Entrega

Entrega J.C. Reed




Resenhas - Entrega


29 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Hannah - Raposa literária 03/09/2020

Entrega, trilogia devoção.
| ??????? | ???????

?Ela não era particularmente uma boa mentirosa ?

Livro: Entrega - Trilogia Devoção #3
Autor: J. C. Reed |
Editora: Editora Única |
Nota: 4/5?'s

Mais uma resenha meus amores, concluindo essa trilogia que em muito deixo-me duvidosa, porém surpreendeu muitíssimo nesse último livro.
-
Em entrega, vemos um casal mais estável e seguro, os dois demonstram uma verdadeira devoção para com o outro.
Também temos mais ação e suspense, deixando um pouco de lado a mania de Brooke de querer arrancar a calcinha sempre que ver Jett e embarcando em um mundo de segredos, mortos revivendo, gangues, traições e amor.

Aparentemente o clube secreto do qual o Mayfield pai participava o matou, e Jett sente-se culpado por recusar-se falar com o pai antes que a fatalidade acontecesse.

Brooke não sabe como agir, mas tenta a todo momento dar o suporte que seu namorado precisa, sem saber que também está na mira do clube.

Mayfield começa a desconfiar do comportamento de Brooke quando ela o diz que o relacionamento já não dá mais certo ( bem 50 tons né? ), correndo feito louco contra o tempo quando ela desaparece de maneira suspeita.

Antigos aliados, novos segredos, um amor sem limites e muita ação os seguem até um desfecho apropriado e surpreendente.

? As expectativas criadas quando comecei a ler essa trilogia, foram superadas na conclusão.
Apesar de ter imaginado o final e ter pensado que seria perfeito se assim fosse, me surpreendi quando foi o que realmente aconteceu.
Devo dizer que o tanto de ação, suspense e detalhes nesse último volume, fez compensar a leitura - muito antes clichê e com pouquíssimo conteúdo.
Mas é claro que temos Brooke querendo arrancar a calcinha sempre que Jett a olha, mas também temos um pouco da visão de Jett e o quanto ele a ama. E sim, ela está gravidissima e também sofre umas agressões pesadas e de dar uma dor no fundo da alma ( lembra alguma coisa?) pois é o complexo de 50 tons continua, para não perder o costume. Porém eles estão mais maduros e o relacionamento também.

O final me levou a êxtase, eu imaginei mas me apeguei ao fato que a autora não seria tão ousada, ainda bem que foi! Que grande vilão hein?
Recomendo ?
? Todo começo é assustador assim como todos os fins são tristes. É disso que se trata essa viagem, e tudo entre os começos e os fins é o que vale a pena experimentar. ?
comentários(0)comente



Viviane.Bulin 19/08/2020

Opinião
Peguei emprestado da minha amiga o primeiro livro e adorei, gostei tanto que não esperei ela terminar o segundo livro para me emprestar e achei na internet kkk Então acabei comprando os três livros. Confesso que o segundo me deu uma desanimada, achei que enrolou muito a história e fiquei com muito medo do terceiro ser assim também, mas a leitura fluiu e acabei gostando mesmo da história de Jett e Brook, uma história de amor verdadeiro que enfrentou diversas dificuldades, mas permaneceram unidos. Teve alguns mistérios que foi muito interessante, só queria que no final tivesse mais emoção, porém foi bem romântico. Indico para quem realmente goste de uma história de amor.
comentários(0)comente



Pantteri 11/08/2020

Tenho todos
Amei vou reler novamente bateu , saudades livro maravilhoso
comentários(0)comente



Marla 31/07/2020

Ultimo livro da trilogia Devoção
Terceiro livro da trilogia Devoção (O primeiro é Devoção e o segundo é Conquista). Trilogia finalizada sem postas soltas, porém esperava mais do final. Mas é uma boa trilogia para se distrair
comentários(0)comente



Lety.Ellen 21/06/2020

Um livro instigante
Seguindo a linha dos anteriores, o livro tem romance e suspense, porém com aquele toque de reviravoltas que prende o leitor ao exemplar sem nem conseguir piscar os olhos.
comentários(0)comente



Carol 21/08/2019

Eita que final porreta!
Incrível!!

