Um amor

Um amor Dino Buzzati




Resenhas - Um Amor


7 encontrados | exibindo 1 a 7


Marcos 03/03/2020

Amor?
A história nos traz, Laide, uma prostituta em tempo integral e bailarina em tempo parcial e Antonio Dorigo, que têm por ela uma paixão sexual. Antonio é um arquiteto de sucesso, geralmente bastante desconfortável com mulheres, há anos (ele tem cinquenta) ele tem casos com prostitutas. Até que, pela primeira vez, Leide desperta algo mais do que a satisfação do desejo carnal, um encantamento que, apesar de toda a sua reconhecida admiração, o consome e vicia. Ele é humilhado, mas desamparado durante todos os desaparecimentos e enganos a seguir; ele também é indecente, desconfiado, miserável. Mas a libertação que ele finalmente alcança é tingida com a tristeza de sobrevivência que ele amou longe da vida, em direção à morte. O que é adquirido aqui, certamente é excitação, mas também um respeito pela experiência com a qual esse dossiê desse impasse sexual, um pouco mais que luxúria, um pouco menos que amor, é tratado.
Lucas Brandão 03/03/2020minha estante
Capa linda


Marcos 03/03/2020minha estante
Eu também acho




JonRausch7 06/05/2020

De tirar o fôlego
Que livro fantástico. Um livro carregado de sentimentos, irrealidade e no fim a realidade. Acima de tudo o amor? Acima de tudo a razão? Acima de tudo pensamos em nós.

Você sentirá ódio, sentirá raiva, será preconceituoso, sentirá amor, mas no fim de tudo será humano e irá crescer ao enfrentar os teus preconceitos.
comentários(0)comente



Mari 17/06/2020

Um amor?
Se dizem pra não julgar um livro pela capa, sinto muito, foi exatamente o que fiz nesse caso. Eu sempre fiquei na dúvida sobre ler "O deserto dos tártaros", obra mais conhecida do Dino Buzzati, e quando me deparei com esse seu outro livro, com uma capa assim tão chamativa, pensei "é isso, vou começar por esse". Já posso dizer: terminei "Um amor" já certa de querer ler "O deserto (...)".

Temos aqui uma história sobre um homem, que sinceramente não é muito simpático, e sua obsessão por uma prostituta. Do primeiro encontro com Laide ao fim da história, acompanhamos o desenvolvimento dos sentimentos de Antônio: sua solidão, suas angústias, seu ciúme, sua possessividade.
Um livro que ora me fascinava pela construção do psicológico, ora me fazia respirar fundo e revirar os olhos porque o personagem principal é um porre. Mas de fato o que há de incrível aqui é a escrita de Buzzati, a forma como ele cria o ritmo e desenvolve os personagens. Como, sendo Antônio como ele é, Buzzati ainda me faz continuar a leitura e gostar disso. Algumas descrições presentes nesse livro me, deixaram uma impressão bem forte.

Algumas vezes me peguei pensando no título: um amor. O que é amor? O que a gente fala quando se refere a amor? Amores? "Um" amor?

Pra quem gosta de uma leitura existencialista, um mergulho psicológico, eis uma boa opção.
comentários(0)comente



Polliana 15/08/2019

Um amor
Esse é o segundo contato com a obra do escritor italiano Dino Buzzati, o enredo é bem simples, Dorigo é um homem de meia idade, pertence a classe média, um típico homem do século xx, solitário, que busca em seus encontros com prostitutas preencher o vazio, se apaixona por Adelaide, uma prostituta que o envolve numa teia de enganos e mentiras, de forma genial Buzzati nos transporta para o mundo de Dorigo tão cheio de solidão e angústia que assim como no livro O deserto dos tártaros.
Um amor é um livro formidável, editoras vamos lançar livros de qualidade, esse livro esta esgotado quem tiver a sorte de encontrar nos sebos da vida, compre, vale a pena, mais um livro que entrou para os favoritos da vida.
LidoLendo 19/06/2020minha estante
Foi relançado! Pela Nova fronteira!




Rosy 23/01/2020

Que livro minha gente, que livro!
Uma história simples com uma narrativa tão profunda. Dino sabe bem como usar as palavras e fazer o leitor senti-las intensamente.
Antonio Dorigo é nosso protagonista, um homem maduro, de condição social estável e que nunca se deu muito bem com as damas. Dorigo é assíduo nos bordeis da cidade, e ao contrário das damas, com as "meninas" da noite ele sempre se resolve. Mas como do cupido ninguém escapa, depois de tanto tempo se envolvendo com prostitutas ele se apaixona por uma delas, a jovem e bela Laide. E ele vai nos contar seus sentimentos mais profundos, sua angustia, sua obcessão, sua insegurança, sua felicidade e todo o turbilhão de emoções que se torna a sua vida.
O livro abre varias questões a se pensar sobre o desejo desenfreado, possessividade,traição, preconceito, coragem, honestidade... tem momentos que você vai querer consolar Dorigo e em outros querer mata-lo de tanta raiva! É pura emoção.
Fala-se que a história é auto-biográfica, que Dino também se apaixonou por uma mulher mais jovem e acabou se casando com ela. Fiquei a pensar se ele realmente viveu tudo aquilo descrito no livro... AMEI!
comentários(0)comente



Vicente 16/05/2020

Um amor complicado
Dino Buzzati super conhecido por sua obra prima O Deserto dos Tártaros nos brinda com uma estória de amor complicada entre um homem mais velho e uma jovem garota de programa.
comentários(0)comente



Maria Paula 09/07/2020

A escrita do autor é maravilhosa, gostei muito do livro, que me prendeu do início ao fim!
comentários(0)comente



7 encontrados | exibindo 1 a 7