A Protegida

A Protegida Bia Braz




Resenhas - A Protegida


17 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Silvia.Souza 21/12/2017

Pior que o primeiro...
Achei esse segundo livro tão extenso (desnecessariamente) quanto o primeiro... Primeiro porque no começo a Kat narra parte do primeiro livro o que ficou maçante... Também achei muito confuso o envolvimento dela no tal atentado... As brigas constantes e as voltas dos dois também ficou muito chato... O livro poderia ter acabado no julgamento, aliás a autora perdeu uma ótima oportunidade. Depois do julgamento a história perdeu totalmente o enfoque e ficou absurdamente irritante... Tanto que desisti antes do final...
comentários(0)comente



Paula Faria @blogliteralmenterosa 12/05/2017

Misterioso,intenso, fascinante e sensual!!
Nicholas Spencer, Lyon como costuma ser chamado, é um aclamado jovem e brilhante jogador de futebol e estudante de Ciências Nucleares, acostumado a ter tudo, todas as mulheres o querem e ele não se faz de rogado, aproveita o que a vida tem de melhor. Isso funcionava muito bem pra ele até conhecer Katzen em uma festa, uma jovem que gosta de aproveitar a vida, mas que não se rende aos encantos de Lyon, ela o desafia, ela o instiga e seduz, mas é arrisca e não dá bola pra ele. Em contrapartida, uma nova estudante na universidade, muçulmana e totalmente misteriosa o deixa incomodado, mexe com ele, ao mesmo tempo que o instiga com sua aura misteriosa, com seus costumes e por apesar de ser desprezada por suas origens, não se intimida ou foge dos seus objetivos.
Duas mulheres opostas: uma é tempestade, quente, destruidora e a outra calmaria, tranquila e acalenta. Uma queima e a outra abranda. Mas ao mesmo tempo o deixam louco, intrigado, envolvido e Nicholas vê seu mundo mudar, se abrir e aos poucos vai se envolvendo em um mundo de intrigas, paixões, segredos, conflitos e tramas internacionais onde o passado volta com força e nem tudo, alias nada é exatamente o que parece ser, porque o que mais afastamos é o que mais nos seduz.
Sem fôlego e apaixonada!! Nesse livro maravilhoso, brilhante e muito bem escrito, desenvolvido e elaborado, conhecemos a historia de Nicholas, Katzen e Lisy, 3 personalidades que se repelem e se atraem e vamos acompanhando o desenvolvimento de em enredo muito bem construído ao longo das páginas. Notamos o crescimento e desenvolvimento de Nicholas que aprende a olhar mais ao seu redor, a observar melhor as pessoas e situações e a dar valor ao sentimento, ao amor que surge e nos preenche de tal forma que não nos deixa escapar. Katzen teve momentos que me irritou por ser tão forte e ousada, mas ao mesmo tempo fugir, fugir de algo que se notava ao longe e Lisy ganhou minha empatia de cara, por ser decidida e por colocar juízo na cabeça de Nicholas quando necessário rsrs Fora a paixão que queimava entre Nicholas e Kat, toda a atração inquietante entre eles, palpável, densa e cheia de descobertas e apaixonante, nesse livro temos muito mais, sim senhoras e senhores, A Protegida nos conta uma história cheia de tramas, de armações e fatos sobre o atentado que vitimou o pai de Nicholas entre outras pessoas, foi um crime forte, com motivos políticos e ao longo do enredo descobrimos envolvidos, vitimas e culpados, bandidos das piores espécies capaz de tudo e qualquer coisa contra quem interferir seus planos.
É tudo fascinante, forte e muito bem escrito, mais uma vez fui capturada pela escrita inteligente da autora, os temas abordados, o amadurecimento, o choque de realidade e o amor, porque esse livro fala de amor, de vários tipos, desde o materno ao de amigo e eu só posso dizer que não sei porque demorei pra ler essa maravilhosa obra recheada de muita sensualidade e com um enredo de tirar o folego, super recomendo!! Parabéns novamente a autora!!!
comentários(0)comente



Tatiana.Bianque 17/02/2017

Mais 1 para os Favoritos !!!
Superou todas as expectativas! Pense em uma história com muitas reviravoltas, agora multiplique pelos personagens, e nem assim você vai chegar perto do que é essa história! Maravilhoso...
Me enganei pensando ser só mais um romance, é uma trama de cair o queixo, intensa, envolvente, avassaladora; com temas polêmicos, suspense, cenas quentes, amizade e futebol.
Tudo começa com uma muçulmana recatada e um jogador de futebol mimado e convencido, daí em diante, você acompanha o crescimento pessoal dos personagens, aprende com suas experiências, seus medos e insegurança, chora e sorri com eles, e tenta desvendar cada novo fato que se apresenta, a cada mistério, mais um segredo e a cada segredo um novo mistério, é de arrepiar, tem de tudo um pouco nesta história que foi temperada com propriedade e muito zelo. Apaixonante do início ao fim.
Foi perfeito, não ficou nenhuma ponta solta nesta confusão toda, valeu cada página. Recomendo muito esta aventura!!!
Um incentivo, retirei esta frase do centro da história: " Não se sabe o quanto é bom ser livre, até que grades sociais e muros de intolerância nos aprisione."
Mel 18/02/2017minha estante
Hummm fiquei curiosa para ler. Mais um para minha lista de desejos!


Bianca.Arede 20/02/2017minha estante
undefined




Thaís 15/12/2016

Dupla personalidade? <3
Dividida em três partes, a obra caracteriza-se com temas atraentes e bem dispostos na trama. Religião, preconceito, polêmica e atualidades são retratados de forma espontânea e concisa, dando ao leitor a percepção de estar diante de um filme instigante e repleto de mistérios.
Nicholas Spencer é um famoso jogador de futebol, carinhosamente chamado de "Lyon", "Leãozinho", não somente pela sua personalidade autêntica e dominadora, mas também, pelo seu nome. Sua vida no campo e nas baladas tem uma reviravolta quando conhece Kat.
Kat aparece e some misteriosamente, na mesma proporção. Linda, exuberante e também cheia de personalidade atrai tanto Spencer, tanto quanto seu irmão que, infelizmente tem um vício cruel em drogas. Entre conversas e defesas pessoais, ele aparece na vida dela e ambos são atraídos magneticamente para o campo do outro. No entanto, ela não está sempre disposta e assim como surgiu, tem a mesma facilidade de desaparecer, deixando o leãozinho com o coração na mão.


Ninguém escolhe estar só. Ficamos sozinhos até aparecer alguém que valha a pena.


Contudo, o campo acadêmico está cheio de novidades, uma delas é uma novata que parece estar sofrendo bastante preconceito. Com sua burca e vestes especiais, Lisy não mantém contato com ninguém, tampouco parece querer se socializar. É guiada ao campus por seu segurança e teve a sorte de cair nas garras de Nicholas, que parece sentir certo apreço? Pena? Nem ele está certo sobre seus sentimentos por ela.
Ora no campo, ora na faculdade, Spencer sente desejo ardente por Kat, carinho e amizade por Lisy, mas essas garotas estão cheias de problemas e dificuldades dos quais dependem suas vidas.


O amor supera barreiras, é um crescimento contínuo. Não é um sentimento de pessoas perfeitas, mas com ele, somos levados à perfeição.


Mesclando romance, sedução em uma narrativa envolvente e instigante, Bia Braz escreve uma história nova para mim, não tinha lido nenhum romance que já tivesse mencionado ou usasse como tema: futebol, atentados, religiões muçulmanas e outros temas bastantes atuais e que são retratados muito bem.

A capa é linda, a diagramação e divisão da obra também, exceto por alguns erros de grafia e/ou digitação, A Protegida é um romance que me conquistou pela maneira que me entreteve e proporcionou belas reflexões durante a leitura.





site: http://viajenaleitura.com.br/2016/10/resenha-a-protegida-bia-braz.html
Nay 19/11/2017minha estante
undefined




Aline 29/11/2016

Misterioso
Nicholas Spencer é um famoso jogador de futebol, rico, é acostumado a ter todas as mulheres aos seus pés. Quando conhece a intrigante e misteriosa Katzen, ele logo se interessa por ela , mas não entende o motivo dela fugir tanto. Ao mesmo tempo em que ela parece querer se entregar, no momento seguinte, ela foge. Envolvido nesse jogo com Kat, Nicholas tenta de todas as maneiras convencê-la a se entregar, e ela se esquiva, enlouquecendo-o cada vez mais com suas atitudes.

Paralelamente, uma nova aluna começa a cursar ciências nucleares na sala de Nicholas. Lisy é uma muçulmana que vive reclusa em seu canto, interagindo o mínimo possível com os outros alunos e sofrendo diversos tipos de preconceitos. Após presenciar alguns acontecimentos bastante sérios e salvá-la de algumas situações, Nicholas acaba se aproximando de Lisy e eles desenvolvem uma amizade inusitada. Com seu jeito correto e doce, Lisy desperta o melhor em Nicholas.

Quando ele dá por si, está interessado nas duas, tanto em Kat, quanto em Lisy. Enquanto uma o enlouquece, a outra o tranquiliza. Dois opostos, uma difícil decisão e segredos que irão abalar o destino dos três.

Nicholas, ou Lyon, como é conhecido em seu time, é lindo e arrogante na mesma proporção. Sem se importar muito com relacionamentos, sejam amorosos ou de amizade, ele não se preocupa muito em conhecer a fundo as pessoas que estão por perto. Acostumado a não depender de ninguém, além de sua mãe Diana, sua irmã Lílian, e sua prima Melissa, que cuidam dos seus negócios, ele mantém-se afastado de todos, mantendo apenas uma amizade de muitos anos com John, companheiro de time. Apesar de toda sua arrogância, Nicholas é cativante e em muitos momentos, bastante divertido, principalmente quando refere-se ao Leãozinho. Lyon, sem dúvida, é apaixonante. ♥

"Deixe o amanhã no amanhã." (p. 273)

"(...) Entre a razão e a emoção, a lealdade e a traição, ouviria o coração. Eram duplas decisões. Duplos destinos. Uma decisão. Um futuro." (p. 283)

Katzen é um furacão que chega e vira a vida de Nicholas de cabeça para baixo. Cheia de problemas, carrega uma enorme culpa e, por conta de toda essa culpa, teve algumas atitudes que me irritaram bastante. Misteriosa e algumas vezes um tanto confusa, confesso que em muitos momentos senti vontade de socar a cara dela, mesmo entendo seus motivos. Ela é meio bipolar. Se abre e cinco minutos depois se afasta. Tentando se proteger e proteger Nicholas.

"(...) Quando não vivemos intensamente, deixamos de dar à vida o devido valor." (p. 134)

Lisy é tímida e inteligente. E em alguns momentos, pacata até demais. Aguenta diversos desaforos calada. Carrega traumas de acontecimentos passados que a deixaram assim. A amizade com Nicholas trouxe a ela certa segurança. E Lisy, por sua vez, mostrou a Nicholas uma nova perspectiva de vida.

"(...) A aproximação dela o fez dar um olhar a si encontrar sentido na amizade, na simplicidade, na humildade e no altruísmo." (p. 145)

Uma história onde os personagens secundários são tão importantes quanto os principais. Todos muito bem caracterizados. Os que mais me agradaram foram: Melissa, prima de Nicholas; Natan, segurança de Lisy; e o sheik, protetor de Lisy.

A história é narrada em terceira pessoa e divida em três partes: Parte I - Dupla personalidade; Parte II - A protegida; e Parte III - Ameaças. No início a história não me prendeu tanto, mas com o desenrolar dos fatos, fui me apegando cada vez mais aos personagens e aos acontecimentos. A autora criou uma trama bastante criativa e, apesar das setecentas páginas, bastante fluída.

"Sabemos a solução para os nossos problemas, no entanto, procuramos apoio para as decisões erradas as quais queremos conivência." (p. 379)

"- (...) Descobri que felicidade não e ter uma vida perfeita e sim decidir ser feliz." (p. 668)

(+) Confira a resenha completa no blog.

site: http://literalizandosonhos.blogspot.com.br/2016/11/resenha-protegida-bia-braz.html
comentários(0)comente



One Books Oficial 28/11/2016

Resenha "A Protegida""
RESENHA:
Nicholas, Katzen e Lindsay...
Três pessoas e três modos de viver totalmente diferentes. Mas que irão se envolver de forma tão intensa, quanto misteriosa e avassaladora.
Nicholas Spencer é um famoso jogador de futebol do Clube Liverpool e promissor estudante de Ciências Nucleares. Rico, bonito e muito mulherengo, acostumado a ter tudo que quer em um estalar de dedos. Egocêntrico, não se envolve sentimentalmente com ninguém até que tem sua vida virada do avesso por uma misteriosa ruiva de olhos azuis e uma árabe coberta da cabeça aos pés.
Após ganhar uma importante partida de futebol, ele e seus companheiros de time resolvem comemorar a vitória em uma casa de festas. Lá, Nicholas é fisgado por uma estonteante ruiva, chamada de Katzen, mas o encontro dos dois não acabou como ele queria. E nem o seu com Lindsay.




Lindsay é uma jovem muçulmana que irá estudar na mesma universidade que Nicholas e no mesmo curso. Para o azar dos dois, no primeiro dia de aula de Lisy, seu segurança estaciona na vaga que seria de Nicholas. Até ai tudo bem para Nicholas, só que ela também pega “emprestada” sua cadeira na sala. Nicholas releva tudo e tenta se manter afastada da árabe, até que um dia ele participa de uma provocação a moça e logo depois se sente arrependido do ato.



Aparentemente, duas mulheres diferentes e com perspectivas de vida diferentes. Nicholas começa um relacionamento com as duas, uma intensa atração com Kat e uma amizade com gostinho de mais com Lisy. Confusão assola o coração e mente de Nicholas e agora que ele irá escolher?
“Por que querer as duas, se não podia tê-las?
E se pudesse ficar com alguma delas, quem escolheria?
O que faltava em uma que a outra completava?
Duas mulheres intrigantes e misteriosas, porém com diferenças extremas.
Uma o deixava eufórico, alvoroçado; outra lhe apaziguava.”




“A protegida” não se trata nadinha de um romance clichê, o que me surpreendeu bastante ao longo da leitura. O livro é permeado de mistério, reviravoltas e revelação dos mistérios que nos intriga no começo do livro. Ainda trata de um assunto muito comentado no momento: o bullying.
Depois do atentado em Londres, a sociedade inglesa não ver com bons olhos os muçulmanos e sua religião e isso para Lisy é um infortúnio na universidade.
E foi ai que me vi fisgada por Nicholas, por que apesar do seu lado cafajeste e pegador, ele se sente compelido a proteger Lisy dos ataques dos seus colegas de classe.
Apesar do tamanho do livro, “A protegida” é uma leitura fluida e intrigante.
É tudo tão eletrizante que a curiosidade só deixa você se dar conta da vida quando termina a leitura.



“Frequento porque tenho que viver. Bem ou mal, é melhor continuar vivendo...”

Agradeço ao blog "Conchego das Letras" que me trouxe a oportunidade de conhecer o trabalho da Bia, eu amei, confesso que me assustei com o numero de paginas no inicio, mas a leitura flui muito bem!!!
Obrigada pela oportunidade de conhecer seu trabalho, espero ter a oportunidade de ler outros!!!


site: http://onebooksoficial.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Ariane 11/11/2016

A protegida
Resenha

Nicholas Spencer, é um jogador de futebol famoso em Liverpool, cheio de marra e introspectivo, se acha o máximo, não da muita atenção aos seus amigos e família, pouco se importa com o que está acontecendo com eles. Sua única atenção é para si mesmo. Apesar de estar cursando Ciências Nucleares, jogar no Real Madri é seu maior sonho. Até conhecer Kate e Lisy ambas mudaram totalmente seu modo de ver a vida.

Nicholas nunca se apaixonou, sempre teve as mulheres que queria e não queria ao seus pés. O que mais tinha eram mulheres querendo realizar suas vontade. As tais Maria-Chuteira. Nicholas porém, não imaginava que conheceria Kate, uma garota intrigante, que viraria sua vida de cabeça para baixo.



"Converse com ele, descubra o que aconteceu. Não dificulte o que é fácil. Perder pessoas que significam muito, dói demais. Então não adie por orgulho o que você pode resolver com humildade. Pior é perder alguém por falta de diálogo."

A protegida - Bia BrazKate é uma ruiva linda e misteriosa, porém está comprometida. Aparece e some sem Nicholas perceber. Ela guarda muitos segredos, que ao longo do livro vão se desenrolando. Pouco a pouco, desvendamos seus mistérios, muitas vezes antes do próprio Nicholas, que fica perdido em meio a tantos segredos e uma paixão avassaladora, a qual ele jamais imaginou sentir.

"Porque querer as duas, se não podia tê-las? E se pudesse ficar com alguma delas, quem escolheria? O que faltava em uma que a outra completava? Duas mulheres intrigantes e misteriosas, porém com diferenças extremas..."

Além de Kate, Nicholas também conhece Lisy, que começa a estudar na sua sala ,na faculdade, e entra na vida de Nicholas para mudar sua história. Uma garota totalmente diferente. Ele não consegue ver sua beleza exterior, e é isso que o faz conhecer seu interior tão bondoso. Lisy precisou mudar, esconder sua identidade após um atentado que matou muitas pessoas, algumas muito importantes, mas Nicholas não sabe disso. Para ele é só uma garota Mulçumana muito especial.

"...Não compreendia porque se sentia tão ligado a essas duas pessoas ultimamente, uma que o fazia repensar conceitos outra que deixava todas as células do seu corpo revoltadas."

A vida para Lisy não é fácil, ela vive presa, sua unica liberdade é quando está na faculdade, porém sofre muitos julgamentos e preconceitos devido as suas origens. É isso que a aproxima de Nicholas, pois o mesmo sente a necessidade de protege-la. Isso os torna grandes amigos, e Lisy consegue ajudar Nicholas a repensar em suas atitudes.

A protegida - Bia Braz

"Ela tirou a importância, negando. Não aceitava seus cuidados com facilidade, mas era assim que Nicholas se sentia: impelido a resguardá-la. por toda a vida, sempre foi indiferente a tudo. A aproximação dela o fez dar um olhar a si e encontrar sentido na amizade, na simplicidade, na humildade e no altruísmo."

Não é só mais um romance, é uma história envolta em mistérios, sedução, segredos... Aborda temas como religião, preconceito, sucesso, dinheiro, amor, maldade, intolerância...

O livro foi separado em três partes, a autora ao invés de escrever uma trilogia, preferiu fazer um livro só, por isso ele tem 700 páginas. Achei a primeira parte um pouco enrolada para desenvolver a história, achei que poderia ter um pouco menos de páginas assim não ficaria uma leitura tão cansativa no começo.

Acontecem muitas coisas boas no livro, mas que se eu contar perde a graça. O legal é ir descobrindo durante a leitura. Eu adorei as reviravoltas da história, às vezes eu pensava uma coisa, dali a pouco eu mudava meu pensamento, dai me enganava, rs.

Gostei muito da história, e já quero conhecer as outras histórias da autora.

"- Sabe Spencer, mesmo que eu não demonstre, e mesmo que às vezes seja ingrata, eu adoro ter você em minha vida. - Cobriu seu rosto de beijos doces - Mesmo sendo errado, quando estou com você, tudo se torna mais fácil - declarou transparente enquanto ele acariciou suas costas. - Eu me tranquilizo por saber que seu coração é difícil, assim, não preciso me preocupar me não fazer você sofrer quando tiver que ir de verdade."

site: http://www.livrosdanane.com/2016/11/resenha-protegida-bia-braz.html
comentários(0)comente



Paraíso das Ideias 02/11/2016

Resenha
Olá
Pessoal,
Hoje temos resenha Nacional, e é com muita honra que apresentamos não só a obra, mas também a autora, pois Bia Braz é a mais nova membro da família Paraíso!!!

Este é o primeiro livro da autora que eu leio, e que tal começar falando da capa? Que Deus Grego é esse? E o olhar dessa mulher? Simplesmente amei o suspense da capa, e acredite, toda a história tem um toque de suspense que deixa a leitura mais empolgante.

Vamos conhecer os três principais personagens da obra: Nicholas, Kat e Lisy.

Nicholas é um renomado jogador de futebol. Ele é mimado e está acostumado a ter todas as mulheres que quer, e sempre esta com duas ou três de uma vez.
“Era o filho caçula, e sua mãe, demasiadamente condescendente, sempre o cobriu de manias e mimos... Talvez por isso ele não tivesse criado laços maiores com o mundo ao seu redor.”

Kat é uma linda jovem ruiva, de olhos azuis. Ela vive presa em sua casa, e seu objetivo maior é aproveitar a vida e a pouca liberdade que ainda tem, pois com a ajuda de um amigo ela consegue sair de casa e aproveitar as festas e baladas da cidade. Ela quer aproveitar a vida, sem amarras, mas quando conhece Nicholas vê sua vida virar de cabeça para baixo, e surge uma paixão proibida.
“ Katzen era um fascinante enigma, e a cada minuto ele tinha mais certeza do quanto a queria. Quanto mais ela o intrigava, mais ficava louco por rete-la. ”

Lisy, é a muçulmana da Universidade de Liverpool, esta cursando ciências nucleares, na mesma sala de Nicholas. Ela sofre muito preconceito, gerado por suas vestimentas e sua etnia, porém ela é muito madura, e suas frases e lições são muito impactantes. Deixo aqui para vocês algumas pérolas de Lisy, que me marcaram.
“Não. É melhor ter o que é ruim primeiro. A sensação do que é bom deve superar á do que é ruim...”


“Não dificulte o que é fácil. Perder pessoas que significam muito, dói demais. Então não adie por orgulho o que você pode resolver com humildade. Pior é perder alguém por falta de dialogo.”


“O primeiro passo para reconquistar uma perda é reconhecer a culpa.”
Depois de Nicholas ganhar uma importante partida de futebol, ele e seus amigos vão comemorar em uma balada. Assim que ele chega, já aparecem três mulheres ao seu redor e começam a seduzi-lo,mas assim que ele avista a ruiva de olhos azuis, ele se despede das mulheres, e passa a observá-la. E assim ele conhece Kat, a sintonia deles é tão forte que Nicholas, tem certeza que nunca sentiu nada parecido por nenhuma mulher.

Muitas coisas acontecem, e Nicholas se envolve de forma diferente com as duas personagens. Ele sente por Kat um desejo físico sem igual, e desde quando a conheceu sentiu que ela era diferente, e aos poucos se apaixonou, já com Lisy ele sentia a obrigação de protegê-la, e adorava os conselhos que ela lhe dava.

Com o passar dos dias Nicholas começa a se envolver com Kat, porém ela continua misteriosa e sempre que ele fazia perguntas sobre a vida dela, ela simplesmente se esquivava e mudava de assunto. Mas Nicholas não desistiu, e descobriu muitas coisas a respeito dela e de sua família.

Na Universidade, Nicholas estava cada vez mais proximo de Lisy, sempre no intervalo ele tentava despistar o segurança dela para irem conversar no terraço, e como a religião dela não permitia que ela conversasse com ele, ela sempre escrevia o que queria dizer a ele. E isso só faz com que Nicholas fique confuso em relação ao que sente entre Lisy e Kat.

A historia promete muito suspense e segredos.O primeiro segredo que desvendei foi o de Lisy e Kat, porem no decorrer da 2° e 3° parte do livro aconteceram muitas coisas que me pegou de surpresa.

A Autora fez o livro como se fosse uma trilogia em um único volume, separou ele em 3 partes, e apesar de eu ter apenas falado sobre a primeira parte, pois não quero dar spoiller, garanto que as outras duas partes são tão empolgantes quanto a primeira.

Confesso que de inicio eu me assustei com o tamanho do livro, mas a leitura é tão gostosa que quando você percebe já esta quase terminando e pedindo BIS.
“Sabemos a solução para os nossos problemas, no entanto, procuramos apoio para as decisões erradas as quais queremos conivência.”

E para finalizar deixo mais uma mensagem que me marcou, e olha que não foram poucas viu, rs .
“A verdade é dura de entender. A realidade tem riscos e incerteza. Porem, a verdade e baseada em amor e real, em amizade. Não buscada na ilusão, na atração física. Mas a verdade exige escolha. Enfrente ou esquivar-se?”
Beijos e até a próxima .

site: http://paraisodasideas.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



LT 28/10/2016

Hoje tenho o prazer de trazer uma resenha muito especial para mim, isso acontece pelo fato de que conheci a Bia muitos, muitos e muitos anos atrás, lá no ápice da série Crepúsculo, pois a criação de fanfics era uma coisa muito comum e foi nessa época que me deparei com esse livro em questão. Me lembro que seu nome era Dupla Indentidade e vocês não tem ideia do sucesso que essa história tinha.

No início do ano descobri que a Editora Arwen iria lançar esse livro e fiquei completamente alucinada. Precisava ter o Leãozinho na minha casa e precisava para ontem! Entretanto, às vezes, as coisas acontecem do jeito certo, mas pelos caminhos que não esperamos e quando percebi, ganhei o livro com uma dedicatória que é a coisa mais linda do mundo.

Vou parar de enrolar e contar sobre o livro para vocês.

Então...

A Protegida conta a história de Nicholas, ele é um jogador de futebol muito famoso, mulherengo e um tanto infantil que está passando por algumas dificuldades pela morte recente de seu pai. Em uma das várias festas que ele frequenta, o nosso jogador conhece Katzen, uma mulher incrivelmente linda, porém muito misteriosa que tem o dom de desaparecer e afastá-lo como ninguém antes conseguiu. A atração entre os dois é imediata, mas ela, diferente de todas as outras mulheres, nega o sentimento que sente por ele.

Por outro lado, na faculdade, ele conhece uma outra garota, Lisy, e de uma forma inexplicável, uma grande amizade surge. O problema é que Lisy é muçulmana e Londres está passando por um grande problema por causa do terrorismo e o preconceito com esse povo.

O livro segue em torno dessas três pessoas, o Nicholas completamente apaixonado tenta de tudo para convencer Katzen que é o homem ideal para ela, mas a cada dia que passa ele descobre mais e mais mentiras e se vê em meio a uma rede de conspiração que jamais imaginou que pudesse acontecer.

Confesso que quando olhei para o livro tomei um baita susto, sério, ele é muito grande. Contudo, tenho que dizer que é uma leitura que vale e muito a pena, pois não temos um livro apenas de romance. Aqui encontramos uma linda história de amor, com uma dosagem de comédia, drama e ação que deixa o leitor simplesmente fascinado.

O livro inteiro é narrado em terceira pessoa e a escrita da Bia é muito leve e fluida. Confesso para vocês que teve momentos da história em que eu ri, mas ri tanto, principalmente por causa do Nicholas, porque ele é uma pessoa tão divertida que cativa todo mundo. O fato dele falar do seu próprio...er... pênis, como se fosse uma segunda pessoa, é completamente hilário. hahaha.

Se eu já falei sobre o Nicholas, tenho que falar da Katzen e tenho que dizer que tive raiva dela em muitos e muitos momentos, mas conforme o desenvolver da trama é apresentado, isso mudo e vemos que ela é uma garota extremamente altruísta que carrega um peso tão grande em suas costas que é totalmente justificável as suas atitudes.

Uma coisa que gostei e muito do livro, é que a autora o usou para tratar de um assunto tão polêmico e atual, que faz a gente parar e pensar em determinadas atitudes. Quero parabenizar aqui a Bia pelo fato de ter abordado tão bem a questão do preconceito religioso e a questão de as pessoas confundirem os radicais islâmicos com os verdadeiros muçulmanos.

O fato do livro ser dividido em três partes: Dupla Personalidade, A Protegida e Ameaças, é um dos fatores que justifica o tamanho do livro. Mas tenho que dizer, ele pode parecer grande demais e isso pode levar o leitor a pensar que talvez haja alguma enrolação ou algo do tipo, mas não, tudo acontece quando tem que acontecer e tudo faz um sentido absurdo que no final deixa o leitor de boca aberta, tanto que li o livro em quatro dias.

Quanto a edição, tenho que parabenizar a Editora Arwen, está linda! Desde a capa até a divisória dos capítulos, sem contar o tamanho da letra que está perfeita para a leitura e as páginas amareladas que tanto gosto. Entretanto, encontrei uns errinhos de revisão, mas nada que prejudique a leitura.

Não sei o que dizer para vocês exceto: leiam! Vale e vale muito mesmo a pena se envolver e se apaixonar por essa história incrível.

QUOTES
“O amor supera barreiras, é um crescimento continuo. Não é um sentimento de pessoas perfeitas, mas com ele, somos levados à perfeição.”

“É melhor ter o que é ruim primeiro. A sensação do que é bom deve superar à do que é ruim. Para esquecermos.”

Eles eram troca, amor, companheirismo. Kat não era um fardo ou parasita se alimentando da sua vivacidade. Eram a felicidade um para o outro. Uma relação de simbiose.

Ninguém escolhe estar só. Ficamos sozinhos até aparecer alguém que valha a pena.

Ela descobriu que para os erros, sempre existe uma nova chance, e que para aquilo que sempre consideramos impossível, existe o que nos leva a ultrapassar barreiras: a fé, a esperança, o perdão e o amor. Dentre esses, o mais importante é o amor. O amor supera barreiras, é um crescimento contínuo. Não é um sentimento de pessoas perfeitas, mas com ele, somos levados a perfeição.

Resenhista: Mayara Milesi.

site: http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Carolina DC 24/10/2016

A trama é narrada em terceira pessoa e gira em torno de três personagens: Nicholas, Lisy e Katzen. Nicholas é o garoto popular, astro de futebol americano na universidade. É o típico garoto mimado, que se acostumou a ter todas as mulheres aos seus pés e que não ouve "não" como resposta. É por conta disso que quando conhece Katzen fica tão alucinado. Katzen não dá a mínima para ele e não fica imediatamente apaixonada por Nicholas, o que a torna um desafio para o rapaz.
"Como se não bastasse o fato de ela ser suficientemente gostosa, dizendo não e sendo difícil, despertou um Nicholas distinto, que não sabia perder. Queria-a, ainda que para provar que ela era tão acessível como outra qualquer". (p. 63)

Enquanto começa a sua "perseguição", Nicholas se vê mais e mais envolvido emocionalmente por Katzen, mas aparentemente a situação não é recíproca. Katzen aceita sair com o rapaz desde que os dois mantenham o status de sem amarras.
"Nicholas observou-a sem ação virar a esquina. Sentia-se impotente por não poder deixá-la em casa, por deixá-la na rua como uma menina qualquer... Quando ela não era uma qualquer para ele. Não mais". (p. 155)

Em paralelo, o protagonista conhece a tímida Lisy, "a garota muçulmana da universidade". Lisy é gentil, inteligente e amiga e desperta em Nicholas sentimentos de proteção. Conforme o protagonista vai equilibrando todos os pontos de sua vida, ele se vê preso emocionalmente a duas mulheres completamente diferentes.
A forma como a autora Bia Braz conseguiu abordar questões sociais relevantes de forma sutil e delicada é perceptível em seu livro. O leitor se encanta e se frusta com os personagens, sentindo-se dentro da história. As reviravoltas na trama são construídas de forma lenta e em alicerces fortes e quando ocorre as revelações, o leitor fica encantado e surpreso.
"A protegida" é uma obra intrigante, com personagens carismáticos e um cenário real. Em relação à revisão, diagramação e layout a editora Arwen realizou um trabalho excepcional. A parte interna do livro é repleta de detalhes, imagens em preto e branco e a revisão é minuciosa.
comentários(0)comente



Blog De Bem Com a Leitura 17/10/2016

Nicholas é um jogador de futebol famoso, ainda está na universidade e sempre usa a sua fama para conseguir vantagens com as mulheres. Embora seja o astro do time, ele não tem um relacionamento mais profundo com seus colegas, pouco se interessa pela vida dos outros e só enxerga o próprio nariz. A família o apoia em todas as decisões e o ajuda com publicidade, contratos... Um homem muito bonito e que onde passa causa euforia entre as fãs.

Mas ele começa a "diminuir o ritmo" com a mulherada quando conhece a Katzen, uma ruiva linda que lhe chamou atenção com sua indiferença por ele. Katzen é uma jovem misteriosa, Nicholas tenta se aproximar dela mas nunca tinha experimentado a sensação de não ser desejado. Estava acostumado com dezenas de mulheres aos seus pés e quando uma o rejeita, ele sente a necessidade de conquistá-la. Para inflar seu ego, talvez.

Aos poucos ele vai conseguindo conquistá-la e eles começam a se envolver, mas Katzen nunca revela algo sobre si, está sempre dando respostas evasivas e misteriosas. Ela sempre diz que é melhor que ele não saiba a verdade sobre o seu passado e sua vida, também não assumem o relacionamento pois, por alguns motivos, ela não pode. Kat quer curtir a vida, ao lado de Nicholas ela vive bons momentos mas não pode se expor e sempre diz que um dia irá embora, que seu tempo com ele está acabando, que não quer ter laços. Quanto mais se envolve, mais Nicholas quer desvendar seus mistérios e domá-la de uma vez por todas.

Já na universidade, Nicholas conhece a Lisy. Ela é muçulmana, vai de burca para as aulas, é muito inteligente e é alvo constante do demais alunos, é perseguida aonde quer que vá. Ela tem um segurança particular, mas dentro da universidade está sozinha e praticamente se isola. Quando Nicholas percebe que a perseguição passa dos limites, toma à frente e começa a protegê-la, chegando a evitar situações terríveis. Lisy não confia em ninguém e demora a confiar em Nicholas, mas quando vê que ele só quer o seu bem, começa uma forte amizade.

O que Nicholas sente pelas duas é totalmente diferente. Com Lisy ele se sente protetor, ela é sua melhor amiga, a única em que ele realmente pode confiar e a torna sua confidente. Com Kat é mais desejo, paixão e sente que poderia ter um relacionamento sério se ela lhe desse essa chance. Mesmo tendo diferentes sentimentos pelas duas, Nicholas sabe que o que sente por elas é intenso.

