto distribuia as cumbucas de sopa e via quão famintas estavam aquelas pobres crianças. Eu me sentia culpada por pensar que tinha, problemas enquanto, na verdade,eram elas que tinham."

As aventuras adolescentes são certas e garantidas, como uma narração leve e em primeira pessoa, se torna impossível não querer devorar o livro e saber um pouco sobre essa rebelde quase incorrigível.

A editora esta de parabéns, a edição esta muito linda, e a capa encantadora, não localizei erros de gramática, e com páginas amarelas e letras no tamanho certo, a leitura se torna ainda mais confortável.

Sendo assim, o que tenho a declarar é, se aventure na escrita da Tais e desfrute de romances incríveis e encantadores, estou muito feliz por essa parceria e por ter tido o prazer de conhecer suas obras, que já me conquistaram de corpo e alma.

Uma super pedida pra quem gosta de romances leves e doces, super recomendo a Tais e ainda Favorito com certeza!!!

Espero que tenham gostado,
Beijokas e até a próxima.


site: http://paraisodasideas.blogspot.com.br/
Tais Cortez 01/09/2015minha estante
Kellyyyyy
Que resenha mais maravilhosaaaaaaaa...AMEI
Obrigada!
Fico muitooo feliz por mais um livro meu ter conseguido te conquistar!
E que honra ter se tornado um favorito! rsss
Agora que venha Acima de Nos hehe meu terceiro bb!
Bjsss e sucesso ao blog!




Angel 26/08/2015

Deveria virar filme!
Amanda vai para o Colégio Educação de Elite contra sua vontade, não que ela saiba exatamente qual é sua vontade, pois ela é uma garota rebelde que quer apenas contrariar sua mãe.

Mal chega no colégio ela já arruma confusão com Mariana, uma garota intragável, que por sinal namora Ricardo, o cara mais popular do colégio, e também mais bonito e mais arrogante.

Com seus cabelos coloridos com spray e maquiagem forte, Amanda só quer saber de ser expulsa do colégio, armando as maiores confusões para atingir seu objetivo, mas aparentemente o diretor tem coo objetivo mantê-la no colégio e uma inspetora muito durona aparece para complicar ainda mais sua situação. É, seu plano terá que ser bom!

O que ela não contava, é que fosse encontrar amigas no EE, mas encontra Maíra e Paulina, que serão cúmplices de Amanda em suas armações.

Mas além de amigas, Amanda também encontrou adversários, Mariana e Ricardo, que também serão vítimas das armações da Amanda, irão armar contra ela.

Só que Ricardo não é quem ela imaginou que fosse, e quando surge um problema que afetará os dois, eles irão unir forças para resolver, e "entre tapas e beijos", esses dois irão descobrir que o amor pode estar onde menos se espera.

O Último Homem do Mundo é uma estória leve, gostosa e divertida, mas que tem um elemento que me fez refletir sobre algo que acontece todos os dias, que acaba passando despercebido, por não enxergar? Por puro egoísmo? Sei lá, mas é algo para se pensar, em como ás vezes é necessário sair da nossa bolha e enxergar o que está acontecendo lá fora.

A Amanda amadurece bastante durante a estória, e descobre valores que haviam se perdido, por causa da vida que sua mãe tem levado e que ela era obrigada a levar... Patrícia, mãe de Amanda apesar de aparecer pouco tem uma mudança positiva também, e o Ricardo amadurece junto com Amanda.

Maíra e paulina são ótimas amigas, mas devido ao temperamento de Amanda, elas tiveram que ser cautelosas, até conseguir entender como ela funcionava, mas o resultado foi uma amizade que cresceu e se tornou importante para todas, para surpresa de Amanda.

Bom, não dá pra falar muito mais que isso sem soltar spoiler do livro.

Com um enredo digno daqueles filmes bem gostosinhos de assistir, o livro é narrado em primeira pessoa pela Amanda, o que nos faz saber exatamente o que ela está sentindo, e rendendo boas risadas.

A narrativa é bem fluída, li em menos de um dia e mal vejo a hora de ler outros livros da Tais, pois adoro a escrita dela!

Este livro faz parte do 5º book tour de O Último Homem d Mundo, é o segundo que a Tais organiza e eu participo.

Adquira no Amazon:
http://www.amazon.com.br/gp/product/8564898659/ref=as_li_tf_tl?ie=UTF8&camp=1789&creative=9325&creativeASIN=8564898659&linkCode=as2&tag=ali01c-20

site: http://a-libri.blogspot.com.br/2015/08/resenha-o-ultimo-homem-do-mundo-tais.html
Tais Cortez 26/08/2015minha estante
Oiiii, Angelica
Obrigada pela linda resenha!
Adorei :)
Fiquei feliz por saber que a história, além de ter sido divertida, também fez com que você refletisse, pois essa foi uma das minhas intenções ao escrevê-la :)
Que venha agora Acima de Nós rss
Bjsss e sucesso ao blog!




Mari 23/08/2015

Mais um livro da talentosa Tais Cortez que tive a oportunidade de ler. Não faço comparações, mas esse livro me ganhou ainda mais. As duas leituras que fiz foi por Book Tour e ambas me conquistaram por motivos distintos.

Conhecemos a história de Amanda, uma típica adolescente revoltada com atitudes de sua mãe. Depois de inúmeros colégios que ela já conseguiu se livrar, ela chega a um que tem nome. Lá, alunos como ela aprendem a andar na linha.

Patrícia é a mãe de Amanda e uma famosa atriz. Por onde passa ela atrai admiradores. Após a morte de seu esposo, ela teve que driblar as dificuldades da vida. Com uma filha ainda pequena, a carreira artística foi a solução. Acreditou que com muitos trabalhos daria uma vida maravilhosa para sua filha, sem faltar nada.

Esse novo colégio é repleto de alunos de famosos e figuras importantes da sociedade, mas assim que nossa protagonista chega, já faz planos para ser novamente expulsa, simplesmente por rebeldia e desconforto porque sua mãe não perguntou sua opinião.

Logo no primeiro dia ela decide aproveitar a movimentação de todos por causa de sua mãe e decide fugir, trombando de cara com Ricardo e sua namorada Mariana, que é filha do diretor. Ela faz piada do estilo esquisito da Amanda, que usa roupas e acessórios pra lá de diferentes, com o intuito de aborrecer sua mãe.

Mas dessa vez não será nada fácil conseguir a tão sonhada expulsão. Amanda tentará por diversas vezes, mas cada plano acaba trazendo reviravoltas, inclusive em sentimentos que já estavam praticamente esquecidos por ela: amor e a importância da amizade.

Conseguimos entender os reais motivos porque Amanda é assim. A mãe, acreditando que dava tudo a filha, não notou que faltou o mais importante: o amor, a atenção que ela precisava. Mas tentará consertar todos seus erros do passado.

Já mencionei como é complicado escrever resenha de um livro que gosto tanto e aqui foi um deles. Por mais que escreva não será tudo que vivi durante a leitura.

Indico a todos os leitores do blog, sem exceção. Este é mais um talento nacional que ficará presente na minha lista de livros desejados.

Trabalho gráfico lindo, capa de acordo com a história, diagramação simples e boa para a leitura.


site: http://marifriend.blogspot.com.br/2015/08/minha-opiniao-o-ultimo-homem-do-mundo.html
Tais Cortez 24/08/2015minha estante
Oiii, Mari
Obrigada pela maravilhosa resenha! Adorei!
Fico mto feliz por meus dois livros terem conseguido conquistá-la, mesmo sendo tão diferentes!
Que venha agora Acima de Nós rsss
Bjsss
e sucesso ao blog!




Mariana 22/08/2015

MUITO BOM!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
ADOREI O LIVRO, A HISTÓRIA E OS PERSONAGENS, RECOMENDO
Tais Cortez 23/08/2015minha estante
Oiii, Mariana
Fico muito feliz q tenha gostado :)
Obrigada por compartilhar o que achou!
Bjssss


Fer - Mato Por Livros 29/08/2015minha estante
Amooooooo de paixão e a Ta é uma fofa eterna.




Luiza Rafaela 10/08/2015

Bom, o livro começa narrando a história da Amanda, uma jovem extremamente revoltada, que guarda uma grande mágoa de sua mãe, tudo isso porque ela é Patrícia Oliveira, uma atriz famosa e que nunca dá a devida atenção que a filha merece, apesar de parecer ter programado cada segundo de sua vida.
Toda essa rebeldia, fez com que Amanda fosse expulsa (por vontade própria) de três escolas nos últimos três anos. Não sabendo mais o que fazer com a menina, Patrícia decide colocá-la em uma escola interna conhecida como uma das melhores do país, onde só estudam adolescentes de famílias ricas e famosas.
Lá, Amanda de cara já cria inimizades e no primeiro dia de aula já arruma uma briga (com a filha do diretor da escola e seu namorado Ricardo), mas também, conquista duas amigas (coisa que nunca havia tido nas outras escolas). Com o passar dos dias, ela se mostra cada vez mais determinada em ser expulsa de lá, mas todos os seus planos acabam falhando devido a aparente infinita paciência do diretor da escola. E com isso, Amanda entra em conflito consigo mesma, pois apesar de querer muito provar para a mãe que ela não controla sua vida, a menina também acaba começando a gostar da ideia de estudar no Educação de Elite.
Gosto muito de livros em que os personagens passam por alguns "atritos" antes de se apaixonarem, aquela famosa relação de gato e rato que no final acaba se transformando em amor hahah Então, limito-me a contar até aqui, pois acho que os outros detalhes devem ser conhecidos através da leitura e não quero acabar soltando nenhum spoiler.
O livro é um romance leve e divertido, me lembrou muito as famosas "web novelas" que eu lia antigamente nos tempos do Orkut (sério hahah), o legal é que ele não fala somente de um romance entre adolescentes, mas também aborda assuntos como conflitos em família e amor ao próximo. Recomendo!
Tais Cortez 11/08/2015minha estante
Oiii, Luiza
Obrigada pela resenhaaa!
Fico feliz q tenha gostado e q tenha sido uma leitura leve e divertida!
Bjsss
e sucesso ao blog!




Ana Paula 09/08/2015

Leve, divertido e envolvente.
Amanda é uma jovem que gosta de contrariar as decisões da mãe.
Filha de uma atriz muito famosa, Amanda cresceu presenciando o distanciamento do mãe e a sua predileção ao trabalho e aos relacionamentos frustrados. E com isso, acabou se tornando uma jovem rebelde.

"Ela me feria incessantemente com sua ausência, com sua agenda ocupada e com sua necessidade em ter um companheiro."

E com esse comportamento, acabou sendo expulsa de três colégios nos últimos três anos.
Devido a isso, sua mãe decide (sem a aprovação da filha) matriculá-la no colégio interno Educação de Elite.

Contrariada pela mãe ter tido essa atitude, Amanda resolve que vai garantir a sua quarta expulsão para mostrar que ela não gosta de ser controlada.

No primeiro dia de aula, Amanda conhece Ricardo. Um jovem metido e bem arrogante que namora a Mariana, a filha do diretor.
E também conhece a Maíra e a Paulina, suas novas colegas de quarto e talvez as primeiras amigas que ela terá na vida.

"Eu estava acostumada a afastar as pessoas, temendo que elas me deixassem, como minha mãe sempre fazia."

Amanda e Ricardo literalmente soltam faíscas quando estão próximo, provocações e palavras não muito amigáveis acontecem entre eles...
Mas como dizem: "amor e ódio andam lado a lado", não é?

"Minha cabeça diz que ele é o último homem do mundo com quem eu quero me envolver - admiti."

Com o convívio no colégio, Amanda e Ricardo vão perceber que esse ditado pode acontecer...

"-... Mas estou tentando fazer o que você disse.
- O que? - pensei em nossa conversa no carro.
- Ser uma pessoa melhor - explicou dando de ombros.
- Ah - sua revelação me deixou emocionada.
- Afinal, eu não quero ser o último homem do mundo que você escolheria - provocou. Eu sorri, sem graça."

