A PROMESSA

A PROMESSA M. Pattal




Resenhas - A PROMESSA


7 encontrados | exibindo 1 a 7


LAPLACE 24/02/2015

A Promessa - M. Pattal
Narrado em terceira pessoa e centrado em Polly, porém nos fazendo acompanhar também a jornada dos personagens ligados a protagonista, A Promessa traz valiosas lições e aborda temas nunca perdidos no tempo, como o perdão.

Fazendo jus ao nome da série - cujo número total de volumes desconheço, porém o autor já garantiu que teremos ao menos mais dois -, a obra está repleta de promessas. Isso pode parecer frívolo, uma vez que prometer alguma coisa é tão comum em nosso dia a dia. Prometemos que vamos estudar mais, prometemos que não vamos nos atrasar para determinado compromisso, prometemos que iremos comer berinjela no almoço, enfim, estamos sempre prometendo alguma coisa. E é aí que o Pattal nos passa uma rasteira!

O ato de prometer se tornou tão banal, que nós não avaliamos com o que realmente estamos nos comprometendo e o peso que nossa palavra terá nas pessoas ao nosso redor. Quando nos damos conta, temos uma enorme lista de dívidas.

O autor trata essa importância de você assumir seus acordos nas mais diferentes ocasiões, como no relacionamento com Deus, de um casal, profissional, ou entre pais e filhos. A avalanche que nossos pequenos atos falhos causam e como esse acumulo pode destruir laços entre pessoas é muito bem trabalhado.

Li em resenhas que algumas pessoas relutaram em ler a obra por causa de sua abordagem cristã. Apesar do enfoque nesse ponto, A Promessa não é um livro destinado a uma religião específica, nem tenta doutrinar ninguém, como essas próprias pessoas reconheceram. O livro apenas fala sobre o amor de Deus, sobre a fé, e eu acho que isso não deveria ser fator definitivo para aqueles que não concordam com esse pensamento abdicarem dessa fantástica leitura.
comentários(0)comente



Priscila 05/05/2015

A Promessa
livro: A Promessa
Autor: M. Pattal
Editora: Ases da Literatura
Edição: 2014



M. Pattal conseguiu me surpreender com sua escrita e a perfeição de detalhes. Uma história emocionante, cativante que toca profundamente dentro do coração e fala de situações que vivemos no dia a dia como medo, culpa, mágoa e a capacidade de perdoar e ser perdoado, amar e ser amado e cumprir as promessas.
"Apesar de todo sucesso que tinha alcançado, Polly não tirava da cabeça o assunto que a atormentava, em especial a minutos de subir ao palco: A promessa que ela avia feito Muitos anos atras."

Não podia ser diferente. Com uma linguagem simples e inteligente ele aborda assuntos como famílias que são destruídas por causa de vícios, violência, distorção de valores e o conflito dos jovens na vida social.

O livro conta a história de Pollyanna ou Polly como ela gosta de ser chamada. Uma menina que passou por uma fatalidade e o abandono do pai e conseguiu superar as dificuldades, seguindo sua carreira e sendo reconhecida através de sua voz e música.

"...Maldita promessa!, pensou Polly. Qual o problema de não cumpri-la? Todo mundo falha com suas promessas, por que eu não posso? Vou ter que carregar isso para o resto da vida?... "

Mesmo com todo o sucesso alcançado, no entanto, ela sente que lhe falta algo. O fato de não conseguir cumprir a sua promessa a consome. Sua vida amorosa também está por um fio e já não sabe se gosta de Renan, seu namorado, como no início do relacionamento. Mas, grandes reviravoltas acontecem, obrigando-a a tomar decisões importantes que podem mudar radicalmente tudo o que tem vivido até agora.

" Aquilo que você mais valoriza sera perdido, até que aquilo que você perdeu seja valorizado."

M. Pattal, obrigada por por esta grande oportunidade de divulgar seu trabalho, ler e resenhar esta incrível história de amor, superação e redenção. Simplesmente amei a leitura e com certeza indico e falo que este é um livro que não pode faltar na estante dos leitores.



site: www.leitura-cia.blogspot.com.br
comentários(0)comente



jeeeh.carool 21/06/2015

Resenha Love Book S2
O livro é narrado em terceira pessoa, tendo em foco a Polly, uma jovem cheia de vida, mas também com muitos assuntos mal resolvidos, ela foi descoberta a pouco tempo em um reality show e ficou conhecida como " Menina da voz de ouro". Apesar da fama, o reconhecimento e o dinheiro, Polly não se sente completa.
Suas brigas com a mãe se tornam quase diárias, não tem mais contato com o pai após uma tragédia que aconteceu anos antes de vir a ser cantora e que levou os dois a se afastarem e seu namoro que parece ter perdido o encanto.
Prestes a lançar seu dvd, Polly está nervosa e resolve aceitar a idéia de Angela sua mãe de participar de uma reunião na igreja.
Após a reunião, algo muda dentro de Polly e ela resolve finalmente cumprir a promessa que fez à muito tempo. Mas nem imagina o que o destino tem lhe reservado.
Apesar da história abordar também algumas pessoas próximas a Polly, você consegue entender o ponto de vista do autor.
O livro aborda problemas que enfrentamos diariamente, como a falta de fé (sem entrar em uma religião específica), a correria do dia a dia que acaba nos afastando da igreja e família, entre outros assuntos.
Uma estória simples mas com bastante aprendizado.

site: http://iglovebooks2.wix.com/instalovebooks2#!A-Promessa-M-Pattal/cll2/ib7ac0si16
comentários(0)comente



Fernanda 31/10/2014

[Resenha] A Promessa M.Pattal
Olá, seus lindos! Como estão?

Como muitos sabem eu sou evangélica e sempre me perguntei se não teria romances evangélicos para eu ler. Um dia fiz uma publicação no facebook pedido indicações e acabei conhecendo alguns escritores do gênero. O M. Pattal foi um deles. E hoje eu venho apresentar a resenha de A Promessa para vocês. Pelo que sei é uma série, portanto logo teremos outros livros por aí.

Romances evangélicos, não são livros que falam de religião e sim de Deus. Eles trazem em sua narrativa os princípios bíblicos. Segundo a escritora Carla Montebeler, Romances evangélicos é aquela história pautada em princípios bíblicos. Mesmo que não estejam declarados na narrativa, os valores cristãos ficam salientes na postura dos personagens e o rumo da história sempre conduz o leitor a uma reflexão sobre sua vida espiritual e seu conceito sobre Deus.

Realizada essa pequena explicação, vamos à resenha.

O livro nos conta a história da Polly. Ela é uma cantora famosa e a cada dia ganha mais visibilidade na mídia. Sua vida foi marcada por tragédias e rancores. O irmão de Polly morre em um acidente e ela sempre culpou o pai por isso que, não suportando mais tamanha humilhação e agressões verbais, Sidney resolve ir embora e deixar a família para trás.

Depois de oito anos de mágoas e tristezas, a vida proporciona suas reviravoltas e une novamente a família que foi destruída por causa do álcool e das palavras ditas em horas de agonia e raiva.

Ângela, a mãe de Polly, sempre sofreu com a distância do marido, e confiou em Deus para que o trouxesse de volta. Ela, como uma mulher religiosa, sempre procurou estar perto de Deus e jamais deixar de crer que um dia sua história seria diferente. Nunca deixou de crer que sua família estaria reunida novamente e que um dia sua filha iria cumprir a promessa que fez a Deus.

O namorado de Polly é lindo e amoroso - quero um Renan para mim -. Renan tem grande parcela de ajuda na superação de Polly pelos sofrimentos que sempre enfrentou. Mas, com o tempo este relacionamento veio ao desgaste e tudo pode ter um fim.

Este livro trata de perdão e amor a Deus. Fala também sobre redenção e ainda nos mostra que a mágoa só traz sofrimentos para nossas vidas. Temos aqui a história e os dilemas de uma jovem que foi abandonada e encontrou nas coisas supérfluas da vida uma forma de aplacar tudo que sentia e sempre guardou. Mas também uma jovem que não deixou que as palavras ditas em hora de raiva a destruíssem. Ela soube usá-las para incentivar o seu crescimento.

Este livro não fala somente da Polly e sua família, nos traz muitos personagens que de uma forma outra de outra estão sempre ligados aos amigos da personagem principal e cada um tem seus problemas e dores. Creio que no próximo livro será melhor explicado a relação futura que eu acredito virá a existir entre todos os personagens.

No início a leitura é fluida, mas depois essa fluidez desaparece. Nada que venha atrapalhar a leitura, embora o ritmo diminua consideravelmente. Eu sei que os momentos do livro são emocionantes e que os personagens choraram muito. Penso que este é o livro que mais teve choro risos!, mas algo bom é que não vivem reclamando de seus problemas, pois cada um sabe de suas dívidas e promessas. Sabem ainda dos erros do passado que necessitam de resolução.

Gostei muito do livro e quero ler outras histórias que relatam o perdão e o amor, pois sempre aprendo muito com este tipo de leitura. E outra coisa que me incomodou na leitura foram os sinais de excessivos de pontuação como - ! , me incomodaram muito.
No mais, o livro é ótimo e recomendo muito a leitura.

site: www.amorliterario.com
comentários(0)comente



Silvana - Blog Prefácio 22/11/2014

Polly está prestes a realizar um sonho. Ela, uma estrela pop em ascensão, irá cantar no mais importante Festival de Musica do País. Esse festival reúne as quinze melhores bandas e cantores da atualidade, numa maratona de vinte quatro horas. Mesmo antes de ter ficado em segundo lugar num Reality Show musical, ela já havia sido contatada por Marcos Franco, um produtor que ouviu ela cantar no ensaio do Reality. Agora aos 22 anos, ela é conhecida como A Menina da Voz de Ouro, por causa do seu timbre macio e suave. Ela namora com Renan, mas seu namoro parece que já está se desgastando, assim como todos os outros seis antes dele, Só que após o show, mesmo tendo realizado um sonho, ela não está completamente satisfeita, falta alguma coisa, e ela tem certeza de que é por causa da promessa que ela fez e não cumpriu.

Polly era muto apegada a seu irmão, que faleceu em um acidente. Ela culpou seu pai pelo o que aconteceu, e depois de anos ouvindo ser o culpado e afundado na bebida, ele foi embora e abandonou tanto Polly, como sua mãe Angela. Chegou até a mudar de país. Polly que cantava em uma igreja, desistiu de tudo e mudou completamente seu modo de viver. Passou a sair com vários garotos, perdeu a virgindade com um deles e não se apega a mais ninguém. Só que sua mãe não aceitou muito bem seu comportamento e sempre está lembrando Polly da promessa que ela não cumpriu. Angela ainda espera o retorno do seu marido. Ela tem fé que Deus irá trazê- lo de volta. Mas Polly não quer nem ouvir falar sobre isso e as discussões entre elas estão cada vez mais constantes.

É em meio a esse cenário que Polly conhece Max, um famoso jogador de futebol que mora no Europa, mas que está de férias no Brasil. Quando Polly conhece Max, o interesse é instantâneo. Tanto que logo depois a mídia já começa a falar que eles estão juntos. Polly nega tudo, ainda mais que ela ainda está com Renan, mesmo que a relação entre eles esteja por um fio. Prestes a gravar seu DVD, Polly está muito nervosa e depois de muita insistência de sua mãe, ela concorda em participar de uma reunião de mulheres na igreja. Depois da reunião, algo muda dentro dela e enfim ela decide cumprir A Promessa. Mas quando ela toma essa decisão, uma outra tragédia pode vir a mudar tudo. Será que ela vai conseguir cumprir o que há muito tempo prometeu?

"Aquilo que você mais valoriza será perdido, até que aquilo que você perdeu seja mais valorizado. "

Opinião:
Assim que vi esse livro me interessei, a capa é linda demais. Mas lendo algumas resenhas tive a impressão do livro ser muito religioso e até deixei um comentário em uma delas falando que não lia livros que tinha a ver com religião. Mas fui abordada pelo autor e ele me convenceu a ler seu livro. Devo dizer que não me arrependi. O livro não aborda nenhuma religião e sim a fé em Deus. E mesmo tendo em vários momentos, citações de versículos bíblicos, isso não interferiu na narrativa. O livro fala sobre um tema que gosto muito, o perdão. Como é difícil perdoar e pedir o perdão. Quando erramos com alguém, deixamos o tempo passar, como se tempo apagasse o que aconteceu e não fazemos o mais fácil que é reconhecer o nosso erro. E conforme o tempo passa, fica ainda mais difícil de pedir perdão. E quando não perdoamos, só fazemos mal a nos mesmos. Mas o livro não é só sobre perdão. o autor aborda vários temas, inclusive o principal que é sobre fazermos promessas e não cumprirmos.

E falando em Promessa, o suspense do livro foi esse. Fiquei roendo as unhas de curiosidade e não consegui largar o livro até que descobri qual era essa bendita promessa que ela tinha feito e não cumpriu. Agora falando sobre os personagens, tive uma relação de amor e ódio com Polly. tinha ora que gostava muito dela, e me solidarizava com sua situação, mas tinha outras vezes que queria pegar uma cinta e dar uma boa surra nela, principalmente por ver o jeito que ela falava com sua mãe. Ao todo gostei de todos os personagens, não teve nenhum que me desagradou a ponto de citá-lo. E só uma ultima coisa que gostei bastante na narrativa do autor, foi como os personagens secundários, todos sem exceção, tiveram sua importância na história, O autor procurou situar cada um deles, mesmo os que pouco apareceram. Enfim é uma leitura agradável e recomendo.

site: http://blogprefacio.blogspot.com.br/2014/11/resenha-promessa-m-pattal.html
comentários(0)comente



Fabíola 04/12/2014

Não é meu estilo, mas é bom!
Estava ansiosa para ler esse livro! Conta a história de Polly uma cantora de sucesso que sempre faz shows surpreendentes! Ela mora junto com a mãe no rio e odeia seu pai por causa de que acha que a morte de seu irmão é culpa dele. O autor descreve tudo super detalhado, o que pode ser bom e ruim.
No dia que realiza o sonho de cantar para um grande público, ela tem um pressentimento ruim e fica indisposta depois do show. Sua mãe acha que isso aconteceu por causa da promessa e elas acabam discutindo por esse motivo.
Polly depois de uns dias conhece Max, um jogador de futebol famoso e sente uma atração por ele. Max também sentiu isso. Mas ela já tem namorado, Renan, que a ajuda em seus show. Aí Max e Polly vão se conhecendo e a imprensa já especula coisas sobre eles.
Polly e seu empresário estavam super empolgados com os preparativos para a gravação do DVD de Polly! Mas aí acontece uma coisa que acaba comprometendo tudo isso! Não posso contar o que é, mas é chocante!
Polly acaba vendo que precisa cumprir sua promessa e volta a louvar a Deus e daí para frente, acontece várias coisas boas! Se eu contar mais que isso, vou acabar soltando um spoiler!
Eu recomendo, é muito bom, mas acho que esse não é meu tipo de livro! Mas quando começo uma série, vou até o fim! Já quero a continuação de A promessa.

site: perdidaemlivross.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Carolina DC 04/10/2014

A história é narrada em terceira pessoa e tem como foco Polly e as personagens que rodeiam a sua vida. Polly está se apresentando na Terceira Edição do Rio Non-Stop, um grande festival de música e uma oportunidade única de demonstrar o motivo de ter sido considerada a revelação do ano aos 22 anos de idade. Apesar do auge de sua carreira, ela só consegue sentir o vazio... e tentará suprir isso com ações que podem magoar aqueles que mais a amam.

A primeira impressão do leitor é de que a protagonista tem uma vida perfeita: faz o que gosta, tem uma mãe amorosa, um namorado perfeito, sucesso, fama, fãs. Mas nem sempre as aparências representam a verdade.

Polly é uma jovem com muitas cicatrizes emocionais relacionadas a perdas que teve como jovem. Após uma grande tragédia, seu pai Sidney não consegue lidar com as consequências e a abandona com sua mãe Angela. Mas antes disso ele diz algumas coisas realmente cruéis que a marcam profundamente. A partir desse momento, Polly larga suas crenças, deixando apenas que a sua mãe cultive a esperança de que tudo dará certo.

O livro é composto de inúmeros personagens que estão intrinsecamente ligados mesmo sem saber. O autor construiu uma teia de relacionamentos complexos que conforme a trama se desenrola, o leitor consegue observar o efeito dominó que uma determinada ação causa em todos.

O foco principal do livro é a fé e os valores e crenças pessoais. Mas não confundam a fé com a religião. A maior parte dos personagens é motivado por valores que foram cultivados em algum momento de sua vida, mas que acabaram se perdendo no caminho. Como no mundo real, a história é composta por diversas personalidades. Essa composição complexa torna a história real: profissionais de diversas áreas, com problemas pessoais reais e que cometem erros. Alguns se baseiam em honra, família, amor, outros acabam colocando prioridades diferentes em sua vida. Alguns frequentam cultos, missas, outros baseiam-se na mais pura fé. Com capítulos alternados, o leitor acompanha a vida desses personagens.

Um marido que deseja suprir todas as necessidades de sua esposa e filha, pois não teve muita coisa quando jovem, mas que esquece o principal: o amor. Sua obsessão em se focar no trabalho e no dinheiro cria um abismo cada vez maior.

Uma jovem que sofreu desilusões demais e se afastou do mundo, mas ao mesmo tempo expressa uma sensibilidade imensa e um talento indescritível ao criar belíssimos arranjos florais.

Uma adolescente que faz de tudo para chamar a atenção de seu pai ausente. Sophia tem 17 anos, é bonita, inteligente, tem uma mãe amorosa, um padrasto presente, mas seu pai, o produtor Marcos Franco não percebe o quanto ela sente a sua falta.

Um namorado que abriu mão de suas crenças pessoais para ficar com a pessoa amada e vive rodeado de inseguranças graças a fama de Polly. Renan é uma rapaz de 24 anos, muito carinhoso e apaixonado.

Um jovem jogador de futebol que aproveita a fama e notoriedade com futilidades e relacionamentos frívolos e que começa a perceber o vazio de sua vida.

Um pai que cometeu muitos erros e precisa aprender a se perdoar para conseguir pedir perdão à família que abandonou.

Uma cantora que tem o mundo aos seus pés mas que precisa colar os pedaços do seu coração, aprender a perdoar e praticar os valores pessoais que secretamente acredita.

"A Promessa" é o primeiro livro de uma série que discute com os leitores situações do dia a dia: amores perdidos e reencontrados, a família, os filhos, a fé e o amor.

"Ela pisou no pedal da máquina e começou a costurar o vestido, pensando como seria bom se aquela máquina pudesse também costurar o seu coração." (p. 59)

Em relação à revisão, diagramação e layout foi realizado um ótimo trabalho. Os detalhes no início dos capítulos e nas laterais das páginas que enriquecem a obra. Existem alguns errinhos de digitação, mas nada que interfira na leitura.

Uma história que fala de recomeços e segundas chances, que nos ensina a sermos genuínos e sempre apreciarmos aqueles que amamos.

"Ficou pensando que, como aquele vestido estava apagado sem as flores nele, a sua vida também se encontrava da mesma forma, faltava brilho, faltava cor, faltava vida." (p 70)
comentários(0)comente



7 encontrados | exibindo 1 a 7