Possuída

Possuída Sylvia Day




Resenhas - Possuída


16 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Chai 26/11/2020

Os leitores de Sylvia Day já estão acostumados a uma pegada bem HOT presente nos livros dela, então podem ter certeza que não faltou sensualidade nessa história.

"Possuída" é um romance futurista, com câmaras de cura, anéis que teletransportam e muitas outras características totalmente à frente do nosso tempo.

O livro tem cenas de ação, intrigas, confrontos e muitos momentos sensuais, mas não teve um desfecho final, já que deixou várias brechas para uma continuação que ainda não foi publicada e até então, parece nem ter sido escrita. Enfim, pela falta de conclusão, não entrou para os favoritos.
comentários(0)comente



Mah 24/10/2020

O livro é perfeito!
Eu particularmente sempre adorei livros de romance, são os que mais leio, e esse foi o melhor romance que já li até agora. No início da leitura eu me encontrei perdido, não estava conseguindo entender o que estava acontecendo. Mas depois de um tempo lendo o livro tudo começou a se encaixar e eu me vi preso a história. Eu nunca tinha ficado tão conectado com os personagens de um livro! Eu conseguia sentir a raiva, a angustia e o medo que eles sentiam quando algo dava errado, quando algo ruim acontecia. E eu conseguia sentir o carinho, o conforto, a segurança e o amor que eles (os protagonistas) sentiam quando conseguiam ter os seus momentos mais quentes, mais intimos, mais intensos. E esses momentos foram tão bem detalhados e descritos de forma que lhe permite imaginar exatamente o que cada um queria, o que cada um sentia. Lhe permitia imaginar exatamente como cada beijo, mordida, carícia etc... Foi dado. Você conseguia visualizar a cena na sua frente!
Se você também adora um romance cativante cheio de cenas de amor (e cenas bem quentes) mas sem ser aquela coisa melosa, eu super recomendo esse livro. Pra mim ele foi simplismente perfeito
comentários(0)comente



Luciana Klanovicz 24/09/2020

Hot futurista
Comprei este livro há anos esperando que fosse um dos livros de romances de época da autora. Ledo engano. Isto fez com que eu deixasse a leitura de lado na geladeira por anos. Retomei e me surpreendi com a história hot em cenário de fantasia. A autora consegue nos cativar com excelentes personagens e já pensava em favorita-lo. No entanto, depois que se acertam alguns personagens simplesmente desaparecem, retornando só no finalzinho. Como autora que sou gostaria que as muitas pontas tivessem sido concluídas, já que se trata de um livro único.
Mesmo assim recomendo pelos protagonistas cativantes em uma boa história repleta de cenas quentes e visualmente poderosas.


comentários(0)comente



Dominique 18/07/2020

Resenha
A continuação continua sendo surpreendentes a cada livro. Continuo amando
comentários(0)comente



Roberta Maruki 26/05/2020

Acho que umas 100 paginaras para acabar o livro, a autora meio que perdeu a mão. Tudo ficou muito meloso. Com eu te amo pra cá, e eu te amo pra lá.
Nós já tínhamos entendido o envolvimento e o amor dos personagens, acho que não precisava tanto disso.
comentários(0)comente



Val 18/05/2020

Uma linda sedutora e um guerreiro audacioso.
Primeiro livro que li da autora, já tinha uma noção do que esperar do livro. Pois possui muitos pontos picantes e quentes entre o casal Wulfric e a sedutora Sapphire. De reinos completamente opostos ele se conhecem e desenvolvem um forte tesão e paixão pelo outro, a história é boa porém começa a ficar interessante nos três últimos capítulos onde começa a ter um pouco mais de ação na trama.
Recomendo sim.
comentários(0)comente



Leiturinhas da Lúúh 23/04/2020

que livrooo😁
Sapphire era treinada na arte da sedução e se tornou a concubina favorita do rei de sari, até que a rainha Brenna decidida que seu rei precisava ama-la e compartilhar a cama com ela novamente, dispensam Sapphire de seu contrato após 5 anos servindo ao rei... sua felicidade era imensa era palpável, pois mesmo sendo a favorita do rei era infeliz.
Sapphire era aquela mocinha que quer mais do que lhe é oferecido. Ela é treinada não só na arte da sedução como também nas artes infinitas de guerra, treinada por seu pai o general mais imponente de Sari, ela se tornou uma guerreira exepcional, de inteligência e beleza ímpar.
Uma série de acontecimentos cruza os caminhos com os de o príncipe Wulfric, regente do reino de D'Ashir, um homem justo, guerreiro, corajoso e corajoso u governante exemplar
Juntos eles irão descobrir o poder da atração entre eles, um desejo tão palpável que vai abalar não só suas vidas, mas também a já problemática relação entre os dois reinos.
"Tá" eu gostei de Sapphire desde o início da leitura, ela é forte decidida e cativante tudo em apenas um pacote.
Wulfric é maravilhoso, a forma que a trata cativa. A força e determinação deles se completa, não fogem de uma boa luta, seja ela qual for, a forma que ela se lança em busca de respostas por ele, e a forma que ele luta por ela.... é simplesmente apaixonante.....

Sapphire e Wulfric ❤💋
comentários(0)comente



Suliane Araújo 02/08/2019

Possuída
Ação , aventura e sexo selvagem! Amei??
comentários(0)comente



Meu Vício em Livros 29/06/2019

Faltou pouco pra favoritar
Há muito tempo este livro estava na lista de leituras e me arrependo de ter demorado tanto a ler. Desde que li "Obstinada" e favoritei, eu fiquei apaixonada pelos romances de época da autora. Pensei que este também era do mesmo gênero já que as capas seguem o mesmo estilo, mas "Possuída" se passa em um cenário futurista e é um livro único! O segundo romance que a Sylvia finalizou. Não é a toa que ela é mestre quando se trata de cenas eróticas porque se no segundo livro já escrevia deste jeito... Apenas UAU! Que enredo viciante, que casal maravilhoso e que romance lindo e mega hot! Uma leitura rápida e despretensiosa que deixou um gosto de quero mais no final. Mocinha guerreira e mocinho apaixonado! Ótima pedida pra quem está procurando um romance picante para passar o tempo e curar a ressaca literária. Para mim funcionou perfeitamente! Recomendadissímo!
Aline 29/06/2019minha estante
Ahhhhhhh




Nanda {@talvezumaleitura} 17/12/2017

Possuída
Sabe aquele livro que tinha tudo pra ser maravilhoso e a autora não soube explorar isso. Começando pela capa que não tem nada a ver com a história, o título, não desenvolveu um mundo criado que poderia, os personagens também... enfim, Sylvia Day decepcionou nesse sentido, uma pena!
comentários(0)comente



Maravilhosas Descobertas 13/10/2016

Possuída, de Sylvia Day
O livro “Possuída”, da autora Sylvia Day (série Toda Sua), é um romance erótico, lançado pela editora Universo dos Livros. O enredo é sobre Sapphire, uma mulher treinada nas artes da sedução, que é a concubina favorita do rei de Sari. Seu único desejo é ser livre, mas suas esperanças são poucas, pois sabe que a obsessão do rei nunca a deixará ir embora. Mas um plano ardiloso coloca no caminho de Sapphire alguém inesperado.

Wulfric é príncipe do reino de D’Ashier, país inimigo de Sari. Após uma emboscada, ele é feito refém e acaba conhecendo Sapphire. A paixão entre os dois é explosiva e pode ser o estopim para uma guerra ou um tratado de paz.

Particularmente, sou apaixonada por quase todos os livros da Sylvia Day em que já coloquei as mãos. Este não poderia ser diferente. Temos uma mocinha forte, com personalidade e que sabe como se defender de qualquer um. Wulf é um príncipe guerreiro, que assim que coloca os olhos em Sapphire sente que precisa tê-la. Mas apesar da atração mútua, existem diversos obstáculos que podem mantê-los separados. O fato de serem de terras inimigas, do rei apaixonado por ela, de Wulf não poder oferecer a ela a liberdade que ela gostaria, entre outras coisas, fazem com que eles não enxerguem um futuro juntos.

Apesar de o design do livro ser igual aos outros lançamentos da autora, normalmente focados em histórias de época georgiana, este é bem diferente, porque faz uma mistura entre uma sociedade futurista, com armas laser, computadores inteligentes, e teletransporte, com uma sociedade mais arcaica envolvendo reis, haréns, desertos e guerras. Então é uma coisa interessante de perceber na leitura.

O livro é bem hot, com muitas cenas de sexo quente, pra quem adora isso como marca registrada da Sylvia Day. E tem todo aquele amor descontrolado e necessitado. Aquele desejo possessivo, que adoro nos personagens, mas que não os torna machistas ou fracos.

De certa forma a história do casal é resolvida no livro, apesar de nem toda a situação externa a eles terem um final certo. Isso não atrapalha em nada a leitura. Mas poderia dar futuro a um novo livro se a autora quisesse. Não tenho muita fé nisso, porque apesar de lançado à pouco tempo no Brasil, o livro foi o 2º dela, escrito em 2004. De qualquer forma, vale à pena ler mais esse romance, que vai aquecer o seu dia.

site: http://www.maravilhosasdescobertas.com.br/2015/12/possuida-de-sylvia-day.html
comentários(0)comente



Nathy 13/09/2016

Possuída – Sylvia Day – #Resenha
Eu jurava que esse livro fazia parte da série histórica da Sylvia. Mas, quando começou a aparecer coisas futurísticas no livro fiquei muito confusa. Então fui atrás e ao que tudo indica é um livro único. Mesmo tendo um final deixando muito a desejar. Eu acho que em vista do final deve ter novos livros para complementar essa história. Depois desse pequeno fato consegui aproveitar muito o livro. No entanto, entre todos os livros que já li da autora esse foi o que menos gostei.

O livro conta a história de Sapphire e Wulfric. Ela é a ex-concubina do rei de Sari. E ele é o Príncipe de D’Ashier. Os dois jamais podem ficar juntos porque corre o risco de ocorrer uma guerra entre os dois locais. Mas, a atração entre os dois é muito forte desde o primeiro olhar. Wulfric sabe desde o primeiro instante que ela é sua. A única mulher capaz de virar seu mundo de pernas para o ar. Já ela tenta ao máximo resistir a essa forte atração porque sabe o que isso pode causar em suas vidas. No entanto, chega um momento na vida dos dois que devem decidir o que vale mesmo a pena.

A narrativa é feita em terceira pessoa com o foco entre os dois personagens principais. A escrita da Sylvia continua sendo muito boa. Gosto dos livros dela porque a leitura flui de uma forma natural. Pode ter um monte de páginas, mas ainda assim instiga o leitor a continuar. Faz com que queira ler mais e mais. Por isso que gosto dos seus livros. Somente eu acho que deveria ter sido um pouco mais trabalhado esse livro. A história acabou ficando um pouco perdida.

Tudo que precisava estava ao alcance de suas mãos.

Eu gosto quando as mocinhas são destemidas e bem determinadas. A Sapphire tem uma mistura muito boa. Ela consegue ser libertada pelo rei do harém e passa a tentar viver sua vida da forma que sempre quis. Mas, mesmo quando está diante do Wulfric ela não abaixa a cabeça. Quando precisa lutar usa qualquer arma que estiver em suas mãos. Também quando não quer coloca o pé no chão e não tem quem a faça mudar de ideia. Em alguns momentos senti que poderia estar se deixando levar pela a atração que sente pelo Wulfric. Mas, o amor mesmo entre eles não conseguia sentir uma firmeza. Talvez porque ela tentava manter distancia para não sofrer. Algo não parecia certo com seus sentimentos.

Continue lendo a resenha no link abaixo:

site: http://www.oblogdamari.com/2015/03/possuida-sylvia-day-resenha.html
Margot 28/09/2016minha estante
undefined


Margot 28/09/2016minha estante
null


Olivia.Alves 01/07/2019minha estante
Oii.... Quais são os livros históricos da autora?


Margot 01/07/2019minha estante
Oiii. Que eu me lembre, tem Obstinada, Incontrolável, Desejada, Possuída, Dominadas, Intenso, Tentação. O que mais gostei foi Desejada.
Abraço.




Luiza 27/11/2015

Possuída
Sapphire é a concubina preferia do rei de Sari. Suas habilidades, e a paixão que o rei nutrem por ela, no entanto, despertam a ira e o ciúme de Brenna, a gélida rainha de Sari. Com a esperança de tirá-la de seu caminho e, ao mesmo tempo, voltar a ter o coração de seu marido, Brenna decide afastar a concubina de seu palácio, libertando-a de seu contrato para com o rei.

Ao ser libertada com todas as honras que sua posição de "preferida do rei", Sapphire ganhou um enorme prestígio como concubina, um palacete luxuoso e vários criados leais. Um deles, no entanto, de criado não tem nem um fio de cabelo: Wulfric é o príncipe herdeiro de D'Ashier, o mais poderoso oponente do reino de Sari.

Torturado e capturado, a primeira coisa que Wulfric viu quando abriu os olhos foi a bela Sapphire. A atração entre os dois foi claramente intensa, e ele soube, assim que pôs seus olhos sobre ela, que ele a queria em sua cama, nem que fosse por uma noite. Os dois sabem que a ameaça de guerra entre os Impérios e o amor quase doentio que o rei de Sari sente por ela tornam um futuro em comum impossível, mas igualmente impossível é lutar contra o desejo intensa que cresce entre eles.

site: http://www.oslivrosdebela.com/2015/11/possuida-sylvia-day.html
comentários(0)comente



Vivi Martins 08/11/2015

Very hot!
Sapphire foi a concubina preferida do Rei de Sari pelos últimos cinco anos e sonha com o dia em que seu contrato chegara ao fim e ela poderá ter sua casa e fazer o que tiver vontade. Brenna, a Rainha de Sari, acha que para o rei voltar a frequentar sua cama, ela tem que livrar de Sapphire e resolve tomar uma atitude e afastá-la de suas vidas.
Aposentada e presenteada com uma bela casa e 14 mästares, Sapphire está animada com essa nova etapa de sua vida.
O que ela não imagina é que Wulfric de D'Ashier, Príncipe Herdeiro de D'Ashier, o maior rival de Sari, é um desses mästares, nem que fosse se sentir tão absoluta e totalmente atraída por aquele homem lindo, musculoso e arrogante, dono de uma determinação como ela nunca viu.
Wulf está determinado a levar Sapphire para sua cama, a fim de colocar um fim nessa obsessão que o acometeu desde que pousou os olhos nela pela primeira vez. Mesmo quando ela o alerta que uma vez só não será o bastante, Wulf não se deixa convencer, apenas para perceber que ela estava coberta de razão... Sapphire sabe que essa relação não tem futuro, afinal D'Ashier é o maior inimigo de Sari....
comentários(0)comente



Letícia 23/06/2015

Possuída
Quando comprei esse livro, pensei que fizesse parte da série de histórias de época da Sylvia Day. Também comprei esse livro em um momento que eu estava solicita para ler livros como esse. Com um teor sexual bem explícito e carregado.

Contudo, quando eu li, já tinha passado esse momento. Então não foi uma leitura prazeirosa pra mim. Vinha adiando ler esse livro por meses, até que por fim me obriguei a ler. Só pra dizer que li, por desencargo de consciência, já que paguei por ele.

Pelo menos há toda uma história por trás. Ação. Toda essa história envolvendo dois reinos. O interessante é que NÃO é uma história de época. É uma história futurística. Você começa a perceber isso logo no início do livro, tanto que dá um certo choque porque com a sinopse tu tá esperando uma coisa e na hora é outra.


Não desmotivo ninguém a ler os livros da autora, porque eu mesma já adorei esse gênero. Só é lamentável eu ter que fazer uma resenha sobre ele tão ruim, mas sei que a questão sou eu, não o livro.


Se você gosta de livros com cenas super quentes de sexo e prazer. Esse é o livro indicado!
Patricia 10/05/2017minha estante
É ruim qdo a sinospe do livro dá a entender que o livro é uma coisa, e na verdade,ele é outra




16 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2