Star Wars: Kenobi

Star Wars: Kenobi John Jackson Miller




Resenhas - Star Wars


117 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Rubens.Memari 20/04/2021

O surpreendente universo Star Wars
Desde o título da resenha, quero deixar claro que o livro foi uma surpresa, mas só no correr das páginas conclui que foi uma surpresa positiva.
Estamos falando de um livro inserido em um universo originalmente criado no mundo do cinema, mas que avançou para diversas áreas, sendo a literatura uma delas.
De início, pensei que a história seria semelhante a um filme, cheio de ação, armas laser, naves etc. Mas não. E assim fiquei tentando descobrir se o que eu estava lendo era uma aventura, ou um romance, e talvez isso seja motivo de frustração para alguns leitores.
Mas a história é boa, seus personagens são bem construídos. Kenobi introspectivo como na tela, Anileen e seu estabelecimento em Tatooine, o carismático fazendeiro Orrin Gault, A'Yark e o povo do deserto.
Ao final da leitura, me senti com vontade de aplaudir como se estivesse em uma sala de cinema. Recomendo a todos, principalmente aos amantes da saga, mas com cautela... Ou seja, guardem seus sabres de luz que vai dar tudo certo.
comentários(0)comente



Queria Estar Lendo 09/03/2020

Resenha: Star Wars - Kenobi
Um dos volumes da série Legends - que saiu do canon oficial de Star Wars depois da compra da Disney -, Kenobi acompanha o exílio do cavaleiro Jedi nas terras longínquas de Tatooine, e sua falha tentativa de se manter nas sombras.

A história se passa logo após os acontecimentos de A Vingança dos Sith, terceiro episódio (cronologicamente falando) da saga principal. Os Jedi foram traídos e caíram, se tornaram vilões na história do Império. A Obi-Wan foi dada a tarefa de levar um dos filhos de Padmé e Anakin (agora Darth Vader) para sua família no distante planeta de Tatooine; lá, o Jedi deve se esconder e garantir que a criança esteja a salvo.

Mas, claro, tranquilidade e paz não entram em seu caminho, mas sim muitos obstáculos. Enquanto se adapta ao estilo de vida solitário, Obi-Wan cruza o caminho de alguns moradores de um oásis bastante agitado e, com eles, seus problemas.

Kenobi é um livro perfeito para quem, assim como eu, tem paixão pela saga e pelo personagem. O autor, John Jackson Miller, reúne o que tem de melhor na saga e no Jedi, apresentando uma aventura solo que renderia muito bem uma adaptação, caso ainda estivesse no canon.

O livro nos apresenta ao oásis e aos seus moradores; os principais são Orrin e Annileen - respectivamente, o responsável por uma milícia protetora que corre várias propriedades pelo deserto e a dona do armazém mais famoso das redondezas. Ambos estão envolvidos pelo passado e por suas famílias, de modo que suas histórias se desenvolvem juntas conforme a trama principal avança.

O oásis e as fazendas da região têm sofrido ameaça do Povo da Areia, errantes mortíferos que atacam quando menos se espera - o que forçou Orrin a criar a força tarefa, convocando fazendeiros e moradores para responder sempre que um novo ataque acontecer. É nesse cenário que Obi-Wan cai de paraquedas. Quando procurava um recanto tranquilo e solitário, o Jedi acaba encontrando uma guerra civil.

E, diferente do que ele deveria fazer, não está na postura e personalidade do cavaleiro recusar ajudar quem precisa. Obi-Wan o faz das sombras, ciente de que sua identidade é sua morte - em Tatooine, ele se torna Ben.

"Anos atrás, tiramos uma criança de Tatooine, achando que ela era a maior esperança da galáxia. Agora, eu trouxe outra de volta, e com o mesmo objetivo em mente."

Os arcos separados do de Obi-Wan foram muito bem construídos. Apesar de ter perdido a minha paciência com a Annileen e seus filhos, Kallie e Jabe - INCHERIDOS ATÉ O INFERNO - eu gostei das suas personalidades e motivações. Uma mãe solteira forte que perdeu a chance de realizar seu sonho, anos atrás, e que agora luta para cumprir a promessa feita ao marido, de sustentar e dar sequência ao armazém. Seus filhos são aventureiros e bem encrenqueiros, o que acaba colocando Annie no caminho de Ben.

A relação entre os dois é bem trabalhada na desconfiança e então na extrema confiança, no fato de que ambos estão "sozinhos" no mundo mas podem construir uma amizade ao se entenderem. A falha tentativa de romance por parte da Annie foi o que me deixou meio nhé; não senti química pra isso, então soou mais forçado do que satisfatório. Eu entendo que você olha pro Obi-Wan e quer pedir ele em casamento, mas sabe... Desenvolve direito.

Orrin, por sua vez, se mostrou uma figura bem multifacetada. Conforme os capítulos passam e a história desenrola, entendemos o que o move e também o que o segura; suas ambições e medos e o motivo de a milícia ser tão importante para ele. Diferente de Annie, sua família é carregada pelo luto e pela revolta; sua filha, Veeka, podia ter tido um pouquinho mais de desenvolvimento por isso. Ela tem um passado bem carregado e sombrio graças a uma perda abrupta - senti falta de saber mais sobre seus sentimentos.

"Não posso viver com os olhos vendados. Não é o jeito Kenobi de ser."

Toda a história, os cenários, as cenas de ação e diálogos me lembraram bastante a vibe de The Mandalorian. É uma aventura como qualquer outra, usando ares nostálgicos e o carisma de um personagem tão querido quanto Ben Kenobi para nos prender à trama - e que funciona bem até o fim.

Kenobi é uma leitura essencial para quem adora Star Wars e o cavaleiro Jedi. Caso você se aventure na leitura sem ter assistido, vai se perder legal. Dá uma chance pro pew pew pew, eu juro que não vai se arrepender!

site: http://www.queriaestarlendo.com.br/2020/03/resenha-kenobi.html
comentários(0)comente



nads 24/05/2021

p-e-r-f-e-i-t-o
é o primeiro livro de Star Wars que eu li, e só posso dizer que eu amei. o livro se passa após os eventos do 3º filme (a vingança dos sith) e é bom ver o Obi-Wan em uma última aventura :)
no começo você pode achar a leitura meio chata e complicada, com muitas informações a serem processadas, mas depois de um tempinho lendo você acaba entrando dentro do universo e não consegue parar de ler kkk
recomendo demais pesquisar as palavras que você não entende dentro do livro, como as espécies, certas armas e tal, ajuda muito, sério.
só posso dizer que estou triste depois de ter terminado, sabendo que não tenho mais o que ler e assistir do meu personagem favorito
comentários(0)comente



ary 22/11/2020

jedi mais daora de star wars
o livro me conquistou demais! mas talvez isso se deva por eu amar tanto o obi-wan, haha
a história relata um pouco sobre sua vida em tatooine após deixar o bebê luke com seus tios, e após isso ele se envolve com alguns personagens e seus dramas no planeta árido.
se você é fã de star wars, leia esse livro!
comentários(0)comente



Letícia @sereia_literaria 27/08/2020

tente achar um personagem mais carismático que Obi-Wan Kenobi e FALHE
comentários(0)comente



Anderson 29/03/2021

Sensacional!
Tudo o q se pode esperar de uma história do universo Star Wars. Simplesmente sensacional do início ao fim.
comentários(0)comente



Felipe SR 09/04/2021

TOP DA BALADA!!!
Um livro que é continuação direta do terceiro filme (ordem cronológica), muito boa história, apesar de ser bem lento pela metade do livro, na avaliação do todo é bem satisfatória, vale a pena a leitura sem dúvidas.
comentários(0)comente



DynhoC. 05/09/2020

Kenobi sem Obi-wan...
Não tenho muito o que dizer. É uma leitura agradável e possui personagens interessantes. No entanto, o que esperamos ao ler um livro com o título "Kenobi"? Imagino que seja o nosso querido Obi-wan.. porém, infelizmente é o que menos aparece aqui e isso me deixou um pouco decepcionado. O livro é um calhamaço, mais de 500 páginas, e possui uma história divertida porém acrescenta pouquíssimo ao nosso querido Ben, o qual nós, fãs, esperávamos ver muito mais sobre a sua vida e seu processo de amadurecimento em um livro que traz por título o seu próprio nome. Infelizmente o Obi-wan é quase um personagem secundário aqui, apesar de suas participações serem sempre memoráveis e bem agradáveis. Como pontos positivos, destaco os momentos de meditação do personagem, isso é de longe a parte mais legal do livro mas que poderia ter sido muito melhor explorado também. Enfim, é uma leitura agradável porém se estende um pouco demais, pra não dizer que o livro "enche muita linguiça". Leia se você quiser conhecer um pouco mais sobre o universo de SW e se gosta bastante do personagem, mas vá sem esperar grandes reviravoltas e dilemas, e quem sabe com m hype mais moderado, você consiga aproveitar melhor do que eu. Apesar de tudo, é um livro bom, mas apenas isso.

site: @ocuriosoleitor
comentários(0)comente



SuperCaruso 11/10/2021

Meu melhor Star Wars até agora! Mistura bem os personagens inventados com os pré existentes sem danificar o histórico da saga.
Já li Troopers da Morte, dois livros do Han Solo e o Novo Amanhecer. Mas esse aqui foi o que mais me prendeu, apesar do assustador número páginas. Ao final eu já estava com saudade de todo mundo e foi a primeirq vez que me deu uma certa pena um título ter virado Legenda ao invés de ser canônico. (Na minha cabeça a Annileen era a Amy Adams um pouco mais gordinha, não sei por quê)
Marini 12/10/2021minha estante
Cara, comprei esse livro uns anos atrás e ainda não li. Mas sempre ouvi falar muito bem. Vou criar vergonha na cara e ler de uma vez, ainda mais que a série vem aí.




Christofaro 13/07/2020

A melhor versão de Obi-Wan Kenobi
Um dos personagens mais carismáticos do universo Star Wars ganha sua história solo na qual podemos ver mais facetas do sarcástico e carismático Mestre Jedi.
Ainda ressentido e se culpando pelos acontecimentos de "A vingança dos Sith", Obi-Wan começa sua missão como guardião oculto de uma das esperanças da galáxia.
Buscando isolamento e distância das pessoas, o protagonista se envolve profundamente nos problemas dos locais, sejam os humanos ou o povo da areia (Tuskens).
Vemos um personagem muito querido lutando contra seus impulsos de Cavaleiro Jedi que podem tirá-lo de seu anonimato. O Jedi percebe que deve deixar Obi-Wan para trás para se tornar apenas Ben Kenobi.
Os monólogos meditativos do protagonista dão o tom triste ao personagem tão marcado por seu humor ácido.
comentários(0)comente



Renan 17/11/2020

Star Wars que agrada os fans
Apesar de não ser uma história canônica, Kenobi é um verdadeiro velho oeste no universo de Star Wars. A história é cativante e os personagens são bem desenvolvidos. É um prato cheio para os fãs de uma boa aventura!
comentários(0)comente



TamiresCipriano 05/05/2015

Excelente livro! Amei
Tanto a editora quando o autor são maravilhosos e arrasaram na capa, diagramação, tudo! Vamos começar? Que a força esteja com vocês...

"Eu perdi tudo isso enquanto estava correndo para todos os lados a fim de salvar a galáxia. Deixei de ver que, para muita gente, as lutas menores são tão importantes quanto nossas lutas maiores são para nós. Foi uma ótima lição a se aprender." Pág 319.

Eu assisti diversas vezes todos os episódios depois que conheci o livro Herdeiro do império, para quem também assistiu e é fã de Star Wars, não pode mesmo deixar de ler este livro que preenche a lacuna do que ocorreu com o Jedi Obi-Wan Kenobi, quando ele foi à Tatooine.

Para quem acompanhou, este livro é entre o episódio III e IV onde o Kenobi busca refúgio no desértico planeta juntamente com o Luke Skywalker que ainda é um bebê, assim, ele pode acompanhar o crescimento da criança até que ele saiba sua verdadeira missão.

O Luke é entregue aos Lars, e o Kenobi fica em solidão no meio deserto o protegendo. A morte dos Padawans, perda de Anakin Skywalker para o lado negro da força e a Republica, foram motivos dele ter que sair com um dos últimos Jedis e protegê-lo, não podia falhar novamente.

Neste lugar muito quente, temos o povo da areia, os Tusken que é um povo selvagem fedorento, cobrem-se de bandagens por causa do sol. Ainda temos os Jawas que vendem peças e ferros para sobreviver e ainda, alguns humanos em colônias que arriscam-se a sobreviver no calor intenso do planeta, mas, eles acham a solução com uma poderosa tecnologia que consegue o bem mais precioso do planeta desértico, a água.

Orrin é dono do novo negócio para atacar e espantar o povo da areia, que chama-se Chamado dos colonos, ele consegue manter de pé com contratos dos fazendeiros ali perto para manter sua renda e tudo em ordem, mas não pensem que é tão bom assim...

"- Uma vida que parece pequena por fora pode ser infinita por dentro. Até mesmo alguém vivendo no lugar mais remoto do universo pode se preocupar com centenas de pessoas. Ou com toda a galáxia." Pág 344.

Ainda conhecemos a personagem bem legal, dona de si e que se da muito bem, ela é uma personificação de mãe a todos que vivem por perto e se enfornam em seu armazém, só não imaginava que tentando salvar sua filha ia conhecer o "Ben maluco" e muito menos, que alguém em Tatooine do sexo masculino fosse tão bom assim.

A questão é que parece que sempre onde ele está, há problemas locais, em Tatooine por exemplo, o povo da areia ataca os colonos locais, e como ele sentia-se culpado pela morte dos inocentes, novamente ele deixa-se levar pelo coração e faz de tudo para que resolva esta questão.

Os Tusken tinham uma que governava, A'Yark, uma grande líder que me cativou ao longo da história com sua forma de pensar e liderar.

O início é um pouco monótono, por contar como a republica havia se disseminando e sobre como ele estava lhe dando sozinho no planeta desértico de Tatooine, mas não se preocupem! A história fica interessante rapidinho e flui de tal maneira que você realmente, não consegue mesmo desgrudar.

Como disse, Obi-Wan Kenobi, o nosso Ben Maluco, é um grande personagem e este livro é essencial a todos que queiram saber o que ocorreu após sua ida à solidão, além disso, conseguimos conceituar melhor a história e sentirmos um pouco mais leves sabendo o que ocorreu. Junto com o seu mestre, resgataram um garoto antes, mas desta vez o está escondendo, cuidando para que chegue a hora certa de saber sua missão.

Annilen é dona do armazém e eu gostei bastante do jeito dela ser, não levava desaforos e protegia com "garras" os que amava e claro, Ben deu um empurrãozinho para que a história desenvolvesse muito bem interligando Colonos e Tuskens.

Ficaram curiosos? Saibam que a estreia do filme será em dezembro deste ano e até lá, desejo que a força esteja com vocês.

Saiba mais no blog:

site: http://de-tudo-e-um-pouco.blogspot.com.br/2015/05/resenha-star-wars-kenobi.html
comentários(0)comente



06/02/2021

Ninguém acima de Obi-Wan Kenobi!
Se você busca um livro sobre aventuras Jedi focadas no Obi-Wan, este livro NÃO é pra você.

Aqui ele nem é o personagem principal.

Acompanhamos o primeiro ano de Ben Kenobi protegendo de longe o jovem Luke em Tatooine. É um livro sobre os bastidores do Povo das Areias, com muuuuuuito personagem novo e quase nada de ação. O começo é lento, o melhor fica para o final. Mas ainda sim é um ótimo livro, uma ótima história (obviamente Legends, fora do Cânone) e uma facada no coração pela dor em acompanhar quão sozinho nosso personagem favorito está após a queda da Ordem Jedi/República e morte de seus maiores amigos. Nem é meme, não existe ninguém maior que este homem em Star Wars, é muito bom passar esse tempo de leitura acompanhando suas aventuras e meditações atualizando o Mestre Qui-Gon da sua rotina.
comentários(0)comente



Matheus 11/08/2020

Um Presente para os Fãs !!!
Para mim um dos melhores livros de star wars que já li em toda minha vida !! Esse livro é um prato cheio para os fãs, é um presente, é um abraço caloroso, é uma tarde em família, é algo incrível !!

Obrigatório para todo fã de star wars, impressionante como John Jackson consegue pegar toda a essência do universo de star wars e criar uma história única, uma aventura única, conseguindo manter cada detalhe em seu lugar e não esquecendo do que já passou e do que ainda iria vir.

A cada página é uma referencia a algum momento na vida de Obi-wan ou aos filmes da trilogia prequel (I-II-II). Incrível como John Jackson consegue pegar todas as referencias possívies e encaixar em momentos perfeitos, te deixando com um sorriso de orelha a orelha, as cenas de ação são perfeitas, os desfechos são magníficos, e os momentos com o sabre de luz... meus amigos !! Foi um prazer ler esse livro.

O livro no começo tem um ritmo meio pacato, apresentando tatooine, apresentando os personagens, e preparando o pano de fundo para a história, mas logo depois o enredo pega o embalo, e você não consegue parar de ler. Os 10 últimos capítulos são fantásticos, cinematográficos e lindos de ler !! Esse é um dos livros que a gente termina querendo ler mais sobre o Obi-wan. Recomendo a leitura a todos !!
comentários(0)comente



Bart 16/03/2020

Kenobi
*John Jackson Miller*
.
O livro começa exatamente no fim do Episódio III, quando Obi-Wan leva um bebê (Luke Skywalker) para os Lars criarem em Tatooine. Portanto essa é a história em que mostra porque ele adota o nome de "Ben" Kenobi. O escritor consegue passar a preocupação do personagem com relação a Luke (agora entendo o título "A Última Esperança"), já que ele se questiona por ter falhado com Anakyn Skywalker e principalmente por tê-lo matado (assim ele achava). O livro tem muito mais, e é bem amarradinho, esse escritor cumpriu com o que foi prometido.
.
Existe um sério conflito entre os colonos humanos e o povo Tusken e Ben vai parar no meio desse balaio de gato, por mais que ele queria se exilar... não falei nada do livro, muito bom, tem um quê de "velho oeste" (algo muito bem retratado em "O Mandalorian"), tem mais coisa, pra saber... basta ler!!
.
Em tempos de evitar multidões, locais fechados, a idéia de Ben Kenobi ajuda contra o surto do vírus kkkkkkkkkkkkk.
Um bom livro!!
comentários(0)comente



117 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR