O Ciclo da Morte

O Ciclo da Morte Thais Lopes




Resenhas - O Ciclo da Morte


31 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Yasmim 21/03/2014

Se você está achando que é mais um livro de romance, você está muito enganado! O Ciclo da Morte é tudo ! Menos um romance.
O Ciclo da Morte nós apresenta Kelene, uma jovem que possui muitos segredos, segredos no qual podem colocar pessoas ao seu redor em perigo. E ao colocar um anúncio de aluguel em seu apartamento acabou atraindo o interesse de Lucio, um vampiro antigo rodeado de culpa, que procura escapar das garras de seu inimigo. Só que Lucio não esperava é que Kelene fosse o reconhecer como tal e que além disso fosse liga-lo ainda mais ao seu passado tenebroso e sombrio no qual ambos sofreram. Entre mentiras e desconversas Kelene tenta ocultar sua verdadeira profissão e origem, mas Lucio está certo de que qualquer que seja sua profissão ele saberá lidar, além do mais, o que uma mera humana pode fazer de tão especial ?

Eu sei quando alguém está tentando se aproximar de mim. E a vida me ensinou que as pessoas só se aproximam das outras quando querem algumas coisa.(Kelene)

A muitas eras atrás as duas sociedade já foram unidas. Eramos somente uma nação, não importava o quão diferente cada um fosse, tratávamos como um igual. Porém, hoje em dia as coisas são bem diferente. Os humanos tem medo daquilo que não compreendem e que não podem controlar e os seres do Outro Mundo aprenderam com o tempo, que alguns humanos nem sempre são confiáveis, sendo assim, estamos divididos, não há harmonia nem confiança. E ninguém sabe como essa divisão aconteceu, nem mesmo a própria Morte. Além do mais, nem mesmo a Morte sabe de tudo. Engana-se quem acha que a Morte sempre significa o fim, talvez ela só seja o pontapé para o começo.

Você sobreviveu fugindo, mas eu sobrevivi aprendendo a não recuar. (Kelene)

O primeiro volume da serie Santuário da Morte, é bem diversificado, sendo narrado por 3 "protagonistas". Kelene, Lucio e a própria Morte. Confesso que não me dei bem de cara com a personagem Kelene, eu odeio segredos e ela é rodeada deles, porém amo desvenda-los e isso acabou me instigando a ir até o final. Kelene é uma pessoa de poucos amigos, sua vida não foi nem um pouco fácil. E a herança que herdou de seu ''pai'' não facilitou as coisa. Mas ela aprendeu a sobreviver, mesmo que dá pior maneira.

A Morte sempre costuma ser tratada com o significado de um fim, ou com hostilidade, porém vou revelar uma coisa a vocês, estou apaixonada por ela. Isso mesmo! Esse livro me fez vê-la com outros olhos. E para falar verdade, ficava esperançosa para ver seu ponto de vista na história.

É a morte que traz a evolução, que permite que a antiga geração dê lugar à nova.

Sempre tive a consciência de que o egoísmo é o partida para um declínio ou sucesso, rsrs. Mas neste livro ele me mostrou que o egoísmo nos leva ao auge, e nem sempre é para o bem. O Inominável , como é chamado, foi egoísta suficiente para querer a imortalidade. Corrompendo assim dois guardiões e os transformando em vampiros. Os primogênitos. O que fazer quando você tem que lutar contra seu próprio sangue ? Lucio descobriu isso da pior maneira após trair Seth, para o bem de todos, ele peca ao achar que isso deteria o irmão. Porém há uma chance para ele, a mesma chance de sua salvação é a de sua destruição.

Em O Ciclo da Morte temos uma história recheada de segredos e suspenses, que só irão fazer com que você devore esse livro mas rápido que o normal. Apesar de sentir muuuuito por não haver um romance mais desejável na história e a autora me deixar com um buraco no coração por conta do Lucio (tenho que parar de ver romance em tudo). Senti que valeu a pena ler-lo, e se acabasse tudo muito bem talvez nem gostaria tanto do livro. A forma da escrita é rápida e de fácil compreensão. Mas avisando ..... se liga nas mensagens escondidas que tem a cada linha, certas pessoas tem o costume de colocar uma bomba no final.

Resenha disponível e completa em

site: http://miiheomundoliterario.blogspot.com.br/2014/03/resenha-o-ciclo-da-morte-thais-lopes.html
comentários(0)comente



Jess 30/04/2014

Único!
Quem me conhece sabe que tenho um grande amor pelas criaturas noturnas, principalmente vampiros, por isto sempre tento descobrir novas séries que me façam passar muito tempo neste mundo. Já li todo tipo de enredo sobre essas criaturas e por mais que eu as ame estava começando a achar tudo muito repetitivo, levando-me ao cansaço da mesmice, eu precisava de algo inovador para limpar minha mente ou acabaria me afastando um pouco desse gênero.

Agradeço a Yasmim do blog “Miih e o seu mundo literário” por ter me indicado a Thaís para fazer parceria. Sem ela acho que nunca teria conhecido essa série tão bem elaborada e de uma originalidade impressionante, que hoje em dia se tornou uma das minhas favoritas.

- # -

Kelene é uma jovem universitária com um passado e um presente obscuro, que está em busca de dividir seu apartamento com outra pessoa, mas já fazia dois meses que havia colocou o anuncio e ninguém até aquele momento tinha se interessado a não ser universitários que queriam lhe passar trotes, o que a deixava bem irritada.

Um certo dia ela acaba recebendo uma ligação interessante de um homem chamado Lucio, logo no primeiro momento, de forma espantosa, Kelene descobre que ele é um vampiro antigo, mas não se recusa a lhe ceder seu lar como moraria, porém há regras que ele precisa seguir, afinal de contas, ela não queria colocar todos ao seu redor em perigo, o que Kelene não esperava era que apenas o fato dela permitir aquele ser em sua casa poderia trazer um antigo inimigo seu de volta a sua caça.

Assim como a jovem, Lucio também tem um passado nada agradável e vem fugindo dele por anos e anos, e agora mais do que nunca precisa de um abrigo em meio aos humanos para que assim seu carrasco não o encontre. Isto é algo bem complicado, pois os humanos sabem da existência de seres da noite e os repudiam pelas mortes que aqueles vampiros já causaram. Entre tanto, em meio a um golpe de sorte Lucio consegue finalmente arranjar um lugar para ficar, ainda sim, existe algo que estava lhe atormentando: Ele poderia colocar a vida daquela garota em risco. O que Lucio não sabia era que Kelene não era tão frágil quanto ele imagina e que ela poderia lhe dar com vampiros facilmente.

No começo a convivência dos dois é agradável e fácil, mas com o decorrer do tempo os segredos começam a pular bem em frente a eles, tornando a vida de ambos mais complicada, e assim aos poucos os leitores e os próprios personagens vão descobrindo o que Lucio de Kelene estão tão duramente ocultando.

Mas os problemas não acabam ai...

Aos poucos Kelene e Lucio acabam interessando-se um pelo outro, no começo é algo físico, mas depois os sentimentos vão aparecendo e se infiltrando sobre suas peles, trazendo ao livro uma grande e intensa paixão.

- # -

É realmente difícil fazer uma resenha quando eu estou tão apaixonada pelo livro, pois isso acaba me fazendo soltar algum spoiler o que não é nada agradável, por este motivo que tentei não me aprofundar muito no enredo, mas espero que eu tenha passado o necessário para despertar a curiosidade de vocês.

Se você ainda está com medo de ler por achar que é aquele velho clichê de: A humana fraca, desprotegida e que tem medo até do vento que a cerca se apaixona por um vampiro que quer tomar seu sangue. Então pode ficar despreocupado porque “O Ciclo da Morte” não tem nada disto, ele é realmente inovador e extremamente original! Com toda certeza vale a pena passar cada minuto do seu dia desfrutando desta obra.

site: http://worldbehindmywall.fanzoom.net/?p=7373
comentários(0)comente



Daniel Fernando 17/07/2014

PERFEIÇÃO!
Tá, acabei nesse instante o livro O Ciclo da Morte de autoria da minha mais que querida Thais Lopes!
Só algumas coisas a falar:
1º: PUTA QUE PARIU, um dos melhores que já li. e não não to falando da boca pra fora todos q me conhecem sabem o tanto q gosto de literatura sobrenatural!
2º: Um banquete para todos os adoradores de Série Os Instrumentos Mortais - Oficial, Fallen, House of Night, The Spiderwick Chronicles, entre tantos outros do gênero fantasia sobrenatural.
3º: TO IMPLORANDO PRA ELA ME MANDAR MAIS Q UMA PREVIA DO SEGUNDO LIVRO (e todos os que terminarem vão fazer a mesma coisa).
4º: Nunca vão dizer q é uma escritora brasileira, e sim uma OBRA traduzida em sua mais perfeita condição!
Vou parar por aki se não vou acabar dando spoiler!
Mas me senti orgulhoso por poder provar isso, e espero que todos possam provar esse gostinho q estou tendo agora!
comentários(0)comente



Kovas 25/10/2014

Conheci o livro pelo convite de participar da Semana O Ciclo da Morte, que foi uma semana de mega divulgação desse primeiro volume da série Santuário da Morte. E tive a oportunidade de participar do book tour.

O Ciclo da Morte é um livro de seres sobrenaturais, incluindo vampiros (que não sou muito chegada), e foi uma bela surpresa de começo ao fim! Confesso que estava esperando um livro com uma mescla de romance e ação, mas o romance ficou só de início sendo um plano de fundo.

Kelene estava em busca de um novo companheiro para dividir o seu apê e Lucio é essa nova opção, só que ambos tem segredos, Lucio não é só um vampiro qualquer e a Kelene não é só uma humana. Mas não é só segredos que rondam a relação desses dois, o amor também, logo de cara Kelene e Lucio se veem interessados um pelo outro, mas como disse, o sentido amoroso do livro é só no comecinho, Kelene é aquela personagem que tá gostando de alguém mas não significa que ela vai escrever corações e o nome do Lucio no caderno, ela é bem deboas.

E quanto mais a narrativa se desenvolvia, mais descobertas eram apresentadas e mais eu ficava: "COMO QUE É?". Tipo, o que aconteceu no passado (de ruim) com a Kelene tem tudo a ver com o Lucio e com o futuro dos vampiros e seres sobrenaturais e cabe a ela ser a heroína ou não. Tem muita revelação sobre o passado desses dois personagens e não dá pro leitor ficar "opa, beleza".


A escrita da Thais é simples e fluida, eu não via a hora passar e nem via que tinha lido X páginas em poucos minutos. Já a narrativa do livro é pelo ponto de vista da Kelene e do Lucio, mas não vi grande diferença entre a narrativa deles pra ser sincera, os dois tinham quase o mesmo "tom" de narração. E houve outro probleminha: os cenários. Tive grande problema com o cenário, não consegui imaginar o local da treta final e entre outros, acho que ficou um pouco superficial.

Antes de finalizar, quero deixar meu agradecimento a blogueira Karyne, do My Little Metaphor, por ter organizado o Book Tour de O Ciclo da Morte e também a autora Thais Lopes, porque sem ela não teria livro :O HUAEHUHEUAEA

site: http://www.livroterapias.com/2014/10/resenha-o-ciclo-da-morte.html#comment-form
comentários(0)comente



Luana 25/08/2014

Resenha #17
A história começa com Kelene,uma garota aparentemente normal que está envolta de mistérios,que está a procura de alguém para compartilhar seu apartamento.É assim que ela conhece Lúcio,que a liga,interessado no apartamento.De cara(ou não),Kelene já descobre que ele é um vampiro,e dos antigos,pelo fato dele não respirar,já acostumado com isso.Ele é pego totalmente de surpresa pois era raro os humanos reconhecerem os vampiros.Além disso e do medo de colocá-la em risco,ele vai ao encontro marcado pelo telefone,pois precisaria realmente de um lugar para se esconder depois do que ele fez.
A história é narrada por 3 personagens,sendo eles,Kelene,Lúcio e a própria Morte.
Lúcio,ao se mudar para o apartamento,se surpreende com o fato de Kelene parecer estar tão acostumada com o 'Outro Mundo',assim como é chamado,e com aquele olhar único que ela tinha.
Lobisomens,elfos,bruxos,vampiros e muito mais são encontrados durante a leitura do livro.
Conforme a história flui,muitas descobertas são reveladas e com isso consequências que farão a vida de Kelene mudar totalmente.

