Luxúria

Luxúria Juliana Bizatto




Resenhas - Herança de Sombras


68 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5


@procura_se_umlivro 11/05/2020

. " Nem toda inoce?ncia sobrevive ao destino, mas todo segredo nasce com a promessa de um dia revelado." .

Diferente de outros livros sobre bruxas ele na?o te joga logo de cara em um mundo cheio de palavras complicadas e feitic?o extravagante, na?o, Luxu?ria te introduz na histo?ria de maneira leve e envolvente, como uma ma?e com filho rece?m-nascido. . .

Com boas doses de miste?rio Luxu?ria nos permite especular e teorizar o que esta? acontecendo e o que vai acontecer. . .

Tenho que dizer que me surpreendi com a leve abordagem ao relacionamento abusivo e as conseque?ncias e sequelas que eles nos deixa, obrigada @julianabizatto por na?o romantizar. .
" Na maioria das vezes, a escolha foi feita no momento em que voce? pensou nela. Entre o pensamento e a ac?a?o existe apenas um desgaste desnecessa?rio para aceita?-la." .
.
Um enredo bem construi?do e uma narrativa leve envolvente foi o que encontrei e acabei ficando com pena de termina?-lo, por que? 377 pa?gina na?o e? brincadeira mas quando a leitura e? boa esse nu?mero parece ta?o pouco. Venha conhecer Sam e rir dos seus momentos cliche? e S/N e amar sua fami?lia. Venha conhecer o Ben ou na?o ja? que o lindinho resumiu 356 pa?ginas em 21 Mas foi bom ouvir teu ponto de vista como tambe?m foi surpreendente encontra?-lo no pro?logo. .
Quotes: . . . . " Sempre ha? quem queira sair, como tambe?m quem quer ficar no mesmo lugar." . . . "- Por que voce? insiste em seguranc?a e raza?o? Na?o existe nada lo?gico em ser feliz, Sam." . . . . " Era por isso que eu queria queimar de verdade eu na?o podia ter me envolvido com uma deles,justamente com ela." . . . . "Na?o existem bruxas boas ou brancas, existem apenas bruxas que ainda na?o se tornaram ma?s." . . . . "Estava na hora de eu pagar minha dividida, tanto quanto Sam tinha de pagar pela dela. Samantha precisa morrer." . .
comentários(0)comente



Thais Caldeira 28/04/2020

Luxúria
Sinopse:Samantha cresceu nos luxos e tradições de sua família e, desde cedo, aprendeu a não fazer perguntas. Ela não precisa saber o que aconteceu ao seu pai, ou por que a Vozinha não permite que as garotas saiam em noite de lua cheia, ou ainda entender a razão pela qual nenhuma Hoffer jamais morou fora da ilha, quanto menos saiu da cidade de Tormento. Ela não precisa saber, apenas obedecer.
Porém a obediência se põe a prova quando Benjamin aparece em sua vida. Benjamin, com sua insistência, com seu charme e com sua tendência a aparecer sempre no momento em que ela mais precisa. De repente o certo parece errado, e o errado... irresistível!
Samantha e Tormento não sabem, mas as suas vidas jamais serão as mesmas.
"Nem toda inocência sobrevive ao destino, mas todo segredo nasce com a promessa de um dia ser revelado."
Um pouco sobre a história:Samantha vive em uma ilha com as primas, irmã, tias e avó. Estranhamente na ilha moram apenas as mulheres da família, uma família extremamente rica, a Samantha, como toda boa protagonista, é toda errada. Desajeitada, desastrada, vive caindo por aí e certamente não é a que mais se destaca da família Hoffer, mas ainda assim, é uma Hoffer e, em Tormento, isso quer dizer que você pertence a uma família elitizada, com grande prestigio social. Não que ela não seja tão perfeitamente linda, loira e gostosa, como as demais, mas de todas, é a mais apagadinha, como aquela estrela que brilha menos dentro de uma constelação.
Ainda que a história da família seja rodeada de segredos e estranhos acontecimentos, como o fato de não terem mais homens pertencentes a essa família, Samantha aprendeu a ser obediente e nunca questionar seu passado mais do que sua mãe, tias ou avó pudessem lhe falar.
Acontece que Samantha namora Martim desde sempre mas parece que se entregar a ele a fez perceber que talvez o garoto não fosse tudo o que ela imaginava, no meio desse vendaval de sentimentos chega na cidade Benjamim, um garoto ranzinza, que vive testando a paciência de Samantha. O que Sam não imaginava, é que a chegada de uma nova família na cidade mudaria completamente sua vida.
Primeiras impressões:
Luxúria é o primeiro livro da Série Herança de Sombras.
Nas primeiras cenas percebi que Samantha tinha uma semelhança incrível comigo mesma, sobre sempre cair por aí. Não que eu seja tão desastrada assim!
De qualquer forma, Samantha sempre foi uma menina obediente, sempre se importou com sua família e nunca ligou por ficar à sombra da irmã ou das primas mais velhas e mais bonitas ou mais interessantes do que ela. É legal perceber logo no começo do livro que a personagem tem esse jeito diferente de se manter, aceitando tudo que a vida lhe dá com sinceros agradecimentos porque sempre me faz enxergar aquele potencial, meticulosamente calculado ao longo do crescimento pessoal da personagem.
Martim não me convenceu como realeza desde o começo, não por ser todo envolvido na política, ou talvez até por isso já que o mundo está abraçando tanto essa fase de corrupção. Mas acho que Martim é típico almofadinha, mimado, filhinho de papai que vai dar trabalho, ou receber trabalho até demais da conta quando pessoas mais interessantes aparecem.
Impressões finais:Perdi as contas de quantas vezes quis gritar, chutar tudo e proteger a Samantha. As Hoffer todas são potencialmente inofensivas, no começo pensei que terminaria com uma leitura dura e chocante sobre uma personagem que se sente ameaçada e inferir até a sua própria família, mas o que enxerguei foi uma amizade maravilhosa se expandir entre as Hoffers, todas perfeitamente unidas, em sintonia, como uma simbiose em que uma parte precisa da outra para sobreviver.
A Mô, provavelmente é a minha preferida das meninas, tagarela, engraçadinha e melhor amiga da Samantha que tem a pior função na vida. Porque sim, sempre a melhor amiga é aquela que tem o dever de ferir com a verdade e a Mô faz coisas tão inimagináveis pela Samantha que realmente senti vontade de ter alguém assim pra mim.
E por fim, somente perto do final que a magia realmente aconteceu? Claro que não. Passei o livro todo lendo e vendo magia sem saber que ela realmente estava ali. Isso me tocou na alma. Juliana conseguiu me transportar para dentro do mundo das sombras de Tormenta e eu ne percebi que estava lá. Problema da vida: Não consigo mais sair e já engoli Apocalipse (segundo livro da saga das sombras) mas, como pessoa boa que sou, vou demorar um pouco mais para postar a resenha e deixar vocês curiosos acompanhando as outras resenhas também. Hehe
Por fim, posso dizer que Luxúria é aquele livro que me conquistou. Eu falei isso uma vez para Juliana e não me importo em dizer publicamente que é o melhor livro nacional que eu já li até hoje. A trama é deliciosamente bem elaborada, a riqueza de detalhes te coloca exatamente onde você quer se imaginar estar durante a leitura e todos os acontecimentos me prenderam de tal maneira que me senti uma própria Hoffer (já que a maioria das mulheres quer ser uma Hoffer, porque se eu fosse um homem, como todos os outros, ia desejar possuir uma). No fim das contas o que me pareceu ser um romance bem construído desembocou numa série de aventuras instigantes com mistérios e segredos que me fizeram ficar de queixo caído mais do que uma vez.
E só para não deixar passar em branco, eu me apaixono por livros que trazem um epílogo bem construído com uma visão diferente sobre a trama, quis chorar e bater no benjamim uma porção de vezes.
Sobre o autor:Nascida e criada em Jaraguá do Sul, Santa Catarina. Formou-se médica em 2010 pela Universidade da Região de Joinville e no programa de residência médica de ginecologia e obstetrícia na Maternidade Darcy Vargas em 2017. Apesar de que o apetite pela literatura tenha vindo cedo na forma de leitura, a escrita veio apenas mais tarde, sendo Herança de Sombras a primeira obra publicada aos seus 30 anos. Mãe do adorável Bernardo, reside atualmente entre Jaraguá do Sul e Tormento.


site: www.descajadaminhanuvem.com
comentários(0)comente



Giovana | Blog Dei um Jeito 16/08/2016

Prepare-se para ser "atormentado"!
Samantha não está se sentindo mais tão a vontade em seu relacionamento de longa data com Martin, a chama não é mais a mesma e a postura dele no relacionamento mostra ser um tanto abusiva, ele reclama das festas, do modo de se vestir da Sam e por aí vai.

A família Hoffer é bem popular em Tormento, seja por conta dos empreendimentos na região, a beleza das mulheres da família ou a presença impactante delas em festas, as primas Hoffer dessa geração mantém a fama com glória, sendo que a minha favorita é a escandalosa da Sy, mas as Sam, Mô, Luci, Babi, Regi também não ficam para trás!

A chegada dos irmãos Tami e Benjamin em Tormento deixam a vida das Hoffer mais interessante, pois é uma amiga para a irmandade das primas e o Ben vira alvo delas, sendo que ele sempre está inconvenientemente perto da Sam, que tem o dom de se atrapalhar de salto bem acima da média. Nesse núcleo que vamos conhecendo a vida em clima paradisíaco e umas pitadas no enredo que vão levando a uns questionamentos do que está acontecendo na cidade.

Samantha é a ovelha negra das Hoffer no estilo de vida, gosta muito de ler e de surfar, por conta desse hobby ela tem vários amigos homens, a relação com eles que também se tornaram amigos das outras Hoffer é muito gostosa de se ler, pois ela é a patroa da água e é chamada de Sereia por eles, já no quesito interesses amoroso ela não é muito sortuda, Martin não é um carinha legal e Ben não tem das melhores abordagens, ao menos ele tem seus pontos positivos, mas mesmo com caras assim a Sam sempre consegue jogar a real do que sente e pensa.

Os diálogos dos personagens estão entre os mais reais e gente como a gente que já li, as cutucadas das primas e os momentos de escândalo são muito o reflexo de qualquer conversa entre melhores amigas, os caras do surf também tem seus momentos dignos.

O clima da história é bem gostoso, que só no início é mais devagarzinho, mas depois pega um ritmo bom, a união das Hoffer deixa a história em um clima sempre para cima. As respostas mais concretas do livro só chegam no fim (e que respostas, diga-se de passagem), sendo que durante a história você só tem umas pistas jogadas aqui e ali para você criar as teorias, essa jogada foi algo bem sacana, pois me deixou com uma baita curiosidade para a continuação, que deve ter mais elementos obscuros e uma reviravolta no modo de viver das meninas.

site: http://deiumjeito.blogspot.com.br/2016/08/livros-luxuria-heranca-de-sombras.html
Juliana 27/09/2016minha estante
Gio, pode apostar que lá vem reviravolta sim Kkkkk, e de fato o livro demora para pegar ritmo, mas no segundo te prometo que vc não vai nem respirar kkkk




Eliza 21/08/2016

Luxúria - Resenha
Título: Luxúria - Herança de Sombras, vol. I
Autora: Juliana Bizatto (@julianabizatto)
País: Brasil
Páginas: 375
Onde comprar: Pelo site www.herancadesombras.com e a Juliana estará na bienal no dia 2/09 no estande da Ler Editorial.

*************************************************************************

Uma palavra para esse livro: Surpreendente! E acho que a concordância é unânime entre todos que leram.

As mulheres Hoffer (que incluem as 6 jovens adolescentes, com suas respectivas mães e a Vozinha) vivem isoladas em uma ilha no estado de Santa Catarina. Lindas, loiras, ricas e com uma profunda conexão umas com as outras, elas seguem vivendo em sua soberania por toda a região.

A história se foca em uma Hoffer em particular: Samantha. Parte do grupo familiar, mas diferente de algum modo, ela vê seu mundo mudar quando uma nova família chega a cidade e com ela vem Benjamin, um garoto que mexe profundamente com sua mente e principalmente, seu coração.

Mas, alguns mistérios começam a rondar a vida de Sam e de sua família, assim como diversos segredos envolvendo Benjamin e sua chegada a Tormento.

A narrativa é bem jovial, apresentando uma protagonista determinada, pé no chão, sem superficialidades nem frescuras. As outras Hoffer tem cada uma sua personalidade única, e o convívio entre elas é divertidíssimo.

A ação e o aparecimento do sobrenatural demoraram um pouco pra aparecer, mas chegando no final toda a espera vale a pena! E QUE FINAL, to em choque até agora!

Pensei em diversas teorias, mas nenhuma me preparou para o que encontrei! Muitas perguntas foram respondidas, mas outras tantas foram levantadas e tenho mais uma a fazer: Cadê o volume 2?

Você que gosta de um bom mistério sombrio e revelações espetaculares, reserve Luxúria na sua lista sem demora :D
Recomendado!
Juliana 27/09/2016minha estante
Beth! Demora um pouquinho mesmo para aparecer o sobrenatural, mas não baté em mim quando eu te disser que isso foi duramente premeditado Kkkkk, luxuria é uma introdução, são tantos personagens, tantos segredos e regras que eu precisei de 400 páginas só pra começar a história Kkkkk fico muito feliz que vc tenha gostado! ????




Mirela Ugioni 27/08/2016

<3
Primeiro de tudo, senta que lá vem resenha, porque meu Deus, que livro é esse?
Hoje eu trago para vocês algo muito especial, vamos falar sobre o Livro Luxúria – Livro Um – Herança das Sombras, que foi escrito pela querida Juliana Bizatto e tem 400 páginas.
Samantha uma jovem de 16 anos, mora em Tormento(Cidade Fictícia), que fica no sul do Brasil, no Rio Grande do Sul. Sam cresceu cercada pelos luxos de sua família, com 6 primas, suas tias, mãe, irmã e Vózinha, que é sua tia-avó, elas moram em uma ilha particular sem a presença de homens, porém não se enganem, a ilha sempre foi rodeada de seguranças. O primeiro mistério do livro é esse, ela e suas primas perderam os pais ainda quando crianças. O pai de Sam desapareceu, misteriosamente, deixando para ela a paixão pelos livros e algumas lembranças. Sam vive uma boa vida ao lado de suas primas, regada a festas e diversão, porém com muitas regras. Elas não saem da ilha em noite de lua cheia, nunca devem ficar sozinhas por muito tempo, as primas devem sempre estar próximas uma das outras, e sempre obedecer a Vózinha. Todas as regras não causavam curiosidade, pois desde cedo elas aprenderam a não perguntar muito, já que nunca tinham respostas mesmo. Sam tem um namorado chamado Martin, que é super possessivo e controlador, mas eles namoram há anos e Sam acha que é certo ficar com ele, apesar de estar confusa com relação á isso. Quando Benjamin, um garoto super lindo, charmoso, e insistente chega a cidade, essa confusão só tende a aumentar, tanto emocionalmente, como na guinada que a história dá.
Sobre a revelação de Sam eu já imaginava, mas sobre a história de Benjamin, minha nossa senhora contadora de histórias, me acode que eu ainda não consigo respirar. Eu tenho várias especulações sobre desfecho dessa história, várias mesmo, até porque aquele capítulo final não me enganou, eu acho. Não gostei do Martin desde o início da história, e não deu outra, é interessante mostrar para o leitor esse lado obsessivo no relacionamento.
Sam também é surfista, e tem um melhor amigo, o Tui, que me encantou. O livro também trata de assuntos delicados na adolescência, além de toda a mudança e medos, ele também mostra as relações com os pais, amizades, relacionamento, a busca por si mesmo, luto, sentimentos, entre outros.
Um dos pontos que me encantou no livro, foi de a história se passar aqui no Sul, apesar de eu ser de SC, o jeito de falar é muito familiar, em alguns pontos as meninas passam por cidades que eu conheço muito bem, e o mais legal de tudo foi ter Chimarruts (Banda de Reggae do RS, mas muito conhecida aqui em SC) citado em um dos trechos. Mudando de gênero musical, eu sou viciada em música eletrônica, e as festas das meninas eram regadas as batidas das mesmas.
Juliana 27/09/2016minha estante
Mi! Sua linda! Aposto que essa nossa parecria vai durar muito tempo! Poucas pessoas simpatizar am. Com o Tui da forma que vc o fez, e fico feliz, pois ele é um personagem muito especial, que terá um espaço importante no livro 2! Eu queria realmente fazer um livro que mostrasse o nosso sul, e agora algumas pessoas podem conhece-lo dessa forma intimista que a nossa! ???




Resenhando Parágrafos 18/03/2020

Resenha by Resenhando Parágrafos
No primeiro livro, conhecemos as Hoffer: uma família composta por apenas mulheres, elas vivem em uma ilha privada no sul do Brasil. Sam é irmã de Babi, que são primas de Luci, Regi, Sy e Mô. Ambas são muito unidas e juntas, vão à praia, festas e estudam na escola de Tormento, a cidade em que fazem todas essas coisas. Sam é apaixonada por surfar e possui uma conexão especial com o mar. A Vozinha é a chefe da família, liberal, ela só impõe três regras para as meninas:
(1) nada de andar por aí sozinha, (2) não é permitido sair em noite de lua cheia e
(3) não sair da ilha aos domingos.
Tudo corria normalmente pela cidade de Tor até que Sam avista um carro desconhecido que mais tarde, descobre ser de Benjamin, o garoto novo da cidade que veio com seu pai e Tamisa, sua irmã. Os irmãos são bem vagos quando o assunto é falar sobre a família e a vida antes de Tormento.

Luxúria é o primeiro de uma série de nove livros, sendo que três já foram publicados. Nesta história nós conhecemos mais sobre as Hoffer, é lindo de se ver a relação que têm entre si, sempre tão unidas. Também somos apresentados a muitos mistérios que serão desenvolvidos nos próximos volumes: por que não há homens na família? Qual o motivo para as regras da vozinha? Benjamin está escondendo alguma coisa

A leitura é bem fluida, em questão de horas eu já tinha lido mais de 50% e a história só melhora. É muito divertido ir encaminhando com o enredo enquanto se percebe sinais de que tem algo há mais rolando, são sutis mas bem perceptíveis.

Sam é uma ótima protagonista e sua família é a melhor parte do livro. Benjamin é misterioso, cada hora está agindo de um jeito e você se pega com uma baita curiosidade de saber sobre o seu passado.

O final do livro deixa uma ponta perfeita para Apocalipse, o segundo volume da série Herança de Sombras e o epílogo contado pelo ponto de vista do bem te faz querer roer as unhas de ansiedade.
comentários(0)comente



Man 29/07/2020

Fraco demais. Achei que a autora ambientou demais, a estoria continha muitos detalhes, muitas divagações desnecessárias e por muitas vezes você não fazia ideia do que estava acontecendo. Até chegar no epílogo que esclareceu tudo e até ficou emocionante, mas daí eu precisar ler 400 páginas para no final gostar é tempo demais perdido.
Talvez seja eu que não tenho a idade correta para essa leitura ou talvez eu tenha lido muitos livros excepcionais que fizeram não me a agradar desse.
comentários(0)comente



Maria @ascronicasdemaria 22/07/2016

Incrívelmente surpreendente!
Sabe quando você inicia uma leitura e imagina que sabe como vai ser o enredo? E mais, quando você acredita nesta ilusão? Pois é. Eu achei que o final desta história seria do tipo "um final com um simples gancho para o segundo livro"! Quebrei a cara bonito. Juliana Bizatto consegue colocar, literalmente sua alma neste livro (mesmo não conhecendo tão bem a autora), pude notar a essência da mesma nesta história eletrizante.
Uma história que envolve romance, aventura, mistério... E um final que vou te contar. Até agora não consigo acreditar que terminei o livro, porque eu estou com uma "sede" imensa pelo segundo. #todospelosegundolivro.
Juliana 27/09/2016minha estante
#todospelosegundolivro! ! ????
Esta em fase de produção ?????




Fê @nanndaffer 01/09/2016

Que livro sensacional!! (Segunda resenha)
Samantha Hoffer está acostumada com sua vida em Tormento. Um namorado legal, ainda que um pouco desinteressante, uma família inteira de mulheres fortes, lindas e loiras e uma casa confortável na ilha. Nada poderia ser melhor que isso.

Samantha aprendeu desde cedo a não fazer perguntas e respeitar e obedecer sempre a Vozinha.
Entretanto, tudo que ela sempre quis saber e por que nenhuma de suas primas tinha pai, assim como ela; ou porquê todas deveriam estar juntas em noites de lua cheia; ou o por que de nunca saírem de Tormento.

As dúvidas que Samantha carregam consigo aumentam mais quando conhece Benjamin. Misterioso e lindo, ele é tudo que ela não deseja querer. Mas ela quer.

Quanto mais conhece Benjamin, mais indecifrável ele parece ser. Ele aparece sempre que ela precisa, e parece a conhecer mais do que ela mesma.

Benjamin é um enigma, e Samantha quer desvendá-lo. Ainda que no final ela se machuque com as resposta que encontrar.

Amo esse livro e já estou lendo o segundo! Vocês não vão se arrepender de ler!

Ah! E pra quem já leu, amanhã tem lançamento virtual no facebook de Apocalipse, o segundo da série. Não Percam!

site: Instagram.com/a_garotadalivraria
Juliana 27/09/2016minha estante
Fer, saber que meu livro causou tantas emoções em você me deixo incrivelmente feliz! A Sam realmente não foi criada para ser uma personagem do estilo donzela, ainda que no listo 1 ela possui suas fragilidades, nos próximos livros poderemos ver o quanto ela vai crescer! E sobre a revelação, cada livro trará segredos cada vez mais supreendentes! ????




Anne 16/10/2016

Luxúria - Herança de Sombras
A história gira em torno de Samantha Hoffer (Sam) e sua família - composta apenas por mulheres - que reside em uma ilha particular denominada Hoffer, costeando em Tormento - também conhecida como Tor -, uma cidade praieira, cercada pelo oceano e localizada no Estado do Rio Grande do Sul que possuí um clima bastante frio e muito vento.
Sam é rodeada por sua irmã mais nova e suas primas, na qual vão sempre juntas à escola, causando lá bastante desejo e inveja nas garotas que sonham em ser uma Hoffer. Ah, e claro, deixando os garotos a deseja-las. Samantha é comprometida com um dos mauricinhos da escola, Martin que após viajar com sua família – que tem grande influência no ramo da politica -, procura por sua namorada para que a mesma possa satisfazê-lo, tratando-a como um objeto sexual. E é após este ocorrido que Sam vê o quão ruim estava seu relacionamento com o mauricinho.
A chegada de Benjamin e sua irmã Tami – que logo simpatiza facilmente com as Hoffer enquanto outras garotas estão há um bom tempo tentando entrar no grupo e o máximo que conseguiram, foram sentar-se próxima a mesa das Hoffer – também contribui para o fim do relacionamento entre Sam e Martin. No começo, Ben e Sam não se davam bem, sempre alfinetando um ao outro com palavras, embora a garota sentisse uma certa atração pelo novato. E de repente, toda aquela rotina na qual Samantha estava acostumada, se torna errado. E o errado se torna irresistível.

Quando você vai comprar um livro, mesmo que não queira, você acaba julgando o livro pela capa e a capa de Luxúria é tão bem trabalhada e chamativa. Foi amor a primeira vista, haha

site: http://iivrandoporai.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Juh 24/03/2020

Bem vindos a Tormento!
Em Luxúria conhecermos as Hoffers, sendo uma família composta por nada mais nada menos que 10 mulheres, elas são consideradas praticamente celebridades na pequena cidade de Tormento, localizada no Rio Grande do Sul. Elas moram em uma ilha distante do continente , então, sempre que estão nele buscam aproveitar ao máximo os amigos, as festas, a praia...

As Hoffers são mulheres muito belas e poderosas, além de possuírem muito dinheiro o que contribui para terem tudo o que querem.

O livro se passa pela visão da nossa querida Samantha Hoffer, com seu jeito estabanado e maravilhoso de ser. Ela é diferente de suas primas, não somente quando consideramos as belezas mas também sua personalidade e as coisas com o que gosta.
Sam ama o surf e se pudesse passaria uma vida dentro d'água; ela namora o Martim, que é filho de um político. No começo do relacionamento tudo parecia ir muito bem entre os dois contudo agora parece que essa relação vai de mal a pior, ainda mais com a chegada de Benjamin, um paulista chato e enxerido que mexe com Sam de um jeito que nem ela sabe como explicar.

Uma história repleta de mistérios, segredos e sentimentos, você ri, chora, passa raiva e odeia alguns personagens mas tudo o que você deseja com o final do livro é: LER MAIS!!

A Juliana tem uma escrita incrível, super fluida e leve. Durante a história ela te faz questionar cada mistério dessa família e parece que quanto mais descobrimos mais há a ser descoberto!

É um livro incrível para que gosta de livros de fantasia, romance e Young Adult. Sério vocês vão amar!!
comentários(0)comente



13/10/2016

Realmente um luxo!
Narrado em primeira pessoa por Sam, Luxúria contará a história das Hoffer que dentre suas curiosidades é formada apenas por mulheres. As Hoffer, como são conhecidas por todos, moram em uma ilha particular nos arredores de uma pequena cidade no Rio Grande do Sul chamada Tormento. Nela possuem uma grande fama, tudo que fazem é notícia, graças a história de moradia dos Hoffer na cidade, suas riquezas além do charme e as características provocativas que são marcas da família, como cabelos loiros, olhos claros, alta estatura e curvas volumosas, exceto Sam.

Apesar de ser uma legítima Hoffer, Sam apresenta algumas diferenças em relação as suas primas e irmã: ser mais baixa que as demais, ter olhos escuros, não se preocupar tanto com roupas, além de ser apaixonada pelo mar e surf que é compartilhada com o seu melhor amigo Tui, como também o seu amor pelos livros que dividia com o seu pai já falecido. Mesmo com personalidades diferentes, as meninas eram muito unidas, indo e fazendo tudo juntas, protegendo uma a outra como o livro relata bem, sendo essa uma regra estabelecida por vozinha.

No primeiro dia de aula depois das férias, Sam não tinha o mesmo entusiasmo que suas primas e irmã. Nem mesmo reencontrar Martin, seu namorado de longa data, a deixava ansiosa pois ficará distante dele por um mês nas férias e já não sabia se amava-o mais. Porém, todas as atenções, de Sam e das meninas, voltaram-se aos novos alunos da escola: Tami e Ben que haviam acabado de se mudar para a cidade com o pai. Os novatos logo se encaixaram no grupo de amizade das Hoffer e Ben, bom, ele chamou a atenção logo de cara. Com olhos claros, cabelos loiros e porte atlético, Ben conquistou o coração das primas de Sam e da própria que logo de imediato sentiu um forte atração misturado com um receio inexplicával causando até certas briguinhas entre eles (E muito clima!).
Uma história de amor nada comum, o livro traz uma trama cheia de magia, segredos guardados a sete chaves que levam o leitor a loucura. Ficou curioso (a) para saber o final da história? Então terá que comprar o livro!! Seria muito chato se eu contasse tudo aqui para vocês, não é verdade?

Com uma escrita instigante, a autora consegue não apenas descrever lindamente os fatos e os lugares bem como a personalidade de cada personagem, aproximando quem lê o livro daquele que o protagoniza. Além de nos transportar para uma viagem divertida e eletrizante até Tormento (É sensacional!).

A trama é cheia de surpresas e muito criativa, nos proporcionando horas de prazer com essa leitura e uma baita ressaca literária com o final surpreendente (Sério, como assim o livro termina desse jeito?).

Li o livro em ebook no meu celular, e posso lhes garantir que a escrita da autora é leve e dinâmica. Você conseguirá ler por horas a fio e nem notará, até porque será difícil de larga-lo. (Finalizei o livro em 2 dias)

Quero agradecer a Jú pela oportunidade e parabenizar novamente por esse livro maravilhoso (Ansiosa pelo livro 2). E, também indicar esse livro que tenho certeza que vocês vão gostar.

site: http://blogfalaca.wixsite.com/falaca
comentários(0)comente



Babih (@nurseliteraria) 05/04/2017

Resenhado do insta @capadura_coracaomole
Luxúria é o primeiro livro da série Herança das Sombras. Nesse primeiro livro vamos conhecer Samantha Hoffer uma garota comum, cujo passado esconde um grande segredo, que mudará tudo na sua vida. Tais segredos poderão unir ou separar sua família.

Sam é indepente, tem língua afiada. Diferente da suas primas e irmã, ela não se importa muito com sua aparência, tudo que importa é sua prancha e o mar. Sam nunca conheceu o amor de verdade, mas a chegada de Ben à ilha mudará isso. .

Benjamin é novo na cidade. Um cara reservado e que esconde vários segredos. Sua missão é: se aproximar das Hoffers e descobrir seus segredos. Entretanto, não contava que uma delas fosse tirar seu chão. E agora ele terá que escolher: Sam ou seu verdadeiro eu.

Quando comecei a leitura, me encantou logo de cara a descrição e o regionalismo empregado no livro, fazendo você se sentir parte da história. Os personagens são bem construídos, com personalidades reais e que faz você se indentificar logo de cara com uma das Hoffers. Sou bem Samantha, apesar de ter uma personagem com meu nome.(Ju me ama tanto, que me colocou no livro. Kkkk) .
.
A leitura começa lenta, porém logo ganha ação e te vicia nela, pior que café - o que eu tomei bastante para ficar acordada- essa com certeza foi uns das melhores leituras do ano passado. Ju está de parabéns e ainda não me recuperei daquele final. Trate de lançar o segundo logo.

site: https://www.instagram.com/capadura_coracaomole/
comentários(0)comente



mlaurapessoa 26/10/2018

Sem palavras...
Luxúria, primeiro volume da serie Herança de Sombras, nos apresenta ao começo de uma história Misteriosa, Apaixonante e principalmente: Viciante.
A história se passa em Tomento, uma cidade situada na região Sul do Brasil, e tem como personagem principal e narradora à Samantha, e sua família: As Hoffers.
As garotas Hoffers são como celebridades naquele local, desejadas pelos garotos e invejadas pelas garotas. Toda a família é composta por loiras, magras e altas - com exceção de Samantha, que é a baixinha da turma.
Elas vivem em uma ilha particular, onde ninguém pode entrar sem ser autorizado, e é claro: Só vivem mulheres. (Imaginem se por ventura aparece uma barata por lá?!)
Ser uma Hoffer é quase como ser uma marca, um padrão de qualidade.
Logo nos primeiros capítulos a história fica marcada pela chegada de uma família na cidade, que foram intitulados de ‘forasteiros’. Benjamim e Tamisa são irmãos e filhos de Marcus, a qual veio para Tormento á trabalho. Por ser uma cidade pequena, as Hoffers logo ficam sabendo dos recém chagados, e –mas precisamente Sy e Regi- decidem gravar uma batalha para fisgarem o Benjamim, que por sua vez acaba mexendo – de proposito – com o coraçãozinho de Sam.
Samantha Hoffer, diferente da sua irmã caçula e das primas, não tem jeito para maquiagem, roupas nem sapatos. Ela definitivamente não nasceu com a mentalidade que toda sua geração tem sobre beleza... E de verdade, ela não liga pra isso; Sua grande paixão é o Surf, a qual pratica muito bem.
Irritante, intrometido e apaixonante são palavras simples demais para descrever o Benjamim. Ao longo do tempo a química entre os dois crescem ainda mais, e junto com isso, coisas diferentes começam a acontecer em Tor. Terremotos, mortes, a casa de seus pais em chamas e a morte de uma pessoa querida da família. Sam tem conciência das coisas sobrenaturais que correm ao seu redor, e seu subconsciente a alerta que algo em Benjamim e perigoso.
A todo tempo aparecem bordões na narrativa da Samantha, como “Aí minhas estrelinhas” ou as Borboletas enxeridas que sempre aparecem de jeitos hilários, principalmente quando Ben está por perto. Prefiro nem comentar sobre o Martin, só quero deseja-lo uma coisa: Morra! (bem direto, não? kkk)
E com todas as coisas que vão acontecer nesse romance místico e intenso, apenas a vozinha para acalmar os ânimos com seus chás e ervas.
Lúxuria tem uma história diferente de todas que já li: 6 garotas morando sozinha com suas mães em uma ilha particular com os cuidados de Vozinha, a matriarca da família. Confeço que no inicio do livro achei a leitura meia parada, mas com a chegada de Benjamim as coisas deram uma apimentada e não conseguia mais parar de ler! Lúxuria, assim como Apocalipse (sim, já íniciel o vol.2) têm uma escrita maravilhosa, fluida e viciante.
O enredo foi muito bem construido, cheio de informações soltas que nos passam despercebidos, reaparecendo no final como uma bomba! E aí a gente pensa: Como eu não percebi isso?? MEU DEUS! Por fim, quero dizer que essa série entrou na minha lista de Favoritados do ano, e super indico para todos os fãns de uma boa fantasia e romance.

site: http://literaryheartt.blogspot.com/2017/10/resenha-luxuria-heranca-de-sombras-1.html
comentários(0)comente



68 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5