A Garota do Calendário - Março

A Garota do Calendário - Março Audrey Carlan




Resenhas - A Garota do Calendário - Março


140 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


spoiler visualizar
comentários(0)comente



Francislaine.Lopes 01/10/2019

Novamente esse livro me surpreendeu, simplesmente maravilhoso, indico!
comentários(0)comente



Luma.Lage 24/09/2019

Antes de partir para seu próximo cliente, Mia vai até Las Vegas entregar a próxima parcela do pagamento pessoalmente ao seu ex-namorado, Blaine, o babaca. Ele faz essa exigência para provoca-la, mas para a surpresa de todos, Mia não se deixa balançar com as ameaças e fica ainda mais determinada a seguir em frente com o seu plano.



Ao chegar em Chicago, ela conhece seu próximo cliente, Tony Fasano. Ele é o caçula de uma família italiana tradicional, ex-boxeador e atual presidente da rede de restaurantes da família. Sua mãe, Mona Fasano, sonha em vê-lo casado e lhe dando muitos netos, mesmo que suas outras quatro filhas já tenham suas próprias família, ela continua dizendo que a continuação da linhagem depende dele, e ele quer deixa-la feliz.



Mas a grande verdade, é que Tony é gay e desde a faculdade ele está em um relacionamento com Hector, que se torna um grande amigo de sua família e advogado das empresas Fasano. Os dois até mesmo moram juntos, com a desculpa que são dois homens solteiros que dividem o apartamento. Tony tem medo da reação da mãe caso ele se assuma, e do preconceito que sofreria na carreira de boxeador e como presidente. Ele não queria que a mídia se concentrasse nisso e prejudicasse o resto da família. Por isso ele contrata Mia para apresentar a família durante o mês inteiro, assim tem a desculpa de que está noivo e poder ter mais alguns anos para enrolar nesse sentindo.



Se sacrificar durante um tempo - ele disse - é o que se faz quando se ama alguém. Você coloca as necessidades do outro em cima das suas e um dia o outro vai fazer o mesmo por você.






Por outro lado, Hector não está nada satisfeito com essa situação, ele sonha com o momento em que Tony vai assumi-lo e ter Mia ali só mostra que isso está longe de acontecer. O jovem rapaz sofre todos os dias em ter que esconder seu amor por Tony, mas Mia está convicta em virar o jogo. Mia decide usar todas as suas armas para mostrar a Tony que a verdade o libertará e que ele precisa fazer isso logo, antes que perca Hector para sempre. Mas será Tony capaz de revelar o seu segredo mais secreto e deixar medo de lado?



Não podemos esquecer que é uma série de romance erótico, então é certo que teremos cenas quentes no decorrer dos livros. Quando descobri que o Tony era gay, fiquei curiosa em como a Audrey faria para introduzir o sexo na história, e só posso dizer que me surpreendi com as cenas e que são bem intensas.
comentários(0)comente



Flavia.Malek 19/09/2019

A garota do calendário - Março
Aqui, Mia Sanders está pronta e bem mais confiante com seu próximo trabalho, um homem de família tradicional com uma marca de peso a ser mantida.
Logo que Mia o encontra se encanta com a quantidade de musculos do ex lutador de box e agora diretor do restaurante italiano de sua família.
Infelizmente dessa vez Mia não poderá se aventurar nas curvas saradas de seu cliente pois o namorado dele é extremamente ciumento, e fica ainda mais complicada a relação entre eles quando seu cliente decide apresenta-la como noiva para sua família.
Mia está agora no meio do fogo cruzado tentando ajudar o casal enquanto cumpre seu papel como acompanhante de luxo.
comentários(0)comente



Andresa 14/08/2019

O mais mais divertido até agora!
O enredo dos livros continua bem simples, porém, até agora, foi o melhor volume! Aqui, nós temos a presença de um novo tema: as relações homoafetivas e o preconceito sofrido por esses casais em uma sociedade que só aceita homens másculos com suas esposas-trófeu.

Esse, na verdade, é um dos pontos principais do livro, que deixa até a história da Mia em segundo plano. Anthony e Hector são um casal maravilhoso e é muito bacana acompanhar eles dois! Eu os amei!

É uma tendência da Audrey nessa série dar destaque a temas mais delicados a cada novo mês na vida da Mia, que são bem legais de pensar a respeito e discutir sobre, embora ela não faça isso com maestria. Como os livros são curtos, tudo é trabalhado de forma corrida e sem muitos detalhes.

Como a família de Anthony é conservadora e muito tradicional, recai sobre ele a grande pressão de dar continuidade ao nome da família, mesmo que ele tenha irmãs que são extremamente capazes de ajudá-lo nos negócios e que já têm suas próprias famílias e herdeiros. Me incomodou bastante os arcaicos costumes da família de Anthony, mas mostra a realidade de muitas famílias, bem como da realidade machista e preconceituosa da sociedade e da pressão dos pais na vida dos filhos, independente da idade, para que eles realizem sonhos que não os pertencem.

Apesar disso, esse é um dos volumes mais divertidos que li até agora. Já li a série até a edição de Julho e faltam apenas cinco volumes pra finalizar. Adoro como Mia geralmente fica amiga dos seus contratantes e de suas famílias e acho que é o que me faz ficar tão agarrada nesses livros.

Tem algo, porém, que me incomoda muito na narração da Audrey. Ela constantemente faz uma espécie de análise do que é uma mulher de verdade, como se Mia fosse a personificação da perfeição por não ter frescuras. Ter vaidade ou gostar de outras coisas consideradas típicas de mulherzinha, como fazer compras e gostar de moda, por exemplo, sempre são tratadas no enredo como se fossem considerados gostos de mulheres inferiores.

Ainda assim, eu não vou desistir de continuar a leitura de todos os volumes. Ah, e se vocês pensam que, por termos um cliente gay, o livro vai passar longe das cenas hots, vocês estão muito enganados, rs! Como a série é, antes de tudo, erótica, rolam algumas surpresas aí na vida da Mia que, confesso, não estava esperando!

Pra quem gosta de livros do gênero para passar o tempo ou sair daquela ressaca, está mais do que recomendado! A leitura simples e os personagens cativantes dão todo um gás pra retomar os hábitos de leitura!

site: http://umdiamelivro.com/2019/08/14/resenha-a-garota-do-calendario-marco-de-audrey-carlan
comentários(0)comente



Rebeca.Lopes 25/06/2019

Maravilhoso!
Olá meus amores!

Continuamos com as aventuras de Mia que agora parte para acompanhar o Sr. Anthony Fasano, dono de uma rede de restaurantes extremamente bem sucedido.

Eu confesso que estava meio aborrecida por a Audrey Carlan ter feito com que o leitor se apaixonasse por Weston para depois tentar enfiar o Alec (segundo livro) guela abaixo.

Foi um pouco difícil no começo, admitir que Mia precisava do francês, mas seguindo a vida, nesse livro vemos como uma Mia com amor próprio é necessária para ajudar Anthony a se aceitar e assumir para o mundo o relacionamento que ele tem a anos com o parceiro.

A história dos Fasano têm haver com o medo de um homem em não corresponder as expectativas da família que é bastante tradicional e tem a esperança que ele se case e tenha muitos filhos que assegurem a descendência.

Mia passa a considerar o casal como amigos e faz de tudo para ajudá-los a superar o medo e a seguirem suas vidas juntos.

Wes aparece de surpresa para abalar ainda mais os sentimentos de Mia (e os meus também). E apesar de continuar apaixonada por ele, Mia continua a seguir o plano e a história volta para os Fasano que finalmente descobrem a verdade sobre o filho.

Terminamos esse livro com uma sensação um pouco melhor e Mia segue para o próximo cliente.


Nota: 10 🌟

site: https://resenhasdaviciada.blogspot.com/2019/06/a-garota-do-calendario-marco-audrey.html
comentários(0)comente



Mari - Blog Diversamente 23/06/2019

Ótimo!!
No terceiro mês e após dois meses recheados de emoção para Mia Saunders, onde no primeiro ela encontrou o encantador Wes, um famoso cineasta; no segundo, Alec, um exímio e peculiar pintor, chegou a vez de Mia ir para Chicago conhecer seu novo cliente, Alex Fasano, um ex-boxeador e dono de uma das maiores redes de restaurantes.

Mia é contratada para fingir ser a noiva do Alex. Mas porquê será que um homem lindo, carismático e encatador à sua maneira está solteiro? Bem, ele não está! Alex somente não tomou coragem de assumir seu parceiro, Hector Chavez, para sua família e impressa.

Com eles, Mia aprenderá uma nova forma de amor e um outro novo significado de amizade. Neste livro fica claro que Mia toma para si a missão de ajudar as pessoas que contratam seus serviços e ficam ao seu lado durante um mês, abrindo os olhos para questões que somente quem está de fora é capaz de perceber.

“Se sacrificar durante um tempo — ele disse — é o que se faz quando se ama alguém . Você coloca as necessidades do outro acima das suas , e um dia o outro vai fazer o mesmo por você”

Gosto da relação que foi criada aqui. Particularmente acho a amizade a coisa mais especial que temos. E mais valiosa também, então quando a Mia assume esse papel na vida do Alex e Hector e eles assumem esse papel na vida dela, vemos uma história muito bonita sendo construída, assim como ensinamentos sendo passados.

“O amor havia vencido mesmo com todas as adversidades , e a família se fortaleceria com isso .”

Continuo no parágrafo de que por ser curto, a Audrey conseguiu fazer com a leitura fosse fluída e descobriu sua própria formula do sucesso, pois quando menos se espera, você está no fim dos 27 dias e na expectativa de saber qual será o próximo destino da Mia. Não chega ser minha série favorita, mas com certeza, é uma leitura agradável.

“Era verdade . Eu aprendi muito com os dois . A não ter medo , a nunca deixar que outra pessoa escolha como minha felicidade deve ser .”


site: http://blogdiversamente.blogspot.com/
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Kênia Cândido 05/06/2019

Muito bom.
Neste terceiro volume da série A Garota do Calendário, Março levou Mia Saunders viajou para Chicago e tornou-se noiva do Anthony Fasano, um empresário italiano que contratou a Mia para ajudá-lo a mentir para família. Antes de viajar para Chicago, Mia retornou para Las Vegas para visitar a sua melhor amiga Ginelle, a irmã caçula, Maddy e foi ao hospital visitar o pai, que infelizmente, ainda permanece em coma.

Após pagar mais uma parcela da dívida do pai com Blaine, Mia seguiu seu destino para Chicago e conheceu o novo cliente. Anthony é um ex-lutador e herdeiro da rede de restaurantes de comida italiana e por ser o único filho homem da família Fasano, a Mona Fasano, mãe de Anthony, sempre sonhou vê-lo casado com uma bela moça que presentearia com netos e pudesse dar continuidade ao nome de Anthony Fasano.

Acontece que Anthony é gay e possui um relacionamento sério e discreto com Hector Chavez, amigo e advogado da família Fasano, desde a época da faculdade e Mia estava sendo contratada para acalmar os ânimos da Mona enquanto Anthony pudesse tomar coragem e assumir seu relacionamento com Hector perante a família dominada por mulheres italianas.

O terceiro livro da série A Garota do Calendário continua proporcionando uma leitura rápida com desenvolvimento tranquilo e permaneceu uma leitura previsível com poucas revelações. Entretanto, gostei da diferenciação que a autora criou com Mia ajudando um casal homossexual a lutar contra o preconceito. Eles foram personagens adoráveis e trouxe momentos bem divertidos para série. Especialmente na vida de Mia. A protagonista da série continuou carismática, decidida e forte. Hector e Anthony contribuíram para o crescimento de Mia durante sua jornada. Ela descobriu que conquistou uma amizade verdadeira com eles.

Este mês, Mia não ganhou o bônus especial, porém para os leitores apreciadores do gênero e adorou os momentos calorosos de Mia com Wes, o cliente do primeiro livro, os dois arrumaram um jeito de promover um momento incrível. Mesmo ficando juntos por uma noite, Wes mostrou para Mia que tudo que eles viveram não foi esquecido e eles ainda tem a possibilidade de ser revivido com muita intensidade.

A diagramação do livro está muito boa e deixou a leitura natural. A escrita da Audrey facilita bastante com o desenvolvimento. A capa segue o mesmo padrão dos livros anteriores e apresentou um vestido brilhante em tons dourados. Ainda continuo preferindo a capa do primeiro livro com o vestido em tons de azul e preto.

Finalizo minha opinião recomendando A Garota do Calendário para todos os leitores que gostam de histórias picantes com personagens envolventes onde mês após mês os acontecimentos são carregados de surpresa renovada.
comentários(0)comente



Lore 03/06/2019

A Garota do Calendário - Março
Chegamos a mais um mês da jornada da Mia, e desta vez, entre o intervalo de clientes ela volta para casa, pra rever sua irmã, sua amiga e seu pai que não demonstrou nenhuma melhora. E mesmo com o pouco tempo para vê-los ela aproveita bastante este tempo com eles. No mês anterior ela esteve com o francês Alec, que a ajudou a se conhecer melhor.

Em Março a Mia precisa ir para Chicago para fingir ser a noiva de Anthony Fasano, um empresário, lutador e dono de uma rede famosa de restaurantes italiano, o Fasano's. Mas por que ele precisaria de uma acompanhante para fingir um relacionamento sendo tão bonito e bem sucedido como ele é? Não faltariam mulheres para a vida dele, não é? Mas assim que a Mia chega no apartamento em que ele mora - e que ela ficaria -, ela descobre o motivo disso tudo. Anthony é gay e namora com o Héctor há anos, mas tudo isso em segredo.

Anthony é o único filho homem e sua mãe deposita nele a esperança de um herdeiro que levasse adiante os negócios da família. Além disso a mãe dele tinha um carinho todo especial com seu único filho, mesmo com outras 5 filhas para dar atenção. Por ser de uma família tradicional, e por ser tão obediente a sua mãe, seu namoro e seu amor pelo Héctor não era exposto, e somente a Mia além deles, sabiam do caso. Por isso, ele a contratou, porque Mia fazia o tipo que sua família aprovaria para gerar os herdeiros Fasano.

Claro que a Mia decide ajudar e aos poucos ela tenta mostrar ao Anthony que é preciso tomar uma posição a respeito do seu relacionamento, que seria necessário mostrar ao mundo quem ele amava, se amar e confiar na capacidade de as outras pessoas te aceitarem do jeito que é. E mesmo que o Héctor não falasse isso, ele precisava ser mostrado ao mundo, que todos pudessem ver o amor dos dois. Mia também percebe que o Héctor ama muito mais o Anthony - mais até do que ele mesmo - e toda a situação do fingimento acaba abalando o emocional dele e Mia tenta ajudar também.

Mia pôde conviver com a família numerosa do Anthony - inclusive fez uma amizade com uma das irmãs do Anthony -, pode ver de perto o quanto ele era uma pessoa amada pelos familiares. Ela apoia e ajuda a família Fasano como se fosse sua própria família, enquanto ela mesma tem que lidar com a saudade de seu pai e de suas irmãs e percebe quão bom é ter tantas pessoas ao seu redor, por ter crescido apenas com a Maddy, a Ginelle e seu pai, ela nota que sente falta de algo que ela nunca teve. Fora a dificuldade que é trabalhar assim como acompanhante por mais que ter conhecido Wes, Alec e Anthony tenha mudado sua perspectiva de vida, e, consequentemente, continuar aceitando ela mesma.

Mas o melhor de Março é o meu surfista favorito e ele se chama Wes! Siiiiiiim! Ele está de volta, mesmo que por apenas uma noite. E que noite intensa e cheia de amor. A Mia percebe que realmente gosta muito dele, mas a sua jornada estava apenas começando. Os dois precisariam passar por isto tudo se realmente quiserem ficar juntos.

Confesso que por mais que tenha escutado tantas críticas, estou gostando do caminho que a Mia vem percorrendo (já terminei Outubro). Li algumas pessoas citando que as pessoas são tão moralistas para um assunto, e acham o máximo que a Mia seja prostituta. Porém, como ela falou diversas vezes, ela é acompanhante, e se deita apenas se ela quiser, com quem ela quiser. Os dois primeiros clientes ela quis e desejou estar com eles, e quando soube que foi paga pelo sexo ficou muito chateada. A série não é isso, não é um diário de uma prostituta, e sim um caminho longo a ser percorrido, por uma pessoa perdida, sem saber quem é, e que não se ama. E mês após mês as coisas vão mudando. Não esperem que ela se deite com todo mundo, pois isso não vai acontecer, e principalmente, não pense que há apenas sexo, ou desejo e cenas quentes. Muita coisa vai acontecer durante o ano, e algumas delas aterrorizantes.

Gosto bastante da modalidade da escrita da Audrey, e consigo ler os livros da série em um curtíssimo período. O trabalho gráfico e de marketing nesta série está impecável. A cada mês amo mais o vestido da capa. Espero que vocês possam continuar por aqui para conhecer um pouco mais a jornada da Mia.
comentários(0)comente



Myrelando 15/04/2019

Nesse mês a Mia têm como clientes o Anthony Fasano e o Hector Chavez, e não se engane, eles eram um casal em sintonia, e diferente dos clientes anteriores, eles estavam precisando dos serviços da Mia para enganar a família Fasano e manter as aparências para a mídia, afinal, Anthony era um grande empresário, e não podia lidar com escândalos agora. Mas nem tudo é fácil, e sempre temos que lidar com as consequências de nossas escolhas e atos. Agora mais que nunca, eles vão ter que aprender a priorizar a felicidade e isso da melhor forma possível. E bem, a chegada da Mia pode causar algumas reviravoltas na relação deles e também mexer ainda mais com a cabeça dela. . . .

Difícil mesmo pra Mia, foi a saudade que estava sentindo do Wes e a preocupação com seu pai e sua irmã, que só não estavam numa situação pior, por causa de sua ajuda. . . .

Mas uma vez, a autora não fala só sobre sexo, mas também sobre os fatos que levam muitas garotas a entrarem pra esse tipo de serviço, ou até mesmo acabarem como prostitutas. Aborda também o preconceito e a homofobia, e sempre fala do amor em todas as suas formas.
comentários(0)comente



Flavia @kendrixbks 06/04/2019

A GAROTA DO CALENDÁRIO: MARÇO - Audrey Carlan [Resenha] 5🌟
Mia vai passar o mês de março em Chicago com o empresário Anthony Fasano, que a contrata para fingir ser noiva dele. A princípio Mia não entende por que um homem tão lindo e másculo precisa de uma falsa noiva, mas ela está prestes a descobrir.

@audreycarlan
Editora: Verus @veruseditora
ISBN: 9788576865186
Encadernação: Brochura
Formato: 21 x 14 cm
Ano Edição: 2016

Logo ao chegar ao seu mais novo cliente, Mia já tem uma surpresa. Só que ao se passar pela noiva falsa de Anthony, Mia se sente culpada ao mentir e enganar sua família, pessoas de quem passou a gostar e ter apreço. Ela tenta de todas as formas ajudar Anthony a tomar uma decisão que mudará a vida da família, se tudo der certo, para melhor. E como a situação se desenrola é surpreendente. Além, é claro de uma surpresa para Mia no decorrer do mês.
Não quis falar muito porque senão seria spoiler e se tem uma coisa que eu não gosto é spoiler. Deixo esse suspense para fazer com que vocês leiam a história. Continue lendo que está sendo maravilhosa.
comentários(0)comente



Suka 20/03/2019

Nesse livro Mia irá conhecer o Tony e o Hector, ela será acompanhante do Tony, um homem bonito, forte, musculoso, dono do restaurante Fasano's que é um restaurante italiano, muito famoso e acessível a todos.

Porém, Tony esconde um grande segredo de sua família, o seu relacionamento com seu grande amigo há mais de 15 anos.

Mia terá que passar o mês de março sendo acompanhante do Tony e mentir para a família dele que ela é sua namorada.

Mia, começa a admirar muito o relacionamento do casal e não acha certo Tony esconder de todos sua opção sexual e o seu amor por Hector. Ela terá uma grande surpresa nessa viagem e aprenderá com eles que o amor está acima de tudo e de qualquer coisa.

site: http://www.suka-p.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Kathelin 01/03/2019

O amor sempre vence!
No mês de março, Mia vai para uma aventura diferente. Ainda dentro de cenários luxuosos, dessa vez nossa garota será a noiva falsa de Anthony Fasano, um empresário que esconde um super segredo!
Mia como em todos os livros irá "resolver" o problema central que gera o mistério.
Se prepare para se emocionar como a forma como o amor vence! :)
comentários(0)comente



Fernando.Carvalho 06/02/2019

Esse livro foi incrível, sentir toda a angústia, aflição dos personagens e Mia está mais madura. Amando essa personagem e sua jornada.
comentários(0)comente



140 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |