Horas Decisivas

Horas Decisivas Michael J. Tougias...




Resenhas - Horas Decisivas


7 encontrados | exibindo 1 a 7


Wagner Oliveira. 01/08/2016

Uma história real e emocionante.
HORAS DECISIVAS.
Uma verdadeira história de amor ao próximo. O lema da guarda costeira era Semper Paratus do Latim que quer dizer (Sempre prontos). Esse lema foi seguido a risca por esses homens que fizeram o resgate mais arriscado de suas vidas nos Estados Unidos, e que agora vai ser exibido na telas de cinema do mundo.

Confesso que chorei, o livro nos diz algo a mais sobre a espécie humana, e nos mostra que quando temos vocação para fazer algo, nem os maiores perigos nos afastam de nosso dever. O livro não é, apenas um relato de um resgate marítimo, mas de uma lição de amor ao próximo e, de um combate contra o maior gigante da natureza o bravo mar.

Não conseguirei esquecer esse livro, ele me ensina que os homens são sim, voltados a ajudar o próximo e que todo ato que seja feito em favor de salvar uma vida vale qualquer sacrifício e aceita de bom grado que a exposição de nossas vidas para salvar outras é um ato totalmente correto e nobre.

Recomendo sim!
Leiam e se vejam nos personagens reais desse livro.
Atenciosamente,
Wagner Oliveira.
comentários(0)comente



Lê Golz 14/11/2016

Uma história de coragem
Quem me conhece sabe o quanto gosto de leituras com histórias verídicas e comoventes, então obviamente tinha imensa curiosidade de ler Horas decisivas, lançamento da Única Editora. Gostei bastante do livro e em breve verei o filme.

A obra é resultado de uma rica pesquisa dos autores que buscaram relatar de maneira fidedigna tudo que ocorreu em um dos mais ousados resgates marítimos da história. O ano é 1952 e em um mar congelante, diante de uma tempestade de neve com ondas gigantes, dois navios petroleiros partem-se ao meio quase ao mesmo tempo - localizados em posições diferentes. Os tripulantes que estão na proa e popa de ambos os navios enfrentam o mesmo drama: rezar para que o gigante de aço não afundasse e que o resgate chegasse o mais rápido possível. Enquanto isso o oficial da Guarda Costeira e sua equipe enfrentam o mar em fúria para salvar esses homens.

A descrição do resgate é feito com bastante ação e deixa o leitor tenso. Os resgates são feitos com profissionalismo, mas a vida de muitos homens é perdida diante da impossibilidade de vencer uma tempestade como aquela. Os autores possuem uma narrativa clara e direta, embora muitos trechos possam tornar a leitura mais lenta devido a descrição de detalhes de acidentes anteriores a esse, e aos procedimentos marítimos em caso de resgate. Apesar disso, o enredo ainda traz um pouco da vida pessoal dos personagens, o que ameniza a densidade da leitura em alguns momentos.

Basicamente a obra traz os fatos e pouca emoção, mas cada leitor é que sentirá o quão tocante é o relato dessa tragédia. Fiquei pensando nos homens que não sobreviveram e foram levados pelas águas geladas, e o quanto a vida de um único homem pesou na consciência do oficial da Guarda Costeira, apesar de o mesmo não possuir culpa alguma e ter salvo todos os demais homens. Esse foi um dos trechos mais tocantes.

"Ele observava o entardecer na popa que balançava. O céu estava ficando mais preto e era impossível ver onde a água encontrava o horizonte. Tudo lhe parecia uma coisa só. O respingo das ondas caía como chuva de balas de chumbo e Brown não podia imaginar que alguém ou alguma coisa pudesse penetrar as ondas violentas para resgatá-los." (p. 107)

Horas decisivas é um relato de vida e morte, e uma história de muita, muita coragem. Para quem gosta de histórias reais e cheias de ação, a obra é um prato cheio. Agora só me resta assistir ao filme e contar o que achei para vocês.

site: http://livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/2016/11/resenha-horas-decisivas.html
comentários(0)comente



Gramatura Alta 19/10/2016

Emocionante
Muitas pessoas acham que a ficção é mais interessante, emocionante, perigosa que a vida real. Bem, na verdade, isso nem sempre é verdade. Se cada um de nós olhar em volta, prestar atenção, vai perceber que a vida real pode ser, a seu modo, mais do que qualquer ficção.

É isso que prova HORAS DECISIVAS, o relato verídico de como quatro oficiais da equipe de resgate da Guarda Costeira fizeram o impossível, no ano de 1952, em uma pequena cidade pesqueira ao nordeste dos EUA, para salvar a vida dos tripulantes de um cargueiro partido ao meio por uma tempestade.

Era uma das piores tempestades que já havia atingido a costa americana e, por mais absurdo que possa parecer, dois cargueiros partem ao meio, quase ao mesmo tempo, em pontos diferentes do oceano.

Fort Mercer foi o primeiro cargueiro. Ele estava situado em um ponto mais distante do litoral, por isso a equipe tinha opções de trajetos diferentes de navegação para alcançá-lo. Pouco depois, foi a vez do Pendleton. Este estava mais próximo da costa, em uma região cheia de bancos de areia e altas ondas.

O único barco disponível tinha apenas 11 metros de comprimento. Bernie Webber foi o oficial encarregado não apenas de enfrentar a tempestade, mas também de passar por uma região onde, por causa das ondas, os bancos de areia se moviam e, por isso, não estavam mapeados. Isso significava que eles poderiam ficar perdidos, presos em um labirinto de ondas, sem conseguirem sair e até morrerem afogados. Mesmo assim, os quatro oficiais seguiram em frente.

Devido à travessia, eles perdem o rádio e a bússola. Então, sim, o que eles enfrentaram foi devastador. Tente se imaginar dentro de um barco pequeno, avançando para cima de ondas maiores que 5 metros, de noite, sem bússsola ou rádio, em um inverno congelante. Ter que encontrar um cargueiro partido ao meio, resgatar os tripulantes e retornar à costa.

Sim, acho que nem um herói de ficção seria tão corajoso quanto esses homens reais foram.

A narrativa de HORAS DECISIVAS é empolgante, sem interrupção, direta, sem enaltecer os personagens desse drama, apenas relatando o que realmente aconteceu. É uma leitura obrigatória para quem deseja entender como quatro homens podem fazer o impossível.

site: http://www.gettub.com.br/2016/10/horas-decisivas.html
comentários(0)comente



Lilian 09/02/2017

Te prende do início ao fim
Horas Decisivas é o tipo de livro que te prende do início ao fim, com uma história incrível e carregada de emoções!

Creio que todos devem ter ouvido falar do filme chamado Horas Decisivas lançado em fevereiro de 2016 estrelado por ninguém menos que Chris Pine (um dia ainda caso com ele rsrsrs), certo? Pois bem, este filme é a adaptação deste livro incrível, pasmem!

Nesta incrível aventura temos a história real, você leu bem, história real de um resgate marítimo realizado pela Guarda Costeira dos EUA, durante uma tempestade mega violenta que ocasionou inúmeras mortes, tanto em terra, quanto no mar (sim, eu dei uma pesquisada para mencionar isso para vocês, mas fica entre nós rsrs).

O resgate em questão era para salvar os tripulantes de dois navios petroleiros, chamados respectivamente de Pendleton e Fort Mercer, pois ambos tinha sido afetados pela tempestade e tiveram seus cascos partidos ao meio. Com isso, Bernie Webber, nosso protagonista e alguns companheiros se arriscam para salvar a vida dos homens que ali estavam.

"Sim, a vida de um membro da Guarda Costeira muitas vezes era ingrata, mas Webber não a trocaria por nenhum outro trabalho no mundo. E, nesse momento, logo após o amanhecer, ele olhava pela janela do refeitório, ouvia o uivo e se perguntava o que o dia lhe reservava."

Webber é um rapaz de família simples, sem mais ambições e que, surpreendentemente, gostava de ajudar o próximo. Digo isto, pois não é sempre que vemos uma pessoa assim, mas ele era. Seu trabalho era de guarda costeira, mas sempre tivera o sonho de navegar e enfrentar o mar. Mas ele se contentava com o que tinha, como eu disse, sem mais ambições.

Mas quando soube que os navios petroleiros precisavam de resgate, ele soube que aquele seria seu momento, ele ajudaria e teria a chance de se aventurar no mar. Todavia o que fora mais surpreendente foi o fato de que ele e seus homens se arriscaram sem uma única bússola ou qualquer outro objeto que os auxiliasse na localização e ainda obtiveram sucesso! (Ops, spoiler?)

Achei incrível a forma como Webber arriscou a própria vida sem nem pestanejar para salvar a vida dos colegas tripulantes, o que foi ao final considerado um ato extremamente heroico. Sua necessidade de ajudar aquelas pessoas era tanta que ele simplesmente não podia deixar de fazer aquilo.

A narrativa é envolvente, carregada de tensão e nos faz imaginar o que irá nos esperar na próxima página, por isso não posso reclamar. Um relato muito bem construído e detalhado de forma tal que podemos nos imaginar naqueles navios partidos e lutando pela própria vida.

"O amanhecer ainda estava a muitas horas de distância, e eram poucas as chances de a tripulação conseguir sobreviver tanto tempo à deriva no mar cruel e implacável."

Outro ponto fortíssimo foi que, ao meu ver, em momento algum a história pareceu irreal ou fantasiosa, pelo contrário, o relato foi tão fiel que não precisou de mais nada para nos mostrar o que aconteceu com essas pessoas e a forma corajosa como sobreviveram a uma tempestade perigosa e mortal. E ainda, houve o cuidado com o leitor, pois apesar de se referir a uma aventura marítima, nós podemos acompanhar perfeitamente e compreender o que era repassado, isso foi incrível!

No mais, não posso deixar de mencionar que a obra traz ainda um mapa marítimo demonstrando a rota que cada pessoa fez nas missões, o que ajudou muito na compreensão do que aconteceu. Mas, o que eu mais gostei foi o relato ao final nos contando o que aconteceu com cada pessoa salva no fatídico dia, achei fantástico.

Não sei se foi a escrita ou o fato de que eu sabia que era baseado em uma história real, mas tudo pareceu tão intenso e tão nítido que me peguei em alguns momentos segurando a respiração e com muita tensão! Então, não posso deixar de recomendar essa história, este livro, para aqueles que gostam de histórias heróicas e dignas de um filme haha!

site: http://www.leitorasvorazes.com.br/2016/12/resenha-99-horas-decisivas.html
comentários(0)comente



Morgana Brunner 15/11/2016

Resenha l Horas Decisivas - Michael J. Touglas e Casey Sherman
Oiii gente, tudo bem?
Hoje venho trazer a resenha de um livro lindo que recebi em parceria com a Editora Única, um tempo atrás havia feito uma postagem falando sobre esse livro que seria o lançamento. Eis que agora trago a resenha e me sinto encantada pela obra.

Quando a obra chegou aqui em casa fiquei imensamente contente, pois estava ansiosa para começar o quanto antes e trazer a resenha para vocês, aliás raramente encontro livros desses gêneros para comprar e logo quando acho algum me apaixono perdidamente.
Horas decisivas é uma história de superação e envolvimento com o mar, ele que atua de certa maneira e leva várias pessoas consigo nas ondas, o mar aquele que refresca e limpa a alma, também pode ser violento e machucar, ferir e matar indivíduos que estavam apenas a fazer seu trabalho. O mar, aquele que devora e engole tudo que está ao seu alcance.

"Sim, a vida de um membro da Guarda Costeira muitas vezes era ingrata, mas Webber não a trocaria por nenhum outro trabalho no mundo. E, nesse momento, logo após o amanhecer, ele olhava pela janela do refeitório, ouvia o uivo e se perguntava o que o dia lhe reservava." Pág. 25

Todos estavam a caminho de uma nova missão, os tripulantes estavam contentes e realizados para fazer isso e sair com algum reconhecimento, pois sabiam que de alguma maneira iria influenciar na sua carreira e assim poderiam ter um cargo mais elevado. Mas, algo inesperado aconteceu naquele momento...ele viera derrubando e devorando tudo que estava a seu alcance, ele sim tinha o poder de desconstruir um petroleiro e levar as pessoas juntos para si, ele era o mar, revoltado e ao mesmo calmo. Causando um alvoroço em cada um que estava a bordo, sem saber se sairiam vivos dessa.

Bernie Webber um rapaz simples que tivera uma família incrível, era humilde e queria de todas as maneiras sempre ajudar o próximo, era sua vontade, era simplesmente um guarda costeira. Mas, para ele até que estava de bom tamanho, sendo que sua vontade era enfrentar o mar, navegar e conhece-lo, como não conseguiu, este emprego já estava bom o bastante.

