A Garota do Calendário - Julho

A Garota do Calendário - Julho Audrey Carlan




Resenhas - A Garota do Calendário - Julho


103 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7


Saah Beatriiz 09/05/2020

Mia vai para Miami em Junho dançar em um videoclipe de um cantor famoso. A grande lição desse livro é aprender a lidar com a suas decisões e superar traumas do passado.
Eu não consigo nem imagi ar o quanto é difícil para mulheres qie sofreram algo semelhante conseguirem superar e seguir em frente. Os sentimentos e medos que Mia demonstra mexeram muito comigo, nenhuma mulher deveria passar por isso ou se sentir assim.

E para completar, certo personagem que eu simplesmente adoroooo reaparece e eu digo FINALMENTEE! Agora me pergunto será que vai dar certo? O jeito é continuar lendo e vê o final dessa série!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Michelle 08/03/2020

A Garota do Calendário Julho
Mia está em Miami. No 7° livro da série, ela será a estrela do vídeo clipe do cantor de hip hop Anton.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Emi 12/05/2020

Gostei de julho por ter um pouco de amor novamente. Esse papo de Mia diguidindiguidin não vou amar, eu sou Power, resolvo todos os problemas dos outros, estava me irritando. O desfecho de junho fez essa série voltar legal em julho.

Enfim um personagem que gosto tem mais interações e a Mia sai daquela personagem sem emoção.
comentários(0)comente



Jéssica (@aequipenerd) 10/06/2020

Opinião curta!!
Comparado ao volume anterior julho muito bom, mas como livro mesmo e história é fraco, insosso e mostra o completo despreparo da autora (que aparentemente não fez qualquer pesquisa) para falar de transtorno de estresse pós-traumático. É interessante ver como as coisas foram perdendo o rumo dentro da série que começou legal e se tornou algo bem desastroso. Uma reaparição mexe com as coisas e torna tudo menos crível e absurdo. Confesso que desde maio tem visto a série como uma sucessão de decisões errada.
comentários(0)comente



Queilinha 18/02/2020

Clichê de um jeito muito bom...
Pode parecer meio clichê esse 7° livro, porém, não deixou de me fazer sentir aquela pontada de expectativa para o que iria acontecer, torcer para que ela superasse o trauma, e finalmente deixasse seus sentimentos virem à tona e desabrocharem.
Ver a Mia surgir de um trauma e se tornar uma pessoa mais forte do que nunca foi bem legal de ler.
O Anton também foi uma surpresa, a forma como ele tentou ajudá-la e se preocupou com ela, provou mais uma vez que ?as aparent enganam?.

Realmente está difícil parar de ler. Saber como vai ser daqui pra frente nessa nova fase da vida de Mia, me deixou com aquele gostinho de quero mais...
comentários(0)comente



Cah 14/04/2020

Mia continua sua saga.. mas não o um favoritado da série!
?Os pensamentos negativos são plantados como uma semente no cérebro e, uma vez que crescem, tomam conta da mente,infectando a nossa capacidade de enxergar a verdade e a beleza de forma clara?
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



thaamuniz 23/05/2020

Após um final de mês traumático, Mia está em Miami para participar de um videoclipe de um cantor de Hip-hop famoso.
Enquanto ela tenta se adaptar aos ensaios e aos novos clientes, Mia tem flashbacks do tenso momento que passou com o filho do seu cliente anterior. Seus amigos se mantem muito preocupados, enquanto Mia tenta manter a postura de que está tudo bem.
A autora conseguiu fazer com que eu sentisse toda tensão e medo de Mia, ao relembrar aqueles momentos. Me coloquei na pele das mulheres que infelizmente passam por essa situação e carregam consigo marcas emocionais difíceis de esquecer.
Outro ponto positivo neste livro é Wes, já que eu ansiava por um encontro dos dois, principalmente neste momento.

"Paraíso. Wes não mentiu. Nosso tempo juntos, o mês que tivemos, o reencontro em Chicago, todos os telefonemas, mensagens e tudo o mais, eram parte do pacote. Um lugar aonde eu poderia ir e ser eu mesma, viver a vida, ser feliz."
comentários(0)comente



Déh 26/04/2020

Julho é um mês para superar traumas, fazer novos amigos e se entregar definitivamente ao Amor...
comentários(0)comente



Katleen.Xavier 18/06/2020

Oh
Após alguns meses trabalhando de uma forma arriscada agora algo deu errado e Mia encontrou um cara mau. As cenas são muito dolorosas de ler. A trama ganha mais escuridão
comentários(0)comente



sophiambferraz 26/05/2020

achei importante que o livro trouxe o trauma sofrido pela personagem, além das diversas outras coisas que tornam a leitura boa
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



103 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7