Duas mulheres enigmáticas, que vivem sob regras rigorosas e que se tornam essenciais na vida de Nicholas. Cada uma com seu jeito, cada uma à sua maneira.

Leia mais no link > http://vocedebemcomaleitura.blogspot.com.br/2016/10/resenha-protegida.html

site: www.vocedebemcomaleitura.blogspot.com.br
comentários(0)comente



Carol e Felipe 04/10/2016

Maravilhoso
Resenha: A Protegida
Autora: Bia Braz

Segredos,bandidos e muito amor. Você é capaz de tudo para ser feliz?
Kat é uma menina prodígio que por tamanha inteligência foi sentenciada a uma vida conturbada e privada de se relacionar com tudos e todos. Até mesmo ter que mudar sua vida e seu nome para se salvar.
Nicholas Spencer é o queridinho do futebol,um garoto mimado que achava que podia ter tudo o que queria.Mas como será a vida dos dois a se encontrarem?
Eu fui lendo esse livro com calma e tentando adivinhar tudo, mas a autora sempre colocava um elemento surpresa para que o leitor possa ver que nem tudo é o que parece.
Ver o sofrimento e a dor que Kat passou e como se fechou foi surpreendente,e ela nos mostra que às vezes por algo ruim que temos que fazer, sem querer aceitamos tudo de ruim que as pessoas possam retribuir pois na visão de Kat ela merecia isso.
Nicholas aos poucos vai mostrando que nem tudo é o que parece ser e a cada capítulo de menininho mimado ele vai se tornando um grande homem. Apesar deles serem os personagens principais, a autora envolveu tanto os outros na trama que a gente acaba ficando ansiosa por saber o final dos outros personagens também.
O livro foi perfeito,sem brechas ou pontas soltas a autora soube utilizar bem todo o conteúdo do livro, sem que aja a necessidade de você ficar matutando algo que passou em branco. E isso na minha concepção, é muito difícil pois eu sempre sinto falta de algo e nele ficou completo.
Parabéns, Bia, pois seu livro mostra que não existe barreiras para o amor,que se ambos quiserem vão lutar por um final feliz. Mesmo quando a outra parte não é tão forte assim.
Tinha horas que tentava entitular ou dar um gênero para o livro o que foi uma missão impossível mesmo ao estar escrevendo uma resenha.
O livro é completo com muito romance e cenas fortes,suspense policial e um pouco de drama, então esse é mais um livros que classifico como multi gênero e perfeito em todo seu enredo.
Se você quer um livro que te faça suspirar,chorar,rir muito e ainda assim te fazer virar a noite de sono ansiando o próximo capítulo com toda certeza esse livro tem que ir para sua lista de leitura...
Que o mundo tenha um pouco do amor de Nicholas e Kat. Não importa as pedras que a vida colocam no seu caminho,cabe a você decidir levantar e lutar ou simplesmente se acovardar.
Nota 10!

site: Lunáticas por Romance
comentários(0)comente



Iarla.Ribeiro 21/09/2016

A Protegida
A Protegida é o tipo de leitura onde o leitor sente um mix de emoções de amor a ódio, de riso a lágrimas, de tesão a 'tesãzão'

Fiquei puta de raiva com Kat em vários momentos, raiva mesmo. Mas gostei do livro todo. O fim foi ótimo.

No começo, achei Nicholas muito jovem em seus 22 anos, e o imaginei diferente, mas dá pra acompanhar bem a evolução dele como pessoa e como homem. Não tem como não se apaixonar.

E ele ser tarado daquele jeito é muito real, porque homem que é homem morre, mas não deixa de dar prioridade ao sexo.

Gostei da forma como Lyon trata Leãozinho, como eles são apaixonantes!??

Acima de tudo, é uma leitura que mostra como ninguém é perfeito, mas em nome do amor e por amor nos tornamos melhores.

Lindo, tenso, romântico e safado. Isso o descreve.
comentários(0)comente



Patricia 13/09/2016

Surpreendente
Bom terminei de Ler o livro "A Protegida " da minha amiga Bia Braz e nossa uau, são tantos sentimentos contraditórios que as vezes vc se pega querendo matar os personagens principais outrora querendo carrega-los no colo por serem tão fofos e apaixonantes e volta querer mata-los novamente...kkk. Katrina, Nicholas e Junior vão ficar marcados para sempre em meu coração mesmo por que eu já era apaixonada pela historia antes mesmo dela virar livro, mais um certo Sheik também me fez vê-lo com outros olhos, o que dizer agora acho que eu deveria ter lido um pouco mais devagar...kkk. Bia obrigada por nos dar mais motivos para viajar por esse mundo mágico da leitura, e espero ansiosa os próximos livros... Mais uma vez obrigada pela leitura deliciosa"EU AMEI LER A PROTEGIDA"
comentários(0)comente



17 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2