Em Busca de Uma Estrela

Em Busca de Uma Estrela Jamie Ford




Resenhas - Em Busca de Uma Estrela


8 encontrados | exibindo 1 a 8


Indy 27/02/2021

Muito bom!
"Perdi o anjo que no inverno inteiro me dava o verão..."
Esse livro é bem comovente, os personagens te prende, vc se apega a eles e isso acaba tornando a leitura bem fácil.
Ele é narrado em dois tempos...
Foi um achado, espero que mais pessoas o leiam... Já curiosa pra ler mais títulos desse autor.
comentários(0)comente



Arnaldo.Veiga 20/02/2021

Salgueiro chorão
Um livro completamente surpreendende e mágico, mágico não no sentido de magia mas pela simplicidade que ele transmite.

A história se passa na primeira metade do século XX, em um EUA que sofreu pela gripe espanhola e viu milhares dos seus habitantes vindo a óbito por causa dela e um EUA acometido pela grande depressão de 29.

Aqui acompanhos a vida de uma garoto chinês (Willian) vivendo em um orfanato de Seattle, tendo companhia de uma garota cega e de um outro jovem chinês. Em um dia em que os garotos vão em um excursão ao cinema da cidade assistir a um filme, ele vê a sua mãe na tela e é ai que começa a sua jornada em busca da estrela.

Em uma narrativa que intercala a vivência do Willian no orfanato buscando a sua mãe e a vivência de Willow (a mãe) no fim da sua adolescência e o que levou ela a deixar o filho no abrigo e como ela chegou ao sucesso.

Um história simples, rica e poderosa vemos o preconceito racial contra amarelos, o machismo na sociedade e a dificuldade de uma mãe solteira criar sozinha o seu filho. Uma escrita única, fluída e encantadora.
comentários(0)comente



Renata 09/08/2020

Cansativo e previsível.
A história se intercala entre as décadas de 1920 e 1930. Numa época em que o patriarcado e a tradição chinesa são totalmente aceites, se as regras fugirem, todo desprezo imposto pela sociedade se tornará uma condição, principalmente para as mulheres.
Duas vidas, o filho e a mãe, foram separados de forma cruel e injusta, mas apesar de todos os obstáculos que a vida impõe em suas vidas após tantos anos de separação, o vínculo nunca será quebrado e o amor sempre prevalecerá.
comentários(0)comente



cris.leal 24/04/2019

Provoca lágrimas...
O ano é 1934, o local é Seattle, uma cidade norte-americana arrasada, como muitas outras, pela Grande Depressão. Um menino sino-americano de 12 anos chamado William, vive em um orfanato católico desde os 7 anos. Enquanto acompanhamos a sua busca dolorosa e aventureira para encontrar a mãe e se reconectar com ela, a história da mãe é contada por ela própria na forma de flashbacks. Ela é uma linda cantora e atriz, chamada Liu Song, mas conhecida no mundo artístico como Willow Frost.

Liu Song é americana de descendência chinesa, filha de artistas de teatro. Depois da morte do pai, sua mãe se casou com um homem muito mau. Quando a mãe morreu, Liu Song, ainda muito jovem, se viu sozinha lidando com a pobreza e com a violência doméstica. Para ganhar algum dinheiro, cantava na porta de uma loja de instrumentos musicais, na Chinatown de Seattle, sonhando com uma vida no palco do teatro ou na tela do cinema. A série de dificuldades duplicou quando ela, ainda solteira, engravidou de William. O pai da criança era um ser desprezível e, naquela época, as mulheres tinham menos direitos sobre seus filhos do que os pais. Esta situação e a condição miserável em que vivia, a obrigou a abrir mão da criança.

O abandono é o tema principal do livro. O sofrimento e o sacrifício, mais a determinação filial e o instinto de proteção maternal, marcam esta história. Há muito tempo eu não via protagonistas tão sofridos. O clima geral é de tristeza, mas há esperança no ar porque, apesar da distância, um laço inquebrantável liga mãe e filho. O afastamento acabou por fortalecer o amor e o sonho da reaproximação impulsionou a vida e abriu o caminho para a redenção.

O primeiro livro de Jamie Ford que li foi o maravilhoso "Um Hotel na Esquina do Tempo". Agora, depois desta leitura, posso dizer com certeza que ele é um excelente contador de histórias.

site: https://www.newsdacris.com.br/2019/04/resenha-em-busca-de-uma-estrela-de.html
comentários(0)comente



Mya 26/11/2016

"Podemos conferir, uma sociedade passando pelas dificuldades da Grande Depressão de 1929, o desenvolvimento do cinema e da rádio, e a busca pela sobrevivência. Assim como os piores aspectos da humanidade: o machismo, o preconceito, a falta de empatia, o egoísmo, o abandono, assim como abusos físicos e mentais. Por isso alerto, você pode sentir raiva ao ler diversas dessas situações, por isso as vezes considerei a leitura deste livro difícil e incômoda. "
Resenha completa no site da Armada de Escritores!!

site: http://www.armadadeescritores.com.br/2016/11/em-busca-de-uma-estrela-jamie-ford.html
comentários(0)comente



Nana 19/03/2016

Comovente!
Um livro triste com personagens que cativam. Parte da história é contada em 1934 quando William está no orfanato com as outras crianças e descobre que sua mãe está viva. E a outra parte se passa em 1921, quando a mãe de William, Liu Song, conta ao filho o que passou desde a gravidez até o momento que precisou abandoná-lo.
Uma leitura agradável, com informações sobre a cultura chinesa e a forma que os estrangeiros eram tratados nos Estados Unidos na época. Adoro enredos que misturam ficção com acontecimentos reais e este autor sabe fazer isso muito bem. Gostei muito!
comentários(0)comente



Isa 07/09/2015

Livro excelente!
Um livro com uma história cativante e sincera. O autor possui uma ótima escrita, pois a narrativa é interessante e as construções de personagens são bem feitas com uma sensibilidade marcante que, provavelmente, fará você se importar com eles. Tudo me pareceu real enquanto lia as páginas, como se estivesse vivenciando os acontecimentos junto com os personagens. Por fim, só espero que mais pessoas possam ler este livro, uma jóia preciosa que tive o prazer de encontrar.
comentários(0)comente



8 encontrados | exibindo 1 a 8


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR