A Guardiã de Histórias

A Guardiã de Histórias Victoria Schwab




Resenhas - A Guardiã de Histórias


84 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


Dannielly.s 21/07/2020

Eu gostei muito da leitura e dos personagens, mas estava com as expectativas lá em cima. Descobri o plot depois da metade do livro, e quando acabou fiquei esperando pra ver se ainda ia acontecer algo, mas não aconteceu.

Já vou direto para o livro dois, dessa vez sem fazer tantas teorias, quero me surpreender kkkkkkkk
comentários(0)comente



Sthe 19/07/2020

A guardiã de histórias
Para mim, a história foi muito original, me deixou intrigada, curiosa, não tinha lido nada parecido. Fala de morte e sofrimento mas também de afeto e amizade. Gostei muito e estou empolgada para a continuação.
comentários(0)comente



May 15/07/2020

Muito bom.
O começo do livro é confuso e um pouco lento para meu gosto, mas acho justificável por ter que nos apresentar um mundo fantástico e completamente novo. E quando a senhorita Bishop começa a investigar os acontecimentos incomuns a história toma um ritmo que é impossível parar de ler.
Tem um final com todas as pontas amarradas mas que ainda assim nos deixa com vontade de ler o próximo livro.
comentários(0)comente



becka 05/07/2020

Então
Sinto que li de novo a rainha aprisionada só que com poucas diferenças e foi triste.
comentários(0)comente



Sarinha 28/06/2020

O enredo da história é bem interessante, demorei muito a me apegar a personagem. Porém teve um final muito bom, com gostinho de quero mais
comentários(0)comente



Cherry Moon 18/05/2020

Mackenzie Bishop foi escolhida pelo seu avô para ser guardiã do arquivo, que é um lugar parecido com uma grande biblioteca, a diferença é que ao invés de livros ali estão guardadas histórias que são uma cópia física de uma pessoa que já morreu. O grande problema é que algumas dessas histórias escapam do arquivo e tentam ir para o mundo exterior e o trabalho de M. é impedir que isso aconteça, fazendo com que elas voltem para seu lugar de origem.

No início do livro já somos apresentados a família de Mackenzie, que estão se mudando para um prédio novo e abandonado e ela precisa lidar com diversas coisas pois tem a capacidade de conhecer a história de algo ou alguém apenas através do toque. Diversas histórias começam a escapar e ela precisa entender o que está acontecendo e o que ou quem está por trás disso.

A história deste livro me surpreendeu bastante, conseguiu me prender e me deixar concentrada, mas também tiveram momentos em que não gostei da forma como a personagem estava lidando com certas situações e senti algumas relações um pouco forçadas demais.

Achei criativo a forma como a autora conseguiu criar todo o arquivo, o que para mim foi um dos maiores pontos positivos.

Estou ansiosa para a continuação, mesmo achando que o livro tenha se encerrado de uma forma coesa.

Já leram esse livro? O que acharam?

#afilaprecisaandar #eusoudoidera #desesperoliterario #bertrandbrasil #resenhadelivros #thearchived #igliterario #livroseleitura #bookshelf #currentlyreading
comentários(0)comente



masters 17/05/2020

legalzinho, mas esperava mais...
Conheço a autora por conta de outro livro que amo, então cheguei com expectativas. A história é fraquinha, mas entretém. Livrinho para passar o tempo, nada extraordinário. Pelo menos não para quem está acostumado a ler fantasia.

De qualquer forma, todos deveriam ler para decidir se gostarão ou não.
comentários(0)comente



Camila Ramos | @oxeeuamoler | 11/05/2020

Tinha potencial, mas...
Esse livro está na minha estante faz muito tempo. Tentei ler uma vez, achei o começo muito confuso e deixei. Agora consegui pegar, mas não mudou muita coisa.

O livro começa super confuso. Eu não entendia nada do que estava sendo falado. Mas, normal, tinham sido apenas algumas páginas lidas ainda. Só que mesmo depois de passar da página 100, o livro continuou confundindo minha cabeça. Mas passei a ficar interessada e curiosa com o universo que a autora criou aqui.

A Mac, a protagonista, finalmente começa a fazer sentido. A gente passa a compreender com quem ela fala em algumas da história. E passa a entender o que são as Histórias e todo o universo que foi criado, os Arquivos e Histórias. Achei bem diferente, uma trama com um grande potencial. Mas que acabou faltando algum toque.

O que deixou o livro mais legal, foi a interação da Mac com o Wesley. Eu adorava as cenas com ele. O personagem é super divertido. Adorava os diálogos dos dois. Mas foi só isso mesmo. Depois da metade do livro, eu já tinha perdido o interesse em saber mais.

A narrativa da autora é boa, gostosa e fácil de ler. Mas pra mim a diagramação o livro foi péssima pra ler. Odeio quando fazem um livro assim. Mas ok, isso não muda a história.

Já no final, nos últimos capítulos, a trama ficou agitada, o que gostei. Mas o mistério todo que estava acontecendo, com o personagem Owen e tudo mais, isso foi bem previsível pra mim. Eu já sabia que era isso que estava acontecendo.