É incrível como a Thais nos mostra um universo totalmente novo com algo que sempre nos foi estranho,a morte,como todos temem e pensam ser implacável e indestrutível.Simplesmente único sua obra.Vale a pena cada página lida

site: http://cantinhodatitania.blogspot.com.br/2014/08/o-ciclo-da-morte-thais-lopes-17.html
comentários(0)comente



Bells 04/12/2015

Resenha: O Ciclo da Morte
"A morte deveria estar acima das fraquezas dos mortais. E agora, a morte se lembraria que um dia havia sido mortal, e que nem mesmo ela seria eterna"

Essa é uma historia cheia de segredos e mistérios. Kelene é aparentemente uma humana normal (o que não é bem verdade) que coloca um anúncio pra encontrar alguém pra dividir o apartamento. Lúcio, aparentemente é um vampiro normal, mas na verdade é um dos primogênitos.


A estória se passa em BH, onde os humanos tem conhecimento da existência dos seres sobrenaturais, como: vampiros, fadas, bruxos, etc, mas é claro que eles não vivem em harmônia.

Lúcio e Seth são os dois vampiros mais antigos da historia, foram criados quando ainda eram guardiões no santuário. E é claro que ambos são inimigos. Enquanto isso, Seth quer transformar Kelene, mas essa tenta de todas as formas resistir.

Chega em um momento em que Lúcio e Kelene percebem o que Seth planeja juntamente com o Inominável, o inimigos mais antigo que a morte possui, tão antigo que seu nome se perdeu no tempo. Então, ambos tem que evitar a destruição do mundo e pra isso precisam reunir todos os vampiros. Porém, os vampiros estão em uma pequena desvantagem para se aliarem à Lúcio, a menos que este encontre uma solução para o problema dos vampiros.

Com todo este perigo, o santuário precisa de uma nova guardiã para protege-lo. Uma guardiã que irá trabalhar com Lúcio, pois, apesar de tudo, este continua mantendo o seu juramento e guardando o santuário, até mesmo quando a morte esta sendo arrogante.

O livro é narrado em primeira pessoa, no ponto de vista da Kelene, Lúcio e da própria Morte. Também possui alguns erros de gramatica, mas não atrapalha em nada o entendimento do livro. Outro aspecto que gostei muito, foi o fato de ter como cenário a cidade de BH, gosto muito de livros que trabalham com cenários brasileiros.

O livro é dividido em duas partes. A parte I: Erros, que mostra como Lúcio e Kelene se conheceram, e o que Seth tem com ambos. E a parte II: Renascimento, essa parte fala de como o ciclo foi fechado. É uma fantasia urbana aptada em um cenário brasileiro (mencionei anteriormente). Para os amantes de livros desse gênero, eu digo apenas o seguinte, NÃO DEIXEM DE LER ESSE LIVRO. Até hoje me pergunto que final foi aquele.

site: http://mysecretworldbells.blogspot.com.br/2015/11/resenha-o-ciclo-da-morte.html
comentários(0)comente



Luiz 22/07/2014

Estréia Digna!
Bom, já vi que fizeram isso e eu fiquei com inveja, então resolvi expor publicamente as minhas primeiras impressões acerca da gloriosa estreia de Thais Lopes no mundo das histórias impressas em códex, O Ciclo da Morte primeiro livro da trilogia O Santuário da Morte, a fim de gastar um pouco do português acumulado e da empolgação literária recém-adquirida pós-leitura. Menos ~pedantemente~ (licença poética), o fato é que eu, genuinamente, curti o livro! Para quem não sabe do que se trata (mas deveria), O Ciclo da Morte é um romance de fantasia urbana, em que nada é o que parece ser. A princípio, o enredo parece se direcionar para os lugares comuns da literatura fantástica: a mocinha encontra um homem misterioso e ambos, apaixonados, lutam contra ~o inimigo em comum~ para salvar a si mesmo e geral. A grande questão é que nem Kelene nem Lúcio são aquilo que aparentam ser. Os segredos que escondem são muito mais profundos e levam a lugares tão antigos quanto à configuração da própria estrutura do mundo onde vivem. Além disso, ~o inimigo~ em questão coloca em cheque questões ligadas à vida, à ética, aos laços de parentesco e sentimentais, mas, principalmente, à Morte, ameaçando até mesmo a existência desta última. Assim sendo, os personagens (não só o casal principal, diga-se de passagem) progridem e se revelam, se posso arriscar, até mesmo se transformam ao longo da narrativa. E é aí que Thaís ganha pontos. O enredo dá voltas e surpreende justamente na medida em que explora a história de seus personagens (e, por conseguinte, a trama como um todo) aos poucos. Além disso, a descoberta dos várias referências e links que estão escondidos por detrás do universo criado são uma parte instigante da leitura. Utilizando-se de vários elementos místicos, míticos, mitológicos (me deixa rs) e fantásticos de forma geral, a obra em questão se pretende literatura fantástica de qualidade, escrita em português, voltada para o a galera infanto-juvenil, e, dentro de sua proposta, tanto de público quanto de gênero, achei que a qualidade é muito boa e o empreendimento muito bem sucedido! Vale a pena pra quem já se interessa e curte séries tipo As Crônicas de Nárnia, House of Night, Vampire Academy (Só num tem escola), Twilight (de acordo com minha mãe) e, até mesmo, As Crônicas de Gelo e Fogo e Brumas de Avalon!
leozinho 15/05/2015minha estante
Onde posso comprar esse livro




Bruna 01/09/2014

Um livro excelente, um sobrenatural feito na medida certa para mim
O Ciclo da Morte traz um mundo no qual a existência de seres sobrenaturais é conhecida por todos. Os chamados povos do Outro Mundo já conviveram pacificamente com os humanos, mas a situação já não é assim há muito tempo, séculos na verdade. Na sociedade atual, os seres do Outro Mundo são mal vistos pelos humanos, e sofrem uma verdadeira segregação social e racial. Entre esses seres, os vampiros são mal vistos e temidos até mesmo pelos outros seres sobrenaturais, devido a sua história de destruição e crueldade.

Tudo morre um dia. O ciclo de vida e morte é o que traz força e continuidade.
Pág. 322


Kelene é uma jovem universitária que está a procura de alguém para dividir o apartamento, após a misteriosa morte de sua antiga colega de quarto. Aparentemente, uma situação comum. Porém, apesar das aparências, Kelene não tem nada de comum, e esconde vários segredos. Segredos estes, que ela teme não conseguir mais esconder ao aceitar Lúcio, um antigo e poderoso vampiro, como novo colega de quarto.

Lúcio é um vampiro muito antigo, na verdade um dos mais antigos, uma vez que é um dos primogênitos, ou seja, um dos primeiros vampiros do mundo. Há muitos anos, ele abandonou os vampiros, por discordar do comportamento de Seth, o outro primogênito. Mas agora está de volta, e pretende se reaproximar de seu mundo e dar fim a perseguição de seu “irmão”.

Lúcio logo percebe que Kelene também guarda vários segredos, mas respeita a posição da jovem, apesar de sua curiosidade. O que nenhum dos dois imagina, é que seus segredos estão mais relacionados um com dos outros, do que imaginam.

Os Segredos de Kelene, o que o Conselho dos Bruxos dissera, e o que Avés revelara... Tudo estava entrelaçado de alguma forma, e eu estava no meio de tudo. Mas como as peças se encaixavam?
Lúcio - pág. 70


Enquanto a relação entre Lúcio e Kelene vai evoluindo aos poucos, somos apresentados a uma enorme conspiração, e a ameaça da ascensão de uma entidade extremamente poderosa, que colocaria em risco a vida tanto dos humanos, quando dos seres do Outro Mundo. E Lúcio, como um dos guardiões do Santuário da Morte, tem parte da responsabilidade de evitar que essa ascensão, uma vez que esse ser, conhecido como Inominável, está preso no santuário.

Kelene é uma ótima protagonista. Uma verdadeira heroína, forte, corajosa, e sem mimimi. Ela é do tipo de pessoa que inspira confiança e lealdade, e isso se revela muito importante, e mais de um momento. Já Lúcio, é meu número, quando o assunto é vampiros: poderoso, intimidador, forte, protetor, carinho e lindo! *-* Somos apresentados a diversos tipos de seres sobrenaturais, além dos vampiros, como bruxos, povos das fadas e lobos, sem falar na presença de Entidades de poder, como a própria Morte.

Bom gente, isso é apenas o começo. Mas não posso falar mais, pois o legal é ir descobrindo as coisas. O livro está bem escrito, e a trama bem construída e desenvolvida. A autora soube conduzir tudo muito bem, e eu praticamente devorei o livro, cada vez mais ansiosa pelas revelações que eram feitas. Os segredos de Kelene eram muito maiores do que eu imaginei a princípio, e foram sendo revelados aos poucos no decorrer da trama.

O livro tem início, meio e fim. Todas as questões propostas são resolvidas e encerradas a contento. Isso me agradou demais, pois esse é o primeiro volume da série, e nem por isso teve um final aberto.

A diagramação é simples, mas está muito bem feita. A narração é em primeira pessoa, intercalando capítulos de Kelene e Lúcio, mas há alguns narrados pela Morte. E achei a capa linda, e super condizente com a história e com o quê Kelene realmente é.

Recomendo muito o livro. Quem curte fantasias vai gostar, pois tem romance, ação, conspirações e segredos bem trabalhados, tudo bem dosado.

site: http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/2014/09/resenha-o-ciclo-da-morte-thais-lopes.html
comentários(0)comente



Arca Literária 01/09/2014

Por: Suelen Fernandes

Olá meus amores!
Estamos chegando com mais uma resenha para vocês. Vamos conhecer o livro O Ciclo da Morte da escritora Thais Lopes, parceira aqui do blog. Espero que gostem.
Kelene é uma universitária, aparentemente uma garota normal, mas nada disso é verdade. Ela pode parecer jovem, mas tem uma responsabilidade muito grande para carregar. No momento ela está à procura de uma pessoa para dividir um apartamento e coloca anúncio para divulgar. Só que para surpresa dela a pessoa que se interessa é um vampiro, só que não é um vampiro qualquer, ele é um primogênito.
Assim que Kelene conhece Lucio ela percebe que ele esconde alguma coisa, mas não se importa, pois ela também tem sua vida e não quer que ninguém saiba dos seus segredos que são muitos, mas como morar numa casa sem que algumas coisas sejam reveladas?
Lucio e Kelene se dão muito bem e isso evolui para um amor entre os dois, mas esse não é o foco do livro. O foco é que uma guerra está se formando e isso irá afetar toda a humanidade. Mas como combater a esse mal que vai assolar a terra?
Conforme a história vai se desenrolando vamos desvendado os segredos dos dois, Lucio foi um dos primeiros vampiros a ser criado pelo Inominável, ele é a ameaça que assola a terra. O Inominável está preso no Santuário da Morte, mas seu plano é de fugir e fazer uma purificação na terra, só poderão ficar vivas pessoas na idade produtiva e quem não se enquadrar nesse quesito deverá ser aniquilado.
Para poder derrotar esse monstro, os seres do outro mundo se juntam para a batalha final. Fadas, élfos, vampiros, bruxos, metamorfose, lobisomens, até a Morte, todos estarão unidos em um só propósito; derrotar o Inominável.
Gente, o livro é repleto de ação, fantasia, suspense e segredos. São tantos detalhes que precisamos ficar atentos para não perder nada. A escritora soube juntar todos esses seres fantásticos em um único livro sem ficar desconexo. Tudo se encaixa, até aquilo que às vezes ficava sem resposta, no capítulo seguinte você a encontrava.
A história é narrada a partir da visão de Kelene, Lucio e às vezes a Morte. E eu adorei, pois eu pude ver o ponto de vista de cada um e foi mais fácil para entender a história.
Além desses personagens que eu citei, existe mais uma que é importante para a história que seria Seth, o irmão de Lucio, ele estava ao lado do Inominável, um desertor, pois desistiu de ser um Guardião do Santuário da Morte e se revoltou contra a própria Morte. Ele era uma pedra no sapato de Lucio e Kelene. Um cara muito arrogante e achava que nunca seria derrotado.
O que posso dizer desse livro é que é muito bom e que a escrita da autora me encantou. Eu super recomendo o livro para todos que gosta de um livro de fantasia, muito bem escrito por sinal.


