Como se tornar um líder servidor

Como se tornar um líder servidor James C. Hunter




Resenhas - Como se tornar um lider servidor


52 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4


PauloRCC 13/08/2010

Uma porta para a leitura
Todo atleta necessita de uma primeira atividade física para se apaixonar, e assim, praticá-la, fortalecendo seus músculos para fortalecer a sua atividade cada vez mas, atingindo seus limites.

A mente não é diferente. Para ser um atleta deste mundo, precisa de algo para se apaixonar e depois, assim, fortalecer.

Cito este livro como a verdadeira ponte para o espetacular mundo literário. Nada mais de estilos difíceis como Dom Casmurro ou A moreninha, livros que os professores forçam os alunos a ler, germinando assim em cada aprendiz, uma barreira para com a leitura.

Não digo que estas obras são ruins, mas, não são bem um chamativo litérário para os jovens de hoje em dia - fato que a série crepúsculo prova com muita facilidade.

Este livro abrange tópicos desde relacionamentos que falharam até dicas para ter uma carreira de sucesso. Texto não cansativo ou difícil.

Indico muito esta obra do James C. Hunter.
comentários(0)comente



Alê 30/12/2020

Enriquecedor!
Recomendo a leitura a todos, mesmo os que não "acham que têm o dom da liderança".
Liderar não está no seu sangue.
Você simplesmente constrói isso.
comentários(0)comente



Glauce 26/09/2020

O autor detalha a teoria sobre "liderança servidora", dando ênfase à mudança de atitudes para que possamos adquirir as habilidades necessárias a um bom líder
comentários(0)comente



Ci 02/06/2020

Melhor que o que o inspirou
Achei o conteúdo bem objetivo, sem a necessidade de narrar uma estória, o autor pode ir "direto ao assunto".
É como uma receita de bolo, adicione um porção disso naquilo, que ficará bom...
Como Administradora, achei o livro muito inspirador, melhor do que o original "O Monge e o Executivo".
comentários(0)comente



Aline.Santos 27/08/2020

Os 3 livros do autor são incríveis! Um complementa o outro e não tem enrolação!
comentários(0)comente



Lodir 12/10/2010

Um excelente guia prático
Depois de mais de cinco anos desde a leitura de "O Monge e o Executivo", agora finalmente encontrei tempo para a leitura desse livro, que funciona como um guia prático para os ensinamentos do primeiro, que na verdade era um romance. Esperei tanto porque sabia que esse livro traria ótimas mensagens, que precisariam de tempo e concentração para serem absorvidas.

Não estava errado. Todos os ensinamentos de "O Monge e o Executivo" voltam nesse livro, mas dessa vez não na forma de uma história, e sim de um livro de negócios, ou auto-ajuda. Gostei bastante de todo o livro, dos assuntos conforme eles são divididos por capítulos e da forma como o autor desenvolve e escreve sobre o tema. Gostei das diversas citações de outros autores interessantes e tudo mais.

Enfim, é um livro para se ler, e não para se falar sobre antes de Lê-lo. É um livro para ser lido devagar (apesar de ter 135 páginas), porque são muitas as mensagens passadas. É um livro para se ler mais de uma vez na vida, voltando, quem sabe, todos os anos. E acima de tudo, é um livro para se colocar em prática, e não esquecer as lições depois da leitura, porque tornará o tempo investido inútil. Como o próprio autor diz, de nada adiantará ler esse livro se você não se esforçar para mudar depois dele.
comentários(0)comente



Gláucia 11/12/2020

Os princípios, valores e moral são tão importantes quanto as técnicas e conhecimento que os líderes possuem. O livro explica que o relacionamento interpessoal entre o líder e a sua equipe é fundamental para se tornar um líder servidor e consequentemente motivar e ter resultados satisfatórios. Um bom líder é aquele que possuí habilidades técnicas e humanas.
comentários(0)comente



DIÓGENES ARAÚJO 04/05/2013

Auto ajuda de cabeceira
Nada muito diferente dos demais livros de auto-ajuda. Mas entre os outros, esse sem dúvidas é um dos melhores, um dos pouco de auto-ajuda que eu recomendo.
comentários(0)comente



Lucas 21/07/2013

Mostra de uma maneira mais direto os princípios básicos de liderança presentes em o Monge e o Executivo. Para quem quer adentrar mais nessa área é um bom livro
comentários(0)comente



Carol 03/05/2010

No livro o autor explica que poucas pessoas são lideres natos, que a maioria das pessoas precisam buscar e desenvolver a sua liderança. Ele defende a tese que para liderar, precisa estar disposto a servir, mostrando assim, que para conseguir a liderança é preciso ajudar o próximo, ter caráter e uma base espiritual. Precisa ter humildade, amor ao próximo e muita "autocritica" para saber o que você é o que precisa ser. Precisamos sempre estar em busca da melhora. Eu aprendi que liderança NÃO é poder, é autoridade acompanhada de muito amor, gentileza e responsabilidade. Este livro não serve apenas para o nosso ambiente de trabalho, mas para a vida, para sermos lideres nas nossas casas, no nosso grupo social, para sermos lideres de nós mesmos também! Adorei o livro!
comentários(0)comente



RILDAO 21/06/2010

SER UMA PESSOA MELHOR!
É ENGRAÇADO COMO MUITAS VEZES ESPERAMOS MUITO DAS PESSOAS: AMIGOS, COLEGAS DE TRABALHO, FAMILIARES.
O SER HUMANO, EM SUA ESSÊNCIA, SEMPRE BUSCA E ESPERA , DE BOM GRADO, PELO RECONHECIMENTO DOS OUTROS.
MAS VÊM A PERGUNTA: O QUE DE FATO FAZEMOS OU FIZEMOS PARA TÊ-LO?
NO LIVRO DE JAMES HUNTER, É ABORDADO DE MANEIRA MUITO ENFÁTICA COMO AS PESSOAS DEVEM "PLANTAR" PARA COLHER.
ESSE TAL RECONHECIMENTO, QUE VAI ALÉM DE BOAS REMUNERAÇÕES, ESTÁ MUITO MAIS COMO EFEITO DE COMPORTAMENTO DE QUEM LIDERA. O LIVRO TRABALHA MUITO A ESSÊNCIA DE LÍDER, NO SENTIDO MAIS DE SER ALGUÉM QUE SERVE COMO EXEMPLO, QUE ENXERGA ALÉM DO TRABALHO FEITO, QUE VALORIZA O COMPROMISSO COM O SER HUMANO. MOSTRA QUE A PESSOA QUE TEM À MÃO UMA EQUIPE TEM DE SE COLOCAR À FRENTE, DAR VEEMENTE O EXEMPLO.
ESTÁ MUITO MAIS ENRAIZADO, DESDE A ÉPOCA DE JESUS, QUE SERVIA MAIS DO QUE ERA SERVIDO. ERA ALGUÉM QUE VIA ALÉM DAS LIMITAÇÕES DO SER HUMANO.
AS RELAÇÕES PROFISSIONAIS ESTÃO MUDANDO NESTE NOVO SÉCULO. TODOS TEM ACESSO À INFORMAÇÃO, TEM "DIREITO" A PENSAR, VERDADEIRAMENTE.
UM BOM LÍDER TEM QUE ENTENDER QUE SEU PAPEL VAI ALÉM DE METAS E RESULTADOS: ESTÁ VOLTADO PARA O PLENO DESENVOLVIMENTO DO SER HUMANO, PARA ESTE TAMBÉM DAR O SEU MELHOR NAQUILO QUE SE DISPÕE, SEJA EM SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL.
A LEITURA DO LIVRO NOS LEVA A UMA PROFUNDA REFLEXÃO QUE, SE TODOS OS MEIOS QUE VIVEMOS, TIVERMOS PESSOAS COM PERFIL EM SEREM LÍDERES, SERVIDORES, CERTAMENTE TEREMOS LUGARES BEM MELHORES. PARA VOCÊ QUE NÃO LEU E DESEJA ENTENDER COMO PODE SE TORNAR UMA PESSOA MELHOR, UM PROFISSIONAL MELHOR, É UMA LEITURA QUE LHE TRARÁ UMA ÓTIMA VISÃO A RESPEITO DO MUNDO. ESTOU CONTRIBUINDO, "SERVINDO-LHE" A DICA PARA ESTA BOA LEITURA!
comentários(0)comente



Pri 06/06/2010

Lider Servidor!
O livro como se tornar um lider Servidor, ao meu entender, o autor James quis passar a mensagem que para se tornar um lider, temos que ser capazes de amar ao próximo, ter espirito de equipe, acreditar e mostrar que seus colaboradores são capazes de desempenhar muito bem o que fazem.

Também nos mostra que com vontade, paciência, um lider pode sim, ser uma boa pessoa e conquistar o respeito de todos!!!
comentários(0)comente



Léia Viana 13/11/2010

“Lembre-se que dois terços dos funcionários não deixam a empresa... deixam o chefe.”
Gostei muito deste segundo livro de Hunter. A abordagem feita por ele do significado da palavra liderança contou com fatos pertinentes e rotineiros da vida profissional de cada um.

Não ocupo cargo de liderança, mas creio que, todos, independente da posição que ocupam em seu trabalho, têm o dever de se interessar sobre o assunto. Afinal, a convivência humana nas relações de trabalho é algo primordial e necessário, que não é de exclusividade apenas dos gestores, mas sim de todos, saber tratar bem seus colegas de trabalho, pessoas das quais convivemos durante tanto tempo, uns, oito horas diárias cinco vezes por semana, outros mais que isto, e, justamente por conviver tanto com indivíduos que não conhecíamos que não faziam parte de nossas vidas, é que temos que tornar o nosso dia a dia mais prazeroso.

No livro, ele discorre a respeito da teoria da pirâmide das necessidades de Maslow e a teoria de Herzberg, de motivação de comportamento do trabalho, que é uma lição e tanto para todos nós. “Motivar é influenciar e inspirar à ação.” Por isso, repito, o livro é para todos, pois não são apenas os líderes que nos inspiram muitas pessoas, em diversas posições na hierarquia da organização, pode sim, ter muita influência sobre nós em nosso trabalho, e, até mesmo em nossas vidas.

Outro destaque para o livro também, é a mudança de paradigma, como, por exemplo, os velhos padrões, a começar pela família: o pai no topo, a mãe no meio e as crianças na base (que hoje, nas famílias já não é sempre assim que todos se dispõem). Na igreja: o Papa abre a hierarquia, seguido pelos cardeais, bispos e padres e, por último os fiéis (a mudança de perfil da igreja católica, nos últimos tempos foi por causa dos fiéis, estes em último na base da hierarquia). Nas empresas: o presidente está no topo, diretores, supervisores, e gerentes vêm na sequencia e, finalmente, na base da pirâmide, os colaboradores. Quantas empresas hoje escutam seus colaboradores?

Um líder servidor é muito mais que um líder inspirador, motivador e que sabe ouvir, é aquele que sabe exatamente a diferenças entre poder e autoridade – poder é a capacidade de obrigar, por causa de sua posição já a autoridade é a habilidade de levar outros a fazerem – de bom grado – sua vontade.
comentários(0)comente



CESAR 29/12/2010

SUPERAÇÃO
Muito interessante pode parecer uma mudança de comportamento e ou adapatação a um novo estilo de vida, ainda estamos longe de alcaçar tal façanha como esta história, mas não podemos deixaar de levar em conta que podemos sim tentar. Acredite, podemos tentar.
comentários(0)comente



Felipe Sampaio 27/10/2011

Resenha: Como se tornar um líder servidor, James C. Hunter
Uma continuação do livro "O monge e o executivo" que aborda as características do líder servidor, sempre focando na mudança como sendo uma oportunidade de crescimento profissional e pessoal. Nesse gerenciamento da mudança são retratados vários fatores relacionados ao caráter do indivíduo, percorrendo características que podem ser desenvolvidas, visando alcançar uma maturidade que possa tornar a pessoa que está seguindo essa visão de liderança e não de gerenciamento, um líder servidor.
comentários(0)comente



52 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4