"Os homens prosseguiram; a água foi ficando mais profunda - muito mais profunda do que eles poderiam ter imaginado." Pág. 73 à 74

Era o seu momento, um petroleiro estava em apuros então todos ficaram em dúvida, referente se teria gente suficiente para mandar ao resgaste. Bernie se candidatara e estava colocando a prova seu sonho de enfrentar novos obstáculos e assim entrar no mar para salvar vidas como sempre quisera, será que dessa vez seria o momento disso? Eis que demoraram alguns momentos para que tudo desse certo e decidido. Webber iria, custe o que custasse e assim realizar seu sonho de entrar ao mar como quem sabe sair um herói.

Ninguém sabia ao certo o que realmente acontecera com o petroleiro, era um grande mistério. Mas, o necessário era salvar a quantidade de pessoas que estavam ali, aos poucos tudo estava ocorrendo bem até começarem a enfrentar cada vez mais o mar, as ondas aumentavam e até então teriam um obstáculo, mesmo que custasse sua própria vida. A única pista que tinham, o petroleiro havia se rompido ao meio, não imaginavam como isso teria acontecido referente a capacidade e a estrutura ser forte e pesada, precisariam chegar antes que tudo piorasse.

"O amanhecer ainda estava a muitas horas de distância, e eram poucas as chances de a tripulação conseguir sobreviver tanto tempo à deriva no mar cruel e implacável." Pág. 116
Além disso, mais adiante um outro havia se rompido no mesmo local, ao meio. Isso sim que era um mistério que ninguém sabia de que maneira teria acontecido, mas sim que deveriam salvar todos os tripulantes que haviam sobrado, aqueles que as ondas ainda não haviam levado. Era um momento de colocar a sua vida em risco e dos colegas, seria um passo adiante que mudaria tudo.
Todos estavam a bordo e indo encarar aquelas ondas, no caminho todos estavam apreensivos e além do mais, será que iriam conseguir chegar ao local que os tripulantes estavam e sair vivos? Era um mistério que Bernie não sabia se teria volta essa decisão. Mas, apenas conseguia pensar em Miriam, sua esposa no qual estava doente em casa e não sabendo de nada que ele estava a fazer, pois não se falavam a dias, seria uma surpresa e tristeza se ele não voltasse para casa.

"Entraram devagar no compartimento, e suas lanternas detectaram um homem estendido sobre uma prateleira em um armário de tintas." Pág. 185
Bernie estavam chegando ao local onde seria sua missão depois de enfrentar tantas ondas que poderiam ter o levado junto, mas algo surpreendente aconteceu ao chegar ao lugar. Uma coisa que modificou toda a história e de certa maneira começaram a acontecer realmente os fatos e a nos prender em casa linha escrita. Era o momento tão esperado e todos estavam ansiosos a saber como iria levar todos e se conseguiriam saber ilesos daquele mar? Eis que tudo começa a ser diferente e coisas começam a acontecer, trazendo a adrenalina a flor da pele.

Horas Decisivas foi um livro surpreendente que tive a oportunidade de realizar a leitura, ainda mais quando descobri que é baseada em história real, me emocionou de certa maneira referente a todos fatos que aconteceram e lembraram-me da angustia das famílias que estavam a esperar as pessoas em casa e até o momento não ter nenhuma resposta se estariam vivas ou não.
A edição está fabulosa como puderam ver nas fotos, além do mais as páginas são amarelas e as letras legíveis na cor preta, melhorando o jeito de lermos. No início do livro tem um mapa marítimo demonstrando a rota que cada um fez nas missões, facilitando o entendimento em relação das dificuldades que estavam para acontecer, sem nos deixar boiando na história sem saber das distâncias.

Ao final do livro tem um parágrafo para cada personagem e pessoa que fez parte da história, que conta como realmente estão atualmente, se estão vivos ou não, contado detalhadamente até coisas que haviam dito na hora da missão. Dessa vez, a Editora Única me surpreendeu de uma maneira encantadora, esse livro é maravilhoso! Realizei a leitura dele em apenas um dia de tão viciante a história.
Além do mais, o livro deu origem e inspiração para o filme da Disney estrelado pelo autor Chris Pine, ainda não tive oportunidade de assistir!

Recomendaria esse livro para todos que gostem de um livro de tirar o fôlego e ter uma ressaca após a leitura, pois ele mexeu comigo de uma maneira surpreendente.

site: http://segredosliterarios-oficial.blogspot.com.br/2016/09/resenha-l-horas-decisivas-michael-j.html
comentários(0)comente



Fernanda @condutaliteraria 02/10/2016

Resenha - Horas Decisivas
“Horas Decisivas” é baseado na história real de um dos maiores resgates marítimos feito por um pequeno barco salva-vidas nos Estados Unidos.

Os fatos ocorreram em uma pequena cidade litorânea, que vivia basicamente da pesca nos anos 50. A cidade, além dos pescadores, contava com um posto da Guarda Costeira.

Em 18 de fevereiro de 1952, uma grande tempestade atinge as cidades litorâneas, causando vários danos. Neste cenário uma equipe da Guarda Costeira recebe um chamado de resgate do navio petroleiro Pendleton, que se partiu no meio e está afundando.

Quatro oficiais são convocados para o resgate dos trinta tripulantes, são eles: os oficiais Bernie Webber, Andy Fitzgerald, Richard Livesey e Ervin Maske, assumindo o risco a bordo do barco de resgate CG36500.

E o que era pior, o Pendleton não foi o único navio a sofrer com a tempestade naquela noite.

O livro é dividido em três partes cheias de agonia e tensão, onde acompanhamos a bravura e heroísmo de quatro homens em meio a um mar revolto e sem saber o que ocorreria.

Os autores foram bastante detalhistas aos acontecimentos da noite do dia 18, resultado de um bom tempo de pesquisa que dedicaram sobre o ocorrido.

Contamos ainda com entrevistas e o pós com todos os sobreviventes.

“Horas Decisivas” foi um livro surpreendente que tive a oportunidade de ler. Além de toda agonia que senti pensando nos momentos do resgate, nas famílias, me emocionei muito tanto com os sobreviventes quanto com a bravura desses quatro oficiais.

A edição está perfeita, sem erros e no começo do livro ainda temos um mapa marítimo como auxiliar na leitura e melhor entendimento dos fatos.

O livro deu origem para o filme da Disney estrelado pelo ator Chris Pine, o qual ainda vou conferir!
comentários(0)comente



Ileana Dafne 01/10/2016

Emocionante!!
Horas decisivas é um livro que retrata a real história dos dois mais icônicos resgates realizados pela Guarda Costeira dos EUA, no ano de 1952, precisamente em 18 de fevereiro, durante uma tempestade Nor’easter do solstício de inverno que, por conta da sua violência e poder, ocasionou prejuízos e mortes tanto em terra quanto no mar. O resgate em questão era dos tripulantes de dois petroleiros, o Pendleton e o Fort Mercer, que foram pegos pela tempestade e tiveram seus cascos partidos ao meio, de forma que os resgates foram divididos em duas proas e duas popas em meio a violência da tempestade.
O que tornou tudo mais impactante foi que o maior resgate foi realizado numa simples lancha GC36500, um barco da Guarda Costeira de 36 pés, comandada pelo contramestre Bernie Webber e tripulada por mais 3 homens com o mesmo senso de honra e bravura que saíram de Chatham, passaram pelos bancos de areia traiçoeiros e seguiram em alto mar sem bússola nem qualquer outro meio de localização de si mesmos ou do alvo de seu resgate.
O lema oficial da Guarda Costeira é Semper Paratus, sempre pronto, contudo o lema que mais significou nesse dia para todos os oficiais envolvidos diretamente no resgate foi o não oficial: Você tem que ir, mas não tem que voltar.
A história é incrível! Eu não consegui parar de ler até terminar o livro e em alguns momentos parecia que estava vendo os acontecimentos, de tão bem contados que são. Tougias e Sherman souberam escrever a história de uma forma envolvente e como fizeram um trabalho maravilhoso de pesquisa, deixou tudo muito real.
No livro tanto o resgate das proas e popas de ambos os navios têm sua importância e são igualmente retratados. O livro divide-se em 3 partes, sendo a primeira a mais angustiante, pois mostra o momento em que os navios se partem e como os resgates são iniciados, mostrando o ponto de vista da tripulação dos petroleiros e dos barcos de salvamento.
E o epílogo mostrando o reencontro e o apêndice com a situação atual dos envolvidos no resgate, seja como membro da Guarda Costeira, seja como resgatado foi fantástica e tornou tudo ainda mais real.
Maravilhoso e super recomendo!!

site: http://www.livroseflores.com/2016/09/horas-decisivas-michael-j-tougias-e.html
comentários(0)comente



7 encontrados | exibindo 1 a 7