Ecos: O Mar é a Nova Lua

Ecos: O Mar é a Nova Lua Béatrice t. Dupuy




Resenhas - Ecos: O Mar é a nova Lua


10 encontrados | exibindo 1 a 10


Dri 03/02/2020

Sereias <3
A premissa das sereias me interessa muito e foi por isso que li este livro. Porém de um certo ponto em diante a autora foca mais no romance que surgiu do nada, deixando a mitologia um pouco de lado.
comentários(0)comente



Thaís 12/05/2016

Singular, envolvente e místico!
Após quinze anos longe de casa, Alexandre, protagonista desse romance, retorna ao lar e revive lembranças,repletas de dor e saudade. Desde o misterioso desaparecimento do pai, que vivia para pesquisar os mistérios do mar, quando ele parecia mais próximo de descobrir algo muito importante e questionador, ele desapareceu.

E se existisse um mundo submerso?



"Não existe ainda nenhuma comprovação da existência das sereias porque, para a preservação da espécie, elas aprenderam a se esconder. Existem muitas lendas, histórias, contos, filmes, documentários, depoimentos e conversa de pescadores em torno do assunto, mas, em pleno século XXI, não há nada catalogado sobre a espécie. Porém, divididas em comunidades, elas têm uma história, uma tradição e princípios transmitidos de geração em geração, ao longo da existência de vida no Planeta. "


Pandora é uma sereia cativante, bela e muito curiosa. Filha única do soberano das Sereias, é amistosa e vive em harmonia com todos da comunidade. Jamais imaginaria que sua curiosidade a levaria além do fundo do mar.

Alexandre se propõe a descobrir todos os mistérios que envolveram o desaparecimento do seu pai, tornar-se parte da equipe de pesquisa científica e compreender as profundezas do mar, será apenas mais uma das etapas na vida deste jovem rapaz, porque aliada ao seu desejo de conhecimento, curiosidade e questionamento, se deparará com algo improvável e revelador, Pandora.

Poderão vivenciar o amor? Sobreviverão aos perigos que habitam nos lugares mais sombrios e recônditos dos seres humanos?


"― Você tem razão. Muitas vezes, eu me pego pensando em tantas barreiras, em padrões, em contextos sociais que até esqueço qual é a minha verdadeira essência.
― A sua essência está aqui. — fala Pandora, apontando para o coração de Alexandre.
― Eu não sei quanto tempo teremos para conversar, mas quero que saiba que este momento é muito importante para mim. ― Então, já que não sabemos o que nos aguarda no futuro, vamos viver o agora. — ao dizer isso, ela se aproxima do rosto de Alexandre e o beija demoradamente."


Béatrice possui um estilo único, o mote e história da sua obra demonstra toda sua originalidade, somos envoltos para dentro das páginas do livro, submersos pela história envolvente e misteriosa, quando percebemos, já estamos vivenciando junto aos personagens todos os perigos, emoções e aventuras.

Espero que no próximo volume a autora acrescente mais romance, mais cenas envolvendo Alexandre e Pandora, também fiquei muito curiosa para saber como os próximos acontecimentos desvendarão o final que foi inesperado e surpreendente (não posso contar sem dar spoiler).

Eu poderia detalhar mais a história, para explanar possíveis dúvidas em relação ao contexto, no entanto, para evitar spoilers, prefiro dizer que o livro é singular, impossível não se envolver pelos mistérios do mar e suas belezas extraordinárias e secretas.

Recomendo a leitura!

site: http://www.viajenaleitura.com.br/2016/05/resenha-ecos-o-mar-e-nova-lua-beatrice.html
comentários(0)comente



Priscila 22/06/2016

Existem momentos em que precisamos de histórias que nos prendam logo nas primeiras páginas e, para a minha alegria, Ecos: O Mar e a Nova Lua foi exatamente assim: envolvente do início ao fim. Repleto de emoção, romance e superação, o livro traz uma história de amor que, contra tudo e contra todos, vence as dificuldades da vida e prova a força desse sentimento. Nesta história, Você vai encontrar perigos, obstáculos e encruzilhadas. Use sua inteligência e sua perspicácia e determine que direção tomar. Em Ecos: O Mar e a Nova Lua, você é enviado às profundezas do oceano para buscar os mistérios ali escondidos, Será que existe mesmo, ou tudo não passa de uma lenda? Cabe a você descobrir, embarcando numa jornada repleta de lindas criaturas do aquáticas, grutas escuras e até lutas pela sobrevivência. Biólogos marinhos estão tentando completar o mapeamento das criaturas aquáticas com ajuda de modernas técnicas, que ajudam a exploração do fundo do oceano, mais precisamente nas depressões aquáticas, onde acreditam encontrar novas espécies, eventualmente um potencial de grande interesse para as teorias da evolução.
Além das águas iluminadas da superfície, através de zonas deficientes de oxigênio quase desprovidas de vida, e mais para baixo, para baixo e para baixo um pouco mais, em um lugar onde a pressão esmagaria um ser humano, você vai encontrar o mundo misterioso do oceano profundo.
Alfred, biólogo pesquisador da vida marinha, dedicou sua vida a conhecer os mistérios do fundo do mar. Mas as consequências que culminaram suas descobertas o levaram a sumir misteriosamente, deixando para traz seu filho Alexandre ainda pequeno.

Alexandre, apos o sumiço de seu pai, Alexandre teve que se adaptar a nova vida, na casa de seus tios, mesmo inconformado e ansiando por respostas procurou ser um bom garoto estudando e sonhando com o dia que teria respostas para todas suas duvidas, com o passar dos anos ele decidiu estudar Biologia Marinha e seguir os passos do pai. Ainda na faculdade em uma aula em alto mar, Alexandre teve a maior de suas experiencias e teve a certeza de estar no caminho certo. Mas suas descobertas tal qual o de seu pai atraio especulações, pessoas ambiciosas em busca de dinheiro e fama, o que colocou sua vida em risco.
Alexandre quer descobrir todos os mistérios que envolveram o desaparecimento do seu pai, e entra para equipe de pesquisa científica, será mais uma das etapas na vida dele, seu desejo de conhecimento, curiosidade, ele encontrara algo improvável e cheio de segredos,A linda Pandora.
Pandora é uma linda sereia e muito curiosa. Filha única de Nereu soberano das Sereias, é amistosa e vive em harmonia com todos da comunidade. Mas seus instintos e sua curiosidade, a fazem ir atrás de novas aventuras, e assim encontrando o amor, Pandora terá que confiar em seus instintos para viver esse grande amor, que parece impossível.
São raros os documentários sobre esse misterioso e fascinaste mundo habitado por estranhas criaturas. Uma fascinante viagem pelo universo desconhecido dos oceanos para descobrir criaturas misteriosas, quer saber mais leia Ecos O Mar é a nova Lua.
A diagramação desse livro está escandalosamente linda! A capa está maravilhosa, e o interior do livro está lindo, com detalhes em todo início de capítulo. A fonte tem um tamanho agradável para leitura e as margens e espaçamentos também. As páginas são amareladas.
A escrita da Béatrice é cativante, e nos prende a cada pagina, leitura de um dia e meio no máximo, pois depois que começamos é impossível parar até saber o desfecho de toda trama.
.Então o meu conselho é, leiam. Enfim... eu poderia ficar falando sobre o livro até amanhã aqui com vocês, mas como sei que tem muita gente que não curte resenhas extensas vou parando por aqui. Só gostaria de finalizar dizendo que o livro não só atendeu as minhas expectativas como também as superou. Acredito que ele seja capaz de encantar até os leitores mais exigentes.


site: www.leituraecia.com.br
comentários(0)comente



Dai 02/07/2016

Um livro leve, lindo e cativante; uma leitura que permite sonhar...
Quando bati o olho nessa capa, cai de amores por ela. Fala sério, me diz se ela não está um arraso? E depois de ler opiniões ótimas sobre a obra, constatei que precisava lê-la com urgência. Assim que ela veio para em minhas mãos (Thais e Béarice, obrigada por isso!), iniciei a leitura imediatamente. Sabe aquela história gostosinha, que te cativa e te prende a ela? Ecos: O Mar é a Nova Lua é exatamente assim! Béatrice T. Dupuy tem uma escrita super leve, o que proporcionou uma leitura fácil e fluida, fazendo com que eu a finalizasse em apenas algumas horas. Dupuy nos envolve em uma trama regada a aventuras, segredos, mistérios, autoconhecimento e claro, um amor que superou as barreiras do impossível. Além disso, ela ainda aborda temas atuais e científicos sobre a vida e a conservação marinha, tudo isso mesclado entre a fantasia e a realidade.

O pai de Alexandre sumiu misteriosamente quando ele ainda era uma criança. Alfred era um homem inteligente, um profissional respeitado e integro que defendia com todas as forças a vida marinha, e que durante muito tempo investigou as mortes das baleias. Durante essas pesquisas, ele despertou a ira de gente importante e fez descobertas inacreditáveis. Com diversos interesses em jogo, sua vida começa a ser ameaçada por forças que não querem que essas revelações venham à tona, e assim, ele some inexplicavelmente. Após o sumiço de Alfred, Alexandre passa a morar com os tios, mais em nenhum momento se quer ele deixa de pensar no pai, e sonha em seguir a mesma carreira que ele. Ao ingressar na faculdade de biologia marinha, ele se vê cada vez mais fascinado pelas riquezas marítimas, e sente que aquele ali era o seu lugar. Quando tem a chance de participar de expedições com grandes cientistas, ele fica eufórico e embarca com tudo nessa chance. Alexandre começa a perceber algo diferente e intrigante, e assim, inicia uma pesquisa detalhada para desvendar os mistérios ainda não revelados pela ciência. E então surge a oportunidade de regressar a casa onde passou a infância, e este local o fará reviver lembranças ligadas ao desaparecimento do pai, e ainda encontrará muitas respostas que darão uma direção a sua pesquisa e a sua vida.

Em um mundo paralelo ao de Alexandre, mais precisamente nas profundezas do oceano, vive Pandora, uma doce e intrépida sereia. Desde de que avistou Alexandre pela primeira vez, ela ficou encantada e surpresa pela força de uma atração que a faz querer conhecê-lo mais de perto, o que deixa o seu pai de cabelo em pé. Há milênios o seu povo se esconde dos humanos, e vivem pacificamente no fundo do mar. Mas Pandora não resiste a tentação e revela a sua existência a Alexandre, que fica fascinado e confuso ao mesmo tempo. Dessa amizade, nasce um amor completamente improvável e impossível. Contudo, pessoas mal intencionadas têm vigiado o jovem cientista de perto, e farão de tudo para colocar as mãos em sua descoberta. Mas Alexandre está determinado a manter “sua” sereia e toda a sua espécie a salvo, nem que para isso tenha que pagar com a sua própria vida. Entre encontro às escondidas, perigos eminentes, pessoas mal intencionadas e segredos revelados, Pandora e Alexandre vivem momentos de puro amor, paixão e entrega. Porém, quando um terrível incidente acontece, caberá a ele tomar uma decisão que definirá o seu futuro e o de sua amada para sempre.

Eu amo fantasia, contos de fadas e toda essa grandeza que só a literatura nos proporciona. Se assim como eu você também gosta de “mergulhar” nesse mundo de possibilidades e sonhos, tenho certeza de que irá amar esse livro. A obra é delicada e encantadora, que te deixa cativa e instigada a descobrir seus mistérios. Assim como a capa, a diagramação está belíssima, um deleite aos olhos. O final do livro me deixou querendo mais, então, eu adoraria um pouquinho mais de história (rs). Já fica aqui registrado o meu apelo à autora! No mais, agradeço a Béatrice por ter me proporcionado uma leitura deliciosa. Leia, eu tenho certeza de que você irá se encantar!

Leia a resenha completa no blog: http://www.blogvirandoapagina.com.br/2016/07/resenha-ecos-o-mar-e-nova-lua-beatrice.html

site: http://www.blogvirandoapagina.com.br/2016/07/resenha-ecos-o-mar-e-nova-lua-beatrice.html
comentários(0)comente



Conchego das Letras 29/07/2016

Resenha Completa
Hoje vou trazer uma obra que me fez refletir sobre o amor; aquele verdadeiro, que ultrapassa barreiras e que o tempo não faz esquecer.

Ecos: O Mar é a Nova Lua traz a história de Alexandre, um jovem que perdeu a mãe ainda muito novo e que, depois de um tempo, seu pai desaparece misteriosamente, Alfred - um homem reconhecido pelo seu trabalho, um profissional competente e que defendia os seus ideais. O menino Alexandre, agora órfão, foi morar com os tios, nunca esquecendo o carinho e amor que sentia pelo seu pai, nem os cuidados que sempre teve para com ele e sua doença, uma asma grave. A admiração do filho era tanta, que ele sonhava seguir na mesma profissão do pai, biólogo marinho.

Durante a leitura, a autora faz uma passagem na época em que Alexandre ainda era uma criança e conta um pouco das pesquisas que Alfred realizava. Mostra-nos que devido as suas descobertas, algumas pessoas começaram uma perseguição violenta ao renomado professor, além de ameaças contra a sua vida e a de seu filho. Com isso, ele some misteriosamente, sem deixar rastros.

Já na faculdade, Alexandre é convidado a participar de uma expedição em alto mar e não pensa duas vezes, aceita. Foi um momento único para ele, pois se sentia em casa. Percebeu que havia algo diferente naquele ambiente. A partir daí, começa uma pesquisa profunda sobre os mistérios da vida marinha.

Nessa mesma época, Alexandre consegue tomar posse dos bens deixados pelo pai, e vai reviver os melhores momentos da sua infância. Além de tudo, vai descobrir algo que estava escondido e que pode ajudá-lo a entender coisas surpreendentes.

Alexandre vai descobrir que há um mundo paralelo ao seu, com a existência de criaturas fantásticas e cativantes, e vai precisar tomar uma decisão importante que pode mudar a sua vida.

Se você gosta de uma história de fantasia, que envolve romance e a pureza de certos personagens, tenho certeza que Ecos vai cativar o seu coração. A autora conseguiu escrever uma história envolvente e emocionante. Ela nos leva ao fundo do mar e resgata emoções puras e simples, capazes de amolecer o mais duro coração.

site: https://conchegodasletras.blogspot.com.br/2016/07/resenha-ecos-o-mar-e-nova-lua.html
comentários(0)comente



Carolina DC 15/08/2016

O livro é composto de Prólogo + 19 capítulos e é narrada em terceira pessoa, tendo como foco o Alexandre. Alexandre é um biólogo marinho que retorna para casa após 15 anos de ausência. Seu pai, o Dr. Alfred, era um cientista brilhante que simplesmente desapareceu sem deixar vestígios, obrigando Alexandre a ir morar com os tios Valentina e Gabriel em New Jersey, nos EUA. O Dr. Alfred era um homem que amava o seu trabalho e mergulhou de cabeça em uma investigação.
"Além das lembranças, entre as poucas coisas que tinha do seu pai, uma pasta com diversos recortes de jornais era o seu tesouro valioso. Ele se recordava vagamente dos acontecimentos citados naqueles materiais. O fato principal da maioria das manchetes apontava o surgimento de várias baleias mortas em uma praia de Washington e, nessas circunstâncias, seu pai encabeçava uma intensa investigação para descobrir a razão daquele acontecimento". (p. 26/27)

