Quem Controla a Escola Governa o Mundo

Quem Controla a Escola Governa o Mundo Gary DeMar




Resenhas - Quem controla as escolas governa o mundo


8 encontrados | exibindo 1 a 8


Luiz Miguel 25/08/2015

A Verdade por trás do Ensino Público
Um livro muito bom e esclarecedor sobre um tema tão importante e, ao mesmo tempo, tão desconhecido dos cristãos brasileiros. Apesar de ter como pano de fundo a educação nos Estados Unidos, os princípios por trás são, visivelmente, os mesmos e, com isso, nos ajuda a entender as motivações humanistas, ateístas, imorais e demoníacas dos governos e autoridades, especialmente de linha marxista, na suposta educação de nossos filhos.
Infelizmente, o contexto do autor é muito diferente do nosso, as leis dos EUA e Brasil possuem pouquíssima semelhança e, com isso, algumas das soluções apresentadas não são viáveis para nós, como o "homescholling" por exemplo (mesmo que existam alguns raros casos no Brasil, mas que só vão adiante com muita luta) e o total boicote dos cristãos para com o ensino público e, além disso, parece que nos EUA é mais fácil, mais barato e menos burocrático abrir uma escola cristã.
Por outro lado, a ideia de que as igrejas deveriam investir mais em escolas cristãs e na educação das crianças é muito boa e poderia ser uma realidade no Brasil se as igrejas, os pastores e líderes, bem como os cristãos, mudassem um pouco o pensamento sobre o assunto e enxergassem a urgente necessidade de um ensino fundamentado nas sagradas Escrituras e no evangelho de Jesus Cristo.
Gostei muito do livro, porém, dentro do assunto, ainda prefiro e recomendo o livro de Solano Portela: "O Que Estão Ensinando aos Nossos Filhos", publicado pela editora FIEL, por ser mais completo e mais próximo de nós, mais dentro da realidade e cultura brasileira.
Cada capítulo é bem esclarecedor e vale a pena ser lido com atenção, com muito pano de fundo histórico, citações relevantes e discussões inteligentes, porém creio que faltou uma conclusão mais prática, apesar de que a história final sobre os dois ônibus ser excelente e muito reflexiva. Estou perplexo até agora ao pensar nela.
Um ótimo livro da editora Monergismo, recomendo a todos que se importam com a educação de seus filhos e não só com isso, mas com suas vidas e suas almas. O que está por trás do ensino público é podridão, muita podridão. Só o Senhor Jesus para ter misericórdia de nossas crianças.
Vanderley Batista 26/02/2016minha estante
Ótima resenha!


Ronaldo.Refundini 08/08/2017minha estante
Olá, estou divulgando meu segundo livro "Auschwitz como parâmetro de Amor", numa reflexão profunda a respeito do sentido do ser humano além das aparências, o livro indaga a possibilidade do amor incondicional, trazendo a ideia de que todas as pessoas são semelhantes sob a perspectiva de uma análise ontológica, a assimetria entre o verdadeiro e o falso, perdão, a eternidade pela razão, etc. A obra será lançada na Bienal do RJ, porém já estamos fazendo pedido pelos whatsapp 44 99721 0404




Matheus 24/05/2020

Apesar de algumas boas discussões, pouco aprofundamento. O tema gera uma expectativa que não se cumpre ao longo da leitura.
comentários(0)comente



Diógenes 22/04/2020

Você precisa ler
Um dos melhores livros que li na vida. Protestantes, católicos e ateus irão encontrar questionamentos muito relevantes sobre os conceitos utilizados na educação e como isso influencia as gerações futuras.
comentários(0)comente



Paula.Morais 02/07/2020

Leitura essencial! Um choque de realidade sobre nosso sistema educacional, sobre nossa negligência como cristãos em áreas como a política, cultura e entretenimento. Não se engane, não há neutralidade.
comentários(0)comente



Manços 05/01/2020

Decepcionanete
Esperava um livro histórico e analítico, que mostrasse como o ensino formal influenciou, ao longo do tempo, as transformações sociais ocorridas.
Encontrei um livro meramente opinativo e de uma opinião muitas vezes com uma base frágil (ao dizer, por exemplo, que o marxismo criou o estado laico) e de aplicações no mínimo questionáveis (por gerar uma Igreja totalmente afastada da sociedade, algo já contrariado desde a Reforma Protestante).
comentários(0)comente



Niltom.Mota 29/11/2021

Exclarecedor
A palavra que define esse livro é sem duvidas "exclarecedor". Ele abre a nossa mente com relação as verdadeiras intenções do estado com a escola e a educação das crianças, e nos mostra que esse fato já está presente na vida acadêmica de longa data. O livro tem uma linguagem de fácil compreensão, portanto pode ser lido por jovens e adultos, por isso o leitor deve lê-lo e indicá-lo para seus parentes e amigos. Boa leitura!
comentários(0)comente



Nathalia 21/03/2021

Quem controla a escola...
Em "Quem controla a escola governa o mundo" Gary Demar busca acabar com o mito da neutralidade na educação, principalmente no meio cristão. Um de seus argumentos é que os humanistas transforam a educação em um deus que eles mesmo controlam agora; além disso, o autor faz constantemente um apelo ao leitor para que decida o sistema educacional dos filhos cristãos.
O autor faz uma contextualização histórica interessantíssima da busca pelo controle educacional durante o nazismo e em outras cosmovisões. Sempre frisando a importância da cosmovisão cristã. Também aborda as armadilhas do pluralismo e alguns mitos sobre o evolucionismo, discorrendo sobre a relação do homem com a natureza e a moral.
Apesar de focar bastante no contexto americano, o livro atendeu minhas expectativas quanto a abordagem das filosofias educacionais. Com certeza farei uma releitura!
comentários(0)comente



shertan 22/09/2021

MINGING BLOWING
sério. esse livro me abriu os olhosnpara TANTA COISA. meu deus!!! me livrou de muitos perrengues ma universidade. me ajudou a pensar melhor e ter mais desejo de estudar sobre a educação.
comentários(0)comente



8 encontrados | exibindo 1 a 8


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR