A Garota Que Você Deixou Para Trás

A Garota Que Você Deixou Para Trás
4.37234 4743




Resenhas - A Garota Que Você Deixou Para Trás


209 encontrados | exibindo 16 a 31
2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 |


Samantha.Conti 27/08/2016

Não decepciona
Mais um livro sensacional da Jojo. A personagem principal é um pouco teimosa rs mas a história é emocionante.
comentários(0)comente



Bruna.Schons 27/08/2016

O melhor livro da Jojo
Que a Jojo é uma escritora incrível ninguém tem duvidas, quem não gosta é porque ainda não leu! Mas esse livro em especial é de longe o melhor livro que li em minha vida toda. Eu já tinha ficado apaixonada por como eu era antes de você, mas essa história, que envolve presente e passado é demais.
A história começa na primeira guerra mundial partindo dai já achei o livro maravilhoso, pois eu pouco sabia da primeira guerra, uma vez que ouvimos mais sobre a segunda. Toda a trama da primeira história é linda e quando parte pra segunda não perde o ritmo, vem para os tempos atuais e mostra como algumas armadas do destino podem nos fazer descobrir sobre quem somos.
O final é o melhor possível, nele você descobre o desfecho das duas histórias e se emociona muito.
AMEI, DE VERDADE, VOCÊS PRECISAM LER
comentários(0)comente



AnaPereira 27/08/2016

Passado e futuro juntos
Jojo Moyes é mestra em tornar leve, assuntos áridos e dolorosos! Vale ler e se emocionar, torcer e se divertir com a história dessa "menina"...
comentários(0)comente



Carolina 27/08/2016

O livro se passa em dois períodos e a trama se baseia no quadro da jovem Sophie, entitulado a garota que você deixou pra trás. o livro vai expor algum valores e mostrar que quando se trata de amor não existem barreiras.
comentários(0)comente



Rafaela Fischer 26/08/2016

O livro começa na primeira guerra mundial, França, onde os alemães invadem o hotel Le Coq Rouge de Sophie Levère. O principal caso da historia é o quadro que Édouard Levère que pintou sua esposa. Depois de Sophie ser levada também pelos alemães o quadro "se perdeu"... Aparecendo em 2006 em Londres, na posse de Liv Halston.
comentários(0)comente



lai 26/08/2016

Inspirador
A história é inspiradora, pois mostra do que o amor é capaz. As duas protagonistas do livro, são a prova de que, quem ama está disposto a tudo por aquela paixão.
comentários(0)comente



Aline 26/08/2016

A Garota
Esse livro é sensacional. Na minha opinião de todos os livros que li da Jojo é o melhor. O livro mostra a ligação de duas mulheres através de um quadro. Ambas são apaixonadas pelo quadro e lutam para ficar com ele. O livro é dividido em duas épocas porém há uma ligação entre as duas personagens. O livro é apaixonante e quem ler esse livro viverá as emoções junto com as personagens. É uma linda história de amor. O final é surpreendente.
comentários(0)comente



Vaninha 14/08/2016

"Essa era a história de nossas vidas: insurreições menores, vitórias miúdas, uma breve chance de ridicularizar nossos opressores, barquinhos de esperança em um mar de incertezas, privação e medo."
A Garota Que Você Deixou Para Trás conta a história de duas mulheres fortes e determinadas separadas por mais de um século.
Sophie Lefévre , em 1917, luta junto com sua família para sobreviver à Primeira Guerra Mundial na pequena cidade de St. Peronne onde foi morar com sua irmã, Hélene, depois que seus maridos foram para a guerra. Ao descobrir que seu marido, Edouard Lefévre, foi mandado para um campo de prisioneiros alemão, Sophie teme que ele, um pintor, boêmio e admirador da beleza e da vida não resista. A cidade está ocupada pelos Alemães e Sophie vê no Kommandant, que parece ser um amante da pintura, uma chance de tentar conseguir a libertação de Edouard.
Olívia Halston, em 2010, vive na movimentada Londres. Viúva de um arquiteto ela ainda não se recuperou completamente da morte de seu amado David, mesmo já tendo se passado 4 anos desde a sua morte. Foi ele quem projetou a casa em que eles iriam morar. A casa é o único bem de valor que ela possui. Sem emprego fixo e vivendo com a renda dos projetos ainda inacabados de David, ela não tem como manter a casa e está sendo perseguida pelos bancos que exigem o pagamento de uma hipoteca. Ela não quer vender a casa mas também não vê outra alternativa.
O destino dessas duas mulheres se cruza de forma inusitada, através de um objeto perdido.
O livro tem reviravoltas que me pegaram totalmente de surpresa e momentos marcantes que me levaram às lágrimas. A autora fez pesquisas referentes à Primeira Guerra e toca em um tema que é bastante delicado. Com certeza vale a leitura.
comentários(0)comente



Terapiadolivro 13/08/2016

Lindo!
Livro lindo e fácil de ler. A história começa com a história de Sophie e seu retrato pintado por seu marido. A guerra e como eles viveram até então. Depois passa para Liv e seu mundo nos anos 2000, onde seu marido compra um retrato pintado de uma linda ruiva e a da de presente.
A história vai se enredando e começa uma vontade torcer por Sophie e seu marido e seu quadro. Por outro lado, torce por Liv e que sua vida melhore.
Um romance gostoso, fácil e que te prende numa reviravolta de acontecimentos. Acho que eu mesma não acreditava mais em Sophie. Muitas vezes tive raiva dela no livro.... Mas Adorei!
Muito lindo o livro!
comentários(0)comente



Franciele.Drapalski 05/08/2016

Resenha A Garota Que Você Deixou Para Trás
A história inicia com o romance entre Sophie Lefèvre e Édouard Lefèvre. O cenário são os anos trágicos da Primeira Guerra Mundial, onde Édouard está servindo em batalha no front, e Sophie vive com seus irmãos e sobrinhos em uma pequena cidade no interior da França que foi invadida e tomada pelos alemães. Eles cuidam do Le Coq Rouge, o antigo hotel da família que agora quase não tem mais clientes e mal consegue servir uma xícara de café.

É no Le Coq Rouge que Sophie deixa pendurado o quadro intitulado de “A garota que você deixou para trás”, pintado por seu amado marido a algum tempo atrás. Édouard é um artista e pintou o quadro em homenagem a sua esposa, a retratando em sua melhor forma com toda sua beleza e vitalidade. É ao olhar para o quadro que ela reuni diariamente as forças para conseguir passar pelas dificuldades da guerra e a saudade do marido, enquanto aguarda o seu retorno.

A vida da família de Sophie segue (na medida do possível) até que o novo Kommandant alemão chega na cidade e solicita que ela e sua irmã cozinhem para os alemães diariamente. Como não há a menor chance de recusa, inicia os serviços a contragosto da família. E como se não bastasse a presença indesejada dos inimigos alemães, começa também um perigoso jogo de interesses entre o Kommandant e Sophie.

Até que chega uma eminente ameaça de que Édouard corre risco de vida, Sophie não consegue suportar a ideia de nunca mais vê-lo e se vê obrigada a salvar o marido a custo de um preço muito caro, que irá trazer muitas reviravoltas a história.

Na segunda parte do livro estamos em 2006. Liv Halston é uma jovem viúva que ainda tenta superar a perda do marido mesmo passado quatro anos do seu falecimento. A casa onde ela mora, foi projetada pelo marido que era arquiteto e lá abriga todas as lembranças de um casamento feliz, inclusive um lindo quadro que ela ganhou do seu marido David retratando uma bela jovem, comprado durante sua lua de mel chamado “A garota que você deixou para trás”.

No aniversário de falecimento do marido, Liv buscar tentar esquecer e não chorar desta vez numa tentativa de retomar a vida. Nesse dia o destino quis que ela conhece o atraente Paul McCafferty, um homem decidido, gentil, doce, querido que faz despertar nela sentimentos até então esquecidos. Liv se deixa levar por essas sensações quase novas e quando vê já está intimamente ligada a Paul. Mal ela sabia que aquele encontro inesperado com Paul iria mudar sua via completamente colocando tudo que restara de David em jogo.

O livro tem muitas reviravoltas, romance, mistérios. A primeira parte é narrada em primeira pessoa, pela Sophie. É descrito todo o sofrimento daquela cidade, a falta de comida, o inverno rigoroso, as desesperadas tentativas de salvar seus pertences e a busca pela sobrevivência em tempos muito difíceis.

Já na segunda parte, quando Liv aparece, é narrada em terceira pessoa. O livro na minha opinião realmente fica ainda mais interessante quando as histórias de entrelaçam, fica realmente difícil de largar.

Ao final da leitura, terminei com a certeza de que realmente não era MESMO apenas um quadro!

site: http://www.acheierabisquei.com.br/2016/08/resenha-do-livro-garota-que-voce-deixou.html
comentários(0)comente



Franciele.Vieira 29/07/2016

Interessante
A primeira parte e bem mais interessante,estava mais empolgada com ela,depois quando a história saiu da guerra achei meia entediante,mas continuei lendo e o final até que foi bacana. Porém nada extraordinário.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Tatianna.Faria 23/07/2016

A garota que vc deixou pra tras
Em "A Garota Que Você Deixou Para Tras" Jojo Moyes, intercala entre a historia de Sophie Lefeire no ano de 1916 e de Liv Halston em 2005. O que une a historia das duas e o quadro que o marido de Sophie pinta dela, antes dele ir para a guerra, a primeira guerra mundial, que anos mais tarde vai parar na mao de Liv,que e um presente do seu falecido marido. Quadro esse que sera motivo de uma luta judicial em Liv e a familia do marido de Sophie,para ver quem ficara com ele. Com uma riqueza detalhes sobre o que se passa em um restaurante durante a guerra e o que acontece na vida de uma jovem viuva, Jojo nos faz viajar entre o passado e o presente.
comentários(0)comente



Emy chan 22/07/2016

interessantemente desgastante
Dividido em duas partes, sendo a primeira indiscutivelmente minha preferida,conta inicialmente sobre uma cidadezinha na França em 1916 na primeira Guerra Mundial que estava sendo oprimida pelos Alemães. Sophie tenta manter a família em boas condições enquanto seu marido parte para a guerra e tudo parece ruir ao seu redor, se envolvendo em vários escândalos que mais tarde se tornariam importantíssimos para o desenvolvimento do livro.Diante de uma das inspeções do exército Alemão, um comandante repara em um retrato seu pintado pelo seu próprio marido e se encanta, porém Sophie não lembra em nada a moça bonita, travessa e sadia que havia sido não à muito tempo. Para encontrar o marido, Sophie iria fazer qualquer coisa.
A segunda parte se passa em Londres, 2006 em uma casa de vidro onde vive Liv, a própria havia sido planejada pelo seu marido anos antes, que infelizmente acabou falecendo. Liv guarda com amor o quadro "A garota que você deixou para trás" (que por um acaso, é o retrato de Sophie) que ganhou do marido como presente de casamento. Após 4 anos sem se envolver com ninguém, Liv encontra um homem interessante, Paul também acaba por se interessar nela; ele trabalha recuperando obras de arte que foram "roubadas" e devolver para a família de direito, e ele acaba tendo que ir atrás de a "garota que você deixou para trás" e entra em choque ao encontra-lo na parede da casa de vidro. Liv luta com todas as forças para manter o quadro consigo e acaba perdendo muitas outras coisas importantes em suas vidas.
Uma leitura muito leve mas que tive dificuldade em manter o interesse, a história acaba se desgastando e eu fui perdendo o interesse gradualmente, um livro que tinha tudo para ser bom mas acaba sendo parado demais, principalmente na segunda parte, mas nos surpreende muito com o final que eu achei até que inesperado, uma leitura emocionante em vários pontos e que nos faz pensar muito no que colocamos como prioridade em nossas vidas, no que damos importância e no que faríamos no lugar dos personagens.
comentários(0)comente



Dayane 04/07/2016

Duas histórias, um quadro, a mesma decisão...
O livro intercala entre a história de duas mulheres separadas por décadas e unidas por um quadro. O quadro é um retrato de Sophie, pintado por seu marido Édouard Lefèvre, que foi convocado para trabalhar no exército durante a Primeira Guerra Mundial. Separados, em meio a tanto sofrimento, Sophie fará o que for preciso para salvar sua família e seu marido.
Tempos depois, temos, na Londres dos anos 2000, a jovem viúva Liv Halston que mora sozinha e vem passando por dificuldades de todos os tipos, além da descoberta de um novo amor. Ambas as mulheres tem de tomar decisões complicadas durante a trama. O que aconteceu com Sophie? O que acontecerá com Liv? A quem pertence o quadro? Do que você é capaz de abrir mão e em nome do que?
História bem mais interessante e bem escrita que em "como eu era antes de você", percebe-se um claro amadurecimento da autora. Porém, como no outro livro, poderia ter sido mais bem trabalhada. Embora as passagens durante a Guerra sejam ótimas, envolventes e originais, durante a história de Liv voltamos aos cliches, dramas desnecessários e sem graça. Tédio.
Mais uma vez, Jojo Moyes surge com ideias ótimas, diferentes e cheias de amor, mas não consegue aborda-las tão bem. Vamos ver se ela chega lá...
comentários(0)comente



209 encontrados | exibindo 16 a 31
2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 |