Conserte-me

Conserte-me J. L. Mac




Resenhas - Conserte-me


7 encontrados | exibindo 1 a 7


Taty Assis 22/05/2016

Quando terminei de ler o livro Destrua-me, que é o primeiro livro da série, quase surtei. O final foi arrasador e deixou meu coração em frangalhos. Fiquei de ressaca por dias. Então é claro que as minhas expectativas em ler Conserte-me estavam altíssimas e acho que foi aí o meu erro. Não detestei o livro, acho que só esperava mais.

Depois do tremendo susto que Damon deu a todos, ele está de volta, mas já não é mais o mesmo. Ele está sem "vida", age sem nenhuma emoção. Já Jo está disposta a fazer com que o homem que tanto ama volte e que o homem frio que se apossou de Damon desapareça. Mas isso não será uma tarefa fácil.
"A cada segundo que passa, mesmo sem uma semelhança com o meu Damon, a verdade se solidifica ainda mais. Ele se foi e eu tenho que encontrá-lo. Tenho que trazê-lo de volta. Tenho que fazê-lo acreditar que eu acredito. O acidente não foi culpa dele e nós fomos feitos um para o outro. O passado trágico que se dane."

Damon, depois das coisas que teve que passar na infância e com a reação de Jo depois de saber de tudo, acabou ficando traumatizado, talvez pelo fato de achar que seria abandonado mais uma vez.

"— Você já não me abandonou o suficiente, Josephine?
[...]
— Por que não me deixa decidir se você deve ir embora ou não dessa vez?"
Jo mesmo fazendo o que pode para trazer seu antigo Damon de volta, ele parece não reagir ao esforço e amor dela. Na verdade, tudo o que importa para ele no momento é a entrega total de Jo. E bem, digamos que entre eles tudo acaba em sexo, o que em alguns momentos acabou me incomodando porque acabo sentindo falta de diálogos entre o casal.

E se não bastasse o atual estado de Damon, o seu passado familiar acaba retornando aos poucos, o que me deixou surpresa, e acredito que o passado dele vai resultar em muitas confusões e planos de vingança.

A autora J.L. Mac é mestra em nos fazer acreditar que está tudo lindo e maravilhoso e de repente, boom, joga uma bomba e nos faz mais uma vez desejar ter a sequência em mãos o quanto antes. E por falar em sequência, foi uma surpresa para mim descobrir que a história de Damon e Jo não seria concluída neste livro. Jurava que eu veria finalmente o felizes para sempre deles, mas isso não aconteceu rsrs.

E talvez alguns de vocês devem estar se perguntando: Por que ela não gostou deste livro como gostou do primeiro?

É fácil explicar. Os personagens já não são mais os mesmos. Não consegui me conectar com eles como tinha me conectado no livro anterior. Talvez meu erro foi ter esperado muitas "flores e corações", e isso foi de longe o que aconteceu.

Mencionei que os personagens já não são mais os mesmos e não são mesmo. Acredito que qualquer um mudaria se passasse por tudo o que Damon e Jo tiveram e ainda vão ter que passar.

Damon foi o que mais me chocou neste livro. Eu entendi seus medos, entendi que seu estado traumático foi o resultado de muita dor e abandono, mas não entendi suas reações quando já estava em casa. Achei que em muitos momentos ele foi infantil e possessivo. Em vez de tentar resolver as coisas, ele acabava fugindo mesmo dizendo que estava tentando ser o antigo Damon.

Já Jo foi um posso de lamúria e força, o que já era de se esperar. Mas ela é muito impulsiva e vai acabar se metendo em uma grande confusão, ainda mais por estar tomando decisões, que diga-se de passagem não cabem a ela, escondidas de Damon.
"Se ele precisa da porra de um saco de pancadas emocional, serei o melhor saco de pancadas do planeta! Vai doer pra caralho continuar me sentindo rejeitada quando tudo o que eu quero é que ele me ame como amava, mas não tê-lo dói muito mais."

Mas mesmo não sentindo tanto apego pelos personagens, confesso que estou ansiosa pela continuação; e nem é por causa do "narrador" inédito que apareceu no capítulo final, mas sim por causa da personagem que se revelou ser uma parte do passado de Damon. E por falar nisso, eu fiquei sem entender essa revelação O.o hahaha. Acredito que no próximo livro tudo seja esclarecido.
E estou ansiosa para saber o que o futuro reserva a Damon e a Jo.

