Anjo Negro

Anjo Negro Lyan K. Levian




Resenhas - Anjo Negro


5 encontrados | exibindo 1 a 5


Gabs 03/04/2017

Resenha para o 1001 Nuccias: Anjo Negro, de Lyan K. Levian
Olá, leitores!
Recebi o livro do Lyan com a premissa de que seria um livro de romance LGBT, mas ele é muito mais que isso.
"Anjo Negro" é um livro sobre descobertas, aceitações, medo e amor, algo que todos nós sentimos não importando o gênero.
O romance de Kenan e Lucio é bem mais que um romance adolescente. Eu, como uma amante de David Levithan - que é um mestre em me fazer chorar com romances LGBT - amei a forma sutil como a sexualidade deles foi colocada, além de sentir que realmente é dessa forma que adolescentes tratam o diferente (tenho 21 anos e vi amigos passarem por isso na universidade e no colégio).
Além disso, o esteriótipo do "galã bad boy macho alfa" é quebrado com Kenan que é homossexual assumido mas é aceito em uma gangue de motocicletas. Outro drama comum na sociedade é o de Lucio que não se assume gay até Kenan aparecer e aceita as agressões e o preconceito como algo normal. Isso é duro de se ler - apesar de não achar as ações do Kenan para com Os Sete algo correto também - mas entendo os pontos de vista.
A visão sexual e a experiência dos dois é sutil, nada exagerado como é dito por muitos, pois amor é amor em qualquer gênero. Eu, que nunca havia lido nada do autor, amei a forma como ele montou a história e fiquei ansiando por mais de Kenan e Lucio.
Recomento muito e agradeço sempre por livros assim, para que leitores, novos e experientes, conheçam e percam seus preconceitos.

site: http://1001nuccias.blogspot.com.br/2017/03/resenha-livro-anjo-negro-de-lyan-k.html#more
comentários(0)comente



spoiler visualizar
Ana Sakura 25/03/2017minha estante
Como faço para ter um exemplar???? Me ajuda o primeiro capítulo é poucos para uma amante de romances fofos....




Yue 20/09/2016

Um livro que me encantou
Lucio Corrêa passa pelo pior do colegial, sofrendo bullying todos os dias e torcendo para que ninguém o note. E Kenan Russel não perde tempo em fazer dele seu passatempo favorito. Novato no meio do 3° colegial, Kenan não se importa com os olhares que recebe e só quer que o resto do tempo na escola passe o mais rápido possível, implicar com Lucio pode ajudar. Mas isso muda quando um ação de Lucio chama sua atenção.

Com essa premissa a história parece ser só mais um clichê colegial, mas esse livro foi uma agradável surpresa. Com uma escrita leve a história se desenrola de maneira envolvente e quando eu vi já estava me lamentando por estar nas últimas páginas. É um clichê sim, mas é uma delícia de acompanhar, ver o relacionamento dos dois evoluir e torcer por eles.

Tenho que confessar que odiei o Kenan no começo e até no meio da história. Com sua atitude de "eu sou melhor que todo mundo" ele não exatamente evoca simpatia por onde passa e o jeito como tratava o Lucio me fez xingar ele várias vezes. Do Lucio não tem nem o que falar. Ele é um fofo e dá vontade de abraçar e proteger do resto do mundo, mas ele ainda tem uma veia selvagem e surpreende com suas ações.

Mas ao longo da história a gente vê que os personagens são muito mais do que aparentam a primeira vista e o autor mostra a vida de cada um e o que os levou a serem daquele jeito.

É um daqueles livros para se ler em uma sentada. Ele passa voando e no final te deixa querendo mais daquele ritmo gostoso e personagens cativantes. E o que me deixou mais feliz ainda com esse livro foi que o relacionamento dos dois não ficou algo forçado, foi algo gradual e suave.

O que me incomodou foi que às vezes a escrita ficava muito enfeitada e isso me tirava da história. Também achei que as relações familiares poderiam ser mais exploradas e isso podia ser o gancho para uma continuação, torcendo aqui porque já estou sentindo falta dos personagens.

Só lembrando que é um livro para maiores de 18, já que tem umas partes mais quentes, que são absolutamente maravilhosas e que eu adorei também.

Dei quatro estrelas para Anjo Negro, e recomendo muito para quem gosta de uma história fofa e hot. E eu já falei que o Lucio é um fofo?

site: https://osdeliriosdeumalivrolatra.blogspot.com.br/2016/09/resenha-anjo-negro.html
comentários(0)comente



Elvis 30/08/2016

Um livro envolvente
Kenan é o garoto novo da escola. Está no último ano do ensino médio, mas como já reprovou três vezes ele é mais velho do que os outros alunos. Suas roupas são diferentes, ele se veste de preto, muitos brincos e um cabelo sempre trançado. Ao entrar na sala conquistou os olhares de asmiração das garotas ao mesmo tempo que o ódio de garotos, mas um em especial chama sua atenção, um ruivo que se senta lá no fundo da sala. Inicialmente ele está disposto a infernizar a vida do garoto, mas aos poucos ele começa a se envolver com o garoto. O garoto em questão se chama Lucio e o bullying faz parte de sua vida, mas as coisas mudam com a chegada desse anjo negro. Aos poucos a vida dos dois começam a se entrelaçar e coisas mudam radicalmente entre eles.

Eu adorei essa história, adorei a escrita do autor, uma escrita rápida e viciante, em momento algum me senti entediado. Adorei os personagens, me envolvi com eles e não queria que a história acabasse, não queria me separar deles. Adorei os protagonistas e a relação de amor e ódio deles. Adorei a personalidade, Kenan que a primeira vista parece um rebelde sem causa, mas que tem motivos pra ser do jeito que é e eu o adorei mesmo não gostando desse tipo de personagem. Lucio é um garoto timido, mas que esconde segredos obscuros e que a primeira vista se mostra muito diferente do que é. Essa história me envolveu muito. O único ponto que eu acho é que a história poderia ser mais explorada, as relações familiares também. Essa história ainda tem muito a contar. dou 5 estrelas e favorito.
Kah Takeshi 07/10/2016minha estante
Adorei sua resenha! Agora estou com mais vontade ainda de ler ^^




Thais 29/08/2016

A história do livro é bastante simples, mas extremamente encantadora, os personagens principais são fáceis de se relacionar e em pouco tempo você já está torcendo pelo envolvimento deles. O número limitado de páginas me incomodou no início, acreditei que o tempo curto de duração da narrativa, que se passa em uma semana, seria pouco para o desenvolvimento do casal, mas o autor consegue pontuar fatos importantes nesse espaço e a história se desenrola sem problemas. Porém eu realmente gostaria de ter mais páginas, tudo termina com aquele gosto de quero mais, espero que o autor ainda tenha algo para contar de personagens tão cativantes.
comentários(0)comente



5 encontrados | exibindo 1 a 5