Dilúvio

Dilúvio Lauren Kate




Resenhas - Dilúvio


37 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


spoiler visualizar
Bianca Martins 13/07/2020minha estante
Valeu mesmo por essa resenha! Eu ia acabar lendo mesmo sabendo que era ruim só para saber como a história acaba, mas essa sua resenha completaaassa me salvou...hehe


Ludmilla 14/07/2020minha estante
Imagina. É, realmente esse livro é pessimo, não recomendo. Melhor parar só no primeiro mesmo hahaha




Agatha 07/04/2021

O fim desastroso do arco íris
Gostei de trazer muitas coisas da Bíblia esse livro faz muita referência a história de Noé, tanto que acaba com a aliança que Deus fez com Noé: o arco íris.
Mais o final deixa a desejar, a autora desenvolveu o segundo livro de uma forma horrorosa, e deixou a desejar no primeiro porque o segundo implica no final do primeiro livro e como podemos ver...
Me decepcione bastante, não pretendo ler Fallen, e não recomento Teardrop.
Tania 07/04/2021minha estante
Tmbm não gostei....apesar da capa ser linda....achei que a autora se perdeu no enredo, não recomendo tmbm....




Isa 07/01/2021

Sem sentindo
O primeiro livro foi tudo pra mim, achei o máximo. Mas esse começou maçante e quando a história começou a desenvolver já tava no final e ficou muita coisa sem sentindo, aprofundou certos personagens pra nada e esqueceu outros como o Ander.
Tania 07/01/2021minha estante
Tmbm achei....




ViagensdePapel 19/05/2015

Dilúvio, de Lauren Kate
Atenção: Essa resenha não contém spoilers do livro anterior!

Em Dilúvio, a sequência de Lágrima e segundo volume da série Teardrop, Eureka, Ander, Cate, os gêmeos (Claire e Willian) e seu pai partem em busca de Solon, o semeador perdido, após os trágicos acontecimentos do primeiro livro. Desde pequena Eureka foi reprimida pela mãe para que jamais chorasse, a sua tristeza é capaz de inundar a terra, pois qualquer descendente da Linhagem da Lágrima pode trazer Atlântida de volta a vida, assim como Atlas.

Para entendermos como funciona esse processo é necessário que saibamos que Eureka necessita derramar três lágrimas, a primeira delas é responsável por iniciar a inundação, a segunda deve infiltrar-se nas raízes da terra fazendo as profundezas do mar se espalhar e a terceira faz o mundo adormecido despertar. A maioria dos habitantes do planeta morreram, a protagonista tem uma grande responsabilidade, pois a sobrevivência dos que restaram está em suas mãos, ela está motivada a terminar o que havia começado, assim corrigindo seu erro e se redimindo.

O livro tem boas reviravoltas, num dado momento a narrativa muda de rumo, Eureka descobre “certas verdades” que a incomodam ainda mais, antes acreditava ser apenas uma adolescente comum, em seguida descobriu que possui poderes e um passado totalmente fora de realidade, suas lágrimas inundaram o planeta e junto trouxeram o caos, desde o primeiro livro a protagonista é testada por descobertas e perdas, as coisas não mudam muito nesse sentido, ela ainda passa por mais provações que qualquer pessoa seria capaz de aguentar.

Eu gostei da leitura de Dilúvio no momento em que li, mas depois de uns dias o livro não pareceu mais tão interessante, isso me faz pensar que a história não me prendeu, tento não relacionar com a série Fallen, enquanto estou aqui escrevendo, mas isso não sai da minha cabeça, Lauren não conseguiu o mesmo efeito nessa nova série do que em Fallen, eu estou revivendo a história de Luce e Daniel enquanto deveria está revivendo essa, e só consigo me lembra de uma história sem muito contexto, esse segundo volume foi muito melhor que o primeiro, a narrativa ficou mais dinâmica e clara, mas ainda não foi o suficiente para mim, fico contente que autora deu um desfecho para o livro, assim encerrando a história, eu esperava muito mais, eu não gostei do final e também não consigo imaginar outro, o livro parecia um daqueles contos de fada de "Era uma vez..." uma lenda para ser contada de uma menina que trouxe os caos e deu um jeito depois, um novo começo para aqueles que restaram e o fim dos vilões dessa narrativa, Lauren me deixou querendo muitas "coisas" nesse livro e nem uma delas aconteceu, esse conto de fadas não teve o final feliz que eu estava esperando.

