O Príncipe do Prazer

O Príncipe do Prazer Nicole Jordan




Resenhas - O Príncipe do Prazer


23 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


spoiler visualizar
comentários(0)comente



Sabrina Meire 05/04/2020

Príncipe dos prazeres <3
O marquês de Wolverton é conhecido por suas habilidades no jogo da sedução, pelas viagens incessantes, jogos e apostas. É em uma aposta ousada que ele trará de volta para sua vida a bela Julienne. Uma francesa que despertou sentimentos intensos em sua juventude e que ele jurou ter esquecido.

A autora nos envolve com a sua escrita e com a personalidade de seus personagens. Dare e Julienne são dois teimosos, mas que carregam grandes segredos, dores e que no fundo a gente ama desde o início. A forma como é abordado outros assuntos além do romance nos instiga e nos faz criar várias teorias ao longo da leitura.

Eu amo romances sobre reencontros, romances que são baseados no quanto esse sentimento pode ser fortalecido apesar do tempo e é isso o que Nicole Jordan traz em O Príncipe do Prazer, mas não somente.

Um romance de tirar o fôlego, engraçado e emocionante. Encantador!
______________________________________________
"Estar com Dare era como navegar em meio a uma tempestade, tentando não se afogar em um mar de emoções. A viagem era violenta, e as águas ficavam cada vez mais traiçoeiras."
comentários(0)comente



Regiane.Braga 29/12/2019

Bom, bom, mais não tão bommm
Esse livro poderia ter sido melhor se eu não tivesse cansada dos outros livros da série, mais como é um romance de época eu não desisti.. mais valeu a pena concluir.
comentários(0)comente



Andrea 21/03/2018

Confesso não saber bem como falar desse livro....gostei do Dare, da Juliene, apesar dela ter o mesmo vício das anteriores (os livros parecem se repetir), a estória em volta é desconexa, sem muita explicação. Como em toda a série, sinceramente esperava mais
comentários(0)comente



eduarda @romanceerotic 11/01/2018

"Eu aposto que posso colocar o Príncipe dos Prazeres de joelhos."
O príncipe do prazer traz consigo a história do notório Dare Norh, o famoso amigo de todos os quatro incríveis libertinos que tiveram suas histórias contadas nos livros que antecederam este quinto e último livro da série Notorious da autora Nicole Jordan.

Nos outros livros da série nos conhecemos um Dare livre, seguro de seus encantos e que não perde nunca a oportunidade de se perder nos prazeres carnais que sempre são oferecidos a eles por todos os tipos de classe de mulheres. Mas em diversos momentos na série Dare foi aquele que ajudou seus companheiros a compreenderem seus sentimentos por suas respectivas companheiras, apesar dos seus métodos não típicos, e sempre os ajudou no amor. Amor, algo que nós não sabíamos até pouco tempo que Dare já havia tido e que deixou marcas profundas em seu coração, algo que o fez passar a vida a vida de forma mais libertina possível sem se importar com a opinião alheia. Neste último livro nos enfim conhecemos a beleza que partiu o coração do nosso amado Marquês.

Julienne é uma moça que não possuiu a sorte de nascer em uma boa família inglesa como Dare, então trabalhou e apoiou sua mãe desde sempre. Quando se apaixonou perdidamente por Dare, ela não imaginava que esse amor seria a causa de sua desgraça. Desolada com certos acontecimentos e com o término do relacionamento com o único homem que amou, Julienne abandonou toda sua vida e tudo o que conhecia e foi procurar um lugar novo no mundo. Esse lugar resultou ser nos palcos, Julienne criou uma carreira no teatro e agora é altamente conhecida na sociedade. Seu encanto e sua beleza conquistam a todos, e durante todos esses anos ela evitou qualquer possível reencontro com o seu amor do passado. Mas ela não pode fugir para sempre e esse encontro promete muitas surpresas.

O Marquês de Wolverton, Dare Norh, é um homem elegante e não tem medo de fazer o que bem entender e com quem desejar. Suas aventuras são tão conhecidas ao ponto de que ele se tornou o líder da Liga do Fogo do Inferno, um famoso clube com os maiores libertinos de elite da Inglaterra.

