Pequenas Grandes Mentiras

Pequenas Grandes Mentiras Liane Moriarty




Resenhas - Pequenas grandes mentiras


257 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Ronaldo 17/08/2019

Usando como cenário uma pequena cidade litorânea da Austrália, a autora retrata a rotina de uma comunidade pelo ponto de vista de três mulheres. Temas como bullying, relacionamento abusivo, conflitos familiares são abordados de maneira profunda, madura, sem maquineísmos. Uma história sem vilões, mesmo o personagem mais atroz tem um lado frágil que não justifica, mas explica suas atitudes. Fiquei apaixonado pelas protagonistas, cada uma com um perfil diferente, mas unidas por uma grande amizade gerada inicialmente pela solidariedade feminina, mas que vai muito além disso. Pessoas que se ajudam, que se completam, e que por mais que se interessem umas pelas outras, não conseguem perceber os segredos que cada uma esconde. Minha preferida foi Madeline, uma encrenqueira de marca maior, mas cuja beligerância é desencadeada por um enorme senso de justiça. Ela compra a briga das amigas e vai até as últimas consequências pra defendê-las. Uma mulher que debaixo de seus ataques guarda um coração generoso. Pena que em relação ao resolver seus próprios problemas ela seja um desastre. Não é um livro arrastado, pelo contrário, é super fluído, mas tudo acontece com calma, não há pressa no desenvolvimento da trama, dando muita ênfase aos dilemas de cada personagem, que a todo instante se autoavaliam. A única coisa que me incomodou foram aqueles diálogos fazendo alusão ao crime, que ao invés de atiçar minha curiosidade só quebravam o clima da narrativa. Com exceção a isso, é uma leitura maravilhosa, que fala de assuntos universais, das dificuldades em se criar os filhos, dos nossos preconceitos, das mágoas que guardamos e moldam nosso comportamento, da dificuldade de seguir em frente e das pequenas mentiras que contamos durante a vida, muitas vezes para nós mesmos.
Drica 17/08/2019minha estante
Ronaldo parabéns pela resenha!
Gosto muito dessa autora já li todos livros dela publicados por aqui. Na minha opinião, este e "O Segredo do Meu Marido" são os melhores.
Agora que vc já leu o livro se tiver chance, veja a série "Big Little Lies", pois embora tenha algumas coisas diferente do livro ficou muito boa e o elenco é repleto de estrelas, adorei!


Ronaldo 17/08/2019minha estante
Estou vendo a série e gostando muito, o elenco é perfeito.


Drica 17/08/2019minha estante
Vi o 1º episódio da segunda temporada, mas não estou pondo fé, não. A primeira termina exatamente como o final do livro... nem imagino o que eles vão inventar nessa 2ª. Mas mesmo se não for boa, estou adorando rever o elenco e curtir a abertura com a música, perfeitos!


Ronaldo 17/08/2019minha estante
Ã, também acho que deveriam parar na primeira, vão descaracterizar a história.




cadalivroqueleio 12/08/2019

Me surpreendeu
Gostei bastante desse livro. Confesso que iniciei a leitura pra assistir a série e acabei gostando bastante da leitura. As nuances da violência doméstica, a personalidade das personagens, abuso sexual... uma mistura de assuntos que deu muito certo.
comentários(0)comente



Kelly.Luciano 06/08/2019

Nunca mais vou enxergar a vida de uma dona de casa do mesmo jeito. Ninguém é tão feliz quanto parece, ou tão inocente quanto você imagina..
comentários(0)comente



Book.Obsession 05/08/2019

A trama gira em torno do mistério sobre o assassinato que acontece na festa dos pais da Escola Pública de Pirriwee. Mas até termos todas as respostas, vamos conhecer sob um aspecto bem interessante essas três mulheres e suas rotinas de vida.
Madeline está em seu segundo casamento, tem seus filhos. Ao completar quarenta anos meio que pira e tem dificuldades de aceitar que o tempo está passando e que principalmente seus filhos estão crescendo. Sua relação com seu ex- não é a mais tranquila, uma vez que ela o culpa pela falta de assistência e pode ser difícil ela aceitar que sua filha se afeiçoe com o pai e a sua madrasta.

“Dizem que não é bom guardar ressentimentos, mas sei lá, eu bem que gosto do meu ressentimento. Cuido dele como se fosse um bichinho de estimação.”
Jane é uma mãe solteira. Recém chegada na cidade, logo ajuda Madeline e por intermédio dela conhece Celeste. Seu passado é uma incógnita e não sabemos o motivo de estar sempre mudando de lugar. Seus segredos estão sempre lhe atormentando e por mais que ame seu filho Ziggy, é difícil se adaptar à nova escola e todas as panelinhas.
"Não preciso de novas amigas, dissera Jane à mãe.
"Precisa, sim. Você precisa fazer amizade com outras mães", respondera a mãe. Vocês se apoiam! E se entendem."
Celeste é casada com Perry, mãe de gêmeos, frequenta os altos círculos sociais. Com padrão de vida alto, as mulheres invejam sua vida, mas o que elas não fazem ideia é que dentro da dinâmica do casamento algo de muito perturbador acontece.

“O que as fãs de Perry achariam se o vissem fazendo as coisas que ele fazia?"
O primeiro dia da escola está a todo vapor e na hora que as três vão buscar os filhos, um incidente onde Amabella, filha de Renata, acusa Ziggy de tê-la estrangulado causando marcas em seu pescoço, Jane acredita na palavra de Ziggy que afirma não ter feito mal a sua colega de classe. Daí, como tudo que ocorre entre o ciclo de pais e alunos, se instala uma grande rachadura entre essas mulheres que se dividem: o lado de Madeline, Celeste e Jane, e do outro, Renata e o restante dos pais que ficam temerosos com a atitude do garoto.
Acontece que diante de todo o ocorrido, será dada margem para que em plena festa dos pais na escola, termine de maneira trágica, levantando inúmeros suspeitos e muitas mentiras.


Resenha completa no blog

site: https://www.bookobsessionblog.com/2019/08/resenha-pequenas-grandes-mentiras-liane.html
comentários(0)comente



Shirlei 22/07/2019

Surpreendente
Gostei da escrita, dos personagens, a forma que autora desenvolveu cada um, o enredo é incrível os temas que foi apresentado. Nossa que livro, já tive a oportunidade de trabalhar com alguns assuntos que foram abordados.
comentários(0)comente



Mey 17/07/2019

"Pequenas Grandes Mentiras" já estava na minha lista de livros que quero ler há muito tempo, a vontade de ler aumentou ainda mais com o lançamento da série baseada no livro da Liane Moriarty, com um elenco incrível. Porém eu fiquei procrastinando e ele se perdeu naquela imensidão de livros que tenho na listinha de desejados. Mas com o lançamento da segunda temporada resolvi dar uma chance para a série e foi assistir os primeiros 4 episódios de uma vez, precisei pegar o livro para ler e MEUDEUSDOCÉU que livro incrível.

O livro vai narrar os acontecimentos da cidade de Pirriwee, na Austrália, uma cidade pequena que está chocada com uma morte durante o evento da escola local. A história vai se alternar em depoimentos de algumas pessoas e a narração dos acontecimentos. Como personagens principais estão 5 mulheres, Madeline, Celeste, Jane, Renata e Bonnie, que tem filhos que estudam na mesma classe e escola. As famílias dessas mulheres são diferentes, mas um dos pontos em comum entre elas são os problemas, cada uma lida com um problema diferente. "Pequenas Grandes Mentiras" é um livro sobre problemas familiares.

A escrita da Liane Moriarty é deliciosa e viciantes, devorei o livro em uma semana, querendo descobrir quem tinha morrido no concurso de perguntas e quem fora o responsável por aquela morte. A autora conseguiu levar o mistério até o final e conseguiu surpreender até mesmo eu, que já tinha uma desconfiança sobre quem era a vítima.

As personagens do livro são bem construídas, cheias de camadas e reais. Eu como mulher consegui me identificar muito com elas, mesmo ainda não enfrentando o tipo de coisas que elas enfrentam na história. É muito interessante a maneira que a autora mostra o quanto é difícil criar os filhos, sendo você apenas dona de casa ou uma mulher que trabalha fora e claro a dificuldade dos relacionamentos amorosos também.

"Pequenas Grande Mentiras" é um livro incrível, instigante e que vai alertar muitas pessoas sobre os problemas que acontecem nas famílias. Uma leitura deliciosa que pode ser complementada vendo a série e TV que está fantástica também.

site: http://agoraqueeusoucritica.blogspot.com/2019/07/resenha-pequenas-grandes-mentiras.html
comentários(0)comente



Fabiana 09/07/2019

Amizade e abuso
Uma história sobre amizades que se formam e se fortalecem, sobre violência e abusos, sobre angústia e traições. Um livro que fala das dores e alegrias da maternidade, dos desafios enfrentados para criar os filhos e ser feliz no casamento.
Além de tudo, apresenta um mistério no primeiro capítulo, um assassinato, onde você só descobre quem é a vítima e o autor nas últimas páginas.
Leitura obrigatória para todas as mulheres e para os homens que desejam entendê-las (se isso for possível...).
comentários(0)comente



Jenner Azevedo 04/07/2019

Ótimo livro
Mais um livro que leio só pelo fato de ter virado série da HBO. Uma ótima história, que deixa você querendo saber o que vem pela frente e descobrir o final, que só fica óbvio prestes à revelação. Pode ser lido em 8 horas e meia. Vejam também a série, que além de ter ótimas atrizes como Nicole Kidman como Celeste, tem uma trilha sonora fuderosa, como é de praxe em séries da HBO
comentários(0)comente



Isadora| @estanteda.isa 03/07/2019

Uma história que surpreende
Que história envolvente. Todo o mistério é muito bem construído de forma que a cada revelação eu fazia uma teoria.

A história tem um formato interessante. Temos a opinião de vários personagens, como em forma de entrevista e depois a história do que aconteceu. É interessante que vemos como uma interpretação distorcida do que realmente acontece pode trazer opiniões totalmente equivocadas.

Das personagens principais, eu me apeguei em todas. Madeline é uma perua engraçada, que vive um grande dilema de lidar com uma filha adolescente de 14 anos e seu ex marido com sua família na mesma vizinhança. O que me deixou doida foi o que Madeline deixava de falar, às vezes até piorando a situação.

Jane me irritou e depois me incomodou. Ela sofreu muito porém ela não tinha voz em boa parte da história. Sem contar seus problemas de autoestima. Seu final foi esperado

Celeste é a que me marcou. Suas decisões, casamento, marido e sua forma de lidar com tudo era bem questionável. Suas mentiras a fizeram questionar coisas que são absurdas para quem lê. Sua história e mensagem são incriveis! É uma visão nova sobre problemas reais. E a mensagem do livro em si é fantástica!

Vale muito a pena, é envolvente do início ao fim.
comentários(0)comente



Marie - @marie.escritora 26/06/2019

Espetacular!
"Pequenas Grandes Mentiras - Liane Moriarty - 5

O livro que deu origem à série de sucesso, Big Little Lies, da HBO, faz jus ao seu nome e qualidade. Em meio à vida doméstica, maternidade e casamento, Liane monta um suspense sobre a morte de um homem que é conhecido por ser um ótimo pai e marido. As suspeitas? Todas mães.

Celeste, Madeline e Jane são as personagens principais. Mulheres fortes e com problemas comuns, mas que escondem muitos segredos. Elas nos mostram que a força que nós, mulheres, temos em união. E assim devemos permanecer: juntas.

Recomendo não somente o livro, mas também a série, que está em sua segunda temporada. História de tirar o fôlego! ♥
comentários(0)comente



Natália | @tracandolivros 25/06/2019

Pequenas Grandes Mentiras
Era o dia do Concurso de Perguntas na Escola de Pirriewee, os pais estavam fantasiados de Elvis e Audrey Hepburn para arrecadar dinheiro. Contudo, algo deu errado e alguém terminou a noite morto. Quem matou? Quem morreu? Foi proposital? Vamos voltar seis meses antes e saber como tudo começou, na reunião escolar do início do ano letivo.

Madeline é uma mulher forte, que quando irritada arruma briga. Ela está chateada porque a filha do primeiro casamento está muito envolvida com o pai e a nova esposa dele, sendo que ele havia abandonado ela quando nasceu.

Celeste é uma mulher linda, magra, rica e casada com um homem ainda mais bonito, Perry, com quem tem os gêmeos Max e Josh. O casamento perfeito.

Madeline e Celeste são grandes amigas, e logo que conhecem Jane fazem amizade com ela. Jane é uma mãe solteira, que se mudou recentemente para a cidade com seu filho Ziggy, fruto de uma relação de uma noite só.

Na reunião uma das crianças sai chorando e diz ter sido enforcada, quando questionada sobre o culpado, ela aponta para Ziggy, que nega de prontidão. Desde esse incidente, cada pai está agindo de uma forma diferente, cada um tem sua opinião para dar e tudo vai ficando ainda mais enrolado.
••••
Mais uma vez essa autora conseguiu me surpreender com a quantidade de assuntos que ela aborda, e a forma como ela consegue trabalhar todos eles dentro de um livro só. Esse livro está repleto de assuntos como amizade, abuso, violência, bullying e até mesmo algumas críticas sociais sobre coisas que acontecem no mundo e ninguém faz nada para resolver.

Preciso dizer que todo o plot é até óbvio, não de início, mas conforme as coisas andam tudo fica bem claro. Ainda assim isso não tira nem um pouco do mérito que essa autora merece por criar histórias assim, com personagens e tramas reais e com assuntos complicados.

A forma de condução da história é incrível, ela me prendeu do início ao fim, simplesmente não conseguia parar de ler o livro. E assim que terminei já tive que vir escrever sobre ele. Essa é mais uma daquelas autoras que pretendo ler tudo que ela escrever.

site: https://www.instagram.com/p/BzJaizHjpoa/
comentários(0)comente



Nina 25/06/2019

Sem palavras
Foi um livro q me fez ter várias teorias. Foi uma experiência diferente de leitura. Nossa eu amei de mais e agora quero ler todos os livros da autora, até pq esse livro me prendeu de uma maneira inesperada. Todo o mistério, eu se quer desconfiei da verdade. Amei de mais, recomendo.
comentários(0)comente



Gabriel.Lopes 25/06/2019

Surpreendente
Por ter visto a série, achei que não valia a pena ler o livro, e que pensamento errado.
Que escrita fluída, gostosa, com personagens vividos que despertam uma poderosa empatia e um ódio ancestral do/dos antagonistas.
Eu só queria ter lido antes de ter assistido, as descobertas são extremamente surpreendentes na série e no livro parece que causariam mais impacto, não tenho defeito pra julgar.
Como nunca li nada da Liane Moriarty antes?
comentários(0)comente



Ana 23/06/2019

Excelente
Segundo livro de Liane Moriarty e que inspirou a série Big Little Lies da HBO, ?Pequenas Grandes Mentiras? conta a história de três mulheres, seus relacionamentos com suas famílias e com a pequena sociedade onde vivem e um assassinato.
??????????????????
Madeleine é forte, decidida, segundo casamento com querido Ed, vê-se terrivelmente abalada com a filha mais velha optando por morar com o pai, que a abandonou as duas para viver a vida, e sente com a admiração da filha pela segunda esposa de seu ex marido, muito mais jovem.
??????????????????
Celeste é a belíssima é riquíssima esposa de Perry, com seus lindíssimos e louríssimos gêmeos, tem a vida que todos invejam, mas ninguém sabe os segredos que guarda.
??????????????????
Jane é a recém chegada na pequena cidade. Jovem e mãe solteira do pequeno Ziggy, fruto de uma noite infeliz e traumatizante, busca a paz em uma cidade pequena beira mar, paz que não vai encontrar.
??????????????????
Abordando temas como bullying infantil, violência doméstica, relacionamentos entre casamentos desfeitos, viver de aparências, o livro é intenso, divertido e emocionante e traz situações que todos nós já vivenciamos em algum momento da vida. A insegurança crua de estar em uma situação onde não conseguimos sair, guardar um segredo que teria muitas consequências indesejáveis se confessado, entre outros temas delicados, fazem desse livro excelente!
??????????????????
Eu amei e vou continuar lendo os demais livros da autora, que entrou para minha lista de favoritas.
??????????????????
comentários(0)comente



Kênia Cândido 17/06/2019

Sensacional!
Conheci a história de Pequenas Grandes Mentiras, primeiramente através da minissérie exibida na HBO e gostei tanto que acabei comprando o livro para conhecer a versão literária, mas fui dando prioridade às outras leituras e o livro ficou um bom tempo na meta de leitura. Assim que assisti novamente a primeira temporada e dei início à leitura e mesmo ter achado a série sensacional e conhecendo o enredo, o livro é muito melhor.

Pequenas Grandes Mentiras começa durante uma festa, o Concurso de Perguntas, onde os pais estava fantasiados de Audrey Hepburn e Elvis Presley e o ambiente com muita bebida e pouca comida promovido pela Escola Pirriwee. Essa situação resultou em adultos discutindo no portão de entrada e perante a festa, um pequeno grupo estava na varanda e aconteceu um homicídio. Então o detetive Adrian Quinlan começa a procurar pistas, no entanto o leitor é transportado para alguns meses antes, criando uma atmosfera de curiosidade em torno de quem morreu, quem matou e por qual motivo aconteceu o assassinato.

Tudo realmente inicia-se no primeiro dia de aula na Escola Pública infantil Pirriwee, quando Amabelle, filha da Renata, foi vítima de bullying por um colega e Ziggy, filha da Jane, foi acusado do suposto bullying. Acontece que o conflito entre as mães começa quando Ziggy nega pedir desculpas para Amabella, afirmando que não foi ele que machucou Amabella e Renata resolve influenciar outros pais e culpar Ziggy por qualquer acontecimento ruim com Amabella na escola. A partir deste ponto, uma série de conflitos começam tomar proporções cada vez maiores, abalando a vida de algumas mães, especialmente entre Renata, Jane, Bonnie, Madeline e Celeste.

Com uma escrita envolvente e na perspectiva de três personagens principais, a Liane Moriarty apresenta ao leitor uma história contada em forma de flashback, apontando vários fatos e conflitos misteriosos até o último momento, onde aconteceu o assassinato na escola durante a festa. Demonstrando com riqueza de detalhes o cotidiano de mulheres enfrentando relacionamento abusivo, traumas diferentes, desilusões e preconceitos.

Madeline, Celeste e Jane são as personagens que ganham maiores destaques, pois elas constroem uma amizade e se ajudam a passar por dezenas de problemas pessoais. Madeline é a personagem mais animada da história e ela proporciona momentos bem divertidos. Ela considera-se uma super mãe de três filhos e no momento está enfrentando um desafio complicado com a Abigail, sua filha mais velha e ainda precisa lidar com a presença do ex-marido e a nova esposa dele, Bonnie.

A Celeste oferece momentos angustiantes ao lado do marido Perry. Aos olhos das outras pessoas, o casal aparentemente perfeito e completamente apaixonado, carrega uma rotina abusiva e agressiva e a medida que passa, seu casamento está tornando-se cada vez mais perigoso. E Jane carrega um grande mistério no seu passado, pois ela não menciona sobre o passado do pai de Ziggy e por ser mãe solteira, é a personagem que precisa mostrar muita determinação.

Mesmo já conhecendo o enredo através da série, a leitura de Pequenas Grandes Mentiras conseguiu reunir humor, suspense, aventura e muita emoção, além de apresentar algumas mudanças em torno da série. Gostei bastante. Recomendo para todos os leitores que conheceram a série primeiramente, assim como eu e que desejam conhecer a versão literária da história. Especialmente os leitores que gostam de histórias repleta de conflitos, bullying e escândalos domésticos.

site: https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/2019/06/resenha-pequenas-grandes-mentiras-liane.html
comentários(0)comente



257 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |