Twilight

Twilight Meg Cabot




Resenhas - Twilight


1 encontrados | exibindo 1 a 1


Andréia 22/12/2012

So much better than Twilight
Apesar do título e da estória ter uma linha parecida com Crepúsculo (garota adolescente se muda pra cidade, se apaixona por ser sobrenatural e está no meio de um triângulo amoroso), não há dúvidas de que as semelhanças de The Mediator - Twilight com a obra de Stephenie Meyer acabam por aí.

Neste livro, Suze Simon encontra-se no meio de um dilema: Paul Slater, seu mediador (ou "shifter") admirador "stalker", está decidido a voltar no tempo para impedir a morte de Jesse, o namorado fantasma bom-demais-para-ser-real de Suze, para que posso finalmente ter a garota para si. Então, a heroína tem que decidir: volta no tempo para salvar Jesse de sua morte prematura ou deixa-o morrer para que ela possa encontrar seu namorado fantasma no futuro?

É o sonho de toda garota ter dois caras lindos - ou um fantasma e um cara lindo, no caso - lutando pelo seu amor. Entretanto, como a própria Suze diz, quando isso realmente acontece, não há nada de divertido nisso. A paixão dos dois pela personagem é compreensível. Ela é uma jovem bonita, estilosa, determinada, sagaz e corajosa - sempre disposta a ariscar a própria segurança pelo ideal de ajudar os outros. Acompanhar a estória pelo ponto de vista dela é muito bom e divertido - seus comentários irônicos e sagazes são ótimos. Claro, a personagem possui falhas também - um pouco rebelde, age sem pensar, emotiva demais em relação aos seus amores - mas estas são tão típicas de uma garota adolescente comum que se tornam necessárias para que haja verossimilhança.

O livro é uma delícia e muito rápido de ler. É o típico livro para fazer uma garota ficar com um sorriso bobo no rosto no final. E o foi o desfecho perfeito para a série.
comentários(0)comente



1 encontrados | exibindo 1 a 1