O Amante

O Amante Jodi Ellen Malpas




Resenhas - O amante


40 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Carol 05/06/2019

Doentio
Eu já li minha cota de livros hot e NA, tudo muito clichê, fraco e problemático. Mas nenhum desses livros me deixou absurdamente enojada como esse livro me deixou. É tanta asneira e absurdos... Li todos os livros pra ter certeza que a autora não tava zoando com a minha cara, mas realmente ela pintou um retratado romântico em cima do machismo, abuso e obsessão. Eu nem tenho problema em ler uma história que retrata relacionamento abusivo acho até necessário, mas não como algo romântico e buquê de flores, esse livro é fora da realidade até pra ficção, se vc tem um pingo de amor próprio passe longe desse manicômio cheio de desequilíbrados.
comentários(0)comente



opsbri 05/05/2019

Uau!
Tudo bem, devo confessar que minha opinião a respeito do Jesse mudou diversas vezes ao logo do livro. A princípio ele era o cara 10/10, determinado, sexy, dominante e então passou para algo mais ?ah, ele é fofo, só é muito preocupado, e as vezes exagera, mas td bem, ele tá com medo de perder ela?, até que chegamos no final e eu já tava querendo dar na cara dele varias vezes.

Eu entendo que ele passou por muita coisa, que a gente nem ao menos sabe ao certo o que era, mas nada justifica esse comportamento controlador ao ponto que tava.

Ava muitas vezes foi condescendente ao jeito dele, e eu entendo, ela tá apaixonada, e queria que desse certo de todas as formas. Mas achei meio idiota o final, tipo, ela tava mal pelo que descobriu, surtou, desistiu de tudo. Então o Sam e a Kate conversam com ela, e a fazem o dar mais uma chance. Ela se lembra que o ama, que precisa dele, que ele ainda é o Jesse.

Então ela o encontra daquela forma e ABANDONA ELE! Tipo, eu entendo, mas quando ele mostrou verdadeiramente que precisava dela, que tava no fundo do poço, que ele realmente não resistiria, ela correu. Foi uma cena meio corrida, só pra criar aquele clima de desilusão e término, mas eu achei uma bola fora ela o ter abandonado ?só? pq o viu daquele jeito, afinal, ela já tinha aceitado lhe dar uma 2 chance.

Me envolvi muito com a história, vamos ler o segundo livro e ver o que ele nos reserva.
comentários(0)comente



LT 22/04/2019

Olá! Faz pouco tempo que li o último livro da série, intitulado “Amantes para Sempre”, então resolvi resenhar todos eles aqui – sob pressão – risos –. Portanto, lhes convido a embarcarem comigo na intensidade desse casal. Venham conhecer um pouquinho de Ava e Jesse e se preparem para um pouco das loucuras e armações que rolam nessa série. Sem mais delongas, vamos à resenha?!
________________________________________

Jesse Ward é um homem marcante, bonito, alto, de olhos verdes, com idade desconhecida e encantador. Por onde passa, tanto as mulheres, quanto os homens, viram o pescoço duas vezes para olharem e até mesmo babarem. É o dono do Solar misterioso que, aparentemente, é um hotel de luxo.

Ava O’Shea é uma moça atraente, bonita, simpática, com cabelos cor de mogno, pele morena e grandes olhos castanhos. É designer de interiores, está no começo de sua carreira, fez o planejamento de um apartamento de luxo, que rendeu muitos ganhos a empresa e fez seu nome decolar, foi assim que foi convocada ao Solar para uma reunião com o proprietário para fazer o planejamento de algumas salas que estavam vazias.

Quando esses dois personagens se encontram o choque é tão grande que ambos “soltaram faíscas”! Ava fica sem reação, inclusive sem fala. Jesse sabe do efeito que causa nas mulheres, mas com Ava foi bem diferente, foi mutuo, seu sorrido fica amplo diante dela e a química é eletrizante.

[Quote] Meu Deus do Céu. Meu coração bate contra a caixa torácica, e minha respiração aumenta a níveis perigosos. De repente fico tonta, e minha boca ignora as instruções do meu cérebro para dizer algo... A imagem dele acaba de me transformar em um trapo trêmulo e atônito. [...]

Quando Ava percebe que está atraída por ele, não entende essa química e então foge. Ela não quer problemas, está empenhada no trabalho, todavia, quanto mais ela foge, mais Jesse sente aquela vontade de conquistá-la, tudo que ele quer, ele tem. Essa parte da história é meio apreensiva, pois ele se torna um perseguidor mesmo, não dá chances para ela escapar e nem pensar, seu único objetivo é ter Ava para si. Ela entra em pânico em várias partes do livro, chora por não saber o que fazer e não vê outra saída a não ser se render ao charmoso senhor.

Todavia, começando um relacionamento nada convencional, porque com Jesse é sempre uma surpresa, ele não se acha digno dela, mas é mesquinho ao ponto de não deixa-la partir, porém... Será que depois de tudo o que estão vivendo Ava ainda quer partir?

[Quote] Meu lado sentimentaloide delira um pouco, mas então o lado lógico do meu cérebro – a parte que não está totalmente consumida por Jesse – grita que a mulher é na verdade alguém que fica de joelhos e obedece a cada um de seus comandos, suas exigências e suas instruções. [...]

Jesse tem muita experiência com mulheres e isso deixa Ava insegura, com medo de sofrer de novo – pois já foi traída –, no entanto, o que ela não sabe é que ele também tem seus segredos obscuros, segredos que são muito perturbadores e sente que a qualquer momento ela vai abandoná-lo.

[Minhas impressões]

A meu ver, a relação dos dois é um romance que tem tudo para estar fadado ao fracasso. Começou errado, da perseguição a aceitação, é um caminho muito frágil, um relacionamento conturbado, os dois tem temperamentos fortes, não sabem como agir diante da teimosia e desobediência, pois são iguais.

Fiquei de boca aberta em algumas cenas, pois Jesse quer sexo para todas as ocasiões, (sexo preguiçoso, sexo lembrete, sexo para recuperar o tempo perdido, sexo para recuperar o juízo, sexo de desculpas...) perceberam? Tem muito sexo e é bem intenso – risos.

Apesar de tudo isso, é uma série viciante! Você chora e ri muito com Ava e Kate, elas são como irmãs e moram juntas. Os personagens secundários são muito marcantes também e tem um papel muito importante nessa trama. Vi a intensidade do relacionamento dos dois, vi também um Jesse carinhoso que manda flores, é muito apaixonado pela mulher amada e tem toda uma entrega que é total.

Como Ava vai conseguir conciliar seu trabalho e esse relacionamento alucinado, já que Jesse a quer vinte quatro horas por dia? Será que ela vai aguentar toda essa possessividade e aceitar fazer somente o que ele quer? Da maneira que ele quer? Cadê sua liberdade de escolha? Curiosos quanto ao desfecho? Bem, leiam! Esse livro é só o início!

A capa do livro é de cor preta com um copo de leite branco destacando, se você ler tiver curiosidade, vai ficar sabendo o significado. As folhas são amareladas, o tamanho da fonte confortável para leitura. O livro é narrado em primeira pessoa por Ava, no final tem um capítulo bônus narrado por Jesse.

Se você é apaixonada por uma leitura intensa, divertida, onde o casal é encantador e gosta de surpresas, esse é o livro que tem que ler!

Resenhista: Cris Santana.


site: http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Dii 22/03/2019

exagerou
não sou aquelas de mimimi com livros de relacionamentos complicados e problemáticos, mas creio q td tem um limite. Relacionamento absurdamente abusivo, o cara é controlador ao nivel de doente e a protagonista que, inicialmente, parecia uma mulher forte e independente, decepciona sendo a submissa clichê que é domada por prazer sexual em qualquer opinião diferente de seu 'parceiro'. Apesar disso, a escrita da autora é sensacional e te prende, porém, infelizmente, o conteúdo decepciona. Nem tenho vontade de ler a sequência
comentários(0)comente



Isabela Ferreira 13/03/2019

Tédio, agonia e curiosidade...
Bom eu comecei gostando, pois assim como os clichês de romances eróticos tinha começado bem, porém foi ficando meio tedioso, visto que as cenas só ia mudando de estrutura não de finalidade. Até que as cobranças dele e a passividade dela foi me dando agonia. Oras, se ela realmente não quisesse boa parte das coisas tinham sido evitadas. Enfim , ele me irritou bastante com suas atitudes controladoras e ela por ficar cega e dominada facilmente. Hello na vida não é só pau não, aff !
E no final foi despertando minha curiosidade, visto que enfim a trama andou e alguns segredos que ele tanto escondia e ela nunca procurou de fato saber foi aparecendo. E vou confessar que tenho uma quedinha por cachorro abandonado KKK. Next...
comentários(0)comente



Isabela Ferreira 13/03/2019

Tédio, agonia e curiosidade...
Bom eu comecei gostando, pois assim como os clichês de romances eróticos tinha começado bem, porém foi ficando meio tedioso, visto que as cenas só ia mudando de estrutura não de finalidade. Até que as cobranças dele e a passividade dela foi me dando agonia. Oras, se ela realmente não quisesse boa parte das coisas tinham sido evitadas. Enfim , ele me irritou bastante com suas atitudes controladoras e ela por ficar cega e dominada facilmente. Hello na vida não é só pau não, aff !
E no final foi despertando minha curiosidade, visto que enfim a trama andou e alguns segredos que ele tanto escondia e ela nunca procurou de fato saber foi aparecendo. E vou confessar que tenho uma quedinha por cachorro abandonado ??. Next...
comentários(0)comente



wanessacristal 18/02/2019

HISTÓRIA REPUGUINANTE
Que história mais repuguinante!
Não tenho palavras pra descrever o nojo que fiquei dessa história em vários aspectos.

Primeiro, o cara é um babaca que se acha no direito de mandar na vida da mulher como se ela fosse um objeto que serve apenas pra satisfazer os desejos dele!
E pior ainda é ela que aceita esse desaforo!
E a melhor amiga e o namorado da amiga que é o melhor amigo do cara ainda a incentivam a ficar com ele o colocando como o coitadinho da história!
Em muitas cenas surtei de tanta raiva desse cara nojento, uma delas foi a que ele obriga a mulher a vestir um sueter no calor porque ele não queria que o amigo dele visse partes do corpo dela!
Véi, na moral, eu quase pulei dentro do livro pra matar esse cara por fazer isso e ela por aceitar!
Outras cenas nojentas foram quando ele acabou de gozar dentro dela, claro, porque ele não usa camisinha, depois ela vestiu a roupa e foi trabalhar normalmente sem nem se limpar antes!
Outra cena nojenta foi ela ir escovar os dentes, sair pro closet fazendo isso e conversando ao mesmo tempo, depois o cara lamber a pasta de dente da boca dela, que nojo!
O cúmulo do absurdo mesmo foi ele esconder o anticoncepcional dela!

Que mulher em sã consciência aceitaria uma relação dessa?

Ele sempre diz que ela o deixa louco e faz coisas pra deixá-la culpada por isso. Mas loucura se trata com psiquiatria, não com sexo!
Ela não é culpada por ele ser um babaca! Mas é culpada por deixar que ele a domine desse jeito!

A única coisa que preste nesse livro são as cenas de sexo que foram muito bem descritas, de resto é só lixo!
comentários(0)comente



joana 15/02/2019

Não deu
Tem tanta coisa errada nesse livro.
Jefi 15/02/2019minha estante
kkkkkkk esse livro é assim mesmo...ou ama ou odeia. No meu caso, eu amo rsrsrs


joana 15/02/2019minha estante
Não consegui. Passei nervoso até abandonar a leitura. Não quero nem o livro. Já troquei a trilogia por outros livros.


Andreia 15/02/2019minha estante
Verdade! Também não curti


joana 21/02/2019minha estante
Nem tenho mais eles. E ficar pensado que é trilogia. Mais livros de um louco.




Azevedo 19/12/2018

Test
Test
comentários(0)comente



Drê Kruk 30/07/2018

Relação extremamente abusiva
Ava O?Shea uma designer de interiores, já é destaque em seus projetos, depois de planejar o luxuoso ?Lusso?. Devido ao destaque é contratada para um novo projeto, uma mansão ?misteriosa?: O solar. Durante a primeira visita de negócio, Ava conhece o dono da propriedade Jesse Ward. .
.
Uma atração imediata surge entre os dois, mas após já ter sofrido em um antigo relacionamento, Ava não está à procura de um relacionamento, mas sim focada em sua carreira. .
.
O que ela não esperava, é que Jesse com seu jeito possessivo e determinado, não iria desistir fácil, agora resta saber se Ava irá se render às suas tentativas e também ao que está sentindo.
.
.
??Quando comecei a leitura estava esperando uma protagonista super independente, já que logo no começo da leitura, podemos ver sua paixão pela profissão, mas infelizmente eu estava enganada, achei ela fraca e condescendente. .
.
O único ponto positivo do livro foi a escrita da autora, pois mesmo com um livro de 424 páginas e não me agradando, li super rápido. A história inicialmente parecia clichê, mas isso não me incomodou porque gosto. .
.
O que me incomodou, foi um protagonista, no meu ver, doente (infelizmente não tenho outra palavra). Um homem que não respeita a palavra não, machista, possessivo em excesso, e que só pensa em sexo, só pode ter problemas.
.
.
Nunca li nada pior em relação a romantização do relacionamento abusivo. ????? .
.
Li o segundo livro para ver se melhorava, mas não teve jeito, o ciclo abusivo continuou. Pior que fiquei sabendo um spoiler do último livro, e descobri que piora. ??
.
.
Como não só de livros bons vive o leitor, acabei não curtindo a leitura. Mas quis trazer minha opinião mesmo assim, pois não vou omitir quando não consigo gostar de algo. .
.
?Minha intenção não é desmotivar a leitura, mas sim expressar minha opinião, então sugiro que vocês leiam e tirem suas próprias conclusões. ?SE VOCÊ LEU E GOSTOU, ESPERO QUE RESPEITE MINHA OPINIÃO, ASSIM COMO RESPEITO A SUA. .
.
Bjssss lindezas e até a próxima!!! ???
Débora 31/07/2018minha estante
Eu não consegui nem terminar!


Drê Kruk 31/07/2018minha estante
Péssimo, né? Só li o segundo para ver se melhorava, mas gente, só piora. =( Ainda bem que não aconteceu somente comigo.


Lala 13/09/2018minha estante
Eu ia ler, mas acabei de ler um igualainho que se chamava a amante tbm mas depois virou a Sedutora, relacionamento abusivo, o cara super possessivo e escroto, além disso casado. Ela foi em uma boate e ele foi atrás e a deps a fez pedir desculpas por ela ter ido quando ele ?mandou? ela não ir. Protagonista tbm parecia independente e forte, mas virou fraca e impotente, totalmente levada por ?amor?
Sinceramente são muitos livros de romance que lemos assim, por isso estou lendo mais os que são de antigamente tipo romance clássico mas as escritoras são de hoje em dia. Elas fazem protagonistas fortes bem difícil achar uma que não. Já quase todos que já li, eles fazem os caras obsessivos e não deixando nenhum homem se aproximar, além de fazerem a maioria as garotas virgens e os caras pegadores ficando cm todo mundo. E a guria esperando eles. Faça meu favor.


Drê Kruk 13/09/2018minha estante
Bom saber, já vou passar correndo deste livro também. Livros com relacionamentos abusivos e com essa possessão doentia, não consigo mais engolir. =(


Lala 14/09/2018minha estante
Eu tbm não consigo mais, eu cmç a ler esses livros quando tinha 14 e achava super romântica a atitude deles, hoje em dia tenho 19 e descobri que isso não é amor é cilada. Esse que eu disse é bem rapidinho, mas horrível sério. Mas parece que esse é pior, não sei o que acontece cm as autoras. Ou elas querem entrar numa onda iguais a todas, ou elas realmente pensam que isso é legal. E é amor. Pra sim só é ?corra, corra o mais longe?


Drê Kruk 14/09/2018minha estante
Então, eu sei q muitas autoras gostam de colocar homens possessivos neste tipo de livro, mas tudo tem limite. No caso do livro que fiz a resenha. O homem não é apenas possessivo, ele é doente, machista,... E a protagonista também foi uma decepção. =( Só não te conto o que fiquei sabendo do último livro para não ter spoiler aqui.


Débora 14/09/2018minha estante
Eita!!!




Carolina 29/12/2017

O ciclo da relação abusiva
O livro basicamente expõe todas as fases de um relacionamento abusivo e estimula o nosso senso crítico.

Alguns podem ver Ava como uma tonta-submissa, Jesse como um assediador-abusador. Eu vejo a autora mostrando a linha tênue do afeto x abuso, com tudo extremamente explicado e detalhado, e com uma ótima crítica.

Surreal esse jogo psicológico que a autora desenvolveu, e é tão descritivo que nos dá o passo-a-passo de "como ser um abusador" (ou como reconhecer um sem ver o ato como romantismo) em cima da construção de Jesse, que ora é um porto seguro, ora é um dissimulado.

Quanto aos pontos negativos, achei a relação dos personagens extremamente infantil, a narrativa lenta e o livro cheio de frases de efeito e palavras repetidas, deixando até o erotismo "mais do mesmo".
comentários(0)comente



Bia 16/11/2017

O que era pra ser uma leitura hot acabou se tornando um incômodo muito grande. Primeiro pelo estereótipo do "mocinho" Jesse Ward (lindo, milionário, sarado e muito bem dotado). Isso me levou a fazer outras comparações com outros personagens (Christian Grey, Gideon Cross, Gabriel Emerson).

Ava O'Shea tem 26 anos, design de interiores e mora em Londres. Terminou recentemente um namoro abusivo. Durante uma visita de negócios ela conhece o moço bonito Jesse. Ela tenta inúmeras vezes fugir dele. Jesse continua insistindo (flores no trabalho, ligações, mensagens de texto, perseguição na rua - restaurante, boate), até que ela não resiste e cede.

O cara é abusivo, controlador e mascara isso dizendo que é para a segurança da protagonista. Apesar de ser um livro de ficção, esses casos de abuso existem na vida real. Tem partes onde a Ava se sente física e mentalmente esgotada tentando lidar com o Jesse.

Ele não quer que a Ava vá trabalhar fora, dependa financeira e fisicamente só dele. Que ele seja o centro das atenções. (Isso não faz a gente pensar naquele ex embuste que a primeira coisa quando vocês começam a namorar é: te afastar dos seus amigos e colegas de trabalho?).

Quantas vezes já nos sentimos culpadas por sair sem o presença do @? Será q o @ se agrada dessa decisão? Como o @ vai se sentir sabendo que eu estou me divertindo e ele não?

Temos a parte onde PICOTA NA TESOURA o vestido que ela comprou. Um vestido curto que ele não aprova (OI?). Depois ele invade a casa dela e descobre que o namorado da amiga está lá. Ele​ a faz dormir de SWEATHER DE TRICÔ no calor porque ninguém além dele pode ver o corpo dela (OI?) E ela aceita.

E pra finalizar: a amiga de quarto e o namorado dizem que ele nunca se comportou assim. Só com ela. "ISSO É AMOR. NÃO IMPORTA O QUE ELE FAÇA. ELE AINDA É O JESSE". E a empurram de volta para o relacionamento.

Não dá pra defender esse tipo de comportamento. Como esses livros são voltados para o público feminino, deve ter um monte de mulheres achando lindo o comportamento do Jesse. Isso não é lindo meu anjo, é abusivo.

O conceito de amor mostrado aqui é completamente diferente do que eu acredito. Amar não é ser de alguém. É ser com alguém.

Se você foi vítima ou conhece alguém que passa/passou por relacionamento abusivo: POR FAVOR NÃO INDIQUE ESSE LIVRO. CONTÉM GATILHO.
comentários(0)comente



Giulian 10/08/2017

Resenha O Amante
Sabe aquele livro que você não consegue parar de ler? Que você não tem um minuto de sossego? Que te faz suar de nervoso?

Pois é, hoje eu apresento a vocês o livro O Amante de Jodi Ellen Malpas. Que tem características únicas, de perder o fôlego

site: http://blogeuamo.com/resenha-o-amante/
comentários(0)comente



Maravilhosas Descobertas 24/04/2017

O AMANTE, DE JODI ELLEN MALPAS
Hoje apresento para vocês o livro O Amante, o primeiro de uma trilogia, escrita pela inglesa Jodi Ellen Malpas, que me conquistou com esses livros e se tornou uma das minhas autoras favoritas nesse estilo de romance erótico. Neste primeiro livro conhecemos Ava O`Shea, uma jovem designer de interiores, que tem feito uma carreira promissora, após planejar o interior de um edifício de luxo, o Lusso. Agora ela foi contratada pelo dono de O Solar, uma grande mansão que funciona como hotel no interior. Ela já tinha em mente como seria o Senhor do lugar, mas nada a preparou para Jesse Ward, o homem mais bonito, sexy e ardente que ela poderia imaginar.

Com seu jeito decidido e possessivo, Jesse invade a vida de Ava, e a deixa sem opção além de se envolver com esse homem, rico e dono de uma mansão e de uma vida cheia de mistérios do qual ele não quer falar. A personalidade impulsiva e rebelde de Ava se embate com o jeito mandão e passional de Jesse, provocando faiscas entre esse dois, que vão esquentar cada página e deixar o leitor desejoso por mais e mais.

Gostei bastante desse livro. Ava é uma protagonista forte, cheia de personalidade, que tenta fugir desse relacionamento intenso com Jesse, mas que não consegue lutar contra a química que há entre os dois, mesmo quando seus instintos alarmam que tem alguma coisa errada. Jesse é totalmente louco por ela, e é bem difícil de lidar as vezes, mas faz o leitor se divertir com seus exageros com a Ava. Ele é bem ciumento e protetor e isso acaba sendo o que torna ele tão apaixonante, e divertido também.

Hoje apresento para vocês o livro O Amante, o primeiro de uma trilogia, escrita pela inglesa Jodi Ellen Malpas, que me conquistou com esses livros e se tornou uma das minhas autoras favoritas nesse estilo de romance erótico. Neste primeiro livro conhecemos Ava O`Shea, uma jovem designer de interiores, que tem feito uma carreira promissora, após planejar o interior de um edifício de luxo, o Lusso. Agora ela foi contratada pelo dono de O Solar, uma grande mansão que funciona como hotel no interior. Ela já tinha em mente como seria o Senhor do lugar, mas nada a preparou para Jesse Ward, o homem mais bonito, sexy e ardente que ela poderia imaginar.

Com seu jeito decidido e possessivo, Jesse invade a vida de Ava, e a deixa sem opção além de se envolver com esse homem, rico e dono de uma mansão e de uma vida cheia de mistérios do qual ele não quer falar. A personalidade impulsiva e rebelde de Ava se embate com o jeito mandão e passional de Jesse, provocando faiscas entre esse dois, que vão esquentar cada página e deixar o leitor desejoso por mais e mais.

Gostei bastante desse livro. Ava é uma protagonista forte, cheia de personalidade, que tenta fugir desse relacionamento intenso com Jesse, mas que não consegue lutar contra a química que há entre os dois, mesmo quando seus instintos alarmam que tem alguma coisa errada. Jesse é totalmente louco por ela, e é bem difícil de lidar as vezes, mas faz o leitor se divertir com seus exageros com a Ava. Ele é bem ciumento e protetor e isso acaba sendo o que torna ele tão apaixonante, e divertido também.

site: http://www.maravilhosasdescobertas.com.br/2017/04/o-amante-de-jodi-ellen-malpas.html
comentários(0)comente



Janina.Andrade 11/04/2017

Devagar quase parando
Acho a história legal e no final dos livros até fiquei com saudade dos personagens, mas o livro é muito lento e chato. Da vontade de pular várias paginas e desistir. Mas como não consigo, li até o final e gostei. Mas não indicaria!
comentários(0)comente



40 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3