A Costureira de Dachau

A Costureira de Dachau Mary Chamberlain




Resenhas - A Costureira de Dachau


74 encontrados | exibindo 16 a 31
1 | 2 | 3 | 4 | 5


Carine.Soares 15/07/2020

Quanto sofrimento Ada...
Em certos momentos tinha esperança que sua vida melhoraria e vc fosse feliz... Mas mesmo depois de todo sofrimento da guerra acabar... Vc continuou levando rasteiras e sofrendo ..
E o fim...??
Não esperava que terminasse tão triste...
comentários(0)comente



Bia 29/06/2020

Escolhas
Qual o poder das escolhas?
É isso que o livro aborda, tendo como palco a Segunda Guerra Mundial.
Durante a leitura um misto de sentimentos invadiu o meu ser.
comentários(0)comente



Juh 06/05/2020

A história da costureira Ada é de tirar o fôlego. Pesada de embrulhar o estômagos por diversas vezes.
Uma história de uma jovem com uma ambição de crescer na vida com seu talento como costureira e um dia abrir seu próprio ateliê. Porém a vida prega várias peças e nada saiu como ela planejava ou esperava. Por uma mal escolha Ada se encontra em um ambiente oposto do que almejava. Ada Vaughn se ver abandonada, passa por tragédias como violências sexuais, violências físicas, escravidão e mals tratos entra outras desgraças que a vida lhe pregou. Isso tudo com o pano de fundo a Segunda Guarda Mundial. Mas a jovem garota não perde a esperança tão cedo de conquista o que sempre quis, apesar de tanto sofrimento ele por um momento se ver dando a volta por cima e construindo um futuro até que pela a segunda vez faz uma escolha que encerra essa história curiosa e sofredora.
Uma história recheada de suspense e mistério.
comentários(0)comente



Lane 02/05/2020

Diferente e comovente...
Bom o final do livro é super inesperado e diferente tbm do que eu achava que ia acontecer e do que eu achava que a personagem merecia, já li vários livros sobre o holocausto e o único que não teve um final bom foi o diário de Anne Frank.
A autora fala tbm que nunca existiu na história uma costureira de Dachau, a personagem principal é fictícia, mas alguns lugares e personagens são reais.Esse livro me surpreendeu muito e até de uma forma muito boa . Diferente dos livros desse tema a que estou costuma a ler. Favoritei bastante.
comentários(0)comente



Debora.Lanes 01/05/2020

Interessante, ficção com a Segunda Guerra como pano de fundo
Além de descrever a devastação da guerra, esse livro denuncia a perseguição hostil e misógina às mulheres na Londres dos anos 40. Uma história de ficção com um final surpreendente, poderia ser um grande livro, mas a autora não construiu uma boa relação com a protagonista, a personagem nunca perde a inocência nem amadurece, mesmo passando por momentos extremos.
comentários(0)comente



Ivy 23/04/2020

Ada Vaughn uma das minhas personagem favoritas
Ah, Ada! Com você eu sofri e sorri... mas no fim já não havia mais dúvidas quanto a sua sentença. Afinal, era apenas uma mulher num dos episódios mais desumanos da história.
comentários(0)comente



06/04/2020

O final é decepcionante. Descreve a história de uma mulher escravizada pelo regime nazista. Esperava mais.
comentários(0)comente



Lola 17/03/2020

A esperança é a última que morre
Tá aí um ditado que fez muito mais sentido depois da leitura desse livro.
Confesso que muitas partes da narrativa de Mary Chamberlain soaram enfadonhas, detalhistas e desnecessárias.
Entretanto, é provável que esses detalhes contribuam para a contextualização da história na cabeça do leitor. Li por cima alguns parágrafos, não tenho vergonha de admitir.
Após um final completamente anticlímax, talvez minhas palavras soem como se o livro fosse ruim. E ele não é ruim, é uma história com personagens ricos, com um contexto histórico forte e com reviravoltas inimagináveis.
O problema é a mensagem que ficou, que na vida você vai nadar para morrer na praia, que o seu esforço não vai valer para nada.
É provável que escrever essa resenha daqui há alguns dias seria mais prudente, pois eu não estaria tão carregada pelo sentimento de frustração. Contudo, a ideia é criar uma grande nota de leitura, que seja fiel o suficiente para que eu leia daqui há alguns meses e sinta que tudo isso foi exatamente o que o livro me fez sentir, sem abrandar nada.
Não contei nada dos personagens, mas sim do que a história me fez sentir. O resumo da história está na sinopse, e aqui está o sentimento que o livro me trouxe.
comentários(0)comente



Dany 08/03/2020

A personagem Ada é cativante e envolvente... a história prende e faz querer o livro em um fim de semana... apesar da história ser bem triste.
comentários(0)comente



Alina 05/03/2020

No início, a personagem me irritou bastante, mas ela foi me conquistando aos poucos. Um bom livro para quem curte romances que envolvem a Segunda Guerra.
comentários(0)comente



Rosa Daré 19/02/2020

Costureira de Dachau de Mary Chamberlain é uma história que fala de guerra e da sobrevivência de uma mulher inglesa chamada Ada. A guerra travada fora das trincheiras e dos campos de concentração. Uma outra maneira de causar dor, padecimento e tortura num universo tão vasto criado pelos nazistas.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Matildes 14/02/2020

A costureira de dachau
Uma história incrível de uma mulher comum, que persegue seus sonhos e acaba presa em um campo de concentração nazista, durante a segunda guerra mundial.
O livro expõe a guerra íntima de cada um em meio aos escombros da grande guerra. A dor de ser mulher e ter que se calar diante da violência física e psicológica. As marcas de um corpo pelo trabalho forçado e pelo abuso sexual. A persistência e a vontade maior de sobreviver.

Belíssimo!!!
comentários(0)comente



Geh @leiturasdagehssic 07/02/2020

Que final....
O livro possui uma escrita de fácil entendimento e a leitura é fluída, podendo ser lido rapidamente, somente o final foi um tanto frustrante.
Bergmann 11/09/2020minha estante
impressionante




Rose @leiturasda_rose 05/01/2020

Que preço você estaria disposta a pagar para realizar um sonho?
Esse livro conta a historia de Ada Vaughan, uma jovem sonhadora de apenas 19 anos de idade. Ada trabalha como costureira, tem um dom natural para costura e sonha em abrir sua própria loja, uma jovem cheia de sonhos e ambições. o que Ada não sabia era que sua vida estava prestes a mudar, porem de uma forma trágica.
Um homem que se diz ser um conde, aparece em sua vida fazendo juras de amor, Stanislau um homem aparentemente rico e sedutor a conquista totalmente e convence ala a passar alguns dias em Paris, mesmo não conhecendo nada sobre a vida de Stanislau aceita o convite e viaja escondido de sua família mesmo com rumores de estourar uma guerra.

Com a Eclosão da Guerra e presa em Paris e com sua vida em risco Ada descobre que foi enganada e iludida pelo homem a qual se apaixonara. E pra completar o terror Stanislaus à abandona em Namur na Bélgica, sozinha e com ameaças de bombas caindo a qualquer momento. Infelizmente ela não tem tempo de ficar chorando, pois precisa sobreviver, consegue abrigo em um convento, onde não permaneceu por muito tempo, pois levada a cativeiro, não em campos de concentração e sim de um soldado cruel que o mantinha presa e obrigava ela a costurar em um quartinho pequeno e escuro. No final da guerra foi resgatada e levada novamente para junto das freiras onde fica ate se recuperar para voltar para Londres, voltar para casa.
Ada ainda movida pelo sonho de ter sua própria loja comete um erro, ou por ambição ou ingenuidade não consegui saber ao certo, pois estar em meio a tanto sofrimento causado por uma guerra e por uma decepção amorosa pode mudar a pessoa.

Na minha opinião Ada era uma mulher sonhadora e ingenua que se deixou levar, o queria era realizar seu sonho de se tornar uma pessoa bem sucedida, porem se não é fácil ser uma mulher independente hoje imagina naquela época. Ada criou um mundo na cabeça que era incompatível com o momento da época.
Se você estiver procurando um rimance no estilo contos de fadas não recomendo esse, mas se você como eu gosta de uma historia com um cenário de fundo a segunda guerra vai gostar.
Essa historia é bem próxima da realidade de muitas mulheres apaixonadas e sonhadoras que são enganadas e destruídas apenas por sonharem com sua independência e liberdade.


site: instagran: @leiturasda_rose
comentários(0)comente



74 encontrados | exibindo 16 a 31
1 | 2 | 3 | 4 | 5