E para finalizar: Leiam Conserte-me e tirem suas próprias conclusões. Talvez vocês amem, talvez vocês odeiem, ou talvez, assim como eu, vão ficar no meio termo - entre o amor e ódio. rs

site: http://www.aculpaedosleitores.com/2016/05/resenha-conserte-me.html
Lucila 02/06/2016minha estante
Fui mais generosa. Dei 3, mas não me convenci muito.
Gostei do livro 1 - Destrua-me, e dei 3 porque tinha uma continuação ainda não lançada, que me deixou com água na boca.
Mas concordo inteiramente com a resenha. Acho que ela não merecia certos comportamentos.
De qualquer forma, quero a continuação (e que seja o último!)




Paula Juliana 12/06/2016

Resenha: Conserte-me - Wricked # 2 - J. L. Mac

Conserte-me foi o tipo de livro que me tirou do planeta terra, foi só começar a ler que logo nas primeiras páginas me vi submersa na história, me veio a mente aquele pensamento feliz: Esse é um livro DAQUELES! Um daqueles que te faz ficar grudadinha, que te faz não querer comer, dormir, sair, tudo que você quer fazer é continuar lendo e lendo, até você descobrir tudo que o enredo tem para te contar, tudo que esses personagens tem para te contar, te surpreender, te emocionar e te inspirar!

Lembraram de algo??? Foi exatamente assim que comecei a resenha de Destrua-me o primeiro livro da saga que conta a história de amor e superação de Jo e Damon! Perdão Jo, voce foi maravilhosa, mas esse segundo livro foi do nosso Damon, e que dor, que sofrimento, que sequencia! Obrigada Senhor!!!!!! Obrigada autora linda!!!!!

''Josephine Geroux é a nossa Jo! Apenas Jo, porque como ela mesmo diz, é uma ninguém, uma garota de 25 anos que tira seu sustento trabalhando em uma livraria falida, que tem um passado terrível, perdeu seus pais em um trágico acidente de carro aos nove anos, de uma menina mega amada e protegida a uma vida cheia de horrores e privações. Jo após o acidente foi encaminhada para lares adotivos, e para fugir dos abusos e da piedade, a ''atenção'' em excesso, ela acaba nas ruas, sendo uma sem-teto que tinha como seu grande refugio de vida a biblioteca publica e seus livros, autores e histórias.

Foi por esse amor e esse conhecimento que resolveu puxar as rédeas de sua vida, e seu caminho cruzou com o senhor Capitão Sutton, o ''velhote'' proprietário da livraria que Jo trabalha, o homem que deu uma oportunidade para a menina sem-teto. Que lhe deu uma muda de roupa, um emprego e uma direção, essa que Jo agarrou com todas as suas forças. Hoje ela tem um lugar seu, uma cama, roupas e comidas compradas com seu trabalho e dedicação. Capitão seu chefe é sua companhia constante, quase um pai, mesmo que Jo não admita isso!''

Nesse segundo livro Jo lida também com as consequências do que houve com nosso Velhote no fim do primeiro volume!

''Foi em um dia de trabalho, logo após colocar um ladrão para ''correr'', que Jo conhece o misterioso e atraente Damon Cole, atração imediata, alucinada e sem sentido e uma estranha sensação de familiaridade! Da onde ela conhece esse homem? Não foi de seus sonhos com toda certeza, apesar que é verdade que seriam ótimos sonhos!!!

Damon e Jo protagonizam uma história de amor linda, envolvente e de tirar o fôlego!''

Conserte-me é bonito, romântico, quente, é um pouco clichê, um daqueles livro que consegui saber mais ou menos o rumo que a história iria trilhar, mas também é surpreendente, é envolvente, ao ponto de te desesperar e te dar aquele aperto no coração. Fala de dor, perda e superação. Uma mocinha que perdeu a ilusão na vida, que vive para sobreviver, que não se importa com bobagens, é direta, boca suja, não tem papas na linguá, fala o que pensa e senti, se envolve, se entrega e é verdadeira! Sincera! Com ela e com os outros!

''Damon é um homem maravilhoso, claro que ele tem seus fantasma, todos temos, uma família quebrada, um pai alcoólatra, uma mãe que o entregou quando criança, tem que lidar com o sentimento de rejeição, e até culpa todos os dias. E apesar dessa parte escura de sua alma, ele é incrível, o homem que mamãe pediu como genro, um homem forte, dominante, mas não no sentido Grey da vida, ele apenas é uma figura autoritária, acostumado a estar no comando. Rico, bonito, gostoso, quente e solitário!
Quando Damon se envolveu com Jo, ele simplesmente se entregou e foi uma entrega linda de se acompanhar!''

