Jornada do espírito

Jornada do espírito James Van Praagh




Resenhas - Jornada do espírito


5 encontrados | exibindo 1 a 5


Lai 07/05/2020

Sem palavras. Magnífico!!!
Sem sombra de dúvidas esta é uma das obras mais importantes para minha vida. Eu quero que o autor sinta a tamanha gratidão que estou sentido por nos ter oferecido uma obra tão rica de conhecimento e, sobretudo, amor. De fato eis aqui parte do conhecimento necessário que preciso para a jornada do meu espírito.

A leitura é dividida em 3 partes, sendo elas:
I - O que é a alma?
Ambienta-nos ao conceito de corpo, alma e espírito. Aborda o poder do pensamento e como somos responsáveis pelo nosso destino. Além de trazer informações importantes sobre quem somos, de onde viemos e para onde vamos.
II, - O lar da alma.
Traz-nos capítulos que falam sobre a morte, as dificuldades enfrentadas. Exemplifica por meio de histórias de vida "o que acontece depois". E disserta de forma leve e atenciosa sobre o mundo espiritual, as reencarnações e as lembranças da alma.
III - Como a alma vive no plano físico.
Essa última parte, a mais breve, trata-se da parte mais amorosa do livro. Porque o autor nos incentiva a colocar em praticar seus ensinamentos e nos motiva nessa jornada. É uma parte de conselhos, se assim posso dizer.

Estou fascinada com a leitura e quero recomendá-la para o máximo de pessoas dispostas a cumprir seus propósitos da alma, assim como eu. Eu diria que a leitura é necessária, nesse caso. Seja você, religioso ou não, esse livro pode torna-lo dia após dia uma pessoa melhor, assim como quero me tornar.

Gratidao, James Van Praagh ??????

Com amor,
Laila
comentários(0)comente



Telma 05/05/2015

Conheça-se!
Queridões....

Ninguém surta totalmente se não conhece um pouco de tudo para saber o que lhe serve.

Algumas vezes, as experiências de outras pessoas, por si só já nos serve como ensinamentos e não precisamos trilhar o mesmo caminho para saber que vamos nos dar mal (drogas, por exemplo)...., mas em se tratando de experiências pessoais, como crenças, precisamos, na maioria das vezes, saber o mínimo necessário para decidir o que nos "cabe".

Minha sede por saber mais sobre a vida é incessante e, nesta busca, não descarto muitas das possibilidades metafísicas. Quem sou eu para dizer o que acontece depois da morte? Por favor, não estou querendo converter ninguém a nada e nem lhe dizer o que é bom pra você. Só estou compartilhando algumas das minhas experiências literárias (que remontam minha vida) e cabe a você decidir se serve para você ou não.

Gosto de qualquer livro que gere reflexão e esse livrinho traz isso. Se tudo o que está nele é verdade ou não "that's another thing"... As questões que vimos na sinopse do livro são cuidadosamente respondidas sob o ponto de vista desse estudioso que venho acompanhando a anos: James Van Praagh.

O livro "prega" o amor. Prega algo em que acredito e o melhor é que não fala em religião (sou um tanto avessa a elas, em geral)... mas uma reflexão que gera possíveis mudanças para melhor, não me interessam de que denominação venham, a mim só tem a agregar.

"Neste exato momento, enquanto lê e absorve estas palavras, a experiência que está vivendo é o somatório de todos os pensamentos que já teve. Esta é a realidade que criou para si mesmo tendo como base os seus pensamentos. De alguns deles você se recorda, de outros não. Mas não é possível pensar uma coisa e viver outra." p.38
Percebe?
Há muita psicologia, filosofia e sociologia nesse parágrafo e eu gosto de atestar o óbvio que pouco se vê e quase nada se vive.
Vivemos nos perguntamos qual é o propósito da vida, mas pouco paramos para olhar para nós mesmos e analisar se vivemos as verdades que apregoamos.

"O mistério da vida não lhe parecerá tão insondável se você se aventurar internamente e escutar a voz da sua alma. p.56
Outro trecho que remonta o que acredito:

"Não acredite em algo, simplesmente porque ouviu falar a respeito. Não acredite em algo simplesmente porque está escrito nos livros religiosos. Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração. Mas, se depois de muita análise e observação, você vê que aquilo conduz ao bem e ao benefício de todos, aceite-o e viva-o." p.79
Esse livrinho vale muito a pena e eu poderia colocar aqui mais citações e alguns dos exercícios que o autor cita, para auto conhecimento, mas deixo vocês, com esse trecho pequenininho para que você veja se encontra eco em você:

"Se todas as almas estivessem tão evoluídas a ponto de todos nos amarmos incondicionalmente, teríamos "o céu na Terra". Mas estamos muito longe disso, não é? O ego, o orgulho e a crítica se manifestam através do racismo, do nacionalismo, do sexismo e da homofobia. "Nós contra eles" parece ser uma noção muito mais confortável do que "Nós somos iguais"." p.93

Beijos e.... me liga se discordar! ;)

site: http://surtosliterarios.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Iasmim 20/04/2015

Incrivelmente otimo!!!! Mudou o meu jeito de pensar.
Esse e a minha primeira leitura neste tipo de genero e posso dizer que nao era a ultima. O livro nos faz fazer uma alto avaliacao na nossa vida e nas escolhas. Literalmente o livro vira o nosso melhor amigo por nos aconselhar e ajudar nas horas tristes nos acalmar pelo menos no meu caso. Recomendo para todas as pessoas que precisam de ajuda ou se interessem por saberem as viagens da alma do espirito e entender o processo da morte. Ajuda a entender os nossos sentimentos e acoes. So tenho uma coisa a dizer mudou a minha vida da primeira ate a ultima pagina.
comentários(0)comente



Dantas 16/12/2021

Leitura leve e agrega no autoconhecimento
Gostei demais da escrita deste autor. Muito pontual em suas colocações, este livro realmente tem muito a agregar quem está trilhando o caminho da espiritualidade e do autoconhecimento. Ele é sucinto em muitos temas importantes, porém de uma clareza para nossas reflexões acerca de nossas descobertas interiores. Além de dar dicas sobre diversas situações, no final do livro ele escreve a importância da meditação e sugestiona algumas guiadas para cada ocasião. Gostei muito mesmo! Vou buscar ler outras obras dele!
comentários(0)comente



giovani_s_b 18/01/2022

Mais um livro do James
Jornada do Espírito, mais um livro do James Van Praagh. Senti uma sensação de mais do mesmo.

Já li outros livros do autor. A leitura é agradável, sempre, mas sei lá, faltou acereja do bolo. Eu gostei. Mas não me acrescentou algo mais significativo. Não estou dizendo que não foi bom. Queria um pouco mais.

Creio que pelo fato de já ter me acostumado com a fórmula de escrita de seus livros, talvez não tenha este em especial preenchido um lugar especial nas leituras de livros do autor.

Serviria enquanto leitura inicial do autor? Sim. Mas não espere muito.
comentários(0)comente



5 encontrados | exibindo 1 a 5


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR