Angus

Angus Orlando Paes Filho




Resenhas - Angus


2 encontrados | exibindo 1 a 2


Rangel 16/08/2015

Guerreiro Angus
" Angus, o primeiro guerreiro" é o livro 1 da série Angus do escritor Orlando Paes Filho, de 7 volumes, que é a história do filho de Briggid MacLachlan e de Seawulf Yatlansson, um nórdico na cidade de Cait, em em 849 d.C, hoje, atual Escócia, o fundador do clã dos MacLachlan, O jovem Angus acompanha o pai Seawulf nas terras dos Anglos em batalhas, quando então descobre as injustiças e barbárie das lutas, o que deixará o jovem guerreiro desacreditado dos ideais das guerras. Ao perder o pai numa guerra, Angus sobrevive e encontra o monge Nennius, que vai se tornar seu mestre nos ensinamentos do Cristianismo, de como alcançar a justiça pela misericórdia e pelo amor do verdadeiro e único Deus. Após os ensinamentos de Nennnius, Angus parte para sua missão, compreendendo as verdadeiras virtudes, quando encontra duas mulheres guerreiras princesas, Gwenorra e Gwineth. Por Gwineth, Angus se apaixona e depois é escravizado, é treinado por Owain e se junta ao exército do guerreiro mentor e enfrenta os nórdicos em batalha naval, e vai de encontro contra Ivar, o general que matou seu pai Seawulf, e o enfrenta, não por vingança, mas por justiça, e o derrota em Duiblinn. Depois, Angus enfrenta Sitric, que o derrota também. Então, Angus conhece o rei Aedh e é incorporado como guerreiro do exército do referido rei, e com suas ideias de estratégia de batalha naval, ganha a confiança de Aedh, que nomeia então Angus coo seu general. Há a batalha de Cair Gloui e depois reencontra Gwineth, que com ela se casa. Angus vai para a arena de Cair Lion e participa da batalha, e se encontra com Alfred, rei de Wessex. Gutbrum fica sitiado. Angus se encontra o monge Gaotb Cerriduren, que lhe entrega uma espada especial. Em Stonehenge, Angus tem a visão do leão de fogo.Gwineth foi morta numa batalha e Angus depois encontra Aideen em Iona e se casa com ela. O livro é muito bom e muito bem escrito, que faz lembrar a transição da alta para a baixa Idade Média. O livro é, realmente, uma verdadeira obra de arte literária produzida por um brasileiro. Recomendo.
comentários(0)comente



Wagner. Toledo 31/07/2018

Angus, O Guerreiro de Deus
uando de seu lançamento em 2003 ainda não era chamado de livro RPG. excelentes ilustrações e uma narrativa envolvente que permeia vários séculos de história medieval

No ano de Nosso Senhor de 1147, Angus MacLachlan partiu da Escócia e rumou com seus irmãos e compatriotas em direção à Terra Santa. No Oriente, grandes tragédias os aguardam. O socorro dos templários será suficiente? Tem início a Segunda Cruzada e as injustiças mais graves não surgirão das mãos dos muçulmanos, mas principalmente dos monarcas do Ocidente cristão. O mal paira mais uma vez sobre todas as nações. A perfídia contamina as Cortes. A busca pelas riquezas do Oriente cega os cruzados. Angus MacLachlan precisará lembrar das virtudes que repousam no sangue de seus ancestrais e invocar, acima de tudo, a Justiça Divina, a fim de tornar-se um “Guerreiro de Deus”.

Assim como no primeiro livro da série Angus, Orlando Paes Filho transporta o leitor mais uma vez a um período da história repleto de misticismo e fantasia. Através de uma narrativa envolvente e apaixonante, ficamos sabendo dos acontecimentos que foram responsáveis pela fundação do Clã MacLahan e as aventuras do seu mais notável representante: Angus. Que se tornou exemplo de homem honrado e repleto de virtude para todas as gerações do Clã MacLahan

site: mistério drama ficção
comentários(0)comente



2 encontrados | exibindo 1 a 2