Conquistada por Um Visconde

Conquistada por Um Visconde Stephanie Laurens




Resenhas - Conquistada por Um Visconde


49 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4


Viviane 05/06/2020

Leitura tediosa
Livro cansativo, chato. Não prende a leitura de jeito nenhum, e quanto mais você lê, parece que mais páginas tem. Sério, fica arrastado demais. O começo é bom, te empolga até certo ponto, mas a mocinha do livro não ajuda.

Heather Cynster é aquela pessoa que parece que o mundo gira em torno de si. Parece uma princesa que todos tem que acatar suas vontades sem ao menos questionar. É teimosa feito uma mula, e isso irrita muito no livro. Quando ela é sequestrada pelos bandidos, o livro desanda de uma tal maneira que você não acredita. É ai que entra o mocinho, o visconde Breckenridge. Ele em si convence até certa parte. Vai atrás da mocinha ao vê-la em apuros, para resgatá-la, mas ao encontrá-la acontece coisas sem nexo. Tipo, ela querer ficar com os sequestradores para tentar descobrir quem é o mandante, e ele próprio concordar com as sandices dela. E essa enrolação fica quase o livro todo. Até a hora da nossa princesa chatinha decidir que é hora de ir. Achei o visconde sem opinião perante ela. Ele é esperto, soube enganar os sequestradores, é astuto, porém perto dela isso some.
Romance mandou lembranças aqui.

O vilão é o melhor do livro. Você não sabe quem é, e porque está fazendo isso. O pouco que aparece sobre ele, nos deixa curiosa, querendo saber mais. Roubou a cena do casal morno.
comentários(0)comente



Eliete 25/04/2020

Poderia ser bom, mas...
Gente que livro arrastado! Demorei muito para finalizar a leitura.... a ideia do livro em si, é bem legal... mas é contada de uma forma tão, tão, mas tão arrastada que acaba com a vontade de continuar a leitura....mas o pior é que quero ler os outros para saber o final do enredo, que como disse é bom...
comentários(0)comente



Andressa 20/04/2020

Casal não ME convenceu
Infelizmente o romance não convenceu tanto, que em certo ponto do livro eu queria mais saber sobre as motivações pro sequestro dela do que como o casal teria o seu final feliz. Acho que a autora quis retratar um personagem masculino maníaco por controle até msm com as emoções no olhar (que nos livros, principalmente românticos, revelam mais verdade do que as palavras) que deixaram a mocinha mto insegura quanto aos sentimentos dele. Os últimos capítulos foram só sobre isso. Ele sendo orgulhoso demais pra demonstrar que ama a mocinha, e ela achando que ele não gosta dela, chegando a ser cansativo. Passando de receio amoroso, pra pura teimosia. A gente sabe q isso funciona em um enredo até certo ponto, mas em algum momento alguém tem que ceder. Teve uma hora que tava querendo pegar cada um pela mãozinha e falar "ela te ama. ele te ama. parem com isso. casem e pronto. ta feio ja ". Apesar de deixar umas pontas soltas (principalmente quanto a própria da resistência do protagonista pra se declarar pq fica óbvio que tem a ver com traumas antigos, mas ele não explicou nada, nem pra mocinha) a autora me deixou BEM curiosa. O bastante pra continuar nessa trilogia, pq ainda que a autora peque em alguns pontos, é um livro bom. Tem uma trama principal ainda n apresentada totalmente nesse primeiro volume, guardado pro último livro, o q deixou o romance do casal meio apagadinho, como algo secundário. Espero mesmo que o próximo me convença mais.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Lucia book lover 05/03/2020

História interessante mas longa e cansativa
A história deste romance é interessante por ser diferente. Permeada em torno de um sequestro, espera-se que seja dinâmica e que envolva perseguição.
Pois bem, o início da trama é realmente desta forma. Heather é sequestrada ao ir embora de um baile e Beckenridge, ao presenciar o ato, logo se vê perseguindo Heather para que possa resgatá-la.
Heather se mostra calma e determinada em posse dos sequestradores e após contar com o apoio de Beckenridge na tentativa de descobrir quem é o seu sequestrador, decide ir até o fim de encontro a ele em vez de voltar para Londres. O pano de fundo para ela é a preocupação em defender suas irmãs das garras deste terrível mandante.

A leitura se torna cansativa pois há muita descrição entre as ações. Por vezes essa enrolação se mostra desnecessária para o desenrolar da história e prejudica o apego à leitura.

Mas o casal é interessante e você torce para o final feliz.

Como se trata de uma trilogia, óbvio pela citação de 3 irmãs, você acaba preso com as demais leituras na tentativa de descobrir quem é o cavalheiro misterioso que comandou o sequestro de Heather e o motivo por trás dessa medida.
comentários(0)comente



Ju 03/02/2020

A premissa é boa
Eu até gostei do livro, mas achei que faltaram alguns detalhes, amei o casal, e a curiosidade aumenta pra saber o porquê do sequestro e inclusive das coisas que acontecem nele.
Várias partes do livro fazem referência a outros livros que aparentemente não encontramos no Brasil:(

Enfim, inciso pra quem gosta de um romance com um pouco de sobrenatural e de época:)
comentários(0)comente



Paolla Nogueira 07/11/2019

Stephanie Laurens definitivamente ganhou minha atenção
Não estava com grandes expectativas por esse livro, comecei com um único intuito de passa tempo, mas Heather e o Visconde ganharam meu coração.
A escrita da autora é um pouco mais lúdica, fantasiosa, por vezes é preciso pensar um pouco para interpretar e entender o que ela quis dizer com certas frases, isso em alguns momentos leva ao clímax da ocasião, fazendo com que determinadas cenas sejam mais intensas e importantes, mas em outros momentos fazem com que prolonguem demais algumas situações que poderiam ser menos cansativas se fossem mais práticas.
Gosto dos personagens, são bem construídos, mas sinto falta de uma explicação maior da relação inicialmente conturbada do casal, eram como foi descrito "arqui-inimigos" mas não entendi o motivo disso... como comecei por esse livro, que é o primeiro dessa trilogia, talvez tenha alguma história antes dessa, vou pesquisar pra saber se pulei alguma etapa.

Apesar desses pontos, eu sinceramente amei a história e continuarei a ler essa trilogia, estou curiosa sobre o sequestrador, sobre essa história misteriosa que temos iniciada aqui.. também quero saber sobre todo o clã da família Cynster
comentários(0)comente



spoiler visualizar
Roqueline.Ferreira 27/06/2019minha estante
Concordo !! Detestei!!




Pretenses 16/04/2019

Conquistada por um Visconde
Olá, venho falar sobre essa leitura que queria fazer faz algum tempo. Tenho que confessar que me encantei primeiro pela capa e depois pela sinopse, que promete uma ótima história. Mas, essa série é derivada de uma série maior, então você como eu pode sentir alguma curiosidade sobre as histórias anteriores. Mas a trama central dessa trilogia flui tranquilamente sem essas mesmas histórias.



A história começa nos apresentando a Heather Cynster, que próxima dos 25 anos, já está ficando fora do tempo para casamentos. Mesmo sendo da alta sociedade o tempo é contra ela. Porém sendo uma Cynster, se nega a casa por conveniência e almeja um casamento por amor ou casamento algum. E assim, numa noite ela vai em busca aventuras fora de seu círculo social. Afinal não encontrou o que buscava em seu próprio meio: - Seu próprio herói, um que a deixe completamente extasiada e pronta para a felicidade conjugal.
.
.
.
Quer saber mais? Leia no blog Pretenses!

site: http://www.blogpretenses.com.br/2019/02/resenha-conquistada-por-um-visconde.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Rafaela Regis 14/02/2019

Conquistada por Um Visconde - Stephanie Laurens
Eu simplesmente amo quando vejo séries de romances históricos, ainda mais sendo da Stephanie Laurens, então quando vi Conquistada por um Visconde tive um mini surto e o resto é história.

O livro começa e forma bem diferente e isso já me agradou bastante, sim tem aquele famoso prazo de validade espirando e tal, mas o que eu estou dizendo é que tem ação logo no começo do livro, mas calma!

Heather Cynster é uma jovem que já está passando da idade de casar e por isso sofrendo ainda mais pressões para tomar tal passo em sua vida, mas ela sempre encontra defeitos nos pretendentes, pois ela está em busca de seu herói da vida real e sabe que ele não vai estar nos chatos bailes da sociedade, e sendo assim ela começa a procurá-lo em lugares não tão convencionais. Mas ela não contava com um protetor relutante de sua virtude na forma de um dos amigos de seus irmãos.

No entanto um acontecimento não planejado se mete na vida da jovem que está sempre em busca de aventuras, sim esse acontecimento fascinante vem na forma de um sequestro! Sim! Ela é sequestrada na saída do tal baile em que ela estava buscando o seu herói.

E quem vai ao resgate de tal acontecimento, ninguém mais ninguém menos do que o Visconde Breckenridge, que foi o dito cujo que a colocou para fora do baile e é a pessoa que ela menos gosta no mundo, então já deu para perceber que vem coisa por aí!

Conquistada por um Visconde da autora Stephanie Laurens faz parte da série das Irmãs Cynter, que aqui no Brasil ele é o primeiro volume, porém na verdade ele é o decimo sexto livro da série dos Irmãos Cynter, ou seja tem coisas que acontecem aqui que não entendemos muito bem, enfim.. baile que segue.

O que falar de Heather, sim ela é uma mocinha decidida e sabe o que quer, só que no caso dela isso não funciona tão bem porque simplesmente o que é certo ou errado na cabeça dela só funciona para sua conveniência e porque estou dizendo isso: quem no mundo é sequestrado e quer ficar na companhia dos sequestradores para descobrir por quem foi sequestrada... Heather!

Isso mesmo, a mocinha tem várias chances de fugir do seu cárcere, está na companhia de seu salvador, vulgo Breckenidge (relutante, mas tá valendo) e continua lá! E só sai quando os sequestradores são pegos por um acaso do destino e a coisa fica feia.

Então começamos a acompanhar a "fuga" do casal de volta para casa, sim pois até então ficamos no dito sequestro sem pé nem cabeça porque o motivo e simplesmente levá-la para o "Chefe" que a quer para esposa! Oi?!

Mas sinceramente para mim o ponto alto não foi o casal ou até mesmo o sequestro e sim o "Chefe", a quem nos deixa com a pulga atrás da orelha sempre, sim eu estou curiosa para saber quem é ele e já fiquei feliz porque vai ter o livro dele sim!

Um ponto que me deixou bastante frustada na leitura foi que mesmo não gostando dos personagens, foi o fato do livro se arrastar até a morte, todos os eventos pareciam que levariam anos para acontecer e o livro ser muito descritivo (muito mesmo!), em alguns livros isso é ótimo mas no caso desse isso deixou a história ainda mais lenta e frustrante! Frustante do tipo:

"Está chovendo! As gostas de chuva batem na janela de vidro. A gota de chuva começa a descer lentamente pelo vidro da janela. A gota escorregou até o fim da janela de vidro e evaporou."

Argh! Devo dizer que parei a leitura várias vezes e só não abondei porque é um histórico, mas juro foi por muito pouco que não abandonei de vez!

Sim! Esse livro não é para fracos e confesso que foi o primeiro que peguei que me deu vontade de parar! No ais vamos aguardar o próximo livro e torcer para que seja o do "Chefe" e seja bem mais emocionante do que esse!

site: https://dlivros.blogspot.com/2019/02/conquistada-por-um-visconde-stephanie.html
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Rose 19/09/2018

Falta pouco para Heather Cynster ser considerada "passada" para a sociedade. Cansada de esperar pelo herói tão sonhado, ela vai a um baile de reputação duvidosa. Mas sua alegria dura pouco, pois o visconde Breckenridge, antigo amigo dos Cynster não pensou duas vezes em mandá-la para casa.
O que ambos não esperavam é que Heather fosse sequestrada antes de entrar em sua carruagem. Em uma corrida desesperada, Breckenridge tenta alcançar os sequestradores e salvar Heather.
Ele não contava que Heather tivesse outros planos, como em descobrir quem era o mandante de seu rapto. Contrariando toda a lógica Heather segue em cárcere, enquanto Breckenridge acompanha os raptores de longe.
Com poucas informações conseguidas e sem mais tempo para esperar, Heather e Breckenridge fogem em plena Escócia, tendo apenas um ao outro. Eles precisavam chegar as terras do irmão de Heather, o que não seria nada fácil, pois além de estarem a pé, o frio escocês que planejou o sequestro estava no encalço dos dois.
E em meio a esta fuga, tanto Heather quanto Breckenridge perceberam que os sentimentos que nutrem um pelo outro estão mudando.
Breckenridge só pensa em proteger Heather a qualquer custo e quando ela estiver em segurança, pensaria em um modo de fazê-la entender que juntos seriam felizes, e tirar de uma vez a ideia dela ficar solteira.
Mas a pergunta principal é, quem é este misterioso e perigoso escocês que está atrás das Cynster.
Eu confesso que esperava mais do enredo. Até gostei dos personagens, o problema é que achei a narrativa um pouco travado, com alguns acontecimentos sendo esticados desnecessariamente.
Em compensação, este misterioso escocês me encheu de curiosidade, o que me faz querer continuar com a série.

site: http://fabricadosconvites.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Cris Paiva 18/07/2018

Heather Cynster é sequestrada na saída de um baile, por ordem de um escocês misterioso, e o Visconde Breckenridge vê a cena e decide seguir a carruagem que leva a pobre mocinha indefesa para resgatá-la na primeira oportunidade.
Só que quando a oportunidade chega, a mocinha não quer ser resgatada! Pode isso?
Pode sim, Heather é esperta e tem um plano. Ela quer saber mais sobre o homem que mandou sequestrá-la, quer descobrir quem é ele e porque quis sequestrar uma das irmãs Cynster, e ela no caso, foi apenas a primeira que apareceu no caminho dos sequestradores. Ela sabe que não descobrir quem é o seu sequestrador, suas irmãs também estarão em risco.
Breckenridge concorda com o plano de Heather, mas até certo ponto. Ele não quer correr o risco de perdê-la para o escocês misterioso. E chega o momento em que o casal tem de tomar uma atitude e fugir para as montanhas para se esconder do sequestrador.

O romance do casal até que foi bonitinho. Eles se conheciam apenas dos eventos sociais e Heather mal havia reparado no visconde, mas os dois formaram uma boa dupla. O problema que eu vi foi que as situações se arrastaram demais; primeiro, a parte do sequestro até o “resgate” da mocinha demorou muito e depois eles passaram dias fugindo pelas montanhas e sendo perseguidos pelo escocês.
Agora, a melhor coisa do livro foi o tal Escocês misterioso! Confesso que torci mais por ele do que pelo tal mocinho que a autora arrumou.
Amanda Caldeira 18/07/2018minha estante
Verdade, o vilão é o melhor personagem. Doida pra chegar no último livro e ver a história dele!!!




49 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4