Motivos Para Mudar

Motivos Para Mudar Maureen Child




Resenhas - MOTIVOS PARA MUDAR


2 encontrados | exibindo 1 a 2


Cris Paiva 27/04/2016

Achei as duas historias bem boazinhas.
A primeira faz parte dos Kings, uma serie imensa e cheia de gente fértil. Mas esse extrapolou na fertilidade e teve três bebês de uma vez só. Tudo bem, foi por inseminação artificial.
Connor doou o esperma para a amiga e sua companheira, e as duas esconderam que a fertilização deu certo e que gerou três bebezinhos, mas quando elas morreram, a tia da criança entrou em contato pedindo pensão alimentícia para os bebês. Só por causa disso já gostei da mocinha! Hehehehhe
Bom, ele vai até ela todo ofendido e com aquelas ideias de tirar a guarda das crianças e tudo o mais, mas ela joga logo uma real para cima dele e o coloca para dar banho em 3 crianças hiperativas que aprenderam a andar e estão naquela fase de fugir correndo. Connor descobre da pior forma que não basta ser pai, tem de participar. Kkkkkk
Só isso ja valeu a historia inteira e rendeu 4 estrelinhas.

Na segunda, Jonathon está sofrendo horrores com a falta da sua secretária e penando na mão de assistentes temporárias que não sabem fazer café e saem correndo quando ele chega. Mas quando Wendy volta ela vem acompanhada de um pacotinho cor de rosa, e pede demissão. Ela precisa provar para sua família rica, que além de ser uma mulher independente financeiramente, também é qualificada para tomar conta do bebê da falecida prima. E para isso precisa se mudar e esfregar a sua qualificação no nariz da familia se quiser ter a guarda e não ter de passar por um longo processo judicial.
Jonathon fica inconformado e resolve pedir a secretaria em casamento. Assim ele não perde a funcionaria e ela não vai precisar se mudar, afinal a família vai achar que o casamento é qualificação suficiente.
Tudo parece resolvido, até que a família texana e inxerida da mocinha chega em peso para inspecionar o marido, e o circo está formado!
A família da mocinha valeu o livro inteiro, o pobre coitado teve de pular miudinho na mão do pai da mocinha. Nota 4 também.
comentários(0)comente



Silvana Barbosa 22/01/2016

Precisa-se de pai , com urgência . Início imediato . Não é necessário experiência .
Duas histórias bonitinhas , com bebês fofos , mamães postiças e mocinhos TDB muito interessados em brincar de casinha .

Na primeira história temos uma mocinha meio sem noção . Dina Cortez era irmã da mãe dos trigêmeos que são a razão de ser da trama . O mocinho Connor King ( mais um desta série enorme que tem 16 histórias de homens King ) foi doador do esperma que fecundou a irmã da Dina , casada com a melhor amiga do Connor .. Ele nem sabia que a fertilização havia dado certo . Só foi saber quase 2 anos depois , depois que as 2 "mães" morreram e a Dina o processou , exigindo pagamento de pensão , porque ele era o pai de 3 crianças e nunca pagou um centavo por sua responsabilidade paterna (!) .
Que ?? Sim , ela fez isso .
E a bestalhona ainda estranhou quando o mocinho , muito rico , obviamente , resolveu lutar pela guarda das crianças . A Dina achou que o homem pagaria alegremente a pensão das crianças e deixaria o caso por isso mesmo... Ô mulherzinha tonta . E oportunista , né ?
Depois ainda ficou meio ofendida quando o cidadão ofereceu uma grana para ela parar de encher o saco e desistir das crianças . Como ela não aceitou o suborno , o jeito foi casar com ela e unir o útil ao agradável , já que previsivelmente a protagonista é linda e maravilhosa . Daí o negócio toma um rumo previsível , com os rolos de sempre.

A segunda história é mais legal , gostosinha de ler .
A Wendy "herda" um bebê de sua prima , que era mãe solteira . Pra evitar o confronto com a família podre de rica ( são magnatas do petróleo ) ela tem que mostrar que é uma boa e confiável mãe . Seu chefe , Jonathon Badgon , aquele genro com que toda mãe sonha , propõe que eles se casem pra enganar a família e evitar tanto as brigas na justiça como a demissão dela ( Wendy é uma assistente nota 10 , indispensável ) . E a Wendy aceita ! A família dela aparece pra visitar logo após o casório , e pra complicar mais um pouquinho o início do relacionamento , todos vão visitar a família pobre do Jonathon , gerando atritos , mas também a possibilidade de acertar todas as contas com o passado . De ambos .
Este segundo livro faz parte de uma trilogia ( os outros livros são dos sócios do Jonathon ) , mas não foram publicados aqui .
Monica 22/01/2016minha estante
Sorte que o mocinho salvou a primeira história...


Silvana Barbosa 22/01/2016minha estante
Ele também teve seus momentos "besta quadrada" , mas foi melhor que a mocinha , Monica . rsrs


Cris Paiva 11/04/2016minha estante
Ta cheio de povo sem noção nos livrinhos, e ainda mais na vida real. Não estranho mais nada hoje em dia. Kkkkk


Mile 04/07/2018minha estante
undefined




2 encontrados | exibindo 1 a 2