O Caso dos Dez Negrinhos

O Caso dos Dez Negrinhos Agatha Christie...



Resenhas - O Caso Dos Dez Negrinhos


400 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Daniel 08/09/2019

Não mentiram para mim
Resenha no link abaixo!

site: https://blogliteraturaeeu.blogspot.com/2019/09/o-caso-dos-dez-negrinhos-ten-little.html

Rafael 10/09/2019minha estante
Um bom livro, não acho o melhor livro para começar a ler a autora, mas ainda assim é um clássico.


Daniel 11/09/2019minha estante
Pra mim funcionou como uma excelente porta de entrada. Gostei bastante :)




Luskinhs 25/08/2019

cada vez que eu lembro do livro eu amo mais
não tem um detetive protagonista como no assassinato no expresso oriente,mas é muito fluido e gostoso de se ler
comentários(0)comente



Elomar 18/07/2019

Juiz Wargrave é o culpado.
É bem urdido, todavia, tem aqueles deus ex machinas, um tanto forçados, mas cumpre o seu papel de bom entretenimento.
vithw 01/08/2019minha estante
VAI SE LASCAR PRA QUE COLOCAR O CULPADO NO TÃTULO??? EU NAO TINHA LIDO AINDA, SÃ TAVA VINDO AQUI PRA COLOCAR O LIVRO NA MINHA ESTANTE. MUITO DESNECESSÃRIO ISSO VOCÃ ESTRAGOU COMPLETAMENTE




Ana Beatriz Rosa Alves 19/04/2019

Provavelmente esse deve ser o terceiro livro em que é terrivelmente difícil de se escrever uma resenha.
Que história, que trama, que personagens...
No estilo de livros de mistério que li esse destaca-se completamente! (Passando por cima até de ?um estudo em vermelho?).
Não quero comentar sobre a história do livro, quem tiver oportunidade/curiosidade que o leia e tenha sua própria experiência.
comentários(0)comente



Laura Regina - @IndicaLaura 14/04/2019

Um livro da Rainha do Suspense
Um das histórias mais conhecidas da famosíssima Agatha Christie, a rainha do romance policial.

Nela, dez pessoas viajam para uma ilha isolada do restante da Inglaterra (a “Ilha dos Negrinhos”) como convidados para se hospedarem numa mansão de um ricaço. Já na chegada, coisas estranhas acontecem...

E não vou dizer mais nada, porque, por ser um romance policial, a descoberta da história trás um gostinho especial. Só uma dica: preste atenção nos pequenos detalhes, há segredos escondidos sobre o passado e o futuro dos personagens, do dono da mansão e da própria ilha. Assim, a história é bem realizada, com descobertas gostosas para o leitor/investigador (eu descobri alguns segredos 🙋🏻‍♀️😉). rsrs

Não há narrador, e sabemos dos acontecimentos e dos pensamentos dos personagens por eles mesmos, o que enriquece a narrativa, sabemos mais sobre alguns dos envolvidos na trama. Além disso, não há detetive ou alguma autoridade do tipo, então os próprios envolvidos farão as pesquisas de descobrir quem é o culpa dos crimes na Ilha.

Este livro é do início do século XX e teve problemas com seu título original nos EUA - onde sugeriram o novo nome “E Não Sobrou Nenhum”. Aqui no Brasil, as edições mais recentes estão com o nome norte-americano, mas a edição que peguei na biblioteca pública é mais original. Aliás, esta versão vem com notas do tradutor explicando alguns costumes e músicas ingleses, que achei bem úteis.

Recomendo para quem gosta de suspense, com várias pitadas de terror e pistas para descobrir o segredo. Adoro! 😄🕵🏻‍♀️

Mais indicações no Instagram @indicalaura

site: https://www.instagram.com/indicalaura
comentários(0)comente



Micaela @ninfadomar 03/04/2019

E NÃO SOBROU NENHUM
Meu primeiro livro da Agatha Christie não poderia ter sido melhor! Porquê demorei tanto pra ler algo dessa mulher?

E não sobrou nenhum é um livro cheio de misterio que faz o leitor surtar junto com a os personagens, sério, é muita teoria que eu bolei pra errar todas no final.

A ideia de 10 pessoas estarem presas numa ilha com um possível assassino entre elas já é suficiente pra ficar curioso mas Agatha surpreende com a capacidade de criar um clima de tensão em um enredo meticulosamente bem amarrado.

Quando uma obra é muito boa você tem dificuldade de expressar todos seus sentimentos, pois bem, essa sou eu agora. Só peço que leiam esse livro sensacional

site: https://www.instagram.com/p/Bstp-jmnPsw/
comentários(0)comente



Marcos 14/03/2019

Em Dorothy e o Mágico em Oz, nossa protagonista cairá, junto com seu primo Zeb, em uma fenda aberta no chão por um misterioso terremoto. Eles cairão no País dos Mangaboos, uma terra encantada, onde encontrarão um velho amigo dela: o Mágico de Oz. De lá, todos seguem viagem tentando voltar para suas casas, mas acabam por chegar em Oz, onde reencontram os seus velhos conhecidos. Mas antes, eles passarão por terras feéricas, rodeadas de magia, como a Terra das Gárgulas de Madeira, onde todas as pessoas são invisíveis e apenas se ouve as vozes de cada um. Lá, essa turma passará por grandes perigos.
Achei a leitura desse livro um pouco mais lenta que a do anterior, mas não menos deliciosa. Acredito que, talvez, por esse ser uma espécie de jornada em que os personagens vão de um ponto a outro, eu tenha tido essa sensação. No mais, as aventuras que Dorothy e sua turma enfrentam são deliciosas de se ler. Uma pena que Tik Tok não apareça com destaque nesse livro e espero que nos próximos ela volte a ter o merecido destaque.
Recomendo a todos que gostaram dos livros anteriores e que queiram continuar a ler as aventuras desses incríveis personagens nesse universo sensacional.
comentários(0)comente



Letícia 24/02/2019

Não correspondeu às expectativas...
É triste admitir (até porque sou fã de carteirinha da Agatha), mas o livro me decepcionou um pouco... Possui linguagem simples, diálogos prolixos e personagens superficiais, além de um final que, para mim, foi previsível (talvez seja por já estar com meu instinto "detetive" aguçado [hahaha], afinal sou leitora compulsiva do gênero) maaaaas... Não é de todo ruim. Acredito que parte dessa decepção se deve aos comentários que ouvi acerca do livro e que me fizeram ter grandes expectativas.

OBS: Para aqueles cujo primeiro contato com a autora foi esse livro e saíram decepcionados, não deixem de ler "O assassinato no expresso oriente" ou "O misterioso caso de Styles" para tirar essa má impressão. rsrsrs
Nêssa 19/04/2019minha estante
Li faz muito tempo, digo anos. Contudo, a Lembrança que tenho dele é que amei a história em virtude do põem misterioso deixado como uma "cantiga medonha" o que paira um clima de mistério. Não lembro de toda a história, preciso reler...Não tenho muitos livros da Ágatha, possuo mais do Sidney Sheldon, mesmo assim ainda estão na minha lista para leitura. Obrigada Patrícia dia dos livros dela. O primeiro assisti o filme, o segundo vou procurar ler.


Nêssa 19/04/2019minha estante
Li faz muito tempo, digo anos. Contudo, a lembrança que tenho dele é que amei a história em virtude do poema misterioso deixado como uma "cantiga medonha" o que paira um clima de mistério. Não lembro de toda a história, preciso reler...Não tenho muitos livros da Ágatha, possuo mais do Sidney Sheldon, mesmo assim ainda estão na minha lista para leitura. Obrigada Patrícia dia dos livros dela. O primeiro assisti o filme, o segundo vou procurar ler.

cancelarLi faz muito tempo, digo anos. Contudo, a Lembrança que tenho dele é que amei a história em virtude do põem misterioso deixado como uma "cantiga medonha" o que paira um clima de mistério. Não lembro de toda a história, preciso reler...Não tenho muitos livros da Ágatha, possuo mais do Sidney Sheldon, mesmo assim ainda estão na minha lista para leitura. Obrigada Patrícia dia dos livros dela. O primeiro assisti o filme, o segundo vou procurar ler.


Nêssa 19/04/2019minha estante
Li faz muito tempo, digo anos. Contudo, lembro que amei a história, o clima de mistério representado pela poema "medonho" cantada ao longo da história.
Tenho poucos livros da Agatha, possuído mais do Sidney Sheldon, mesmo ainda não li todos. Obrigada pela dica de leitura da Agatha. O primeiro já assisti como filme, o segundo vou procurar o livro.


Nêssa 19/04/2019minha estante
Vou procurar o Caso dos dez negrinhos para reler, na época em que li pela primeira vez gostei muito, agora preciso saber se terei o mesmo gosto por esse livro




Bryan Corrêa 24/02/2019

Decepcionante...
Nota Final = 2,7

Diagramação = 2; Plot/Enredo = 3; Desenvolvimento do plot/enredo = 2; Plot Twist/Previsibilidade/Mind-Blowing = 3;
Ambientação/Cenário/Universo = 3;
Protagonistas = 3; Desenvolvimento dos protagonistas = 3; Personagens secundários = 2; Desenvolvimento dos personagens secundários = 2; Antagonista/Vilão = 3; Desenvolvimento do Antagonista/Vilão = 3; Conteúdo = 3; Mensagem = 2.

Começo dizendo que esse foi o primeiro livro da Agatha Christie que li. Infelizmente não foi uma boa experiência.

A história é bastante original: 10 pessoas são atraídas para uma ilha para serem julgadas por seus pecados. Tudo isso sem saberem de nada. Não tem como dar errado, né? Pois é, na minha visão deu sim...

A autora não descrevia as cenas como deveria (na minha visão) e não descrevia as emoções dos personagens (na minha visão). Por um momento pensei que ela fazia isso de propósito, para mostrar que todos tinham natureza psicopata. Porém, essa interpretação foi para baixo da água (literalmente) na cena do médico sendo tirado do mar. É inconcebível pensar que pessoas veriam tantos assassinatos e que teriam as reações que tiveram.

Outra coisa que senti falta na escrita da autora foi a apelação para os sentidos do leitor. Muitas vezes ela descreve o que está na cena e não nos leva a sentir o que os personagens estão passando e sentindo. Muitos podem achar isso legal porque diminui a prolexidade do texto, mas a prolexidade estava nos diálogos (muitos sem sentido algum, só pra "encher linguiça") e principalmente na chamada para os diálogos! Meu Deus! Aquelas chamadas dos diálogos quebravam completamente a fluidez de leitura. Essa prolexidade é muito pior e mais grave do que se ela fosse prolixa (porém detalhista) quanto às emoções dos personagens e quanto ao apelo para os sentidos.

Respeito quem leu e gostou, mas não foi uma boa experiência para mim. Pensei que pudesse ser um dos primeiros livros da Agatha e que ela teria aperfeiçoado a escrita nos seguintes, mas ela já havia escrito pelo menos 30 livros antes desse! Isso faz com que eu freie minha vontade de ler outros livros dela que eu quero ler, ainda mais que alguns deles foram lançados antes desse livro...

Por enquanto, o "Projeto Agatha Christie" está cancelado e sem previsão de retomada...
Liana Sagi 24/02/2019minha estante
Bryan, que pena que você não gostou. :-/
Eu tava pensando em ler esse livro em breve... :-/


Dem 24/02/2019minha estante
Leia outros livros dela, Bryan! Você poderá mudar de opinião...


Letícia 24/02/2019minha estante
Recomendo o "Assassinato no Expresso Oriente". É um dos meus preferidos da A. Christie! Talvez mude de opinião... rsrs


Bryan Corrêa 25/02/2019minha estante
Então, Liana... Essa foi a minha impressão. Leia ele também, pois sua impressão poderá ser diferente. Vale lembrar que o livro é muito bem avaliado aqui no Skoob. Pode ser que o jeito da escrita desse livro não combina com o estilo que eu gosto, mas combine com o seu... Por isso, aconselho você a ler...


Bryan Corrêa 25/02/2019minha estante
Dem, com certeza irei ler mais obras dela sim! Minha vó era grande fã dos livros da Agatha é meu sogro gosta muito dela também. Só que esse livro freou meu ímpeto para ler mais obras dela logo na sequência. Mas com certeza lerei mais dela ainda esse ano... Obrigado pelo conselho! ?


Bryan Corrêa 29/08/2019minha estante
Obrigado pela indicação, Letícia! "O assassinato no Expresso Oriente" é um dos livros dela que quero ler. Hehe




Jean.Gois 21/02/2019

Totalmente imprevisível
Agatha Christie definitivamente não decepciona, mais um livro com plots inimagináveis e muito bem feitos. Não esperava menos de um ícone como ela.
comentários(0)comente



Luke 29/01/2019

"Infantil" e inverossímil
Bom, primeiro queria dizer que é com grande pesar que falo mal de um livro de Agatha Christie, especialmente esse que é tão popular.
Tentei encontrar palavras que pudessem salvar e ser mais amenas, mas não dá. A escrita é muito simples, simples demais, besta, ora parecia um livro infantil, ora instruções de um jogo de tabuleiro de detetive.
Os personagens são rasos, estúpidos (incapazes de compreender pistas simples) e toda a situação, incluindo o comportamento das pessoas, é bem inverossímil.
Não tem muito mistério. Claro, tudo é um grande mistério, mas a grande pista dada logo no início faz com que tudo fique previsível, repetitivo e incrivelmente chato. Não teve uma coisa sequer que instigou minha curiosidade e vontade de solucionar o caso.
A revelação final é bem piegas, não surpreende, não choca e terminei com uma sensação de "ah tá...".
Letícia 24/02/2019minha estante
Concordo! Sou (muito) fã de Agatha, mas confesso que me decepcionei...




Gabriela 20/01/2019

Feedback
Um livro espetacular. Um estilo fácil de ler, começa com cada capítulo um personagem narrando de maneira breve. Duas folhas no máximo o que faz com que a leitura seja rápida e muito fascinante. As coisas se desenrolam de maneira rápida sem muita enrolação. Os personagens começam a morrer e você (leitor) desconfia de todos. Acho incrível o jeito com que Agatha vai desenvolvendo o mistério, as mortes e as justificativas. Fiquei embasbacada com o final, nunca teria imaginado embora tivesse chegado perto só errando no assassino mor. Foi uma das melhores leituras de suspense, com assassinato e mistérios que eu li, só empatando com outro livro da Agatha "Assassinato no expresso oriente"
comentários(0)comente



Naislan 16/01/2019

E não sobrou nenhum!!!
Este livro é um dos meus preferidos!
comentários(0)comente



Gustavo 12/01/2019

Estilo AC para o bem e para o mal
Como grande fã de Conan Doyle, eu tento gostar dos livros da AC mas não consigo. Este é mais que considero, embora surpreendente, um pouco forçado e inverossímil. E este enredo de dez pessoas isoladas numa ilha, cada dia morrendo uma... considero fraco, infantil até. Da autora, achei "Cai o Pano" menos pior. Mas ainda tem um pouco destes defeitos daqui. Se alguém conhecer algo dela que fuja um pouco destas características, agradeceria indicações.
comentários(0)comente



Ana Estevan 09/01/2019

História incrível!
Quem não adoraria ser convidado para alguns dias numa belíssima ilha com todo o conforto de uma mansão moderna?

O que para uns se apresentou como uma proposta de trabalho e para outros como uma oportunidade de desfrutar de belos dias de férias era, na verdade, um convite para confrontar seus crimes do passado. Aqueles que escaparam ao alcance da justiça e que seus autores se recusavam a assumir a culpa...

Eu amei O caso dos 10 negrinhos! Agatha Christie é sempre Show!

Fazia tempo que eu não lia um livro desses que a gente começa e só consegue soltar quando termina!
Crescemos e nos perdemos entre uma porção de livros de estudos, muito trabalho e, numa correria sem fim, esquecemos como é delicioso apreciar um bom livro de aventura, suspense...

site: anaestevan.com
comentários(0)comente



400 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |