Procura-se

Procura-se Giovanna Vaccaro




Resenhas - Procura-se


32 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Abby 08/03/2018

Amo de paixão!
Procura-se é um livro para pessoas fortes, foi o que eu deduzi quando terminei de ler. Pessoas que se entregam muito, caem de cabeça, choram, sentem... Essas pessoas vão sofrer com esse livro. Ah, se vão.
Ariane tinha tudo para ser uma adolescente comum, mas sua doença a impediu de ser. Enquanto ela corre contra o relógio-bomba que é o seu coração, ela vai se envolvendo com um rapaz e as coisas, que deveriam se tornar mais fáceis, acabam virando o exato oposto.
O livro é bem curto, e tem uma narrativa que prende a pessoa a leitura. Terminei o livro em dois dias teria terminado em um, mas os estudos não permitem, e foi... digamos... doloroso. As coisas acontecem tão rápido nele que a gente não tem tempo nem de assimilar um fato e outro. Você pisca e pá, acabou o livro. Acho que o desespero maior é quando ele termina e você fica sem chão, sem saber o que fazer, perdida. É o que Giovanna Vaccaro faz com você.
Todas as personagens são cativantes a seu modo, mas preciso ser sincera, esse "amada" da melhor amiga da Ariane me irrita até a alma! Fora isso, ela é um amorzinho de pessoa. Mas precisamos falar sobre Miles...
Miles, de quem tanto ouvi falar de todos que leram Procura-se antes de mim, que ele era um doce, apaixonante e tudo o mais. E eu concordo! Ele é tudo isso e um pouco mais. Mas ainda assim, senti que faltava alguma coisa. Senti que ele poderia ser mais explorado, e sobre esse interesse na Ari também. Porque no livro, ele aparece do nada. E okay, sabemos que isso pode acontecer. Mas ali, no contexto, creio eu que ficaria melhor se isso fosse mais aprofundado. De repente, ele estava nas dela, mas por quê?
Creio que, na verdade, todos os personagens poderiam ser mais explorados. Sei que o livro foca mais no romance deles dois (Ari e Miles) e na doença dela, mas acho que se tivesse profundidade nos personagens, talvez tornasse o livro mais interessante.

Fora isso, não tem o que por de defeito nessa história linda e comovente que é a de Ariane, que eu só não dou nota máxima por esse motivos pequenos.

site: http://linhastortasb.blogspot.com.br/2016/12/resenha-procura-se-giovanna-vaccaro.html#more
comentários(0)comente



Rafa 04/09/2017

Emoção e uma mensagem bonita
Neste livro vamos acompanhar a história de superação, esperança, amizade e um primeiro amor muito fofo.

Este livro aborda um pouco uma doença terminal e sobre relacionamentos de família.

O livro é bem curtinho então dá para ler em um dia.

É bem tocante e despretensioso. Vale a pena a leitura, porém deixa a gente um pouquinho triste sim.

Sobre a tal mensagem bonita, tem que ler para descobrir, né?!
comentários(0)comente



Eliana Portella 27/05/2017

Uma mensagem de amor
Quando comecei a leitura não esperava me surpreender devido à idade da autora, 13 aninhos, na época em que o romance foi escrito. E levar esse fator em consideração, me permitiu isentar-me de todo o preconceito e curtir a história.
Pois bem, Giovanna Vaccaro me surpreendeu e muito!
A história é leve, os personagens bem construídos e a trama traz uma mensagem de amor que nos proporciona uma emoção gostosa.
Vale a pena se entreter com as aventuras românticas de Ariane em sua busca pelo amor.
comentários(0)comente



desencaixados 14/04/2017

Livro para ler em um dia!
Aos 6 anos de idade Ariane descobre que tem uma doença arterial fatal que fora passada geneticamente, ela tenta se manter estável com uso de remédios e consultas de rotina. Tudo começa mudar aos seus 17 anos quando ela percebe que o seu problema está agravando e resolve ir ao consultório tem, mas acaba tendo uma das piores notícias da sua vida. Infelizmente a pobre Ariane tem aproximadamente dois meses de vida e para sobreviver até esses dois meses era necessário um transplante de coração.

Ariane tem os pais divorciados, mas ela e sua irmã Becky vivem com seu pai em Nova York. Incomodada com a situação em que estava a sua saúde, ela não consegue se abrir para sua família e nem para sua amiga Callie, Ariane estava fazendo de tudo para manter aquela informação para si mesmo, até que chega um novato em sua escola.

Acordando atrasada para mais um dia de estudos, Ariane chega à escola com a maquiagem toda borrada e encontra sua amiga Callie a repreendendo, indo ao banheiro para retocar a borragem que estava estampada no rosto da pobre garota, e elas entrando no assunto mais falado entre os alunos. Miles, um menino que já estudou naquele colégio estava de volta, o menino que antes era feio aos olhos das meninas, agora era quase um deus grego para quase toda da escola.

"Meu Deus, Ariane!!! — ela gritou. — Você está parecendo um panda. (página 15)"

Compreendendo a indignação dos alunos a professora de história resolve passar um trabalho em dupla, na qual ela escolheria quem uniria com quem. Pela técnica que usou Ariane já percebia que faria o trabalho com Miles e foi justo e feito. O menino que agora era da mesma sala que ela, era a sua dupla do trabalho fotográfico, fazendo-os manterem contato e serem mais próximos.

Ariane tinha assustado como o antigo sapo virou um príncipe, ela achou sua beleza muito admirável, mas até então nada a mais do que uma simples admiração. Andando pelas ruas de Nova York e realizando o trabalho eles começam a conhecer melhor um ao outro, mas a intimidade aumenta quando Ariane tem uma crise de dor dentro da sala de aula e vê sua vida chegando ao fim.



Envergonhada por ter coronariana ela prefere contar sobre a doença para ninguém, poucas pessoas sabiam e naquele momento mais uma descobria. Miles olhou para a pobre garota e viu que não estava bem, perguntando o que estava acontecendo Ariane tentava comunicar da forma que conseguia, mas a dor no coração era maior. Entendendo o que ela pedia, Miles obedeceu as ordens e descobriu o que a jovem escondia de muitas pessoas.

Com os dias passando e a proximidade com Miles aumentando, Ariane esquece de contar ao pai que havia consultado sozinha, e agora, também movida pelos encantos do jovem, acaba esquecendo que necessitava de um outro coração, mas ao mesmo tempo descobre que o mesmo pulsava freneticamente por seu novo companheiro de trabalho escolar.

Procura-se é o primeiro livro da Giovanna Vaccaro, ele foi publicado pela Novo Século no selo Talentos da Literatura Brasileira. O livro é curtinho, mas carrega uma história apaixonante em suas páginas. Com aproximadamente 2 meses de vida, o leitor vai acompanhar Ariane tentando lidar com o problema, mas, ao mesmo tempo, tentando lidar com seus sentimentos.

"Subi as escadas correndo. O assunto do qual eu menos gostava de falar era sobre o meu coração que estava prestes a parar. Eu já sabia das minhas limitações, eu sabia o que podia fazer e o que não podia. Ninguém precisava me lembrar. (página 39)"

Para quem acompanha o Desencaixados sabe que escolhi alguns livros para reler em 2017, todos são livros de antigos parceiros que merecem a minha releitura e uma segunda resenha. Procura-se foi o primeiro livro que resolvi reler, pois a leitura é rapidinha e eu tinha a certeza que não iria me arrepender.

Como apresentei, nesse livro conheceremos a história de Ariane, acompanharemos como é a vida de uma adolescente de 17 anos lidando com a terrível notícia de ter 2 meses de vida. O livro é um considerável um romance, mas eu costumo classificá-lo como uma ficção clichê dramático. Pois pela sinopse do livro a pessoa já consegue distinguir algumas partes da história, e pelo incrível que pareça ela toma o rumo que imaginamos — falo no plural, mas é apenas a minha experiência. É válido lembrar que clichê não é sinônimo de incapacidade e/ou história “ruim”, muito pelo contrário, a essência de Procura-se é totalmente maravilhosa.



Com apenas 14 anos Giovanna escreveu a história da jovem com a doença no coração, por isso eu não posso culpá-la por sua escrita, muito pelo contrário. A revisão do livro não foi feita pela autora e vejo que poderia ter sido melhorado, pois ainda pequena a Vaccaro não tinha muito domínio na escrita, fazendo com que algumas cenas ficassem muito rasas e tendo a possibilidade de algumas pessoas se irritarem. Como eu disse, ela não é culpada pela revisão, ela era muito nova quando escreveu e isso é muito fofo e apaixonante, pois fazer a leitura de uma obra escrita por uma adolescendo que está começando a conhecer o mundo é bem tolerante. A forma que ela expressa aquilo que tem conhecimento e que estudou é bem simples, mas que para ela fora tomado muito tempo e esforço, é muito admirável ver uma garota desde criança tendo essa capacidade de proporcionar uma história tão maravilhosa como Procura-se.

Os personagens criados por Giovanna foram bem criados, cada um teve uma função diferente, nenhum deles tiveram pontas soltas, ou seja, não teve personagem só para complementar a história de depois sumir de vista, muito pelo contrário, todos em algum momento foram essenciais para que a história se tornasse incrível.

"— Você não gosta de fotos? — ele me perguntou. — Você é a única pessoa bonita que conheço e não gosta de fotos. (página 47)"

A capa desse livro é extramente linda, ela condiz muito com a história e enriquece muito a sinopse, pois o leitor acaba criando uma expectativa concreta sobre a obra, isso é muito relevante e devemos levar em consideração, fazendo com que seja um grande ponto super positivo. Não só o trabalho externo, mas o interno também está ótimo, a diagramação está maravilhosa, a fonte, o espaçamento e a divisão de capítulos colaboram para uma leitura prazerosa e rápida de ser feita.



Algumas músicas inspiraram a autora na hora de criar o romance do livro e ela resolveu compartilhar tudinho conosco. Na última página da obra, temos acesso à uma playlist para escutar enquanto fazemos a leitura do livro. Achei isso muito interessante e inovador — lembrando que o livro foi publicado em 2015 —, colabora muito com o ritmo da leitura, eu mesmo li o livro inteiro ouvindo a playlist que se encontra completa no YouTube e acabei tendo uma experiência muito significante.

Eu já sabia como era o final de Procura-se, mas posso dizer que o desfecho da obra é bastante surpreendente e imprevisível, a história toda pode previsível, mas quando vamos chegando ao fim toda a expectativa que criamos são destruídas, até me parece proposital, uma forma da autora surpreender o leitor. Alguns podem considerar esse ponto negativo e outros positivos, eu já posso dizer que é relativo, pois têm pessoas que gostam de finais previsíveis e outras já gostam de serem surpreendidas.

Depois de alguns anos Giovanna Vaccaro já escreveu outro livro chamado E Se…, até o momento não tive a oportunidade de fazer a leitura da obra, mas pelos comentários que li ela amadureceu muito com a escrita, então eu pretendo fazer a leitura assim que possível para poder comparar e ao mesmo tempo acompanhar a escritora aperfeiçoando e crescendo com suas histórias, então podem anotar, o mais breve possível vai ter resenha de E Se....

Concluo essa resenha indicando a obra para todos, acho que ela não tem um determinado público, muito pelo contrário, é uma história leve que pode ser lida por crianças a idosos, pois é uma história apaixonante. Mas é como eu disse, faça a leitura da obra tendo em mente que a autora tinha apenas 14 anos quando escreveu e que a revisão não fora feita por ela.

site: http://desencaixados.com/resenhas/resenha-procura-se/
comentários(0)comente



Maravilhosas Descobertas 08/10/2016

Procura-se, de Giovanna Vaccaro
O livro Procura-se da autora Giovanna Vaccaro, é um romance super fofo, que envolve uma trama leve e de apertar o coração ao mesmo tempo, e claro, umas gotinhas de clichê. Ariane tem de enfrentar muitas coisas desde nova, e mesmo que não admita, com os pais separados e tendo somente seu pai, a irmã pequena e sua amiga Callie, ela precisa de um apoio, e Miles aparece quando ela mais precisa.

Ariane, se reaproxima de Miles quando ele volta à estudar com ela, e a professora os colocam como dupla para um trabalho, o qual faz com que Ariane dê umas "puladas de janela".

Logo ao saber que precisará passar por um transplante de coração, por ter apenas dois meses de vida, decide não contar para ninguém, e sempre que reúne coragem, desiste. Até que ela conta para sua prima Hayley, e um pouco depois para Miles, que é quem fará uma correria com ela até Los Angeles atrás de sua mãe, para pedir ajuda ou se despedir.
Tudo acontece muito rápido e você começa a querer saber o final logo, apesar de á partir da metade do livro para o final, você já comece a desconfiar o que acontecerá no final, mas um toque final de Giovanna, faz com que seu coração fique em pedaços da mesma forma.

Procura-se é um livro para todas as idades, e no fundo te mostra que todos tem obstáculos em sua vida, e que temos que ter força para continuar de uma forma ou de outra. Giovanna foi espetacular ao escrever essa história, que acrescentou mais um mundinho para nos perdermos, acompanharmos de perto e fazer com que nós reflita sobre a vida. Reservar um espacinho de tempo para ler essa obra não será nenhuma perda de tempo. Um beijo, e até a próxima postagem!

site: http://www.maravilhosasdescobertas.com.br/2016/03/resenhando-um-nacional-procura-se-de.html
comentários(0)comente



Nathália 14/09/2016

Apaixonante e Inspirador
Procura-se é o livro de estreia da autora Giovanna Vaccaro, parceira do blog, lançado nesse ano de 2015 pelo selo Talentos da Literatura Brasileira da Editora Novo Século.

A trama gira em torno de Ariane, uma adolescente que mora em Nova York com o pai e a irmã mais nova, e que possui uma doença no coração desde os 6 anos de idade, a qual foi passada geneticamente. Ariane sobrevive dia-a-dia com a ajuda de remédios que prolongam sua vida, os quais ajuda a moça quando esta sente dores fortes no coração.
Ariane sonha em cursar Medicina e divide suas aventuras com sua melhor amiga Callie, uma das poucas pessoas que sabem de sua doença. Ari sabe que sua doença é fatal, por isso faz de tudo para aproveitar o máximo seus dias.

Mais uma semana poderia ser comum na vida de Ari, porém tudo muda quando Miles volta a estudar na mesma escola da mocinha. Ariane fica encantada pelo rapaz que voltou todo diferente, bonitão e charmoso. Não foi amor a primeira vista, ela só o achou atraente.
Em uma semana a professora de história passar um trabalho em dupla, onde os alunos deveriam sair para fotografar vários lugares em Nova York. Miles e Ariane formam uma dupla e nessas andanças descobrem mais sobre um ao outro. Eles ficam muito próximos e é notável a química entre os dois. Em Miles, Ariane pôde achar um amigo, alguém com quem pudesse sempre contar.

Com o passar dos dias, Ariane sente dores mais frequentes no coração e resolve ir até seu médico. A moça descobre que sua doença está mais grave e que ela possui somente três meses de vida! Ariane precisa urgentemente de um transplante de coração. Assim, seu mundo desaba e tudo que ela planejava fazer vai por água abaixo.

Nessa correria contra o tempo, Ariane resolve visitar sua mãe, cuja família abandonou há muitos anos. Assim, Ariane parte em uma viagem com Miles até Los Angeles! Na estrada, podemos ver o quanto Miles e Ariane estão próximos. Os momentos românticos entre eles são uma graça *-*

O final foi algo que eu esperava, mas que pôde me arrebatar. Fiquei chateada com as consequências que levaram o transplante de coração para Ariana, mas achei linda a atitude do doador *-* Foi uma cena que emociona o leitor.

Como o livro possui somente 200 páginas, as coisas acontecem muito rapidamente. O que foi bom e ao mesmo tempo ruim. O ponto positivo é que a história tem um ritmo excelente e flui muito bem. Li o livro em algumas horas e adorei! Ocorrem muitas coisas em pouco tempo na trama, mas isso não deixa o ritmo ruim de maneira alguma.

Foi uma leitura relaxante, mas também tensa em alguns momentos. Pude ver como a vida é preciosa e fácil de se perder. Devemos dar valor ao que somos e temos. Não desistir dos nossos sonhos e aproveitar o máximo! Ariane mostrou ser uma personagem forte e que nunca deixa de lutar. Apesar dos seus dias contados, não desiste. Ela possui um grande coração.

Giovanna está de parabéns pelo seu livro de estreia. Um romance adolescente lindo e com vários momentos de emoção. Recomendo aos jovens e aos amantes do amor juvenil.

RESENHA COMPLETA NO BLOG

site: www.livrosdagarotavermelha.com.br
comentários(0)comente



spoiler visualizar
Lilian.Vaccaro 16/09/2016minha estante
Olá
Leia " E se " segunda obra da Giovanna e veja como ela amadureceu.
Bjs, mãe coruja kkkk


renata.hellena.31 17/09/2016minha estante
Não conhecia a segunda obra dela, irei procurar o livro para ler, obrigado =)


Lilian.Vaccaro 18/09/2016minha estante
Tem no Skoob já




Ariane 17/06/2016

RESENHA - PROCURA-SE
Ariane é uma adolescente, com sonhos de adolescentes, paixões adolescentes, dificuldades adolescentes, porém tem medo. Medo de não conseguir um coração, pois agora que conheceu Miles tudo que ela quer é ter mais tempo ao lado dele.
Um livro lindo, emocionante, mas o final... ual me chocou. Rs
Eu comprei o livro primeiro porque a protagonista tem meu nome, e é tão raro achar rs obrigada Gi por escolher esse nome rs, e depois porque a capa é tão linda.
Valeu a pena gostei muito.


site: http://arianeeleuterio.blogspot.com.br/2016/05/livro-procura-se-autora-giovanna.html
Lilian.Vaccaro 16/09/2016minha estante
Olá
Leia " E se " segunda obra da Giovanna e veja como ela amadureceu.
Bjs, mãe coruja kkkk


Ariane 19/09/2016minha estante
Eu estou doida para ler, até tentar parceria para poder divulgar no blog. www.livrosdanane.com

beijos


Lilian.Vaccaro 24/09/2016minha estante
Ari, as parcerias acabaram de ser divulgadas , agora só em fevereiro. Vc não vai querer esperar tudo isso neh ? Kkk


Ariane 28/09/2016minha estante
Divulgou aonde? porque não achei os blogs selecionados na pagina da Giovanna. E já faz um tempão que me cadastrei para a parceria e não vi o resultado.




Lorrane Fortunato 23/05/2016

Resenha -Procura-se / Dreams & Books
"Procura-se um amigo
Procura-se um amor
Procura-se um coração."

Quando eu comecei a ler Procura-se, nem sei qual era a minha expectativa sobre o livro e nem que tipo de leitura eu esperava. Só tinha lido a sinopse e mais nada.

Assim que comecei, me encantei com a forma de escrever da autora que é muito viciante e madura (apesar dos seus 14 anos apenas) e me vi lendo uma página atrás da outra sem querer parar.

Procura-se é aquele tipo de livro que te prende, te faz sorrir e chorar e te faz querer mais e mais.

A leitura flui rapidamente e quando você percebe, já passou da metade. Então, começa aquilo de querer saber o final, mas, não querer que o livro acabe.

Eu amei como a história foi sendo desenvolvida, estava amando a leitura até que, chegou o final.

Que. Final. Foi. Aquele?

Eu não consigo definir meus sentimentos pelo livro, por causa desse final.

Foi decepcionante, apenas.
O livro estava seguindo um ritmo tão bom e chega esse final e acaba ofuscando quão incrível ele é.

Eu fiquei muito decepcionada com o fim, não só apenas por ele ser triste, (tenho um tombo inteiro por drama), mas, por ele não ser crível.

O pensamento de "isso não aconteceria na vida real" ficou martelando na minha cabeça muito tempo após concluir a leitura do livro. E acredito que, isso que me atrapalhou a amá-lo 100%.

Apesar de eu não ter amado o livro de todo coração, gostei muito dele e vi dezenas de criticas positivas. Se você não tem problemas com finais tristes e passagens um tanto clichês e não tão fáceis de acreditar, com certeza, irá gostar de Procura-se.

"A vida pode nos derrubar, mas somos nós quem escolhemos se devemos seguir em frente ou não.
Escolhi seguir em frente."

Como eu já disse, a escrita da autora é surpreendente e encantadora. Seu vocabulário é extenso e tem muitas frases de tocar fundo o coração. Com certeza, ficarei de olho nos seus próximos lançamentos!

A leitura é leve e muito rápida. E o livro em si, também tem poucas páginas. Você consegue concluí-lo em apenas um dia.

No final do livro tem uma playlist (e que playlist!) pra entrar no clima da história ou sofrer após concluir o livro. (Que gosto musical maravilhoso, Giovanna!)

" - Você já me deu muito mais que um simples coração,
você me deu amor."

Foto por Dreams & Books.
Instagram @dreamsebooks

A capa é linda! Eu fiquei encantada!

As páginas são amareladas, a fonte tem um tamanho legal e no início de cada capítulo, há um coração.

Não há nada a ser mudado, a estética do livro está perfeita!

Eu termino deixando o incentivo para que leiam esse livro, precisamos conversar sobre ele!

Está a procura de um YA, que vai te fazer pensar muito tempo após concluir a leitura?

Pare de procurar e leia Procura-se! ♡

"E eu conseguia sentir...
Já era amor antes de ser."

site: www.dreamsandbooks.com
renata.hellena.31 31/08/2016minha estante
Senti-me da mesma maneira, estava gostando muito da leitura, do jeito independente de Ariane, da fofura do Miles e do jeito como a autora escrevia e construía a história, mas o final foi REVOLTANTE, super previsível,a cada página que eu lia e o final ia se aproximando eu me recusava a acreditar que o que eu já sabia iria realmente acontecer, foi clichê demais e não foi um clichê legal, porque eu até gosto de histórias clichês, mas deu um tom tão irreal, mas não só irreal, extremo demais, absurdo e revoltante, estragou toda a construção da história e foi DECEPCIONANTE, meus olhos se encheram de lágrimas mas não consegui chorar porque era realmente inacreditável, eu estava inconformada em como a história se estragou com esse final. Eu realmente tinha esperanças que o final surpreendesse, mas infelizmente não, você já vai imaginar o final bem antes e ele realmente vai acontecer para te deixar triste. O ato é tão extremo que você nem consegue pensar que "lindo esse amor", não sei descrever meu sentimento, mas só sei que o final poderia ter sido bem mais lindo mesmo que triste se fosse de outra maneira. Outra coisa que deu um tom de drama desnecessário foi o que aconteceu com Haley, achei extremo demais também, achei que em alguns momentos os acontecimentos eram muitos rápidos e descritos de forma muito resumida e não tão bem explicada no decorrer de todo o livro.




jeeeh.carool 20/03/2016

Resenha Love Book S2
Procura-se é um livro impossível de não amar e se entristecer com a estória!
A escrita da Giovanna é simples e cativante, você devora o livro em pouco tempo.
Os personagens são bem construídos e é impossível não se apegar a eles, a amizade entre a Ariane e a Callie é linda, mesmo Callie sabendo da doença de Ariane e;a não a trata como uma boneca de porcelana é claro que ela se preocupa com a amiga, mas não deixa com que a doença da Ari interfira nas atividades rotineiras, até Miles tem isso de positivo e em comum com a Callie, claro que ele é mais fofo *risos*
Procura-se tem um final de tirar o fôlego e também de levar um pedacinho dos nossos corações... Mas chega de enrolação e vamos a resenha....


Procura-se conta a estória de Ariane, uma jovem cheia de energia e vitalidade mas que sofre com uma doença rara para sua idade.
Mesmo com a doença Ariane tem uma vida normal com amigos, amores, escapadas no meio da noite e claro frequenta a escola como qualquer outro adolescente.
Mais um ano escolar começa, e com ele a rotina, só que esse ano vai surpreender Ariane!
Um antigo colega de classe retorna para a cidade, despertando suspiros por onde passa e claro que com Ariane não seria diferente, esta por sua vez ficou encantada com a beleza de Miles, pois suas ultimas lembranças que tinha em relação a Miles ele não era tão atraente e charmoso como esta agora....

Leia a resenha completa no blog :)

site: http://www.lovebooks2.com.br/2016/03/resenha-procura-se-giovanna-vaccaro.html
comentários(0)comente



Conchego das Letras 11/03/2016

Resenha Completa
Olá pessoal,

Hoje vou trazer para vocês resenha do livro de uma autora ainda adolescente e que soube escrever de uma forma direta e muito fofa. Eu fico muito feliz quando uma pessoa tão nova se interessa pela escrita, mostrando que tem um futuro promissor.

Procura-se narra a vida de Ariane, uma jovem com dezessete anos e que tem uma grave doença cardíaca. Desde pequena, sabia das suas limitações, da raridade da doença, da genética e que é fatal. Mesmo sempre acompanhada dos seus remédios, ela não se deixava abater, tentava viver uma vida normal. Ela foi abandonada ainda criança por sua mãe, que fugiu com um homem e deixou todos para trás. Ariane ainda tinha o amor do seu pai, da irmã caçula, Becky, e de sua melhor amiga, Callie.
"As pessoas sempre pensam que uma doença terminal não pode acontecer com elas ou com a família delas. No meu caso, era inevitável. A minha família tinha um problema: a cada duas gerações nascia alguém com problemas cardíacos. Eu fui a segunda geração."

O que ela não esperava é que as dores começassem a piorar, e sem avisar a ninguém foi ao médico sozinha. O seu médico, que a acompanha desde criança, faz uns exames e, com isso, descobre que ela tem pouco tempo de vida, aproximadamente dois meses. Para sobreviver mais do que isso ela vai precisar de um transplante de coração, urgente. Ela, sem querer assustar seus entes amados, não conta essa visita ao médico para ninguém.

Ariane lidava com a sua doença muito tranquilamente, sendo uma jovem muito madura para a sua idade. Ela não tinha medo da morte, sabia plenamente o que poderia acontecer. Mas aí surge Miles, o mais novo aluno da escola, e o coração de Ariane pulsa diferente.

Miles já tinha estudado na escola uns anos atrás, mas ele retorna muito mais atraente. Depois que a professora passa um trabalho em dupla e coloca Ariane e Miles juntos, eles acabam se aproximando. Ariane não falava da sua doença para ninguém, mas, devido ao aumento das dores, ela passa mal e é socorrida por Miles.

Com esses encontros para fazer o trabalho escolar, eles se conhecem mais e Miles descobre a menina encantadora que é Ariane. Quando percebem, estão apaixonados. A realidade de Ariane está bem ali na sua frente, seu tempo de vida é curto. Juntos, vão viver cada momento e tentar uma saída para aquela situação.

Não posso negar, a escrita fluiu com muita naturalidade, tanto que li o livro em um dia. Quando percebi, tinha acabo, porque queria saber como eles iam lidar com essa situação tão complicada para dois jovens.

Sinceramente, não esperava por aquele final. Pensei várias coisas, menos o que a autora fez. Isso me deixou um pouco, aliás, deixou-me muito chateada. Mesmo Ariane sendo madura para a sua idade, em certas situações eu não acreditava no que estava fazendo e tive raiva dela. Mas tinha que me lembrar, ela é somente uma adolescente lidando com um problema bem grande.

Gostei muito da forma como a autora mostrou que nunca deveríamos desistir de viver. Mesmo Ariane com a certeza da morte, ela nunca desistiu e sempre lutou. Gostei bastante da sua melhor amiga, dei muitas risadas e a alegria dela era contagiante.

Para quem não gosta de uma leitura bem adolescente e um clichê, creio que não vá gostar. Mas eu sou uma eterna adolescente e claro, gostei!!!


site: http://conchegodasletras.blogspot.com.br/2016/03/resenha-procura-se.html#comment-form
Lilian.Vaccaro 16/09/2016minha estante
Olá
Leia " E se " segunda obra da Giovanna e veja como ela amadureceu.
Bjs, mãe coruja kkkk


Conchego das Letras 26/09/2016minha estante
Oi Lilian Vaccaro, pode deixar que vai para a lista de leituras futuras. =)




Dani_LJI 02/03/2016

Resenha Procura-se
Tem resenha no Livros, a Janela da Imaginação, vem conferir!

site: http://www.livrosajaneladaimaginacao.com.br/2016/02/resenha-procura-se.html
Lilian.Vaccaro 16/09/2016minha estante
Olá
Leia " E se " segunda obra da Giovanna e veja como ela amadureceu.
Bjs, mãe coruja kkkk




Gi 25/02/2016

Procura-se - Giovanna Vaccaro
*Leia no bloguito para ver imagens do livro*

Eu já disse que o livro é fofo?! Haha
A leitura me trouxe boas recordações! Lembrei-me de quando tinha uns 14 anos e queria casar com o Mike Shinoda da banda Linkin Park, ter um sobrenome americano e viajar o mundo cantando com ele as minhas músicas favoritas! kkkkk
#PensamentosFelizes

Mas falando do livro... Os personagens são muito queridos, Ari é meiga e doce (e um tantinho inocente demais para a idade que tem...), Miles é o príncipe que toda garota romântica deseja encontrar (eu encontrei o meu!). Callie é a mais divertida, e a família de Ariane é mega carinhosa! São pessoas que eu realmente gostaria de ter por perto!

O tema foi bem escolhido. Nunca li nada sobre essa doença e fiquei curiosa para descobrir mais.
É interessante saber como vive alguém que tem certas limitações devido a algum problema de saúde. Considero essas pessoas um exemplo de vida, pois só com muita força de vontade elas conseguem superar tamanho obstáculo.

A autora está de parabéns! Prevejo um grande futuro no mundo literário para essa linda! Você tem taleto garota!!! ^_^
Só quero te dar uma dica que ouvi numa palestra da incrível Eleonor Hertzog: Quando for usar temas médicos, pesquise bastante! Dê preferência a um profissional da área ao invés do Dr Google para sua história não ficar incoerente ou impossível de se acreditar.

A diagramação ficou simples e delicada. Uma gracinha!

No final encontramos uma playlist para acompanhar a leitura! Eu costumo ouvir antes de começar a ler, pois assim já assimilo o momento a música.

