Noite Sombria

Noite Sombria Daniele Oliveira




Resenhas - Noite Sombria


8 encontrados | exibindo 1 a 8


Helô Delgado 06/09/2016

Uma fantasia que vale a pena
*Essa resenha é de minha autoria e foi originalmente publicada no blog I Love my Books.

Noite Sombria trata-se do primeiro volume de uma saga do gênero ficção com elementos fantásticos. Se você é do tipo de pessoa que gosta de ler esse estilo de livro, prepare-se para se deparar com várias criaturas fantásticas e elementos sobrenaturais. Metamorfos, feiticeiros, bruxas, demônios, fadas, vampiros, entre outros; dão vida à história de Laura, uma Vantaec.

A personagem é uma mulher forte que se encontra confusa devido aos recentes acontecimentos em sua vida, mas nem por isso se deixa abalar e se torna estagnada. Ela ergue a cabeça e enfrenta as situações de forma digna e com irreverência. Em diversos momentos ela tem a habilidade de fazer piadinhas em diálogos sérios, o que deu uma característica divertida à leitura.

Laura está engatinhando no que condiz a aprender, dominar e saber usar seus poderes na hora certa. Para isso ela conta com a ajuda de vários personagens secundários, a começar por seus melhores amigos: Ana e Rafe. Eles são seres humanos que acreditam na reviravolta de sua vida e ajudam-na a entender e aceitar o que está acontecendo.

Além deles, ela ainda conta com outros seres fantásticos e seus novos amigos, como Alan e Benjamin. Alan, o estranho com quem ela passou a noite, é o personagem que a apresenta ao mundo sobrenatural, e tenta manter um relacionamento com ela. Entretanto suas constantes mudanças de humor e de posicionamento a deixam ainda mais confusa a respeito de suas reais intenções. Já Benjamin, que aparece um pouco depois, se envolve com a personagem em determinado momento e enriquece a leitura. Ele é engraçado, amigo e leal. Sua presença faz com que diversas situações sejam mais leves, sempre se posicionando ao lado de Laura quando ela precisa.

Ainda existem outros personagens importantes para a trama, como Arabele e Vlad; seus pais, que aparecem pouco no decorrer da história; e tantos outros. Eu não vou entrar em detalhes sobre esses personagens para não revelar tanto sobre o enredo.

O final da trama foi muito bem elaborado. Enquanto li, fui imaginando quem era o responsável pelos mistérios que acontecem no decorrer do livro, e mais de uma vez mudei de opinião. Para mim, isso indica que a autora domina a arte de desenvolver um bom enredo, já que quando você pensa que está tudo resolvido, se dá conta de que ainda existe muita coisa a ser desenrolada.

O livro foi cortesia da Editora Arwen e eu gostei muito da escrita da autora. Sem erros gramaticais e com boa diagramação, experienciei uma leitura fluida e envolvente. Como esse gênero de leitura fantástica não é o que eu costumo ler, me surpreendi por ter gostado tanto. A autora conseguiu, em sua primeira obra, mesclar romance, suspense, mistério, fantasia, irreverência e realidade. Não é uma leitura que te deixará angustiado, nem preocupado, mas com certeza vai te fazer sorrir e será interessante. Aguardo o lançamento do segundo volume.

site: http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/09/resenha-noite-sombria.html
comentários(0)comente



Resenhas e Tudo Mais 16/11/2016

[Resenha] Noite Sombria
Na hora em que olhei para esse livro vi que iria amar a história (o que não foi diferente na hora em que li). O livro também já me chamou a atenção pela sinopse que é totalmente envolvente. Então vamos parar de falar e vamos a resenha!
Após perder o emprego, Laura faz uma tatuagem e resolve sair para uma balada com sua melhor amiga Ana. Chegando lá Ana some de suas vistas e ela resolve se divertir sozinha, quando começa a dançar conhece um rapaz bonito chamado Alan. Ela acaba passando a noite com ele. No outro dia ela acorda assustada sem se lembrar de nada por culpa das bebidas. Estava tudo calmo até que ela olhou para sua tatuagem e se assustou com o aumento de tamanho. O que ela não sabia é que o rapaz com que ela passou sua noite era um feiticeiro.
Ela descobre que é a última de uma raça maligna e poderosa, Vantaecs. - Vantaecs são os filhos de Lilith e um anjo. Laura é chamada para trabalhar na Maxia, uma empresa que trata de humanos mais principalmente de casos sobrenaturais.
Enfim.Eu amei a capa, a sinopse, a diagramação... Tudooo!

Um pouco dos personagens...

Laura, os amigos a apelidaram de Lac. É uma mulher decidida, que sabe o que quer, teimosa e corajosa, não muda de escolhas facilmente. O livro gira em torno dela, pois é a personagem principal.
Rafe, assim gosta de ser chamado Rafael. É o sensivel do trio, entende muito sobre sentimentos. Dividia o apartamento com Ana. Gay, gerente de uma loja de roupas masculinas, amante de moda e de tratamentos de beleza.
Ana, melhor amiga de Laura. Psicológa, tinha seu próprio consultório e bastante clientes. Quer sempre ter uma resposta para tudo, que de inicio, não acredita muito na história de Laura. Gosta muito de bebidas e festas.
Alan, o cara da balada. Bonito, ombros largos, alto, sorriso e lábios de tirarem o fôlego, olhos castanhos como chocolate e um cabelo levemente ondulado. No meio da trama ele se torna parceiro dela na Maxia, fazendo os dois trabalharem lado a lado.
Ben, como gostava de ser chamado Benjamin. Dono do Spelunca. Alto, forte, cabelos encaracolados, curtos e escuros, olhos verdes, uma barba curta e um sorriso arrogante.

Espero que vocês tenham gostado. A resenha foi um pouco mais longa, mais valeu a pena ler! Assim como o livro.

Avaliação

Capa: 5/5
Diagramação: 5/5
Livro em geral: 5/5

site: https://resenhasetudomaisbr.blogspot.com.br/2016/10/resenha-noite-sombria.html
Lolah 06/08/2017minha estante
undefined




Gessica 30/12/2016

Leitura altamente recomendada!!
O livro Noite Sombria é o primeiro volume das Crônicas Noturnas, recebi o livro em parceria com a autora Daniele Oliveira e quando comecei a ler simplesmente não consegui largar.

O mesmo foi publicado pela editora Arwen e já ganhou um grande espaço no meu coração. Venha saber mais o que achei e não se preocupe, tem vídeo também!


Laura Cruz é a nossa divertida e adorada protagonista. Eu amei a personagem e me identifiquei muito, afinal, a Laura é gente como a gente. No começo da história, a Laura está passando por uns problemas, está desempregada e não consegue arrumar um emprego descente. E mesmo não podendo gastar ela resolve fazer uma bela tatuagem que traduz tudo o que ela acredita.

Ana, sua melhor amiga, a chama para ir a uma boate. Querendo dar um up em sua vida, ela resolve ir e lá ela começa a beber. Sua amiga a deixa para ficar com um boy e ela se vê sozinha, até que encontra um lindo homem sedutor que a beija. Acontece que Laura tem um apagão e só acorda no dia seguinte em um local totalmente desconhecido e sem roupa. Ela olha em todo o seu corpo para verificar se seus rins ainda estão lá e logo começa a procurar as suas roupas, porém, quem sai do banheiro e a vê é o cara gostosão da boate.



Só que enquanto vestia as roupas Alan repara em algo nas suas costas que o assusta.

- Que criatura você é? Descende de qual povo ou criatura?
- Homo Sapiens é uma resposta válida para a sua pergunta?
Página 17
Obviamente, Laura não entende o que ele quer dizer e ele lhe explica que tem uma tatuagem enorme em suas costas com símbolos estranhos. Ela fica chocada já que uma tatuagem daquela magnitude deveria ser passada por várias sessões em um tatuador e não aparecer de um dia para o outro. Com isso, Alan, o homem gostosão, começa a lhe falar que é feiticeiro e que Laura agora corre perigo.



Ela sai correndo do local pensando que ele é louco, mas Alan acaba seguindo-a e insiste que ela lhe ouça. Ele explica que ela está exalando muito poder e que coisas ruins estariam atrás dela e que ele seria sua única forma de proteção. Laura não acredita, mas sua vida nunca mais foi normal depois deste dia.

Laura é atacada por espíritos e a única forma de se ver salva é com Alan e assim ela conhece a Máxia, uma empresa de advocacia normal para humanos, mas que pega vários casos sobrenaturais para resolver. Naquele local, ela descobre que é descendente de alguma espécie mística e acaba sendo contratada pela Máxia e sendo parceria de Alan. Ela também consegue descobrir os poderes de outras pessoas e certo dia ela conhece Ben.



Benjamin, ou apenas Ben, é um metamorfo do tipo lobo e fiquei muito histérica quando descobri isso, pois o animal que me representa é o lobo. Obviamente já senti toda a química entre eles e amei o jeito safado dele.

- Se fizer essa boquinha mais uma vez, eu vou parar esse carro e te beijar até amanhecer - Ben parou um instante, rindo de minha reação.
Página 107



Enquanto Ben vai conquistando o nosso coração de uma forma incrível, Alan, o homem que antes era perfeito vai se tornando um completo babaca. Acontece que coisas estranhas e sombrias estão acontecendo ao redor de Laura e ela tem que descobrir o que é.

Eu adorei a forma como a autora Daniele construiu a personalidade de Laura, ela é uma mulher forte e que não se faz de coitadinha. Ela usa os seus poderes como pode e tenta lutar por aquilo que acredita.



O livro tem 317 páginas e devorei todas elas em um único dia, simplesmente não conseguia parar de ler. Confesso que já virei fã da autora e estou louca para ler os próximos volumes. A revisão do livro esta impecável e a diagramação do livro é bem feita, tem ilustrações nas páginas onde ficaria em branco no verso, mas a única coisa que não me apeguei muito foi a capa, não sei, Noite Sombria me parece passar outra mensagem que a capa não passa.

A narração dos livros é feita por Laura, o que torna tudo ainda mais divertido e envolvente. De fato, uma das minhas melhores leituras em 2016 e altamente recomendado!

site: www.cantinhogeek.com
Mariany 12/12/2017minha estante
Estou lendo ele *-*




Dayenne Machado 16/02/2017

Perfeito
A personagem principal,Laura Cruz é super divertida do começo ao fim. Adorei sua personalidade. Laura perde o emprego logo no início do livro e isso pesa muito para cima dela, uma vez que seus pais esperam que ela saia de casa e se torne uma pessoa independente. Laura decide fazer uma tatuagem que viu num livro antigo que o avô lhe mandou de presente de aniversário. É um símbolo que representa tudo que ela acredita. Laura conhece Alan através de uma festa e passa uma noite com ele. Depois da incrível noite com Alan uma tatuagem misteriosa aparece nas costa de Laura, e com isso tudo na sua vida muda. Ela acaba descobrindo ser uma Vantaecs uma raça antiga e extremamente poderosa. Laura vê o mundo mudar diante de seus olhos e acaba ingressando numa aventura sobrenatural.


O livro me prendeu de uma forma inacreditável. A história e cheia de detalhes e também de mistérios, os personagens foram muito bem elaborados. A personagem principal tem uma personalidade incrível. Tem um pequeno romance na história nada clichê. ConfeSso que o lobo conquistou meu coração. A autora está de parabéns o livro foi muito bem trabalhado. Senti todos os sentimentos narrados pela personagem, desde o medo, a dor, a paixão, o desejo... Noite Sombria e um livro fantástico, a leitura e de fácil compreensão e de imaginação.


site: https://palavrasseletas3.blogspot.com.br/
Clarinha 19/07/2017minha estante
Estou lendo esse livro e sério estou amando de mais!!!




Rub | Epílogo em Branco 10/01/2018

Poder, inimigos e uma Noite Sombria
Laura Cruz perdeu o emprego que tanto gostava e com ele sua independência está longe novamente. Para superar essa fase ruim ela decide fazer uma pequena tatuagem e sair para curtir a noite, no dia seguinte Laura percebe que sua pequena tatuagem agora está cobrindo toda a suas costas e que aquele símbolo na verdade é o símbolo de uma antiga e poderosa raça, os Vantaecs. Laura vê sua vida mudar completamente com o peso de descobrir que as criaturas sobrenaturais existem e de ser a única Vantaec viva. Quando assassinatos ritualísticos começam a acontecer a jovem desconfia de que alguém próximo a ela possa estar envolvido.

“– Você não entende, não é? Nesse exato momento sinto uma magia poderosa vindo de você, pode ser que nada aconteça hoje, mas amanhã todos os monstros que conhece dos filmes podem estar batendo na sua porta e então, amor, você precisará de ajuda.” Página 24

Noite Sombria é narrado em primeira pessoa pela Laura onde a autora narra e descreve tudo de uma forma agradável e direta fazendo com que o leitor tenha facilidade em sentir o mesmo que a protagonista. A história demorou um pouco para me prender, mas quando isso aconteceu (lá pela página 160) o livro acabou valendo toda a pena. Nessa segunda parte do livro é quando ele ganha muito mais ação e o mistério fica mais envolvente fazendo com que eu não desgrudasse os olhos das páginas até ele terminar, sabe? Sem falar que foi nessa parte do livro que o meu personagem favorito da história apareceu ♥

Em relação ao fato de o livro ter demorada para me prender foi por causa dos personagens. Primeiro que senti muita falta de mais personagens femininas com importância na história, a Laura é a única mulher com importância no livro enquanto vários homens tem bastante destaque na história. E segundo que eu não consegui gostar nem do Alan nem do Ben. O Alan além de ser bem confuso a maior parte do tempo é também meio babaca e o Ben, acho que era para ele ser o cara fofo e divertido mas eu não vi graça nele. Outra coisa que me incomodou foram os romances que tinham potencial mas não vi eles serem desenvolvidos, do nada os personagens já estavam sentindo ciúmes e achando que deviam se proteger a todo custo.

Mas a Laura – ou Lac, como gosta de ser chamada – é ótima! Ela é uma mulher bem gente como a gente. Ela tem amigos e se preocupa com eles, é divertida e teimosa, mora com os pais, se acha bonita mas como qualquer um tem aqueles dias em que acaba ficando preocupada com a opinião dos outros e também tem aquelas fases onde parece que tudo só da errado.

O final foi cheio de detalhes e apesar de que eu já desconfiava de certos personagens ele foi um final surpreendente, principalmente em relação ao meu personagem favorito, a revelação sobre ele foi chocante.

Acredito que esse tenha sido o primeiro livro de fantasia que li que tem uma protagonista adulta e foi uma experiência bem legal (já quero ler mais livros assim). Ah, e apesar de o livro ter uma protagonista já adulta ele não tem nenhuma cena que não possa ser lida por um adolescente, então se você está procurando uma fantasia urbana para ler, Noite Sombria é uma boa opção.

E aproveita e dê uma (ou várias) chance para os livros nacionais. Eles são tão incríveis quanto os livros americanos ;)

“Acreditar no impossível não faz de você uma pessoa pior... apenas dá outras respostas ou opções para perguntas e problemas que aparecem diariamente. Certas coisas não existem e outras apenas não possuem provas de que existam, isso não as torna irreais.” página 33

site: http://www.epilogoembranco.com.br/2017/12/resenha-noite-sombria-daniele-oliveira.html
comentários(0)comente



Conchego das Letras 07/10/2016

Resenha Completa
Olá, pessoal, tudo bem com vocês? Hoje lhes trago a resenha de um livro muito divertido e que apesar do nome, pode lhes garantir boas risadas. Trata-se do livro Noite Sombria da autora Daniele Oliveira, ele foi publicado pela Editora Arwen e teve seu lançamento oficial na Bienal do livro e o que posso dizer? Adorei!

A personagem principal, Lac, ou Laura Cruz para os demais, é super divertida do começo ao fim. Adoro sua personalidade e foi ela uma das principais razões para este livro se tornar tão queridinho para mim.

Lac perde o emprego logo no início do livro e isso pesa muito para cima dela, uma vez que seus pais esperam que ela saia de casa e se torne uma pessoa independente. Irritada por ver o seu sonho de independência ir embora mais uma vez, Lac decide fazer uma tatuagem que viu num livro antigo que o avô lhe mandou de presente de aniversário. É um símbolo simples: uma lua, ondas representando o mar, o sol e 5 pontinhos que representam a magia.

Beleza, é uma tatuagem lindinha que vai no seu pescoço, e fica muito charmosa, porém, o que Lac não imagina é que essa tatuagem vai levá-la a entrar numa confusão danada. Imagine que você vai em uma festa, conhece um cara muito gato e acorda na cama dele... Oi? É isso mesmo o que acontece! Lac acorda ao lado de Alan, um cara que diz ser um... FEITICEIRO! E é nessa hora que o livro se torna, além de cômico, muito misterioso. Adoro como a Daniele consegue mesclar mistério com comédia. Eu realmente achei irreverente.


Alan, o cara lindo e completamente doido no ponto de vista dela, diz que ela também não é humana... E uma tatuagem imensa aparece em suas costas; é uma árvore cheia de galhos e símbolos antigos. Como se não bastasse essa maluquice toda, a pobre da Lac passa a ver muita gente morta e coisas estranhas que tentam agarrá-la.


Na boa, eu adorei a forma como ela descobre pertencer a uma raça antiga chamada de Vantaec e a forma como a autora trabalhou isso, sem se tornar clichê. Daniele inovou.
Nessa parte, Lac vai ter que se virar nos 30 para aprender mais sobre si mesma se quiser ajudar a combater o mal que se aflora de todos os lados. Para isso, ela vai trabalhar em uma empresa nada convencional chamada Maxia, onde nem todo mundo é legal, porém, como saber quem é o traidor, o vilão? Todos parecem suspeitos e em uma noite sombria, ela terá que descobrir o quão poderosa é. Eletrizante, maravilhoso e viciante. Enquanto não terminei de ler, não consegui parar! O melhor de tudo é que o final é incrível, você fica morrendo de vontade de ler o livro 2 que, espero eu, não demore muito.

Crônicas Noturnas é uma duologia maravilhosa, que merece uma chance na sua estante. Não vou dar nenhum spoiler, aconselho você a correr conhecer essa obra AGORA MESMO!

Até a próxima, pessoal!


site: http://www.conchegodasletras.com.br/2016/10/resenha-noite-sombria-daniele-oliveira.html#more
comentários(0)comente



Carolina 01/02/2017

Resenha pelo blog Arsenal de Ideias
Quando realizei as primeiras impressões desse livro, tinha uma perspectiva muito diferente dele, em comparação com a que tenho agora. Amigos, que obra!

A protagonista Laura, ou Lac para os mais íntimos, nos conquista a cada página que passa. Diferente de Alan, o feiticeiro, que quanto mais lia mais desgosto sentia por ele. Como sempre, achei a ponta chata do triângulo amoroso. Somos apresentados também a Ben, um lobisomem super simpático e de cara já se demonstra caidinho por nossa protagonista.