Conserte-me teve todos os elementos que considero viciantes em uma boa leitura, ele com certeza foi para a minha listinha de queridinhos, aqueles que vou ler, reler, acompanhar os livros da autora e ficar ansiosa esperando as continuações - E QUE VENHA LOGO O TERCEIRO VOLUME! Um banquete de emoções e sentimentos, e uma linda história de amor, perdão e superação! Quente como o inferno, envolvente como a paixão e doce como o amor! Recomendadíssimo!

Sobre a sequencia desse segundo volume realmente me surpreendeu, não pensei que iria conseguir me envolver ainda mais que o primeiro livro, principalmente que já fazia um tempo que tinha lido o Destrua-me, Jo mostrou uma força e perseverança que a maioria das mulheres por mais apaixonadas que possam estar não demonstrariam. Foi uma caminhada árdua para o casal e a grande espera do final feliz que pode ser derrubado a qualquer momento.
Damon roubou a cena pelo apelo psicológico do personagem, pela força também que demostrou e pelo que foi desvendado do seu passado traumático. Destaque para a vó, para a irmã que enfim tomou jeito e pelo humor empregado no meio de tanto drama!

Conserte-me é uma leitura gostosa, muito envolvente que mexe com os sentimentos do leitor e vicia, é impossível não esperar o terceiro volume, é impossível não entrar na história e curtir, se apaixonar por esses personagens! Recomendadíssimo!!!

Paula Juliana

site: http://overdoselite.blogspot.com.br/2016/05/resenha-conserte-me-wricked-2-j-l-mac.html
comentários(0)comente



Livros Encantos 17/06/2016

Dois personagens que buscam a todo custa voltar a tona após grandes revelações do passado, ambos com certeza passaram por muitas mudanças nesse livro.
Conserte-me nos traz dois personagens totalmente quebrados pelo passado, ambos estão tentando se reconstruir com base no amor que sentem mas nem sempre é uma tarefa fácil ...

Confira a resenha do livro 01 aqui

Após a carta devastadora de Damon que me deixou com coração na mão sangrando, Jo descobre a verdade sobre o acidente que matou seus pais, e corre atrás de seu grande amor.
Damon em seu desespero toma uma medida drástica. Jo chega a tempo de impedir uma grande tragédia.

Em sua recuperação Jo está sempre ao seu lado, inicialmente iremos ver um Damon apático sem reação absorvendo toda sua dor, quando ela explode, vem a tona um Damon perdido sem esperança chegando a ignorar Jo, de certa maneira a usando contra a dor que carrega.

Jo que no primeiro livro se mostrou uma mulher de atitude, se vê perante uma situação inusitada o homem que ama, está distante frio devido a seu abandono, ela no entanto não desiste segue firme ao seu lado mesmo nos piores momentos.
Para quem acompanhou Jo no primeiro livro vai notar essa diferença em sua personalidade.

Damon está ferido com o abandono de Jo, aos poucos suas feridas vão sendo expostas, e muito do comportamento dele hoje será explicado, iremos sentir o quanto seu mundo foi frágil em muitos momentos e a cicatrização desses feridas leva tempo e paciência.

Elise irmã de Damon se torna uma pessoa injusta ao fazer muitas acusações a Damon, e vemos uma Jo defender seu grande amor e expor uma verdade nua e crua sobre a família de Damon.

Enfim Damon e Jo conseguem se abrir e deixar o verdadeiro sentimento vir a tona e ser a base de uma nova fase sem mentiras ou meias verdades... ambos ainda estão se reconstruindo ...

Destaque como sempre para a Vó personagem carismática, que sou apaixonada por ela, pela sua alegria, sensatez e loucura na medida certa.

Um novo futuro espera Damon e Jo ... porém assuntos do passado de Damon pode colocar tudo a perder ...

Não espere um romance repleto de cenas românticas pois serão poucas, a autora revela a dor de Damon em seu nível máximo, acredito que seja um dos poucos livros onde o personagem principal se despe e expõe a alma ferida, machucada a ponto de perder a razão.

O título é perfeito para o livro, Damon precisa ser consertado, ser amado e confiar que é merecedor do amor de Jo por ele.

A escrita da autora nesse livro mexe com nossas emoções sentimos sentimos raiva de Damon, e ao mesmo sentimos sua dor latejando.

Jo nesse livro foi firme em sua teimosia, mesmo suportando atitudes de descaso de Damon, ela se manteve ao seu lado, pois tinha a certeza que o homem que sempre amou voltaria para ela com suas dores e alegrias.

Dois personagens que buscam a todo custa voltar a tona após grandes revelações do passado, ambos com certeza passaram por muitas mudanças nesse livro.

Capa linda como sempre diagramação delicada dando um charme a mais a leitura.




site: http://www.livrosencantos.com/2016/06/conserte-me-jl-mac.html
comentários(0)comente



Meu Vício em Livros 21/06/2016

muito ruim
Aquele momento em que você termina de ler um livro e pensa: o que foi que esta autora fez? Cadê aquele casal maravilhoso que eu me apaixonei no primeiro livro? Esperei tanto pela continuação e fiquei decepcionada. Os personagens parecem que sofreram lavagem cerebral, não são mais os mesmos. O segundo livro da série começa exatamente de onde o primeiro parou, com cenas tristes e tensas. Depois de tentar tirar a própria vida, Damon sai do hospital como um homem transformado e apático. Novos segredos de seu passado são revelados e apesar de entender que tudo o que ele sofreu foi mesmo traumático, nada justificava o tratamento humilhante que ele dispensava a Jo.

Ele agia como se ela fosse a culpada pelo que aconteceu, sendo que ela não tinha conhecimento de todos os fatos e se comportou exatamente como qualquer mulher ao saber que o namorado foi...LEIA MAIS EM http://www.meuvicioemlivros.com/2016/06/resenha-conserte-me-livro-2-da-serie.html

site: http://www.meuvicioemlivros.com/2016/06/resenha-conserte-me-livro-2-da-serie.html
comentários(0)comente



Malucas Por Romances 26/06/2016

Uma leitura hot, rápida e prazerosa, que você vai terminar querendo mais
Conserte-me é o segundo livro da série Wrecked, lançamento desse mês da Editora Charme. Postei semana passada a resenha do primeiro livro que se chama Destrua-me aqui no blog. Quem quiser dar uma conferida antes de ler essa resenha é só clicar AQUI. Se você ainda não leu o primeiro livro da série peço que pare de ler a resenha. Pode conter spoilers do primeiro livro, então se continuar é por sua conta e risco.

"Posso trazê-lo de volta para mim ou perdê-lo para sempre. A ideia de nunca mais tê-lo de volta do jeito que ele era é apavorante. Rouba o ar dos meus pulmões."

Depois do final bombástico que foi o primeiro livro fui correndo para ler esse livro. O primeiro livro termina com Damon sendo hospitalizado e ficamos com o coração na mão para saber o que acontecerá com esse casal. A autora foi má em terminar o livro daquele jeito. Sorte que já tinha o segundo livro em mãos. Imagino quanta gente ficou em cólicas quando leu esse livro sem o lConserta-me em mãos e quantas pessoas estão doidas para ler esse livro.

Depois de Damon nos deixar com o coração a mão ele está de volta. Se no primeiro livro você amou Damon no segundo você vai querer matá-lo. Damon depois que volta para casa vira outra pessoa totalmente diferente. Ele volta como se fosse um robô sem sentimentos e de certa forma cruel com Josephine. Diversas vezes me vi na leitura gritando e indignada com a reviravolta que autora deu para Damon nesse segundo livro. Chorei diversas vezes por raiva de Damon. Ele fez coisas com Josephine que você vai se pegar pensando: porque amo mesmo esse cara?

Josephine nesse livro conseguiu me conquistar um pouco. A danada sofre e continua mais trouxa do que nunca. Eu na pela de Josephine não aguentaria as patadas de Damon. Ela se sente muito culpada pelo que Damon fez e fica a todo momento ao lado de Damon, e ajuda ele sair desse lado escuro dele. Essa mocinha aqui é guerreira. Entendi Josephine um pouco mais nesse livro. E acho que na pele dela faria tudo igualzinho também. Porque por Damon viro trouxa também haha.

"Antes de você aparecer na minha vida, eu sentia o chão desmoronando aos meus pés. Então, você apareceu e tive algo para agarrar."

Como no primeiro livro esse também tem uma capa aveludada. Amei a capa dessa série que é gostosa de pegar, dar vontade de abraçar e nunca mais largar rsrs. Diagramação e revisão está perfeita como sempre nos livros da Editora Charme. O capricho que a Editora Charme tem com os livros todos sabem, então com certeza vale a pena ter esse livro na estante.

Resenha completa no blog

site: http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/2016/05/resenha-conserte-me-serie-wrecked-livro.html
comentários(0)comente



Atitude Literária 29/10/2016

Foi bom, mas esperava mais...
- CONTÉM SPOILER DO PRIMEIRO LIVRO – DESTRUA-ME -

Em DESTRUA-ME, conhecemos Jo e tudo que ela precisou enfrentar ao longo da vida, desde que seus pais faleceram vitimas de um acidente de carro, provocado por um motorista inadimplente. Conhecemos seu caráter, sua força e garra. Ficamos familiarizados por seu amor pela literatura e o quando a figura do Capitão – Seu patrão e “amigo” – significava para ela. Assim como, acompanhamos a trajetória do amor de Jo e Damon, que não conseguiam explicar a familiaridade e o modo como sabiam que se pertenciam desde o primeiro olhar se entregando a uma relação intensa e de tirar o fôlego.

Mas... A vida está realmente disposta a desafiar a Jo, e agora ela precisa lidar com novos acontecimentos e revelações.

Após quase conseguir acabar com sua própria vida Damon está perdido em si mesmo. Inerte e até indiferente a tudo e a todos. Sua vitalidade apagou e restou apenas a casca do homem maravilhoso e doce que conhecemos no primeiro livro. A verdade é que ele está com medo de voltar a confiar, com medo de se entregar e sofrer mais rejeição e abandono. Sua nova face é apenas uma mascara, uma maneira de se proteger de tudo que tanto lhe faz mal. A forma que ele encontrou para conseguir “reagir”. E ainda que me irrite, que julgue algumas de suas ações como exageradas eu as compreendi.

Jo enfim aceita que cometeu um erro. Ela afastou o único homem que amou, que a protegeu e a manteve segura, e quando tentou chegar até ele para se desculpar, algo muito ruim já havia acontecido. Seu Damon não é mais ou mesmo, mas ela é determinada e irá lutar bravamente para trazê-lo de volta. Jo é forte, está acostumada a cair e levantar, ela é teimosa, e preciso dizer que fiquei entre o ódio e o amor por ela.

"Antes de você aparecer na minha vida, eu sentia o chão desmoronando aos meus pés. Então, você apareceu e tive algo para agarrar."

CONSERTE-ME é uma história intensa de superação. De Amor sem medida, forte, que suporta, que enfrenta, que encoraja, que incentiva. Sobre segundas e terceiras chances, sobre não ter medo de se entregar, de se abrir, dar e receber. Nossos protagonistas enfrentam o doce e o amargo e precisam aprender a lidar com cada consequência de seus atos. Em meio a este caminho de descobertas eles acabam se machucando, mas enfim descobrem que são mais fortes juntos e que precisam do apoio um do outro.

Apesar de ter me surpreendido em alguns momentos e verdadeiramente gostado da obra, algumas situações me incomodaram, como a transformação do Damon, mesmo compreendendo tudo que ele passou e o que o fez agir do modo como estava agindo, senti vontade de lhe dar uns tapas e dizer: Ei se toca, está passando do ponto. Assim como ocorreu com a Jo, apesar de toda sua determinação em ajudar Damon, ela caiu em um rotina de lamurias e choramingo, queria que ela tivesse reagido, se imposto mais, se preciso fosse dado uns sacolejo nele ou um pé em sua bunda – revolta de leitora. De qualquer forma esses apontamentos não minimizam a grandeza da obra e o fato de ter chegado ao final ansiando por mais.

"Se ele precisa da porra de um saco de pancadas emocional, serei o melhor saco de pancadas do planeta! Vai doer pra caralho continuar me sentindo rejeitada quando tudo o que eu quero é que ele me ame como amava, mas não tê-lo dói muito mais."

J. L. MAC mais uma vez provou que sabe escrever enredos envolventes e conquistar seus leitores. Assim como, já deixou bem claro que ama nos deixar com o coração na mão e aflitos pela sequencia. Ela nos faz acreditar que o tão final feliz está chegando, que tudo está lindo e de repente, somos surpreendidos pela volta do passado e com ele novas ameaças e mistérios.

"Já passei por algumas coisas na vida, mas tenho a sensação que estou indo para uma batalha de vida ou morte com Damon. Por Damon."

De modo geral eu gostei da obra, foi revelador conhecer um pouco mais sobre os personagens, desvendar seus limites e a força que cada um carrega. O amor nunca é fácil ou descomplicado mesmo e ver personagens imperfeitos, com seus defeitos tão nítidos, acabou me aproximando deles.

site: http://www.atitudeliteraria.com.br/2016/06/resenha-concerte-me-serie-wrecked-vol-2.html#.WBSoG_krLIU
comentários(0)comente



dayukie 31/07/2017

"Vi a mulher forte voltar, mas senti raiva por ela aceitar as migalhas que o Damon estava lhe oferecendo. Da mesma forma que vi um homem forte destruído, mas também senti compaixão ao entender toda a sua história."


Resenha completa no blog.

site: https://goo.gl/s5Eoxb
comentários(0)comente



7 encontrados | exibindo 1 a 7