Dare é um homem sempre cortês e atraente que conquista todas as mulheres a sua volta, solteiras, casadas, viúvas, o que estiver a sua volta. Mas o seu coração permanece fechado pois que ele já foi preenchido por uma pessoa, Julienne, mas ela o destruiu e Dare não quer mais saber da mulher que causou tal dor. Até o dia em que Dare é obrigado a estar perto da atriz por suspeitar que um dos homens que a esta cortejando é o famoso Caliban, um homem que está sendo perseguido por anos e Julienne é sua melhor chance de pegá-lo.

Julienne é diferente das personagens usuais que vemos em romance de época. Ela não é uma herdeira e nem mesmo uma moça da sociedade. Os homens a cortejam para que ela seja sua amante e todos a desejam em sua cama. As pessoas a respeitam, mas não é o que procuram para uma esposa. Ela é uma moça que aproveita a vida, mas ver Dare traz todos os sentimentos de uma jovem tola e apaixonada de volta.

O que fará Julienne com o homem que um dia sonhou casar e que agora apenas a quer em sua cama como uma amante que pode ser facilmente descartada?

Esse livro foi um ótimo desfecho para série. Acredito que não existiria personagem melhor para um libertino como Dare, diferente dos personagens anteriores ele não é o par romântico de uma moça inocente sobre a vida, e sim alguém experiente que não tem vergonha de ser desejada e que sabe como seduzir quem está a sua volta. Acredito que esse foi um dos fatores que mais aprovei no livro. Já imaginou um homem como o Dare com uma moça pura e inocente? O que seria de seu intenso desejo de aproveitar a vida? Ou até mesmo de suas necessidades sexuais incansáveis e do gosto de realizar todas as suas fantasias? Então, obrigado Nicole Jordan por ter criado uma personagem perfeita para este homem incrível!

Recomendo este livro, essa série, para todos. Essa série contém o primeiro livro de romance erótico que li na vida, então é como se ele fosse o início de todo o meu blog, é impossível para mim não possuir um carinho especial pela série. Aliás, senti falta do meu Capitão Sabre, gostaria de tê-lo visto nessa obra. Para quem não sabe, esse é o apelido do notório pirata Nicolas Sabine, o protagonista do livro Paixão, segundo livro da série.

site: romanceerotic.blogspot.com
comentários(0)comente



Entrelivros_efilho 13/10/2017

Eu nunca me livrarei de você, o coração dele sussurrou. Você vai me assombrar para sempre. No entanto, ele poderia fazer o que pudesse de mais diabólico para assombrar Julienne em troca. Ele queria que ela ficasse tão faminta e vulnerável quanto ele.
(RESENHA) O príncipe do prazer | Nicole Jordan | Editora Essência | 5/5 🌟

Dare é carismático, charmoso, cabelo loiro dourado e com uma beleza física que impressiona ao primeiro olhar.
Juliene é forte, decidida, imigrante francesa e tem uma loja de chapéus para seu sustento e de sua mãe.
Os dois se conhecem em um verão e se apaixonaram perdidamente. Fazendo planos de se casar, eles não imaginavam que o avô de Dare interferiria e separaria os dois, pois, jamais permitiria seu neto se casar com alguém de posição inferior.
Sete anos se passam e eles se reencontram e em posições bem diferentes. Dare herdou a fortuna e o titulo de Marquês do seu avô já falecido e é conhecido como O príncipe do prazer, levando uma vida de bebidas e devassidão.
Juliene é uma atriz famosa e cortejada por onde passa, e só quer esquecer o passado e seguir em frente dedicando a sua carreira.

Dare precisa de Juliene para fins políticos e no fundo também quer se vingar dela pela traição sofrida a anos atrás, então resolve juntar os dois objetivos e faz uma aposta em publico com Juliene, onde quem conquistar o coração do outro primeiro, perde a aposta e será ridicularizado em publico.
Em meio a mágoas e sentimentos mal resolvidos, os dois embarcam em um perigoso jogo de sedução, e vão descobrir que a chama do amor ainda arde com intensidade. E o que era pra ser uma vingança acaba sendo um caminho de remição, descobertas e reconquista da confiança.

O príncipe do prazer é um livro apaixonante, sensual e em algumas paginas quase pega fogo, com muitas cenas de amor e intercalada com diálogos sensuais, me fez chorar e dar risada, me prendendo e me fazendo torcer intensamente pelos dois.
Narrado em terceira pessoa, a narrativa é super fluida e cativante, amei a forma que a autora conduziu o reencontro dos dois e também como eles foram curando as feridas e dando a oportunidade do perdão, deixando fluir o amor guardando por tanto tempo.
Amei o casal, com uma carga emocional muito grande, Dare me conquistou na primeira linha e Juliene também não ficou atrás, se mostrando uma mulher batalhadora, forte e decidida.