O ponto alto do livro é quando uma série de assassinatos começam a ocorrer, decorrentes de um ritual de magia negra. E o pior, o causador disso parece vir diretamente de dentro da Maxia, empresa onde Lac começou a trabalhar. Do meio até o final da obra, eu estava desconfiando de alguns personagens para serem esse vilão desconhecido, mas sabe quando que, ao mesmo tempo você sabe, você também fica na dúvida? Então, eu fiquei assim até o epílogo, onde as minhas suspeitas foram sanadas.

A obra conta com muita ação, bom humor e um respaldo sobre o mundo mágico simplesmente maravilhoso. Com ela, conhecemos um pouco mais dos seres mágicos que nos são comuns e também daqueles que quase nunca ouvimos falar, além de nos fazer imergir totalmente nesse mundo.

Até o momento, foi a minha melhor leitura de 2016. Fiquei vidrada na obra do começo ao fim e agora estou louca para saber como essa história vai continuar (Poxa, Dani, não deixa a gente esperando por muito tempo não). O livro tem todos os elementos para fazer dele uma história ótima, muito bem construída e que vai te prender desde os primeiros acontecimentos. Para quem gosta de fantasia e seres sobrenaturais, essa é uma leitura obrigatória, já que traz o melhor desse mundo. É muito bom saber que a nossa literatura tem obras tão maravilhosas quanto esta.

site: https://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/2017/02/01/resenha-52-noite-sombria-daniele-oliveira/
comentários(0)comente



CuraLeitura 09/01/2018

Livro maravilhoso
Noite Sombria narra a história de Laura Cruz, uma mulher comum, mas que ultimamente tem tido sonhos estranhos.

Após ser demitida de seu estável emprego, Laura decide, em um ato impulsivo, fazer uma tatuagem que viu em um livro e sai para a balada com sua amiga. Lá conhece o lindo e misterioso Alan e sua vida muda completamente.

Ao acordar na manhã seguinte, sem se lembrar de nada do que aconteceu na noite, Laura tem uma grande surpresa ao perceber que uma imensa tatuagem surgiu em suas costas - não, não é a que ela pagou ao tatuador para fazer.

Descobre então que Alan é um feiticeiro e que todos os seres que até então só existiam em livros são reais. Entretanto, não sabe ainda o que ela é e do que é capaz de fazer.

Vlad, dono de uma empresa que presta serviço para o mundo sobrenatural - a mesma que Alan trabalha -, decide contratar Laura. Assim, sua vida começa a se reestabelecer: ela tem um emprego, um bom salário e poderá estar mais próxima das pessoas que podem ajudá-la.

Porém, terríveis coisas acontecem: 2 sacrifícios de membros de duas raças diferentes em uma única noite e uma armadilha para Laura. Seu salvador é Benjamin, um lobo.

A partir daí as coisas começam a se agitar: todos querem saber quem é o assassino e querem que ele pague pelas mortes. Ao mesmo tempo em que tentam evitar que mais mortes aconteçam.

Mas o inimigo está mais próximo do que se imagina e todos são suspeitos.

Eu não sabia que me surpreenderia tanto com um livro. Noite Sombria é um suspense sobrenatural com uma boa pitada de romance e humor. Tudo na medida certa.

A autora trouxe um universo incrível e rico e um enredo que me prendeu da primeira até a última página.

Eu me apaixonei completamente pelo Ben e algo que eu gostei muito foi o fato de que o livro tem personagens adultos e uma linguagem mais adulta. Então temos alguns palavrões, beijos quentes e a palavra sexo escrita muitas vezes - embora nenhuma cena. Hahaha

A escrita da Daniele é cativante, e apesar de o livro ter algumas pequenas falhas na revisão, a leitura fluiu bem e eu li mais de 200 páginas em um dia. Não dá pra desgrudar do livro enquanto não souber o final.

E que final...

Eu mal posso esperar pela continuação e por mais de Laura e Ben.

O material do livro, como todos os da editora, é bom. A capa é simples, com um "quê" sombrio, mas que tem tudo a ver com a história.

site: www.curaleitura.com.br
comentários(0)comente



8 encontrados | exibindo 1 a 8