Será que o casal improvável tem chance pra ficarem juntos?
Será que mesmo sendo "o último homem do mundo", Ricardo conseguirá mudar essa posição para a Amanda?

Eu adorei esse livro!
Sabe aquela leitura leve e tão gostosa, que virar a página é um movimento de alegria.

A Tais tem uma narrativa fácil, que faz com que a história flua tão envolventemente, que quando eu me dei conta já estava acabando o livro.

Adoro casais briguentos, que trocam ironias e depois mudam sua forma de pensar um do outro.

O livro também traz questões bem bacanas pra refletir, tudo de forma leve e sutil.

Uma história pra rir, pensar, gritar com alguns personagens (não vou contar quem é e nem o porque, senão vira spoiler rs), pra suspirar e pra torcer...

Enquanto eu lia, me senti como uma aluna do colégio Educação de Elite.
Me vi lá num primeiro dia de aula, querendo fazer amizade com a Maíra e a Paulina (personagens secundárias muito divertidas!), e até fazer amizade com aquela menina de cabelo tingido que já armou uma bagunça no primeiro dia de aula (claro que estou falando da Amanda rs).
Também expiei escondida entre as páginas, todas as brigas e trocas de palavras nada amigáveis entre a Amanda e o Ricardo... E vi o convívio mudando com o tempo também.
Só não quis fazer amizade com a tal da Mariana, muito metida e bem enjoada (rs)

Enfim, venha fazer parte do Educação de Elite e conhecer os alunos que vão fazer com que essa escola nunca mais esquecerem deles...
Tais Cortez 09/08/2015minha estante
Aninhaaaa, que resenha mais lindaaaa
Ameiii..obrigada!!!
Fico mto feliz em ver o qnt se envolveu pela história, e fiquei apaixonada pelos quotes q escolheu! rss
Sei q suas expectativas estavam altas pelos comentários da Fer e da Van, e eh maravilhoso ver q gostou tanto!
Bjssss :*




Bella Martins 09/08/2015

resenha - O último homem do mundo
Quando li o título do livro, passei alguns minutos tentando imaginar qual seria a história. Achei que seria mais um romance em que duas pessoas muito bem resolvidas, tanto financeiramente, quanto emocionalmente, se viam e, à primeira vista, se apaixonavam e começavam a viver conflitos que os tentavam separar. Mas quando decidi parar com o devaneio, folhear as páginas do livro e começar a ler, me deparei com algo diferente, um romance que me tirou o fôlego.

“O último homem do mundo” conta a história de Amanda, uma menina rebelde que é emocionalmente inconformada por sua mãe não ter tempo pra ela. Amanda não havia conhecido seu pai, pois o mesmo faleceu quando ela ainda era um bebé. Passaram necessidades, e sua mãe foi descoberta por um empresário e se tornou uma grande atriz. Devido à reviravolta na vida de sua mãe, seu tempo foi dividido entre a carreira e os namoros fracassados.

Depois de ter sido expulsa de três colégios, ela foi matriculada em uma escola de Elite, (em língua popular, escola com um dos melhores ensinos, mas que é um colégio interno, onde os adolescentes entram no domingo à noite e saem na sexta- feira à tarde). Para aborrecer sua mãe, Amanda já estava com planos traçados para ser expulsa novamente.

Em um pequeno alvoroço por causa da mãe famosa, Amanda tenta fugir e acaba trombando com Ricardo, um rapaz muito bonito e bem apessoado, que a despreza e faz chacota das suas roupas (que ela vestia para irritar a mãe). E para melhorar, a namorada do belo rapaz chega e faz o mesmo. Amanda se irrita e xinga, mas acaba deixando pra lá, pois sua mãe a alcança, e isso a irrita ainda mais.

Entretanto, Amanda não imaginava que seria tão fácil parar na diretoria em seu primeiro dia de aula. Após um comentário infeliz da namorada de Ricardo, ela estapeia a garota e vai sorrindo para a diretoria, com a sensação de trabalho cumprido. Porém, em vez de uma expulsão, ela ganha inimigos e a resistência da escola em expulsá-la. Mas Amanda não desiste e continua a elaborar planos para sair daquele lugar.

Porém, seus planos são deixados de lado. Devido ao seu jeito de ser e à confusão que arrumou em seu primeiro dia, Amanda é alvo de uma brincadeira, gerando nela uma revolta maior e o desejo de vingança, que ela não deixa barato.

Depois de tantas reviravoltas que o enredo tem, nos deparamos com personagens com histórias quase parecidas. Com o desenrolar dos acontecimentos, percebemos que não importa quantos amigos ou pessoas rodeiam você, sempre teremos nossas armaduras para escondermos nossos problemas. E, às vezes, agimos de certa maneira para evitar que a gente se machuque mais uma vez. Porém, crescemos com os erros que cometemos na vida. E, se não nos permitirmos cometê-los, como iremos crescer?

E é ai que fiquei mais encantada com o livro. Acompanhei os personagens principais crescerem e se desenvolverem com pequenas atitudes. Amanda e Ricardo são personagens fortes, que têm determinação e força de vontade que deslumbra qualquer um. São personagens muito bem elaborados que fazem o leitor se encantar e se impressionar por ganharem tanta maturidade em uma época que não temos quase nenhuma.

Apesar da maioria dos romances se voltarem para o amor avassalador do casal, “O último homem do mundo” se volta para vários outros assuntos, como o relacionamento entre pais e filhos, e a caridade. Esta última, além do romance entre os personagens principais, foi o ponto auge do enredo. A autora retrata com facilidade como é a vida dos menos afortunado, que, se quisermos ajudar o próximo, tudo é possível fazer, e que, apesar das dificuldades que temos entre familiares, a melhor opção é o diálogo. A história contada envolve tantos sentimentos, que fiquei impressionada como um personagem pode evoluir tanto em poucas páginas, e como podemos nos encantar tão facilmente por uma história adolescente.

Com uma leitura fácil e um enredo que, sinceramente, não esperava. Tais Cortez me trouxe várias lembranças de um passado não muito distante da minha vida. E não sei ao certo, mas garanto que muitos, assim como Amanda, já passaram por momentos de se apaixonar e não saberem ao certo se vale a pena dar uma chance para aquele amor.

Recomendo a todos que gostem de um bom romance, com várias travessuras, com um toque de compaixão e superação.


site: http://thehouseofstorie.blogspot.com.br/2015/08/resenha-o-ultimo-homem-do-mundo.html
Tais Cortez 09/08/2015minha estante
Isaaaaa
amei a resenha!!!
Obrigada!!
Adorei Qnd vc contou sobre suas expectativas antes de começar a leitura e fico muito feliz em saber que foi surpreendida com o enredo!
Tb gostei Qnd mencionou q além do romance, a história tbm aborda outras questões importantes, como a relação entre pais e filhos e a caridade.
Bjssss e sucesso ao blog!
Agora Eh soh esperar "acima de nós" rsss




Paola 24/07/2015

Pensem em uma comédia romântica americana. Pensaram? É assim que eu defino o livro O Último Homem do Mundo, da autora Tais Cortez. Um livro leve, divertido e cheio de amor!

Amanda, nossa protagonista, é uma adolescente de pensamento firme, um tanto "problemática" e com um imenso coração, que logicamente ela esconde. Ela é filha de uma atriz muito famosa e está cansada de sempre trocar de escolas, casas e cidades. Isso tudo porque sua mãe vive mudando.

Ela começa a estudar em uma das melhores escolas do país. O que ela não gostou foi do internato, pois Amanda ficaria na escola durante a semana e ao final dela voltaria para sua casa. Rebelde e teimosa, a jovem entra na escola com a ideia de ser expulsa em pouco tempo, colocando na cabeça que sua mãe não decide o destino dela.

O que Amanda não esperava era que encontraria amigas de verdade ali e que conheceria Ricardo, um rapaz lindo, mas com defeitos que deixam essa jovem nos nervos!

Eu me identifiquei com a Amanda em vários momentos, principalmente quando ela relata seus medos em relação ao amor. (sim, ando meio pé atrás) Ela tenta colocar uma armadura, mas no fundo tem um coração imenso e cheio de sonhos. Ricardo é o típico rapaz mais popular e lindo da escola. Com todas as meninas aos seus pés e com segredos que o fazem vestir a máscara de garanhão. Mas, ele me conquistou muito!

Tais escreveu esse livro de forma doce, pois suas páginas são cheias de doçura! Me senti em uma comédia romântica americana e dei várias risadas da protagonista. E sim, fiquei com dó de terminar a leitura pois queria mais!

É uma obra linda e recomendada para todos aqueles que querem ler algo para ter um momento de descontração!
Tais Cortez 24/07/2015minha estante
Oiii Paola!
Adoreiii sua resenha!!!
Obrigada :)
Fico mto feliz q tenha gostado e Tbm se identificado com a Amanda!
E vc tem razão ao dizer q t lembrou as comédias românticas americanas, Pq eu sempre amei esses filmes e eles certamente fizeram parte da minha inspiração!
Bjssss
E q venha Golfinhos e Tubarões!




Vitória 10/07/2015

Amanda é filha de Patrícia Oliveira, uma atriz famosa que adora "colecionar" namorados, e por conta disso, acaba sempre se metendo em algum escândalo. Fora isso, ela quase não tem tempo para a filha, o que faz Amanda se tornar uma rebelde, que vive mudando de colégio por conta das encrencas que arruma. Em uma tentativa de que a filha tenha uma boa educação, Patrícia a matricula no "Educação de Elite", um dos melhores colégios do país. Decidida a ir contra as decisões de sua mãe, Amanda já começa a planejar o que vai aprontar para ser expulsa, e de preferência o mais rápido possível.
Logo no primeiro dia ela arruma uma briga com Mariana, uma patricinha que a provoca falando mal de sua mãe, ganhando assim uma nova inimiga, e também provocando a ira do namorado da garota, Ricardo, que é super atraente, e ao mesmo tempo irritante.
Ela percebe que seu plano de ser expulsa vai ser mais difícil do que imagina, já que o diretor insiste em dar mais algumas chances a garota mesmo depois de suas rebeldias. Amanda se vê com duas novas amigas - Maíra e Paulina - mesmo que criar amizades não seja seu objetivo, e claro, sempre sendo provocada pelo casal Mariana e Ricardo.
Depois de algum tempo ela percebe que já não pode mais negar que Ricardo é um gato, e que a atração entre eles existe, mas é como ela sempre diz, ele é o último homem do mundo que ela iria namorar.
Entre algumas armações e provocações a garota vai descobrir que não mandamos na escolha do coração.

"- Minha cabeça diz que ele é o último homem do mundo com quem eu quero me envolver - admiti. - E o seu coração? - perguntou Paulina. - Diz que é tarde demais... "

Sei que algumas pessoas depois de lerem a sinopse vão pensar "Nossa é tão clichê", e de fato, o livro tem seu lado clichê sim. Mas estão se enganando se acham que isso deixou a história ruim, pelo contrário, é totalmente apaixonante.
Amanda, apesar de rebelde, é uma protagonista que me conquistou logo de cara, consegui entender os motivos que ela tem para ser uma garota rebelde, principalmente com a mãe, mas também conheci um lado dela que se mostrou totalmente carinhoso, principalmente com aqueles que estão em situações complicadas. Foi a personagem que, a meu ver, mais amadureceu durante a história, e muitas vezes me senti compartilhando alguns pensamentos com ela.
Já Ricardo me fez sentir ódio nele no começo! Juro que em uma certa página eu tive vontade de entrar no livro só para dar uns tapas nele. Principalmente quando defendia a namorada - Mariana vaca - que não merecia. Mas depois de saber mais sobre o que ele já havia passado, passei a sentir um pouco mais de carinho por ele, principalmente quando me mostrou que era mais "humano" do que eu imaginava, e que também tinha um coração muito bom.
As amigas de Amanda são incríveis. Um pouco diferente uma da outra, enquanto Paulina é tímida, Maíra não tem meia palavra e fala logo o que pensa. Sem dúvidas, essas duas me ganharam, principalmente no quesito "amizade"!
Patrícia foi uma incógnita no começo, e eu só consegui ter uma opinião formada sobre ela no fim do livro, onde ela provou que realmente ama a filha, e que apesar dos erros cometidos faria tudo por ela.
O último homem do mundo entrou para os favoritos. Foi uma leitura super rápida, eu não conseguia parar, e nos momentos que fui "obrigada" a fazer isso, me peguei pensando em como seria o próximo capítulo. A história me arrancou risos, suspiros, e confesso que Tais conseguiu me emocionar com uma lição sobre humanidade e ajuda ao próximo.
Se eu continuar escrevendo provavelmente acabarei falando demais! Enfim, a autora está de parabéns, e claro que, como uma boa fã de romances, eu me encantei com O último homem do mundo.

"O amor é um risco. E, se você não está disposta a se arriscar, então não é digna desse amor.."


site: http://passeandocomoslivros.blogspot.com.br/2015/07/resenha-book-tour-o-ultimo-homem-do.html
Tais Cortez 11/07/2015minha estante
Oiii, Vitória
Obrigada pela resenha, eu adoreiii!
Fico mtooo feliz em ver o qnt gostou e foi envolvida pela história.
Qnd eu leio, eu adorooo a sensação de não querer parar e de ficar pensando no próximo capítulo, e me sinto honrada em ter criado algo q provocou isso em vc!
Eu me diverti lendo seus comentários sobre a Amanda e o Ricardo.
Bjssss
e sucesso ao blog!




Anna Gabby - L&V 07/07/2015

Resenha do Letras & Versos
Patrícia Oliveira é uma famosa atriz, mas com a fama sua dedicação a filha, Amanda (16 anos), diminuiu drasticamente. O que tornou a menina uma criadora de confusão, pois Amanda faz de tudo para demonstrar sua independência, mesmo que isso seja prejudicial ao próprio futuro.
No inicio do livro vemos que Amanda começará em novo colégio, dessa vez um semi-interno, e seu objetivo nele é conseguir a quarta expulsão seguida. Mas as coisas não estão saindo como o planejado, já que o diretor consegue ver além da motivação que Amanda alega e, por mais estranho que possa parecer, a garota começa a gostar do colégio e das colegas de quarto, Paulina e Maíra.
Entretanto, nem tudo são flores e logo no começo ela já detesta um casal do colégio. E eles entram em uma troca de armações e briguinhas. Mas muitas páginas ainda passarão trazendo algumas reviravoltas e alguns aprendizados para a vida.
O enredo é leve e os dramas são os característicos da adolescência. A autora se utilizou de clichês conhecidos, como garota problema em um colégio novo é “inimiga” da patricinha do local. Eu realmente esperava algo mais, mas o que encontrei não alcançou, infelizmente, minhas expectativas. Acho que esperava algo um pouco menos previsível, pois eu até gosto dos clichês, só que alguns detalhes me pareceram um pouco forçados.
Os capítulos são relativamente curtos e a diagramação simples. A narrativa é feita em primeira pessoa pela Amanda e se prestarmos atenção também podemos ver sobre ela mais do que a própria adolescente é capaz. Ela é uma personagem divertida e apesar de agir de forma irresponsável, ela consegue ser o oposto em vários momentos.
Os personagens me conquistaram aos poucos, dos secundários, principalmente, Patrícia Oliveira, Paulina e Maíra. O diretor Alexandre também precisa do seu destaque, pois ele tenta sempre ser justo.
Essa história é daquelas para ler em uma tarde, pois a leitura é fácil e leve. Um pouco previsível como eu já mencionei, mas ainda sim, uma leitura agradável. Indico para quem gosta de romances adolescentes.

Para ver algumas quotes visite o blog.

site: http://anna-gabby.blogspot.com.br/2015/07/o-ultimo-homem-do-mundo-tais-cortez.html
Tais Cortez 08/07/2015minha estante
Oiii, Ana
Obrigada pela resenha e por compartilhar sua opinião!
Fico feliz q, em geral, tenha sido uma leitura agradável :)
Bjsss
e sucesso ao blog!




153 encontrados | exibindo 31 a 46
3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 |