Leia mais:

site: http://www.viagensdepapel.com/2015/03/diluvio-por-lauren-kate.html
comentários(0)comente



Michele Bowkunowicz 22/12/2015

Resenha de Dilúvio
"Dilúvio" começa logo após os eventos do final do livro anterior e no rescaldo das lágrimas de Eureka. Ela descobre que faz parte da Linhagem da Lágrima, e suas lágrimas levaram a uma inundação catastrófica do mundo e a dizimação posterior da raça humana. Aqueles que sobrevivem estão condenados pela água salgada, pois a comida e água estão todos contaminados. E basta só mais uma lágrima para que a terra perdida de Atlântida volte, e destrua o mundo como conhecemos. Agora, Eureka deve tentar consertar o estrago que ela fez, se é mesmo possível.

A última esperança de Eureka e Ander é encontrar o Semeador que desertou, Solon. Ele tem o conhecimento necessário para evitar que Atlântida volte, ensinando Eureka a adquirir conhecimento e aprender a lutar, e também a impedir que o maligno Atlas domine o mundo.

Leia o restante no blog, acesse:

site: http://www.lostgirlygirl.com/2015/03/resenha-534-diluvio-lauren-kate.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Leticia.Pagliato 19/03/2016

Dilúvio - Teardrop 2
Desculpem, mas eu realmente gosto dessa história, tantas críticas negativas e eu fiquei com medo de ler, porém a continuação de Teardrop foi quase tão boa quanto o primeiro - minha opinião. Haha.
Leiam a resenha no meu blog ;D

site: http://minhaqueridaestant.blogspot.com.br/2016/03/1-resenha-diluvio-teardrop-2-lauren-kate.html
comentários(0)comente



Bianca 25/04/2016

Esse foi um dos livros de fantasia mais diferentes que eu já li. Primeiro porque é raro ver um tema como Atlântida sendo abordado, e segundo porque a forma como a autora conduziu a história foi realmente muito surpreendente. Ao meu ver a Lauren Kate aprimorou bastante a escrita desde a série Fallen (que é horrorosa, diga-se de passagem). No primeiro livro Teardrop, nós conhecemos a protagonista Eureka, e as pessoas que a cercam e os mistérios deixados por uma estranha profecia e os segredos de sua mãe, Diana. E eu adorei o fato de que esse segundo livro não deixou pontas soltas, todos tiveram seus respectivos finais. E amei mais ainda que o fim tenha sido tão inesperado, e eu diria, audacioso. O fato de que também não teve aquele triangulo amoroso meloso, em que a mocinha fica cheia de duvidas e reclamando também foi um ponto forte. Existiu o romance, existiu a dúvida, mas todos tinham coisas mais importantes com o que se preocupar.
Nada terminou bem, e passou longe do mar de rosas que é muito comum em finais de fantasias e YAs. Achei muito interessante também o fato de que todos os personagens tinham suas dimensões, e que a própria Eureka era cheia de defeitos e falhas, e que do seu modo torto, tentava ajudar a todos. Espero que a Lauren Kate lance mais livros nesse nível.
comentários(0)comente



Cris 26/08/2016

Lauren Kate se perdeu
Eu estava super ansiosa para ler mas acho que a Lauren Kate não soube direito o que fazer com a história no segundo livro, não sei se foi a pressa, mas ela se perdeu em diversos pontos e mesmo amando essa escritora esse livro me trouxe decepções , a capa é linda e é maravilhosa , mas desde o nome da super heróina Eureka já foi meio estranho. Não recomendo .
comentários(0)comente



Dani 22/04/2021

Dilúvio
O primeiro livro foi interessante. Já esse não foi como imaginei, esperava mais.
Um livro sem final feliz, na minha opinião, reviravoltas estranhas e sem sentido.
comentários(0)comente



Camilla.Loureiro 31/12/2016

Lágrimas... Derramei varias lendo.
O livro é muito bom, inclusive achei ainda melhor que o primeiro.
É um livro que passa muito emoção e sentimentos. Muito provavelmente, o final não agradará quem espera que todos saiam ilesos e em perfeita alegria depois de tanto sofrerem. Isso porque, infelizmente, alguns personagens precisam fazer grandes sacrifícios.
comentários(0)comente



Marcela @ler_sim_ler_sempre 19/03/2017

Surpreendente, porém Decepcionante
⚜️Segundo livro da duologia "Teardrop" da autora Lauren Kate. Que se inicia de onde parou o primeiro.
Eureka descobrindo as conseqüências do porquê de sua mãe sempre a proibir de chorar. E vê tudo virar de cabeça pra baixo. .
.
.
📝"Nunca, jamais volte a chorar"
.
. . ⚜️E nessa caminhada na tentativa de voltar tudo para o seu lugar. Ela contará com seus familiares que tanto ama e com Ander. O menino misterioso por quem se apaixonou.
Porém não deixará de se preocupar com Brooks, seu amigo de infância, que agora está andando por caminhos cercados de segredos. .
.
⁉️Será que Eureka conseguirá salvar o Mundo das lágrimas?
Ou será que há mais segredos a serem descobertos?
E Brooks? Será que voltará a ser seu amigo como antes? .
.
.
📝(...) O amor faz as pessoas se tornarem a melhor versão de si mesmos (...) .
.

Um livro cercado de magia, com seres encantados e um triângulo amoroso que dá um nó em nossas cabeças. .
.
.
📝(...) Às vezes, quando a pessoa tenta não cometer os mesmos erros, acaba se esquecendo de que as conseqüências dos erros originais ainda estão se revelando (...) .
.
⚜️Confesso que esperava mais. Já que o primeiro eu li muito rápido e me apaixonei pelos personagens e pela história. Mas esse, percebi que a autora se perdeu um pouco. Teve horas que tudo ficou muito confuso e arrastado. E o final, em minha opinião, decepcionou. Muito diferente do rumo que meu coração esperava. Chego a dizer que foi um final surpreendente, porém não da forma positiva. .
.
📝(...) pronto, nada de lágrimas (...)
.
.
🌟🌟🌟 (19/70)
@ler_sim_ler_sempre

site: https://www.instagram.com/p/BR0t4nAAWf1/?taken-by=ler_sim_ler_sempre
comentários(0)comente



Noelle 23/03/2018

Díficil
Foi difícil concluir a leitura... O 1º livro foi melhorzinho, mas o 2º!!!
Olha que eu amo livros de fantasia, ficção...mas este! Misericórdia...
comentários(0)comente



Tania 05/05/2018

O primeiro livro é bem interessante, mas esse, apesar da capa ser muito bonita, a historia parece sem nexo, as vezes. O final então detestei...Não recomendo.
comentários(0)comente



Rafael 03/12/2018

"Às vezes, quando a pessoa tenta não cometer os mesmos erros, acaba se esquecendo de que as conseqüências dos erros originais ainda estão se revelando."
IG: @crushforbooks

Eu adorei o universo criado por Lauren Kate em Teardrop - Lágrima, por isso quis logo ler a continuação. Mas demorei mais de três anos para fazê-lo, tendo até que reler o primeiro antes, pois lembrava de pouca coisa. Agora que enfim terminei a duologia, estou com um misto de sentimentos por tudo que ocorreu.

A ambientação desse segundo volume está totalmente diferente após o desfecho do anterior. Em alguns momentos, é complicado se situar - principalmente no início - mas apesar de Atlântida ter um cenário extenso, Lauren explora poucos ambientes, nos fazendo familiarizar-se com ele depois da estranheza inicial. Há também várias reviravoltas inesperadas, que não cogitamos durante Teardrop mas que fazem sentido e dão uma nova visão sobre a história.

Em relação aos personagens, Eureka me irritou em diversos momentos. Diante uma certa revelação é até compreensível, mas após ela se resolver seu comportamento para com Ander é desnecessário e infantil. Ele, por outro lado, me fez torcer cada vez mais para que tudo desse certo e seu sofrimento por Eureka é angustiante. Houveram poucos momentos românticos entre os dois - tanto pela carma de drama da história, como pela birra de Eureka -, mas foram ótimas cenas. Brooks também tem sua parcela de importância e consegue nos fazer ficar apreensivos por ele. E Lauren não polpou ninguém! Algumas mortes eu sequer esperava, me deixando abismado.

O desfecho, então, foi literalmente um dilúvio. Surpreendente, doloroso e poético; o típico final que nos deixa entre a dúvida de mudá-lo por ter se apegado aos personagens, mas ao mesmo tempo entendê-lo e aceitá-lo. Antes eu sempre ficava na dúvida se realmente a série precisava de um terceiro volume - pois em muitos lugares, diziam que seria uma trilogia e algumas pessoas falavam que era necessário mais um capítulo -, mas após finalizar a leitura, vi que a história funciona melhor mesmo como uma duologia. Se você gosta de histórias mitológicas ou curtiu a saga Fallen, vale muito a pena dar uma chance à Teardrop.

site: http://crushforbooks.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



37 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3