Os Paradigmas de Amy

Os Paradigmas de Amy Alexia Road




Resenhas - Os Paradigmas de Amy


35 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


Perdidos Em Livros 16/10/2020

Os Paradigmas de Amy
Oi, minha gente. Como vocês estão?
Hoje vim aqui compartilhar com vocês mais uma experiência literária nacional. ?Os paradigmas de Amy? foi escrito por Alexia Road e publicado pela editora PandorgA em 2016.
A narrativa conta a vida de Amy Bennet, uma garota de dezoito anos que se vê tomando uma difícil decisão: casar-se com Mark, seu namorado há apenas dois meses, para salvar sua família de problemas financeiros. O que ela não esperava era que seu pesadelo estava apenas começando. Após o casamento, seu marido mostra não ser o homem respeitador e atencioso do início do relacionamento, Amy, então, começa a ter que aturar agressões físicas e verbais. Anos depois, sob a ameaça de ficar sem a única coisa que a mantinha na mesma casa que Mark, seu filho Thomas, ela sonha em se livrar daquela vida de tormento em que se enfiou.
Certo dia, Amy estava brincando com Thomas, quando ele cai de uma arvore e quebra uma de suas pernas. Ela, desesperada, corre com seu filho para o hospital da cidade, e lá conhece Matthew Harrison, um médico gentil que os trata com todo o cuidado que eles não recebem em casa.
O livro nos mostra Amy tentando lidar com a confusão que sua vida se tornou, e também procurando uma forma de fugir e viver sua vida em segurança ao lado de seu filho. Eu senti a agonia e a dor a cada agressão que a personagem sofre. Encantei-me pelo modo protetor de Amy em relação ao filho e também me apaixonei por Thomas, uma criança adorável. É um livro curtinho, dá pra de deliciar com essa história em apenas algumas horas.


A história de Amy não é muito diferente da vida de milhares de mulheres ao redor do mundo, por isso, não hesite. Violência é crime. Denuncie.

? Equipe Perdidos Em Livros, P.
comentários(0)comente



Elias.Gervanno 19/03/2017

Chocante, envolvedor, apaixonante.
Ler "Os paradigmas de Amy" foi uma experiência incrivel, emocionante e até assustadora (no bom sentido), me senti envolvido na nas primeiras páginas. A escrita do livro é simples e encantadora, o que automaticamente proporciona satisfação na facilidade da leitura.
Os detalhes descritos pela autora me fizeram ter "visões" dos locais onde se passam as cenas, sem falar nos pontos de vista que ficam bem claros, isso me causou uma explosão de sentimentos mais variados, passei por raiva, dor, alegria e admiração em todos os capítulos.
O tema que a historia aborda é um grande tabu na sociedade moderna, e sim, mesmo sendo fictício, me fez pensar sobre valores, ética e desigualdade.
Um dos personagens que mais gostei foi o pequeno Thomas, quem ler provavelmente entendera porque.
É impossível ler esse livro e não se envolver profundamente com o romance, é simplesmente chocante, audacioso e apaixonante..
Espero mais livros da autora Alexia Road, com certeza ganhou mais um fã!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Andressa.Adarque @meuladoleitora 11/09/2017

Uma história surpreendente!!
Se prepare para um turbilhão de emoções!!

A história contada é de Amy, uma garota sonhadora que vê sua vida mudar num piscar de olhos, quando é obrigada ainda jovem a se casar com seu rico namorado Mark, para garantir o sustento da família.
Em três meses de namoro Mark demonstra ser um príncipe!
Logo após o casamento, Amy se depara com um marido extremamente rude e frio.
Agressões psicológicas e abusos fazem parte do dia a dia de Amy.
Ela encontra forças para sobreviver em meio ao furacão de maus tratos, em seu amoroso filho de 5 anos, Thomas.

A vida resolve dar uma segunda chance a Amy lhe apresentando Matthew, uma pessoa boa e um verdadeiro anjo disposto a ajudá-la no que fosse preciso.

Amy conseguirá reunir forças para se livrar das garras de Mark, vencer seus medos e recomeçar?

Dor, sofrimento e amor preenchem as páginas deste livro!

Está história retrata a vida de muitas mulheres que são abusadas e destruídas por seus parceiros.
Espero que todas as "Amys" da vida encontrem um caminho florido e cheio de amor!

Adorei a escrita da Alexia, é incrível e me envolveu do início ao fim! E claro que eu não poderia deixar de indicar esta leitura maravilhosa!
comentários(0)comente



Thaynara Carolina 20/01/2021

Assuntos pertinentes muito bem retratados
Logo nas primeiras páginas eu já estava chorando. Talvez porque eu seja muito sensível, mas a forma como a autora demonstra a realidade de Amy de forma realista e sem floreios, acaba chocando o leitor logo de cara. O que eu acho uma super qualidade.

Além de toda técnica que a autora utilizou pra prender o leitor, o assunto abordado é o que precisa ser falado TODOS OS DIAS: violência doméstica, machismo, estupro, traição e abuso psicológico/moral.

Ganhei esse livro de presente em um amigo secreto da faculdade, de início subestimei o livro, mas depois de começar a ler, me deparei com 95 páginas que me fizeram repensar sobre minha própria vida. Incrível, não é?

A única coisa que me impossibilitou dar 5 estrelas foi pelo fato que a história pareceu um pouco apressada e um pouquinho fantasiada pelo lado do Matthew, mas no contexto geral, foi uma super leitura.

Me siga no Instagram @resenhasdathay

site: https://www.instagram.com/resenhasdathay/
comentários(0)comente



Jane.Dias 20/10/2017

Muito bom
Amei o livro e me impressionei com a idade da autora.
Li rapidinho e com muito gosto, escrita leve e fluída, conteúdo bem trabalhado e sem falar na capa que é maravilhosa.
O tema é forte e passa mensagens que precisam ser discutidas e pensadas pela nossa sociedade, sem deixar de lado um lindo romance, que uma mulher como a Amy merece!
Recomendo muito.
comentários(0)comente



Entrelivros_efilho 26/10/2017

Envolvente!!
Amy vivia em uma cidade pequena, com muitas tradições e onde o divorcio não era bem visto e as fofocas corriam a passos largos. Com 18 anos se viu pressionada a se casar com Mark, seu primeiro namorado da adolescência e herdeiro de uma das mais ricas famílias da cidade, para ajudar sua família sair de uma montanha de dividas. Aos 19 anos carregava nos braços o seu filho Thomas.
No início, Mark era um príncipe encantado, atencioso, mais que logo se transformou no pior pesadelo de Amy, pois, ele passou a agredi-la verbalmente e fisicamente, além de abusar dela sexualmente.
Presa ao medo de não conseguir sustentar o filho, pois, não trabalhava, medo da reação da família, medo do que o marido podia fazer caso se separasse, ela se encontra com 24 anos, perdida, cansada de ser humilhada e abusada, desejando do fundo do coração, liberdade para ela e para o filho, pois, é justamente no amor pelo filho que ela encontra forças para lutar e seguir diariamente. Somente por amor!
Depois de um incidente com o filho, Amy decide que é hora de dar um basta nessa vida humilhante e ir embora com o Thomas. Mas Mark está disposto a lhe tirar o filho se ela for embora e até mesmo mata-la se algum dia a encontrar com outro homem.
.
Adorei fazer a leitura, foi super-rápido de ler, me prendeu desde o inicio, me deixando ávida por mais.
O livro nos mostra a triste realidade de muitas mulheres, que estão presas a um casamento de fachada, sendo humilhada, desprezada, maltratada, espancada e abusada e que ficam presas nesse relacionamento, por medo e até mesmo porque não sabem como fugir.
Apesar de ter poucas páginas, Alexia abordou o tema muito bem, sem enrolação, indo direto ao ponto, nos fazendo refletir durante toda a leitura, e nos mostrando também que é possível seguir em frente.
É um livro que nos mostra que não devemos aceitar humilhação, principalmente de quem deve nos amar, e também que não podemos deixar o controle de nossas vidas e de nossa felicidade nas mãos de ninguém, nós é que decidimos qual direção seguir. .
Respeito é bom e todo mundo gosta, encaixa bem aqui, pois, não devemos aceitar nada menos que Respeito, devemos escolher todos os dias, ser feliz nem que seja preciso recomeçar diversas vezes.
.
Super indico a leitura!
.
Obrigada @alexiiafreitas pela parceria e pela linda lição que me passou através deste livro.


site: https://www.instagram.com/entrelivros_e_filho/?hl=pt-br https://www.facebook.com/Entrelivros_e_filho-1710703565630784/
comentários(0)comente



renata.correa.3 28/10/2017

lindo e envolvente
Apesar de o tema abordado no livro ser bastante pesado, a violência doméstica, a escrita da Alexia é delicada e fluida, o que torna a leitura prazerosa e envolvente. Super recomendo! História linda com uma mensagem de esperança, força e superação, muito importante.
comentários(0)comente



Emily.fonseca 03/11/2017

forte
Amy,uma jovem mulher que foi obrigada a se casar com seu namorado de escola para salvar sua família da crise, assim com a ajuda do pai de Mark, seu marido, sua família conseguiu se reerguer, deste modo seu pai acredita que ela é obrigada a se manter casada.
Amy foi mãe aos 19 anos, assim deixando todas suas ambições de lado, sua vida foi inteiramente ao filho, que é sua única razão de vida.Mark durante o namoro sempre foi um príncipe, mas logo após ao casamento se demonstrou machista, possessivo, violento e cada vez mais distante de Amy e seu filho.
Thomas, filho de Amy é apenas um garotinho de cinco anos que ja viveu muita coisa para sua idade, um garoto esperto e super carinhoso com sua mãe, sempre tentou impressionar o pai, mas nunca obteve exito, assim hoje em dia o chama pelo nome..


""Nunca pensei que isso pudesse acontecer comigo. Nunca pensei que poderia ser feliz e livre. E isso foi uma escolha minha."

Certo dia nossa protagonista e seu filho, vão brincar em uma praça, mas em um descuido de Amy, Thomas sobe e cai de uma árvore, desesperada ela corre para o hospital mais perto, mal sabe ela que sua vida está prestes a mudar de cabeça para baixo.
Matthew é um médico extremamente atencioso, além de muito lindo. Ele se encanta com a esperteza de Thomas, assim chamando a atenção de Amy, mas o certo é ela se manter afastada, pois se Mark desconfiar de seus pensamentos, ela é uma garota morta..



""A felicidade é para aqueles que a querem, os que têm força de vontade suficiente para conseguir. Os que seguem o coração e sabem a hora de quebrar os próprios paradigmas. Aqueles que fazem acontecer. E nós fizemos."


Um livro pequeno, de leitura rápida, que ficaria mais maravilhoso ainda se a história fosse mais detalhada, mas que mesmo assim não perde sua essência e nem seu encanto, a autora passa uma mensagem de apoderamento feminino, e ao mesmo tempo o medo que essas mulheres que sofrem com agressões tem, as vezes por zelar pela vida de seus filhos. Amy foi muito corajosa em algumas atitude que tomou, acho que em algum dia ela simplesmente cansou de ser usada como um mero objeto, ela tinha sentimentos.
Amei o livro e fiquei querendo mais, saber mais até da vida da mãe de Amy, que nunca escapou das algemas que a prendiam, é super indicado para todas as pessoas, principalmente para leitores que amam um drama.

site: http://livrosrabiscando.blogspot.com.br/2017/10/44-resenha-os-paradigmas-de-amy-alexia.html
comentários(0)comente



Michely 06/11/2017

Livro perfeito
Este livro conta a história de Amy, uma mulher que vive em uma cidade estagnada, onde os homens são colocados em pedestais. Casou-se muito nova, com Mark uma pessoa poderosa e respeitada. Neste relacionamento acabou descobrindo a dor, sofrimento e medo.
Os Paradigmas de Amy pode ter apenas 98 páginas, mas faz você refletir em diversos pontos, apresenta uma temática bastante atual violência doméstica, e as consequências para a mulher que a sofre.
Além da violência doméstica, outro tema foi inserido no livro, que inclusive adorei pois tive um caso na família, mas não irei dizer pois seria spoiler, mas foi retratado como eu lembro.
Eu adorei o livro, ele é curtinho e consegue te cativar do começo ao fim. E eu recomendo este livro.
comentários(0)comente



Jess 16/11/2017

Ótimo!!
Amy é uma jovem que vive em uma pequena cidade no Kansas, uma cidade aonde o machismo vive e reina entre as famílias, Amy está namorando a pouco tempo com Mark herdeiro de uma família muito rica. Com problemas financeiros, o pai de Amy vendo através de um relacionamento tão recente uma maneira de sair das dívidas, com isso Amy é obrigada a se casar com seu primeiro namorado.

" Todo mundo passa por momentos de desespero na vida. Eu mesma já havia experimentado várias situações desesperadoras e consegui superá-las. Porém, não dessa vez. Eu não estava desesperada, nem confusa. Estava perdida."

Um casamento cheio de agressões e humilhação Amy tem seu amado filho Tomas, um menino que mesmo com pouca idade tem maturidade e proteção com a mãe, que mesmo tão novo já tentou e lutou para poder agradar o pai. FORTE e CORAJOSA é uma das poucas palavras para definir Amy, que fez e faz de tudo para salvar e manter sua família.

" Tomas não parecia uma criança de cinco anos comum. Ele sempre se esforçou mais que os outro para que, assim, esperançosamente, ganhasse a aprovação do pai. "

Tomas em uma tarde no parque acaba sofrendo um pequeno acidente, porém atrais desse acidente Amy conhecerá o carinho, companheirismo e o melhor ela viverá um amor.
Paradigmas de Amy é um livro que aborda um tema forte e sem romantismo! Um livro que devia ser obrigatório não só para mulheres a ter coragem e reconhecer que estamos vivendo em um século aonde respeito é obrigatório, e também para os homens.

Agressão Doméstica foi e é algo presente na sociedade, e com esse livro eu pude me surpreende não só com a coragem que Amy possui mais também a forma que a Autora aborda o tema, uma personagem que sofreu agressões por anos, e mesmo assim foi a luta, lutou e conseguiu, porém sempre terá em mente seu passado.

" A felicidade é para aqueles que a querem, os que têm força de vontade suficiente para conseguir. Os que seguem o coração e sabem a hora de quebrar os próprios paradigmas. Aqueles que fazem acontecer. "

Com uma capa linda e uma diagramação perfeita, os paradigmas de Amy contêm poucas folhas, porém não deixa a história corrida, como muitos livros deixando a leitura cansativa, no entanto transmite em poucas folhas o que é necessário sem mais nem menos.

Uma leitura não leve haha porém fluida e simples, impossível começar e não parar, como o livro já começa mostrando a fragilidade e desespero de Amy, o anseio pelo final eminentemente.
Com personagens bem construídos e desenvolvidos a autora permite ao leitor se transporta ao momento de cada cena e torce por Amy, Tomas e Mattew — ele irá mostra o quão bom é amar—.

site: https://superamobook.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Leticia Nascimento @leticiageek 22/11/2017

Adorei você Amy :)
Amy Bennett se casou aos 18 anos com um homem muito rico, Mark, mas com a convivência, ela descobre seu pior lado. Amy fica condenada a momentos de dor e sofrimento e é obrigada a mostrar à sociedade que está tudo bem, mas seu maior desejo é ser livre.⠀

Amy foi obrigada por seu pai a se casar muito jovem com Mark. Ela acreditava que assim conseguiria ajudar sua família, mas as coisas mudaram de rumo. Depois de um ano de casados, eles tiveram um filho, Thomas e Mark se transformou completamente. Antes do casamento era como um príncipe, mas depois se tornou agressor e grosseiro, até mesmo com o filho.
Até que um dia, Amy acaba indo para o hospital depois de uma forte agressão, e então decide de uma vez por todas que não viverá assim. Depois de todas as tristezas, ela consegue se reerguer e encontrar um amor que não imaginava que poderia ter na vida.

“Os Paradigmas de Amy” tem apenas 94 páginas. Aliás, só por esse motivo que dei 4,5 estrelas porque eu gostei tanto da escrita da Alexia que fiquei triste por ela não ter escrito mais kkk

O livro conta sobre a superação de uma mulher que encontrou forças nela mesma e no amor pelo filho para enfrentar um homem que só lhe fazia infeliz, além de ter ótimas frases inspiradoras sobre como nós mulheres não devemos nos submeter a esse tipo de relacionamento.

_________
📖 Quotes:
⠀⠀
👠 “A vida sempre nos dá oportunidades, depende de nós aceitá-las.”

👗 “Ser agredida, humilhada ou ridicularizada nunca, jamais, pode ser a realidade de uma pessoa.”

💄 “Eu quero ser feliz, quero superar o que aconteceu. Quero construir uma vida e ter orgulho de quem eu sou.”

👜 “A felicidade é para aqueles que a querem, os que têm força de vontade suficiente para conseguir. Os que seguem o coração e sabem a hora de quebrar seus próprios paradigmas.”
♥️
Disponível em: Saraiva | Amazon
comentários(0)comente



Fabiana 19/12/2017

"Uma mulher dentre milhares. Uma mulher que não foi a primeira e nem será a última.Uma mulher que faz parte de uma porcentagem assustadora"
__⠀
Nossa protagonista Amy tem 18 anos,está namorando Mark,um cara muito rico,e por sua família esta passando por dificuldades financeiras seu pai à obriga se casar com ele.

Mark que até então era um príncipe encantado,mostra sua verdadeira face,um homem cruel,possessivo e agressivo.

Eles tem um filho Thomas um menininho de 5 anos,lindo e muito maduro para sua idade,Amy tenta a todo custo sempre protege-lo da agressividade do pai. ⠀

Um dia Thomas sofre um pequeno acidente e é levado ao hospital.Assim ela conhece Matthew,a atração deles é instantânea,e encontrará nele forças e apoio para enfrentar seus medos e dar um basta em toda a violência que sofre.

Os paradigmas de Amy foi um livro surpreendente,tratando de um assunto pouco falado na literatura que é a violência contra a mulher,Amy sofre todo tipo de violência,física,psicológica e sexual.Mas tudo que Amy precisava era de apoio pra descobrir a força que tinha,conseguindo assim dar um basta em tudo.Alexia aborda um tema tão real, com uma escrita incrível,envolvente, vc sofre e torce por Amy.Obrigada Alexia por nos apresentar Amy que com certeza é um paradigma,uma guerreira.
Vivemos em um país onde o feminicídio é uma triste realidade ,onde a cada 2 horas uma mulher é assassinada.
__
"_ Amy o que VC quer?(...)
_ Eu quero viver....
"Chega de sobreviver"
comentários(0)comente



Gabi Kalk 24/12/2017

Paradigmas de Amy
Foi o meu primeiro contato com a autora Alexia Road, e amei. Ela conseguiu trazer uma boa visão sobre relacionamento abusivo, durante a leitura me senti como se eu fosse a protagonista, o que foi uma experiência interessante e marcante. A Alexia conseguiu trazer um tema que as muitas vezes é escondido por baixo dos panos, o machismo, sendo que em alguns momentos é tratado como rotineiro e normal.




Em Os Paradigmas de Amy encontramos a Amy, que aos 18 anos foi obrigada a se casar com o Mark, para poder salvar sua família da falência, porém o homem que parecia um potencial príncipe encantado acaba se mostrando um machista, que vê em sua esposa como a mulher que precisa satisfazer suas necessidades, cuidar de seu filho e ser submissa. E Amy acaba se tornando realmente isso, para que ela e seu filho, o pequeno Thomas, não sofram as consequências. Quando Thomas se machuca, desesperada Amy vai ao hospital, e conhece o lindo médico Matthew, que trata super bem seu filho, o que acaba lhe chamando a atenção. Depois daquele momento ela começa a criar um sentimento pelo doutor, porém sabe que isso é errado pois é casada. Após mais uma de suas varias agressões recebidas, Amy acaba acordando no hospital, e descobre que terá mais uma pessoa que cuidará dela, depois de tanto sofrimento.

Amei o livro, vi em Amy uma mulher forte, que tenta quebrar toda a tradição do machismo que reina desde a cidade a sua família. Mesmo ela aguentando firme por causa de seu filho, todos os abusos, sabe que o relacionamento dela não é algo normal e aceitável. Sei que muitas mulheres vivem da mesma forma, seja quaisquer as circunstancias, espero que consigam encontrar a felicidade.

A leitura foi bem rápida e fluida. Recomendo este livro para todos os leitores, pois poderão ver por uma perspectiva diferente os assuntos tratados no livro, assim refletir um pouco sobre o tema.
comentários(0)comente



Lisse 04/01/2018

Real e assustador
E aqui temos mais um livro e autora que conheci na Bienal de 2017, e foi um imenso prazer conhecer a Alexia Road e conhecer sua escrita. 

Os Paradigmas de Amy é uma história forte e muito verossímil sobre uma mulher que casou muito cedo e que se viu enveredada para sempre em um relacionamento abusivo por muito anos e deste deu frutos um ano depois. Thomas é o filho de Amy e Mark, que com apenas cinco anos é a força e a razão de viver de Amy. 

Mark é um homem muito difícil de lidar e o poder que tem tanto na cidade em que moram e sobre Amy a tornam uma mulher infeliz e sofredora. 

Quote: "Humilhada. Pisada. Usada. Não havia termos que pudessem descrever melhor meus sentimentos."

Thomas por ser uma criança não entende bem o que está acontecendo, mas logo percebe que a mãe não está feliz e que com sua pouca percepção da realidade a ajuda em momentos muito importantes. E essa não poderia ser uma força melhor, porque após uma agressão que a deixa muito debilitada é o que move Amy a pensar e refletir sobre o tipo de vida que quer levar.

E nesse meio tempo conheceu um homem que trata bem seu filho como também a respeita como merece. Dr. Matthew Harrison além de ser um ótimo médico logo percebe que a vida que Amy leva não é das melhores. Suas suspeitas se tornam tão reais que a jovem mãe aparece muito machucada no hospital, levando o homem interessado dentro dele a tomar ação. 

Quote: "Amy... Deixe-me ajudá-la. Conte para mim o que significa tudo isso..."

A capa desse livro chama muita atenção, mas com certeza o que há nas quase 100 páginas é o que realmente descreve um relacionamento abusivo. Quando virei a última página e percebi que a Amy estava finalmente bem, entendi que essa não era uma história sobre como um relacionamento assim se desenvolve, mas sim sobre encontrar a força dentro de si para sair dele. 

E fiquei muito feliz e aliviada ao notar como a autora Alexia Road teve a delicadeza em desenvolver o próximo relacionamento da Amy com o Matthew, em como o Thomas foi incluído nele. Realmente é um livro real, mas que por trás tem algo de assustador. 
comentários(0)comente



35 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3