Super recomendo a leitura.

site: https://www.instagram.com/p/BaMV8YuhSEh/?hl=pt-br&taken-by=entrelivros_e_filho
comentários(0)comente



Bruna 21/09/2017

Preciso confessar que eu quase dormi lendo esse livro. A baguete começou poderosa e depois deu o ar da graça mas sem muita graça. ⠀⠀ ⠀⠀ ⠀
A premissa que insinuava mistérios, ação, vingança e um amor hot, deixou a desejar quanto ao desenrolar da trama.
⠀⠀ ⠀⠀ ⠀
Essa que foi em demasia prolongada, ficando naquele chove não molha. Igual cachorro correndo atrás do próprio rabo, sem sair do lugar.
⠀⠀ ⠀⠀ ⠀
E eu fiquei como?
Furiosa 😡!
⠀⠀ ⠀⠀ ⠀
Fiquei espantada porque os livros anteriores que li da autora foram ótimos em desenvolvimento, fluidez é CLARO BAGUETE!
⠀⠀ ⠀⠀ ⠀
Os personagens não me convenceram juntos. O altruísmo da mocinha foi exagerado e isso logo de cara. Sabe quando existem mil opções melhores a o personagem escolhe o mais sem sentido?
⠀⠀ ⠀⠀ ⠀
E sabe aquela vingança sobre traição mal explicada feat. resolvida?
⠀⠀ ⠀⠀ ⠀
E apesar de ter elementos ótimos, os ingredientes juntos não deram liga no total. A leitura foi arrastada. Muito diferente de outras obras da autora como Sedução e Desejo.

site: https://www.instagram.com/naoemprestolivros/
comentários(0)comente



Fernanda 20/03/2017

Resenha: O príncipe do prazer
Resenha no blog:
http://www.segredosemlivros.com/2017/03/resenha-o-principe-do-prazer-nicole.html

site: http://www.segredosemlivros.com/2017/03/resenha-o-principe-do-prazer-nicole.html
comentários(0)comente



Polly 21/02/2017

Extremamente sensual!
O livro gira em torno do relacionamento de Dare, o Marques de Wolverton e Juliene, uma atriz de descendência francesa.
Quando eles se conheceram anos atrás, eram jovens e foram totalmente enlaçados por uma paixão avassaladora, encontros românticos e juras de amor eterno resultaram em um noivado precoce, que não foi aceito pelo avô de Dare (o então Marques), esse usou de jogos de poder para separar o casal apaixonado.
Juliene teve que fugir da cidade levando a fama de traidora e Dare ficou com o coração destroçado.
O resultado disso?
Juliene se tornou uma famosa atriz, desejada por todos e Dare, agora Marques de Wolverton, se tornou o famoso Príncipe do Prazer, um título dado devido sua vida dedicada a libertinagem.
Mas além de libertino, Dare também acumula a função de caçar um perigoso traidor que está aterrorizando o país. E para ter sucesso ele precisará da ajuda de Juliene, se inicia então uma aposta pública entre os dois, quem roubará o coração do outro e o deixará de joelhos diante de toda sociedade?
Acompanhar o jogo de sedução entre eles é delicioso, há tantos sentimentos em ação, magoa, culpa, traição, omissão e o amor, que mesmo depois de tantas provações permaneceu.
A luta de Dare em não ceder a paixão, o medo de sofrer novamente, a indecisão entre se entregar e ferir seu orgulho, é fascinante de acompanhar.
E Juliene, que é uma protagonista forte, uma mulher de fibra, que não se deixou abater por acusações e situações, que foi a luta e se reergueu, e ver a vulnerabilidade dela diante do desejo de ser cuidada e amada, foi emocionante.
A aventura que permeia todo livro e o serviço de espionagem, foram muito bem abordados e escritos.
A narrativa é deliciosa e a ambientação impecável. A reflexão sobre a sociedade da época, com seus preconceitos e a separação entre os nobres e os trabalhadores fica bem clara e nos faz pensar: será que evoluímos como seres humanos ou permanecemos totalmente abitolados em valores antiquados e arcaicos?
Um ponto negativo são os capítulos muito grandes, o que torna a leitura muitas vezes arrastada.
Obs. O livro é extremamente sensual, cenas picantes estão presentes na trama.
.
Nota: 4/5

site: https://www.instagram.com/estantedapolly/?hl=pt-br
comentários(0)comente



Sonali 29/11/2016

o 5º livro da serie foi com certeza um complemento da historia para a liga de fogo.
Achei a historia no começo interessante com a disputa entre o casal, mas depois foi algumas passagem chato com muito detalhe que não gostei e muito erotico
Não achei emocionante essa e minha opiniao
comentários(0)comente



neiva 31/10/2016

Acabei de ler o último livro da série notórious e adorei.
Não vou falar sobre a história porque existem várias resenhas bem escritas sobre ele, mas.... tem uma parte do livro, lá no finalzinho que me deixou uma pulga atrás da orelha: O que aconteceu com o irmão da Brynn?Será que existe um livro sobre ele? Se alguém souber a resposta por favor me informe...
comentários(0)comente



Vanessa Vieira 27/10/2016

O Príncipe do Prazer - Nicole Jordan
Em O Príncipe do Prazer, quinto e último volume da série Notorius, de Nicole Jordan, conhecemos a história do marquês de Wolverton, Dare e da bela atriz Julienne Laurent. Ainda mais sensual do que os demais livros da saga e contando com uma trama envolta por espionagem e um toque de drama, o livro conseguiu me conquistar do início ao fim e fechou com chave de ouro a série de Nicole Jordan.

Jeremy Adair North, o conde de Clune - Dare para os íntimos -, se encontra na melhor fase de sua vida. Ele está de casamento marcado com a bela francesa Julienne Laurent, filha única do conde de Folmont. Porém a felicidade deste casal estava ameaçada. O avô de Dare, o poderoso marquês de Wolverton, estava disposto a tudo para acabar com aquele romance, principalmente porque Julienne perdeu sua fortuna durante as Guerras Napoleônicas e agora é dona de uma modesta loja de chapéus, de onde tira o seu sustento e de sua mãe adoentada.

Com o noivado desfeito e o coração despedaçado, Dare se entrega às viagens, às bebidas e a uma vida regada de libertinagem. Sempre na companhia de belas melhores e mergulhando de corpo e alma no mundo da luxúria, ele acabou recebendo a alcunha de Príncipe do Prazer.

Sete anos depois do fim de sua história de amor traumática, mais precisamente na Londres de 1814, ele reencontra Julienne como uma aclamada atriz do Teatro Drury Lane. Dare, agora um espião da coroa britânica, recruta a bela jovem a fim de desmascarar um perigoso traidor da Inglaterra, conhecido popularmente como Caliban. O reencontro entre os dois reacenderá as chamas do tórrido romance que eles viveram durante o verão de Kent e caberá a Dare e Julienne resistir ao intenso desejo e paixão que os rodeiam ou se entregarem de corpo e alma...

O Príncipe do Prazer encerrou a série Notorius com muita sensualidade, paixão, aventura e romance. Com personagens fortes e que se reencontram após sete anos de distância, a história se mostrou incrivelmente sedutora, além de ser norteada por espionagem, segredos do passado e muitos perigos. Narrado em terceira pessoa, de forma requintada e fluente, o livro se mostrou envolvente, cativante e muito ardente.

Alto, forte e loiro, dono de um charme peculiar e com uma habilidade ímpar para entender o corpo e as curvas femininas, Dare é um libertino conhecido pelo Reino Unido sob o vulgo de Príncipe do Prazer. O que ninguém imagina é que por trás de toda essa fama e imagem se encontra um homem que foi traído pelo seu grande amor e que usa a atividade sexual como uma válvula de escape para a dor que o consome há sete anos. Porém, por um capricho do destino, ele volta a ficar frente a frente com a francesa Julienne, a mulher que dilacerou o seu coração no passado. Dare é um homem incrivelmente sedutor e inicia um jogo ardente e excitante com Julienne, tentando se vingar da desilusão pela qual ela lhe fez passar. Porém, o feitiço vira contra o feiticeiro e em meio a uma conspiração napoleônica para tirar o rei da Inglaterra do trono, os dois se vêem trabalhando juntos e perdidamente enlouquecidos um pelo outro...

"Ele a queria para muito mais que o galanteio usual ou conquista casual. Ele queria possui-la, e dar tudo a ela em retribuição. Seu coração, seu corpo, sua própria alma."

Julienne se sagrou uma atriz de renome e faz muito sucesso no mundo do teatro. O que ninguém imagina é que por trás do verniz de sua fama se esconde uma mulher que sofreu duras mazelas e que teve que se submeter a situações terríveis para sobreviver. Julienne foi uma personagem intrigante e bem enigmática dentro da trama e à medida que passamos a conhecer os seus segredos, admiramos ainda mais a protagonista por sua força e perseverança. A química entre ela e Dare é surpreendente e a moça não se faz de rogada diante do Príncipe do Prazer, alimentando suas fantasias e até mesmo lhe pregando peças bem inusitadas.

"Estar com Dare era como navegar em meio a uma tempestade, tentando não se afogar em um mar de emoções. A viagem era violenta, e as águas ficavam cada vez mais traiçoeiras."

Em síntese, O Príncipe do Prazer se mostrou um livro esplêndido, incrivelmente sedutor e com uma história de amor e desejo muito bem escrita e arquitetada. A autora dotou os personagens de muita sensualidade e paixão e soube conduzi-los em meio a uma trama magistral, rodeada de conspirações e traições da corte com vigor e emoção. Vale ressaltar também que alguns dos personagens dos livros anteriores aparecem neste volume final, tais como Lucian, Brynn, Lorde Sinclair e Vanessa, dando o brilho de sua presença a trama. A capa é belíssima e atraente e a diagramação está ótima, com fonte em bom tamanho e revisão de qualidade. Recomendo, com certeza!

site: http://www.newsnessa.com/2016/10/resenha-o-principe-do-prazer-nicole.html
comentários(0)comente



Thamares 24/09/2016

O prazer personificado
Sem Or!!

O que dizer do Príncipe dos Prazeres?
Me peguei durante a leitura, já pensando, eu estou mesmo lendo um romance de época? Que personagem é esse ? Que cenas são essas? E essas descrições? E esse enredo? Vamos por partes: Os Personagens

O Marquês de Wolverton, atende por um nome - O Príncipe do Prazer. Essa alcunha nada mais que um apelido que ela conquistou após sua habilidade na cama com as mulheres tonarem-se conhecidas na sociedade inglesa. Dare, como é conhecido pelos amigos, é o libertino mais desejado, é lindo, sedutor e um deus do sexo. O cara tem uma mansão com quartos temáticos somente para orgias e noites quentes. Mas, O que ninguém imagina é que suas noites de devassidão são uma fuga das lembranças da única mulher que amou, e por quem foi traído: a francesa Julienne.

Sete anos depois ele encontra a linda Juliene, agora é uma atriz famosa e cercada por admiradores, e toda a raiva e mágoa da traição vem à tona. Assim como todo o desejo e atração. Eles começam uma deliciosa disputa sensual a respeito de quem pode vencer o outro. Seria Juliene a mulher capaz de resistir ao O Príncipe do Prazer. Seria Dare, seduzido pela nova façanha da sua doce Juliene – a femme fatale.

Em meio a toda essa tensão sexual, temos um enredo que envolve crime contra a Coroa ,um assassino inescrupuloso a solta, ação, mistério, cenas quentes, amor e um casal arrebatador.

Este foi o primeiro livro da Nicole Jordan que li e amei. Apesar de ser o quinto livro da série, não senti falta de informações adicionais para a compreensão da história. É um livro diferente dos romances de época que já li, mas igualmente bom. Agora quero ler os outros livros da série.

Nota: 4/5
comentários(0)comente



La Luna 24/07/2016

[Resenha] O Príncipe do Prazer – Nicole Jordan
Resenha ♥

Sempre que me pedem uma indicação de livros sobre romances de época, a autora Nicole Jordan me vem a mente. Conhecida como autora best-seller do livro Sedução, o primeiro da série Notorious, ela consegue nos prender do início ao fim e sempre nos deixa com um sorriso bobo nos lábios, suspirando por seus personagens maravilhosos.

A trama se passa na Inglaterra, no ano de 1807. Jeremy Adair North, o conde de Clune – Dare para os íntimos – é um típico libertino que tem seu coração roubado pela francesa bela, corajosa, inteligente e batalhadora Julienne Laurent, após esta ter sido sua amante. Porém o avô de Dare, o poderoso marquês de Wolverton, decide separar o casal apaixonado. Com a interferência do avô, Dare se vê traído por sua amada e Julienne totalmente destruída é obrigada a vender a loja de onde tira seu sustento e de sua família e acaba fugindo com uma companhia de teatro.

Depois de muitos anos, na Londres de 1814, ambos se reencontram. Ela agora é uma renomada e cortejada atriz e ele um marquês libertino que ficou conhecido como o Príncipe do Prazer e, se tornou espião da coroa britânica. Ela só deseja esquecer o passado e seguir em frente com a sua vida. Ele precisa da ajuda dela para desmascarar um perigoso traidor, conhecido pelo nome de Caliban. E para conseguir a sua ajuda, Dare resolve usar todas as suas artimanhas para persuadi-la. Ele deseja se vingar acima de tudo e Julienne por carregar mágoas do passado se vê presa nesse jogo.

Gostei do mistério que os últimos capítulos trazem a cerca dos acontecimentos na espionagem de Caliban. A química entre o casal é perfeita, o livro traz cenas hots na medida certa. Super sensual e a rivalidade entre eles torna a trama ainda melhor. Ambos competem em uma aposta de sedução com diálogos inteligentes e artimanhas para resistirem e combaterem o amor que existe entre eles e que jamais acabou.

A trama aborda assuntos como a vingança, o perdão e o recomeço. A força e independência de Julienne são inspiradoras. A forma como ela lida com os seus problemas é um dos pontos forte do livro.

Amei e recomendo de olhos fechados para os fãs de romances de época assim como eu.

Por Viviane Gonçalves
comentários(0)comente



Clã 28/05/2016

Clã dos Livros - O Príncipe do Prazer
O Marquês de Wolverton, mais conhecido como Príncipe do Prazer é um libertino lindo e muito conhecido pela habilidade com as mulheres. Porém ninguém sabe que suas noites de devassidão são uma fuga das lembranças da única mulher que amou, e por quem foi traído: a linda francesa Julienne.

Dare, como é chamado pelos amigos íntimos, agora trabalha como espião da coroa inglesa e está atrás do perigoso criminoso conhecido como Caliban, que ronda a Inglaterra cometendo seus crimes à mando de Napoleão Bonaparte. Porém nesta busca, o Príncipe do Prazer acaba se encontrando com Julienne, agora uma atriz famosa e cercada de admiradores. O pior é que ela pode ser uma traidora da coroa e aliada do criminoso.

Dare não imaginava que seria tão afetado pela proximidade de Julienne e acaba se declarando um dos pretendentes a protetor da mulher que partiu seu coração, a fim de manter-se próximo dela e de um dos suspeitos.

"Ele tentava se convencer de que com o tempo a esqueceria. Mas ela se infiltrava sob sua pele de novo, por mais que ele a amaldiçoasse.
Nada podia impedi-lo de desejá-la constantemente, sem tréguas. Nada iria impedi-lo de continuar perseguindo-a.
Nem mesmo a consciência da dor que ele iria sofrer no final."

Além da caçada ao traidor e dos perigos enfrentados por ambos, eles se envolverão em uma intrincado jogo de gato e rato carregado de luxúria e paixão.

Muitos traidores, intrigas, lutas. Muito amor e sofrimento, de ambos lados.

Ele é um homem interessante e cheio de paixão, que vê seu mundo voltar a ganhar cor quando sua Julienne está perto. Dare vai começar a enxergá-la com outros olhos, mas será que mesmo após tantos anos de sofrimento, eles poderíam ficar juntos novamente?
Porém não se engane quem pensa que este é um mocinho comum, tipo um quase libertino, não. Dare é muito mais do que um devasso, ele tem uma mansão com quartos temáticos somente para orgias e noites de muita paixão. =O

Julienne é admirável. Uma mulher muito forte. Ela abriu mão de muito, por todos que amava. Sofreu demais.

O Príncipe do Prazer é narrado em terceira pessoa, tem um enredo envolvente e interessante, com um pouco de ação e mistério envolvendo a perseguição e descoberta do criminoso, cenas muito quentes, romance, amor e um casal com uma química deliciosa. Me ganhou.

Este foi o primeiro livro de Nicole Jordan que li e amei. Apesar de ser o quinto livro da série, não senti falta de informações adicionais para a compreensão da história.
Se você não se incomoda com alguns spoilers, pode ler os livros da série Notorius fora de ordem.

Agora vou ler todos os outros da série (claro) e depois conto aqui para vocês

site: http://cladoslivros.blogspot.com.br/2016/04/resenha-o-principe-do-prazer.html
comentários(0)comente



23 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2