Sherlock Holmes

Sherlock Holmes Sir Arthur Conan Doyle
Sir Arthur Conan Doyle




Resenhas - Um Estudo Em Vermelho


522 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Oxente_Johany 13/07/2020

Esperava mais.
Por ser tratar de um autor tão renomado, comecei o livro com bastante expectativa e foi com ela que consegui ler as primeira páginas com bastante entusiasmo. Mas depois, mais precisamente na segunda parte, o livro começa a ficar chato e parece ser uma história à parte. Ao final, quando as histórias se interligam, até que é interessante, mas nada surpreendente.
Esperava mais.
comentários(0)comente



Cris 12/07/2020

Dr. Watson
A narração do Dr. Watson é cativante. O livro foi dividido em duas partes: uma trata sobre o caso, como aconteceu e o que estão prestes a descobrir. A segunda parte nos mostra o motivo pelo qual o fato aconteceu. Interessante e sem deixar lacunas.
comentários(0)comente



Eduardo.Medeiros 10/07/2020

Muito bom.
Aqui temos nossos protagonista dando um grande espaço para o centro da história em si.

Sherlock consegue ter a percepção de vários detalhes durante a solução do caso, algo que é muito particular do personagem. Um olhar atento e diferenciado, com a capacidade de enxergar pequenos detalhes que mudam totalmente o rumo do caso em questão.

Em um estudo em vermelho vemos que a história é contada em duas fases, uma do caso sendo desvendado e totalmente decifrado pelo nosso detetive e outra parte onde conseguimos ver o desenrolar dos motivos que levaram tal crime a acontecer.

E com isso temos uma visão totalmente diferente sobre nosso criminoso, "sem spoilers", neste livros conseguimos que nem todo vilão é totalmente mal.
comentários(0)comente



Melaine 10/07/2020

Elementar meu caro...
Um estudo em vermelho é daqueles livros que nos prendem a atenção do início ao fim.
Vamos seguindo cada pista junto com Sherlock e Dr Watson,juntos,pegando as pontas soltas que a história vai propositalmente jogando e no final tudo se encaixa perfeitamente,todos os questionamentos que surgem do principal mistério é respondido de forma que nos surpreende.
Personagens bem constituídos,um livro que dosa bem pitadas de humor,mas consegue também carregar uma sensibilidade bonita,trás de forma inteligente elememtos que tira essa história de qualquer obviedade.
Marcio Fabula 10/07/2020minha estante
Caminho sem volta conhecer Sherlock Holmes.


Melaine 10/07/2020minha estante
Foi o que senti mesmo.?




Letícia Hoinaski 09/07/2020

Sobre clássicos não se pode dizer muito
O primeiro volume de Sherlock Holmes contém, nesta edição, “Um estudo em Vermelho”, “O sinal dos Quatro” e os doze contos publicados em jornal de “As aventuras de Sherlock Holmes”.
Um estudo em Vermelho é um romance em duas partes sobre o assassinato e a caminhada do assassino. Trará temas curiosos para seu tempo, como toda boa narrativa de Conan Doyle. Neste caso, é a expansão americana para o oeste e as crenças mórmons.
O sinal dos Quatro conta alguns acontecimentos da história indiana em sua independência (até então colônia britânica) sob o ponto de vista do assassino e os quatro são representados por AGRA. Também é o romance em que Watson encontra Mary.
As aventuras de Sherlock seriam os pequenos romances de folhetim que Watson publicava sobre casos banais de Sherlock. Poucos deles são assassinatos e nenhum deles causa grande estarrecimento em Holmes, mas são interessantes por sua própria simplicidade.
Leitora atraída pelos livros a partir da série da BBC, encontrei-me chateada pelas formalidades de Sherlock. De todo modo, um homem britânico do século XIX, não tão impulsivo assim. E aparentemente, Watson é o homem que romantiza tudo que escreve. Um romance clássico, de toda forma.
comentários(0)comente



Giovana.West 09/07/2020

Intrigante.
Um ótimo livro de romance para quem gosta desse tipo de livro, óbvio que você já deve ter lido esse, mas cai entre nós, já leu Agatha Christie?
De qualquer forma ele me lembra o Saitama o "careca de capa" o herói não conhecido porém fabuloso.
eduardabuainain 09/07/2020minha estante
Por qual obra posso começar a ler Agatha?


Giovana.West 09/07/2020minha estante
O misterioso caso de Styles
É o primeiro livro que aparece Poirot


Giovana.West 09/07/2020minha estante
ou se você preferir uma personalidade feminina temos
Assassinato na Casa do Pastor
onde aparece Miss Marple


Giovana.West 09/07/2020minha estante
Ou quem sabe um casal, amador, porém maravilhoso?
O Inimigo Secreto
onde estreia Tommy e Tuppence


Giovana.West 09/07/2020minha estante
todos títulos maravilhosos para começar entre os 97 livros que escreveu em vida, esses são o começo de tudo e o de Poirot o primeiro que escreveu em toda sua carreira.


eduardabuainain 09/07/2020minha estante
Muito obrigada!!!




eduardabuainain 09/07/2020

Torcia o nariz antes mas eu adorei!
Fui ler quando descobri que o Sherlock foi inspirado em dois professores do Conan (que era médico), e um deles era muito sagaz na observação, desde o momento em que o paciente pisava no consultório. Esse professor sabia até o caminho que o paciente tinha feito ao olhar o tipo de terra em seus sapatos. Também gostei que tem alguns detalhes científicos perdidos pelo livro, como estudante da área da saúde me deleitei!
comentários(0)comente



Alice 09/07/2020

É um daqueles livros que consegue levar o leitor a se envolver com a história, criando uma certa intimidade com John e Sherlock e participando do desenvolver da investigação. Os personagens são interessantes, sendo Sherlock um daqueles que te faz se sentir um pouco burrinho kkkkk.
Antes de terminar o livro eu vi uma resenha falando que a trama tinha se perdido no momento o qual houve uma explicação para a motivação dos crimes, mas, na minha opinião, eu tenho que discordar pois eu achei que deixou a obra mais interessante ainda principalmente porque há um envolvimento com o faroeste nessa parte e eu gosto muito do tema.
comentários(0)comente



Ray 08/07/2020

Sempre me impressionei com a inteligência do personagem Sherlock, e ao assistir a série, eu me apeguei mais, e ver que ambos têm muito em comum, fiquei satisfeitíssima!
comentários(0)comente



samyra 08/07/2020

Brilhante!
Já assisti a série de Sherlock há alguns anos e esperava algo parecido, mas as obras são bem diferentes entre si (e não de um jeito ruim).
Vale a leitura! Embora tenha achado a segunda parte um pouco entediante, num geral é uma leitura fácil e rápida, terminei em menos de um dia.
comentários(0)comente



Rob 06/07/2020

Esse é o primeiro de quatro romances da obra de Conan Doyle, no que diz respeito a Sherlock Holmes (há mais cinco coletâneas de contos também).

A história é dividida em duas partes + conclusão.

É neste romance em que Watson e Sherlock se conhecem e rapidamente passam a co-habitar à Baker Street, 221B. Devemos esse encontro de almas ao conhecido em comum a eles chamado Stamford.

A história começa com esse encontro, mas logo passa a ser como em um de seus contos, um crime ocorre e é resolvido.

Em seguida, sem avisos, o tom da narrativa muda totalmente, parece que na hora de editar o livro misturaram um romance de época por engano com este romance policial, mas Conan Doyle não dá ponto sem nó e em dado momento a história volta a fazer sentido e a gente já não sabe mais de que lado estamos.

E no desfecho vem a clássica explicação de Sherlock ao Watson sobre como ele solucionou tudo, explicando o seu método investigativo em minúncia, lembrem-se que até então eles não se conheciam, foi o primeiro caso em que Watson o acompanhou.

Outros pontos interessantes explicitados por Sherlock e que ao fim da história ficam claros são como Lestrade e Gregson não gostavam dele e eram bem despeitados, como ele, Sherlock, era tratado como amador e também o porquê do Watson querer registrar todos os casos.

É realmente uma obra bem importante para entrar de cabeça nesse universo de Sherlock e leitura imprescindível para quem ainda não leu.
comentários(0)comente



Tainá 05/07/2020

Sherlock
Conta como Watson e Sherlock se conhecem, a história vai se dividir em duas metades, uma contando como foi a resolução do caso e a outra como ele ocorreu. A leitura é muito boa, o escritor conduz o leitor através da maneira de Sherlock de pensar e desvendar fatos que, a princípio, parecem difíceis de se interpretar mas que ficam claros com a explicação analítica do famoso detetive. Além disso, o romance ainda mostra um pouquinho sobre a cultura dos Mórmons.
comentários(0)comente



Stephanie 02/07/2020

Reler também é viver
Nessa quarentena tô com tempo de sobra, então aproveitei pra reler o primeiro volume das aventuras do mais famoso detetive de todos os tempos e de seu indispensável parceiro, Dr. Watson. E que agradável que foi! Deu saudade de assistir à série da BBC com o Ben, que, pra mim, foi um ótimo Sherlock.
comentários(0)comente



camis 01/07/2020

Sherlock né, mores?
eu assisti a série antes de conhecer os livros, então meio que já tinha uma ideia doq aconteceria. Entretanto, isso não tira de forma alguma, a magia da escrita e a excelência de sherlock. Inevitavelmente acabo comparando com o Poirot da Agatha...mas ambos são personagens diferentes e incríveis da sua maneira.
comentários(0)comente



Bianca 01/07/2020

Um bom começo.
Uma obra fantástica, uma escrita envolvente, com uma linguagem que transporta o leitor a Londres no século XIX.
Nessa cidade temos um médico que, por casualidade, conhece o detetive misterioso que trabalha por sua conta na investigação de crimes. Tudo isso desenrola em poucos capítulos até que um caso de homicídio desafia as autoridades locais.
Mas e aí que o leitor se surpreende, todo mistério é desvendado e se percebe que aplicar o raciocínio dedutivo não é tão elementar assim...
comentários(0)comente



522 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |