Ninguém Quis Saber

Ninguém Quis Saber Mari Jungstedt



Resenhas - Ninguém Quis Saber


2 encontrados | exibindo 1 a 2


Ana 24/02/2019

Opinião
Um boêmio idoso desempregado conhecido como Flash, por gostar de tirar fotos e viver com a câmera a tira-colo, é encontrado morto em seu apartamento. São muitos suspeitos, mas nenhum parece ser realmente o culpado. A equipe do inspetor Anders Knutas é novamente requisitada para desvendar esse crime.

O livro segue a mesma linha do anterior, ?Ninguém Viu? e é importante ler o anterior para acompanhar o desenrolar de algumas histórias, como o triângulo amoroso entre Emma, Olle e o fotógrafo Johan.

As histórias paralelas parecem embaralhar o leitor, mas se cruzam ao final sem deixar pontas soltas. Embora bem escrito, achei o livro bem chatinho. Muito enrolado, algumas passagens demoradas. Foi um pouco difícil terminar. Bom para quem se interessou pela continuação do livro anterior.
comentários(0)comente



Jo 29/05/2018

Não sei...
Minha paixão são os policiais e não escondo minha preferência pelos autores escandinavos. Aí, vejo uma crítica comparando a sueca Mari Jungstedt a Henning Mankell e decidi ler os dois títulos que achei: nem de longe tem algo a ver com Mankell. A começar pelo investigador Andreas Knutas, que não tem nenhum carisma. A história, em ambos os titulos, flui bem, a narrativa é.direta, mas tem algo que nos.faz.querer pular páginas e chegar logo ao final. Sem contar a história paralela, um romance entre uma professora e um jornalista, meio q perdida no meio do resto, em que os dois não se decidem se ficam juntos ou não. A não ser que tenham alguma importância nos outros títulos da série, são desnecessários. Enfim, gostei, não gostei... não sei!
comentários(0)comente



2 encontrados | exibindo 1 a 2