site: www.arcaliteraria.com.br
comentários(0)comente



estantedasuh 10/10/2014

O Ciclo da Morte - Blog Era Uma Vez o Livro
Kelene é uma universitária, aparentemente uma garota normal, mas nada disso é verdade. Ela pode parecer jovem, mas tem uma responsabilidade muito grande para carregar. No momento ela está à procura de uma pessoa para dividir um apartamento e coloca anúncio para divulgar. Só que para surpresa dela a pessoa que se interessa é um vampiro, só que não é um vampiro qualquer, ele é um primogénito.


Assim que Kelene conhece Lucio ela percebe que ele esconde alguma coisa, mas não se importa, pois ela também tem sua vida e não quer que ninguém saiba dos seus segredos que são muitos, mas como morar numa casa sem que algumas coisas sejam reveladas.

Lucio e Kelene se dão muito bem e isso evolui para um amor entre os dois, mas esse não é o foco do livro. O foco é que uma guerra está se formando e isso irá afetar toda a humanidade. Mas como combater a esse mal que vai assolar a terra?

Ao poucos que a história vai se desenrolando vamos desvendado os segredos dos dois, Lucio oi um dos primeiros vampiros a ser criado pelo Inominável, ele é a ameaça que assola a terra. O Inominável está preso no Santuário da Morte, mas seu plano é de fugir e fazer uma purificação na terra, só poderá ficar vivo as pessoas na idade produtiva e quem não se enquadrar nesses quesitos deverá ser aniquilado.

Para poder derrotar esse monstro, os seres do outro mundo s juntam para a batalha final. Fadas, élfos, vampiros, bruxos, metamorfose, lobisomens, até a Morte, todos estarão unidos em um só propósito; derrotar o Inominável.

Gente o livro é repleto de ação, fantasia, suspense e segredos. São tantos detalhes que precisamos ficar atentos para não perder nada. A escritora sobre juntar todos esses seres fantásticos em um único livro sem ficar desconexo. Tudo se encaixa, até aquilo que às vezes ficava sem resposta, no capítulo seguinte você a encontrava.

A história é narrada a partir da visão de Kelene, Lucio e às vezes a Morte. E eu adorei, pois eu pude ver o ponto de vista de cada um e foi mais fácil para entender a história.

Além desses personagens que eu citei, existe mais uma que é importante para a história que seria Seth, o irmão de Lucio, ele estava ao lado do Inominável, um desertor, pois desistiu de ser um Guardião do Santuário da Morte e se revoltou contra a própria Morte. Ele era uma pedra no sapato de Lucio e Kelene. Um cara muito arrogante e achava que nunca seria derrotado.

O que posso dizer desse livro é que é muito bom e que a escrita da autora me encantou. Eu super recomendo o livro para todos que gosta de um livro de fantasia, muito bem escrito por sinal.

site: http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/2014/08/resenha-o-ciclo-da-morte-thais-lopes.html
comentários(0)comente



Gaby Harket 13/11/2014

Resenha: O Ciclo da Morte
Hoje eu trago para vocês a minha resenha de um livro que foi disponibilizado pela querida Thais Lopes, a mesma é uma escritora parceira do meu blog. *-* [Sobre a parceria: Aqui] Eu fiz leitura em e-book(pdf), mas eu quero muito possuir um dia o livro físico, eu necessito ter esse livro em mãos para que futuramente eu possa reler.

De uma forma genial e atrativa a história do livro "O Ciclo da Morte" nos mostra um mundo totalmente diferente do "mundo real" em que vivemos, pois não possui apenas uma população composta por seres humanos, muito pelo contrário, há séculos que também é habitada por outros seres completamente divergentes dos humanos, como, por exemplo, vampiros, lobisomens, fadas, elfos, metamorfos, bruxos e até mesmo a "morte", através da leitura nós percebemos que os incríveis "seres sobrenaturais" não são somente uma lenda, ou seja, "nada de faz de conta", pois esses seres fantásticos e exóticos realmente existem, foram os próprios humanos que descobriram os sobrenaturais, os mesmo passaram a serem denominados de povos do "Outro Mundo".

Todos os humanos tem conhecimento da existência desses seres sinistros e, antigamente conviviam em união e harmonia uns com os outros, não importava as inevitáveis diferenças entre ambos, todavia, já faz vários séculos que essa convivência foi terrivelmente abalada, a sociedade foi dividida e esses seres sobrenaturais não são mais vistos com bons olhos pelos humanos, de certa forma eles sofrem descriminação, além disso, o outro mundo foi banido, essas situações foram causadas principalmente pela enorme crueldade e desenfreada destruição provocada pelos vampiros, os mesmos são temidos até mesmo por outras raças de sobrenaturais, entretanto, talvez exista algo mais poderoso que os vampiros.

"Sim, podemos deixar que os vampiros se enfrentem. Mas vocês estão se esquecendo de um pequeno detalhe... Os vampiros não são a ameaça real."

***

A história desse livro começa quando uma jovem universitária de nome Kelene está procurando alguém para dividir o seu apartamento, então publica no jornal um anúncio sobre isso, essa situação foi motivada logo após a misteriosa e aparentemente inexplicável morte da sua amiga, a mesma outrora dividia essa residência com ela, não demorou muito para esse anúncio de aluguel despertar o interesse de um jovem chamado Lucio, o primeiro contado de ambos foi através de um telefonema com a finalidade de negociar o futuro compartilhamento de moradia, é justamente por meio dessa conversa que a Kelene foi capaz de descobrir que o Lucio é um autêntico vampiro, entretanto, para surpresa dele a jovem acaba aceitando e dessa forma concordando em alugar e dividir o apartamento com o misterioso vampiro, para ela não foi tão difícil identificar um ser dessa raça, pois outrora ela já teve um frustrado relacionamento com um outro vampiro, o mesmo tem um passado e uma forte ligação com Lucio, mas no principio nem a Kelene nem o Lucio conseguem perceber isso.

A Kelene não é uma jovem tão "normal" assim como aparenta ser, ela é muito mais que isso e, a mesma possui vários e importantes segredos, durante a convivência os dois jovens suspeitam um do outro, percebem que ambos escondem segredos sobre coisas misteriosas, apesar disso e da curiosidade, resolvem que não vão se importar e ou questionar sobre essas coisas, pelo menos não naquele momento, entretanto, o que eles se quer podem imaginar é que sem dúvida, as "vidas" de ambos estão totalmente conectadas e, os seus segredos estão fortemente relacionados com o passado e principalmente com a temida "morte". Será que a Kelene poderá confiar mais uma vez em um vampiro?

"Eu sei quando alguém está tentando se aproximar de mim. E a vida me ensinou que as pessoas só se aproximam das outras quando querem algumas coisa."

O principal vilão da trama é o terrível e poderoso "ser" denominado de "Inominável", o mesmo sempre quis conquistar a imortalidade e ser mais forte que a própria morte, ele deseja dominar tudo e todos, teve uma época que ele usou toda a sua inteligencia e dessa maneira conseguiu corromper e transformar em vampiros sanguinários dois importantes guardiões, os mesmos tornaram-se os primogênitos, isto é, os primeiros vampiros da terra e consequentemente foi através deles que os demais vampiros foram criados, percebe-se que o Lucio é um dos primogênitos e o seu irmão Seth é o outro, já faz muito tempo que o Lucio decidiu abandonar os da sua raça, pois não concordava mais com o desnecessário e cruel comportamento do seu irmão, Lucio sempre viveu fugindo e é por isso que resolveu se abrigar em meio aos "humanos", por outro lado, a protagonista nunca foi de fugir dos seus problemas.

"Você sobreviveu fugindo, mas eu sobrevivi aprendendo a não recuar."

Eu gostei muito desse personagem, ele é lindo, fofo, sexy, legal, forte e super interessante, apesar disso, teve alguns momentos que ele se tornou um pouco chatinho por causa da sua excessiva vontade de cuidar/proteger a Kelene, além disso, às vezes o Lucio achava que poderia fazer algum mau para a pessoa dela, para falar a verdade, a Kelene é tão foda e poderosa que praticamente não precisa da ajuda de ninguém, kkkk mas, é lógico que eu entendo perfeitamente o comportamento dele para com ela, e sei que de certa forma ela também necessita dessa atenção.

Gostei muito da Kelene, pois ela demostrou ser uma personagem linda e incrível, eu admirei a sua coragem e determinação em vencer e destruir o "mal", apesar dessa situação de certa forma ter o poder de destruir o seu "próprio sangue", ou seja, a sua "família", para dizer a verdade, no começo da leitura eu não simpatizei muito com a Kelene, mas depois a minha opinião sobre ela mudou completamente, a protagonista enfrentou problemas e dificuldades no passado, as mesmas fizeram ela tomar certas atitudes e inevitáveis decisões que mudaram a sua vida, mas ela ainda não sabe que a vida dela mudará ainda mais, a poderosa "herança" que outrora ela recebeu dos pais futuramente poderá ajudar e ou atrapalhar a mesma em sua missão.

Apesar de todas as maldades e decisões erradas eu consegui simpatizar pelos vilões da trama, achei o Inominável muito foda, é um personagem muito atrativo, sem dúvida, ele e a "morte" são os principais motivo para o desenrolar da trama, sem a existência deles a história possivelmente não teria sentido algum, eu acredito que mesmo com desentendimentos entre ele e a protagonista eu acho que a relação de ambos talvez algum dia poderá modificar-se positivamente.

Gostei que só do Seth, apesar da sua arrogância e de se achar indestrutível, mas claro que ele é forte, foda e sexy, quando eu soube da existência dele eu suspeitei que a trama teria um triângulo amoroso, mas eu estava enganada, pois nesse primeiro livro não teve essa situação, apesar do passado "romântico" do Seth com a Kelene. Sinceramente eu fiquei dividida entre os dois vampiros, ou seja, eu não decidia em quem eu gostaria que ficasse junto (namorar) com a protagonista, achei muito lindo o romance entra ela e o Lucio, entretanto, em alguns momentos eu queria que ela novamente se relacionasse com o Seth, acredito que com a leitura do próximo livro eu possa decidir/escolher com quem ela deverá ficar, também achei que o casal protagonista se apaixonaram muito rapidamente e isso me incomodou um pouquinho.

Agora vou falar um pouco sobre a minha personagem favorita desse livro, no início eu não gostei muito dela, mas, aos poucos eu fui descobrindo mais coisas sobre ela e curtindo o seu temperamento, ela é muitíssimo misteriosa, fantástica, foda, rs sábia e muitíssimo antiga, eu só posso estar falando sobre a "morte", eu percebi que de certa forma tudo gira em torno dela.
A morte é um pouco arrogante e orgulhosa, ela sempre confiou cegamente em se mesma, então, acabou esquecendo-se de uma situação que séculos atrás aconteceu com a mesma, em outras palavras, ela se esqueceu de uma importante parte do seu próprio passado.

"A Morte foi arrogante, e se esqueceu dos avisos do passado. Agora, temos duas opções: Pagar o preço por seu erro ou assumir a responsabilidade.
Minha escolha já foi feita."

"E quando a própria morte reconhece os seus erros... pode ser tarde demais"

Portanto, ela perceberá que nada dura para sempre, nem mesmo a morte, infelizmente. :(

"A Morte deveria estar acima das fraqueza dos mortais. E agora a morte se lembraria que um dia havia sido mortal, e que nem mesmo ela seria eterna."

Mas, a mesma pode evoluir e modificar-se para que dessa maneira possa continuar exercendo a sua missão, então, se paparmos para pensar... a morte realmente não é o fim, pelo contrário, é o começo.

"Tudo morre um dia. O ciclo de vida e morte é o que traz força e continuidade." "É a morte que traz a evolução, que permite que a antiga geração dê lugar à nova."

Chegará um momento em que ela, o casal protagonista e as diferentes raças de seres sobrenaturais irão se unir e tentar combater o grande vilão e os seguidores do mesmo. Será que o bem vencerá o mal?

"Como se enfrenta um inimigo que não se conhece? Como destruir algo cuja origem está envolta em mistério?
Meu erro havia sido maior do que qualquer um deles podia imaginar."

***
A narração é em primeira pessoa, entretanto, os capítulos são intercalados entre o casal protagonista e em algumas partes a morte também narra, achei que dessa maneira a história ficou bem mais legal, atrativa e diferente, além disso, me fez ver e entender os pontos de vista, atitudes e opiniões individuais dos três personagens.

Gostei muito desse livro, nossa, me apaixonei pela brilhante história da autora Thais Lopes, o livro possui uma trama muito bem escrita e agradável, tem um desenvolvimento muito envolvente, praticamente eu quase não conseguia para der ler, quando cheguei no fim eu senti vontade de ler tudo novamente, rsrs em nenhum momento a história foi chata e ou cansativa, possui vários personagens, como, por exemplo, os sobrenaturais, todos foram muito bem escritos, entretanto, na minha opinião, eu acredito que a escritora deveria ter abordado mais a relação entre os irmãos vampiros, especialmente o malvado, e falando nesses seres.. eu adorei uma vampira super sensual que depois aparece um pouco na trama. *-*

Bem, eu senti falta de mais detalhes e ou descrições da ambientação da história, adorei as cenas de ação e lutas, a trama é super misteriosa e com um suspense que te prende na leitura, a pessoa (leitores) aos poucos vai tendo conhecimentos de certas coisas e descobrindo outras, um dos motivos para eu gostar tanto desse livro é que eu achei super original e com personagens únicos e cativantes, ou seja, ainda não tinha lido nada igual, sem dúvida, é uma trama super inteligente e criativa.

A história também nos mostra que nada é o que na parece ser, que o destino às vezes poderá "pregar peças" e dessa forma consequentemente mudará e ou transformará os "donos" desses destinos. Obvio que eu super recomendo esse livro, pois é fascinante e maravilhoso, valeu muito a pena eu ter feito a e leitura. Amei! *-* Eu necessito ler futuramente os próximos livros dessa série. :)

Meu Blog Literário:

site: http://my-stories-wonderful-books.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Giovana Soares 08/09/2014

Resenha: O Ciclo da Morte
O livro narra a historia de vários povos diferentes, vampiros, lobisomens, Fadas, Elfos, Demônios, Bruxas e...humanos. Todos eles estão ligados, a muito tempo atras os humanos descobriram a existência desses seres e os chamaram de o outro mundo, como em todas as novas descobertas, no inicio as pessoas ficaram fascinadas, e logo depois começou a perseguição, elas ficaram com medo, e o outro mundo passou a ser exilado. Mas essa historia você pode conferir na resenha do spin off do livro.

Esse livro se foca mais na vida de Kelene, Lucio, e pensar que esses dois se encontram por causa de um anuncio de jornal para dividir o apartamento, Kalene já sabe que Lucio é um vampiro no momento em que ele liga para ela, mas Lucio não sabe o que Kalene é, uma humana normal certamente ela não é, agora além de se proteger de Seth, o vampiro que o está perseguindo, ele tem que descobrir os segredos que Kelene esconde, e que ligação ela tem com a Morte, sim a Morte, nesse livro ela é um personagem, e não um personagem qualquer, ela é um tanto quanto arrogante, ela passou a confiar muito em sim mesma e na sua capacidade, e esqueceu o que havia acontecido no passado, agora ela precisar concertar isso com a ajuda de Kalene e Lucio.

Os personagens são cativantes, Kelene é uma jovem muito forte e determinada, e um pouco misteriosa, ela já sofreu muito na vida, teve que tomar decisões muito difíceis, e agora ela terá que tomar a mais difícil das decisões, mas por sorte ela vai ter Luico, e seus amigos do seu lado. Lucio é um dos vampiros originais, o sol não o fere, e ele é muito forte, ele passou muito tempo fugindo de Seth, o outro vampiro que foi criado junto com ele, agora ele ira se abrigar na casa de Kelene, e vai ter que desvendar os segredos que a rondam.

A leitura do livro é muito fluida, a historia é muito bem montada e escrita, acredito que a autora não correu em nada, porém eu gostaria que ela tivesse se aprofundado um pouco mais na historia de Lucio com Seth, e em tudo o que aconteceu antes, como ela não encaixou essas partes no livro, acredito que um conto sai para saciarmos a nossa curiosidade. Eu recomendo esse livro para todos, mas especialmente para aqueles que estão casando de uma historia focada no amor de uma humana fraca e indefesa com um vampiro, nesse livro temos um vampiro apaixonado por uma humana, mas não é uma humana qualquer, ela é a Kelene.E ele não se foca no romance, e sim em outras coisas.


" A Morte deveria estar acima das fraqueza dos mortais. E agora a morte se lembraria que um dia havia sido mortal, e que nem mesmo ela seria eterna. "


site: http://fonte-da-leitura.blogspot.com.br/2014/08/resenha-o-ciclo-da-morte.html
comentários(0)comente



Renata 13/11/2014

Resenha - O Ciclo da Morte
Hey! Então, nem tanto tempo depois assim de receber o livro da minha querida autora parceira, cá estou eu resenhando-o. Lembrando, quem se interessou e quiser comprar, é só clicar aqui.

Kelene é, ao menos à primeira vista, uma humana comum. Ela vive em um mundo onde existem vampiros, lobisomens, demônios e outros seres sobrenaturais, que cansados de se esconder das pessoas, resolveram revelar sua existência. Muita gente não os aceita bem e geralmente eles são tratados como inferiores, mas nada tão mais grave do que isso.

Lúcio é um vampiro, um dos dois únicos primogênitos de sua raça que está procurando por um lugar na cidade para morar, pois não gostaria de viver nas comunidades para seres do outro mundo, por motivos particulares. Coincidentemente, a colega de quarto de Kelene havia morrido e agora ela estava com um quarto vago.

Assim que o vampiro conhece a mulher, percebe algo de diferente nela, porém apenas a reconhece como humana. Ele também fica surpreso por Kelene não ter medo dele ou algum tipo de preconceito. Logo os dois estão morando juntos, em perfeita harmonia. Como não poderia deixar de ser, há um magnetismo inegável entre eles, e em pouco tempo desenvolvem uma relação um pouco mais que amigável.

Contudo, Lúcio pode sentir que seu irmão Seth, o outro primogênito, um vilão e traidor, desertor de seu posto de guardião no Santuário da Morte junto com ele mesmo, está na cidade a mando do Inominável. Este é um homem humano, o qual deseja ser mais poderoso e ainda vencer a Morte em pessoa e para isso precisa de Kelene.

Leia o resto em:
http://lucyintheskywithbooks.blogspot.com.br

site: http://lucyintheskywithbooks.blogspot.com.br/2014/11/resenha-o-ciclo-da-morte.html
comentários(0)comente



Nathália 05/09/2014

Pensem num livro com seres do Outro mundo;Em que os personagens tem segredos obscuros e que juntam todas as suas forças - Vinda de seres e culturas diferentes - para combater um mal maior.Pensou?Gostou?Então vem conhecer "O Ciclo da Morte".
Kelene está a procura de alguém para dividir o apartamento -já que sua colega morreu de forma inexplicável um tempo atrás- e encontra Lúcio, um homem misterioso que ela logo identifica como um ser do outro mundo; Mas especificamente, um vampiro.
Nesse tempo em que moraram juntos, um amor cresceu entre eles. E é um dos melhores romances, pois não é aquela coisa água com açucar, é o romance mais doido que eu já li.
Kelene e Lúcio mantem segredos. Ela no passado, conheceu Seth - irmão de Lúcio- e teve um relacionamento com ele, Seth sempre quis transformar Kelene e ela sempre se recusou, até o dia que ele a forçou. Porém, não conseguiu.
O livro é realmente maravilhoso e interessante. Teve várias cenas incríveis, mas vou ressaltar apenas três.

O Círculo de Fogo: É uma festa, onde Kelene canta junto de Alice e alguns jovens tocam instrumentos como: flautas, instrumentos de percussão e até um violino. É uma das partes que mais gosto, foi tão bem escrita e detalhada que chegou a me arrepiar.


O Festival para Casais: É para casais mas Kelene vai com Lúcio. Eles dançam juntos e ele a beija.
Sinceramente, eu não sei quem estava mais surpresa; se foi Kelene ou se fui eu. Eu fiquei sem reação. Eu até grifei essa parte pra nunca esquecer. Na hora do beijo eu parei de ler e fiquei tipo: "Caraca!Ele beijou ela" e foi estranho pois eu não tinha ninguém para compartilhar essa emoção. Eu falei para as paredes, mas eu falei.

E quando Seth os encontra; E é aí que o bicho pega mesmo.
Kelene é arrastada para um beco e Seth tenta transformá-la. Tem uma frase nessa cena que Kelene e Lúcio pensam: "Nunca tente fazer com que um vampiro solte sua presa atingindo-o, é preciso atingir a própria presa".
É é uma das cenas mais incríveis.
Claro, teve outras cenas incríveis, mas não vou falar, se não eu vou contar o livro inteiro. A relação de Kelene com a morte e com o Inominável, é estranha e interessante. Existem vários segredos ali.
Vale a pena ler esse livro. Foi intenso e interessante!

site: http://livros-infinitos.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Duda e Cami 12/05/2015

Se você está procurando um livro diferente, com muitos seres mágicos, mistérios e uma boa narração, eu lhes apresento O Ciclo da Morte
A princípio, O Ciclo da Morte é exatamente o tipo de livro eu leria, cheio de magia e criaturas míticas, mas admito que tive certo receio. Com a recente supervalorização dos vampiros, a verdade é que chego até ter medo de ler essas histórias e me decepcionar, adianto logo que esse não foi o caso, para ser sincera, apostei e me dei bem.
No mundo criado pela Thais em O Ciclo da Morte, ao contrário da maioria dos livros, os seres sobrenaturais ou povos do Outro Mundo não são segredo para ninguém, eles são de conhecimento geral e até certo tempo conviveram em paz com a humanidade, mas isso foi há muito tempo. No periodo atual, onde se passa a história, há um espécie de divisão social, onde os do Outro Mundo vivem reclusos ou sofrem preconceito, e cuja maioria prefere se manter oculto.
Com uma narração fluida e um ritmo rápido, O Ciclo da Morte nos apresenta a Kelene, uma mulher forte e determinada, mas antes de tudo, cheia de mistérios. Depois de colocar um anúncio de aluguel do seu apartamento, ela recebe uma resposta de Lúcio, um vampiro atormentado pelos erros do passado que vive fugindo de um antigo inimigo. Mas nem Lúcio, nem Kelene são o que aparentam ser.

Continue lendo no blog My Little Wonderland

site: http://www.mylittlewonderland.com.br/2015/03/resenha-o-ciclo-da-morte-de-thais-lopes.html
comentários(0)comente



31 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3