O Desafio

O Desafio Rachel Van Dyken




Resenhas - O Desafio


61 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5


Caro 02/04/2015

Gostei bastante....
Apesar de achar a vovó Nadine meio exagerada demais!
Jake de todas as besteiras que fez, enfim se redimiu!
Até que me conquistou :P
Flávia 02/04/2015minha estante
Quero ler!


Caro 06/04/2015minha estante
Flavinha Leia! Pelo menos as risadas são garantidas!




Josi.Novais 01/02/2017

Péssimo
O livro dois “O Desafio” é ruim mesmo e sem salvação. Vamos lá veja bem, a mocinha desse livro é a melhor amiga da mocinha do livro um, e o outro protagonista é o irmão do mocinho do livro um (confuso?). No livro anterior descobrimos que Kacey é apaixonada por Jake e ele por ela desde de criança. Eles namoraram na adolescência e quando foram para a faculdade o Jake a tratou como lixo e sua melhor amiga foi que a ajudou sair mais ou menos (porque três anos depois ela ainda remoí a história) da fossa, essa amiga é a Char. Mas mesmo o Jake sendo um canalha ele facilmente convence Kacey a ir visitar a família dele fingindo ser sua noiva (isso porque ela o odeia). Bem chegando lá encontra Travis, que secretamente é apaixonado por ela também, mas para variar ela não percebia porque só prestava atenção no boy lixo do Jake. Claro que nesse retorno às coisas serão diferentes e eles sentem uma atração um pelo outro, porém mesmo só fingindo ser noiva de Jake, ela fica com ciúmes dele por sair com outras garotas (?) mesmo já sentindo uma atração avassaladora por Travis (?)
Agora veja bem, no segundo livro Char a melhor amiga de Kacey (praticamente não aparece no livro um) que consolou a amiga quando o boy lixo do Jake foi canalha com ela, adivinha? É apaixonada por Jake desde que é criança também, e conviveu (não entendi porque a autora não deixou isso claro desde o primeiro livro) com ele e com Kacey desde a infância e adolescência. Ai muito tempo depois, mesmo sabendo como ele tratou a melhor amiga, e conhecendo toda sua fama na faculdade, na cidade e nas colunas de fofoca, ela se envolvi com ele em uma única noite, até aqui normal. Mas, só que sabe Deus porque cargas d’água ela acha que ele ia trata-la diferente (oi?), como assim? Ela não entrou nessa sabendo o que ia acontecer? Já não o conhecia o bastante? Aparentemente não, porque ela vai sofrer todas as agruras e lamentações que a melhor amiga também sofreu e remoer a história do mesmo jeito. O que me deixa bem irritada nesses dois livros é a total falta de maturidade de todos os personagens. Não consegui ver graça nisso. A Char quase um ano depois encontra o Jake dentro do avião e resolvi tirar satisfação com ele sobre a noite mal resolvida deles ocorrida um ano antes e faz o maior barraco chamando a atenção de todo mundo! Eu Pergunto: Por que Deus, a autora achou isso interessante? Pelo amor né? Não tinha se passado um dia, uma semana, um mês, mas sim um ano! Aff, e depois não era algo para se discutir em particular? E também, ela não sabia que ele é assim?
Dai é ladeira abaixo porque mesmo tendo vinte e dois anos, ela ainda é do tipo que se compara a irmã para agradar e chamar a tenção dos pais, tem um emprego ruim, mas não se preocupa muito em mudar e passa o livro todo fazendo a famigerada comparação “ a grama do vizinho é mais verde que a minha” é irritante demais. O Jake, nem preciso dizer como ele é idiota né? Sem contar que o mais agravante do livro para mim é que ele confessa que estuprou a Kacey. Sim isso mesmo! Para mim essa é a palavra! Não tem meio termo! Um dia a Char conversando com ele pergunta o que ocorreu para ele e Kacey terem se afastado logo que entraram na faculdade, já que eles namoravam desde o ensino médio. Ele diz que eles tinham dezoito anos, eram os melhores amigos e que tinham uma atração ali. Um dia eles beberam, um pouco além da conta e acabaram na maior pegação. Kacey era virgem, ele também apesar dela não saber (como se eles namoraram?) ai entre beijos, abraços e amassos a Kacey começa a chorar e diz que não quer continuar, e pede para ele parar! Então ele tenta acalma-la e diz que tá tudo, que ela não precisa ter medo, que é certo e adivinha? Ele continua!!!!!! Eu simplesmente não acreditei quando li isso. Pensei essa autora é doida se acha que vai descrever isso assim e que não vamos interpretar como um estrupo! Pelo menos eu interpreto assim, não sei vocês! Ela estava emocionalmente instável, vulnerável pela bebida e pediu para ele parar. Eu pensei: ‘sério que ela acha que vamos achar que essa cena descreve naturalmente a primeira relação sexual de dois adolescentes?’. Por esse e por muitos outros aspectos que esse livro é ruim.
Ilana 26/08/2018minha estante
Sim, cara. Tipo, ele confessa um estupro. E eu tô vendo todas essas resenhas positivas. Eu reli o primeiro livro esse ano para poder ler esse daí. E depois que li eu fiquei sem palavras. Contei a várias amigas e achei que ninguém tivesse percebido, pq todo mundo elogia e dá nota boa para um livro em que o cara confessa um estupro. Nossa. Se alguém não para quando a garota claramente pede pra parar, é óbvio que é estupro. Pior que isso. Ele conta isso pra Char e ela acha normal. Não termina com ele. não diz a Kacey. Eu nunca namoraria um cara estilo Jake e se um cara me contasse isso eu correria pra garota pra dizer. Até pq pelo que ele diz Kacey bêbada não lembra de ter dito a ele pra parar. Esse livro é uma loucura mesmo e não de bom. Sua resenha diz exatamente tudo que pensei lendo ele.




Marina - @respire.literatura 11/03/2015

Resenha - O Desafio
O desafio é um livro lindo, bem clichê e previsível, com um toque de 'romance sessão da tarde', que faz o leitor ficar encantado e ao mesmo tempo, nos diverte do início ao fim. É o segundo volume da trilogia A aposta. No primeiro volume vimos a união de Kacey e Travis Titus. Apesar de muita confusão, baixaria, desentendimentos e uma super ajuda da Vovó Nadine, eles finalmente ficaram juntos e agora irão casar.

Neste volume, conhecemos Char Lynn. Amiga de infancia de Kacey e de Jake Titus. Ela sempre foi apaixonada por Jake, mas nunca contou a ninguem sobre esse amor e nem mesmo a Kacey, sua melhor amiga, desconfia disso. Ela trabalha como jornalista e seu sonho sempre foi ser repórter.
Por outro lado, temos Jake Titus. (Sim, mulherada se controlem hahahha). Um homem rico, arrogante, mimado egocêntrico e etc... Nossa, se eu fosse citar todas as características dele, ia ficar aqui até amanhã digitando.
Enfim, Char e Jake tiveram uma noite juntos anos antes. Foi a melhor noite da vida de Char, porém quando acordou na manhã seguinte ele tinha dado no pé. Ele havia dispensado ela.

"Tinha praticado aquele discurso desde o encontro fatal no ano anterior. Ela queria mais que um casinho de uma noite e Jake... Bem, ele queria um casinho de uma noite e um "obrigada!"." PAG 16

Sim, ele foi embora e deixou um papelzinho escrito "obrigada!" na cabeceira da cama. Que cretino, não?! Agora eles vão se reencontrar no casamento de Kacey e Travis visto que eles são respectivamente padrinho e dama de honra dos noivos. Além disso, ainda terão que suportar a Vovó Nadine que recebeu um desafio de unir os dois.

"- Um desafio. Nós(Travis e Kacey) contra vovó. Se ganharmos, ela paga a lua de mel. Se ela ganhar...
- Pode cantar no casamento. - Kacey suspirou." PAG 55

Sim minha gente, a vovó está de volta. Ela nunca foge de um desafio e está decidida a juntar esse casal improvável. Será que ela vai conseguir?
(...)
Confira resenha completa no blog.

site: http://www.anebee.com.br/2015/03/resenha-o-desafio-por-rachel-van-dyken.html
comentários(0)comente



ValGouveia 23/03/2015

Char sempre foi apaixonada por Jake. Desde criança ele faz parte dos seus sonhos. Mas ela sempre foi “estranha”. A que sempre era motivo de risos por parte das amigas. Porém, o tempo passa e os dois seguem caminhos diferentes, até que se encontram e passam uma única noite juntos. Sim. Porque quando acorda no dia seguinte, Char percebe que Jake havia ido embora e deixado um bilhete agradecendo pela noite que passaram juntos.

Char continua vivendo sua vida de jornalista, com seu sonho de virar repórter. Até que os dois inevitavelmente se encontram porque são convidados para serem padrinhos de Kacey e Travis. Com isso, vão ter que passar um tempo juntos. Como Char vai conseguir suportar a arrogância de Jake? Porque sim, Jake é rico, mimado, arrogante e muito seguro por saber que exerce um grande poder sexual sobre as mulheres.

Porém, ele não contava com a “intervenção” de vovó Nadine, que aparece com o desafio de uní-lo à Char.Será que isso tem como acabar bem?

O Desafio é o livro que precede A Aposta (resenha aqui), primeiro livro da série Aposta. E adorei a forma como a autora de uma certa forma nos fez participar um pouco mais da vida de Kacey e Travis, personagens do primeiro livro. Mas confesso que me apaixonei ainda mais pelo casal deste segundo livro: Char e Jake. Mesmo Jake tendo se mostrado um chato no começo do livro, isso acabou mudando no decorrer da leitura.

A história é narrada em terceira pessoa, pelos dois personagens e temos também participação de Kacey e Travis. Adoro esse tipo de narrativa, porque sinto que conhecemos o “íntimo” de cada personagem, o que realmente sentem, pensam sobre tudo o que se passa na história.

E o que dizer sobre vovó Nadine? Assim como no primeiro livro ela arrasou em O Desafio. Porque ela é inteligente, divertida e mesmo no auge dos seus mais de 80 anos é toda feminina e sexy. Ri demais em todas as cenas em que ela participa. Com certeza, a personagem foi essencial para que a história se tornasse tão boa. Vovó Nadine foi uma tacada de mestre da autora, e espero que ela também participe do próximo livro da série.

O livro é um romance leve e divertido. A autora escreve de forma com que a gente se sinta atraído pelos personagens que são apaixonantes e engraçados. Recomendo muito a leitura.

site: http://valgouveia.com.br
comentários(0)comente



Albertini 23/03/2015

Jake Titus e Char
O Desafio - Como vai? Quer dizer, faz tanto tempo!”

Na verdade, fazia onze meses, uma semana e cinco dias. Mas quem é que estava contando? Não ela.

Jake Titus é rico demais, bonito demais e arrogante demais: qualidades que, anos antes, fizeram Char Lynn viver com ele a melhor noite de sua vida — e em seguida a pior manhã, quando ele a dispensou. Agora terão que se reencontrar no casamento de Kacey, a melhor amiga dos dois. Seria uma situação estranha, mas suportável... Se vovó Nadine não tivesse sido desafiada a uni-los.

Como padrinho e dama de honra dos noivos, Jake e Char têm que passar cada vez mais tempo juntos. Ele é um galinha mimado, e ela é uma garota maluca. Então por que não conseguem resistir um ao outro?

Quando Jake para de se comportar como um babaca e começa a agir como o homem que Char sempre teve esperança de que ele pudesse ser, fica cada vez mais difícil lembrar que ele já a magoou. E agora Jake vê nela tudo que sempre quis — só precisa fazer Char acreditar nisso.
comentários(0)comente



Cris 26/03/2015

Leve e divertido...
Uma leitura divertida, com uma história bem clichê, mas com risadas garantidas. Vovó Nadine rouba a cena, Char é o melhor tipo de doida e Jake é o típico canalha arrependido. Apesar de gostar do livro ele não me convenceu, ainda mais quando ele conta o que fez com Kasey.

Um bom livro pra passar uma tarde preguiçosa.


comentários(0)comente



Liachristo 07/04/2015

O Desafio - Série The Bet #2 - Rachel Van Dyken - Suma de Letras Brasil
O Desafio é a sequência de A Aposta. Eu gostei do primeiro livro, e estava com uma certa curiosidade sobre o que aconteceu com Jake depois que seu irmão Travis ficou com sua melhor amiga, Kacey. O enredo do primeiro livro, foi bem simples. Basicamente - Quem vai casar com a moça ao lado?

Já em O Desafio, achei as coisas mais elaboradas, e desta vez a história nos é contada por perspectivas diferentes: Jake, Char e Kacey.

Jake é um playboy milionário, do tipo mulherengo que não se apega a ninguém, e que não costuma medir as consequências dos seus atos. Ele tem pavor de compromisso. Costuma pegar tudo que lhe é oferecido. Mas, será que este é o verdadeiro Jake? Ou ele simplesmente mostra ao mundo o que ele acha que as pessoas querem dele?

Char trabalha em uma emissora de TV, é uma jovem esperta e talentosa, mas por conta de um deslize que ocorreu enquanto ela estava ao vivo, ela perdeu seu posto e tenta a todo custo mostrar seu valor para crescer em seu emprego. Tem uma autoestima baixa, por conta da indiferença de seus pais, e não tem noção de sua beleza e dos sentimentos que desperta em Jake.

Jake e Char se conheceram ainda crianças e desde então vivem em altos e baixos, nunca se entendendo muito bem, e ao mesmo tempo sempre atraídos um pro outro. Durante o ensino médio, eles tiveram uma briga, que Jake nunca entendeu o motivo, mas que os afastou por muitos anos. Até que em uma noite Char e Jake vão pra cama e têm uma noite maravilhosa, mas no dia seguinte o despertar de Char não é nada bom, e isso a deixa com um certo amargor em relação a ele.

Neste livro teremos os preparativos para o casamento de Travis e Kacey. E durante estes preparativos teremos muito tumulto e confunsão envolvendo Jake e Char.
Eles são os melhores amigos de Kacey, e por isto são escolhidos como dama de honra e padrinho do casamento dela, além de Jake ser o irmão mais novo de Travis. Duas semanas antes do casamento, eles descobrem que terão que realizar algumas tarefas de última hora que a avó Nadine inventou pra eles, inclusive terão que ficar juntos enquanto realizam as tais tarefas.

O vai e vem entre os personagens principais, Jake e Char, foi um pouco previsível, mas eu gostei de alguns de seus diálogos e seus flertes. Você consegue observar o crescimento e amadurecimento deles, conforme o desenrolar da história e enquanto eles fingem que se odeiam.

Vovó Nadine volta com força total, e desta vez acho que ela extrapola um pouco com suas maluquices, algumas loucuras ficaram meio forçadas a meu ver. Ela parece uma ninja em um corpo de 86 anos de idade. Ela tem aquele jeito de quem sabe tudo. Ela é muito sorrateira e sempre está um passo à frente de seus netos. A avó Nadine é uma personagem adorável, engraçada, meio louca, e por vezes enlouquecedora e impossível de se conviver... kkkkkk
Eu ficaria maluca se tivesse que conviver com uma avó assim. Mas, tudo é perdoável quando você entende que tudo que ela quer é ver seus netos felizes, mesmo que pra isso tenha que levá-los por caminhos e situações que eles nem imaginam.

Em A Aposta a vovó Nadine joga novamente. Só que desta vez o peão de seu jogo é seu neto Jake. Quem vai ganhar esta batalha de inteligência Jake ou avó? Este livro é divertido e isso me fez rir em algumas situações. Também tem momentos fofos e mais uma vez um final delicioso. A química entre todos os personagens é ótima, o enredo apesar de clichê funciona bem.

E deixo para vocês a pergunta... Será que Jake vai finalmente se render ao amor?
E Char poderá enfim se encontrar, se aceitar e ser feliz com o homem que sempre amou?

Não deixe de conferir!
Bjus doces.

site: http://www.docesletras.com.br
comentários(0)comente



Jéh 09/04/2015

O Desafio – A Aposta #02
Poderia dizer que nessa leitura encontrei tudo o que amo em um livro: um romance bem temperado, muito humor e redenção de bad boy. :* :*
A sequência não poderia ser outra. Assim como em A Aposta, o segundo livro da série não deixou a desejar...
Mesmo chegado em desafios, Jake Titus, não é o autor dessa vez e, sim a vítima. Tudo bem, sei que está se perguntando: – Jake, uma vítima? – Só se for do próprio veneno. Pois é, também. Mas, O Desafio, nada mais é do que uma conspiração para ensinar a Jake “os caminhos do bem”. E para tanto, algumas equipes são formadas...
A trama gira justamente em torno do Projeto: “Vamos atormentar a vida de Jake”, que passaria não somente a viver o seu passado lhe condena, como o seu presente também.
Quem leu A Aposta sabe que ele é um cara cheio de si. Mas, em breve, as coisas vão mudar para o lado dele.

Tudo isso atrelado aos preparativos para o casamento de Travis e Kacey. E por falar em passado, confesso que me perguntei, apesar de ser #TeamTravis, qual o borogodó do Jake, para que todas as ‘abiguinhas’ de infância fiquem apaixonadas? A própria Char me responde:

"Jake parou de falar e direcionou para Char todo o efeito de seu sorriso de astro de cinema, brilhante como mil sóis. Os dentes brancos e perfeitamente alinhados se destacaram no rosto quando ele umedeceu o lábio inferior, lentamente, e se inclinou, provocador. Uma mecha de cabelo escuro caiu sobre um de seus olhos. Droga, aquele homem era tão atraente que era quase um crime!"



FOCO… FOCO… FOCO… Pois é, depois de uma declaração dessas é difícil manter o raciocínio.

Vamos lá! Continuando…

Deixei para falar da Char por último, por ser a peça fundamental desse quebra – cabeças, que é claro, não é a minha e, sim a do Jake. Sabemos que ele tem um jeito peculiar em tratar as amigas, com ela não foi diferente, e como todas, guarda uma grande mágoa. Mas, nem pense que se trata de uma mocinha bobinha, e ela sabe muito bem como utilizar de seus atributos ao saber da conspiração contra Jake. Pode tomar conta da situação, usando-a como uma vingança, aproveitar para usufruir de tudo, ou resguardar o coração, mantendo uma distância considerável. Como manter distância se eles são o casal de padrinhos? Você quer que realmente eu responda o que aconteceu? NOPE!!! É melhor você descobrir. 😉 Só posso adiantar que o aparecimento de Jace muda tudo. Não, não troquei as letras, estou falando de Jace, mesmo. Não sabe de quem estou falando? Deixa que a Char também responda, ou melhor pergunte:

"O quarterback daquela escola rival da nossa e que parecia uma versão mais sexy do Justin Timberlake?"

Ahan, Char! Esse mesmo. Aquele descrito por Jake como “um sósia enorme do super-herói Thor”…

Gostou, né?! O Desafio promete muita confusão, situações hilárias, danças envolventes e momentos super calorentos, entre a Char e Jake, Char e Jace, Kacey e Travis ou até mesmo entre a Vovó Nadine e o Sr. Casbon (rsrsrsrsrsr…)? Isso não vou te responder. :p

E aí, aceita esse desafio? Tire suas conclusões, pense com carinho se o Jake realmente deve receber a redenção e não esqueça de voltar para deixar seus comentários.

Até a próxima. :* :* :* 30/03/2015
comentários(0)comente



Carolina DC 12/04/2015

"O Desafio" é narrado em primeira pessoa pelos protagonista Jake e Char e a história tem início duas semanas antes do casamento de Kacey e Travis. Por conta disso, alguns capítulos são narrados em terceira pessoa pelos noivos, o que adiciona não apenas uma nova perspectiva na trama, mas também mais humor, pois na maioria das vezes, uma certa vovó enxerida e muito esperta também se envolve.
No primeiro livro, sabemos que Jake é o melhor amigo de Kacey e irmão de Travis. Sabemos também que ele foi (desculpem o meu francês) um tremendo babaca. E aparentemente sua personalidade não mudou muito.
Char cresceu com Kacey e Jake. Ela era a melhor amiga de Kacey na infância, mas sempre que Jake aparecia, ela se sentia sobrando. Por causa da amiga, ela tolerava o Jake, mesmo ele tendo magoado a jovem inúmeras vezes.

"Char olhou para ele, que estava com as bochechas um pouco vermelhas, mas Jake não disse nem uma palavra. Ele não a defendeu. Ele não fez nada. Talvez essa tenha sido a pior parte. A total falta de reação.... Como se concordasse com aquilo, mas não soubesse de que modo dizer isso a ela." (p. 10)

Acontece que esses golpes em sua estima e ter sido criada por pais realmente imbecis, tornaram essa linda jovem de 22 anos uma pessoa insegura e carente de amor. Char é uma jornalista da Komo News que pagou um grande mico ao vivo após um encontro com Jake, quase um ano atrás. Sua profissão é a única coisa em que ela se considera boa, e ter sido rebaixada, a afetou profundamente.
Mas o que importa agora é que sua melhor amiga irá se casar e ela será a madrinha. Infelizmente, Jake será o padrinho. Os dois terão que colocar as suas diferenças de lado para realizar as inúmeras tarefas que a vovó Nadine passou para eles.
Char é uma personagem adorável: linda, inteligente e engraçada. É uma ótima amiga, e tem um coração de ouro. É o tipo de personagem que todo mundo adoraria ter como amiga e contar as novidades, porque ela sinceramente ficaria feliz pela pessoa ou a apoiaria quando fosse necessário. Por ter gostado tanto da Char, não sei se Jake seria o par perfeito para ela.
Jake é arrogante e mimado. Ele tem sim alguns traumas e bloqueios que podem ser o motivo de suas atitudes, porém, ele pisou na bola com a Char mais de uma vez e sinceramente eu gostaria que ele sofresse um pouco mais na história.
Vovó Nadine. Ah, eu não sei muito bem o que falar dela, a não ser que eu a amo! Ela é simplesmente demais! Seus planos são mirabolantes, suas falas engraçadas e é a pessoa com a personalidade mais jovem do livro. Eu aposto com qualquer leitor que eles irão se apaixonar por ela.
O livro é um romance, mas tem inúmeras cenas hilárias. A vovó Nadine sabe conseguir o que quer, e melhor, sabe exatamente o que os seus netos precisam!

"- Hã? Vovó? - Travis coçou a cabeça. - Você conseguiu uma licença com os bombeiro para soltar os fogos de artifício na praia, não foi?
O silêncio de vovó foi a resposta de que precisavam. Todos se levantaram em um pulo e saíram correndo. Durante a fuga, vovó gritava:
- Não vou voltar para a cadeia!". (p. 111)

"O Desafio" é divertido, romântico e reconfortante. Com uma boa xícara de chá e o livro em mãos, o leitor terá um dia perfeito na companhia de Char, Jake, e é claro, vovó Nadine.
comentários(0)comente



Greice Negrini 13/04/2015

Um Desafio impossível de esquecer!
Char é uma jornalista que trabalha fazendo pequenas reportagens em um jornal local de sua cidade. Bem longe daquilo que realmente gostaria de ser e mais longe ainda do que seus pais gostariam do que ela fosse. E é claro que eles deixam isso soar de uma forma gritante, já que não se importam com sua vida e são só elogios à sua outra irmã. Mas Char é persistente e apesar de viver com a mágoa dos pais, tem sua pequena casa e o que é mais importante: metas.

Agora que sua melhor amiga vai se casar e a convidou para ser dama de honra, Char sente que vai precisar enfrentar um pouco mais do desespero habitual. Ama Kacey de coração e sabe que se casar com um irmão Titus estava em seu destino mas ter que encarar aquela família quando um deles ainda estava em seu coração desde a infância, não era fácil.

Jake Titus é um playboy. De fato tentou conquistar Kacey mas não deu sorte já que ela estava para se casar com seu irmão e ele seria o padrinho na cerimônia. Sua avó estava farto dele com tantas mulheres indo e vindo em sua vida e nem ele sabia o que realmente queria. Tinha dinheiro, uma vida fácil, muitos carros e era vice-presidente da Titus Enterprise. Isto até sua avó decidir que durante os preparativos para o casamento ela ficaria em sua casa em Seatlle. Em um piscar de olhos ele foi demitido e agora precisaria andar com Char para cima e para baixo para resolver pendências matrimoniais.

Char. A garota com quem ele dormira em uma noite e no dia seguinte dissera tchau. Era linda, inteligente e sedutora, mas ele não é do tipo que se apega a ninguém. Mas o que sua avó estava pensando ao fazer eles ficarem juntos por este tempo todo?

Talvez as faíscas que rolaram naquela noite juntos comecem a aparecer novamente e por mais que Char esteja decidida e nunca mais encostar um dedo em Jack, será obrigada a conviver com ele por vários dias e entrar em situações embaraçosas. O que acabará fazendo com que os muros de gelo construídos entre eles sejam derretidos aos poucos.

O que falo sobre o livro?

Quem leu a primeira resenha que fiz sobre o livro A Aposta sabe que gostei bastante da história. Não somente dela e sim do jeito que a autora escreve. Até imaginei que seria lançado somente o primeiro e o segundo seria deixado de lado, até que a Suma de Letras deu esta maravilhosa notícia e melhor ainda, é eu pegar e ver que também vai publicar o último livro! Não tem como negar que Rachel Van Dyken sabe fazer um bom romance, sabe entreter e sabe além disto, fazer a leitora dar muitas risadas.

Desde o primeiro livro o Jake Titus é um personagem imaturo. Não, ele é um personagem que quer pegar muitas mulheres e não se preocupar com o dia de amanhã ou se vai ter algum compromisso já que ele não apega a ninguém. Isso me irritou no primeiro mas parece que neste ele começou um pouco melhor já que suas asinhas, digamos assim, foram cortadas pela sua avó que o demitiu de um cargo muito importante.

Ao passo que já se conhece Jake, conhecemos Char que é uma doce garota mas mais solitária que Kacey já que mesmo possuindo uma família, é tratada como uma fracassada por não ter escolhido as opções que seus pais queria para ela. Tem uma irmã que é muito sua companheira mas que viaja a maior parte do tempo e acredito que será a personagem para o terceiro livro.

Utilizando o contexto do casamento de Kacey, a autora forma cenários para que os personagens possam viver as mais engraçadas cenas e emoções e garanto que são engraçadas mesmo. Não é um romance meloso ou chatinho. É um romance que vai te conquistando e fazendo você se apegar já que tem um passado que pesa a favor de Char e contra Jake, mas que vai se desenrolando de uma forma bem tranquila.

Agora o que posso falar sobre a personagem da avó? É a melhor de todas. O acerto que a autora fez nesta saga, com absoluta certeza. Você fica imaginando uma senhora chata que é cheia de dos, mas não esta. Ela trama cada movimento, cada ação e carrega você para risadas e diálogos tão engraçados que você se pergunta como é que não fazem um livro de romance com ela.

É uma família com uma perfeita sintonia. Até fiquei surpresa com algumas pessoas que nem tinha reparado que existiam de tanto que a autora soube desenhar bem os personagens. É uma obra deliciosa, com diálogos bem escritos e momentos bem narrados. Não se pode jogar fora uma oportunidade destas, ao menos que seja para rir com uma avó que com certeza deveria ser a protagonista da série.



site: www.amigasemulheres.com
comentários(0)comente



luzuanon.appromances 15/04/2015

Assim que soube deste lançamento fiquei com inúmeras expectativas, dessa vez o foco está em Jake Titus, um playboy milionário muito atraente que despertava o interesse em várias mulheres, por onde passava, mas nenhuma era capaz de tê-lo, ele simplesmente fugia e por duas vezes magoou pessoas que até então não sabia que eram importantes para ele. Eu estava curiosa para saber o que aconteceria com ele depois que o irmão Travis levou a melhor, conquistando a Kacey.

Eu confesso que o Jake não fosse o meu personagem favorito em Aposta, mas neste livro ele definitivamente estava tentando se redimir, só precisava de uma chance, de alguém que acreditasse nele. Mas a sua vovó Nadine definitivamente não tinha paciência, justificava suas maluquices simplesmente respondendo ao neto: "Eu sou a sua avó “decidiu jogar sujo! Ela inventou um plano mirabolante, ou melhor, uma conspiração contra Jake; embora ela amasse o neto, não tolerava mais alguns de seus comportamentos, então para que ele finalmente colocasse a cabeça no lugar, decidiu demiti-lo da empresa da família e como segunda "ordem", tendo agora tanto tempo livre, deveria ajudar nos preparativos do casamento do irmão.

Char também cresceu na companhia dos irmãos Titus e passou toda a adolescência sonhando em ser a namorada de Jake Titus, mas sempre soube sabia que nada iria acontecer porque Jake sempre teve olhos para Kacey. Até que uma noite as coisas foram longe demais e, em seguida, tudo mudou entre eles. Depois de sofrer essa grande decepção, Char decidiu esquecê-lo. Mas com o casamento da sua melhor amiga com o Travis, os dois finalmente se reencontram pela primeira vez após a noite desastrosa, e a partir daí vão passar algum tempo juntos em meio a muitas brigas e provocações e aos pouco essa relação se aprofundará de uma maneira que eles nem vão perceber, até que seja tarde demais.

Eu não gostei do Jake boa parte do livro anterior, mas não pude não gostar dele agora. É uma coisa complicada de explicar, mas posso dizer que Se antes eu gostava do Travis, agora sou completamente #TeamJake. A maneira como ele tratou Char em seu aniversário, e quando estava fazendo todas as tarefas que a vovó Nadine atribuía a ele e Char, você poderia ver algo mudando nele. Eu sabia desde o início que havia algo de errado com ele, e conforme a história avança mesmo tentando ignorar os sinais no começo Char percebe isso também.

Bem, Jake escondia muito bem seus medos e inseguranças e não queria se envolver com ninguém. Ele só não contava ser traído pelo desejo que Char despertava nele e quando se apercebeu já estava rendido aos seus encantos. Pela primeira vez em sua vida ele se sente pronto para “se amarrar”, porém, Char vivia em um mar de incertezas e sentimentos, não confiava plenamente nele, embora seu coração a incentive a fazê-lo, mas as dúvidas começaram a surgir. Será que Jake a amava?

Em certos momentos dava vontade de entrar no livro e dar uma sacudidela na vovó Nadine por ser tão intrometida em algumas situações. Mas essas atitudes eram simplesmente justificadas assim: "Eu sou a sua avó", como se isso resolvesse tudo, aliás, ela é pra lá de divertida e muito seguro de si.

Incômodos à parte, o Desafio tem uma história que fala do primeiro amor, amizade e superação das mágoas do passado. Além disso, têm cenas hilárias e muito fofas, narrado pelo Jake, Char e outros personagens, a autora nos proporciona uma história sem grandes dramas e de fácil leitura. Finalizo dizendo que para quem quer dar boas risadas, recomendo a leitura. agora estou à espera do próximo livro para conhecer o casal que será flechado pelo cupido vovó Nadine.

site: http://www.apaixonadaporromances.com.br/2015/04/o-desafio-de-rachel-van-dyken-sumabr.html
comentários(0)comente



Clã 19/04/2015

Clã dos Livros - O Desafio
"- Todo mundo, todo o mundo mesmo, merece ter a vida arruinada - disse vovó, sorrindo (...) . Vou arruinar a vida de Jake, e, no fim, ele vai ficar agradecido, feliz, satisfeito e... "


Jake Titus é um playboy muito rico, lindo e mulherengo. Ele não se envergonha do que faz, nem se incomoda com os comentários. Não se envolve e nem mesmo consegue amanhecer ao lado de nenhuma mulher. A única com a qual pensou em ter um relacionamento "sério" (pensando bem a as palavras "relacionamento sério" e "Jake Titus" não combinam), foi sua amiga de infância Kacey, que acabou se apaixonando por seu irmão, Travis Titus.

Char conheceu Travis, Jake e Kacey na escola. Ela facilmente se apaixonou por Jake. Afinal, quem não se apaixonaria? Ele era lindo, inteligente e irresistível.

Anos depois, já adultos, os dois se encontraram e tiveram uma noite juntos, que terminou com uma Char abandonada e um bilhete na mesinha de cabeceira.
Ela nunca esqueceu e jura que não quer vê-lo, nem pintado de ouro.
Mas a vida preparou algumas ciladas, que acabaram empurrando Jake e Char, para um reencontro inesperado.

"Carma. Ah, como ele odiava o carma! Era isso que estava acontecendo com ele. Afinal de contas, um cara só pode galinhar pelo mundo até certo ponto: alguma hora Deus começa a castigar, a matar ou, no caso de Jake, a lançar a praga das mulheres sentimentais."

Os dois são padrinhos de casamento de Travis e Kacey e, de acordo com as ordens da Vovó Nadine, precisam resolver várias pendências da festa e do casamento, para ajudar aos noivos.
Nessas idas e vindas, super divertidas, Jake e Char vão se redescobrindo.
Algumas cenas são ilárias, outras românticas, sexy...Uma delícia. O Desafio tem de tudo um pouco.

O livro é uma típica comédia romântica. Uma leitura super fofa e gostosa.

"Ele não queria que ela saísse com outros caras. Não, ele mataria qualquer um que pusesse as mãos nela. Não que ele quisesse ser o cara a pôr as mãos nela. Se bem que... Ele examinou o rosto de Char, seus lábios e olhos. Droga, talvez ele quisesse tentar ser o cara ( ... )"

Jake é um gostoso, mas merecia mesmo alguns puxões de orelha.

"Ele não sabia se devia fugir ou se devia beijá-la e acabar logo com isso tudo."

Char é uma graça. Se apaixonou por Jake e sofreu muito após ser rejeitada, porém nunca o esqueceu. Mas não dá moleza pra ele não, ela faz ele sofrer rsrs. Tá, só um pouco ;)

A vovó Nadine está demais nesse livro. Com sua esperteza, consegue nos dar muitos momentos engraçados e acaba empurrando os dois, um para os braços do outro.

Amei e recomendo!


site: http://cladoslivros.blogspot.com.br/2015/03/resenha-o-desafio-livro-2-da-trilogia.html
comentários(0)comente



Vanessa Vieira 20/04/2015

O Desafio - Rachel Van Dyken
Em O Desafio, segundo volume da trilogia A Aposta, conhecemos a história de amor de Char e Jake, regada por diversão, romantismo e sensualidade. Neste livro presenciamos as presepadas da vovó Nadine, que estão ainda mais divertidas e notamos um certo tom cômico entre os personagens principais, o que propiciou todo um dinamismo e leveza a trama.

O playboy Jake Titus é rico, bonito e arrogante - tudo na mesma medida - e tais características foi o que levaram Char Lynn, há alguns anos atrás, a ter a melhor noite de sua vida bem como a pior manhã ao lado dele, quando o rapaz a dispensa friamente no dia seguinte. Porém, o destino novamente os aproxima, desta vez, no casamento de Kacey - melhor amiga de Char e futura cunhada de Jake. Seria uma situação extremamente desconfortável e constrangedora, caso vovó Nadine não estivesse disposta a uni-los...

Como ambos possuem a tarefa de serem padrinho e dama de honra dos noivos, a aproximação é inevitável e eles tem que passar cada vez mais tempo juntos. Jake é um galinha mimado e inconsequente, acostumado a ter tudo o que quer e na hora que o deseja e Char é uma garota cheia de personalidade e, digamos, um pouco maluquinha. A química entre os dois é pungente, impossibilitando que eles consigam resistir a atração que sentem um pelo outro.

Quando Jake passa a amadurecer e se dá conta de seus erros de outrora, sendo o tipo de homem que Char tanto desejou, fica muito difícil para a moça relembrar o quanto ele a magoou e feriu no passado. E, em Char, Jake enxerga aquilo que sempre sonhou para sua vida, mas antes precisa convencê-la a acreditar nisso.

"O amor sempre vale a pena."

O Desafio nos traz uma história romântica e ao mesmo tempo divertida, fazendo com que a leitura flua em um ritmo gostoso e contagiante. Nota-se que os personagens amadureceram bastante em vista do volume anterior, principalmente Jake. Sempre fui contra as suas atitudes e inconsequências e fiquei muito feliz de notar a desconstrução do protagonista, que se deu de modo bem natural e dinâmico. Ele perdeu também aquela infantilidade insossa de outrora e se tornou um homem muito melhor, além de mostrar todo o seu potencial na arte de conquistar e divertir uma mulher. Narrado em terceira pessoa, de uma forma que nos dá uma visão ampla da história e de seus personagens, o livro não só conseguiu agradar como também superou o seu antecessor.

Como disse antes, Jake sofreu mudanças drásticas em sua conduta e modo de agir. Apesar de ser descrito em trechos fragmentados da trama, conhecemos um pouco mais sobre a sua infância e adolescência e isso nos propiciou uma visão ampla a respeito do enredo. Ele se tornou um rapaz engraçado e muito conquistador, e digo conquistador de uma forma refinada, afinal, galinha ele sempre foi. Suas estratégias para angariar o coração de Char são românticas, atrativas e ao mesmo tempo cômicas, como, por exemplo, em um dos momentos da história que ele se fantasia de caubói e faz uma performance incrivelmente sedutora, by estilo Magic Mike.

"Char era única, original. Era assim, igualmente, que ele costumava descrever uma mulher sem corpo e nem personalidade, é verdade. Mas não Char. Quando dizia isso dela, estava sendo sincero. Ela era diferente, mas de um jeito que chamava a atenção. Era inegavelmente determinada... e tinha um corpo tão lindo que parecia o pecado. E uma atitude à altura dessa beleza e determinação, também."

Char é uma mulher forte, independente e segura de si. Por mais que a experiência "agridoce" ao lado de Jake a tenha marcado de forma profunda, ela seguiu sua vida e não ficou ruminando os erros do passado. Porém, ao reencontrar o playboy durante um voo, sente todos os sentimentos de outrora aflorarem dentro de si. Ela é uma personagem bem descontraída e dinâmica e colaborou bastante para a leveza e fluidez do enredo, assim como vovó Nadine, que como sempre foi o grande trunfo da trama com o seu modo despojado de ser e suas artimanhas infalíveis.

Em síntese, O Desafio me surpreendeu positivamente, visto que eu não tinha me afeiçoado tanto ao mocinho da trama devido as suas atitudes do volume anterior e desta vez tive uma visão totalmente diferente a respeito dele. A história é gostosa, romântica, sedutora e descontraída e conseguiu me entreter do início ao fim, ao ponto de me fazer sorrir sozinha feito boba na condução lotada. A capa é muito bonita e a diagramação está ótima, com fonte em bom tamanho e revisão de qualidade. Recomendo, com certeza!

site: http://www.newsnessa.com/2015/04/resenha-o-desafio-rachel-van-dyken.html
comentários(0)comente



Taty Assis 21/04/2015

"Carma. Ah, como ele odiava o carma! Era isso que estava acontecendo com ele. Afinal de contas, um cara só pode galinhar até certo ponto: alguma hora Deus começa a castigar, a matar ou, no caso de Jake, a lançar a praga das mulheres sentimentais."

Jake Titus é um mulherengo de primeira, adora uma aventura, e não liga de abandonar a parceira de uma noitada sozinha sem nenhuma satisfação, sempre viveu como sempre quis rodeado de muitas mulheres e dinheiro, mas sua vida vai dar um giro de 360° quando a Vovó Nadine resolve interferir, e o que antes era perfeito pode se tornar seu pior pesadelo.

Char Lynn é apaixonada por Jake desde sua infância, mas parece que toda fez que se arriscou em acreditar nele acabou machucada e se sentindo abandonada. Após uma noite juntos, Jake acaba dispensando-a como faz com todas, só que ele não contava que exatamente 11 meses depois da tal noite eles iam se reencontrar e seriam obrigados há passar mais tempo juntos do que achavam necessário. Esse tempo juntos poderia até passar sem grandes problemas, mas a Vovó Nadine foi desafiada a uni-los, e quando a Vovó quer uma coisa, ela usa de todos os meios para conseguir.

"Todo o mundo, todo o mundo mesmo, merece ter a vida arruinada. Isso mantém as pessoas agradecidas. Vou arruinar a vida do Jake, e, no fim, ele vai ficar agradecido, feliz, satisfeito e..." (vovó Nadine)

E a vovó Nadine coloca seu plano de ação para arruinar a vida do Jake, começando por ir morar com ele uma temporada, e depois demiti-lo e o terceiro e mais importante deixá-lo na companhia de Char constantemente, e isso tudo poderia até ser um desastre, se não fosse o fato que essa reaproximação de Jake e Char trará a tona o melhor de ambos, agora só resta saber se Char será capaz de perdoar e acreditar que Jake realmente mudou, e não é mais o conquistador barato que sempre a deixou na mão e a magoou.


Sou fã da autora pelo simples fato de ela escrever livros clichês, mas que são totalmente apaixonantes, que só nos fazem bem ler. O Desafio é o típico livro que devoramos e recomendamos para as amigas, porque além de ser romance, ele nos proporciona muitas risadas.

O destaque do livro vai para a vovó mais doida de todo o mundo literário. Sou encantada pela Nadine desde o primeiro livro, mas nesse ela se superou de todas as formas. Ela bola os planos mais loucos para ter êxito nos seus objetivos, e Jake e Char vão penar na mão dela, mas no fim ambos só poderão ficar agradecidos, porque por mais que as atitudes e planos da vovó Nadine sejam um tantinho exagerados, no fim, o resultado não poderia ser melhor.

Lembro que desejei que o Jake sofresse um tantinho nesse livro, e não poderia ter ficado mais satisfeita com o rumo que as coisas tomaram. Achei muito bom a vovó Nadine ter tomado a atitude de colocá-lo na linha e fazê-lo descer do pedestal. Eu não tinha gostado muito dele em A Aposta, mas confesso que nesse livro morri de amores, porque durante a leitura percebemos que ele cresce e se arrepende de algumas atitudes, porque chega uma hora na qual a ficha tem que cair, não é mesmo?

"Amor. Amor não é algo que vem sem esforço: ele machuca... O amor é um inferno. É uma tortura. Pode deixar a gente maluco, é a coisa mais assustadora que já senti. Parece que acabei de entrar em um prédio em chamas..." (Jake Titus)


A Char é um doce e também um tantinho vingativa :') Eu a adorei, e entendi os seus medos de se deixar levar pelos sentimentos por Jake, e entendi ainda mais quando eles meio que não conseguem resistir um ao outro, mas isso não quer dizer que eles terão o felizes para sempre.

O que eu mais gosto de séries em que os casais se conhecem, é que sempre podemos matar um pouquinho da saudade dos protagonistas do livro anterior, e em O Desafio matamos um pouquinho da saudade de Travis e Kacey, e temos um vislumbre do casal do próximo livro "O Risco" que tem previsão de lançamento para o segundo semestre desse ano :)

site: www.aculpaedosleitores.com/2015/04/resenha-o-desafio.html
comentários(0)comente



Everything but the books 14/05/2015

A sequência não poderia ser outra. Assim como em A Aposta, o segundo livro da série não deixou a desejar.

Mesmo chegado em desafios, Jake Titus, não é o autor dessa vez e, sim a vítima. Tudo bem, sei que está se perguntando: – Jake, uma vítima? – Só se for do próprio veneno. Pois é, também. Mas, O Desafio, nada mais é do que uma conspiração para ensinar a Jake “os caminhos do bem”. E para tanto, algumas equipes são formadas. E uma delas já começa com vantagem. Sabe quem está à frente? A Vovó Nadine. Com direito a bolsa Coach rosa, saltos vermelhos, mala de oncinha e macacão branco. :o :o :o Calma!!! Nada disso em um único look. Afinal estamos falando da Vovó Nadine. Que como sempre traz garantia de uma leitura muito divertida. E não é pelo fato de que seu alvo mudou que ela deixaria Travis em paz. Se não está por perto, ela mantém o Charles Barkle em guarda para garantir que o seu neto mais velho chegue puro e casto ao altar. Falando no Travis, ele e a Kacey, componentes da outra equipe, têm uma arma secreta para acabar com os plano da Vó Nadine. Ousados, não?!

A trama gira justamente em torno do Projeto: “Vamos atormentar a vida de Jake”, que passaria não somente a viver o seu passado lhe condena, como o seu presente também.

Quem leu A Aposta sabe que ele é um cara cheio de si. Mas, em breve, as coisas vão mudar para o lado dele.

Tudo isso atrelado aos preparativos para o casamento de Travis e Kacey. E por falar em passado, confesso que me perguntei, apesar de ser #TeamTravis, qual o borogodó do Jake, para que todas as ‘abiguinhas’ de infância fiquem apaixonadas? A própria Char me responde:

"Jake parou de falar e direcionou para Char todo o efeito de seu sorriso de astro de cinema, brilhante como mil sóis. Os dentes brancos e perfeitamente alinhados se destacaram no rosto quando ele umedeceu o lábio inferior, lentamente, e se inclinou, provocador. Uma mecha de cabelo escuro caiu sobre um de seus olhos. Droga, aquele homem era tão atraente que era quase um crime!"

FOCO… FOCO… FOCO… Pois é, depois de uma declaração dessas é difícil manter o raciocínio.

Vamos lá! Continuando…

Deixei para falar da Char por último, por ser a peça fundamental desse quebra – cabeças, que é claro, não é a minha e, sim a do Jake. Sabemos que ele tem um jeito peculiar em tratar as amigas, com ela não foi diferente, e como todas, guarda uma grande mágoa. Mas, nem pense que se trata de uma mocinha bobinha, e ela sabe muito bem como utilizar de seus atributos ao saber da conspiração contra Jake. Pode tomar conta da situação, usando-a como uma vingança, aproveitar para usufruir de tudo, ou resguardar o coração, mantendo uma distância considerável. Como manter distância se eles são o casal de padrinhos? Você quer que realmente eu responda o que aconteceu? NOPE!!! É melhor você descobrir. ;) Só posso adiantar que o aparecimento de Jace muda tudo. Não, não troquei as letras, estou falando de Jace, mesmo. Não sabe de quem estou falando? Deixa que a Char também responda, ou melhor pergunte:

"O quarterback daquela escola rival da nossa e que parecia uma versão mais sexy do Justin Timberlake?"

Ahan, Char! Esse mesmo. Aquele descrito por Jake como “um sósia enorme do super-herói Thor”…

Gostou, né?! O Desafio promete muita confusão, situações hilárias, danças envolventes e momentos super calorentos, entre a Char e Jake, Char e Jace, Kacey e Travis ou até mesmo entre a Vovó Nadine e o Sr. Casbon (rsrsrsrsrsr…)? Isso não vou te responder. :p

E aí, aceita esse desafio? Tire suas conclusões, pense com carinho se o Jake realmente deve receber a redenção e não esqueça de voltar para deixar seus comentários.

Até a próxima. :* :* :*

Leia a resenha completa no blog

site: http://blogeverythingbutthebooks.com/2015/03/30/resenha-o-desafio-a-aposta-02-de-rachel-van-dyken-suma_br/
comentários(0)comente



61 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5