Somente Sua

Somente Sua Sylvia Day




Resenhas - Somente Sua


80 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


Luana Moraes 12/05/2019

Decepcionada
Eu voltei a reler Sylvia Day, porque faltava apenas um livro para finalizar a história de Gideon e Eva, mas não me lembrava, então reli o Somente Sua, e estou aqui pensando. GIDEON e Eva são MALUCOS!

Não é amor. Não pode ser amor. Eu entendo o passado conturbado de ambos, mas gente, eles se enfiam em uma bolha e ninguém acha aquilo estranho? Eles esquecem que possuem qualquer outra pessoa.
Eles se tornam negligentes, impulsivos e possessivos.

A cada capítulo eu ficava mais assustado com as atitudes de ambos. Eles usam o sexo como uma válvula de escape perigosa, é claro que ninguém faz aquele tanto de sexo em um dia, que dirá o tanto que fazem por semana, mas o alerta está implícito.
Eles não resolvem os problemas. Eles se afogam um no corpo do outro para saciar, anestesiar e até mesmo esquecer.

Eva pode até tentar em alguns momentos se abrir com ele, mas ele a afasta, e apesar de Eva reforçar o tempo inteiro que ele não a machuca. MACHUCA SIM! O elástico que eles puxam o tempo inteiro, é cansativo, é confuso, não é amor.

O romance é inteiramente repetitivo. Não acontece nada além de sexo, sexo e sexo. Faltou apenas sexo de ponta cabeça. Sylvia escreveu três livros que considero bons, mas esse a mulher perdeu a mão. A autora não entregou um enredo novo, novos problemas, nada, repetiu os três anteriores e fez o que? Ficou enrolando o leitor por TREZENTAS PÁGINAS. MANO. TREZENTAS.

Tirando esse ponto, a autora conseguiu deixar uma série de pontas soltas na história, começando e não terminando, solucionando os problemas de forma mágica. Entendi que Gideon tem dinheiro e compra NY inteira, mas CARAMBA, Sylvia. Custava colocar um pouco mais de realidade?

TRÊS estrelas levando em consideração a narrativa, que é repetitiva, mas ainda admiro a forma como a louca escreve. OH Vida!

Sigo para o último livro esperando apenas decepções.
comentários(0)comente



Leticia.Brito 02/03/2019

SINOPSE: SOMENTE SUA
4° Livro da saga "Crossfire"

Data da primeira publicação: 2014
Autora: Sylvia Day
Editora: Paralela
Gênero: Romance (18)
Páginas: 312
__________________________________________________________________________

Gideon me chama de anjo, mas é ele o milagre na minha vida. Meu deslumbrante guerreiro ferido, determinado a destruir meus demônios, ao mesmo tempo em que se recusa a encarar os seus. Os votos que trocamos deveriam ter nos deixado mais próximos do que nunca. Em vez disso, abriram feridas antigas, expuseram dor e insegurança, e atraíram os meus inimigos a sair das sombras. Senti que ele se distanciava. Meus maiores medos pareciam virar realidade; meu amor estava sendo testado, me deixando em dúvida se seria forte o suficiente para aguentar. No momento mais alegre de nossas vidas, a escuridão do passado dele ressurge e ameaça tudo pelo que trabalhamos até agora. Teremos que encarar uma escolha terrível: a segurança da vida que tínhamos antes de nos conhecermos ou um futuro que de repente parece um sonho impossível e sem esperança…

“Só penso em você. Todos os dias, o dia todo. Tudo que faço, faço pensando em você.” – Somente Sua

site: https://www.instagram.com/tudoemum_livro/
comentários(0)comente



Gizele 23/02/2019

Sylvia introduz uma nova maneira de ver as coisas, com a narrativa de Gideon inclusa.
A visão dele torna a leitura um pouco mais interessante. Porém, nos pulos entre uma visão e outra (da Eva), muita coisa se perde ou fica subentendida.
A história continua se repetindo, sem muitas mudanças.
E vamos para o último livro dessa série, finalmente.
comentários(0)comente



Dri 21/05/2018

Sinopse- Eva e Gideon
Gideon me chama de anjo, mas é ele o milagre na minha vida. Meu deslumbrante guerreiro ferido, determinado a destruir meus demônios, ao mesmo tempo em que se recusa a encarar os seus. Os votos que trocamos deveriam ter nos deixado mais próximos do que nunca. Em vez disso, abriram feridas antigas, expuseram dor e insegurança, e atraíram os meus inimigos a sair das sombras. Senti que ele se distanciava. Meus maiores medos pareciam virar realidade; meu amor estava sendo testado, me deixando em dúvida se seria forte o suficiente para aguentar. No momento mais alegre de nossas vidas, a escuridão do passado dele ressurge e ameaça tudo pelo que trabalhamos até agora. Teremos que encarar uma escolha terrível: a segurança da vida que tínhamos antes de nos conhecermos ou um futuro que de repente parece um sonho impossível e sem esperança…
comentários(0)comente



Vivi 20/05/2018

Ufa!
Terminei!!! Agora só falta o último da série! Sigo achando a história repetitiva, a personagem Eva muito chata, Gideon mega protetor e centralizador. O que ajudou a leitura foi finalmente ter a narrativa dele, diminuindo assim o mimimi dela e saber todas as pressões e estratégias para proteger ela/ele dos vilões (por assim dizer). Não posso imaginar o que virá no último livro: mais do mesmo ou uma trama/ romance que segue? Logo descobrirei!
comentários(0)comente



Taly Tavares 15/03/2018

Mais do mesmo
Titia Sylvia exagerou na mão.
Livro massante, mto mimimi, a historia nao desenvolve, nada acontece alem de sexo.
Sexo no cafe da mae, sexo no almoço, sexo na sobremesa, sexo no jantar, sexo depois da briga, sexo pra durmir, sexo pra acordar, sexo pra tomar banho e novamente sexo no cafe da manhã ????
Sério que SACOOOOOO.
Pulei mtas partes do livro, quase todas cenas de sexo, chega a ser cansativo, tudo bem que se trata de um romance erótico mas vamo combina que tudo tem um limite né minha gente.
Ela foi prolongando tanto essa série que acho que se perdeu em algum momento.
Acredito que o ultimo livro nao sera mto diferente disso, irei ler para saber o desfecho dos personagens vai que no ultimo titia Sylvia acerta ????
comentários(0)comente



Valeska 10/03/2018

Fim do pastelão..
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Izabelle 16/10/2017

Sylvia Day, pq vc me matou?
Eu fiquei super desapontada com o final da série. Não gostei, poderia ter tido um final maravilhoso, porém...
comentários(0)comente