Esse foi um livro que eu acho que tinha um grande potencial, mas que faltou trabalhar mais um pouco pra alcançar. Eu sei que tem um segundo volume, mas não pretendo ler e acho que nem precisava de continuação mesmo.
comentários(0)comente



Bia 24/04/2020

Curioso
O livro é escrito de uma forma tão leve que faz a história fluir.
O mundo que a autora criou foi realmente muito incrível, porém pouco explorado.
A história me prendeu muito e achei incrível.
comentários(0)comente



Rafa 23/04/2020

"Então pare de lutar. Deixe o ruído ficar branco."
O livro é narrado pela Mackenzie, uma adolescente que se muda com os pais para um prédio consideravelmente antigo e que é uma guardiã de Histórias.
Essas Histórias são como se fossem os registros da vida das pessoas que já estão mortas, elas ficam armazenadas nas próprias pessoas e vão para um lugar chamado Arquivo, onde devem repousar e ficar sob os cuidados dos bibliotecários.
Infelizmente, algumas Histórias acabam acordando e cabe aos guardiões manda-las de volta ao Arquivo antes que elas consigam chegar ao nosso mundo.
Enquanto lida com a mudança de cidade, seus próprios conflitos e com o consilhamento entre o Arquivo e o restante de sua vida, Mackenzie ainda tem que lidar com algo de errado que está acontecendo no Arquivo e pode acabar com o lugar.

Eu simplesmente amo esse livro, adoro os personagens e o livro me envolve do começo ao fim. Quando o Wes aparece as coisas só melhoram, porque ele trás um certo equilíbrio pra história toda.
comentários(0)comente



Cleo 19/03/2020

Não me cativou
Eu já li a duoligia da autora e depois li vilão , esse eu amei , mas a guardiã não chegou onde os outros chegaram, não curti por vários motivos e não pretendo ler a continuação.
comentários(0)comente



Suellen 01/03/2020

Imagine um mundo onde existe um tipo de biblioteca que guarda histórias, mas não exatamente histórias do mundo, mas histórias de cada pessoa que já viveu na Terra.
É isso o que acontece nesse livro.
Quando uma pessoa morre, sua história vai para o Arquivo, onde ficará eternamente. E somente os bibliotecários tem acesso para ler.
Parece algo bem simples, mas existem mortos que acordam e tentam fugir do Arquivo. E para que isso não aconteça, existe os Guardiões das Histórias. Que irão persuadir esses mortos para voltarem onde estavam.
Esse é o trabalho da Mackenzie Bishop. Uma garota de 12 anos que foi treinada por seu avô para esse cargo. Só há um problema. Ela perdeu recentemente o seu irmão mais novo, e isso sempre a destabiliza e faz quebrar regras para ter acesso às suas lembranças.
O serviço de Mackenzie não é difícil, mas as coisas complicam quando sua família se muda para um antigo hotel que virou condomínio. Ela percebe que há alguém alterando as memórias para apagar os indícios de um assassinato.
.
A história desse livro é bem interessante.
Imagine você poder "ver" uma pessoa que já morreu e ver seus melhores momentos?! Mas isso cria um outro problema! Com isso você nunca supera a morte dessa pessoa.
O suspense do livro é instigante. Você começa a não acreditar mais em ninguém. Acha que todo mundo está escondendo algo.
A única coisa que achei fraca no livro foi o romance juvenil. Acho que o casal não teve química.

site: https://www.instagram.com/sula_fenix_
comentários(0)comente



Gabi 17/02/2020

Mitologia legal, mas faltou desenvolvimento
Eu amei a mitologia desse universo, mas a história demorou pra desenvolver e eu demorei pra engrenar nessa história.
Mas no fim fiquei empolgada e terminei apaixonada pela escrita da Victoria Shwab! Já quero ler outros livros dela. Que mulher criativa!
comentários(0)comente



Pri Nunes @infinitoliterarioo 11/07/2019

Biblioteca de Almas
"A ignorância pode ser uma benção, mas só se superar a curiosidade. A curiosidade é a porta de entrada para o vício da compaixão." (Da)

RESENHA
A Victoria Schwab sabe te pegar de surpresa. Comprei esse livro pela capa e, na época, nem conhecia a autora, mas me surpreendi com o jeito de brincar com a escrita, hora leve hora carregada, de uma forma que te deixa curioso com o desenvolvimento dos personagens e da trama em si.
A Mac cresce demais nas suas escolhas e atos. Ela passa a entender que o arquivo existe para dar voz aos mortos, mas ela também entende a importância de dar adeus a quem se ama, que apesar de estar a um toque de distância devemos deixá-los ir, pois sua passagem aqui já terminou.
É uma dádiva e um fardo carregar a chave de Guardiã, porque você precisa mentir para aqueles que mais ama para mantê-los seguros. Precisa ser duas pessoas, ter duas vidas e lidar com algo que ninguém entenderia, apenas aqueles que dividem essa mesma tarefa.
O livro tem alguns pontos baixos, a história tem uma boa trama, mas a autora meio que carregou no romance juvenil em algumas partes, entretanto, para mim, não mexeu no contexto geral e a história te prende muito. Estou curiosa para ler os próximos livros da trilogia.

site: https://www.instagram.com/p/Bzy8rQ-DI4K/
comentários(0)comente



84 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6