O Dr. Alfred percebeu algumas incoerências enquanto investigava essas mortes. A primeira delas é que um grupo de pessoas chegava antes da perícia e sumia com algumas evidências. Aparentemente, esse grupo faz parte da Polícia Secreta dos EUA e estavam decididos a ocultar a existência de seres semelhantes aos seres humanos que vivem nos mares.
Sem saber dessa história, Alexandre seguiu sua vida. Inspirado pelo pai e com grande afinidade pelos mares, ele estuda a vida marinha e se depara com a jovem Pandora. Pandora é uma sereia e filho do rei Nereu. Desde pequena foi alertada sobre os humanos, mas não consegue explicar a conexão que sente por Alexandre.
Enquanto os dois estão imersos nessa conexão, ficam alheios ao fato de que o passado está mais próximo do que eles imaginam e pode colocar em risco não apenas os dois mas também todo o mundo de Pandora.
Alexandre é um personagem honrado, esforçado e com grande afinidade com o mar. Percebe-se o quanto ele quer trabalhar nos mares e quanta falta seu pai faz. É perspicaz, inteligente e determinado a descobrir a verdade.
Pandora é uma lufada de ar fresco. Jovial, inteligente e curiosa, ela começa a questionar alguns conceitos que foram passados de geração para geração.
O livro não é apenas um romance envolvendo criaturas sobrenaturais, mas também é uma discussão sobre o impacto das ações dos seres humanos no ecossistema e a importância da conservação da natureza.
A escrita da autora Béatrice T. Dupuy é fluida e marcante. Seu estilo singular permite ao leitor uma viagem ao fundo do mar de forma nunca vista antes.
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um ótimo trabalho. Foi encontrado um único errinho na página 84 e a capa é deslumbrante.
"Não existe ainda nenhuma comprovação da existência das sereias porque, para a preservação da espécie, elas aprenderam a se esconder. Existem muitas lendas, histórias, contos, filmes, documentários, depoimentos e conversa de pescadores em torno do assunto, mas, em pleno século XXI, não há nada catalogado sobre a espécie. Porém, divididas em comunidades, elas têm uma história, uma tradição e princípios transmitidos de geração em geração, ao longo da existência de vida no Planeta. "
comentários(0)comente



Atitude Literária 29/10/2016

Ousado e intrigante.
Já se imaginou descobrindo que paralelo ao mundo em que vivemos, existe outro repleto de magia e mistérios. Com seres especiais que desafiam sua sanidade e crenças? Será esse mundo real ou apenas lendário?

ECOS O MAR É A NOVA LUA, nos conduz por uma viagem enriquecedora pelo oceano. Repleto de emoções e reviravoltas. Com um romance arrebatador, cheio de superação e AMOR em toda sua glória. Uma história que irá te desafiar a questionar o que é verdade ou mentira e que ainda atrai nossa atenção sobre as consequências de nossas ações no ecossistema.

“Existe um mundo desconhecido na escuridão das profundezas do mar. Uma sociedade mais civilizada, que respeita a vida e ao próximo.”

Alexandre perdeu sua mãe muito cedo e alguns anos depois sofreu com o desaparecimento misterioso do seu pai, precisando reorganizar toda sua vida, se adaptando a uma nova rotina na casa de seus tios, com quem conviveu em harmonia. Porém mesmo longe do lugar que um dia foi seu lar, e sem o homem que sempre admirou, Alexandre manteve em seu coração a paixão pela biologia marinha e se esforçou para seguir os passos de seu pai, que foi um dedicado, brilhante e ousado Biólogo Marinho. O que Alexandre não sabe, é que ao regressar para o lugar que lhe remete tantas recordações, ele faria várias descobertas e enfrentaria situações improváveis. E assim como seu pai um dia, ele também se colocará imperceptivelmente na mira de pessoas gananciosas e ambiciosas que tem como único objetivo fama e dinheiro. Sua vida está em risco, todo o trabalho de uma vida também, mas o que mais o assusta, é saber que sua amada – Pandora - e toda sua espécie está ameaçada. Ela é um fruto proibido, um amor “quase” que impossível, porém movida por sua curiosidade, vive procurando por novas aventuras e quando se deparada com a maior delas, ela não pensa em recuar, muito pelo contrário, ela irá confiar em seus instintos e provar que o AMOR é capaz de tudo.
“Quando amamos queremos fazer o outro feliz. Por amor somos capazes de fazer loucuras. Por amor, desejamos o bem e doamos o melhor de nós para o outro. É a grande riqueza da vida. É o que movimenta a vida.”

Confesso, quando recebi a obra fiquei com um pé atrás. Mas bastou iniciar a leitura para que qualquer dúvida fosse dissipada, os segredos que rondam essa obra despertam em nós a necessidade de continuar a leitura até que tudo seja esclarecido e a maneira como a autora conduz o texto nos cativa. Béatrice possui uma escrita muito particular, talvez me falte à palavra exata para descrever, mas direi que seu enredo é ousado, é diferente, pois ela realmente se preocupa com os detalhes e busca fazer com que leigos como eu em Biologia, me sinta fissurada e apaixonada por esse universo. Estou adquirindo muito carinho pelo gênero fantasia e fico feliz em ver que esse gosto vem se firmando diante da leitura de autoras nacionais.

ECOS O MAR É A NOVA LUA é uma leitura cativante, que nos faz mergulhar por um mundo de sonhos, onde a fantasia confronta a realidade a todo instante e nos deixa realmente questionando quais seres habitam nossos oceanos. Não é novidade que o ser humano sabe muito mais sobre o espaço do que sobre suas águas, então eu te convido a ler e desvendar por si só os mistérios e segredos que essa obra nos reserva.

Optei por tentar não soltar muitos spoilers ao longo da resenha, para que assim como eu você possa ser surpreendido.

site: http://www.atitudeliteraria.com.br/2016/09/resenha-ecos-o-mar-e-nova-lua-beatrice.html#.WBUHCfkrK00
comentários(0)comente



@livrosmundofantastico 29/06/2017

Descubra o mar e seus mistérios
E se você descobrisse que muitos mistérios acontecem no oceano mais que nunca vão poder ser reveladas.

Alexandre é um jovem que está ingressando na Universidade para cursar Biologia Marinha, mais antes disso quando ainda era criança sofreu com o desaparecimento do seu pai Alfred um cientista renomado e muito conhecido pelas suas descobertas. E de uma hora para outra ele se vê sozinho e sem o pai que tanto ama e ele acaba sendo criando pelos tios em outra cidade.

Depois de alguns anos Alexandre decide voltar para a sua antiga casa que antes estava interditada pelo governo. Depois de uma expedição no mar com a turma de faculdade ele é chamado pela diretoria da faculdade para trabalhar nas pesquisas e fica encarregado de descobrir um som que foi detectado no mar que foi chamado de "Bloop".

Durante uma visita ao oceano para descobrir mais sobre esse tal som ela acaba descobrindo algo que nunca imaginou que seria real uma sereia Pandora aparece no seu barco pedindo ajuda, pois ia sendo atacada por um tubarão. Eles passam a conversar bastante sobre os humanos e as sereias. Depois de encontro Alexandre e nem Pandora consegue ficar longe um do outro mais o perigo é muito grande.

Andrews um grande cientista começa a pressionar Alexandre para descobrir esse tal "Bloop" e ele acaba ficando intrigado com a atitude do cientista. A muito tempo pessoas desconfiava que existisse sere hominídeos no mar mais precisavam de provas e para isso não mediam esforços em atingir seus objetivos, pois o que eles queriam eram sucesso e dinheiro.

Uma história de autoconhecimento e descobertas com um pouco de fantasia. Mergulhei no oceano e descobrir muitos mistérios e apesar disso aprendi bastante com a história, porque além de ter fantasia a autora abordou aspectos muito importante sobre a preservação da vida marinha.


site: https://mundofantasticodoslivros.blogspot.com.br/2017/06/resenha-ecos-o-mar-e-nova-lua.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
Dri 05/01/2020minha estante
Concordo.




10 encontrados | exibindo 1 a 10