Rose 20/09/2017

resenha dupla com o livro 5
Gideon e Eva estão juntos e casados, mas por incrível que isso possa parecer, o casamento pode ser justamente o gatilho que faltava para a separação de ambos.
Com feridas que ainda sangram e machucam, o casal continua tendo que lidar com os próprios medos e inseguranças, ao mesmo tempo que são bombardeados por intrigas de todos os lados.
Eles precisam encarar que usar o sexo entre eles para resolverem suas diferenças e problemas é um círculo vicioso que precisa ser rompido, para que no futuro isso não os afaste.
Mas não era só com o sexo, ou a falta dele, que Gideon precisava lidar. Com muitos inimigos a sua volta, Eva acaba se tornando o seu ponto mais vulnerável, e ele não está conseguindo lidar com isso. A pressão crescia a cada dia, assim como o medo de perdê-la.
Do lado de Eva, ela não estava conseguindo furar a armadura de Gideon, e isso era frustrante. Ela não queria ser apenas a esposa amada que precisa de proteção. Ela queria ser também a proteção e aquela que luta lado a lado do seu marido.
Em um ponto crucial da trama, eles percebem que do jeito que estava não ia dar certo. Era preciso muito mais do que o amor e a química que tinham para consolidar o relacionamento deles. Era preciso confiança!
Aos poucos, com um passo de cada vez, eles estavam tentando e conversando. Eles estavam dispostos a fazerem o escudo crescer e se fortalecer, sem precisarem usar o sexo para isso.
Já era hora de Gideon enfrentar seus demônios, e isso o tirava totalmente de sua zona de conforto. Mas se para ter Eva ao seu lado, ele precisaria passar por isso, então estava mais do que disposto.
Enquanto via o esforço que Gideon estava fazendo pelo futuro dos dois, Eva percebe que não adianta apenas saber o que fazer, é preciso também agir e mudar. Pois ser independente e forte não é necessariamente fazer tudo sozinha e a seu modo.
Mas justamente quando ambos parecem está se entendendo e até se comunicando melhor, além de prestes a mostrarem para o mundo o amor deles, uma sombra desconhecida se levanta, e uma mentira pode destruir todo o caminho que o casal construiu até ali.
Decidi falar dos dois livros juntos, pois achei complicado falar deles em separado. São nestes dois volumes que percebemos uma real evolução tanto de Gideon quanto de Eva. Eva está mais forte, mais decidida e centrada, enquanto Gideon está se encontrando. E é justamente por isso que ele começa a se abrir, a princípio para agradar a Eva, mas depois, por ele mesmo.
Achei linda a cena dele com o padrasto, assim como totalmente coerente a raiva do irmão Christopher em relação a Gideon. Um problema que não foi resolvido de imediato, mas passo a passo, o que tornou tudo ainda mais verdadeiro.
Outra cena que me chocou e não de forma positiva por conta da atitude da personagem, foi finalmente o confronto de Gideon com sua mãe. Ali, ele matou seus monstros e retomou sua vida nas mãos. Foi emocionante e forte. É incrível como tem gente que prefere fechar os olhos para a cruel realidade do abuso infantil. Como se jogar para baixo do tapete fosse resolver tudo ou mesmo fazer o problema desaparecer.
É justamente neste ponto que a mãe de Eva fez a diferença na vida da filha, mostrando sua total confiança e amor irrestrito por ela. Aliás, veio dela também a surpresa final da série. Confesso que ainda estou matutando se haveria necessidade disso, mas enfim...
Por conta da evolução dos personagens, e não só de Gideon e Eva, como também do próprio Cary, que as palavras decisivas do último volume foram: "Eu Acredito". Estas palavras tem um peso tão importante na trama como um todo, que são até mais importante que o famoso "Eu Te Amo".
Acreditar na pessoa, e no que ela está falando é imensamente mais importante que o próprio amor. Na verdade, a confiança depositada em alguém é a própria prova de amor, e isso fica muito claro, principalmente em relação a Gideon, que durante anos acreditou que ninguém acreditava nele. Justamente as pessoas que diziam amá-lo tanto, lhe viraram as costas. Justamente por isso, as três cenas mais marcantes deste final, e na verdade de todo a série, foi Gideon ouvindo isso: eu acredito. Quer dizer, pelo menos em duas das três cenas importantes...
O choque de perceber que estão acreditando nele, apenas nas palavras dele, sem provas para corroborar suas palavras, é algo bem nítido para o leitor, e isso me deixou muito impressionada.
Uma série que gostei de ler, ainda mais por tocar no tema do abuso infantil. Apesar disso, acredito que cinco livros foram demais. Quatro até dá para ser, mas três seriam o ideal, mesmo que os volumes fossem maiores. Recomendo sim a série, mas tenho ciência que muitos não gostaram, talvez por conta do conteúdo mais hot, talvez pelo excesso de cenas sexuais... Mas o engraçado é que até isso tem uma boa explicação no enredo. Enfim, para os que já conhecem o trabalho da autora, vale a pena, e para os que querem conhecer, no final, acaba valendo também.

site: http://fabricadosconvites.blogspot.com.br
Camila Bico 03/01/2018minha estante
undefined




Dani 23/08/2017

O The Best Book
Acho que meu amor por esse livro é tipo PLATÔNICO ??. Sério, eu acho que toda saga devia ter o outro lado do personagem, e tá explicado porque amo esse livro ?? o jeito que o Gideon pensa e tudo mais, faz você se apaixonar cada vez mais.
Pelo menos a Eva está menos chata ? no terceiro livro ela está muito chata, agora nesse quarto livro ela está bem diferente, e cativa bem mais a leitura.
comentários(0)comente



Cris Folha 26/07/2017

Não gostei
Livro não tem muita história
comentários(0)comente



Carla Martins 27/03/2017

Somente Sua - Sylvia Day - Ed. Pralela
Mais em: http://leituramaisqueobrigatoria.blogspot.com.br/

Somente Sua é o quarto livro da série Crossfire, que caiu nas graças desta leitora voraz que vos fala. Quando li o primeiro volume eu tinha acabado de ler a trilogia 50 tons e foi inevitável a comparação dos personagens. Com o passar do tempo, pude perceber que ambas tem muitas semelhanças, mas também possuem suas particularidades e Somente Sua, ao contrário dos 50 tons (que no terceiro livro se transforma num romance comum com um toque policial), continua sendo viciante e prendendo a atenção do início ao fim.

Outra particularidade desse livro são os personagens secundários, que também têm histórias super legais, como Cary e seu dilema entre ser pai de família responsável e seguir seu coração, Brett e seu estilo roqueiro que deixa Eva confusa e Corinne com seus ataques psicóticos.

Eu comecei a ler achando que seria mais do mesmo. Mas fui surpreendida e não conseguia parar de ler! Apesar do clichê dos traumas de infância, a autora sabe conduzir a trama para prender o leitor e não deixar a história morna, no maior estilo forcei-mais-um-livro-só-pra-ganhar-mais-dinheiro.

E as tramas são muitas nesse livro! Uma atrás da outra! Vou esperar avidamente pela continuação, já que o livro acaba em um tremendo cliffhanger (oi?). Tem muita coisa que ficou no ar, como Landon, a ameaça do irmão de Cross, Chris, e o livro que vai dar o que falar (espero!). Fora o casamento de Eva e Gideon, que deve acontecer no próximo volume, que dizem que será o último.

Essa série conta com:
- Toda Sua
- Profundamente Sua
- Para Sempre Sua
- Somente Sua
comentários(0)comente



Vanessa França 30/01/2017

Tenho que admitir que, tanto quanto eu gostei dos dois primeiros livros da série eu estava um pouco desapontado com o livro 3 por isso, embora eu estava ansiosa para Somente Sua.

Realmente eu acho que Sylvia Day poderia ter desenrolado a história de Gideon e Eva em três livros. Eu ficaria feliz em ler um livro sobre Cary ou Irlanda e qualquer um desses personagens teriam permitido "visitar" Gideon e Eva sem que eles tenham que ser o foco principal da história. Como é que temos uma série que foi estendida por um monte de drama desnecessário.

Somente Sua mostra Gideon e Eva atormentado por ex-parceiros (em ambos os lados) que querem dividi-los e membros da família que são completamente iludido ou deliberadamente malicioso. Nós também mais uma vez vemos Gideon e Eva tendo problemas para se comunicar uns com os outros de qualquer maneira significativa fora do quarto.

Estamos agora no quarto livro e eles ainda usam sexo para resolver todos os seus problemas que está ficando mais do que um pouco frustrante. Felizmente que, finalmente, parece estar começando a mudar até o final deste livro, mas em alguns aspectos, é um pouco tarde demais e eu sei que muitos leitores ficarão realmente irritados por um determinado turno de eventos.

Eu sei que eu passei a maior parte desta resenha reclamando, então você provavelmente está se perguntando por que razão na terra eu dei o livro uma classificação de 4 estrelas, mas apesar de minhas questões Somente Sua é muito bom. Eu simpatizo com o casal, eles são disfuncionais e desarrumado e tem mais problemas entre eles do que eles sabem, mas eu adoro ler sobre eles.




Eles têm química fantástica, as cenas de sexo são sempre quentes, parece que estamos finalmente entrando um pouco na cabeça de Gideon, aprendendo o que o faz tiquetaquear e por que ele se comporta da maneira que ele faz, e eu estou feliz que Eva está aprendendo a permanecer firme e lutar pelo que ela quer um pouco mais. Este é um livro que eu poderia devorei em um dia e meio.

Eu acho que esta série foi estendida desnecessariamente? Sim. Fiquei frustrado com o número de questões lançadas ao casal neste livro, especialmente quando não conseguimos uma resolução para nenhum deles? Absolutamente. Vou ler o próximo livro de qualquer maneira? Sem dúvida ...rs!, realmente espero que o livro final se concentre em resolver as questões que já estão enfrentando ao invés de adicionar mais drama à mistura.

site: https://geeklivroseresenhas.blogspot.com.br/2017/01/somente-sua-de-sylvia-day-editora.html
comentários(0)comente



Tatiana.Bianque 15/01/2017

E a coisa só complica!
Relacionamentos comuns já são difíceis , entre estes dois então, o conflito é inevitável! Com um tema tão forte e profundo, a gente começa a refletir sobre os muitos abusos sofridos e que ficam sem solução, destruindo a vida das pessoas. É interessante saber que a vida encontra um jeito de consertar as coisas desde que não se desista da vida! A pior parte, neste volume, é saber o conteúdo dos pesadelos de Gideon, é de revirar o estômago e deixar sem fôlego. Apesar disso senti que a história caminha (bem devagar)para o lado familiar e mais confortável. Estou torcendo por este casal, por tudo que passaram merecem um final feliz!
comentários(0)comente



80 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6