Recomendo para quem procura um livro leve e romântico para quebrar a ressaca.

site: http://aestranhaestantedagi.blogspot.com.br/2015/10/procura-se-giovanna-vaccaro.html
Lilian.Vaccaro 16/09/2016minha estante
Olá
Leia " E se " segunda obra da Giovanna e veja como ela amadureceu.
Bjs, mãe coruja kkkk




Vickawaii 18/02/2016

Procura-se: um romance adolescente
Procura-se é um livro agradável e divertido, que retrata uma doce paixão adolescente e os problemas típicos dessa fase, com o diferencial que a protagonista sofre de uma doença terminal e procura aproveitar a vida da melhor forma possível. Sinceramente, acho que teria aproveitado melhor a história aos meus quinze anos, quando não era tão cética e preferia ler sobre amores mais leves e menos desesperados, mas recomendo a todos que gostem de uma história jovial e a quem ainda está procurando um rapaz encantador como Miles Benet.

(Resenha completa no blog Finding Neverland)

site: http://wheresmyneverland.blogspot.com.br/2016/01/resenha-procura-se.html
Lilian.Vaccaro 16/09/2016minha estante
Olá
Leia " E se " segunda obra da Giovanna e veja como ela amadureceu.
Bjs, mãe coruja kkkk




Stephanie Raiany 05/02/2016

Procura-se um Coração, Procura-se um Amor
"Somos insignificantes. Por mais que você programe sua vida, a qualquer momento tudo pode mudar."

Ariane é uma adolescente de 17 anos que vive em Nova Iorque com seu pai Josh e sua irmã de nove 9 anos Becky, pois a mãe a abandonou ainda quando era pequena. Desde os seis anos de idade Ariane descobriu que sofre de uma deficiência cardíaca, a Coronariana, e ela vive com ajuda de remédios.

Miles estudava na mesma escola que Ariane, mas depois de um tempo ele se mudou para Indiana, e agora ele resolveu voltar para Nova Iorque e ficou na mesma sala que Ari e Callie, melhor amiga de Ari.

As vezes Ari sentia algumas dores fortes no coração, sintomas da coronariana, e ela usava o Salvador, nome que ela deu para seu remédio que era parecido com uma bombinha de pessoas que tinham asma, e que aliviava sua dor na hora, por isso esse nome. Teve um dia que ela sentiu uma dor muito forte na sala e foi bem no dia que Callie tinha faltado, ela é uma das poucas pessoas que sabem de sua doença, então que a ajudou foi Miles, e ele ficou sabendo da sua doença.

"Querido coração, há outros garotos no mundo."

Ari começava a sentir dores cada vez mais fortes e com mais frequência, algo que não era comum, então ela resolveu procurar o Dr. Smith, médico que cuida dela desde quando ela descobriu a coronariana. Fizeram alguns exames e descobriram que a situação era bem pior do que imaginavam.

Miles e Ari começaram a passar bastante tempo juntos, eles acabaram se apaixonando um pelo outro, mas nenhum admitiu. Ele fazia de tudo por ela, até as maiores loucuras.

Será que os dois ficariam juntos? E Ari, será que ela morreria?

Eu amei esse livro, amei de verdade. De início, quando li a sinopse pensei que seria mais uma dessas histórias clichês sobre uma pessoa que tem uma doença terminal e acaba se apaixonando e no final todos já sabem o que acontece. Mas NÃO! O fato de ter uma doença e se apaixonar acontece, mas não é igual essas histórias que acredito que algumas pessoas já estão cansadas. Não é apenas isso. Ela mostra que é muito importante a amizade nesses momentos difíceis, que as pessoas não precisam sentir pena de você, mas sim estar ao seu lado dando apoio e dizendo que está ali para tudo que precisar. E também tem o abandono da mãe, que acaba deixando as coisas mais difíceis, você precisar da ajuda da sua mãe mas não pode te-la por perto.

"Não existe más influências. Fazemos as coisas porque queremos."

Você começa a ler o livro e as horas vão passando e você simplesmente não percebe nada ao seu redor e quando vai ver já está no final. Você acaba sentido a dor de todos ali e sofrendo junto, rindo junto, tudo o que os personagens sente você também sente.

É meio difícil de acreditar que esse livro foi escrito por uma garota de 15 anos, ela conseguiu transmitir tudo que autores mais velhos não conseguem e tudo de uma forma tão simples. Esse livro é perfeito para quem gosta de "A Culpa é das Estrelas" e tenho que admitir que é mil vezes melhor. Mesmo o livro sendo curto, a autora conseguiu aproveitar bem as páginas.

"O amor é como os batimentos cardíacos. Nas horas finais, tornam-se mais fortes."

site: http://poeliterar.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



32 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3