Só digo que esse foi o melhor!!
Com muitas reviravoltas, emoção, desfecho inacreditável ( não tinha pescado e descobri junto com a Brooke). O segredo de Jett e conhecer mais sobre ele foi bem bacana.

Me surpreendeu esse livro. Não estava dando nada quando comecei a ler mais acabei amando.

Pensei quando comecei que seria mais do mesmo mas no decorrer começou um suspense, uma teia de mistério que a gente fica cassando os pedaços pra tentar desvendar.

Muito bom!!

.
comentários(0)comente



Eugenia.Pimenta 23/11/2018

Trilogia Devoção- J.C.Reed
Terceiro e último livro da trilogia devoção. Continuação da história de Brooke e Jeff. Foi ótima as 3. ??????
comentários(0)comente



Karime.Souza 20/02/2018

Enjoativo
Comprei o box com a trilogia. Li o primeiro e achei legalzinho. Nada demais. No segundo livro ja fiquei sem paciência e a leitura ficou enjoativa. Acabei abandonando o segundo livro e nem cheguei a ler o terceiro. Deixou a desejar.
comentários(0)comente



Ninguém 30/01/2018

Raiva define.
Essa porcaria é tão ruim que não vale a pena escrever uma resenha descente. É verdadeiramente um lixo ! Aff...toquei o meu dinheiro fora.
comentários(0)comente



Anna.Helena 02/04/2017

Se joga...
Eu esperava um pouco mais de livro, acabou cedo, podia ter extendido um pouco mais a história... Mas a ação, o suspense deu o equilíbrio exato ao romance...
comentários(0)comente



Rose 08/02/2017

A vida de Brooke mudou muito depois que conheceu Jett. Ela que sempre foi uma workaholic, acabou sendo presenteada pelo destino com um amor de tirar o chão. O que para ela era um tanto assustador.
Mas ali, diante de seus pensamentos, ela sabia que valia a pena e estava feliz. O único problema era o mistério não resolvido a cerca de sua recém herdada propriedade, as terras de Lucazzone.
Nenhum dos dois, mesmo com a ajuda de Sylvie e de Kenny, conseguiu evoluir com as investigações. E sem o caderno, ou mesmo o CD, as coisas estavam mais complicadas.
Apesar disso, ali em New York, a Itália e seus problemas, pareciam distantes... pelo menos até uma morte trágica se abater sobre eles e os problemas a cerca da propriedade se infiltrarem na relação entre Brooke e Jett.
As pistas que eles tanto procuravam pode ser a chave deste misterioso quebra-cabeça, assim como pode ser também o estopim da separação do casal.
Mas quando Brooke decide pagar para ver, uma grande ameaça cai sobre sua cabeça e ela é obrigada a tomar uma difícil decisão para proteger todos que ama.
Ela não imaginava era que sua própria segurança estava ameaçada, e que o seu passado estivesse tão envolvido na questão Lucazzone.
Mesmo com tudo contra ela está disposta a lutra, ou morrer lutando. Quem quer que estivesse atrás de toda esta sujeira, não a teria de mãos beijadas. Ela só esperava que Jett um dia a perdoasse, ou quem sabe, por um milagre... a salvasse...
Desesperado diante do sumiço de Brooke, Jett está disposto a tudo, até mesmo a voltar para sua antiga gangue. Mas isso será o suficiente para salvar Brooke? E a que preço?
Devo dizer que uma trama que começou mais ou menos, acabou de uma forma boa. A trilogia veio em uma crescente e o final foi com certeza o melhor. Isso se deve muito pelo mistério que envolve a propriedade Luccazone e ao perigo real que Brooke passa, rendendo boas cenas de ação e uma reviravolta inesperada quando tudo é finalmente esclarecido e o culpado conhecido.
Só fiquei me dúvida em relação a antiga gangue de Jett e de como as coisas ficaram entre eles. Mas não interferiu na ação e nem no final do enredo.
Pode não ter sido a melhor das trilogia que já li, mas a autora segurou bem o mistério e soube finalizar o enredo.

site: http://fabricadosconvites.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Naria 21/12/2016

Terceiro livro da serie, mas sem duvida foi o melhor, mais envolvente. Gostei muito. Jett novo crush literario
comentários(0)comente



Nathy 13/09/2016

Entrega – J.C. Reed – #Resenha
Sabe aquele livro que já imagina que não será uma boa leitura, mas ainda assim você lê porque tem esperança de que poderá ser bom? Foi exatamente isso que aconteceu comigo em relação a esse livro. Porém, se já tinha achado que os dois primeiros volumes não tinham sido bem trabalhados pela autora esse último foi ainda pior. Ela tentou juntar vários livros com temáticas diferentes em um único livro. Tornando a história confusa e sem nexo. Os personagens são contraditórios e se colocam na linha de risco em qualquer momento sem nem se importar. Tudo porque acreditam na força do amor deles. O final da trilogia acabou sendo muito mais fraco e as explicações foram muito vazias.

No último volume da trilogia Brooke e Jett estão vivendo o melhor momento de sua relação. Com um bebê a caminho não querem nada além do que ficar um ao lado do outro. No entanto, a ameaça que paira sobre a cabeça da Brooke não foi dissipada. Os membros do clube estão querendo tudo que tenha alguma ligação com eles e farão o que estiver em seu poder para conseguir. Até mesmo se isso significa joga Brooke aos lobos. Mas, assim como eles estão arriscando tudo para conseguirem o que desejam Jett fará o que estiver em seu poder para manter a mulher que ama e seu filho em segurança. Sem se importar com as consequências, mesmo que não sejam boas para o seu lado.

A narrativa continua sendo feita em primeira pessoa pela a Brooke, talvez por isso também não tenha gostado tanto do livro. Os pensamentos e comportamentos dela simplesmente me tiram do sério. Apenas em um capítulo a narrativa fica por conta do Jett. Teria sido melhor se todo o livro intercalasse com os dois. Ou então nem colocasse esse capítulo na visão do Jett porque não fez muita diferença para a história em si. O lado bom é que a leitura flui de uma maneira rápida, muito mais rápida do que os volumes anteriores.

É surpresa. Sempre é.

Estou para ver uma personagem mais contraditória. A Brooke se acha a pessoa mais corajosa de todas, mas no fundo toma as piores decisões. Fiquei com muita raiva dela. Pelo seu comportamento parece mais uma adolescente impulsiva. Eu acho que o momento em que me deu mais raiva foi quando afirmou ao Jett que sempre lutaria por eles e nunca desistiria, sendo que já tinha mostrado antes que por qualquer motivo estaria disposta a sair do seu lado. Uma personagem muito fraca que não tem força para lutar pelo homem que ama mesmo diante de todas as dificuldades. Sem contar que quando deve ficar quieta e esperar começa a fazer os piores planos. Não sei o que passa na mente dela, mesmo que relatasse tudo. Porque a cada parágrafo já mudava de ideia.

Continue lendo a resenha no link abaixo:

site: http://www.oblogdamari.com/2015/02/entrega-j-c-reed-resenha.html
comentários(0)comente



Schá 18/05/2016

Mediano
A história é diferente, sem traumas sexuais ou grandes traumas psicológicos, como em Crossfire ou Cinquenta Tons. Esperei terminar a trilogia para ter certeza sobre o que escrever, e ainda conseguir exprimir com clareza e de maneira justa, o que achei dos livros. No primeiro livro, Devoção, achei a forma da autora escrever, muito rápida, sem muitos detalhes. A impressão que me deu, é que ela tinha pressa em escrever o livro, meio atropelado. Nos outros dois livros isso foi mudando, mas nem tanto. Por exemplo, em várias cenas, os personagens estão em um lugar (previamente descrito) e daqui a pouco estão em outro. Me senti perdendo a conexão com os personagens e sua realidade. Resumindo, achei que não foi bem escrito. Tirando a pressa e essas conexões perdidas, o primeiro livro achei bom, o segundo livro teve o final mais marcante, que realmente me deixou ávida para iniciar o terceiro. Quando iniciei o terceiro, não via a hora de terminar. E quando terminei foi um alívio. Não consegui me “apaixonar” pelo Jett, mas gostei muito da Brooke. Ela parece com uma mulher comum, como qualquer uma de nós. Assim como o Jett parece um homem bem comum, nada de extraordinário.
O terceiro livro narra a trajetória final de Jett e Brooke, quando eles conhecem um pouco mais sobre os participantes do Clube. As reviravoltas são interessantes, porque não surpreendentes? A vida anterior de Jett, perigosa em uma gangue, volta a fazer parte do presente deles. Brooke embarca nessa nova vida junto com ele. Mas aí, mais uma vez, a confusão da escritora volta, pois por mais que ele diga que tem que voltar a gangue, ele deve isso a eles, e tem de fazer isso, eles ainda terminam um local totalmente diferente, de “férias”, e ele ainda usa a mansão de uma cliente para mais uma noite com Brooke. Enfim, contraditório, mas de certo modo bom. Vale a pena ler, para tirar suas próprias conclusões, afinal a contra capa do livro revela que o livro é um dos mais lidos no Brasil. Então por que não ler né?
comentários(0)comente



Nath 23/03/2016

Resenha do blog Pobre Leitora
No último livro da trilogia, Brooke passa por várias provações que a fazem tomar decisões dolorosas mas que são o melhor para para proteger a todos que ama. Uma inevitável separação é o que se enxerga em seu caminho, mas o amor de Brooke e Jett tende a ser mais forte. Em meio a incontáveis perigos, uma alta dose de adrenalina, pessoas perigosas e surpreendentes revelações, o amor vence tudo.

Finalmente o foco não é o sexo! Mas tem? Tem sim. Jett continua tendo o poder de fazer o canal vaginal de Brooke escorrer como um rio com apenas uma olhada. Ai ai. Não se pode vencer todas né? haha Esse livro foi incrivelmente melhor do que os outros. Teve uma ação beeeem maior, com direito a desespero e pessoas surgindo do passado. Teve corrida, teve gangue, teve o passado de Jett finalmente sendo revelado - aleluia, aaaaleluia - teve gente levantando do túmulo, te teve revelações, muitas revelações! Finalmente vamos descobrir quem está por trás do hediondo clube que cerca a vida de Jett e Brooke e algumas coisinhas mais.

Confesso que não esperava essa surpresa final, o culpado de tudo foi um personagem que nem por um minuto passou pela minha cabeça. Desconfiei que ele não era flor que se cheire sim, mas que era o grande vilão? Nunca. Minha visão de alguns outros personagens também mudaram bastante e pra melhor.
Talvez o desfecho tenha sido um pouco corrido - se dá bem na parte final do livro e enquanto eu lia só conseguia pensar que estavam acabando as páginas, muita coisa não tinha sido resolvida e eu ia xingar a autora até não querer mais - mas acho que foi feito da melhor maneira e deixou tudo muito bem esclarecido, não ficou nenhuma ponta solta.

A escrita da autora continuou a mesma dos outros livros, é bem rápida e fácil de ler, pecando um pouco, no MEU ponto de vista, nas descrições e pensamentos exagerados por parte da Brooke.
Quanto ao nosso casal, achei que alguns momentos de excitação por parte dos dois, principalmente da Brooke, foram descolados, um pouco inapropriados mas num livro desse gênero já é de se esperar. As cenas de sexo foram bem menos descritivas, o que eu acho até bom depois de 2 livros acontecendo a mesma coisa.

Enfim, foi um final muito bom pra uma trilogia que estava me deixando bem em dúvida, esse último volume fez compensar a leitura.

site: http://pobreleitora.blogspot.com.br/2015/09/resenha-entrega-j-c-reed.html
comentários(0)comente



29 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2